Base de dados : LILACS
Pesquisa : Meningite [Descritor de assunto] OR Mening$ [Palavras]
Referências encontradas : 5069 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 507 ir para página                         

  1 / 5069 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Alfieri, A. A
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-874957
Autor: Massitel, J. L; Wesgueber, J; Oliveira, R. A. M; Queiroz, G. R; Fritzen, J. T. T; Alfieri, A. A; Lisbôa, J. A. N.
Título: Presença do genoma de BoHV-5 no líquido cefalorraquidiano de bovinos com meningoencefalite herpética / Presence of BoHV-5 genome in cerebrospinal fluid of cattle with herpetic meningoencephalitis
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);68(2):552-552, mar.-abr. 2016. ilus, tab.
Idioma: pt.
Projeto: Mapa/CNPq; CNPq.
Resumo: The diagnosis of bovine herpesvirus 5 (BoHV-5) encephalitis is confirmed after death by laboratory methods applied to brain fragments. Alternative methods to confirm ante-mortem diagnosis are important because the disease is not always lethal. The aim of this study was to investigate whether the presence of the virus genome in the cerebrospinal fluid (CSF) detected by polymerase chain reaction (PCR) might be admitted as a method for ante-mortem diagnosis. CSF samples were taken from 14 animals suffering from BoHV-5 encephalitis, diagnosed by characteristic histopathological lesions in the brain and by identification of the virus genome by PCR in different portions of the brain. Virus DNA was detected in the CSF of 21.42% (3/14) of the evaluated animals. Ante-mortem detection of the virus genome in the CSF showed low sensitivity to confirm the diagnosis. The diagnosis is confirmed by a positive result but a negative one does not discard the disease.(AU)
Descritores: Herpesvirus Bovino 5/isolamento & purificação
Meningoencefalite/diagnóstico
Líquido Cefalorraquidiano
Reação em Cadeia da Polimerase/veterinária
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-872975
Autor: Gomes, Ana Claudia Amorim; Silva, Emanuel Dias de Oliveira e; Albert, Daniela Guimarães de Melo.
Título: Síndrome de Sturge-Weber: relato de caso clínico / Sturge-Weber syndrome: a case report
Fonte: Rev. cir. traumatol. buco-maxilo-fac;4(1):47-52, jan.-mar. 2004. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A síndrome de Sturge-Weber é uma rara condição de desenvolvimento, não hereditária, caracterizada por proliferações vasculares harmatomatosas, que envolve os tecidos do cérebro e face. Caracteriza-se por uma angiomatose corticocerebral, calcificações cerebrais, epilepsia, afecções oculares, retardo mental e nevo facial, com coloração de vinho do Porto na face. O presente trabalho teve como objetivo mostrar as principais características da síndrome de Sturge-Weber em uma paciente com nevo cutâneo bilateral em face e couro cabeludo. Serão comentadas características clínicas, anatomopatológicas e diagnóstico diferencial.
Descritores: Síndrome de Sturge-Weber/diagnóstico
Síndrome de Sturge-Weber/patologia
Síndrome de Sturge-Weber/terapia
Síndromes Neurocutâneas
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes


  3 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-872347
Autor: Araujo, Luis Carlos Arias; Magalhães, Marina Helena Cury Gallotini; López Ortega, Karen.
Título: O que é a síndrome de Sturge-Weber? / What is the Sturge-Weber syndrome?
Fonte: Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent;55(6):419, nov.-dez. 2001. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Síndrome de Sturge-Weber
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica


  4 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-871603
Autor: Pereira, Marcos Alexandre da Franca.
Título: Descompressão dos segmentos timpânico e labiríntico do nervo facial via fossa craniana média / Decompression of the tympanic and labyrinthine segments of the facial nerve via middle cranial fossa.
Fonte: São Paulo; s.n; 2015. [99] p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução: A paralisia facial periférica caracteriza-se pela interrupção, definitiva ou temporária, do funcionamento da musculatura facial. Decorre de lesão ou mau funcionamento das fibras do nervo facial. É uma enfermidade que causa enorme impacto estético e funcional. O topodiagnóstico e o tratamento da paralisia facial periférica pode requer abordagem médica e fonoaudiológica; ser exclusivamente medicamentoso ou associado à terapia de reabilitação, ou ainda, medicamentoso e cirúrgico, seguido da reabilitação da mímica facial. A via FCM tem sido usada para a descompressão do NF quando a audição precisa ser preservada. Esse acesso pode ser realizado de forma isolada, ou combinado à via transmastóidea. Objetivo: Descrever uma técnica inovadora para a descompressão do nervo facial via fossa craniana média que permite a exposição direta dos segmentos labiríntico e timpânico do nervo facial, com a preservação da função da orelha interna. Métodos: Vinte cabeças extraídas de cadáveres adultos de ambos os gêneros, sem sinais de malformação, traumatismo, doença ou manipulação cirúrgica prévia foram usados neste estudo. Os pontos de referência utilizados foram a artéria meníngea média, o nevo petroso superficial maior, a eminência arqueada, o seio petroso superior, e o plano meatal seguido no ápice petroso a partir da sua porção mais anterior e medial. Foi feita a dissecação do plano meatal, com visualização do meato acústico interno, seguido no ápice petroso a partir da sua porção mais anterior e medial até a região do gânglio geniculado. Foi aberto o tégmen timpânico e identificada a porção timpânica do nervo facial. A dissecação seguiu no sentido retrógrado da porção timpânica do nervo facial em direção ao gânglio geniculado, até a sua porção labiríntica. A aracnoide do meato acústico interno era aberta, e depois de identificado o nervo facial, a bainha deste nervo era aberta em extensão exposta. Resultados: As distâncias médias, entre o canal semicircular...

Background: Peripheral facial palsy is characterized by the permanent or temporary interruption of the functioning of the facial muscles. The middle cranial fossa (MCF) approach has been used for the decompression of the facial nerve (FN) when hearing needs to be preserved. In this work, we describe an innovative technique for the decompression of the FN through the MCF approach that allows the direct exposure of the labyrinthine and entire tympanic segment of the FN, with the preservation of inner ear function. Methods: Twenty cadavers heads were used in this study. The reference landmarks used were the middle meningeal artery, the greater superficial petrosal nerve, the arcuate eminence, the inferior petrosal sinus and the meatal plane following the petrous apex from its most anterior and medial portion. Results: The tympanic segment of the FN presented, on average, a total length of 11 ± 0.67mm to the right, and 11.5 ± 0.60mm to the left. The longitudinal lengths of bone window in the tegmen tympani were 16.8±1.67mm to the right, and 16.8 ± 1.20mm to the left. The cross-sectional lengths of the bone window in the tegmen tympani were 5.5 ± 1.20mm and 5.0±1.75mm to the right and left sides, respectively. The average value of elliptical area formed by the longitudinal and transversal lengths of the bone window made in the tegmen tympani were 72.5 ± 22.5mm2 to the right, and 65.9 ± 30.3mm2 to the left. Conclusion: The proposed technique can be used for the surgical decompression of the tympanic, labyrinthine and meatal segments of the FN through the MCF, without imposing a risk to hearing, in addition to reducing the surgical time and the risk to patients.
Descritores: Fossa Craniana Média/anatomia & histologia
Fossa Craniana Média/cirurgia
Osso Temporal/anatomia & histologia
Osso Temporal/cirurgia
Nervo Facial
Cadáver
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação
BR66.1


  5 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-871595
Autor: Soares, Iracy Silvia Corrêa.
Título: Sensibilização ao látex em pacientes com mielomeningocele na urologia do HC-FMUSP: prevalência e fatores associados / Latex sensitization in patients with myelomeningocele undergoing urological procedures: prevalence and associated factors.
Fonte: São Paulo; s.n; 2016. [110] p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: INTRODUÇÃO: A alergia ao látex é um importante problema de saúde pública, especialmente em grupos de risco que têm contato frequente com este potente alérgeno. Este estudo estimou a prevalência e os fatores de risco para sensibilização ao látex em pacientes com mielomeningocele (MMC) submetidos a procedimentos cirúrgicos urológicos no HC-FMUSP. MÉTODOS: Foram selecionados pacientes com MMC submetidos a pelo menos uma cirurgia urológica, entre 2009 e 2014.Todos foram entrevistados e seus prontuários revisados. Uma amostra de sangue permitiu que a IgE específica ao látex, a K82, e seus recombinantes fossem investigados pelo método lmmunoCAP100 (kUa/L -1). A associação entre a exposição e o desfecho foi avaliada por meio de regressão logística de Poisson, Quiquadrado ou o teste exato de Fischer, para variáveis categóricas. O teste t de Student foi utilizado para comparar variáveis contínuas (nível de significância de 5%). Foram calculados a razão de prevalência (RP) e o intervalo de confiança de 95%. RESULTADOS: Foram identificados Duzentos e doze pacientes (51% do sexo masculino, 20,4 ± 6,4 anos de idade), 68 foram submetidos a pelo menos um procedimento urológico e 51 aceitaram participar (87,9%). Vinte e nove pacientes foram considerados não-sensibilizados (IgE específica para o látex :: a 0,7 kUa/L) e 22 sensibilizados ao látex com IgE > 0,7 kUa/L. Quando comparados os dois grupos, o sensibilizado apresentou um número de procedimentos cirúrgicos maior (11,6 ± 5,9 vs 7,2 ± 5,6) e dentre eles 48,3% apresentaram alguma alergia anterior contra 27,6% no grupo não sensibilizado. A sensibilização ao látex foi independentemente associada com alergia a produtos de látex (p = 0,014) e com o número de cirurgias anteriores (p = 0,032). A alergia ao látex tinha uma razão de prevalência de 2,87 (95% Cl: 1,24 a 6,65) ajustado para o número de cirurgias. Para cada procedimento cirúrgico, ajustado à alergia a produtos que contém látex, aumentou o risco para sensibilização...

BACKGROUND: Latex allergy is an important public health issue, particularly in well defined groups who have contact with this potent allergen. This study estimated the prevalence and risk factors of latex sensitization in patients with myelomeningocele (MMC) undergoing urologic surgical procedures. METHODS: Patients with MMC that underwent at least one urologic surgery between 2009 and 2014 were interviewed and their medical records reviewed. A blood sample allowed the latex-specific lgE and its recombinant allergens by lmmunoCAP100 (kUa/L -1) to be investigated. The association between exposure and outcome was assessed by Poisson regression logistics, Chi-square or Fisher's exact compared for categorical variables. Student's t test was used to compare continuous variables (level of significance at 5%). The prevalence ratio (PR) and 95% confidence interval were calculated. RESULTS: Two hundred and twelve patients were identified (51% male, 20.4 ± 6.4 years' age), 68 had undergone urological procedures and 51 consented to participate (87.9%). Twenty-nine patients were considered non-sensitized (latex-specific lgE :: 0,7 kUa/L -:: 1) and 22 sensitized to latex with IgE > 0,7 kUa/L. The latter group had a higher number of cirurgical procedures (11.6 ± 5.9 vs 7.2 ± 5.6) and 48.3% referred some previous allergy when compared to the non-sensitized group (27.6%). Latex sensitization was independently associated with allergy to latex products (p = 0.014) and with the number of previous surgeries (p = 0.032). Latex allergy had a prevalence ratio of 2.87 (95% Cl: 1.24 to 6.65) adjusted to the to the number of surgeries. Each surgical procedure, adjusted to allergy to latex products, increased in 4% the risk for latex sensitization (PR = 1.04; 95% Cl: 1.00 to 1.09). CONCLUSIONS: The history of latex allergy and the number of surgeries were independent risk factors for sensitization to latex.
Descritores: Meningomielocele
Biomarcadores
Procedimentos Cirúrgicos Operatórios
Prevalência
Medição de Risco
Anestesia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação
BR66.1


  6 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-871443
Autor: Lemos, Marília Freitas de.
Título: Efeitos do metotrexate subaracnoideo sobre a medula espinal e as meninges de coelhos / Effects of spinal methotrexate over spinal cord and meninges of rabbits.
Fonte: Botucatu; s.n; 2014. 58 p.
Idioma: pt; en.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Faculdade de Medicina de Botucatu para obtenção do grau de Doutor.
Descritores: Metotrexato/toxicidade
Antimetabólitos Antineoplásicos/toxicidade
Medula Espinal/efeitos de drogas
Anestesia por Condução/métodos
Meninges/efeitos de drogas
Responsável: BR33.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação
BR33.1


  7 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870333
Autor: Silva Junior, Jailton de Azevcedo.
Título: Impacto da vacina pneumocócica conjugada 10-valente na meningite pneumocócica na região metropolitana de Salvador, Bahia / Impact of pneumococcal conjugate vaccine 10-valent pneumococcal meningitis in the metropolitan region of Salvador, Bahia.
Fonte: Salvador; s.n; 2015. 119 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: INTRODUÇÃO: Em 2010, a vacina conjugada 10-valente (PCV10) foi incorporada ao programa nacional de imunizações (PNI) brasileiro. Este imunobiológico confere imunização contra os dez principais tipos capsulares de Streptococcus pneumoniae, patógeno responsável por diversas manifestações clínicas e com elevada contribuição nas taxas de incidência e mortalidade por meningite, que é a condição clínica mais grave. OBJETIVO: O presente estudo teve como objetivo avaliar o impacto da PCV10 na epidemiologia da meningite pneumocócica na região metropolitana de Salvador (RMS) Bahia, comparando o período anterior (2008-2010) e posterior (2011-2013) a sua utilização, bem como realizar uma caracterização molecular minuciosa a partir de uma série histórica (1996-2012) entre os isolados resistentes a enicilina (PNSSP com CIM≥ 0,125 μg/mL) e para os sorotipos não-vacinais (2008-2012). MATERIAL E MÉTODOS: Foram incluídos todos casos de meningite pneumocócica confirmados laboratorialmente no período entre 1996 a 2013. Taxas de incidência para a Salvador e RMS foram calculadas com base nos dados populacionais do IBGE/2010. A determinação do tipo capsular foi realizada através da técnica de Multiplex-PCR e/ou reação de Quellung. A sensibilidade a nove antimicrobianos foi testada através das técnicas disco-difusão,microdiluição e E-test. Para caracterizar o perfil molecular foram aplicadas as técnicas de genotipagem de PFGE e MLST. RESULTADOS: Um total de 939 casos de meningite pneumocócica foram identificados no período de 1996-2013, sendo que 70 casos ocorrem entre 2011 a 2013 (período pós-vacinal). A incidência de meningite pneumocócica em todas as faixas etárias na RMS reduziu de 0,70 casos/100.000 habitantes para 0,59 casos/100.000 habitantes considerando o período de três anos antes e após a vacinação com PCV10 [p<0,05; RR IC 95%: 1,46 (1,03-2,05)]. Esta redução foi significativa na faixa etária de 0-2 anos e nos casos por sorotipos relacionados à PCV10. Não houve aumento significativo de casos por sorotipos não vacinais nesta casuística,apesar do surgimento de casos por sorotipos não-vacinais não detectados anteriormente na série histórica de MP (10F, 21, 22F, 15A e 24F). Os isolados resistentes à penicilina analisados na série histórica se restringiram a 13 sorotipos, entre os quais: 14 (45,1 %; 78/173), 23F (19,1%; 33/173), 6B (14,4 %; 25/173), 19F (9,2 %; 16/173) e 19A (5,2 %; 9/173). 94% dos casos nãosusceptíveis à penicilina (PNSSP) foram de sorotipos vacinais. Os grupos clonais caracterizados pelo PFGE/MLST predominantes ao longo dos anos foram representados pelo sorotipo 14, denominado grupo A/ST 66 [35,3 %(61/173)] e grupo GK/ST 156 [4.6 % (8/173)], este último associado com níveis elevados de resistência a penicilina e ceftriaxona. Não foram detectados grupos clonais emergentes associados a tipos capsulares não-vacinais.CONCLUSÕES: Estes achados sugerem que a introdução da PCV10 modificou a epidemiologia da meningite pneumocócica na população estudada.

INTRODUCTION: In 2010, the 10-valent pneumococcal conjugate vaccine (PCV10) was introduced into the Brazilian national immunization program (NIP). This immunobiological provides immunization against the main ten capsular types of Streptococcus pneumoniae, the pathogen responsible for different clinical manifestations and high contribution in the incidence and mortality from meningitis, which is the most severe clinical condition. OBJECTIVE: This study aimed to evaluate the impact of PCV10 in the epidemiology of pneumococcal meningitis in the metropolitan area of Salvador (RMS) Bahia, comparing the previous (2008-2010) and after (2011-2013) periods its use, as well as conduct a thorough molecular characterization from a historical series (1996-2012) among isolates resistant to penicillin (PNSSP with CIM≥ 0.125 g / ml) and nonvaccine serotypes (2008-2012). MATERIAL AND METHODS: We included all cases of pneumococcal meningitis laboratory confirmed for the period 1996 to 2013. Incidence rates for Salvador and RMS were calculated based on population data from IBGE/2010. The capsular type determination was performed by multiplex PCR and/or Quellung reaction. Isolates Nine antibiotics were tested by disk-diffusion test, broth micro-dilution and E-test. To characterize the molecular profiling techniques were applied genotyping PFGE and MLST...
Descritores: Streptococcus pneumoniae/química
Streptococcus pneumoniae/efeitos de drogas
Streptococcus pneumoniae/imunologia
Meningite/complicações
Meningite/diagnóstico
Meningite/imunologia
Meningite/mortalidade
Meningite/patologia
Meningite/prevenção & controle
Meningite/virologia
Responsável: BR344.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas Eurydice Pires de SantAnna
BR344.1


  8 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-870284
Autor: Lima Filho, José Admirço.
Título: Efeitos da administração subaracnoidea em punção única, de cetamina S(+) a 5%, sem conservantes, sobre a medula espinal e as meninges de coelhos / Effects of ketamine S(+) 5% preservative free, administered by the intrathecal route in single pincture, determines on the spinal cord and meninges of rabbits.
Fonte: Botucatu; s.n; 2014. 60 p.
Idioma: pt; en.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Faculdade de Medicina de Botucatu para obtenção do grau de Doutor.
Descritores: Ketamina/administração & dosagem
Ketamina/farmacologia
Medula Espinal/efeitos de drogas
Meninges/efeitos de drogas
Conservantes Farmacêuticos/efeitos adversos
-Espaço Subaracnóideo
Anestesia Epidural/efeitos adversos
Responsável: BR33.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação


  9 / 5069 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870161
Autor: Freitas, Giselle Lima de.
Título: A (des) continuidade do cuidado de crianças e adolescentes com mielomeningocele no domicílio / The (dis) continuity of care of children and adolescents with myelomeningocele at home.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 134 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Objetivou-se analisar o cotidiano de crianças e adolescentes com mielomeningocele e de seu cuidador principal no domicílio na produção do cuidado. Realizou-se um estudo descritivo-exploratório, com metodologia qualitativa e referencial teórico-metodológico da dialética. O cenário do estudo foi o domicílio de crianças e de adolescentes, localizado em Belo Horizonte/Minas Gerais e região metropolitana. Os participantes foram 16 mães e 16 crianças e adolescentes com milomeningocele (MMC) que realizaram o programa de reabilitação na Rede Sarah, unidade Belo Horizonte, setor ambulatorial, nos últimos cinco anos; com cinco a 18 anos; e residentes em Belo Horizonte ou a 60 km de distância. Os dados foram coletados por meio de entrevista com roteiro semiestruturado e observação guiada por roteiro. Foram realizadas três visitas domiciliares, sendo a entrevista realizada na primeira visita. As transcrições das entrevistas e os registros das observações feitos em diário de campo foram analisados por meio da técnica de Análise de Conteúdo Temática. Da análise, emergiram quatro categorias empíricas: “O cotidiano de cuidado no domicílio: a realidade das mães cuidadoras”, “O cotidiano do cuidado no domicílio: a realidade de crianças e adolescentes com mielomeningocele”, “O custo do cuidado para a família” e “A rede de apoio social”. A primeira categoria evidenciou mudanças no cotidiano das mães desde o nascimento da criança, com sentimentos de medo e insegurança no cuidado ao filho. A criatividade materna favoreceu adaptações para uma nova forma de trabalho e para a realização de cuidados, o que permitiu a incorporação e naturalização desses cuidados ao longo dos anos. Na segunda categoria, detectou-se que o cotidiano de crianças e adolescentes com MMC é marcado por dificuldades e limitações. A escola representou o principal local de socialização, ainda assim, caracterizada por relações sociais escassas. Os programas das famílias são...

This study aimed to analyze the daily lives of children and adolescents with myelomeningocele and his primary caregiver at home to provide care. We conducted a descriptive exploratory study with qualitative methodology and theoretical framework of dialectics. The setting was the home of children and adolescents, located in Belo Horizonte / Minas Gerais and the metropolitan area. Participants were 16 mothers and 16 children and adolescents with milomeningocele (MMC) that carried out the rehabilitation program at Sarah Network, Belo Horizonte unit, outpatient sector in the last five years; with five to 18 years; and residents in Belo Horizonte or 60 km away. Data were collected through interviews with semi-structured and observation. Three home visits were carried out, with an interview on the first visit. Transcripts of the interviews and therecords of the observations made in the field diary were analyzed using thematic content analysis technique. From the analysis, four empirical categories: "The care routine at home: the reality of caring mothers", "Care everyday at home: the reality of children and adolescents with myelomeningocele," "The cost of care for the family" and "The social support network." The first category showed changes in the daily lives of mothers from the birth of the child with feelings of fear and insecurity in the care of child. Maternal creativity favored adaptations to a new wayof working and the realization of care, which allowed the incorporation and naturalization of care over the years. In the second category, it was found that the children daily and adolescents with MMC is marked by difficulties and limitations. The school was the main place of socialization still characterized by scarce social relations. families of programs are restricted to visits to doctor, churches and visiting family. The desire for independence was mentioned by the mothers and their...
Descritores: Meningomielocele/reabilitação
Atividades Cotidianas
Continuidade da Assistência ao Paciente
Assistência Domiciliar
Cuidadores
-Pesquisa Qualitativa
Entrevistas como Assunto
Inquéritos e Questionários
Saúde da Família
Limites: Humanos
Criança
Adolescente
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1, FRDE; T-WS270


  10 / 5069 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-869779
Autor: López Arbolay, Omar; Ortiz Machín, Marlon; Cruz Pérez, Peggys Oleydis.
Título: Meningiomas petroclivales: estrategia quirúrgica endoscópica a propósito de dos casos / Petroclival meningioma: endoscopic approach and case report
Fonte: Rev. chil. neurocir;43(1):53-58, July 2017. ilus.
Idioma: es.
Resumo: A pesar del desarrollo de las técnicas quirúrgicas de base de cráneo, los meningiomas petroclivales constituyen un reto para el neurocirujano debido a su localización y relación con estructuras neurológicas y vasculares críticas. Se reportan 2 pacientes con diagnóstico de meningioma petroclival que recibieron tratamiento por etapas incluyendo derivación ventrículo peritoneal asistida por endoscopia para la hidrocefalia, abordaje endonasal endoscópico (AEE) extendido al ápex petroso, keyhole subtemporal y retromastoideo con remoción de la lesión. La evolución fue satisfactoria. Se concluyó que los abordajes endoscópicos y por etapas constituyen una excelente opción en el tratamiento de los meningiomas petroclivales.

In spite of the development of the skull base surgery techniques, petroclival meningiomas are a challenge for neurosurgeon due to their localization and relationship with neurovascular structures. Those are two patient with diagnostic of petroclival meningioma whom received treatment step by step included ventricle peritoneal shunt with endoscopic guide for hydrocephalus, extended endonasal approach to petrous apex, subtemporal and retrosigmoid keyhole. The endoscopic approach is an excellent option in the treatment of petroclival meningioma.
Descritores: Meningioma/6874
Meningioma/cirurgia
Osso Petroso/patologia
Endoscopia/métodos
Cirurgia Endoscópica por Orifício Natural/métodos
Cavidade Nasal/cirurgia
Derivação Ventriculoperitoneal
-Base do Crânio/cirurgia
Hidrocefalia de Pressão Normal
Paresia
Hipertensão
Tomografia Computadorizada Espiral/métodos
Imagem por Ressonância Magnética/métodos
Radiocirurgia/métodos
Osteotomia/métodos
Neoplasias Encefálicas
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CL2.1 - Biblioteca de Medicina



página 1 de 507 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde