Base de datos : LILACS
Búsqueda : zika [Palabras]
Referencias encontradas : 181 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   en el formato [Detallado]

página 1 de 19 va a la página                         

  1 / 181 LILACS  
              next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-875848
Autor: Pancetti, Filipe Gabriel Menezes.
Título: Análise da atividade locomotora de Aedes aegypti e Aedes albopictus (Diptera: Culicidae) do Parque Municipal do Piqueri São Paulo, SP / Analysis of the locomotor activity of Aedes aegypti and Aedes albopictus (Diptera: Culicidae) of the Piqueri Municipal Park São Paulo, SP.
Fuente: São Paulo; s.n; 2017. 67 p.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia para obtención del grado de Mestre.
Resumo: O estudo de mosquitos é extremamente importante, pois muitos são considerados vetores de diversos patógenos transmissíveis ao homem. Aedes aegypti e Aedes albopictus são responsáveis por transmitir arbovírus, como os da dengue, chikungunya, zika e febre amarela urbana, no mundo. Neste trabalho foram empregados Ae. aegypti e Ae. albopictus para: analisar a atividade locomotora de machos, fêmeas virgens e fêmeas inseminadas naturalmente; comparar a atividade locomotora de fêmeas injetadas intratoracicamente com extrato de glândulas acessórias (AG) de machos co e heteroespecíficos; e verificar a taxa de inseminação de fêmeas injetadas com glândulas acessórias de machos co e heteroespecíficos, quando são posteriormente expostas a seus machos coespecíficos. Os mosquitos foram coletados em ovitrampas instaladas no Parque Municipal do Piqueri, Zona Leste da cidade de São Paulo, durante o outono e a primavera de 2015 e outono de 2016. Após a emergência dos adultos, estes foram transferidos para quatro gaiolas matrizes separadas por espécie e sexo, dos quais obtivemos machos e fêmeas virgens de cada espécie. Em outras duas gaiolas foram agrupadas por espécie, 40 fêmeas e 40 machos para cópula por 24 horas para obtermos fêmeas inseminadas naturalmente. Posteriormente, todos os mosquitos foram transferidos para uma incubadora por quatro dias para análise da atividade locomotora. Na comparação de fêmeas injetadas com glândulas acessórias, foram extraídas as glândulas de machos de Ae. aegypti e Ae. albopictus e estas injetadas intratoracicamente em fêmeas co e heteroespecíficas. Todas as fêmeas injetadas foram transferidas para uma incubadora por três dias. Para a análise dos dados foram utilizados os testes estatísticos F e T e ANOVA. Após a atividade locomotora, as fêmeas injetadas foram expostas a seus machos coespecíficos e posteriormente tiveram suas espermatecas dissecadas para verificar a presença de espermatozoides a fim de analisar a taxa de inseminação. Nos machos, fêmeas virgens e fêmeas inseminadas naturalmente de Ae. aegypti e Ae. albopictus, o padrão da atividade locomotora foi diurno e bimodal no outono e na primavera. Em Ae. aegypti machos a atividade foi mais evidente no outono e em Ae. albopictus na primavera. Nas fêmeas de Ae. aegypti virgens a atividade foi mais evidente que nas inseminadas naturalmente em ambas as estações. Nas fêmeas de Ae. albopictus não houve diferença na atividade das virgens e inseminadas. Nas fêmeas de Ae. aegypti injetadas com AG a atividade locomotora foi diurna, com padrão unimodal e menos marcada. Nas fêmeas de Ae. albopictus injetadas com AG não houve diferença. Na taxa de inseminação, somente Ae. albopictus fêmeas injetadas com AG heteroespecíficas apresentaram espermatozoides após cópula coespecífica. Este estudo contribui para compreensão do comportamento de mosquitos vetores como Ae. aegypti e Ae. albopictus

The study of mosquitoes is extremely important, since many are considered vectors of several pathogens transmissible to man. Aedes aegypti and Aedes albopictus are responsible for transmitting arboviruses, such as dengue, chikungunya, zika and urban yellow fever, in the world. This study employed Ae. aegypti and Ae. albopictus to: analyze the locomotor activity of males, virgin females and females naturally inseminated; compare the locomotor activity of females injected intratoracically with extract of accessory glands (AG) of co and heterospecific males; and verify the rate of insemination of females injected with accessory glands of co and heterospecific males when later exposed to their co-specific males. The mosquitoes were collected in ovitraps installed in Piqueri Municipal Park, East of São Paulo city, during the autumn and spring of 2015 and autumn of 2016. After the emergence of adults, they were transferred to four cages, separated by species and sex from which we obtained virgin males and females of each species. In the other two cages, they were grouped by species, 40 females and 40 males for mating during 24 hours to obtain naturally inseminated females. Thereafter, all the mosquitoes were transferred to an incubator for four days to the locomotor activity analysis. In the comparison of females injected with accessory glands, the male glands of Ae. aegypti and Ae. albopictus were extracted and injected intratoracically into co and heterospecific females. All injected females were transferred to an incubator for three days. For the analysis, the statistical tests F and T and ANOVA were used. After the locomotor activity, the injected females were exposed to their co-specific males and later had their spermathecas dissected to verify the presence of spermatozoa in order to analyze the insemination rate. In males, virgin and naturally inseminated females of Ae. aegypti and Ae. albopictus, the pattern of locomotor activity was diurnal and bimodal in autumn and spring. Aedes aegypti males activity was more evident in autumn and in Ae. albopictus in spring. In virgin females of Ae. aegypti the activity was more evident than in the naturally inseminated in both seasons. In females of Ae. albopictus, there was no difference in the activity of virgin and inseminated. In females of Ae. aegypti injected with AG the locomotor activity was diurnal, with a unimodal and less marked pattern. In the females of Ae. albopictus injected with AG there was no difference. In the insemination rate, only Ae. albopictus females injected with heterospecific AGs presented spermatozoa after coespecific mating. This study contributes to the understanding of mosquito vectors behavior such as Ae. aegypti and Ae. albopictus
Descriptores: Aedes
Insectos Vectores
Inseminación Artificial
Locomoción
-Dípteros
Tasas, Razones y Proporciones
Vectores de Enfermedades
Fertilidad
Dinámica de Población
Responsable: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; MTR2281


  2 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-875797
Autor: Lucio, Tais Vargas Freire Martins.
Título: Dengue midiática: a construção da doença em um jornal regional da cidade portuária de Santos, São Paulo, Brasil / Dengue media the construction of the disease in a regional newspaper of the port city of Santos, São Paulo state, Brazil.
Fuente: São Paulo; s.n; 2017. 86 p.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia para obtención del grado de Doutor.
Resumo: A dengue é a arbovirose urbana mais importante em saúde pública atualmente. A forma mais eficaz de controlar a doença é combatendo o mosquito Aedes aegypti, o vetor do vírus, que, além da dengue, também transmite a febre amarela urbana, a febre chigungunya e o zika. O objetivo geral deste estudo é identificar e analisar as temáticas veiculadas na imprensa escrita sobre a doença dengue na cidade portuária de Santos, no litoral sul do estado de São Paulo. Principal município da Região da Baixada Santista, Santos também abriga o maior porto do país. O objetivo específico deste trabalho é verificar se existem no noticiário informações sobre o controle integrado do mosquito Aedes aegypti, principal forma de controle da doença. De caráter qualitativo, esta tese submeteu o noticiário veiculado pelo jornal A Tribuna, o principal da região, à análise de conteúdo, buscando identificar nas mensagens jornalísticas a abordagem sobre a dengue, no período de 2012 a 2015. A pesquisa se justifica por ser a dengue endêmica na Região da Baixada Santista e pelo fato de os veículos de comunicação de massa exercerem influência na formação de opinião e na disseminação do conhecimento científico de interesse público. Os resultados encontrados na análise quantitativa demonstram maior frequência para os temas relacionados à incidência e à letalidade da dengue. A análise qualitativa dos textos demonstrou que temas relacionados ao controle do mosquito Ae.aegypti foram encontrados, porém não se encontrou notícias sobre o controle biológico, o que indica que o controle integrado do vetor não é abordado pela mídia. Este estudo propõe uma reflexão sobre o papel da mídia como agente propagador de informação geral e em saúde, postulando que a informação sobre dengue deve atingir a população de forma que ela se mobilize e atue como agente cuidador de sua própria saúde e da saúde do ambiente em que vive, como forma de eliminação da doença na região

Dengue is the most importante urban arbovirus in Public Health today. The most effective way to control the disease is by fighting the Aedes aegypti mosquito, the vector of the virus, which in addition to dengue also transmits urban yellow fever, chikugunia fever and zika. The general objective of this study is to identify and analyze the themes presented in the written press about dengue disease in the port city of Santos, on the southern coast of the state of São Paulo. The main municipality of the Baixada Santista Region, Santos also houses the largest port of the country. The specific objective of this work is to verify if information on the integrated control of the Aedes aegypti mosquito, the main form of disease control, exists in the news. In a qualitative way, this thesis submitted the news story published by A Tribuna, the main newspaper in the region, to content analysis, seeking to identify in the journalistic messages the approach on dengue in the period from 2012 to 2015, The research is justified because it is the Endemic dengue fever in the Region of Baixada Santista and the fact that mass communication vehicles have exerted influence in the formation of opinion and in the dissemination of scientific knowledge of public interest. The results found in the quantitative analysis show that subjects related to the control of the Aedes aegypti mosquito were found, but no news was found about the biological control, wich indicates that the integrated control of the vector is not approached by the media. This study purposes a reflection on the role of the media as a propagating agent of general and health information, postulating that information about dengue should reach the population so that it can mobilize and act as caregiver for their own health and the health of the environment in which it lives, as a way of eliminating the disease on the area
Descriptores: Dengue/transmisión
Brotes de Enfermedades
Periodismo
Medios de Comunicación de Masas
Aedes
-Control de Vectores
Investigación Cualitativa
Responsable: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; DR1366


  3 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-875794
Autor: Silva, Ramon Wilk da.
Título: Análise da estrutura populacional de mosquitos Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) em diferentes estratos urbanos na cidade de São Paulo, utilizando morfometria geométrica alar e marcadores microssatélites / Analysis of the population structure of Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) mosquitoes in different urban strata in the city of São Paulo, using wing geometric morphometry and microsatellite markers.
Fuente: São Paulo; s.n; 2017. 93 p.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Epidemiologia para obtención del grado de Mestre.
Resumo: O mosquito Aedes aegypti é reconhecido como o principal vetor do vírus da Dengue, além de transmitir outros arbovírus de importância médica, como os causadores da Febre Amarela urbana, Chikungunya e Zika. A ecologia deste vetor está intimamente associada ao homem, sendo provavelmente, a única espécie de culicídeo a conseguir completar todo seu ciclo de vida dentro das habitações humanas, com sua dinâmica populacional fortemente relacionada aos processos decorrente da urbanização. Assim como outras metrópoles, a cidade de São Paulo apresenta estresse ambiental, em função da elevada densidade populacional e urbanização não planejada, o que contribui para a proliferação do Ae. aegypti e, consequentemente, o aumento no número de casos de Dengue. Embora, vacinas como a da Febre Amarela e Dengue já tenham sido desenvolvidas, esta última mais recentemente e, ainda não empregada em larga escala, o controle do vetor ainda permanece como a principal estratégia para a disruptura dos padrões epidemiológicos das arboviroses causadas por seus patógenos. Estruturação populacional, geralmente é um resultado de combinações decorrentes de processos históricos e contemporâneos envolvendo determinada espécie, como a sua capacidade de dispersão, padrões de cópula, barreiras físicas e ambientais, além de padrões demográficos. Desse modo, determinar os diferentes papéis destes processos na estruturação de populações torna-se útil no controle de vetores de importância médica. Um bom exemplo é a propagação da resistência a inseticidas, em decorrência do fluxo gênico entre as populações. Portanto, um melhor conhecimento da estruturação populacional do Ae. aegypti é crucial para auxílio e desenvolvimento de novas estratégias de controle. Dessa forma, visando elucidar seu padrão de estruturação, o presente estudo utilizou-se da morfometria geométrica alar e de marcadores microssatélites, para investigação de 11 populações de mosquitos Ae. aegypti coletados em áreas com diferentes graus de urbanização, localizadas no município de São Paulo. Os resultados encontrados sugerem um padrão de estruturação de acordo com o gradiente de urbanização no qual os espécimes foram coletados. As distâncias de Mahalanobis, obtidas pela morfometria geométrica alar, apresentaram significância estatística em 54 dos 55 testes conduzidos, com as populações exibindo um claro padrão de segregação nas Análises de Variáveis Canônicas e Neighbor-Joining, tanto para as populações agrupadas na forma de seus estratos urbanos, como por seus respectivos locais de coleta, enquanto que o teste de reclassificação dos espécimes alcançou relativo grau de precisão de reconhecimento. Os microssatélites indicaram uma baixa estruturação genética (Fst = 0,057), com 93 por cento de seus valores apresentando significância estatística. Contudo, em conformidade com o gradiente de urbanização dos estratos, com moderado fluxo gênico, déficit de heterozigosidade e indícios de expansão populacional, principalmente nas áreas com maior grau de urbanização. A intensificação dos processos decorrentes da urbanização tem como causa a diminuição dos espaços verdes encontrados nas cidades, de modo a contribuir para a elevação da temperatura e, consequentemente, favorecer a proliferação do Ae. aegypti. Adicionalmente, a perda destes espaços implica no processo de homogeneização biótica, fenômeno que atua como adjuvante a plasticidade ecológica do vetor, de maneira a beneficia-lo. Hipótese, corroborada pela sua expansão populacional, exibida principalmente nos ambientes mais antropizados. A estruturação observada nas populações de Ae. aegypti no presente estudo indica que os processos de urbanização desempenham um importante papel na sua conformação, e fatores como o moderado fluxo gênico e déficit de heterozigosidade podem estar refletindo nos seus padrões epidemiológicos

Aedes aegypti is recognized as the main vector of Dengue, in addition to transmit other arboviruses of medical importance, as the agents of Yellow Fever, Chikungunya and Zika. The ecology of this vector is closely associated with the human, being probably the only kind of mosquito to be able to complete all their life cycle inside the human habitations, with their population dynamics strongly related to processes arising from urbanization. Like other cities, the city of São Paulo suffers from environmental stress due to the high population density and unplanned urbanization, which contributes to the proliferation of Ae. aegypti mosquitoes and consequently the increase in the number of cases of dengue fever. Although vaccines such as Yellow Fever and Dengue have already been developed, the latter, more recently, and not yet used on a large scale, vector control remains the main strategy for the disruption of epidemiological patterns of arboviral diseases caused by their pathogens. Structure of the population, is generally the result of combinations resulting from historical and contemporary processes involving certain species, such as their ability to disperse, copulation pattern, physical and environmental barriers and demographic trends, and to determine the different roles of these processes in structuring the population becomes very useful for the medical importance of vector control. A good example is the spread of insecticide resistance, due to gene flow between populations. Therefore, a better understanding of the population structure of Ae. Aegypti is crucial to support and develop new strategies for control programs. Thus, in order to elucidate its pattern of structuring this study utilized wing geometric morphometric and microsatellite markers, for investigation of 11 Ae. aegypti populations collected in areas with different degrees of urbanization, located in the municipality of São Paulo. The results suggest a pattern of structuring according to the urbanization gradient in which the specimens were collected. The distances of Mahalanobis obtained by wing geometric morphometry, statistically significant in 54 of the 55 tests performed, with populations showing a clear trend of segregation in the Canonical Variables analysis and Neighbor-Joining, both for the populations grouped in the form of their urban strata as per their respective collection locations, while the reclassification of test specimens reached relative degree of recognition accuracy. Microsatellites indicated a low genetic structure (Fst = 0.057), with 93 per cent of their statistically significant values. However, in accordance with the gradient of urbanization of the strata, with moderate gene flow, heterozygosity and evidence of population expansion, especially in the areas with the highest degree of urbanization. The intensification of the processes resulting from urbanization Implies in the reduction of the green spaces found in the cities, in order to contribute to the increase of the temperature and thus the proliferation of the Ae. Aegypti. In addition, the loss of these spaces involves biotic homogenization process, a phenomenon that acts as an adjuvant ecological plasticity of the vector, in order to benefit it. Hypothesis, corroborated by its population expansion, displayed mainly in anthropic environments. The structure observed in populations of Ae. aegypti in this study indicates that the urbanization processes play an important role in their conformation, and factors such as moderate gene flow and deficit of heterozygosity can be reflected in their epidemiological patterns
Descriptores: Aedes/genética
Genética de Población
Alas/anatomía & histología
Urbanización
-Marcadores Genéticos
Densidad de Población
Límites: Animales
Responsable: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; MTR2260


  4 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-869574
Autor: Cordebó, Olenka; Bonanno, Daniela; Almeida, Virna; Dorigo, Analía; Gazia, Victoria; Poyard, Eleonora; Di Lollo, Pía; Direnstein, Nira; Forlenza, Raúl; San Juan, Jorge.
Título: Síndrome de Guillain-Barré en Argentina: su importancia para la salud pública ante la emergencia del virus del zika / Guillain-Barré syndrome in Argentina: its public health relevance in light of zika virus emergence
Fuente: Rev. argent. salud publica;7(28):38-40, sept. 2016. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Ante la emergencia del virus del Zika y sus complicaciones, entre ellas el Síndrome de Guillain-Barré (SGB), la Organización Mundial de la Salud declaró la emergencia de salud pública de importancia internacional, en la que insta a los Estados Miembros a fortalecer la vigilancia y desarrollar investigaciones. Esto constituye una oportunidad para construir una línea de base del SGB, caracterizarlo y diseñar una estrategia de vigilancia.
Descriptores: Síndrome de Guillain-Barré
Vigilancia en Salud Pública
Límites: Humanos
Responsable: AR392.1 - Biblioteca


  5 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-869554
Autor: Groisman, Boris; Bidondo, María Paz; Liascovich, Rosa; Barbero, Pablo.
Título: Microcefalia en Argentina según datos de la red nacional de anomalías congénitas / Microcephaly in Argentina according to the national network of congenital abnormalities
Fuente: Rev. argent. salud publica;7(26):39-42, mar. 2016. tab.
Idioma: es.
Resumo: En Brasil se ha notificado un aumento en la prevalencia de microcefalia en recién nacidos, que coincide con la epidemia del virus del Zika. El objetivo de este estudio fue describir la frecuencia de microcefalia en Argentina y estimar el número de casos esperados por año a partir de datos de la Red Nacional de Anomalías Congénitas (RENAC).
Descriptores: Microcefalia
Prevalencia
Límites: Humanos
Responsable: AR392.1 - Biblioteca


  6 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-868124
Autor: Ceará (Estado). Secretaria da Saúde.
Título: Protocolo de vigilância e resposta à ocorrência de microcefalia e malformações congênitas relacionadas a infecções perinatais / Protocol of surveillance and response to the occurrence of microcephaly and congenital malformations related to perinatal infections.
Fuente: Fortaleza; Ceará (Estado). Secretaria da Saúde; abr. 2016. tab, ilus.
Idioma: pt.
Descriptores: Transmisión Vertical de Enfermedad Infecciosa
Infección por el Virus Zika/transmisión
Anomalías Congénitas
Vigilancia en Salud Pública/métodos
Infección por el Virus Zika/diagnóstico
Microcefalia
-Sistema Nervioso Central/anomalías
Pruebas Serológicas/métodos
Protocolos Clínicos/normas
Límites: Humanos
Masculino
Femenino
Embarazo
Recién Nacido
Responsable: BR1.1 - BIREME


  7 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-868054
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde.
Título: Orientações integradas de vigilância e atenção à saúde no âmbito da emergência de saúde pública de importância nacional: procedimentos para o monitoramento das alterações no crescimento e desenvolvimento a partir da gestação até a primeira infância, relacionadas à infecção pelo vírus Zika e outras etiologias infeciosas dentro da capacidade operacional do SUS / Integrated guidelines for surveillance and health care in the context of the public health emergency of national importance: procedures for monitoring changes in growth and development from gestation to early childhood related to Zika virus infection and other infectious etiologies within the operational capacity of SUS.
Fuente: Brasília; Brasil. Ministério da Saúde; 2017. tab, ilus.
Idioma: pt.
Descriptores: Vigilancia en Salud Pública
Infección por el Virus Zika/transmisión
Atención Prenatal
Salud del Niño
Transmisión Vertical de Enfermedad Infecciosa
Sistema Único de Salud
-Enfermedades Transmisibles/etiología
Infección por el Virus Zika/mortalidad
Infección por el Virus Zika/diagnóstico
Brasil/epidemiología
Límites: Humanos
Femenino
Embarazo
Tipo de Publ: Guía de Práctica Clínica
Responsable: BR1.1 - BIREME


  8 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-859989
Autor: Bueno, Flávia Thedim Costa.
Título: Vigilância e resposta em saúde no plano regional: um estudo preliminar do caso da febre do Zika vírus / Health surveillance and response on a regional scale: a preliminary study of the Zika virus fever case
Fuente: Ciênc. saúde coletiva;22(7), jul. 2017.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: Apesar de ser conhecido desde os anos 50, o Zika vírus não havia despertado interesse da comunidade internacional. Entre 2015 e 2016, o vírus se alastrou pelo Brasil com a suspeita de que o aumento de casos de distúrbios neurológicos poderia ter vínculos com a infecção, configurando uma Emergência Nacional de Saúde Pública em novembro de 2015. Em 1º de fevereiro de 2016, a OMS declarou esta suspeita como uma Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII), deflagrando resposta conforme o Regulamento Sanitário Internacional (2005). O Zika está presente também em quase todos os países da América do Sul. Nesse sentido, organizações internacionais como a OPAS/OMS, Unasul e Mercosul estão desenvolvendo ações de resposta à epidemia. O objetivo deste artigo é analisar criticamente as respostas regional sul-americana e brasileira de fevereiro a setembro de 2016 com relação à esta declaração de ESPII, utilizando metodologia qualitativa, por meio do levantamento bibliográfico e análise documental. Nesse contexto, a OPAS/OMS teve atuação destacada em relação às demais organizações. Além disso, a conjuntura política da região parece ter papel importante na instabilidade do Mercosul e da Unasul, o que pode afetar sua capacidade e efetividade de resposta.
Descriptores: Virus Zika
Epidemias
Reglamento Sanitario Internacional
Vigilancia
-Brasil/epidemiología
Salud Pública
Cooperación Internacional
Organización Panamericana de la Salud
Límites: Humanos
Responsable: BR2260 - NETHIS - Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde


  9 / 181 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-859695 LILACS-Express
Autor: Leatte, Elen Paula(ccp); Dal Pont, Adrielli Monteiro(ccp).
Título: EPIDEMIOLOGIA DE DENGUE E ZIKA VÍRUS NA 13ª REGIONAL DE SAÚDE DO PARANÁ-BRASIL / EPIDEMIOLOGY OF DENGUE AND ZIKA VIRUS IN THE 13TH REGIONAL HEALTH OF PARANÁ, BRAZIL
Fuente: Saude e pesqui. (Impr.);10(2):259-269, May-Aug. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: A dengue e o Zika vírus são doenças virais infecciosas de transmissão vetorial. O objetivo deste trabalho foi descrever as ocorrências da dengue e do Zika vírus na 13ª Regional de Saúde do Paraná, com sede no município de Cianorte, e em mais dez outros municípios. Os dados foram obtidos no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) de dengue e Zika vírus entre janeiro de 2011 e agosto de 2016. No período estudado foram notificados 6.065 casos de dengue e 503 casos de Zika vírus, observando-se uma epidemia de dengue no ano de 2014. Este trabalho conclui que apesar da 13ª Regional de Saúde apresentar apenas 1 sorotipo e poucos casos de óbitos, a dengue e o Zika vírus são importantes problemas de saúde pública, fazendo-se necessário o controle para diminuição dos níveis de infestação vetorial.

Dengue and Zika virus are infectious viral vector-borne diseases. This paper aims to describe the occurrences of dengue and Zika virus in the 13th Regional of Health of Paraná, with headquarters in the city of Cianorte and covering other 10 cities. The data were obtained from Dengue and Zika virus Notice Information System (SINAN) from January 2011 to August 2016. During the study period, 6,065 cases of dengue fever and 503 cases of Zika virus were reported, being noted a high dengue epidemic in 2014. This study concludes that, although 13th Regional Health presents only 1 serotype and few cases of deaths, dengue and Zika virus are important public health problems, making necessary the control for decreasing of the vector infestation levels.
Responsable: BR1934.9 - UniCesumar - Centro Universitário de Maringá


  10 / 181 LILACS  
              first record previous record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-848797 LILACS-Express
Autor: Castaño G, Elizabeth; Esquivel S, Raúl R.
Título: Guía de actuación en infección por Zika
Fuente: Pediátr. Panamá;45(1):41-45, Abril-Mayo 2016.
Idioma: es.
Resumo: Guía de actualización de Zika describiendo hallazgos clínicos, métodos diagnósticos y manejo.

Zika update guide describing clinical findings, diagnostic methods and management.
Responsable: PA3.9 - UP - Universidad de Panamá



página 1 de 19 va a la página                         
   


Refinar la búsqueda
  Base de datos : Formulario avanzado   

    Buscar en el campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPS/OMS - Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud