Base de datos : LILACS
Búsqueda : zika [Palabras]
Referencias encontradas : 272 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   en el formato [Detallado]

página 1 de 28 va a la página                         

  1 / 272 LILACS  
              next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-912913 LILACS-Express
Autor: Gonçalves, Amanda Estrela; Tenório, Sibele Dayane Brazil; Ferraz, Priscila Correia da Silva.
Título: Aspectos socioeconômicos dos genitores de crianças com microcefalia relacionada ao Zika Vírus / Socioeconomic aspects of genitors of children with microcefalia related to Zika Virus
Fuente: Rev. Pesqui. Fisioter;8(2):155-166, maio, 2018. tab, gaf.
Idioma: en; pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: A microcefalia é uma má formação cerebral que não tem cura e é caracterizada por um perímetro cefálico inferior ao esperado para idade e sexo. É relacionada ao Zika Vírus que é transmitido pelo mosquito Aedes e quando contraído nos primeiros meses gestacionais aumentam as chances do feto desenvolver a microcefalia, já que o desenvolvimento cerebral tem início na fase intra-uterina. OBJETIVO: Esta pesquisa tem como objetivo caracterizar o perfil socioeconômico dos responsáveis por criança com diagnóstico de microcefalia relacionado ao Zika vírus. MÉTODOS: Foram entrevistados 41 cuidadores principais das crianças com microcefalia em Salvador e Região Metropolitana de Salvador, através de um questionário contendo 30 perguntas fechadas que abordavam questões familiares, socioeconômicas e sanitárias. RESULTADOS: Observou-se que a maioria dos bebês tinha entre 15-18 meses e tiveram seu diagnóstico em sua maior parte no momento intrauterino. Houve uma frequência elevada de desemprego entre os pais, que relataram sobreviver com até 1 salário mínimo mensal, possuíam ensino médio completo, encontravam-se solteiros ou em união estável e um número significativo citaram condições sanitárias desfavoráveis e negaram usar repelente. De um modo geral, os principais cuidadores relataram que não possuíam residência própria e grande parte levavam as crianças para fazerem atendimentos multiprofissionais tanto em hospitais públicos como em instituições sem fins lucrativos. CONCLUSÃO: Há uma frequência predominante de genitores que dispõem de crianças com microcefalia relacionada ao Zika vírus em baixas condições socioeconômica, que consequentemente não conseguem suprir a maioria das necessidades que um lactente com má formação necessita. [AU]

INTRODUCTION: Microcephaly is a poor cerebral formation that has no cure and is characterized by a cephalic perimeter lower than expected for age and sex. It is related to the Zika virus that is transmitted by the mosquito Aedes and when contracted in the first gestational months increase the chances of the fetus to develop microcephaly, since the cerebral development begins in the intrauterine phase. OBJECTIVE: This study aims to characterize the socioeconomic profile of those responsible for children with a diagnosis of microcephaly related to Zika virus. METHODS: We interviewed 41 primary caregivers of children with microcephaly in Salvador and Metropolitan Region of Salvador, through a questionnaire containing 30 closed questions that addressed family, socioeconomic and health issues. RESULTS: It was observed that most of the babies were between 15-18 months and had their diagnosis mostly intrauterine. There was a high frequency of unemployment among parents, who reported surviving up to 1 monthly minimum wage, had completed high school, were single or in a stable union and a significant number cited unfavorable health conditions and denied using repellent. Overall, the primary caregivers reported that they did not have their own residence, and most of them took the children to multiprofessional care in both public hospitals and non-profit institutions. CONCLUSION: There is a predominant frequency of parents who have children with Zika virus-related microcephaly in low socioeconomic conditions, who consequently fail to meet most of the needs that a malnourished infant needs. [AU]
Responsable: BR1337.9 - FBDC - Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências


  2 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-912858 LILACS-Express
Autor: Avelino, Monique Ornellas de Almeida; Ferraz, Priscila Correia da Silva.
Título: Análise do desenvolvimento neuropsicomotor em crianças com síndrome pós­zika vírus: um estudo transversal / Analysis of neuropsicomotor development in children with congenital zika syndrome: cross-sectional study
Fuente: Rev. Pesqui. Fisioter;8(2):147-154, maio, 2018. tab, ilus.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: No Brasil, a epidemia ocasionada pelo Zika Vírus gerou aumento de casos de microcefalia, caracterizando que mulheres infectadas durante o período gestacional transmitiram o vírus ao feto. As consequências da infecção pelo vírus são caracterizadas como síndrome pós Zika, evidenciadas através da microcefalia associada, ou não, às alterações visuais, auditivas e osteomioarticulares, podendo ser reversíveis ou permanentes. Objetivo: Detectar atrasos no desenvolvimento neuropsicomotor em crianças acometidas no período pré-natal pelo Zika Vírus através da infecção materna. Materiais e Métodos: Estudo observacional, de corte transversal e análise descritiva, com crianças que foram infectadas pelo Zika Vírus através da genitora durante período gestacional, pertencentes à Associação de Pais de Anjos da Bahia, sendo os participantes submetidos à avaliação com o teste de Denver II e seus responsáveis entrevistados por meio de um questionário semiestruturado. Estudo aprovado sob CAAE: Faculdade de Tecnologia e Ciências da cidade de Salvador, Bahia, com parecer de número 2.064.548 sob CAAE 64655616.2.0000.5032, aprovado em 15 de maio de 2017. Resultados: Foram avaliadas 8 crianças, 5(62,5%) do sexo feminino, com uma média de idade de 1,8±0,11 anos e perímetro cefálico de 29,5±1,5 centímetros. Houve predomínio de diagnóstico de Zika das gestantes no primeiro trimestre (37,5%). Das comorbidades associadas 7 (87,5%) alteração osteomioarticular, 5(62,5%) história prévia de convulsão. Disfunções: 5(62,5%) comprometimento visual e 1(12,5%) déficit auditiva. Conclusão: É possível constatar que crianças com síndrome pós-Zika apresentam atrasos no desenvolvimento neuropsicomotor com preponderância no aspecto motor grosseiro do teste de Denver II. [AU]

Introduction: In Brazil, an epidemic caused by Zika Virus generated an increase in cases of microcephaly in live births, characterizing that women infected during the period of gestation transmitted the virus to the fetus. The consequences of virus infection are characterized as congenital Zika syndrome and can be evidenced through microcephaly associated with or not, to visual, auditory and osteomioarticular, may be reversible or permanent. Objective: To detect delays in neuropsychomotor development in children affected in the prenatal period by Zika Virus through maternal infection. Materials and Methods: Observational study, cross-sectional with descriptive analysis in children diagnosed with Zika Vírus belonging to the Associação de Pais de Anjos da Bahia, the participants were submitted to the Denver II test and their responsible interviews through a semi-structured questionnaire. Study approved, CAAE: Faculdade de Tecnologia e Ciências da cidade de Salvador, Bahia, com parecer de número 2.064.548 sob CAAE 64655616.2.0000.5032, aprovado em 15 de maio de 2017. Results: Eight children were evaluated, 5 (62.5%) female, with a mean age of 1.8 ± 0.11 years and cephalic perimeter of 29.5±1.5 centimeters. There was a predominance of Zika's diagnosis of pregnant women in the first trimester (37.5%). Of the associated comorbidities, all children had microcephaly, 7(87.5%) osteomioarticular alterations, 5(62.5%) had previous convulsion. Disorders: 5(62.5%) impairment visual and 1(12.5%) had a hearing loss. All children presented repercussion in the neuropsychomotor development, with preponderance in aspect gross motor of the test of Denver II. Conclusion: It is possible to verify that children with congenital Zika syndrome present delays in neuropsicomotor development with preponderance in aspect gross motor of the test of Denver II. [AU]
Responsable: BR1337.9 - FBDC - Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências


  3 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-912331
Autor: Cavaca, Sthefany Duhz; Miliorelli, Cecília Ribeiro; Conti, Maria Fernanda Figueiredo; Santos, Vinicius Nery dos; Coelho Júnior, Abeil; Emerich, Tatiana Breder; Cavaca, Aline Guio.
Título: Observatório de Saúde na Mídia - Regional Espírito Santo: relato de uma experiência interdisciplinar em Saúde Coletiva / Observatories of Health in the Media ­ Espírito Santo Regional: an interdisciplinary experience report in Public Health
Fuente: Rev. bras. pesqui. saúde;20(2), abr.-jun. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: O Observatório de Saúde na Mídia - Regional ES (OSMES) se configura como um espaço de contribuição para o campo da Comunicação e Saúde. Objetivo: Apresentar a experiência do OSM-ES com base nas atividades desenvolvidas pelos pesquisadores atuantes neste laboratório de pesquisa, no período de julho de 2016 a dezembro de 2017. Métodos: Foi realizada uma pesquisa documental e bibliográfica, com mapeamento de todas as atividades e pesquisas desenvolvidas no OSM-ES, no período selecionado. Resultados: Atuaram sete bolsistas, graduandos em jornalismo, nutrição e arquivologia, responsáveis pelas coletas de notícias, classificação e construção do banco de dados, e desenvolvimento de um software de mineração de dados. Totalizaram nove pesquisas, coletando matérias de diversos temas de saúde nos periódicos A Tribuna e A Gazeta, no que tange às seguintes temáticas: estresse; transtorno de ansiedade; febre amarela; Zika; Programa Mais Médicos; tragédia-crime do Rio Doce; diabetes; judicialização da saúde; H1N1 e dengue. Conclusão: As experiências no OSM-ES permitiram discutir desafios interdisciplinares e investiram na formação em pesquisa e extensão em Comunicação e Saúde de graduandos de diferentes cursos, proporcionando uma rica interlocução de saberes e produções polifônicas no campo. Além disso, permitiu o desenvolvimento de uma ferramenta de busca inovadora, a qual facilita o processo de coleta e classificação das matérias, fomentando o desenvolvimento tecnológico.(AU)

Introduction: The Observatories of Health in the Media - Espírito Santo regional (OSMES) is configured as a contribution arena for the area of Health Communication. Objective: To present the experience of the OSM-ES, based on activities developed by the researchers working in this research laboratory, from July 2016 to December 2017. Methods: A documented and bibliographical research was carried out, with the mapping of all the activities and researches developed in OSM-ES, during the selected period. Results: Seven student fellows, graduates in journalism, nutrition and archiving , responsible for collecting news, classification and construction of the database, and development of data mining software operated in the project. They carried out nine researches, collecting material from various health topics in the newspapers A Tribuna and A Gazeta, related to the themes: stress; anxiety disorder; yellow fever; Zika; Programa Mais Médicos; the Rio Doce tragedy-crime; diabetes; health demand for litigation; H1N1 and dengue. Conclusion: The experiences in the OSM-ES enabled the discussion of interdisciplinary challenges and invested in the in research training and extension of Health and Communication of different courses graduates, providing a rich interlocution of knowledge and polyphonic productions in the field. In addition, it allowed the development of an innovative search tool, which facilitates the collection and classification of articles, encouraging technological development.(AU)
Descriptores: Comunicación en Salud
Medios de Comunicación
Salud Pública
-Programas Nacionales de Salud
Brasil
Responsable: BR1.1 - BIREME


  4 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-910494 LILACS-Express
Autor: Souza, Claudio Lima; Paixão, Rudily de Souza; Oliveira, Márcio Vasconcelos.
Título: Dengue: aspectos epidemiológicos de um surto ocorrido em Barra da Estiva, Bahia, Brasil, em 2014 / Dengue: epidemiological aspects of the outbreak in Barra da Estiva, Bahia, Brasil razil, in 2014 / Dengue: aspectos epidemiológicos de un brote ocurrido en Barra da Estiva, Bahia, Brasil, en 2014
Fuente: Rev. baiana saúde pública;41(4):https://doi.org/10.22278/2318-2660.2017.v41.n4.a2402, jul. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: A dengue é uma doença febril aguda, cujo destaque tem aumentado devido ao vetor ter assumido papel importante na transmissão de outras doenças virais como Zika e Chikungunya. O presente estudo teve como objetivo demonstrar as características epidemiológicas de um surto de dengue na cidade de Barra da Estiva, Bahia, Brasil, em 2014. Trata-se de um estudo do tipo observacional, transversal e descritivo. Os dados epidemiológicos foram obtidos do Sistema Nacional de Agravos Notificáveis On-line. As variáveis analisadas foram: mês de notificação, casos confirmados, classificação do tipo de dengue, gênero (sexo), faixa etária e local de residência. Analisou-se a distribuição de larvas dos vetores baseada nos dados do Sistema do Programa Nacional de Controle da Dengue, mapeamento geográfico dos casos e documentação fotográfica. Os resultados apontaram 409 casos confirmados, sendo 2 de dengue com sinais de alarme, 62,35% do sexo feminino, com maior incidência entre 19 e 59 anos de idade. A maior concentração de casos ocorreu na zona urbana, sobretudo nos bairros Rua Nova e Nações onde se localiza o cemitério municipal. Esses bairros apresentaram altas relações de larvas nas amostras coletadas, 3,21 e 3,11 larvas/amostra, respectivamente, nos primeiros meses de 2014. Concluiu-se que, diante dos resultados encontrados, o cemitério municipal pode ter sido o sítio de desenvolvimento e proliferação do vetor.

Dengue fever is an acute febrile disease whose prominence has increased because the vector has assumed an important role in the transmission of other viral diseases such as Zika and Chikungunya. The present study aimed to demonstrate the epidemiological characteristics of a dengue outbreak in the city of Barra da Estiva, Bahia, Brazil in 2014. This is a Cross sectional observational study. The epidemiological data were obtained from the Online Information System on Diseases of Compulsory Declaration. Variables analyzed in this study include notification month, confirmed cases, dengue fever classification, sex, age and local of residence. Larvae of vectors distribution was analyzed, based on the National Program System for Dengue fever Control data, geographical mapping of cases and photographic documentation. The results showed 409 confirmed cases, being 02 of them dengue fever with warning signs, 62.35% women, with highest incidence between 19 and 59 years old. The highest concentration of cases occurred in urban areas, especially in Rua Nova and Nações neighborhoods, where the municipal cemetery is located. These neighborhoods had high ratios of larvae in the samples, 3.21 and 3.11 larvae / sample respectively, in the first months of 2014. In conclusion, facing the results found, the municipal cemetery may have been the development and proliferation site of Dengue fever vector.

El dengue es una enfermedad febril aguda, cuyo destaque ha aumentado debido a el vector haber asumido un papel importante en la transmisión de otras enfermedades virales como Zika y Chikungunya. El presente estudio tuvo como objetivo demostrar las características epidemiológicas de un brote de dengue en la ciudad de Barra da Estiva, Bahia, Brasil en 2014. Tratase de un estudio de tipo observacional, transversal y descriptivo. Los datos epidemiológicos fueron obtenidos del Sistema Nacional de Agravios Notificables On-line. Las variables analizadas en este estudio fueron: mes de notificación, casos confirmados, clasificación del tipo de dengue, género (sexo), grupo de edad y lugar de residencia. Analizóse la distribución de larvas de los vectores basada en los datos del Sistema del Programa Nacional de Control del Dengue, mapeo geográfico de los casos y documentación fotográfica. Los resultados apuntaron 409 casos con 02 siendo dengue con señales de alarma, 62,35% del sexo femenino, con mayor incidencia entre 19 y 59 años de edad. La mayor concentración de casos ocurrió en la zona urbana, sobre todo en los barrios Rua Nova y Nações, donde se ubica el cementerio municipal. Estos barrios presentaron altas relaciones de larvas en las muestras recogidas, 3,21 y 3,11 larvas / muestra, respectivamente en los primeros meses de 2014. Concluyóse que, ante los resultados encontrados, el cementerio municipal pudo haber sido el sitio de desarrollo y proliferación del vector.
Responsable: BR800.9


  5 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-910276
Autor: Anaya, Juan-Manuel; Sun, Celi; Acosta-Ampudia, Yeny Y; Monsalve Carmona, Diana M; Rodríguez, Yhojan; Ramírez-Santana, Carolina; Nath, Swapan.
Título: Plausibilidad genética de la infección por el virus del Zika y el síndrome de Guillain-Barré / Genetic plausibility of infection by the Zika virus syndrome Guillain - Barré Syndrome
Fuente: Medicina (Bogotá);40(1(120)):163-164, Ene-Mar, 2018.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: La infección por el virus del Zika (ZIKV) es, en la mayoría de los casos, asinto-mática o se presenta como una enfermedad leve y auto-limitada, principalmente con erupción cutánea, fiebre, artralgias y conjuntivitis. Sin embargo, en algunos pacientes puede producir efectos graves en el sistema nervioso, entre los cuales se destaca el síndrome de Guillain-Ba-rré (SGB), una polirradiculoneuropatía aguda, con características autoinmunes y, por lo ge-neral, desmielinizante. Objetivo: Realizar el primer estudio de asociación del genoma com-pleto en pacientes con infección por ZIKV y en aquellos que desarrollaron SGB post-viral.
Descriptores: Síndrome de Guillain-Barré
-Virus Zika
56472
Responsable: CO102


  6 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-909815
Autor: Anaya, Juan-Manuel; Rodríguez, Yhojan; Ramírez-Santana, Carolina; Monsalve, Diana M; Vega, Daniel; Ojeda, Ernesto; Rodríguez-Jiménez, Mónica; Pacheco, Yovana; Molano-González, Nicolás; Acosta-Ampudia, Yeny.
Título: Respuesta autoinmune en individuos infectados por el virus ZIKA (RAIZ) / Autoinmune response in people infected with ZIKA viruS (RAIZ)
Fuente: Medicina (Bogotá);40(1(120)):56-66, Ene-Mar, 2018.
Idioma: es.
Resumo: En el presente artículo se presenta una revisión de los principales resultados del proyecto RAIZ, acrónimo de "Respuesta autoinmune en individuos infectados por el virus Zika", originado por dos eventos mutuamente relacionados, la asociación entre un virus emergente en el continente, el virus Zika (vZika), y una enfermedad neuromuscular poco prevalente en Colombia, el síndrome de Guillain-Barré. Después de la llegada del virus al país se observó que las zonas donde se reportaban brotes del virus, se documentaba un aumento en los casos de síndrome de Guillain-Barré y otros síndromes neurológicos, que generó un gran interés para entender los mecanismos subyacentes de la infección asociados con autoinmunidad neurológica. Mediante la realización del primer estudio de casos y controles de Zika, Guillain-Barré y otros síndromes neurológicos, se comprobó dicha asociación en Colombia. A lo largo del proyecto, además, se investigaron los principales mecanismos asociados, mediante estudios de seroprevalencia de otras infecciones, inmunológicos y genéticos

This article presents a review of the main results of the RAIZ project, acronym of "Autoimmune response in individuals infected with the Zika virus", originated by two mutually related events: the association between an emerging virus on the continent, the Zika virus (vZika), and a neuromuscular disease not very prevalent in Colombia, the Guillain-Barré syndrome. After the arrival of the virus in the country it was observed that in the areas of outbreaks an increase of cases of Guillain-Barré syndrome and other neurological syndromes was documented, which generated a great interest in the understanding of the underlying mechanisms of the infection associated with neurological autoimmunity. By conducting the first case-control study on Zika, Guillain-Barré and other neurological syndromes in Colombia, the association was verified. Throughout the project, the main associated mechanisms were addressed through analyses of other infections, immunological analysis and the first genome-wide association study
Descriptores: Virus Zika
-Síndrome de Guillain-Barré
Mielitis Transversa
Púrpura Trombocitopénica Idiopática
Responsable: CO102


  7 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-909689
Autor: Wittlin, Bernardo Bastos.
Título: Prevalência sorológica de infecções por dengue, zika e chikungunya vírus em gestantes atendidas numa maternidade pública, no município de Nova Iguaçu, Baixada Fluminense / Serological prevalence of dengue, zika and chikungunya virus infections in pregnant women attended at a public maternity hospital in the municipality of Nova Iguaçu, Baixada Fluminense.
Fuente: Rio de Janeiro; s.n; 2018. xiii,58 p. ilus.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Instituto Oswaldo Cruz para obtención del grado de Mestre.
Resumo: Há décadas, a dengue constitui um enorme desafio em saúde pública no Brasil e no mundo. A este desafio, sobreveio a emergência de duas outras arboviroses, também transmitidas por mosquitos do gênero Aedes: a zika e a febre chikungunya. Epidemias em diversos países do continente americano, a partir da década de 2010, levou-as a alcançar uma escala epidêmica inédita. Na esteira de um surto de microcefalia em recém-nascidos no Brasil em 2015, surgiram as primeiras evidências da associação entre a infecção por vírus zika (ZIKV) em gestantes e malformações fetais graves, reforçadas por estudos epidemiológicos, clínicos e laboratoriais. Por sua vez, manifestações reumatológicas associadas à infecção pelo vírus chikungunya (CHIKV) vêm ocasionando redução da qualidade de vida e produtividade nas populações afetadas Enquanto foram reportadas variadas taxas de soroprevalência para a infecção por vírus dengue (DENV) no Brasil, são escassos os inquéritos sorológicos para ZIKV e CHIKV. O presente estudo objetivou avaliar a prevalência sorológica de DENV, ZIKV e CHIKV numa amostra de 349 gestantes atendidas numa maternidade pública de Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro. Utilizou-se testes comerciais de ELISA de diferentes fabricantes. Dentre os resultados, houve 88,8 porcento de sorologia positiva para DENV, 47,2 porcento para ZIKV e 28,4% para CHIKV. Ainda que alguns estudos demonstrem alta especificidade de ELISA revestido por antígeno NS1 de ZIKV utilizado, a possibilidade de reaçõescruzadas com DENV deve ser considerada. Em todo caso, os achados indicam um cenário de hiperendemicidade de dengue e um alcance significativo das recentes epidemias por ZIKV e CHIKV na Baixada Fluminense. (AU)
Descriptores: Virus del Dengue
Virus Zika
Virus Chikungunya
Estudios Seroepidemiológicos
Estudios Transversales
Límites: Humanos
Tipo de Publ: Informes de Casos
Responsable: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  8 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-909681
Autor: Bahia-Oliveira, Lilian M G; Liborio-Neto, Adail Orrith; Dudus, Marta Maciel.
Título: Microcefalia por toxoplasmose congênita em tempos de epidemia por Zika vírus no Brasil / Microcephaly due to congenital toxoplasmosis in times of Zika virus epidemic in Brazil
Fuente: Sci. med. (Porto Alegre, Online);28(2):ID29527, abr-jun 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Descreve-se um caso de toxoplasmose congênita com microcefalia, ocorrido durante a epidemia de Zika vírus no Brasil e somente diagnosticado como toxoplasmose aos sete meses de idade. Este caso ilustra a pertinência e urgência para a implementação de políticas públicas específicas para prevenção, diagnóstico e tratamento para a toxoplasmose adquirida durante a gestação, e demonstra que quando o assunto é microcefalia por infecções congênitas no Brasil, precisamos estar atentos a outras possibilidades além da infecção por Zika vírus; em especial à toxoplasmose congênita, que é altamente prevalente em nosso país, e se for diagnosticada e tratada no devido tempo, danos neurológicos e oculares irreversíveis poderão ser evitados. Apoiamos integralmente a portaria do Ministério da Saúde que torna obrigatória a notificação de casos de toxoplasmose gestacional e congênita no Brasil. As ações que venham a ser implementadas deverão resultar em um programa nacional específico para toxoplasmose gestacional e congênita, que possa beneficiar crianças em todo o país por meio de medidas de educação preventiva em saúde, da triagem e do tratamento para gestantes e recém nascidos.

A case of congenital toxoplasmosis with microcephaly, occurred during the epidemic of Zika virus in Brazil, and only diagnosed as toxoplasmosis at seven months of age, is described. This case illustrates the pertinence and urgency for the implementation of specific public policies for prevention, diagnosis and treatment for toxoplasmosis acquired during pregnancy, and shows that when the subject is microcephaly due to congenital infections in Brazil, one must be attentive to other possibilities besides Zika virus infection; in particular to congenital toxoplasmosis, which is highly prevalent in our country, and if diagnosed and treated in due course, irreversible neurological and ocular damage may be avoided. We fully support the Ministry of Health ordinance that makes it compulsory to notify cases of gestational and congenital toxoplasmosis in Brazil. The actions that will be implemented should result in a specific national program for gestational and congenital toxoplasmosis, which will benefit children throughout the country through preventive health education, screening and treatment for pregnant women and newborns.
Descriptores: Toxoplasma
Toxoplasmosis Congénita
Microcefalia
-Atención Prenatal
Virus Zika
Responsable: BR1323.1 - Biblioteca Central Irmão José Otão


  9 / 272 LILACS  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-908633
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos.
Título: Levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia / Levetiracetam for the treatment of seizures in patients with microcephaly.
Fuente: Brasília; CONITEC; jul. 2017. graf, ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: CONTEXTO: A infecção decorrente do Zika vírus vem apresentando possíveis complicações nos pacientes acometidos pela doença desde sua chegada ao Brasil. O Zika possui sintomas semelhantes aos outros flavivírus prevalentes no país, sendo transmitido pelo mesmo mosquito (Aedes aegypti). A doença tem sido associada ao desenvolvimento de microcefalia e alterações neurológicas em filhos de mulheres que tiveram contato com o vírus durante a gravidez, destacando-se relatos de episódios convulsivos. O SUS fornece medicamentos anticonvulsivantes para outras doenças com sintomas de convulsão, como a epilepsia. TECNOLOGIA: LEVETIRACETAM (KEPPRA®). INDICAÇÃO: CONVULSÕES EM PACIENTES PEDIÁTRICOS. PERGUNTA 1: O levetiracetam, em comparação aos tratamentos anticonvulsivantes disponíveis no SUS, é eficaz, efetivo e seguro no controle de convulsões em pacientes com microcefalia? PERGUNTA 2: O Levetiracetam, em comparação aos tratamentos anticonvulsivantes disponibilizados pelo SUS, é eficaz, efetivo e seguro no tratamento de convulsões em pacientes pediátricos com epilepsia? EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS: Foi elaborado um Parecer Técnico-Científico seguindo as Diretrizes do Ministério da Saúde. Após duas buscas contemplando os desfechos em questão, foram incluídos três estudos, sendo que dois deles comparavam o levetiracetam com carbamazepina e o último com o ácido valpróico. A análise do risco de viés evidenciou estudos com qualidade moderada. A avaliação conjunta dos estudos não demonstrou eficácia ou efetividade superior do levetiracetam em comparação aos anticonvulsivantes já padronizados pelo SUS. AVALIAÇÃO DE IMPACTO ORÇAMENTÁRIO: O custo incremental total estimado para o tratamento com levetiracetam na população pediátrica, com peso médio de 10 kg, foi de R$1.682.535,63 em cinco anos. EXPERIÊNCIA INTERNACIONAL: O levetiracetam foi incorporado como terapia adjuvante pela agência Inglesa e Escocesa. Pela agência do Canadá, existe o uso em primeira linha em algumas províncias ou em situações especiais. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Foram realizadas duas buscas para atender ao demandante, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco. Na primeira, não foi recuperado nenhum estudo e na segunda busca foram recuperados três estudos. Em nenhuma das publicações analisadas foram encontradas evidências da superioridade do Levetiracetam em comparação com a carbamazepina ou o ácido valpróico. DELIBERAÇÃO FINAL: Os membros da CONITEC, presentes na 57ª reunião ordinária, realizada nos dias 5 e 6 de julho de 2017, deliberaram por unanimidade recomendar a ampliação de uso do medicamento levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia decorrente de infecção pelo vírus zika. Foi assinado o Registro de Deliberação nº nº 271/2017. DECISÃO: Incorporado levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia segundo Portaria SCTIE/MS nº 38, DE 31 DE AGOSTO DE 2017.(AU)
Descriptores: Anticonvulsivantes/uso terapéutico
Nootrópicos/uso terapéutico
Piracetam/análogos & derivados
Convulsiones/quimioterapia
Microcefalia
-Evaluación de la Tecnología Biomédica
Análisis Costo-Beneficio
Brasil
Sistema Único de Salud
Límites: Humanos
Tipo de Publ: Informe Técnico
Estudios de Evaluación
Responsable: BR1.1 - BIREME


  10 / 272 LILACS  
              first record previous record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-906737
Autor: Oliveira, Ruan Pierre; Moura, José Antão Beltrão; Barros, Marcelo Alves; Cavalcante, Ana Carolina Policarpo.
Título: Gamificação e crowdsourcing para melhoria do combate ao Aedes aegypti / Gamification and crowdsourcing for strengthening the combat against Aedes aegypti
Fuente: J. health inform;8(supl.I):963-972, 2016. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Conferencia: Presentado en: Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 15, Goiânia, 27-30 nov. 2016.
Resumo: OBJETIVOS: Criar um sistema baseado em conceitos de gamificação e crowdsourcing, para auxiliar no combate/prevenção ao Aedes aegypti. Com ênfase nos indicadores: número de notificações de focos do mosquito; tempo médio para gerar relatórios utilizados no planejamento e tempo médio entre a notificação e o recebimento da mesma pelo agente de campo. MÉTODOS: Trata-se de um estudo quantitativo-exploratório em parceria com as vigilâncias para a idealização, especificação, implementação e teste piloto do sistema proposto. RESULTADOS: Foi produzido um aplicativo móvel para a população realizar notificações que alimentam um sistema de informação na web, georreferenciado e usado pela VA/VE para apoio à gestão de seus serviços. No piloto foi verificado uma melhoria significativa nos indicadores considerados. CONCLUSÃO: O sistema poderá funcionar como um novo canal de denúncia, assim como auxiliar os processos e serviços da VA/VE para um combate mais eficiente e eficaz ao mosquito e às doenças por ele transmitidas.

OBJECTIVES: Develop and apply a gamified and crowdsourcing information system to speed up and improvedecision making by sanitary and health agencies ("VA/VE") as they attempt to prevent the spread of the zika, dengue, and chikungunya viruses transmitted by the Aedes aegypti mosquito. METHODS: Carry out a quantitative-exploratory study in partnership with VA/VE to specify, implement and (pilot) test the proposed system. RESULTS: The work produceda gamified, crowdsourced mobile app for the population to feed information on Aedes aegypti´s infestation into a georeferenced web information system. VA/VE use this web IS to manage their operations. The pilot test provided evidence that the partner VA/VE was able to make faster and better decisions. CONCLUSION: The proposed IS may serve as a newAedes aegypti infestation notification channel for the population and as a decision support system for VA/VE for more efficient and effective combat against the mosquito and related diseases.
Descriptores: Aplicaciones Móviles
Dengue/prevención & control
Colaboración de las Masas
Aedes
-Congresos como Asunto
Límites: Humanos
Masculino
Femenino
Adulto
Adulto Joven
Responsable: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG



página 1 de 28 va a la página                         
   


Refinar la búsqueda
  Base de datos : Formulario avanzado   

    Buscar en el campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPS/OMS - Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud