Base de dados : LILACS
Pesquisa : 305449 [Identificador único]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
experimentalDocumentos relacionados
Id: 305449
Autor: Stotz, Eduardo Navarro.
Título: Necessidade de saúde: mediaçoes de um conceito (contribuiçäo das Ciências Sociais para a fundamentaçäo teórico-metodológica de conceitos operacionais da área de planejamento em saúde) / Health needs: mediations of a concept (contribution of social sciences for the theoretical-methodological establishment of operational concepts in the field of health.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 1991. 765 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Pretende aprofundar, teórica e metodologicamnte, a linha temática sobre Movimentos Sociais e Saúde, do Curso de Pós-Graduaçäo em Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública. Entre os vários aspectos que tal temática pode ser abordada, toma-se como objetivo de estudo a definiçäo de necessidades de saúde por sujeitos coletivos. O conceito de necessidades de saúde apresenta-se, na literatura da Saúde Pública, como um conceito operacional a um dos enfoques do Planejamento em Saúde. Dada a ausência de um tratamento teórico-analítico do conceito, busca-se através da revisäo da literatura de referência, contribuir para a sua delimitaçäo conceitual. Recuperando os subsídios das Ciências Sociais e, em particular, da Sociologia, descortina-se o conceito de necessidades de Saúde como um conceito de junçäo entre objetos de distintas disciplinas científicas, o qual reflete as mediçoes fundamentais da prática social. Dado que a definiçäo de necessidades de saúde somente é possível em virtude de sujeitos constituídos na relaçäo com o Estado, manifestando-se aí as mediçoes a serem investigadas, pergunta-se como é possível determinar o conceito. O problema de ausência de invariância, recorrência e necessidade dos fenômenos aos quais o conceito deve corresponder e refletir, coloca em questäo a possibilidade de um saber científico. Recolocado nos termos de uma discussäo em torno da relaçäo entre indivíduo e sociedade, o problema passa a ser visto à luz de outras questoes já clássicas na Sociologia. Aprofunda-se, em consequência, o tratamento analítico do conceito nos termos do debate sobre o objetivo científico e a objetividade do conhecimento para, finalmente, tentar um exercício metodológico no qual o conceito de necessidade de saúde evidencie seu valor para a pesquisa científica. (AU)
Descritores: Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde
Planejamento em Saúde/normas
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; ENSP/R303.484*S889n



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde