Base de dados : LILACS
Pesquisa : 473627 [Identificador único]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
(texto :
PT)
experimentalDocumentos relacionados
Id: 473627
Autor: Soares, Márcio.
Título: Cuidando da família de pacientes em situação de terminalidade internados na unidade de terapia intensiva / Caring for the families of terminally ill patients in the intensive care unit
Fonte: Rev. bras. ter. intensiva;19(4):481-484, out.-dez. 2007.
Idioma: pt.
Resumo: JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O cuidado dos familiares é uma das partes mais importantes do cuidado global dos pacientes internados nas unidades de terapia intensiva (UTI). No contexto de um paciente terminal ou no qual as perspectivas de recuperação são muito improváveis, esta face do cuidado assume uma importância ainda maior, pois na maioria das vezes o paciente não estará desperto, e será preciso lidar e cuidar dos seus familiares. Os familiares têm necessidades específicas e apresentam freqüências elevadas de estresse, distúrbios do humor e ansiedade durante o acompanhamento da internação na UTI, e que muitas vezes persistem após a morte do seu ente querido. CONTEÚDO: Foram selecionados artigos sobre o cuidado de familiares de pacientes em situação de terminalidade na UTI publicados nos últimos 20 anos na PubMed. CONCLUSÕES: A literatura recente está repleta de evidências de que estratégias voltadas para os familiares como a melhoria da comunicação, da prevenção de conflitos e do conforto espiritual, para citar algumas, resultam em maiores satisfação e percepção da qualidade da assistência prestada ao paciente na UTI.(AU)

BACKGROUND AND OBJECTIVES: Caring for the families is one of the major tasks of the global care of patients admitted to the intensive care unit (ICU). In the context of a terminally ill patient or a patient in whom the recovery from the acute illness is unlikely, dealing with and caring for their family members becomes even more important as the patient will not be awake in most of situations. Family members have specific needs and present with high incidence of symptoms of stress, depression, anxiety and related disorders during the ICU of their beloved one, which can even persist late after the patient's death. CONTENTS: Review of selected studies on the care of family members of patients at the end-of-life admitted to the ICU published at the PubMed database during the last 20 years. CONCLUSIONS: Recent literature is plenty of evidence that strategies directed to care of family members, such as improvement of the communication process, prevention of conflicts, and spiritual care, can improve satisfaction and perception of quality on the care of patients at the end-of-life in the ICU.(AU)
Descritores: Família/psicologia
Comunicação
Relações Profissional-Família
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR13.3 - Biblioteca das Faculdades de Odontologia e Nutrição



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde