Base de dados : LILACS
Pesquisa : J. bras. nefrol [Revista]
Referências encontradas : 1667 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 167 ir para página                         

  1 / 1667 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134860 LILACS-Express
Autor: Pereira, Maria Eduarda Vilanova da Costa; Gonzalez, Diego Ennes; Roberto, Fernanda Badiani; Foresto, Renato Demarchi; Kirsztajn, Gianna Mastroianni; Durão Júnior, Marcelino de Souza.
Título: Listeria monocytogenes meningoencephalitis in a patient with Systemic Lupus Erythematosus / Meningoencefalite por Listeria monocytogenes em paciente com Lúpus Eritematoso Sistêmico
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):375-379, July-Sept. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Infectious complications are common in systemic lupus erythematosus. Although uncommon, central nervous system infections do occur and have significant lethality, with several etiological agents. Methods: We report on the case of a 29-year-old woman recently diagnosed with systemic lupus erythematosus with hematological, cutaneous, serous and renal manifestations (class IV lupus nephritis), who underwent corticosteroid pulse therapy and mycophenolate induction therapy. After 3 months of evolution, she developed headache and altered mental status. Computed tomography showed an area of hypoattenuation in the left frontal white matter and her cerebrospinal fluid examination showed pleocytosis and hyperproteinorrhachia. Peripheral blood and CSF culture identified Listeria monocytogenes. The patient presented deterioration of her neurological status, requiring invasive mechanical ventilation, monitoring of intracranial pressure and, despite all the intensive support, persisted in a comatose state and developed multiple organ failure, evolving to death due to nosocomial bloodstream infection. Discussion: Infection from L. monocytogenes usually occurs after eating contaminated food, manifesting itself with diarrhea and, occasionally, invasively, such as neurolisteriosis. Further investigation with CSF analysis and MRI is necessary, and the diagnosis consists of isolating the bacteria in sterile body fluid. Conclusion: The case presents a patient whose diagnosis of meningoencephalitis became an important differential with neuropsychiatric disorder. The poor outcome reinforces the need to remember this infectious condition as a serious complication in the natural history of SLE.

Resumo Introdução: As complicações infecciosas são frequentes no lúpus eritematoso sistêmico. Apesar de incomum, infecções do sistema nervoso central ocorrem e têm significativa letalidade, apresentando diversos agentes etiológicos. Métodos: Descrevemos aqui o caso de uma mulher de 29 anos recentemente diagnosticada com lúpus eritematoso sistêmico com manifestações hematológica, cutânea, serosa e renal (nefrite lúpica classe IV), submetida a pulsoterapia com corticoide e terapia de indução com micofenolato. Após 3 meses de evolução, apresentou quadro de cefaleia e alteração de estado mental. Tomografia computadorizada evidenciou área de hipoatenuação em substância branca frontal esquerda e exame de líquido cefalorraquidiano mostrava pleocitose e hiperproteinorraquia. Cultura de sangue periférico e do liquor identificaram Listeria monocytogenes. Paciente apresentou deterioração do quadro neurológico, necessitando de ventilação mecânica invasiva, monitorização de pressão intracraniana e, apesar de todo o suporte intensivo, persistiu em estado comatoso e disfunção de múltiplos órgãos, evoluindo a óbito por infecção de corrente sanguínea nosocomial. Discussão: Infecção por L. monocytogenes ocorre geralmente após ingestão de alimentos contaminados, manifestando-se por diarreia e, eventualmente, de forma invasiva como a neurolisteriose. Investigação complementar com análise de liquor e ressonância magnética faz-se necessária, sendo o diagnóstico confirmado por isolamento da bactéria em líquido corporal estéril. Conclusão: O caso representa uma paciente cujo diagnóstico de meningoencefalite tornou-se importante diferencial com atividade de doença neuropsiquiátrica. A evolução insatisfatória reforça a necessidade de se lembrar desta condição infecciosa como complicação grave na história natural do LES.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134859 LILACS-Express
Autor: Cavoli, Gioacchino Li; Finazzo, Francesca; Mongiovi, Rosalia; Bono, Luisa; Ferrantelli, Angelo; Azzolina, Vitalba; Tortorici, Calogera; Oliva, Barbara; Amato, Antonio; Giammarresi, Carlo; Zagarrigo, Carmela; Carollo, Camillo; Servillo, Franca; Schillaci, Onofrio; Tralongo, Angelo.
Título: The imaging of total kidney volume in ADPKD / Avaliação do volume renal total por imaginologia na DRPAD
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):384-385, July-Sept. 2020. graf.
Idioma: en.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134858 LILACS-Express
Autor: Cetin, Nuran; Kiraz, Zeynep Kusku; Sav, Nadide Melike.
Título: Urine hepcidin, netrin-1, neutrophil gelatinase-associated lipocalin and C-C motif chemokine ligand 2 levels in multicystic dysplastic kidney / Níveis de hepcidina, netrina-1, lipocalina associada a gelatinase neutrofílica e ligante de quimiocina C-C motif na urina do rim displásico multicístico
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):280-289, July-Sept. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Glomerular hyperfiltration may lead to proteinuria and chronic kidney disease in unilateral multicystic dysplastic kidney (MCDK). We aimed to investigate the urine neutrophil-gelatinase-associated lipocalin (NGAL), netrin-1, hepcidin, and C-C motif chemokine ligand-2 (MCP-1/CCL-2) levels in patients with MCDK. Methods: Thirty-two patients and 25 controls were included. The urine hepcidin, netrin-1, NGAL, and MCP-1/CCL-2 levels were determined by ELISA. Results: The patients had higher serum creatinine (Cr) levels, urine albumin, and netrin-1/Cr ratio with lower GFR. There were positive correlations between urine protein/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr, and netrin-1 with NGAL (r = 0.397, p = 0.031; r = 0.437, p = 0.041, r = 0.323, p = 0.042, respectively). Urine netrin-1/Cr was positively correlated with MCP-1/CCL-2/Cr (r = 0.356, p = 0.045). There were positive associations between the presence of proteinuria and netrin-1/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr, and NGAL/Cr [Odds ratio (OR): 1.423, p = 0.037, OR: 1.553, p = 0.033, OR: 2.112, p = 0.027, respectively)]. ROC curve analysis showed that netrin-1/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr, and NGAL/Cr had high predictive values for determining proteinuria p = 0.027, p = 0.041, p = 0.035, respectively). Urine hepcidin/Cr was negatively correlated with tubular phosphorus reabsorption and was positively correlated with urine NGAL/Cr (r = -0.418, p = 0.019; r = 0.682, p = 0.000; respectively). Conclusions: MCP-1/CCL-2 may play a role in the development of proteinuria in MCDK. Netrin-1 may be a protective factor against proteinuria-induced renal injury. Urine hepcidin/Cr may reflect proximal tubule damage in MCDK. Urine NGAL/Cr may be a predictor of tubule damage by proteinuria.

Resumo Introdução: A hiperfiltração glomerular pode causar proteinúria e doença renal crônica no rim displásico multicístico unilateral (RDM). Nosso objetivo foi investigar os níveis de lipocalina associada à gelatinase neutrofílica na urina (NGAL), netrina-1, hepcidina e quimiocina C-C com ligante-2 (MCP-1/CCL-2) em pacientes com RDM. Métodos: Trinta e dois pacientes e 25 controles foram incluídos. Os níveis urinários de hepcidina, netrin-1, NGAL e MCP-1/CCL-2 foram determinados por ELISA. Resultados: Os pacientes apresentaram níveis séricos mais elevados de creatinina (Cr), albumina na urina e relação netrina-1/Cr com menor TFG. Houve correlação positiva entre proteína na urina/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr e netrina-1 com NGAL (r = 0,397, p = 0,031; r = 0,437, p = 0,041, r = 0,323, p = 0,042, respectivamente). A netrina-1/Cr na urina foi correlacionada positivamente com MCP-1/CCL-2/Cr (r = 0,356, p = 0,045). Houve associações positivas entre a presença de proteinúria e netrina-1/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr e NGAL/Cr [Odds ratio (OR): 1,423, p = 0,037, OR: 1,553, p = 0,033, OR: 2,112, p = 0,027, respectivamente) ]. A análise da curva ROC mostrou que netrina-1/Cr, MCP-1/CCL-2/Cr e NGAL/Cr apresentaram altos valores preditivos para determinar a proteinúria p = 0,027, p = 0,041, p = 0,035, respectivamente). A hepcidina/Cr na urina foi correlacionada negativamente com a reabsorção tubular de fósforo e positivamente com a NGAL/Cr na urina (r = -0,418, p = 0,019; r = 0,682, p = 0,000; respectivamente). Conclusões: MCP-1/CCL-2 pode ter participação no desenvolvimento de proteinúria no RDM. A Netrina-1 pode ser um fator protetor contra lesão renal induzida por proteinúria. Hepcidina/Cr na urina pode refletir danos em túbulos proximais no RDM. O valor de NGAL/Cr urinário pode ser um preditor de danos nos túbulos por proteinúria.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Carvalho, Aluízio Barbosa
Texto completo
Id: biblio-1134857 LILACS-Express
Autor: Gloria, Maria Aparecida da; Mouro, Margaret Gori; Geraldini, Simone; Higa, Elisa Mieko Suemitsu; Carvalho, Aluizio Barbosa.
Título: Cbfa1 expression in vascular smooth muscle cells may be elevated by increased nitric oxide/iNOS / A expressão de Cbfa1 nas células do músculo liso vascular pode ser elevada pelo aumento do óxido nítrico/iNOS
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):300-306, July-Sept. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Vascular calcification is a common complication of chronic kidney disease. Osteoblast differentiation factor (Cbfa1) is present in histologic sections of arteries from patients with end-stage renal disease. Vascular smooth muscle cells (VSMC) can dedifferentiate to osteoblast-like cells, possibly by up-regulation of Cbfa1. There is evidence that the production of nitric oxide (NO) may have an important role in the regulation of osteoblast metabolism. The aim of this study is to evaluate whether increased NO/iNOS expression causes an increase in cbfa1 expression in VSMC. Methods: VSMC were obtained from renal artery of Wistar male rats, treated for 72 hours with lipopolysaccharide (LPS), ß-glycerophosphate (BGF), a donor of phosphate and aminoguanidine (AG), an inhibitor of iNOS, in the following groups: CTL (control), LPS, BGF, LPS + BGF, and LPS + AG. NO synthesis was determined by chemiluminescence. Cbfa1 and iNOS mRNA expressions were analyzed by RT-PCR, Cbfa1 protein expression by immunohistochemistry and cellular viability by acridine orange. Results: Cbfa1 and iNOS mRNA expressions were higher in LPS and LPS+ BGF vs CTL (p < 0.05), and they were lower in LPS+AG vs LPS (p < 0.05). The Cbfa1 in the groups LPS and LPS+BGF also resulted in a higher value compared to CTL (p < 0.05), and in LPS+AG it was lower compared to LPS (p < 0.05). NO was higher in LPS and LPS+BGF compared to CTL group (p < 0.05) and lower in LPS + AG compared to LPS group (p < 0.05). Cellular viability showed no statistical difference among groups. Conclusion: This study showed that increased NO/iNOS expression causes an increase in cbfa1 expression in VSMC.

RESUMO Introdução: A calcificação vascular é uma complicação comum da doença renal crônica. O fator de diferenciação osteoblástica (Cbfa1) está presente em cortes histológicos das artérias de pacientes com doença renal em estágio terminal. As células do músculo liso vascular (CMLV) podem desdiferenciar para células do tipo osteoblastos, possivelmente pela regulação positiva da Cbfa1. Há evidências de que a produção de óxido nítrico (NO) pode ter um papel importante na regulação do metabolismo dos osteoblastos. O objetivo deste estudo é avaliar se o aumento da expressão de NO/iNOS causa um aumento na expressão de cbfa1 nas CMLV. Métodos: As CMLV foram obtidas da artéria renal de ratos machos Wistar, tratados por 72 horas com lipopolissacarídeo (LPS), ß-glicerofosfato (BGF), um doador de fosfato e aminoguanidina (AG), um inibidor da iNOS, nos seguintes grupos: CTL (controle), LPS, BGF, LPS + BGF e LPS + AG. A síntese de NO foi determinada por quimioluminescência. As expressões de mRNA de Cbfa1 e iNOS foram analisadas por RT-PCR, a expressão da proteína Cbfa1 por imunohistoquímica e viabilidade celular por laranja de acridina. Resultados: As expressões de mRNA de Cbfa1 e iNOS foram maiores em LPS e LPS + BGF v.s. CTL (p < 0,05) e menores em LPS + AG v.s. LPS (p <0,05). O Cbfa1 nos grupos LPS e LPS + BGF também resultou em um valor maior em comparação ao CTL (p < 0,05), e no LPS + AG foi menor em comparação ao LPS (p < 0,05). NO foi maior no LPS e LPS + BGF em comparação ao grupo CTL (p < 0,05) e menor no LPS + AG em comparação ao grupo LPS (p < 0,05). A viabilidade celular não mostrou diferença estatística entre os grupos. Conclusão: Este estudo mostrou que o aumento da expressão de NO/iNOS causa um aumento na expressão de cbfa1 nas CMLV.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Lugon, Jocemir Ronaldo
Texto completo
Id: biblio-1134856 LILACS-Express
Autor: Silva, Ana Paula Ramos; Strogoff-de-Matos, Jorge Paulo; Lugon, Jocemir Ronaldo.
Título: Metabolic acidosis in hemodialysis: a neglected problem in Brazil / Acidose metabólica na hemodiálise: um problema menosprezado no Brasil
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):323-329, July-Sept. 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Metabolic acidosis is associated with the high mortality seen in hemodialysis patients. The panorama of metabolic acidosis in hemodialysis in Brazil is unclear since 1996 when the analysis of bicarbonate levels was no longer a compulsory exam. We aimed to establish the prevalence of metabolic acidosis in a hemodialysis population and analyze the factors associated with low bicarbonate levels. Methods: A cross-sectional study was carried out to assess the prevalence of metabolic acidosis in adults undergoing regular hemodialysis from January to April 2017, in four dialysis centers from Niteroi, Rio de Janeiro, Brazil, and surroundings. For blood gas analysis, samples of 2 mL were collected in heparinized syringes before a midweek dialysis session. Results: 384 patients with a mean age of 58.1 ± 15.8 years (54.5% men and 63.0%, non-white) were included. Approximately 30% had diabetes and 48%, hypertension. Nearly 88% used primary arteriovenous fistula as vascular access. The pre-dialysis mean serum tCO2 in the midweek session was 22.7 ± 3.0 mEq/L. The prevalence rate of serum bicarbonate below DOQI recommendation (22 mEq/L or higher) was 40.3%, and 6.5% had serum bicarbonate < 18 mEq/L. The dialyzer use count and the use of low-flux dialyzers were negatively associated whereas age and the standard Kt/V values were positively associated with the serum bicarbonate levels. Conclusion: The findings were in agreement with global data reported in previous studies. However, because the sample was relatively small and non-representative of the Brazilian population, a more comprehensive study, addressing national data is necessary to substantiate our findings.

RESUMO Introdução: A acidose metabólica está associada à elevada mortalidade observada em pacientes em hemodiálise. O panorama da acidose metabólica na hemodiálise no Brasil perdeu visibilidade em 1996, ano em que a análise dos níveis de bicarbonato deixou de ser obrigatória. Nosso objetivo foi estabelecer a prevalência da acidose metabólica em uma população em hemodiálise e analisar os fatores associados a baixos níveis de bicarbonato. Métodos: O presente estudo transversal avaliou a prevalência de acidose metabólica em adultos regularmente submetidos a hemodiálise de janeiro a abril de 2017, em quatro centros de diálise situados em Niterói e arredores no Estado do Rio de Janeiro. Para análise de gasometria, foram colhidas amostras de 2 mL em seringas heparinizadas antes das sessões de diálise do meio de semana. Resultados: Foram incluídos 384 pacientes com idade média de 58,1 ± 15,8 anos (54,5% homens; 63,0% não brancos). Aproximadamente 30% tinham diabetes e 48% apresentavam hipertensão. Cerca de 88% usavam fístula arteriovenosa primária como acesso vascular. A concentração sérica média pré-diálise de tCO2 na sessão do meio de semana foi de 22,7 ± 3,0 mEq/L. A taxa de prevalência de bicarbonato sérico abaixo do valor recomendado no DOQI (22 mEq/L ou superior) foi de 40,3%; 6,5% dos pacientes apresentaram bicarbonato sérico < 18 mEq/L. Os níveis séricos de bicarbonato apresentaram associações negativas com número de usos do dialisador e uso de dialisadores de baixo fluxo e associações positivas com idade e valores do Kt/V standard. Conclusão: Os resultados foram concordantes com dados globais relatados em estudos anteriores. Contudo, como a amostra era relativamente pequena e não representativa da população brasileira, são necessários estudos mais abrangentes que venham a abordar dados nacionais para consubstanciar nossos achados.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Riella, Miguel Carlos
Texto completo
Id: biblio-1134855 LILACS-Express
Autor: Moura-Neto, José A.; Riella, Miguel Carlos.
Título: Visual abstracts: an innovative way to disseminate scientific Information / Visual abstracts: uma forma inovadora de divulgar informação científica
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):357-360, July-Sept. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Technological innovations often occur and make an impact on many industries. In academia, Visual Abstracts have been a trend and represent a creative and dynamic way to disseminate scientific knowledge. Although still rare in Brazil, more than 15 journals already use Visual Abstracts worldwide. This brief paper intends to present the concept and discuss the potential effectiveness of this innovative tool.

RESUMO Inovações tecnológicas ocorrem frequentemente e causam impacto em diversos setores. No meio acadêmico, Visual Abstracts têm sido uma tendência e representam uma forma criativa e dinâmica de divulgar o conhecimento científico. Apesar de ainda raros no Brasil, mais de 15 periódicos já utilizam Visual Abstracts no mundo. Este breve artigo pretende apresentar o conceito e discutir a potencial efetividade dessa ferramenta inovadora.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134854 LILACS-Express
Autor: Azevedo, Renata; Esgalhado, Marta; Kemp, Julie Ann; Regis, Bruna; Cardozo, Ludmila FMF; Nakao, Lia S.; Brito, Jessyca Sousa de; Mafra, Denise.
Título: Resistant starch supplementation effects on plasma indole 3-acetic acid and aryl hydrocarbon receptor mRNA expression in hemodialysis patients: Randomized, double blind and controlled clinical trial / Efeitos da suplementação de amido resistente no ácido indol-3-acético plasmático e na expressão do mRNA do receptor aril-hidrocarboneto em pacientes em hemodiálise: ensaio clínico randomizado, duplo-cego e controlado
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):273-279, July-Sept. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Gut microbiota imbalance is linked to high uremic toxins production such as indole-3-acetic acid (IAA) in chronic kidney disease patients. This toxin can activate the aryl hydrocarbon receptor (AhR), a ligand-activated transcription factor involved with inflammation. Strategies to restore gut microbiota balance can be associated with reduced production of IAA and its deleterious effects. This study aimed to evaluate prebiotic resistant starch (RS) supplementation effects on IAA plasma levels and AhR mRNA expression in CKD patients on hemodialysis (HD). Methods: This randomized, double-blind and placebo-controlled clinical trial evaluated forty-two stable HD patients allocated in RS (n=22) or placebo (n=20) groups. Patients received, alternately, cookies and sachets containing 16 g/day of RS (Hi-Maize 260®) or manioc flour for four weeks. Fasting pre-dialysis blood samples were collected and IAA plasma levels measured by high performance liquid chromatography. Peripheral blood mononuclear cells were isolated and processed for AhR and nuclear factor kappa B (NF-κB) mRNA expression analyzes by quantitative real-time PCR. Anthropometric and biochemical parameters, as well as food intake were also evaluated. Results: Thirty-one patients completed the study, 15 in the RS group and 16 in the placebo group. Although there was no significant alteration in IAA plasma levels, neither in AhR mRNA expression and NF-κB mRNA expression after RS supplementation, a positive correlation (r=0.48; p=0.03) was observed between IAA plasma levels and AhR expression at baseline. Conclusion: Even though prebiotic RS supplementation did not influence IAA levels or AhR expression, their positive association reinforces a possible interaction between them.

RESUMO Introdução: O desequilíbrio da microbiota intestinal associa-se à alta produção de toxinas urêmicas tais como ácido indol-3-acético (AIA), em renais crônicos. Essa toxina ativa o receptor aril hidrocarboneto (AhR) - fator de transcrição ativado por ligante, na inflamação. Restaurar o equilíbrio da microbiota intestinal associa-se à produção reduzida de AIA e efeitos deletérios. Avaliamos os efeitos da suplementação de amido resistente prebiótico (AR) sobre AIA sérico e expressão de AhR mRNA em renais crônicos em HD. Métodos: Estudo clínico randomizado, duplo-cego, controlado por placebo, com 42 pacientes em HD, nos grupos AR (n = 22) ou placebo (n = 20). Os pacientes receberam, alternadamente, biscoitos e sachês com 16 g/dia de AR ou polvilho - 4 semanas. Coletamos amostras de sangue em jejum pré-diálise e medimos níveis séricos de AIA por cromatografia líquida de alta eficiência. Isolamos e processamos as células mononucleares do sangue periférico para avaliar expressão AhR mRNA e NF-κB por PCR quantitativo em tempo real. Avaliamos parâmetros antropométricos, bioquímicos e ingestão alimentar. Resultados: 31 pacientes, 15 AR e 16 no placebo. Apesar de não apresentarem alteração significativa nos níveis de AIA, nas expressões de AhR ou NF-κB mRNA pós- suplementação com AR, foi verificada uma correlação positiva (r = 0,48; p = 0,03) entre AIA sérico e expressão de AhR na linha basal. Conclusão: Embora a suplementação com o prebiótico de AR não tenha influenciado os níveis de AIA ou a expressão de AhR, sua associação positiva reforça possível interação entre eles.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134853 LILACS-Express
Autor: Santos, Reginaldo Passoni dos; Carvalho, Ariana Rodrigues da Silva; Peres, Luis Alberto Batista; Delfino, Vinicius Daher Alvares; Grion, Cintia Magalhães Carvalho.
Título: Non-recovery of renal function is a strong independent risk factor associated with mortality in AKI patients / A não recuperação da função renal é um forte fator de risco independente associado à mortalidade em pacientes com LRA
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):290-299, July-Sept. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Acute kidney injury (AKI) is a recurrent complication in the intensive care unit (ICU) and is associated with negative outcomes. Objective: To investigate factors associated with mortality in critically ill AKI patients in a South Brazilian ICU. Methods: The study was observational retrospective involving AKI patients admitted to the ICU between January 2011 and December 2016 of at least 18 years old upon admission and who remained in the ICU at least 48 hours. Comparisons between selected characteristics of survivor and non-survivor groups were done using univariate analysis; multivariate logistic regression was applied to determine factors associated with patient mortality. Results: Of 838 eligible patients, 613 participated in the study. Men represented the majority (61.2%) of the patients, the median age was 53 years, and the global mortality rate was 39.6% (n= 243). Non-recovery of renal function after AKI (OR= 92.7 [38.43 - 223.62]; p <0.001), major surgery-associated AKI diagnosis (OR= 16.22 [3.49 - 75.38]; p <0.001), and the use of vasoactive drugs during the ICU stay (OR = 11.49 [2.46 - 53.70]; p <0.002) were the main factors independently associated with patient mortality. Conclusion: The mortality rate observed in this study was similar to that verified in other centers. Non-recovery of renal function was the variable most strongly associated with patient mortality, suggesting that the prevention of factors that aggravate or maintain the AKI episode should be actively identified and mitigated, possibly constituting an important strategy to reduce mortality in AKI patients.

RESUMO Introdução: A lesão renal aguda (LRA) é uma complicação recorrente na unidade de terapia intensiva (UTI), e está associada a desfechos desfavoráveis. Objetivo: Investigar fatores associados à mortalidade em pacientes com LRA, criticamente enfermos em uma UTI do Sul do Brasil. Métodos: O estudo foi retrospectivo observacional, envolvendo pacientes com LRA internados na UTI entre janeiro de 2011 e dezembro de 2016, com pelo menos 18 anos de idade na admissão e que permaneceram na UTI por pelo menos 48 horas. Comparações entre características selecionadas de grupos sobreviventes e não sobreviventes foram feitas usando análise univariada; regressão logística multivariada foi aplicada para determinar fatores associados à mortalidade dos pacientes. Resultados: Dos 838 pacientes elegíveis, 613 participaram do estudo. Os homens representaram a maioria (61,2%) dos pacientes, a idade média foi de 53 anos e a taxa de mortalidade global foi de 39,6% (n = 243). Não recuperação da função renal após LRA (OR = 92,7 [38,43 - 223,62]; p <0,001), diagnóstico de LRA associado à cirurgia (OR = 16,22 [3,49 - 75,38]; p <0,001) e uso de drogas vasoativas durante a internação na UTI (OR = 11,49 [2,46 - 53,70]; p <0,002) foram os principais fatores independentemente associados à mortalidade dos pacientes. Conclusão: A taxa de mortalidade observada neste estudo foi semelhante à verificada em outros centros. A não recuperação da função renal foi a variável mais fortemente associada à mortalidade dos pacientes, sugerindo que a prevenção de fatores que agravam ou mantêm o episódio de LRA deve ser ativamente buscada e incentivada, possivelmente constituindo uma estratégia importante para reduzir a mortalidade em pacientes com LRA.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1667 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134852 LILACS-Express
Autor: Macedo, Etienne; Mehta, Ravindra L..
Título: Regional differences in Acute Kidney Injury incidence and mortality in developing countries: recent trends / Diferenças regionais na incidência e mortalidade de Lesões Renais Agudas nos países em desenvolvimento: tendências recentes
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):268-270, July-Sept. 2020.
Idioma: en.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 1667 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134851 LILACS-Express
Autor: Cupisti, Adamasco; DAlessandro, Claudia.
Título: Metabolic and dietary features in kidney stone formers: nutritional approach / Características metabólicas e dietéticas em formadores de cálculos renais: uma abordagem nutricional
Fonte: J. bras. nefrol;42(3):271-272, July-Sept. 2020.
Idioma: en.
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 167 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde