Base de datos : BBO
Búsqueda : C10.228.140.300.800 [Categoria DeCS]
Referencias encontradas : 2 [refinar]
Mostrando: 1 .. 2   en el formato [Largo]

página 1 de 1

  1 / 2 BBO  
              next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Vianna, Maria Isabel Pereira
Id: biblio-857836
Autor: Scavuzzi, Ana Isabel Fonseca; Rocha, Maria Celina B. Siquara; Vianna, Maria Isabel Pereira.
Título: Influência da gestação na prevalência da cárie dentária e da doença periodontal / Influence of the pregnancy in the prevalence of dental carie and periodontal disease
Fuente: Rev. fac. odontol. Univ. Fed. Bahia;(18):15-21, jan.-jun. 1999. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumen: Com o objetivo de estudar a prevalência da cárie dentária e da doença periodontal por trimestre gravidez e número de gestação, forma examinadas 204 gestantes, da cidade de Salvador-BA. Para o exame clínico, utilizou-se os índices CPOD e ICNTO, segundo os critérios da OMS. Ao aplicar o teste de correlação Bivariada de Spearmann, para a relação entre o índice CPOD e número de gestações, observou-se uma fraca correlação (0,1700; p<0,05), como também entre o ICNTP e o número de gestações (0,2774;p<0,01). Foi utilizado o teste de Kruskal-Wallis, para que fossem testadas as diferenças das médias do CPOD e seus componentes, nos subgrupos divididos por trimestre de gravidez e, considerando-se p<0,01, nenhuma diferença pôde ser considerada estatisticamente significante. Através da análise dos intervalos de confiança a 95 por cento, também não observou-se diferenças, do ponto de vista estatístico, para a condição periodontal, pela análise dos escores do ICNTP, quando comparados os subgrupos por trimestre de gravidez. Conclui-se que, na amostra estudada, um maior número de gestações não implicou numa maior prevalência de cárie dentária ou doença periodontal na mulher, assim como, não houve evidências de incremento da prevalência de cárie ou doença periodontal no período getacional para o grupo estudado
Responsable: BR337.1 - Biblioteca
BR337.1


  2 / 2 BBO  
              first record previous record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-668680
Autor: More, Chandramani B; Shirolkar, Rajan; Adalja, Chhaya; Tailor, Mansi N.
Título: Florid cement-osseous dysplasia of maxilla and mandible: a rare clinical case
Fuente: Braz. j. oral sci;11(4):513-517, Oct.-Dec. 2012. ilus.
Idioma: en.
Resumen: Cemento-osseous dysplasia is a group of disorders known to originate from periodontal ligament tissues. Florid cemento-osseous dysplasia clearly appears to be a form of bone and/or cementoid tissues restricted to jaw bones. This lesion is usually asymptomatic and is incidentally detected during routine radiographic examination. The diagnosis is made by clinical and radiographic examinations, and biopsy is not necessary. The patient must manifest the typical changes in atleast two quadrants. An asymptomatic individual requires only a periodic follow-up to ensure that there is no change in the disease behavior. Surgical management is indicated only for a progressive lesion that produces orofacial disfigurement. This paper presents a rare case of a 60-year-oldfemale who was clinically and radiographically diagnosed as having florid cemento-osseous dysplasia in the maxilla and mandible. Discussion is presented with emphasis on clinical and radiographic manifestations.
Responsable: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica



página 1 de 1
   


Refinar la búsqueda
  Base de datos : Formulario avanzado   

    Buscar en el campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPS/OMS - Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud