Base de datos : BBO
Búsqueda : F01.100.050 [Categoria DeCS]
Referencias encontradas : 10 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   en el formato [Largo]

página 1 de 1

  1 / 10 BBO  
              next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: -874184
Autor: Fedorowicz, Z; Newton, J. T.
Título: Evidence based healthcare: encouraging the adoption of a new philosophy of care
Fuente: J. appl. oral sci;18(4):0-0, July-Aug. 2010.
Idioma: en.
Responsable: BR1.1 - BIREME


  2 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -870115
Autor: Carloni, Maria Emília Oliveira Gomes.
Título: Aspectos sociodemográficos e epidemiológicos dos casos de hanseníase em uma área endêmica: conhecimentos e experiências de cirurgiões-dentistas / Demographic and epidemiological aspects of leprosy cases in an endemic area: knowledge and experience of dentists.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2015. 65 p. tab.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Mestre.
Resumen: A hanseníase é uma doença infecciosa crônica causada pelo Mycobacterium leprae, que acomete preferencialmente pele e nervos periféricos, com um grande potencial para desenvolver incapacidades físicas. A redução da transmissibilidade e do número de doentes com lesões incapacitantes depende do incremento do diagnóstico precoce da doença. Os objetivos do presente trabalho foram conhecer as principais características epidemiológicas de indivíduos notificados com hanseníase, no período de 2013 a 2014, e o conhecimento e atuação do cirurgião-dentista no controle da endemia, no município de Cuiabá-MT. Trata-se de um estudo epidemiológico transversal, dividido em duas etapas, que incluem: análise de 434 Ficha Individual de Notificação/Investigação de Hanseniase, inquérito com 242 cirurgiões-dentistas (CD’s) atuantes no Sistema Único de Saúde (SUS) de Cuiabá, para analisar o conhecimento sobre a forma de contágio, características clínicas e tratamento; além das experiências em relação a suspeita diagnóstica e encaminhamento de casos. A análise de dados foi realizada através do Program Statistical Package for Social Sciense (SPSS) versão 21.0 e da análise bivariada utilizando o teste qui-quadrado e nível de significância de 5%. Do total de 434 Fichas de Investigação avaliadas a maior parte era do sexo feminino (52,5%), com idade acima de 60 anos (26,3%), pardos (48,4%), com ensino fundamental incompleto (32,7%). A forma clínica e classe operacional mais prevalentes foram dimorfa e multibacilar esta última mais frequente no sexo feminino. Quanto ao estudo dos CD’s os resultados mostraram a predominância do sexo feminino (65,7%), idade entre 30 e 39 anos (43%) e profissionais com 6 a 10 anos de formados (23,6%). No tocante ao tempo de trabalho no SUS, o maior percentual (28,1%) apresentava mais de 10 anos de trabalho. Quanto ao conhecimento sobre a doença, 30,6% não sabiam a eficácia do tratamento da hanseníase, 47% não tinham conhecimento que a doença era de notificação...

Leprosy is a chronic infectious disease caused by Mycobacterium leprae, which mainly affects the skin and peripheral nerves, with great potential to develop physical disabilities. Reducing the transmission and the number of patients with disabling injuries depends on the increase in early diagnosis. The objectives of this study were to know the main epidemiological characteristics of individuals with leprosy reported in the period 2013-2014, and the knowledge and performance of the dentist in leprosy control in the city of Cuiaba-MT. It is an epidemiological study, divided into two steps, which include: analysis of 434 Individual Forms of Leprosy Notification/Investigation, and survey of 242 dentists (CDs) working at the Unified Health System (SUS) in Cuiabá, to analyze their knowledge about the ways of transmission, clinical features and treatment, besides analyzing their experiences in relation to diagnostic suspicion and referral of cases. Data analysis was performed using the Statistical Package Program for Social Sciences (SPSS), version 21.0, and bivariate analysis using the chi-square test and 5% significance level. Of the total of 434 Investigation forms analyzed, the majority of the patients were female (52.5%), aged over 60 (26.3%), of mixed race (48.4%), with incomplete primary education (32.7%). The most prevalent clinical form and operating class were borderline and multibacillary, the latter more frequent in females. As for the study of CDs, the results showed a predominance of females (65.7%), aged between 30 and 39 years old (43%) and professionals graduated 6-10 years earlier (23.6%). With regard to time working at SUS, the highest percentage (28.1%) had worked for over 10 years. Regarding knowledge about the disease, 30.6% did not know the effectiveness of the treatment of leprosy, 47% were unaware that the disease was reportable and only 8.3% obtained information about leprosy at work. It was concluded that there was a higher prevalence of...
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  3 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -867499
Autor: Carloni, Maria Emília Oliveira Gomes.
Título: Aspectos sociodemográficos e epidemiológicos dos casos de hanseníase em uma área endêmica: conhecimentos e experiências de cirurgiões-dentistas / Demographic and epidemiological aspects of leprosy cases in an endemic area: knowledge and experience of dentists.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2015. 65 p. tab.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Mestre.
Resumen: A hanseníase é uma doença infecciosa crônica causada pelo Mycobacterium leprae, que acomete preferencialmente pele e nervos periféricos, com um grande potencial para desenvolver incapacidades físicas. A redução da transmissibilidade e do número de doentes com lesões incapacitantes depende do incremento do diagnóstico precoce da doença. Os objetivos do presente trabalho foram conhecer as principais características epidemiológicas de indivíduos notificados com hanseníase, no período de 2013 a 2014, e o conhecimento e atuação do cirurgião-dentista no controle da endemia, no município de Cuiabá-MT. Trata-se de um estudo epidemiológico transversal, dividido em duas etapas, que incluem: análise de 434 Ficha Individual de Notificação/Investigação de Hanseniase, inquérito com 242 cirurgiões-dentistas (CD’s) atuantes no Sistema Único de Saúde (SUS) de Cuiabá, para analisar o conhecimento sobre a forma de contágio, características clínicas e tratamento; além das experiências em relação a suspeita diagnóstica e encaminhamento de casos. A análise de dados foi realizada através do Program Statistical Package for Social Sciense (SPSS) versão 21.0 e da análise bivariada utilizando o teste qui-quadrado e nível de significância de 5%. Do total de 434 Fichas de Investigação avaliadas a maior parte era do sexo feminino (52,5%), com idade acima de 60 anos (26,3%), pardos (48,4%), com ensino fundamental incompleto (32,7%). A forma clínica e classe operacional mais prevalentes foram dimorfa e multibacilar esta última mais frequente no sexo feminino. Quanto ao estudo dos CD’s os resultados mostraram a predominância do sexo feminino (65,7%), idade entre 30 e 39 anos (43%) e profissionais com 6 a 10 anos de formados (23,6%). No tocante ao tempo de trabalho no SUS, o maior percentual (28,1%) apresentava mais de 10 anos de trabalho. Quanto ao conhecimento sobre a doença, 30,6% não sabiam a eficácia do tratamento da hanseníase, 47% não tinham conhecimento que a doença era de notificação...

Leprosy is a chronic infectious disease caused by Mycobacterium leprae, which mainly affects the skin and peripheral nerves, with great potential to develop physical disabilities. Reducing the transmission and the number of patients with disabling injuries depends on the increase in early diagnosis. The objectives of this study were to know the main epidemiological characteristics of individuals with leprosy reported in the period 2013-2014, and the knowledge and performance of the dentist in leprosy control in the city of Cuiaba-MT. It is an epidemiological study, divided into two steps, which include: analysis of 434 Individual Forms of Leprosy Notification/Investigation, and survey of 242 dentists (CDs) working at the Unified Health System (SUS) in Cuiabá, to analyze their knowledge about the ways of transmission, clinical features and treatment, besides analyzing their experiences in relation to diagnostic suspicion and referral of cases. Data analysis was performed using the Statistical Package Program for Social Sciences (SPSS), version 21.0, and bivariate analysis using the chi-square test and 5% significance level. Of the total of 434 Investigation forms analyzed, the majority of the patients were female (52.5%), aged over 60 (26.3%), of mixed race (48.4%), with incomplete primary education (32.7%). The most prevalent clinical form and operating class were borderline and multibacillary, the latter more frequent in females. As for the study of CDs, the results showed a predominance of females (65.7%), aged between 30 and 39 years old (43%) and professionals graduated 6-10 years earlier (23.6%). With regard to time working at SUS, the highest percentage (28.1%) had worked for over 10 years. Regarding knowledge about the disease, 30.6% did not know the effectiveness of the treatment of leprosy, 47% were unaware that the disease was reportable and only 8.3% obtained information about leprosy at work. It was concluded that there was a higher prevalence of...
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  4 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -867062
Autor: Souza, Sylvia Helena Scombatti de.
Título: Pró-saúde na perspectiva dos profissionais de saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Bauru: análise do discurso / Pro-Health in the perspective of health professionals of the municipal health Bauru: discourse analysis.
Fuente: Bauru; s.n; 2014. 130 p. map.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtención del grado de Mestre.
Resumen: A Estratégia Saúde da Família surgiu como uma proposta para impulsionar a reestruturação da Atenção Básica em Saúde, tendo como foco o núcleo familiar. A inserção da Equipe de Saúde Bucal foi um importante componente nesta proposta de atendimento integral, vislumbrando um paradigma de atenção odontológica que promova melhorias nas condições de vida da população e a perspectiva de atuação dentro dos princípios da integralidade, desenvolvendo atividades de promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal. O Agente Comunitário de Saúde é um profissional que emerge da comunidade e integra a equipe de saúde da família tornando-se um vínculo entre esses dois polos, trazendo as demandas da comunidade para a equipe e facilitando o acesso aos serviços. Este estudo teve como objetivo analisar, através dos discursos dos cirurgiões-dentistas, auxiliares em saúde bucal e agentes comunitários de saúde, suas percepções sobre a integralidade das ações, a integração ensino-serviço, através do programa Pró- Saúde, e as implicações na rotina de trabalho desses profissionais. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa, onde os profissionais integrantes das Equipes de Saúde Bucal e Agentes Comunitários de Saúde foram entrevistados com auxílio de um roteiro semiestruturado, abordando questões sobre o cotidiano de seu trabalho. Para análise dos dados foram utilizadas as metodologias do Discurso do Sujeito Coletivo (para os dados coletados da Equipe de Saúde Bucal) e Análise do Discurso (para os discursos dos Agentes Comunitários de Saúde). Os discursos mostraram a persistência de práticas odontológicas hegemônicas, com a dicotomia entre práticas clínicas intervencionistas e a prevenção. Os entrevistados demonstraram certa compreensão sobre os determinantes sociais, principalmente nos relatos abordando as visitas domiciliares. Neste estudo, porém, os discursos não evidenciaram mudanças nas atividades da Equipe de Saúde Bucal da Unidade de Saúde da Família cenário de prática do...

The Family Health Strategy has emerged as a proposal to promote the restructuring of Primary Health Care, focusing on the family unit. The insertion of the Oral Health Team was an important component in the proposed comprehensive care, envisioning a paradigm dental care that promotes improvements in the living conditions of the population and the prospect of acting within the principles of comprehensiveness, developing promotional activities, prevention and recovery oral health. The Community Health Worker is a professional that emerges from the community and is a staff family health becoming a link between these two poles, bringing the community's demands for the team and facilitating access to services. This study aimed to analyze, through the discourses of dentists, dental health aides and community health workers, their perceptions about the integration of actions, integrating teaching and service through the Pro-Health program, and the implications on routine work of these professionals. This is a qualitative study, where the professional members of the oral health teams and community health workers were interviewed with the aid of a semi - structured interview, addressing questions about their everyday work. The methodologies of the Collective Subject Discourse (for data collected from the Oral Health Team) and Discourse Analysis were used (for the speeches of Community Health Workers) for data analysis. The speeches showed the persistence of hegemonic dental practices, with the dichotomy between interventional clinical practice and prevention. Respondents showed some understanding of the social determinants, especially in reports addressing home visits. In this study, however, the talks did not show changes in the activities of the Oral Health Team of the Health Unit of Family Practice Pro-Health scenario, suggesting that the time (three years) of operation of the program is still short to induce changes in everyday...
Responsable: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta


  5 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -865238
Autor: Dossi, Ana Paula.
Título: Violência contra a criança: formação, conhecimento, percepção e atitude de profissionais da saúde e da educação / Child abuse: formation, knowledge, perception and attitude in health and education professional's.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2009. 87 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Doutor.
Resumen: A violência intrafamiliar contra a criança é, sem dúvida, uma das mais cruéis formas de agressão. Este estudo tem por objetivos: a) evidenciar possíveis situações de violência vividas na infância por adolescentes; b) avaliar a formação e o conhecimento dos professores de educação infantil sobre o tema; c) averiguar o conhecimento dos profissionais da saúde que atuam na atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS) sobre a notificação de violência contra crianças. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da FOA-UNESP (2007-01343). Para aferir a ocorrência e a severidade de maus-tratos na infância, realizou-se estudo tipo inquérito com 372 adolescentes com idade entre 14 a 17 anos, matriculados em uma instituição pública de formação profissional de Araçatuba-SP em 2008. Utilizou-se instrumento traduzido, validado e auto-aplicável. O segundo estudo desenvolveu-se nas escolas de Araçatuba-SP e contou com a participação de 236 professores de educação infantil. Utilizou-se instrumento desenvolvido para o estudo e as questões receberam tratamento quanti-qualitaivo. A terceira investigação foi realizada em 4 municípios da região noroeste do Estado de São Paulo: Adolfo, Bady Bassit, Mendonça e Nova Aliança. Por meio de entrevista estruturada com os profissionais de saúde, abordou-se a temática violência contra a criança e a notificação compulsória. De acordo com os resultados: a) 72,3% dos adolescentes sofreram violência na infância, prevalecendo a emocional no grau leve (28,7%). Foram encontradas associações significativas entre: violência física/emocional (p=0,0001); física/sexual (p=0,0001); física/negligência emocional (p=0,0001); sexual/emocional (p=0,0007); emocional/negligência emocional (p=0,0001). b) Quanto ao recebimento de informações sobre violência contra a criança, 80,9% dos professores afirmaram tê-las recebido e 19,1% negaram. 86,9% afirmaram conhecer os sinais de violência nas crianças, enquanto que 6,4% alegaram não ter reparo para...

The violence against children is undoubtedly the most cruel among all forms of aggression. This study aims to: a) highlight possible situations of violence experienced in childhood by adolescents, b) assess the training of teachers in early childhood education on the subject; c) investigate the knowledge of health professionals who work in primary care of Unified Health System (SUS) on the reporting of violence against children. The project was approved by the Research Ethics Committee of the FOA-UNESP (2007-01343). To assess the occurrence and severity of ill-treatment in childhood, study are type investigation with 372 adolescents aged 14 to 17 years, enrolled in a public institution for training of Araçatuba-SP in 2008. Instrument used was translated, validated and self-administered. The second study was developed in schools in Araçatuba-SP, with the participation of 236 teachers in early childhood education. It was used instrument developed to study the issues and received treatment quanti-qualitaivo. The third study was carried out in 4 counties in the northwestern region of São Paulo State: Adolfo, Bady Bassit, Mendonça and Nova Aliança. Through semi-structured interviews with health professionals, we dealt with issues violence against children and compulsory notification. According to the results: a) 72.3% of adolescents have experienced violence in childhood, the emotional prevailing in mild (28.7%). We found significant associations between: physical / emotional (p = 0.0001), physical / sexual (p = 0.0001), physical / emotional neglect (p = 0.0001), sexual / emotional (p = 0.0007); emotional / emotional neglect (p = 0.0001). b) On the receipt of information on violence against children, 80.9% of teachers have said it received and 19.1% denied. 86.9% claimed to know the signs of violence on children, while 6.4% claimed not to have prepared for this; 6.7% did not respond. On reporting, 91,1% feel responsible, 7,2% did not believe obligation and 1,6%...
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  6 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -865005
Autor: Rocha, Maurício Leonardo Margini.
Título: Dor de ouvido e as percepções de agentes comunitários de saúde: entre o saber popular e as barreiras ao tratamento / Earache and the perception of health community agents: between the people knowledge and barriers to assistance.
Fuente: Bauru; s.n; 2009. 61 p. map.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtención del grado de Mestre.
Resumen: A otite é uma das morbidades infantis que repercute no desenvolvimento da linguagem, causando sintomatologia dolorosa. No âmbito da atenção primária à saúde, o Agente Comunitário de Saúde (ACS) atua como elo entre a equipe de saúde e a comunidade. Tendo por objetivo revelar a percepção dos ACS frente às dores de ouvido na zona rural de Monte Negro-RO, o método da pesquisa consistiu em entrevistas com 20 ACS. Utilizou-se a figura metodológica discurso do sujeito coletivo. A partir das respostas dos ACS, foram construídas as categorias: sofrimento, patologia, cuidado e desconhecimento. A percepção dos ACS diante da dor de ouvido constrói noções, que não são claras o bastante para se definirem como conceito. Sendo o relato subjetivo do usuário o principal instrumento para mensurar a dor, o encontro de subjetividades que se produz no relato do ACS se deve ao papel de sujeito que trabalha com as diversidades culturais em que está inserido. A compreensão de seu discurso implica a possibilidade de construção de um enfoque da atenção básica à saúde que leve em consideração o saber popular.

Otitis is an infantile morbiditie directly interfering in the language development process, causing painful symptoms. The Health Community Agent (HCA) acts as a link between the health team and the community. This work aimed at revealing the perception of HCA as for auditory pain, in rural communities of Monte Negro, RO, Brazil. The research method consisted of interviews with 20 HCA. The study was accomplished by the qualitative method, utilizing methodological figures, as Collective Subject Speech. Out of the HCA` answers, central ideas allowed the building of categories such as: suffering, pathology, care, unawareness. The HCAs perception of earache leads to notions which are not clear enough to be defined as a concept. Being the patients subjective report the main tool to measure pain, the subjectivities produced in the HCAs report owe to the role of the individual who works with the cultural diversities in which he/she is inserted. The understanding of his speech implies the possibility of building a focus to basic health attention, taking into account popular wisdom.
Responsable: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta
BR28.1


  7 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Id: -864395
Autor: Lelis, Ricardo Takeda(aut).
Título: Estudo da ocorrência de atitudes discriminatórias na assistência à saúde de pessoas com HIV/AIDS / Study of the occurrence of discriminatory attitudes in the assistante to the health of people living with HIV/AIDS.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2006. 109 p.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Mestre.
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  8 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Id: -864393
Autor: Dossi, Ana Paula(aut).
Título: Violência doméstica: o que se espera do profissional de saúde? / Domestic violence: what can we hope from health professional?.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2006. 104 p.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Mestre.
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  9 / 10 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Id: -851093
Autor: Jacob, Liliana Seger; Gallo, Miriam Arantes.
Título: Atitudes e sentimentos de alinos do 4º ano do curso de graduação em Odontologia em relação ao atendimento a pacientes especiais / Feelings and attitudes of senior students attending a dental school related to the treatment of special patients
Fuente: J. Health Sci. Inst = Rev. Inst. Ciênc. Saúde;13(1):5-9, jan.-jun. 1995. tab.
Idioma: pt.
Resumen: Esta pesquisa teve por finalidade avaliar como os alunos do 4º ano de Odontologia se sentem e se posicionam em relação ao atendimento de pacientes especiais. Utilizou-se um questionário com 13 questões, onde foram avaliados aspectos da relação profissional-paciente que podem facilitar um melhor atendimento e propiciar um melhor vínculo entre estes
Responsable: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico
BR501.1/00532/BR97.1


  10 / 10 BBO  
              first record previous record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -563701
Autor: Dossi, Ana Paula.
Título: Violência contra a criança: formação, conhecimento, percepção e atitude de profissionais da saúde e da educação / Child abuse: formation, knowledge, perception and attitude in health and education professional's.
Fuente: Araçatuba; s.n; 2009. 87 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtención del grado de Doutor.
Resumen: A violência intrafamiliar contra a criança é, sem dúvida, uma das mais cruéis formas de agressão. Este estudo tem por objetivos: a) evidenciar possíveis situações de violência vividas na infância por adolescentes; b) avaliar a formação e o conhecimento dos professores de educação infantil sobre o tema; c) averiguar o conhecimento dos profissionais da saúde que atuam na atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS) sobre a notificação de violência contra crianças. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da FOA-UNESP (2007-01343). Para aferir a ocorrência e a severidade de maus-tratos na infância, realizou-se estudo tipo inquérito com 372 adolescentes com idade entre 14 a 17 anos, matriculados em uma instituição pública de formação profissional de Araçatuba-SP em 2008. Utilizou-se instrumento traduzido, validado e auto-aplicável. O segundo estudo desenvolveu-se nas escolas de Araçatuba-SP e contou com a participação de 236 professores de educação infantil. Utilizou-se instrumento desenvolvido para o estudo e as questões receberam tratamento quanti-qualitaivo. A terceira investigação foi realizada em 4 municípios da região noroeste do Estado de São Paulo: Adolfo, Bady Bassit, Mendonça e Nova Aliança. Por meio de entrevista estruturada com os profissionais de saúde, abordou-se a temática violência contra a criança e a notificação compulsória. De acordo com os resultados: a) 72,3% dos adolescentes sofreram violência na infância, prevalecendo a emocional no grau leve (28,7%). Foram encontradas associações significativas entre: violência física/emocional (p=0,0001); física/sexual (p=0,0001); física/negligência emocional (p=0,0001); sexual/emocional (p=0,0007); emocional/negligência emocional (p=0,0001). b) Quanto ao recebimento de informações sobre violência contra a criança, 80,9% dos professores afirmaram tê-las recebido e 19,1% negaram. 86,9% afirmaram conhecer os sinais de violência nas crianças, enquanto que 6,4% alegaram não ter reparo para...

The violence against children is undoubtedly the most cruel among all forms of aggression. This study aims to: a) highlight possible situations of violence experienced in childhood by adolescents, b) assess the training of teachers in early childhood education on the subject; c) investigate the knowledge of health professionals who work in primary care of Unified Health System (SUS) on the reporting of violence against children. The project was approved by the Research Ethics Committee of the FOA-UNESP (2007-01343). To assess the occurrence and severity of ill-treatment in childhood, study are type investigation with 372 adolescents aged 14 to 17 years, enrolled in a public institution for training of Araçatuba-SP in 2008. Instrument used was translated, validated and self-administered. The second study was developed in schools in Araçatuba-SP, with the participation of 236 teachers in early childhood education. It was used instrument developed to study the issues and received treatment quanti-qualitaivo. The third study was carried out in 4 counties in the northwestern region of São Paulo State: Adolfo, Bady Bassit, Mendonça and Nova Aliança. Through semi-structured interviews with health professionals, we dealt with issues violence against children and compulsory notification. According to the results: a) 72.3% of adolescents have experienced violence in childhood, the emotional prevailing in mild (28.7%). We found significant associations between: physical / emotional (p = 0.0001), physical / sexual (p = 0.0001), physical / emotional neglect (p = 0.0001), sexual / emotional (p = 0.0007); emotional / emotional neglect (p = 0.0001). b) On the receipt of information on violence against children, 80.9% of teachers have said it received and 19.1% denied. 86.9% claimed to know the signs of violence on children, while 6.4% claimed not to have prepared for this; 6.7% did not respond. On reporting, 91,1% feel responsible, 7,2% did not believe obligation and 1,6%...
Responsable: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1



página 1 de 1
   


Refinar la búsqueda
  Base de datos : Formulario avanzado   

    Buscar en el campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPS/OMS - Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud