Base de datos : BBO
Búsqueda : SP1.001 [Categoria DeCS]
Referencias encontradas : 50 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   en el formato [Largo]

página 1 de 5 va a la página              

  1 / 50 BBO  
              next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Queiroz, Maria Goretti
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-914214
Autor: Rios, Leonardo Essado; Queiroz, Maria Goretti.
Título: Perception of Dentists about the Functioning of Emergency Public Dental Services
Fuente: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr;17(1):e3019, 13/01/2017. tab.
Idioma: en.
Resumen: Objective: To know the perception of dentists about the functioning of emergency public dental services (PEDS). Material and Methods: Cross-sectional exploratory study performed in Goiania, a large municipality in the mid-west of Brazil. Participated as subjects the dentists of all ten municipal PEDS. The perception was measured by Likert scale ranging from 1 to 5, where value 5 represented maximum agreement with assertions contained in a questionnaire about the functioning of the services. Results: The final sample consisted of 44 dentists (Response rate=70%.) The perception of the professionals, measured by average agreement with the assertions, ranged from 3.54 and 4.68 in a maximum score of 5.00. Conclusion: For all items discussed there was a favorable perception of the participants. In the perception of the professionals, emergency public dental services meet a spontaneous demand, commonly of endodontic emergencies, with performance of non-conclusive procedures and dental extraction. The professionals recognize that there is a need to improve the embracement of patients, as well as to adopt clinical protocols for the treatment, yet there are flaws in the system of reference of patients, in continuing education of professionals and in the conditions of provision of the services to the population.
Responsable: BR1822.9 - Associação de Apoio à Pesquisa em Saúde Bucal


  2 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-908759
Autor: Lima, João Paulo Guilherme de; Uchida, Tânia Harumi; Pavanello, Regina Maria; Terada, Raquel Sano Suga; Pascotto, Renata Corrêa; Pietrobon, Ricardo; Fujimaki, Mitsue.
Título: Exploring factors influencing dental caries preventive measures by general dental practitioners in the public oral health care service in Paraná State, Brazil / Explorando fatores que influenciam na prevenção da cárie dentária no atendimento odontológico do serviço público do Estado do Paraná, Brasil
Fuente: Rev. ABENO;18(2):72-84, maio 2018. tab.
Idioma: en.
Resumen: This study aimed to explore the views of dentists working for the Brazilian health system, in regards to the prevention of dental caries. Semi-structured face to face interviews were held with 18 dentists working in the state of Paraná, Brazil. Data was recorded, manually transcribed and analyzed with a software, based content analysis. Results revealed 13 factors favoring prevention, of which 4 were considered new emerging factors, not previously described in the literature. Among the main factors to influence caries prevention were: the preventive conscientiousness of dentists, professional training received and the organization of the service. The results found indicated that the implementation of prevention depends on several factors such as the training received by dental students, changes in the public dental care provided by expanding the Family Health Strategy and changes in clinicians' attitudes towards prevention through more effective public policies involving the community (AU).

A cárie é a doença crônica mais comum na infância e leva a perdas dentárias ao longo da vida. Entretanto, a percepção dos cirurgiõesdentistas (CDs) quanto sua prevenção, ainda é pouco explorada. O objetivo do estudo foi explorar as percepções dos CDs que trabalham no Sistema Único de Saúde, no que diz respeito à prevenção da cárie dentária, contribuindo para políticas públicas efetivas, a partir da identificação dos fatores que levam os CDs a uma maior conscientização preventiva. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 18 CDs atuantes nos municípios do Paraná. As entrevistas foram realizadas face a face, conduzidas por um roteiro e gravadas. A transcrição foi realizada de forma manual e analisada segundo o método de análise de conteúdo. Os resultados apontaram treze fatores facilitadores à prevenção, sendo quatro deles fatores emergentes, não descritos anteriormente pela literatura. Dentre os principais fatores que influenciam a prevenção da cárie: consciência preventiva dos CDs, formação acadêmica do profissional e organização do serviço. Assim, a implementação da prevenção depende de vários fatores, como a formação recebida por estudantes de Odontologia, mudanças no atendimento público odontológico e nas condutas adotadas pelos CDs e políticas públicas efetivas que envolvam a comunidade (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  3 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-908589
Autor: Pereira, Thiago Machado; Borges, Alvaro Henrique; Costa, Laura Maria de Amorim Santana; Oliveira, Durvalino; Volpato, Luiz Evaristo Ricci.
Título: Produção endodôntica no atendimento público odontológico do Centro-Oeste do Brasil / Provision of endodontics in specialized public centers for dental care in the Center-West of Brazil
Fuente: Rev. ABENO;18(2):55-61, maio 2018. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumen: Pouco se sabe sobre o atendimento público odontológico no Centro-Oeste do Brasil, ainda menos sobre sua produção endodôntica. Esta produção é realizada principalmente nos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO), referência pública para tratamento endodôntico, acessível na base de dados DATASUS. Foi objetivo deste estudo explorar a produção endodôntica nas capitais dos estados da Região Centro-Oeste e do Distrito Federal do Brasil. Este estudo retrospectivo transversal analisou a produção endodôntica destes municípios de janeiro de 2011 a dezembro de 2016. Os dados foram obtidos consultando as bases do Ministério da Saúde (DATASUS) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os valores foram comparados por análise de variância e os testes de Kolmogorov-Smirnov e Levene seguidos pelo teste post hoc de Tukey. O nível de significância foi definido em p<0,05. Dentre as cidades analisadas, Campo Grande teve a maior produção endodôntica por habitante, seguida de Cuiabá e Goiânia com produções similares, e Brasília. Os dentes com três ou mais canais radiculares apresentaram maior incidência de tratamento endodôntico comparados a dentes com um ou dois canais radiculares. A produção endodôntica dos CEO das capitais dos estados da Região Centro-Oeste e do Distrito Federal do Brasil foi proporcionalmente maior em Campo Grande e menor em Brasília. O tratamento endodôntico foi realizado preferencialmente nos dentes com três ou mais canais radiculares. As instituições de ensino devem estar atentas às mudanças para que seus egressos sejam formados em consonância com o perfil epidemiológico da população bem como com as políticas públicas de saúde (AU).

Pouco se sabe sobre o atendimento público odontológico no Centro-Oeste do Brasil, ainda menos sobre sua produção endodôntica. Esta produção é realizada principalmente nos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO), referência pública para tratamento endodôntico, acessível na base de dados DATASUS. Foi objetivo deste estudo explorar a produção endodôntica nas capitais dos estados da Região Centro-Oeste e do Distrito Federal do Brasil. Este estudo retrospectivo transversal analisou a produção endodôntica destes municípios de janeiro de 2011 a dezembro de 2016. Os dados foram obtidos consultando as bases do Ministério da Saúde (DATASUS) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os valores foram comparados por análise de variância e os testes de Kolmogorov-Smirnov e Levene seguidos pelo teste post hoc de Tukey. O nível de significância foi definido em p<0,05. Dentre as cidades analisadas, Campo Grande teve a maior produção endodôntica por habitante, seguida de Cuiabá e Goiânia com produções similares, e Brasília. Os dentes com três ou mais canais radiculares apresentaram maior incidência de tratamento endodôntico comparados a dentes com um ou dois canais radiculares. A produção endodôntica dos CEO das capitais dos estados da Região Centro-Oeste e do Distrito Federal do Brasil foi proporcionalmente maior em Campo Grande e menor em Brasília. O tratamento endodôntico foi realizado preferencialmente nos dentes com três ou mais canais radiculares. As instituições de ensino devem estar atentas às mudanças para que seus egressos sejam formados em consonância com o perfil epidemiológico da população bem como com as políticas públicas de saúde (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  4 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Texto completo
Id: biblio-907074
Autor: Rodrigues, Fernanda Izaura; Garbin, Cléa Adas Saliba; Moimaz, Suzely Adas Saliba; Saliba, Nemre Adas.
Título: Análise documental dos serviços de saúde bucal ofertados à população indígena no brasil / Documentary analysis of the oral health services offered to the brazilian indigenous population
Fuente: Rev. Ciênc. Plur;4(1):7-21, 2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumen: Introdução: Os povos indígenas do Brasil compõem um cenário diversificado do ponto de vista cultural. A garantia de assistência à saúde geral e bucal indígena, atualmente, foi estabelecida pelo Subsistema de Atenção à Saúde Indígena, integrado ao Sistema Único de Saúde. Objetivos: Analisar a política de saúde bucal inserida no subsistema de saúde indígena, evidenciando a sua evolução no processo histórico e legal. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo e exploratório, em que foram consultados decretos, leis e portarias, já com as recentes e respectivas mudanças na legislação. Discussão: Apesar dos avanços, há recorrentes disparidades ao analisarmos a saúde bucal indígena em comparação à população brasileira não indígena. Essa diferença é observada nos perfis de saúde indígena, os quais são relativos aos âmbitos nacionais e regionais, em uma combinação de fatores socioeconômicos, ambientais e políticos. Ao longo do tempo, a saúde indígena esteve sob responsabilidade de distintas instituições. Recentemente, um projeto de lei propôs a criação do Instituto Nacional de Saúde Indígena, com intuito de simplificar os processos administrativos. Conclusão: A trajetória da saúde bucal indígena brasileira é marcada por dissidências e existem bases jurídicas que garantem o acesso aos cuidados de saúde deste grupo, embora a descontinuidade das políticas impeça a integralidade das ações de saúde bucal (AU).

Introducion: From a cultural point of view the Brazilian indigenous peoples compose a diversified cultural scenario. The guarantee of general and oral health assistance of indigenous people has been established by the Subsystem of Attention to Indigenous Health, integrated into the Brazilian Unified Health System. Objectives: To analyze the oral health policy inserted in the subsystem of indigenous health, evidencing its evolution in the historical and legal process. Methodology: It was a descriptive and exploratory study, in which decrees, laws and rules were consulted, with recent and relevant changes in legislation. Discussion: Despite the advances there are recurrent disparities when analyzing indigenous oral health in comparison to the nonindigenous Brazilian population. This difference is observed in indigenous health profiles, which are related to national and regional levels, in a combination of socioeconomic, environmental and political factors. Over the years, indigenous health has been under the responsibility of different institutions. Recently, a bill proposed the creation of the National Institute of Indigenous Health, in order to simplify administrative processes. Conclusion: The trajectory of Brazilian indigenous oral health is marked by dissidents and there are legal bases that guarantee the access to health care of this group, although the discontinuity of the policies blocks the integrality of oral health actions (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  5 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-906415
Autor: Araújo, Marilia Miranda da Conceição; Campos, Fernanda Lamounier; Soares, Anna Rachel dos Santos; Carvalho, Luísa Rodrigues de Abreu; Paula, Lara Melina Leite Lima de; Senna, Maria Inês Barreiros; Ferreira, Raquel Conceição.
Título: Oferta de próteses dentárias na Atenção Primária à Saúde de 2010 a 2016 em Belo Horizonte, Minas Gerais / Supply of dental prostheses in Primary Health Care from 2010 to 2016 in Belo Horizonte, Minas Gerais
Fuente: Arq. odontol;53:1-7, jan.-dez. 2017. ilus.
Idioma: pt.
Resumen: Objetivo: O objetivo do presente estudo foi descrever a implementação e oferta de próteses totais removíveis (PT) na Atenção Primária à Saúde (APS) entre 2010-2016, no município de Belo Horizonte (BH). Métodos: Pesquisa documental na nota técnica sobre oferta de PT no Sistema Único de Saúde; legislações e dados sobre credenciamento de Laboratórios Regionais de Prótese Dentária (LRPD) em BH e protocolo para Atenção em Saúde Bucal do município. Com base no consolidado de produtividade das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e na nota técnica "Oferta de Prótese Dentária na Rede SUS-BH", 2012, obteve-se o número de próteses ofertadas de 07/2010 a 07/2016 e as taxas de oferta, considerando-se a população estimada com necessidade de PT. Resultados: Em 2004, a Política Nacional de Saúde Bucal instituiu a oferta de próteses na APS. Em 2006, o Protocolo para Atenção em Saúde Bucal definiu a oferta de próteses parciais e totais removíveis em acrílico na APS. Em 2008, houve edital de credenciamento de LRPD. Em 2010, iniciou-se a oferta de PT e houve credenciamento de um LRPD. Cursos de capacitação e suporte por tutor especialista foram disponibilizados. Em 2016, cento e quarenta e oito UBS estavam capacitadas para produção de PT, que foi de 900 próteses em 2010 e 4.573 em 2016, totalizando 25.784 PT ofertadas à população. O aumento foi de 87,6% de 2011 para 2012 e de 44,7% de 2012 para 2013; de 2013 para 2014 reduziu 1,2% e cresceu 15,2% de 2014 para 2015. Houve um aumento nas taxas de produção anual e mensal de próteses. Conclusão: Houve uma ampliação da oferta de PT pela APS de BH. A tutoria e os cursos de capacitação favoreceram a adesão e aperfeiçoamento dos cirurgiões-dentistas na oferta desse serviço.(AU)

Aim: To describe the implementation and supply of total removable dentures (PT) in Primary Healthcare (PHC) between the years of 2010 and 2016 in the city of Belo Horizonte (BH), Brazil. Methods: Documentary research in technical notes on the supply of dental prostheses in the Brazilian Unified Health System (SUS); legislations and data on the accreditation of Regional Dental Prosthesis Laboratories (LRPD) in BH; and protocol for Oral Healthcare in BH. The number of dentures provided from 07/2010 to 07/2016 was obtained based on the consolidated productivity of Basic Health Units (UBS) and the technical notes of "Supply of Dental Prosthesis in the SUS-BH Network" (2012). Results: In 2004, the National Oral Health Policy instituted the supply of prostheses in PHC. In 2006, the Protocol for Oral Healthcare defined the supply of partial and total removable acrylic dentures in PHC. In 2008, there was a bidding process for LRPD accreditation. In 2010, PT began to be provided, and LRPD was accredited. Training and support courses by specialist tutors were provided. In 2016, one hundred fortyeight UBSs were qualified to produce PT, which reached 900 prostheses in 2010 and 4,573 in 2016, with a total of 25,784 PTs offered to the population. The increase was of 87.6% from 2011 to 2012 and of 44.7% from 2012 to 2013; from 2013 to 2014, this number decreased by 1.2%, while it increased 15.2% from 2014 to 2015. Conclusion: There was an expansion of the PTs provided by APS in BH. Tutoring and training courses favored the adherence and improvement of dentists in providing this service.(AU)
Responsable: BR365.1 - BIB - Biblioteca


  6 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-906003
Autor: Voi, Patrícia Lucca Dantas; Restini, Carolina Baraldi Araújo; Lacerda, Suzie Aparecida de; Faria Júnior, Milton.
Título: Estratégias para resolutividade assertiva da campanha de diagnóstico e prevenção do câncer bucal / Strategies for assertive resolution of the oral cancer diagnosis and prevention campaign
Fuente: Arq. odontol;52(4):221-230, out.-dez. 2016. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumen: Objetivo: Avaliar a efetividade das Campanhas de Prevenção do Câncer Bucal na cidade de Ribeirão Preto nos anos de 2010-2014, inseridas durante as Campanhas de Vacinação contra a Gripe em idosos. Métodos: A partir do banco de dados da Secretaria Municipal de Ribeirão Preto, do Centro de Atendimento Especializado em Diagnóstico Oral (Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto, USP) e da Universidade de Ribeirão Preto, foram reunidas as informações para avaliação da resolutividade desta ação. Resultados: De 57.682 pacientes examinados, 1.121 foram encaminhados aos centros de referência para elucidação diagnóstica. Houve consistência na proporção de pacientes examinados e encaminhados. Foram diagnosticados 2,89% de pacientes com lesões malignas, 9,15% com lesões pré-malignas e 62,92% com lesões benignas. Análises específicas indicaram 74,96% de resolutividade. Conclusão: As estratégias usadas durante as campanhas de prevenção do câncer bucal apresentam resolutividade e recomendamos que passem a ser incluídas em Campanhas como a de vacinação contra gripe em idosos.(AU)

Objective: To evaluate the effectiveness of Oral Cancer Prevention Campaigns in the city of Ribeirão Preto, SP, Brazil, from 2010 to 2014, set during the campaigns of vaccination against influenza in the elderly. Material and Methods: Information was gathered from the City of Ribeirão Preto's database from the Center for Specialized Care in Oral Diagnoses (Ribeirão Preto School of Dentistry, USP) and the University of Ribeirão Preto. Results: Of the 57,682 patients examined, 1,121 were referred to reference centers for a laboratory diagnosis of oral cancer. A consistent proportion of patients were screened and forwarded; 2.89% were patients diagnosed with malignant lesions; 9.15% with pre-malignant lesions and 62.92% with benign lesions. Specific analysis indicated that 74.96% were successful in their resolutions. Conclusion: The strategies used during the oral cancer prevention campaigns are effective and should be included in campaigns such as influenza vaccination in the elderly.(AU)
Responsable: BR365.1 - BIB - Biblioteca


  7 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Texto completo
Id: biblio-883808
Autor: Pomini, Marcos Cezar; Bordin, Danielle; Saliba, Nemre Adas; Moimaz, Suzely Adas Saliba; Fadel, Cristina Berger.
Título: A influência da posição acadêmica sobre condutas de saúde em universitários / The influence of the university level on health conducts in university students
Fuente: Rev. ABENO;18(1):74-83, 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumen: Poucos estudos têm examinado as condutas de saúde da população universitária em sua totalidade. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência da posição acadêmica, considerando estudantes de graduação e pós-graduação, sobre a aquisição de condutas de saúde. A amostra foi composta por 223 graduandos e 67 pós-graduandos, ambos concluintes dos cursos de Odontologia, Farmácia, Medicina, Educação Física, Enfermagem e Ciências Biológicas de uma universidade pública da região Sul do Brasil. Utilizou-se um instrumento para a coleta de dados demográficos e o questionário autoaplicável National College Health Risk Behavior Survey (NCHRBS), para a avaliação das dimensões segurança no trânsito e violência, consumo de tabaco e álcool, comportamento sexual e alimentação, atividade física e peso. Observou-se que a posição acadêmica não exerceu papel significativo na aquisição de condutas inadequadas, estando estas mais relacionadas com o perfil demográfico dos indivíduos. Estudantes mais jovens, do gênero masculino e solteiros apresentaram maior prevalência de hábitos considerados prejudiciais à saúde, principalmente relacionados ao consumo de bebida alcoólica e ao envolvimento em agressão física. Estudantes mulheres apresentaram aquisição significativa de métodos inapropriados para o controle do peso corporal. Os resultados encontrados refletem a importância da efetivação de políticas que visem à intervenção e prevenção de comportamentos prejudiciais à saúde entre universitários, considerando-se o universo de graduandos e pós-graduandos (AU).

Few studies have examined healthy behaviors of the university population in its entirety. The aim of this study was to evaluate the influence of the academic position, considering undergraduate and graduate students, on the acquisition of healthy behaviors. The sample consisted of 223 undergraduate and 67 postgraduate students of the Life and Health Sciences area (Dentistry, Pharmacy, Medicine, Physical Education, Nursing and Biological Sciences courses) of a public university in southern Brazil. An instrument for the collection of demographic data and the National College Health Risk Behavior Survey (NCHRBS) was used to assess four dimensions: security in traffic and violence, tobacco and alcohol consumption, sexual behavior and nutrition, and physical activity and weight. It was observed that the academic position did not play a significant role in the acquisition of risky habits, being this acquisition more related to the demographic profile of the individuals. Younger, male and unmarried students had a higher prevalence of habits considered harmful to health, mainly related to alcohol consumption and involvement in physical aggression. Female students presented statistical significant difference for using inappropriate methods for body weight control. The results reflect the importance of effective policies, which aim at intervention and prevention of risk behaviors among the college population, considering the undergraduate and graduate students (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  8 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-883746
Autor: Manfredini, Marco Antonio; Narvai, Paulo Capel.
Título: Concepções de lideranças de saúde sobre saúde bucal e controle de políticas públicas / Conceptions of health leaderships on oral health and control of public policies
Fuente: Rev. ABENO;18(1):34-44, 2018.
Idioma: pt.
Resumen: Analisam-se as representações sociais sobre saúde bucal e controle social entre lideranças na Área da Saúde em São Paulo. A pesquisa foi qualitativa, com orientação analítico-descritiva, utilizando o procedimento metodológico do Discurso do Sujeito Coletivo. O processo saúde-doença foi reconhecido como socialmente determinado. A não identificação da saúde bucal como prioridade foi atribuída à falta de preocupação da população, aos fatores econômicos e aos governos. As lideranças apontam que a assistência odontológica pública é insuficiente para garantir o acesso; não é resolutiva; tem problemas de infraestrutura; e dispõe de profissionais que não atendem às exigências da comunidade (AU).

We analyze the social representations about oral health and social control among leaders in the Health Area in São Paulo. The research was qualitative, with analytical-descriptive orientation, using the methodological procedure of the Discourse of the Collective Subject. The healthdisease process was recognized as socially determined. The failure to identify oral health as a priority was attributed to the lack of concern of the population, economic factors, and governments. Leadership points out that public dental care is insufficient to guarantee access; it is not resolutive; has infrastructure problems; and has professionals who do not meet the demands of the community (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  9 / 50 BBO  
              first record previous record next record last record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Souza, Elizabethe Cristina Fagundes de
Texto completo
Id: biblio-883523
Autor: Medeiros, Aline Grimberg Pereira de; Souza, Elizabethe Cristina Fagundes de.
Título: O sistema único de saúde e a mídia televisiva: análise de um telejornal local em emissora nacional / Brazilian public healthcare system and television media: analisis of a local news report broadcasted by a nationwide network
Fuente: Rev. Ciênc. Plur;3(3):111-127, 2017. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumen: Introdução: O Sistema Único de Saúde é constantemente mencionado na Mídia brasileira, seja televisiva, escrita ou virtual. Objetivo: Este estudo pretendeu analisar como o sistema público de saúde é abordado pela Mídia televisiva, mais especificamente, no telejornal veiculado por emissora local, no estado do Rio Grande do Norte. Método: Trata-se de pesquisa documental, tendo como base de dados as reportagens veiculadas pelo telejornal da InterTV Cabugi, RNTV Primeira Edição, no período de março a agosto de 2016. Os dados foram sistematizados e, em seguida, foi realizada análise de conteúdo em que organizou-se as reportagens por categorias, para identificar quais os temas predominantes quando se referem ao Sistema Único de Saúde, bem como saber quais atores entrevistados e que destaques foram dados pela emissora. Resultados: Os resultados encontrados são corroborados por outros achados da literatura de que há certo padrão midiático, seja em nível local ou nacional, na abordagem da Saúde Pública, com predominância de reportagens que destacaram situações negativas em hospitais, doenças e a figura do médico, com ênfase na visão curativista e hospitalocêntrica. Conclusão: O poder da mídia em influenciar a sociedade é pouco aproveitado positivamente para valorizar a Política Pública de Saúde como já identificado na literatura pesquisada (AU).

Introducion: Brazilian publicly-funded health care system, the Unified Health System is constantly mentioned in Brazilian media, be it printed, audiovisual or online. Objective: this study aimed to analise the television news coverage regarding SUS, specifically by a local newscast in Rio Grande do Norte State. Methodology: a documentary research was performed using a database of news from RNTV Primeira Edição, a news report broadcasted by InterTV Cabugi, in its editions from March to August 2016. Acquired data were systematized and the news were then sorted in categories for a content analysis in order to identify the main themes regarding SUS, as well as to acknowledge the types that were most often interviewed and the highlights given by the aforementioned TV network. Results: results found corroborate other findings in literature that there is a standard way in wich media, be it local or nationwide, approaches the Public Healthcare System. The news tend to highlight negative situations in hospitals, disease outbreaks and the doctor's image, emphasizing a "hospitalocentric" and "curativist" model of health. Conclusions: the influence and power of media over society is little used to make a good image of Public Healthcare Policies, as already verified in the researched literature (AU).
Responsable: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  10 / 50 BBO  
              first record previous record
selecciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-883123
Autor: Moura, Rosa Núbia Vieira de.
Título: Contexto legal brasileiro, políticas públicas e cárie precoce da infância: um estudo com crianças de cinco anos de idade / Prevalência de cárie dentária e fatores associados: um estudo com crianças de cinco anos de idade / Brazilian legal context, public policies and early childhood caries: a study of children under five years of age.
Fuente: Belo Horizonte; s.n; 2015. 169 p. ilus, mapas, tab, graf.
Idioma: pt.
Tesis: Presentada en Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Odontologia para obtención del grado de Doutor.
Resumen: O Estado brasileiro, a família e a sociedade devem, por força de lei, promover solidariamente, condições de desenvolvimento pleno e digno à criança. Contudo, ostentar regulamentos não garante o resultado. O Ministério da Saúde realizou os inquéritos epidemiológicos de saúde bucal, SB Brasil 2003 e SB Brasil 2010 e mostrou que a prevalência de cárie dentária, aos cinco anos, pouco reduziu (6%) em sete anos, sendo o componente cariado, o responsável por mais de 80% do total do índice ceod (cariados, perdidos e obturados por dente decíduo). A amostra estudada foi representativa para o país e para as macrorregiões. Assim, o presente estudo objetivou avaliar a prevalência de cárie dentária da criança de cinco anos, em dois momentos, 2003 e 2010, associando-a a políticas públicas, condições socioeconômicas e serviços de saúde nas macrorregiões brasileiras. Esta tese está disposta, em três artigos transversais, sendo o último ecológico e composto. O artigo 1 avaliou a prevalência da cárie dentária buscando identificar aspectos que possam estar obstaculizando sua redução. A variável dependente foi a prevalência da cárie dentária (n=7.217) e as independentes foram organizadas em nível individual (SB Brasil 2010) e contextual (IBGE, DATASUS). Modelos multiníveis de análise de regressão de Poisson foram utilizados. O artigo 2 avaliou o cuidado odontológico-Care Index (variável dependente) nos serviços de saúde bucal em 2010. As variáveis independentes foram organizadas em fatores individuais e contextuais (SB Brasil 2010, IBGE, DATASUS). Foram feitas análises descritiva, de cluster e correlação de Spearman. O artigo 3 avaliou a prevalência da cárie dentária, em 2003 e 2010, correlacionando a condições de vida, condições socioeconômicas e condições para a saúde que vigoraram nesse interstício nas macrorregiões brasileiras. Foi feita análise exploratória e correlação de Pearson entre indicadores de saúde bucal (variáveis dependentes) e as independentes. Condições de vida foram avaliadas pela escolaridade domiciliar, mães chefes de família, frequência à pré-escola e cobertura do Bolsa Família; as socioeconômicas foram PEA, GINI e IDH; condições para a saúde foram coberturas de ESF, de ESB e de água tratada, além da água fluoretada. No Brasil, a prevalência de crianças com cárie aos cinco anos é alta e persistente, além de receberem menos cuidado restaurador. É premente o realinhamento da política pública de saúde bucal com regras e atribuições claras, controladas por indicadores e metas e de abrangência intersetorial visando à recuperação da saúde bucal desse grupo e, pari passu, fomentar as ações educativas e preventivas não menos necessárias. Condições de vida, socioeconômicas e para a saúde, vigentes entre 2003 e 2010, explicam grande parte dos indicadores de saúde bucal num contexto de iniquidades inter-regionais.(AU)

The Brazilian state, the family and society must, by law, to promote solidarity, full and dignified to the child development conditions. However, sporting regulations does not guarantee the result. The Ministry of Health conducted epidemiological surveys of oral health, SB 2003 and SB Brazil Brazil 2010 and showed that the prevalence of dental caries, age five, little reduced (6%) in seven years and the decayed component, responsible for more than 80% of the total dmft index (decayed, missing and filled by deciduous tooth). The sample was representative for the country and for macro-regions. The present study aimed to evaluate the prevalence of dental caries five-year, on two occasions, in 2003 and 2010, linking it to public policy, socioeconomic status and health services in the Brazilian regions. This thesis is arranged in three transverse articles, the latest ecological and compound. Article 1 evaluated the prevalence of dental caries seeking to identify aspects that may be hindering its reduction. The dependent variable was the prevalence of dental caries (n = 7.217) and the independent were organized into individual level (SB Brazil 2010) and contextual (IBGE, DATASUS). Multilevel models Poisson regression analysis were used. Article 2 evaluated the dental-care Care Index (dependent variable) in oral health services in 2010. The independent variables were organized in individual and contextual factors (SB Brazil 2010, IBGE , DATASUS). They were made descriptive analysis, cluster and Spearman correlation. Article 3 assessed the prevalence of dental caries in 2003 and 2010 correlating the living conditions, socioeconomic status and health conditions that were in force in this interstitial Brazilian regions. Exploratory analysis and Pearson correlation between oral health indicators (dependent variables) and independent was made. Living conditions were assessed by home schooling, householders mothers, attendance at preschool and coverage of Bolsa Família; socioeconomic been PEA, GINI and HDI; the health conditions were ESF covers, ESB and treated water, in addition to fluoridated water. In Brazil, the prevalence of children with caries at age five is high and persistent, and receive less restorative care. It is pressing the realignment of public policy on oral health with clear rules and responsibilities, controlled by indicators and targets and intersectoral scope for the recovery of oral health in this group and, pari passu, to foster educational and preventive actions no less necessary. Living conditions, socioeconomic and the current health, between 2003 and 2010, explain much of the oral health indicators in the context of inter-regional inequalities.(AU)
Responsable: BR365.1 - BIB - Biblioteca
BR365.1, M929c; D047



página 1 de 5 va a la página              
   


Refinar la búsqueda
  Base de datos : Formulario avanzado   

    Buscar en el campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPS/OMS - Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud