Database : BBO
Search on : D02.675.276.080 [DeCS Category]
References found : 2 [refine]
Displaying: 1 .. 2   in format [Large]

page 1 of 1

  1 / 2 BBO  
              next record last record
select
to print
Photocopy
Zenóbio, Elton Gonçalves
Id: biblio-853568
Author: Mendes, Maria Mônica Studart Gurgel; Zenóbio, Elton Gonçalves; Pereira, Otávio Libânio.
Title: Agentes químicos para controle de placa bacteriana / The chemical agents to control the bacterial plaque
Source: Periodontia;5(2):253-6, jul.-dez. 1995. ilus.
Language: pt.
Abstract: A placa bacteriana tem sido considerada o principal fator etiológico das doenças periodontais e a prevenção ou o tratamento destas patologias deve estar baseado no seu controle. Neste trabalho, os autores descrevem as substâncias que têm sido usadas no controle químico de placa bacteriana, como clorexidina, óleos essenciais, triclosan, sais metálicos, compostos quatemários de amônia, agentes oxigenantes e sanguinarina
Responsable: BR1141.1 - Biblioteca Central
BR1141.1/BR97.1


  2 / 2 BBO  
              first record previous record
select
to print
Photocopy
Id: lil-412597
Author: Jorge, Antonio Olavo Cardoso; Koga-Ito, Cristiane Yumi; Maegi, Barbara; Barbosa, Ana Paula Pallos; Komiyama, Edson Yukio.
Title: Desinfecção de superfície em odontologia: avaliação do álcool gel 70°INPM, lenços embebidos em solução de clorexidina e spray de cloreto benzalcônio / Surface disinfection in dentistry
Source: RGO (Porto Alegre);53(2):151-154, abr.-jun. 2005. tab.
Language: pt.
Abstract: Com a introdução no mercado de novos agentes desinfetantes tornou-se necessário o estudo destes para se estabelecer uma desinfecção segura. O objetivo deste trabalho foi analisar a efetividade e estabelecer comparação entre a efetividade do álcool gel 70°INPM, lenços umedecidos em solução de clorexidina e o cloreto de benzalcônio. Foram utilizadas bandejas clínicas nas quais foram depositados 0,5 ml de suspensão contendo 10 na sexta potência células das amostras dos seguintes microrganismos: Staphylococcus aureus, Candida albicans, Enterococcus faecalis, Escherichia coli e Streptococcus mutans. Foram coletadas amostras utilizando-se placas de superfície RODAC contendo ágar Mitis salivarius, ágar BHI ou ágar Sabouraud dextrose de acordo com o microrganismo a ser analisado, antes e depois da desinfecção utilizando a técnica spray-wipe-spray. Os resultados foram analisados estatisticamente utilizando-se o teste Kruskal-Wallis para comparação de proporção de inibição entre os desinfetantes testados, o qual mostrou que houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos. Conclui-se que todos se mostraram efetivos agentes de desifecção promovendo uma diminuição expressiva do número de microrganismos. O cloreto de benzalcônico e o álcool gel foram significantemente mais efetivos em relação à solução de clorexidina (p=0,000 e p=0,004, respectivamente). Concluiu-se que o álcool gel 70°INPM e o cloreto de benzalcônico foram igualmente mais efetivos em relação aos lenços embebidos em solução de clorexidina
Responsable: BR541.1 - Biblioteca



page 1 of 1
   


Refine the search
  Database : Advanced form   

    Search in field  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/PAHO/WHO - Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information