Base de dados : BBO
Pesquisa : SP1.001.002.008 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5 [refinar]
Mostrando: 1 .. 5   no formato [Longo]

página 1 de 1

  1 / 5 BBO  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -913250
Autor: Reis, Clarice Magalhães Rodrigues dos.
Título: Análise do desempenho das equipes de saúde bucal na estratégia saúde da família no Brasil: um estudo misto / Evaluating primary dental care in Brazil: a mixed methods study.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 87 p. ilus.
Idioma: en; pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A Estratégia Saúde da Família (ESF) constitui o principal modelo de organização da Atenção Primária (APS) no Brasil. A Saúde Bucal foi inserida na ESF em 2001 com a criação das equipes de saúde bucal (ESB) como área prioritária diante da necessidade de melhorar as condições de saúde bucal da população. Na última década, observou-se uma expressiva expansão da ESF com o alcance de serviços chegando a cerca de 63% da população brasileira em 2016. Com o objetivo de avaliar a qualidade dos serviços da ESF, o Ministério da Saúde lançou em 2011 o Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB). O principal desafio do PMAQ é instituir uma cultura de avaliação entre os profissionais e gestores da ESF que monitore e avalie processos e resultados das equipes. O objetivo desse estudo foi descrever as ações de APS realizadas pelas ESB no Brasil e compreender aspectos que levam ao diferente desempenho das ESB. Para isso, foi desenvolvido um estudo misto explanatório sequencial. Na fase quantitativa, análise descritiva e de cluster foram aplicadas em dados do PMAQ-AB para descrever a produção de 12.403 ESB. Também foi utilizada a Teoria de Resposta ao Item (TRI) para avaliar as qualidades psicométricas de 20 questões de saúde bucal do PMAQ-AB. Resultados da TRI foram usados para selecionar ESB com desempenhos extremos para a próxima fase. Na fase qualitativa foi realizado um estudo descritivo em dez ESB da região metropolitana de Belo Horizonte com desempenhos extremos classificados pela TRI na fase anterior. Os resultados quantitativos demonstraram que as ESB realizam procedimentos clínicos da odontologia básica, mas fazem menos reabilitação com próteses e coordenação do cuidado de câncer bucal. A análise da TRI demonstrou que os itens do questionário foram insuficientes para discriminar ESB de alto e baixo desempenho. No entanto, foi observado que ESB de alto desempenho tendem a realizar ações de prevenção e acompanhamento de câncer e confecção de prótese na APS. Os resultados da fase qualitativa confirmaram que ESB de alto desempenho tendem a trabalhar mais ações de promoção e prevenção de câncer de boca, inclusive utilizando contatos pessoais para encaminhar pacientes para serviço especializado. Já em relação à questão da prótese na APS, os dados qualitativos confirmaram os achados quantitativos e demonstraram que ESB de alto desempenho fazem prótese na APS, garantindo a reabilitação do usuário

The Family Health Strategy is the main organizational model of primary health care in Brazil. Dental care was included in the FHS in 2001 as a priority area due to the need to improve the oral health status of the population, and the oral health teams were created. In the last decade, there was a significant expansion of the ESF with the range of services reaching about 63% of the population in 2016. In 2011, the Brazilian Ministry of Health launched a program to assess the quality of FHS Programa Nacional de Melhoria do Acesso e Qualidade da Atenção Básica ­ PMAQ-AB. The main challenge of PMAQ-AB was to stimulate a culture of evaluation among FHS professionals and managers who evaluate processes and outcomes of the teams. This study aimed to describe the actions performed at primary health care by oral health teams in Brazil and to understand factors that contribute to different performance of each team. For this, a mixed sequential explanatory study was developed. In the quantitative phase, we undertook descriptive statistics and cluster analysis to describe the production of 12,403 OHTs, and applied Item Response Theory (IRT) to assess survey's 20 dental care questions psychometric properties. IRT results were used to sample OHTs with extreme scores performance to the next phase. In the qualitative phase, we used descriptive approach applying thematic analysis in 10 dentists from extreme performance OHTs. Quantitative results showed OHTs provided basic dentistry clinical care, but underprovided rehabilitation with dentures and oral cancer care coordination. IRT analysis showed survey limitation to discriminate OHTs performance, except for rehabilitation with dentures and oral cancer-related items that tend to discriminate high-performance OHTs. Qualitative data showed barriers to access oral health services and failures for integrating oral cancer delivery services. Dentists' empathy and altruism determine the quality of oral cancer care coordination by means of their own network to refer patients suspect of oral cancer. OHTs that deliver dentures know better the population rehabilitation needs. Mixed method results showed the improvements in oral health services in Brazil, but pointed that in low performance OHT, patients face multiples barriers to access services. Also, low performance OHT failed to following oral câncer patients, and provided dentures
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca
BR365.1. T, 2016, R375a; D047


  2 / 5 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -906624
Autor: Oliveira, Fernanda Piana Santos Lima de.
Título: Avaliação do Programa Saúde na Escola com foco na integração entre Unidade Básica de Saúde e Escola de Ensino Fundamental: um estudo de caso em Belo Horizonte, Brasil / Evaluation of the School Health Program with a focus on the integration between Basic Unit Health and Elementery Schools: a case study in Belo Horizonte, Brazil.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2017. 226 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O Programa Saúde na Escola (PSE), política intersetorial da saúde e educação tem como meta a construção de escolas saudáveis. O objetivo deste estudo foi realizar uma avaliação do Programa Saúde na Escola (PSE). Foi realizado um estudo de caso em Belo Horizonte em duas Escolas de Ensino Fundamental (EEF) e Unidades Básicas de Saúde (UBS) de referência, e desenvolvido em cinco etapas: 1. Análise estratégica por meio de um estudo de avaliabilidade do PSE, baseado nas seis linhas de orientação sobre o processo em que se deve pautar esse tipo de estudo e utilizando os parâmetros de qualidade do Joint Committee on Standards for Educational Evaluation (JCEE). O PSE em Belo Horizonte foi considerado um programa avaliável; 2. Mapeamento da literatura sobre avaliações econômicas de programas de saúde escolar, realizado no PubMed/Medline para estudos publicados na última década, utilizando como estratégia de busca os termos "cost", "economic evaluation", "school health services", "school health", "school health promotion" e "school health program. Os resultados, após a análise de 35 artigos mostraram uma relação positiva entre os programas de saúde escolar, custos e benefícios para os escolares e as comunidades; 3. Avaliação normativa do programa considerando dados secundários, avaliando a frequência com que as atividades foram realizadas. A análise apresentou desempenho medio em avaliações de saúde (visual, 54,78%; saúde bucal, 53,20%; situação vacinal, 55%; avaliação antropométrica, 83,32%). Ações de prevenção de agravos mais realizadas pelas escolas foram combate a dengue e vacinação contra o Papiloma Vírus Humano, assim como, ações de promoção de saúde relacionadas à segurança alimentar e promoção de alimentação saudável. Não foram encontrados registros de capacitações realizadas aos profissionais da saúde e da educação. Algumas ações de prevenção de agravos que parecem ser de domínio dos executores foram feitas com maior frequência. As ações de promoção da saúde apresentaram os piores resultados apesar de sua importância. Os sistemas de monitoramento possuem falta de regularidade de alimentação e a falta de capacitação para o preenchimento; 4. Avaliação do contexto por meio da análise com foco na integração entre a saúde e a educação no PSE, um estudo de caso, com abordagem qualitativa, que se iniciou com uma matriz de indicadores, a partir do modelo teórico e lógico desenvolvido no estudo de avaliabilidade, que foi consensuada por experts utilizando a Técnica Delphi, possibilitando a contrução de um roteiro de entrevista semiestruturado. Como resultado, o PSE em Belo Horizonte apresentou uma característica multissetorial, onde a maioria das ações e serviços prestados foi planejada por um único setor e aplicados junto aos outros, com baixo ou nenhum vínculo entre as equipes, sendo as ações pontuais, pouco efetivas e sem sustentabilidade; 5. Avaliação da efetividade por meio da análise da percepção dos estudantes sobre o PSE, estudo qualitativo, com coleta de dados realizada com escolares de onze a quatorze anos de idade e como instrumento de coleta foi utilizado narrativa escrita. A partir da análise das narrativas escritas foram identificados três temas: Facilidade de atendimento e cuidado; Aprendizagem e cuidado; e Bondade, gratuidade ou direito? Os escolares perceberam as atividades assistenciais desenvolvidas pelo programa, mas o mesmo não ocorreu com as atividades preventivas e de promoção de saúde. O programa é percebido como ajuda e favor, sujeito a gratidão. Os escolares se mostraram passivos e receptivos sem, no entanto, o protagonismo necessário à produção da própria saúde. A corresponsabilização parece ser uma semente ainda germinando

The School Health Program (SHP), an intersectorial health and education policy, aims to build health schools. The aim of this study was to carried out in Belo Horizonte in two Elementery Schools (ES) and basic Unit Health (BUH), and was developed in five stages...
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca
BR365.1. T, 2017, O48a; D047


  3 / 5 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: -861807
Autor: Rodrigues, Cecile Soriano.
Título: A inserção da Odontologia nas ações integradas de saúde (AIS): análise da experiência em Pernambuco / The Odontology insertion in the integrated actions of health (AIS): analysis of the Pernambuco's experience.
Fonte: Camarajibe; s.n; 1987. vi,96 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação de Ensino Superior de Pernambuco. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Mestre.
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes
BR310.1, 1987, R696i; tD585


  4 / 5 BBO  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -850124
Autor: Souza, Telma de Almeida; Mattos, Flávio de Freitas.
Título: Representação social de adultos sobre tabagismo e suas implicações para a saúde: estudo realizado em comunidade rural - MG / The social representation of smoking among adults and its implications for health: study conducted in a rural community in the state of Minas Gerais
Fonte: Arq. odontol;48(03):159-165, 2012.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Apreender a representação social de adultos de uma comunidade rural sobre o tabagismo e suas implicações para a saúde e, por conseguinte, fornecer subsídios para planejamento das ações dos serviçosde saúde. Materiais e Métodos: Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com 15 adultos (fumantes, exfumantes e não-fumantes), entre 30 a 59 anos, moradores de uma região rural em Santa Bárbara-MG e usuários do serviço de saúde municipal, para uma análise utilizando a abordagem qualitativa dos dados. Resultados:Foi possível classificar e separar os discursos em três grandes temas: Iniciação do Tabagismo; Influência naQualidade de Vida e Cessação do Hábito. Os entrevistados consideraram importante que os profissionais desaúde tenham maior ação no apoio à cessação do tabagismo. Há concordância de que é necessário não apenasmanter as propagandas antitabaco nos maços e ampliar o número de áreas restritivas ao cigarro, bem comoa intensificação destas medidas. Conclusão: Deve-se aumentar as ações direcionadas aos jovens e à família,pois ambos interferem fundamentalmente na iniciação ao fumo. A criação de grupos de convivência podeauxiliar na cessação do hábito de fumar. Diminuir as formas de pressão social aos grupos em situação devulnerabilidade social pode ajudar na diminuição do número de fumantes.
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca
BR365.1


  5 / 5 BBO  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: -698365
Autor: Souza, Telma de Almeida; Mattos, Flávio de Freitas.
Título: Representação social de adultos sobre tabagismo e suas implicações para a saúde: estudo realizado em comunidade rural - MG / The social representation of smoking among adults and its implications for health: study conducted in a rural community in the state of Minas Gerais
Fonte: Arq. odontol;48(3):159-165, Jul.-Sep. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Apreender a representação social de adultos de uma comunidade rural sobre o tabagismo e suas implicações para a saúde e, por conseguinte, fornecer subsídios para planejamento das ações dos serviçosde saúde. Materiais e Métodos: Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com 15 adultos (fumantes, exfumantes e não-fumantes), entre 30 a 59 anos, moradores de uma região rural em Santa Bárbara-MG e usuários do serviço de saúde municipal, para uma análise utilizando a abordagem qualitativa dos dados. Resultados:Foi possível classificar e separar os discursos em três grandes temas: Iniciação do Tabagismo; Influência naQualidade de Vida e Cessação do Hábito. Os entrevistados consideraram importante que os profissionais desaúde tenham maior ação no apoio à cessação do tabagismo. Há concordância de que é necessário não apenasmanter as propagandas antitabaco nos maços e ampliar o número de áreas restritivas ao cigarro, bem comoa intensificação destas medidas. Conclusão: Deve-se aumentar as ações direcionadas aos jovens e à família,pois ambos interferem fundamentalmente na iniciação ao fumo. A criação de grupos de convivência podeauxiliar na cessação do hábito de fumar. Diminuir as formas de pressão social aos grupos em situação devulnerabilidade social pode ajudar na diminuição do número de fumantes.
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde