Base de dados : BDENF
Pesquisa : Hanseníase
Referências encontradas : 168 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 168 BDENF  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30474
Autor: Corrêa, Cristal Marinho.
Título: Avaliação do Programa de Controle da Hanseníase no município de Governador Valadares, Minas Gerais, Brasil / Evaluation for Leprosy Control Program in Governador Valadares, Minas Gerais, Brazil.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 157 p. graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O presente estudo teve como objetivo avaliar o Programa de Controle da Hanseníase (PCH) no município de Governador Valadares e a descentralização das ações de controle para a atenção primária. Utilizou-se como referencial teórico-metodológico a Avaliação de Quarta Geração, segundo Guba e Lincoln (1989), de abordagem qualitativa. Participaram do estudo 30 sujeitos municipais, divididos em quatro grupos de interesse: gestores, profissionais do centro de referência (CR), profissionais da atenção básica (AB) e usuários dos serviços de saúde. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais, utilizando-se a técnica do Círculo Hermenêutico-Dialético e, posteriormente, foram realizadas 3 Oficinas de Negociação com os atores municipais. Os resultados evidenciaram a permanência do modelo vertical de atenção à hanseníase no município, expresso pela concentração das ações de controle no CR e passividade da AB no desempenho das atividades do programa, demonstrando a insuficiência das estratégias de descentralização. Como determinantes que interferem no processo de descentralização no município, observou-se a influência de aspectos sócio-histórico-culturais como a imagem do CR no ideário social como local apropriado de atendimento à hanseníase, o estigma e a postura de distanciamento dos profissionais da AB, além da consolidação de práticas de saúde e gestão que reforçam a centralização do programa na atenção secundária. Além desses determinantes, observou-se, também, a influência de aspectos operacionais da rede municipal de saúde como problemas de acesso nas unidades básicas de saúde, instabilidade do quadro de recursos humanos, dificuldade de realizar a supervisão das equipes da AB e escassez de recursos financeiros do programa. Conclui-se que a problemática da descentralização em Governador Valadares envolve a tensão entre modelos de atenção distintos que coexistem no município, gerando disputas simbólicas no campo dos saberes e das práticas de saúde e de...(AU)

This present study aimed to evaluate the Leprosy Control Program (LCP) in Governador Valadares and the decentralization of control measures. This research used as theoretical and methodological reference the Fourth Generation Evaluation, Guba and Lincoln (1989), a qualitative approach. The study included 30 municipal subjects, divided into four interest groups: managers, professionals from the reference center (RC), primary care professionals (PC) and users of health services. Data were collected through individual interviews, using the technique of Hermeneutic-Dialectical Circle and later were performed 3 Trading Workshops, using group technique. The results showed the failure of decentralization strategies and maintenance of vertical LCP model in the city, characterized by passivity PC in leprosy control actions (LCA) and its concentration in municipal RC. Was observes a strong influence of socio-historical-cultural determinants in decentralization, as well as operational aspects of LCP and municipal health. Among the socio-historical and cultural aspects stood out: the historical reference of the secondary care service in the county, the distancing attitude of professionals PC, to the detriment of stigma and consolidating health and management practices that reinforce the centralization of LCP. Among the operational aspects, there were problems related to the access to the basic health units, frame instability of human resources, lack of resources for the program and difficulties in performing the supervision of teams of PC. We conclude that the issue of decentralization in Governador Valadares involves the tension between different models of care that exist in the city, generating symbolic disputes in the knowledge area besides health and management's practices. The sustainability of the decentralization process requires greater political involvement and institutional support, focusing on strengthening primary care, supervision of...(AU)
Descritores: Hanseníase/prevenção & controle
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Descentralização
-Brasil
Atenção Primária à Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WC335, COAV


  2 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30296
Autor: Sousa, Gutembergue Santos de; Silva, Rodrigo Luís Ferreira da; Xavier, Marília Brasil.
Título: Atributos da atenção primária em saúde no controle da hanseníase: ótica do enfermeiro / Attributes of primary health care in leprosy control: nurse’s perspective
Fonte: Rev. baiana enferm;31(1), 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: avaliar a presença e a extensão dos atributos essenciais e derivados da atenção primária em saúde noprograma de controle da hanseníase sob a ótica do enfermeiro. Método: estudo avaliativo de programas de saúde,realizado entre agosto de 2015 e fevereiro de 2016, com 11 enfermeiros de unidades de saúde da atenção primária.Na coleta de dados foi utilizado um questionário para medir a presença e a extensão dos atributos da atençãoprimária em saúde no controle da doença. Foi realizada análise estatística e descritiva. Resultados: o municípioapresentou, pela média dos escores gerais e dos atributos essenciais e derivados, alta orientação para as ações decontrole da hanseníase, com exceção do atributo acesso, que recebeu média abaixo do ponto de corte. Conclusão:mesmo com as fragilidades identificadas, o município apresenta alta orientação para o desenvolvimento das açõesde controle da hanseníase na atenção primária em saúde. (AU)

Objective: to evaluate the presence and extension of the essential and derivative attributes of primary health carein a leprosy control program from the perspective of nurses. Method: an assessment study on health programs wasdeveloped between August 2015 and February 2016, with 11 nurses from primary health care units. Data werecollected by means of a questionnaire that measured the presence and extension of attributes of primary health carein leprosy control. Statistic and descriptive analyses were conducted. Results: in the mean general scores and in thescores of the essential and derivative attributes, the city presented high orientation to leprosy control actions, exceptfor the attribute access, which received a lower mean than the cut-off score. Conclusion: despite the weaknessesidentified, the city presents high orientation to the development of leprosy control actions in primary health care. (AU)

Objetivo: evaluar la presencia y la extensión de los atributos esenciales y derivados de la atención primaria de saluden el programa de control de la lepra en la óptica del enfermero. Método: estudio evaluativo de programas de salud,realizado entre agosto de 2015 y febrero de 2016, con 11 enfermeros de unidades de salud de atención primaria.Datos recolectados mediante cuestionario para medir presencia y extensión de los atributos de la atención primariade salud para control de la enfermedad. Se realizó análisis estadístico y descriptivo. Resultados: el municipio presentó, por promedio de puntajes generales y de atributos esenciales y derivados, alta orientación hacia acciones de controlde la lepra, exceptuando el atributo acceso, con promedio inferior al punto de corte. Conclusión: incluso con lasdebilidades identificadas, el municipio muestra alta orientación al desarrollo de acciones de control de la lepra enatención primaria de salud. (AU)
Descritores: Hanseníase
Avaliação em Saúde
Qualidade da Assistência à Saúde
Enfermagem
Serviços de Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca


  3 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30218
Autor: Pinheiro, Mônica Gisele Costa; Miranda, Francisco Arnoldo Nunes de; Simpson, Clélia Albino; Vitor, Allyne Fortes; Lira, Ana Luisa Brandão de Carvalho.
Título: Limitações e incapacidades físicas no pós-alta em hanseníase: uma revisão integrativa / Limitations and physical disabilities in posttreatment for leprosy: an integrative review
Fonte: Rev. baiana enferm;30(2), 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: sintetizar informações produzidas sobre limitações e incapacidades físicas no pós-alta em hanseníase.Método: revisão integrativa realizada nos meses de maio e junho de 2015, nas bases de dados CINAHL, LILACS,PubMed e Scopus, utilizando os descritores indexados Hanseníase, Alta do Paciente e Pessoas com Deficiência,e seus correspondentes em inglês e espanhol, associado ao operador boleano and. Resultados: selecionaram-se15 estudos, dos quais 26,6% estão voltados para avaliação da limitação de atividades e participação social doindivíduo no pós-alta em hanseníase, e outros 26,6%, para a avaliação das incapacidades físicas. Na análise temática,foram identificadas três categorias: caracterização de usuários no pós-alta em hanseníase; repercussão social; epossibilidades terapêuticas e acompanhamento pós-alta. Conclusão: estudos mostraram predominância de casosmultibacilares com incapacidades físicas, limitações de atividades e de participação social entre os usuários no pós--alta em hanseníase, sugerindo a necessida de continuidade da assistência após a alta medicamentosa. (AU)

Objective: to summarize the information produced about limitations and disabilities in post-treatment for leprosy.Method: integrative review conducted in May and June 2015 in CINAHL, LILACS, PubMed and Scopus databases,using the indexed descriptors: Leprosy, Patient Discharge and People with Disabilities and their counterparts in Englishand Spanish, together with the Boolean and operator. Results: we selected 15 studies, of which 26.6% are focusedon evaluating the limitation of activities and social participation of the individual in post-treatment for leprosy andanother 26.6% for the assessment of physical disabilities. Three categories were identified through thematic analysis:Profile of users in post-treatment for leprosy; Social impact; and post-treatment therapeutic possibilities and followup.Conclusion: studies have shown predominance of multibacillary cases with physical disabilities, limitations inactivities and of social participation among users in post-treatment for leprosy, suggesting the need for the continuityof care after release from medication. (AU)

Objetivo: resumir la información producida sobre las limitaciones y discapacidades en post-alta en la lepra. Método:revisión integradora realizada en las bases de datos CINAHL, LILACS, PubMed y Scopus utilizando los descriptores Lepra, alta del paciente y personas con discapacidad, y sus correspondientes en inglés y español, asociado aloperador boleano and. Resultados: se seleccionaron 15 estudios, de los cuales 26,6% se centran en la evaluación dela limitación de las actividades y la participación social del individuo en la post-alta en lepra y otros 26,6% para laevaluación de las discapacidades físicas. Se identificaron tres categorías: perfiles de usuario en post-alta en la lepra;Impacto social; posibilidades terapéuticas y acompañamiento post-alta. Conclusión: los estudios han demostradopredominio de casos multibacilares con discapacidades físicas, limitaciones en las actividades y de la participaciónsocial de los usuarios en el post-alta en la lepra, lo que sugiere la necesidad de la continuidad de la atención despuésdel alta de medicamentos. (AU)
Descritores: Hanseníase
Alta do Paciente
Pessoas com Deficiência
Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR342.1 - Biblioteca


  4 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30160
Autor: Silva, Liniker Scolfild Rodrigues da; Silva, Tânia Maria da; Rocha, Jarede Teles; Andrade, Wellington Gomes de; Lessa, Eliana Cordeiro; Correia, Nathália da Silva.
Título: A assistência de enfermagem aos portadores de hanseníase assistidos pelo programa de saúde da família / Nursing care for leprosy patients assisted by the family health program
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;10(11):4111-4117, Nov. 2016. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a assistência de enfermagem utilizada no atendimento de portadores de hanseníase.Método: estudo retrospectivo, prospectivo, com abordagem quantitativa, realizada em postos de saúde dafamília no município de Tamandaré (PE), Brasil com 60 prontuários do período de 2010 a 2014 e 14profissionais de enfermagem. A coleta de dados foi realizada com um questionário e analisados no softwareSSPS, Excel, apresentados em tabelas. Resultados: constatou-se que a assistência de enfermagem nocombate e controle da hanseníase, onde 93% dos entrevistados mencionaram a consulta de enfermagem sendoa metodologia mais importante realizada nesta unidade de saúde. Conclusão: o índice de portadores dehanseníase existente no programa de saúde é pouco expressivo segundo o Ministério da Saúde, entretantomerece a devida atenção e rever o papel da promoção e prevenção de enfermagem em relação doença.(AU)
Descritores: Cuidados de Enfermagem
Hanseníase
Estratégia Saúde da Família
Saúde Pública
Educação em Saúde
Equipe de Enfermagem
-Estudos Retrospectivos
Registros Médicos
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto Jovem
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  5 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 30069
Autor: Ericeira, Vanessa Virginia Lopes; Costa Filho, Manoel Ramos; Aquino, Dorlene Maria Cardoso; Paiva, Maria de Fátima Lires; Corrêa, Rita da Graça Carvalhal Frazão; Costa, Larissa Di Leo Nogueira.
Título: Sintomas depressivos secundário ou reativo em adultos doentes com hanseníase / Secondary or reactive depressive symptoms in adult patients with leprosy
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;10(9):3251-3258, set. 2016. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: investigar a presença dos sintomas depressivos em adultos doentes com hanseníase. Método:estudo descritivo, com abordagem quantitativa, realizado em dois programas de controle de hanseníase, emSão Luís (MA), Brasil,com 47 pessoas com hanseníase, notificadas e em registro ativo. A coleta de dados foirealizada com um questionário (Escala CES-D) para avaliação de sintomas depressivos. Em seguida, os dadosforam armazenados no software Epi–info versão 7.0, analisados, apresentados em tabelas e discutidos com aliteratura. Resultados:a maioria dos participantes estava na fase de transição entre mania e depressão, compredominância da fase depressiva e presença discreta da ideação suicida. Conclusão: os sintomas depressivossecundários foram frequentes na população de estudo, havendo necessidade de novas pesquisas,principalmente no que se refere ao surgimento e desenvolvimento de abordagem multiprofissional, otimizaçãode promoção e educação a saúde.(AU)
Descritores: Hanseníase
Depressão
Transtornos de Adaptação
Autoimagem
-Epidemiologia Descritiva
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  6 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 29991
Autor: Santos, Allan Dantas dos; Santos, Márcio Bezerra; Barreto, Aline Silva; Carvalho, Denis da Silva; Alves, José Antonio Barreto; Araújo, Karina Conceição Gomes Machado de.
Título: Análise espacial e características epidemiológicas dos casos de hanseníase em área endêmica / Spatial analysis and epidemiological characteristics of cases of leprosy in an endemic area
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;10(5):4188-4197, nov.2016. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a distribuição espacial e as características clínico-epidemiológicas dos casos de hanseníaseem área endêmica. Método: estudo descritivo, transversal, retrospectivo, com abordagem quantitativa,utilizando dados secundários do Sistema de Informação de Agravo de Notificação (SINAN) de 2002 a 2012 nomunicípio de Tucano/BA, Brasil. Os casos de hanseníase foram georreferenciados utilizando um receptor GPSpara a localização dos domicílios e a análise espacial, realizada através do software TerraView. 4.2.2.Resultados: a taxa média de detecção foi de 15,53 casos para cada 100 mil habitantes. Ocorreu um aumentoda frequência dos casos com a idade e ocorrência de seis casos em menores de 15 anos. A análise espacialconstatou concentração de casos em área periurbana do município. Conclusão: há uma tendência crescentede casos de hanseníase concentrados na área urbana do município, sendo importante intensificar asintervenções de controle focadas na busca ativa de casos em localidades de difícil acesso aos serviços desaúde.(AU)
Descritores: Hanseníase/epidemiologia
Sistemas de Informação em Saúde
Análise Espacial
Saúde Pública
Vigilância Epidemiológica
-Hanseníase/prevenção & controle
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Sistemas de Informação Geográfica
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  7 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 29713
Autor: Araújo, Daniella Azevêdo Lobo de; Brito, Karen Krystine Gonçalves de; Santana, Emanuelle Malzac Freire de; Soares, Valéria Leite; Soares, Maria Júlia Guimarães Oliveira.
Título: Caracterização da qualidade de vida de pessoas com hanseníase em tratamento ambulatorial / Características de la gente de la calidad de vida con la lepra en tratamiento ambulatorio / Characteristics of people of quality of life with leprosy in outpatient treatment
Fonte: Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online);8(4):5010-5016, out.-dez. 2016. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objective: To characterize the quality of life of people with leprosy in outpatient treatment. Method: Exploratory-descriptive quantitative study with 59 subjects. To obtain the socioeconomic and clinical data of individuals used the questionnaire, and for the quality of life, the Short Medical Outcomes Study 36 - Item Short-Form Health Survey SF-36. Data analysis was adopted IBM SPSS statistical software. Results: 78% multibacillary; males 54.3%; mean age 45.9 years; economically active 67%. The SF-36 shows average scores calculated values up to score 50, but the physical and emotional aspects (score <50) Age was correlated to the areas of functional capacity and physical aspects, while sex was associated with mental health. Conclusion: The investigated population has adequate quality of life, though, it is observed that this is affected by the disease.(AU)

Objetivo: Caracterizar a qualidade de vida de pessoas com hanseníase em tratamento ambulatorial. Método: Estudo quantitativo exploratório descritivo com 59 sujeitos. Para obtenção dos dados socioeconômicos e clínicos dos indivíduos utilizou-se formulário próprio e para a qualidade de vida, o questionário Short Medical Outcomes Study 36 – Item Short-Form Health Survey, o SF-36. Para análise dos dados adotou-se o software estatístico IBM SPSS. Resultados: 78% multibacilares; sexo masculino 54,3%; idade média de 45,9 anos; economicamente ativos 67%. O SF-36 aponta escores médios calculados em valores acima ao escore 50, exceto os aspectos físicos e emocionais (escore < 50) A idade esteve correlacionada aos domínios de capacidade funcional e aspectos físicos, enquanto o sexo esteve associado à saúde mental. Conclusão: A população investigada apresenta qualidade de vida adequada, embora, observa-se que esta se encontra afetada pela doença.(AU)

Objetivo: Caracterizar la calidad de vida de las personas con lepra en tratamiento ambulatorio. Método: Estudio cuantitativo exploratorio descriptivo con 59 temas. Para obtener los datos socioeconómicos y clínicos de los individuos utilizaron el cuestionario, y para la calidad de vida, el Short Medical Outcomes Study 36 - Artículo Short-Form Health Survey SF-36. Se aprobó el análisis de datos de IBM SPSS software estadístico. Resultados: 78% multibacilar; varones 54.3%; edad media de 45,9 años; económicamente activa de 67%. El SF-36 muestra las puntuaciones medias calculadas valores de hasta anotar 50, pero los aspectos físicos y emocionales (puntuación <50) La edad se correlacionó con las áreas de la capacidad funcional y los aspectos físicos, mientras que el sexo se asocia con la salud mental. Conclusión: La población investigada ha adecuada calidad de vida, sin embargo, se observa que esta se ve afectada por la enfermedad.(AU)
Descritores: Hanseníase
Qualidade de Vida
Assistência Ambulatorial
-Brasil
Limites: Humanos
Responsável: BR1208.1 - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição
BR1208.1


  8 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 28262
Autor: Brito, Karen Krystine Gonçalves; Andrade, Smalyanna Sgren da Costa; Diniz, Iraktânia Vitorino; Matos, Suellen Duartede Oliveira; Oliveira, Simone Helena dos Santos; Oliveira, Maria Júlia Guimarães Oliveira.
Título: Caracterização dos casos de hanseníase diagnostica dos através do exame de contato / Characteristics of leprosy cases diagnosed through the exam contact
Fonte: Rev. enferm. UFPE on line;10(2):435-441, fev. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo:analisar os casos de hanseníase notificados na Paraíba, no período de 2001 a 2011, considerando o modo de detecção e as variáveis sociodemográficas e clínicas da doença. Método:estudo epidemiológico de série temporal, retrospectivo e de base documental, realizado a partir dos casos de hanseníasenotificados pelo Sistema de Informação de Agravos de Notificação no estado da Paraíba, no período de 2001 a 2011. Os 9.375 casos notificados foram submetido à aplicação de teste Qui-quadrado e teste Exato de Fisher. Os dados foram condensados e apresentados em tabelas. Resultados:os casos diagnosticados através do exame de contatos representam 3,4% do total de diagnósticos. Comparando-se as formas de detecção, a baixa escolaridade e presença de incapacidades estiveram significativamente associadas. Conclusão:sugere-se a importância do exame de contato na diminuição dos casos de hanseníase, bem como das formas mais graves da doença(AU)
Descritores: Hanseníase/diagnóstico
Estudos Epidemiológicos
-Estudos Retrospectivos
Fatores Epidemiológicos
Fatores Socioeconômicos
Cuidados de Enfermagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR9.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde Profa. Susana Schimidt


  9 / 168 BDENF  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 28246
Autor: Gomes, Fernanda Beatriz Ferreira.
Título: Indicadores epidemiológicos da hanseníase e sua relação com a cobertura da estratégia saúde da família e o índice de desenvolvimento humano em Minas Gerais - período: 1998-2013 / Epidemiological indicators of leprosy and its relationship to the family health coverage strategy and human development index in Minas Gerais period: 1998-2013.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 76 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A hanseníase é um problema de saúde pública de grande importância, devido sua magnitude e alto poder incapacitante, acometendo principalmente a população economicamente ativa. Ela se distribui de forma heterogênea no território, onde fatores socioeconômicos e ambientais se mostram importantes preditores da doença. Dados recentes mostram que o Brasil permanece na segunda posição em número absoluto de casos. O processo de descentralização das ações de controle da hanseníase para atenção primária à saúde busca alcançar a melhoria do acesso, resolutividade e superação das desigualdades que afetam a saúde da população. Diante disso, torna-se importante a avaliação dos reflexos desse processo nos resultados das ações dos serviços de saúde. O objetivo deste estudo foi analisar a relação entre os indicadores epidemiológicos da hanseníase, a cobertura da Estratégia da Saúde da Família (ESF) e o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) em Minas Gerais, no período de 1998 a 2013. Trata-se de um estudo ecológico. A forma de mensurar as condições de vida da população foi através do IDHM. Os dados sobre a doença foram retirados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) e da cobertura da ESF do Sistema de Informação da Atenção Básica (SIAB). Foram realizadas duas análises: uma considerando a média de cada indicador no período de 1998 a 2005, e outra de 2006 a 2013. Inicialmente, foi feita uma análise descritiva da situação epidemiológica da hanseníase, da cobertura da ESF e do IDHM em Minas Gerais. Em seguida, foi estabelecida uma relação entre as taxas de detecções geral, em menores de 15 anos e com grau 2 de incapacidade; com a cobertura da ESF e o IDHM, empregando-se os testes de Poisson com inflação de zeros e o de Deviance. As análises foram realizadas nos programas estatísticos SPSS versão 19.0 e Stata versão 10.0. Os resultados sugerem redução da endemia em Minas Gerais, identificada pela queda dos indicadores da doença...(AU)

Leprosy is a public health problem of great importance, due to its magnitude and high crippling power, affecting mainly the economically active population. It is distributed unevenly in the territory, where socio-economic and environmental factors showed significant predictors of disease. Recent data show that Brazil remains in second place in absolute number of cases. The decentralization process of leprosy control activities for primary health care seeks to achieve improved access, solving and overcoming inequalities that affect health. Therefore, it is important to evaluate the consequences of this process on the results of the actions of health services. The objective of this study was to analyze the relationship between the epidemiological indicators of leprosy, coverage of the Family Health Strategy (ESF) and the Municipal Human Development Index (IDHM) in Minas Gerais from 1998 to 2013. It is an ecological study. The way to measure the living conditions of the population is through IDHM. Data on the disease were removed from the System for Notification Diseases Information System (SINAN) and the ESF coverage of the Primary Care Information System (SIAB). Two analyzes were conducted, one based on the average of each indicator in the periods 1998 to 2005 and another from 2006 to 2013. Initially it was made a descriptive analysis of the epidemiological situation of leprosy, the ESF coverage and IDHM in Minas Gerais. Then it was established a relationship between the rates of general detections, in children under 15 years and with grade 2 disabilities; with ESF coverage and IDHM, using the Poisson test with zero inflation and the Deviance. Analyses were performed in the statistical program SPSS version 19.0 and Stata version 10.0. The results suggest reducing endemic in Minas Gerais, identified by the fall of the disease indicators. The increased ESF coverage contributed to the increase in cases of detection of the disease, reduction of cases...(AU)
Descritores: Hanseníase/epidemiologia
Estratégia Saúde da Família
-Estudos Epidemiológicos
Estudos Retrospectivos
Indicadores de Desenvolvimento
Fatores Socioeconômicos
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WC335, GOIN


  10 / 168 BDENF  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: 28209
Autor: Niitsuma, Eyleen Nabyla Alvarenga.
Título: Análise da influência de polimorfismo do gene TLR1 na suscetibilidade a hanseníase per se: um estudo de caso - controle / Analysis of the influence of the TLR1 gene polymorphism in susceptibility to leprosy per se: A case-control.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2016. 95 p. tab, graf, ilus, mapas.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Desde a década de 1960, há evidências da influência da arquitetura genética individual na suscetibilidade à hanseníase. Polimorfismos em genes que codificam citocinas e receptores envolvidos na resposta imune, como o receptor TLR1, capaz de reconhecer o patógeno,podem associar-se ao risco à doença. O objetivo deste trabalho foi analisar a influência do polimorfismo G743A no gene TLR1 com a suscetibilidade à hanseníase em um estudo caso controle na Microrregião de Almenara, Minas Gerais. O cenário envolveu os municípios de Almenara, Felizburgo, Jacinto, Jordânia, Palmópolis e Rubim. A amostra de casos foi selecionada por consulta aos indivíduos diagnosticados com hanseníase registrados no SINAN entre 2001 e 2014. Controles foram selecionados a partir dos contatos domiciliares desses casos, incluídos os que residiam nos municípios selecionados, com idade igual ou superior a sete anos e aceite na coleta de material biológico. Contatos com histórico ou suspeita de hanseníase e parentesco consanguíneo com casos foram excluídos. A coleta dedados envolveu visitas domiciliares com aplicação de questionário estruturado e coleta de sangue, realizadas em 2011 e 2014. A extração do DNA utilizou o kit Qiagen Flexigene e agenotipagem realizada por PCR em tempo real. O software Epi Info foi utilizado para aconstrução do banco de dados, sendo as análises feitas nos softwares SPSS e R com o pacote estatístico SNPassoc. Esta pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos da Universidade Federal de Minas Gerais. A amostra, composta por 234 casos e233 controles, totalizou 467 indivíduos, com a maioria de adultos do sexo feminino. Apenas entre os casos predominaram indivíduos do sexo masculino e uma maior proporção de jovens. Nas variáveis epidemiológicas, houve um número expressivo de indivíduos vivendo em domicílios de até quatro cômodos e com histórico de helmintoses, principalmente entre os casos da doença. A forma multibacilar foi frequente...(AU)

Since the 60s, there is evidence of the genetic architecture influence in susceptibility toleprosy. Polymorphisms in genes encoding cytokines and receptors involved in immuneresponse, such as TLR1 receptor that can recognize the pathogen, may be associated with therisk of disease. The objective of this study was to analyze the influence of the G743Apolymorphism in the TLR1 gene with susceptibility to leprosy in a case-control study in themicro-region of Almenara, Minas Gerais. The scenario involved the cities of Almenara,Felisburgo, Jacinto, Jordânia, Palmópolis and Rubim. The case sample was selected inconsultation with individuals diagnosed with leprosy registered in SINAN between 2001 and2014. Controls were selected from the household contacts of these cases. Including those wholived in the selected cities, age greater than or equal seven years old and who accepted the biological material collection. Contacts with a history or suspected leprosy and consanguinity with cases were excluded. Data collection involved home visits with a structuredquestionnaire and blood collection, carried out in 2011 and 2014. The DNA extraction usedthe Qiagen kit Flexigene and genotyping performed by Real-Time PCR. The Epi Infosoftware was used to build the database and the analysis done in SPSS software and R with the SNPassoc statistical package. This study was approved by the Ethics Committee of the Federal University of Minas Gerais. A sample of 234 cases and 233 controls amounted to 467individuals, most adult females. Only between cases predominated males and a higherproportion of young people. In epidemiological variables, there was a significant number of individuals living in houses with up to 4 rooms and helminths history, especially among the cases. The multibacillary form was common in the case group as well as physical disabilities, leprosy reactions and the absence of BCG...(AU)
Descritores: Hanseníase/epidemiologia
Polimorfismo Genético
-Inquéritos e Questionários
Fatores Socioeconômicos
Hanseníase/diagnóstico
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WC335, NIAN



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde