Base de dados : LILACS
Pesquisa : (K01.316$ OR L01.143 OR L01.143.050 OR L01.143.230 OR L01.143.320 OR L01.143.320.800 OR L01.143.443 OR L01.143.474 OR L01.143.506.423.796 OR L01.143.506.423.906 OR L01.143.506.423.906.215 OR L01.399 OR L01.453) AND (L01.178.682$ or L01.737$) OR (L01.178 OR L01.178.590 OR L01.178.682 OR L01.178.682.099 OR L01.178.682.099.183 OR L01.178.682.099.308 OR L01.178.682.099.325 OR L01.178.682.099.434 OR L01.178.682.192 OR L01.178.682.192.836 OR L01.178.682.192.900 OR L01.178.682.389 OR L01.178.682.492 OR L01.178.682.608 OR L01.178.682.608.526 OR L01.178.682.759 OR L01.178.682.759.150 OR L01.178.682.829 OR L01.178.682.829.481 OR L01.178.682.829.678 OR L01.178.682.920 OR L01.178.820.090 OR L01.178.820.500 OR L01.178.820.900 OR L01.737 OR L01.737.150 OR L01.737.360 OR L01.737.471 OR L01.737.484 OR L01.737.498 OR L01.737.498.500 OR L01.737.498.550 OR L01.737.640 OR L01.737.684 OR L01.737.787 OR L01.737.813 OR L01.737.840) [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 6733 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 674 ir para página                         

  1 / 6733 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-906843
Autor: Duarte, Daniela de Almeida Pereira; Bustamante-Teixeira, Maria Teresa.
Título: Iniquidade social e mortalidade por câncer de mama e colo do útero: uma revisão integrativa social / Iniquity and mortality related to breast and cervical cancers: an integrative review / La desigualdad social y la mortalidad por cáncer de mama y cáncer de cuello uterino: una revisión integradora
Fonte: Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online);10(3):877-888, jul.-set. 2018. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objective: The leading purpose has been to identify the main publications related to social iniquity and mortality related to breast cancer (BC) and/or cervical cancer (CC), while investigating the type of association between the triggering factor and the case outcome. Methods: It is an Integrative Literature Review from the articles searching in the Medline, Lilacs, PubMed and Scielo databases. A total of 3,439 studies were obtained, from which only 85 have met the inclusion criteria. Results: The vast majority of the studies have found an association between high socioeconomic status and mortality by BC and also between low socioeconomic status and mortality by CC. The principal indicators used to evaluate these associations were as follows: education, income/poverty and labor market. Conclusion: Areas with high social iniquity have higher mortality rates related to CC, while those with higher socioeconomic status exhibit high mortality rates related to BC. These phenomena have several explanations: personal lifestyle, offer and accessibility to screening services and/or treatment, social stratification based on the economic model adopted in the country

Objetivo: Identificar as principais publicações relacionadas à iniquidade social e mortalidade por câncer de mama (CAM) e/ou colo do útero (CCU) e investigar o tipo de associação existente entre fator e desfecho. Método: Revisão Integrativa de Literatura a partir da busca de artigos nas bases Medline, Lilacs, PubMed e Scielo. Obteve-se 3.439 estudos, destes apenas 85 atendiam aos critérios de inclusão. Resultados: A maioria dos estudos encontrou associação entre alto nível socioeconômico e mortalidade CAM e entre baixo nível socioeconômico e mortalidade por CCU. Educação, renda/pobreza e mercado de trabalho foram os principais indicadores utilizados para avaliação dessas associações. Conclusão: Áreas com grande desigualdade social apresentam maior mortalidade por CCU enquanto aquelas com melhor nível socioeconômico exibem altas taxas de mortalidade por CAM. Estes fenômenos possuem várias explicações: estilo de vida dos indivíduos, oferta e acessibilidade aos serviços de rastreamento e/ou tratamento, estratificação social baseada no modelo econômico do país

Objetivo: Identificar las principales publicaciones relacionadas con la desigualdad social y la mortalidad por cáncer de mama (CAM) y/o el cuello uterino (CCU) e investigan el tipo de asociación entre el factor y el resultado. Método: una revisión integradora de la literatura de la búsqueda de artículos en el Medline, Lilacs, PubMed y Scielo. Obtenido 3.439 estudios, de éstos sólo 85 cumplieron con los criterios de inclusión. Resultados: La mayoría de los estudios encontraron una asociación entre el nivel socioeconómico alto y el CAM y la mortalidad entre el bajo nivel socioeconómico y la mortalidad por cáncer de cuello uterino. Educación, ingresos/pobreza y el mercado de trabajo fueron los principales indicadores utilizados para evaluar estas asociaciones. Conclusión: Las áreas con gran desigualdad social tienen mayores tasas de mortalidad por cáncer de cuello de útero, mientras que aquellos con mayor nivel socioeconómico presentan altas tasas de mortalidad por CAM. Estos fenómenos tienen varias explicaciones: el estilo de vida de los individuos, la oferta y la accesibilidad de los servicios de seguimiento y / o tratamiento, la estratificación social basada en el modelo económico del país
Descritores: Neoplasias da Mama/epidemiologia
Neoplasias do Colo do Útero/epidemiologia
Fatores Socioeconômicos
Desigualdades em Saúde
-Literatura de Revisão como Assunto
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1208.1 - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição


  2 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-905640
Autor: Vasconcelos, José Tarcísio Medeiros de.
Título: Novos tempos / New times
Fonte: RELAMPA, Rev. Lat.-Am. Marcapasso Arritm;31(1):1-1, jan.-mar. 2018.
Idioma: pt.
Descritores: Arritmias Cardíacas
Publicações Científicas e Técnicas
-Marca-Passo Artificial
Publicações Periódicas como Assunto
Publicações Periódicas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  3 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Pizzichini, Emílio
Texto completo
d: biblio-893858 LILACS-Express
Autor: Melo Júnior, José Tavares de; Maurici, Rosemeri; Tavares, Michelle Gonçalves de Souza; Pizzichini, Marcia Margareth Menezes; Pizzichini, Emilio.
Título: The Quebec Sleep Questionnaire on quality of life in patients with obstructive sleep apnea: translation into Portuguese and cross-cultural adaptation for use in Brazil / Quebec Sleep Questionnaire sobre qualidade de vida em pacientes com apneia obstrutiva do sono: tradução e adaptação cultural para uso no Brasil
Fonte: J. bras. pneumol;43(5):331-336, Sept.-Oct. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To translate the Quebec Sleep Questionnaire (QSQ), a specific instrument for the assessment of quality of life in patients with sleep obstructive apnea, into Portuguese and to create a version that is cross-culturally adapted for use in Brazil. Methods: The Portuguese-language version was developed according to a rigorous methodology, which included the following steps: preparation; translation from English into Portuguese in three versions; reconciliation to a single version; back-translation of that version into English; comparison and harmonization of the back-translation with the original version; review of the Portuguese-language version; cognitive debriefing; text review; and arrival at the final version. Results: The Portuguese-language version of the QSQ for use in Brazil had a clarity score, as measured by cognitive debriefing, ranging from 0.81 to 0.99, demonstrating the consistency of translation and cross-cultural adaptation processes. Conclusions: The process of translating the QSQ into Portuguese and creating a version that is cross-culturally adapted for use in Brazil produced a valid instrument to assess the quality of life in patients with obstructive sleep apnea.

RESUMO Objetivo: Traduzir para a língua portuguesa e adaptar culturalmente para uso no Brasil o Quebec Sleep Questionnaire (QSQ), um instrumento específico para a avaliação da qualidade de vida em pacientes com apneia obstrutiva do sono Métodos: A versão em português foi desenvolvida obedecendo a uma criteriosa metodologia, que incluiu as seguintes fases: preparação; tradução do inglês para o português em três versões; conciliação para uma versão única em português; retradução da versão única para o inglês; comparação e harmonização da retradução com a versão original; revisão da versão em português; desdobramento cognitivo; revisão textual; e definição da versão final. Resultados: A versão em português falado no Brasil do QSQ apresentou um índice de clareza, aferida pelo desdobramento cognitivo, que variou de 0,81 a 0,99, demonstrando a consistência dos processos de tradução e de adaptação cultural. Conclusões: O processo de tradução e adaptação cultural do QSQ para a língua portuguesa falada no Brasil produziu um instrumento válido para avaliar a qualidade de vida em pacientes com apneia obstrutiva do sono.
-Brasil
Comparação Transcultural
Linguagem
Tradução
Traduções
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
d: biblio-893837 LILACS-Express
Autor: Nogueira, Ingrid Correia; Araújo, Amanda Souza; Morano, Maria Tereza; Cavalcante, Antonio George; Bruin, Pedro Felipe de; Paddison, Johana Susan; Silva, Guilherme Pinheiro da; Pereira, Eanes Delgado.
Título: Assessment of fatigue using the Identity-Consequence Fatigue Scale in patients with lung cancer / Avaliação da fadiga utilizando a Escala de Identificação e Consequências da Fadiga em pacientes com câncer de pulmão
Fonte: J. bras. pneumol;43(3):169-175, May-June 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To evaluate the properties of the Identity-Consequence Fatigue Scale (ICFS) in patients with lung cancer (LC), assessing the intensity of fatigue and associated factors. Methods: This was a cross-sectional study involving LC patients, treated at a teaching hospital in Brazil, who completed the ICFS. Patients with chronic heart disease (CHD) and healthy controls, matched for age and gender, also completed the scale. Initially, a Brazilian Portuguese-language version of the ICFS was administered to 50 LC patients by two independent interviewers; to test for reproducibility, it was readministered to those same patients. At baseline, the LC patients were submitted to spirometry and the six-minute walk test, as well as completing the Epworth Sleepiness Scale (ESS), Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS), Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Health Survey (SF-36), and Fatigue Severity Scale (FSS). Inflammatory status was assessed by blood C-reactive protein (CRP) levels. To validate the ICFS, we assessed the correlations of its scores with those variables. Results: The sample comprised 50 patients in each group (LC, CHD, and control). In the LC group, the intraclass correlation coefficients for intra-rater and inter-rater reliability regarding ICFS summary variables ranged from 0.94 to 0.76 and from 0.94 to 0.79, respectively. The ICFS presented excellent internal consistency, and Bland-Altman plots showed good test-retest reliability. The ICFS correlated significantly with FSS, HADS, and SF-36 scores, as well as with CRP levels. Mean ICFS scores in the LC group differed significantly from those in the CHD and control groups. Conclusions: The ICFS is a valid, reliable instrument for evaluating LC patients, in whom depression, quality of life, and CRP levels seem to be significantly associated with fatigue.

RESUMO Objetivo: Avaliar as propriedades da Escala de Identificação e Consequências da Fadiga (EICF) em pacientes com câncer de pulmão (CP), analisando a intensidade da fadiga e fatores associados. Métodos: Estudo transversal com pacientes com CP, atendidos em um hospital-escola no Brasil, que preencheram a EICF. Pacientes com doenças cardíacas crônicas (DCC) e controles saudáveis, pareados por idade e sexo, também preencheram a escala. Inicialmente, uma versão brasileira da escala foi aplicada a 50 pacientes com CP por dois entrevistadores independentes; para testar a reprodutibilidade, ela foi reaplicada aos mesmos pacientes. No momento basal, os pacientes com CP realizaram espirometria e teste de caminhada de seis minutos, bem como preencheram a Epworth Sleepiness Scale (ESS), Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS), Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Health Survey (SF-36) e Fatigue Severity Scale (FSS). O estado inflamatório foi avaliado pelos níveis de proteína C reativa (PCR) no sangue. Para validar a EICF, avaliamos as correlações entre as pontuações na mesma e essas variáveis. Resultados: A amostra foi composta por 50 pacientes em cada grupo (CP, DCC e controle). No grupo CP, os coeficientes de correlação intraclasse para confiabilidade intra e interobservador para as variáveis resumidas da EICF variaram de 0,94 a 0,76 e de 0,94 a 0,79, respectivamente. A EICF apresentou excelente consistência interna, e as disposições gráficas de Bland-Altman demonstraram boa confiabilidade teste-reteste. A EICF apresentou correlações significativas com as pontuações na FSS, HADS e SF-36, bem como com os níveis de PCR. As médias das pontuações na EICF do grupo CP diferiram significativamente das dos grupos DCC e controle. Conclusões: A EICF é um instrumento válido e confiável para a avaliação de pacientes com CP, nos quais depressão, qualidade de vida e níveis de PCR parecem estar significativamente associados à fadiga.
-Brasil
Proteína C-Reativa/análise
Estudos de Casos e Controles
Doença Crônica
Estudos Transversais
Fadiga/psicologia
Cardiopatias/fisiopatologia
Neoplasias Pulmonares/patologia
Neoplasias Pulmonares/psicologia
Escalas de Graduação Psiquiátrica
Qualidade de Vida/psicologia
Reprodutibilidade dos Testes
Índice de Gravidade de Doença
Espirometria
Estatísticas não Paramétricas
Fatores de Tempo
Traduções
56665
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
d: biblio-889066 LILACS-Express
Autor: Kang, X; Dong, L; Yang, T; Wang, Z; Huang, G; Chen, X.
Título: Clinical and radiographic outcomes of upper thoracic versus lower thoracic upper instrumented vertebrae for adult scoliosis: a meta-analysis
Fonte: Braz. j. med. biol. res = Rev. bras. pesqui. méd. biol;51(4):e6651, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this study was to evaluate the clinical and radiographic outcomes of upper thoracic (UT) versus lower thoracic (LT) upper instrumented vertebrae (UIV) for adult scoliosis by meta-analysis. We conducted a literature search in three databases to retrieve related studies up to March 15, 2017. The preliminary screened studies were assessed by two reviewers according to the selection criteria. All analyses were carried out using the statistical software package R version 2.31. Odds ratios (OR) with 95% confidence intervals (CI) were used to describe the results. The I2 statistic and Q statistic test were used for heterogeneity assessment. Egger's test was performed to detect publication bias. To assess the effect of each study on the overall pooled OR or standardized mean difference (SMD), sensitive analysis was conducted. Ten trials published between 2007 and 2015 were eligible and included in our study. Meta-analysis revealed that the UT group was associated with more blood loss (SMD=0.4779, 95%CI=0.3349-0.6209, Z=6.55, P<0.0001) and longer operating time (SMD=0.5780, 95%CI=0.1971-0.958, Z=2.97, P=0.0029) than the LT group. However, there was no significant difference in Oswestry Disability Index, Scoliosis Research Society (SRS) function subscores, radiographic outcomes including sagittal vertical axis, lumbar lordosis, and thoracic kyphosis, length of hospital stay, and revision rates between the two groups. No evidence of publication bias was found between the two groups. Fusion from the lower thoracic spine (below T10) has as advantages a shorter operation time and less blood loss than upper thoracic spine (above T10) in posterior long-segment fixation for degenerative lumbar scoliosis.
-Medicina Baseada em Evidências
Seguimentos
Viés de Publicação
Estudos Retrospectivos
Limites: Humanos
Adulto
Tipo de Publ: Revisão
Metanálise
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-885095
Autor: Sanabria, Álvaro.
Título: Los cirujanos y los medios de comunicación, relaciones peligrosas / Surgeons and the media, Dangerous relationships
Fonte: Rev. colomb. cir;32(3):171-175, 20170000.
Idioma: es.
Descritores: Cirurgia Geral
-Jornalismo Médico
Docentes de Medicina
Papel do Médico
Limites: Humanos
Responsável: CO113


  7 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-885066
Autor: Meimaridis, Melina.
Título: Herói ou humano?: a construção do imaginário médico nas séries americanas / Hero or human?': the development of the medical profession image in American series / '¿Héroe o humano?': la construcción del imaginario médico en las series norteamericanas
Fonte: RECIIS (Online);12(1):1-14, jan.-mar. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo busca analisar e discutir a construção dos profissionais de saúde nos seriados americanos, com o foco específico nos médicos. Defende-se que esses profissionais foram inicialmente construídos na televisão como heróis infalíveis devido à participação direta e indireta de instituições médicas. A revisão da literatura revela que esse modelo começou a dar sinais de desgaste nas décadas de 1970 e 1980, apresentando médicos passíveis de falhas, erros e até mesmo crimes. Argumentamos que as produções atuais, apesar de apresentarem profissionais 'mais humanos', continuam sendo influenciadas por organizações e instituições de saúde públicas e privadas, de modo a perpetuar um imaginário favorável do médico e da própria instituição. Para tanto, daremos atenção à recente participação da Hollywood Health and Society na ficção seriada televisiva. (AU)

This article aims to analyze and discuss the representation of health professionals in the American television series, with a specific focus on physicians. We defend that these professionals were initially presented as infallible heroes due to the direct and indirect participation of medical institutions. The literature review shows that this model began to deteriorate in the 1970s and 1980s presenting fallible physicians, that wereliable to errors and even crimes. We argue that the current production, despite presenting 'more human'professionals, continues to be influenced by public and private health organizations and institutions, inorder to perpetuate a favorable image of doctors and the medical institution. In this regard, we will drawattention to the recent participation of the Hollywood Health and Society in television fictional series.

El presente artículo se propone analizar y discutir la construcción de los profesionales de la salud en las series norteamericanas, con foco especial en los médicos. Se defiende que tales profesionales fueron inicialmente construidos en la televisión como héroes infalibles debido a la participación directa e indirecta de las instituciones médicas. La revisión de la literatura revela que ese modelo comenzó a dar señales de desgaste en las décadas de 1970 y 1980 presentando médicos pasibles de fallas, errores e incluso crímenes. Argumentamos que las producciones actuales, a pesar de presentar profesionales 'más humanos', continúan siendo influenciadas por organizaciones y instituciones de salud pública y privada para perpetuar un imaginario favorable al médico y a la propia institución. Para argumentar, daremos atención a la participación de Hollywood en la Health and Society en la ficción seriada televisiva.
Descritores: Meios de Comunicação/tendências
Televisão
Papel Profissional
Médicos
Comunicação em Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  8 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-884966
Autor: Cavaca, Aline Guio; Vasconcellos-Silva, Paulo Roberto; Emerich, Tatiana Breder; Santos-Neto, Edson Theodoro dos; Oliveira, Adauto Emmerich.
Título: Valor-saúde: critérios epidemiológicos potenciais para a comunicação e saúde / Health-value: potential epidemiological criteria for health communication / Valor-salud: criterios epidemiológicos potenciales para la comunicación y salud
Fonte: RECIIS (Online);12(1):1-17, jan.-mar. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo objetiva desenvolver critérios de prioridades potenciais para comunicação e saúde ('valor-saúde'),a partir da análise de políticas de saúde e de dados de morbimortalidade do Espírito Santo (ES, Brasil).Foi realizada uma pesquisa documental a partir de dados de 2011 e 2012. Tais dados foram coletados em documentos sobre prioridades políticas estaduais e nos sistemas de informação em saúde, e hierarquizados segundo critério decrescente de causas de mortalidade, morbidade e notificação, além da coincidência da doença em mais de uma política selecionada. O 'valor-saúde' evidencia condições mórbidas idealmente prioritárias na pauta midiática do ES: doenças isquêmicas do coração, cerebrovasculares, pneumonia,neoplasias, tuberculose, hanseníase, esquistossomose e dengue. Ele destaca a persistência de doenças relacionadas às condições sociossanitárias precárias, além de sífilis em gestantes, Aids, diabetes e coqueluche. Dessa maneira, o 'valor-saúde' atua como critério relevante de publicização e midiatização de problemas públicos, a fim de pautar debates na sociedade.(AU)

The study aims to develop potencial priorities criteria for health communication ('health-value'), from theanalysis of health policies and morbidity and mortality data of Espírito Santo (ES, Brazil). Documentary researchwas performed from 2011 and 2012 data. These data were collected in state health priority policies and healthinformation systems, and they were ranked according to decreasing criterion causes of mortality, morbidityand notification, in addition to the coincidence of the disease in more than one policy selected. The `healthvalue'shows ideally priority morbid conditions in the media agenda of ES, such as: ischemic heart diseases,cerebrovascular diseases, pneumonia, cancer, tuberculosis, hanseniasis, schistosomiasis and dengue. It highlightsthe persistence of diseases related to poor socio-sanitary conditions, plus child and maternal mortality, syphilisin pregnant women, Aids, diabetes and pertussis. Thus, 'health-value' acts as a relevant criterion in publicizationof public problems in order to create attention and guided debates in society

El estudio tiene como objetivo desarrollar criterios de prioridades potenciales para la comunicación y salud ('valor-salud'), a partir del análisis de políticas públicas y de los datos de morbilidad y mortalidad del Espírito Santo (ES, Brasil). Una investigación documental se llevó a cabo, con datos de 2011 y 2012. Estos datos fueron recogidos en documentos acerca de las prioridades políticas estatales y en sistemas de información en salud, y clasificados en función de criterios decrecientes de causas de la mortalidad, la morbilidad y notificación, y también de la coincidencia de la enfermedad en más de una política seleccionada. El 'valor-salud' evidencia las condiciones mórbidas idealmente prioritarias para la agenda de los medios de comunicación del ES: cardiopatía isquémica, enfermedad cerebrovascular, neumonía, neoplasias, tuberculosis, lepra, esquistosomiasis y el dengue. Pone de relieve la persistencia de enfermedades relacionadas con las malas condiciones sanitarias, y también de la sífilis en mujeres embarazadas, el sida, la diabetes y la tos ferina. Por lo tanto, el 'valor-salud' actúa como un criterio relevante de divulgación y publicación en los medios de comunicación de problemas públicos con el fin de estimular debates en la sociedad.
Descritores: Comunicação em Saúde
Meios de Comunicação
Sistemas de Informação em Saúde/utilização
Inquéritos de Morbidade
-Doenças Negligenciadas/epidemiologia
Brasil/epidemiologia
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  9 / 6733 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Amâncio Filho, Antenor
Machado, María Helena
Texto completo
Id: biblio-884587
Autor: Gomes, Renata Machado dos Santos; Amâncio Filho, Antenor; Machado, Maria Helena.
Título: Canal Saúde em história: o audiovisual na comunicação em saúde / Health Channel in history: the audiovisual communication in healthcare
Fonte: RECIIS (Online);5(3):[1-18], 2011.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo tem como motivação e referência a dissertação intitulada 'Mídia e Saúde na Fiocruz: o Canal Saúde em foco'- estudo realizado no Mestrado em Ciências na área da Saúde (ENSP/Fiocruz). O artigo enfatiza a natureza do Canal Saúde por meio do olhar, da compreensão e da percepção de pessoas que vivenciaram o seu nascimento e participaram da construção de um instrumento de comunicação estruturado para reunir, analisar, difundir, informar e debater questões relacionadas à saúde pública e ao Sistema Único de Saúde, tendo sido criado para propiciar a gestores, profissionais da saúde e a um largo contingente da população, diferentes saberes em saúde, além de atuar como instrumento de disseminação da educação continuada em saúde. Metodologicamente, optou-se pela pesquisa qualitativa, adotando as seguintes técnicas: revisão bibliográfica, observação direta, entrevistas semiestruturadas e análise documental. (AU)

This article is the result of the dissertation titled "Media and Health at Fiocruz: Health Channel in focus" - study performed for a Masters in Science in the Health area (ENSP / Fiocruz) - based on the communication audiovisual. This study seeks to recover the nature through the view, the understanding and the perception of people who experienced the birth and participated in the construction of a structured communication tool to gather, analyze, disseminate, inform and discuss issues related to health, called the Health Channel - ongoing project of the Presidency of Oswaldo Cruz Foundation (Fiocruz), designed to give managers, health professionals and a large contingent of the population, different knowledge in health, in addition to acting as an instrument of dissemination of continued education in health. Methodologically, we chose qualitative research, adopting the following techniques: bibliographical review, direct observation, documentary analysis and semi-structured interview - approved by the Ethics Committee of the National School of Public Health Sergio Arouca. The research begins in December 1994, year of establishment of the Channel as a virtual Project and continues until the year 2010, when the station is "born" (AU)
Descritores: Comunicação
Saúde Pública
-Recursos Audiovisuais
Sistema Único de Saúde
Gestor de Saúde
Pessoal de Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 6733 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-884578
Autor: Prado López, Lidia María.
Título: Primer encuentro de los egresados del postgrado de pediatría / First Pediatrics Alumni Reunion
Fonte: Acta pediátr. hondu;4(2):290-290, oct.- 2013.
Idioma: es.
Descritores: Educação de Pós-Graduação/recursos humanos
Grupos de Treinamento de Sensibilização
Conferências de Consenso como Assunto
Pediatria/educação
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: HN1.1 - Biblioteca Médica Nacional



página 1 de 674 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde