Base de dados : LILACS
Pesquisa : A03.556.124.684.124 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 473 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 48 ir para página                         

  1 / 473 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Uruguai
Texto completo
Id: biblio-1124133
Autor: Dorelo Castaldelli, Rodrigo; Taullard Sapelli, Andrés.
Título: Prevalencia, características endoscópicas y manejo de las lesiones subepiteliales del tracto gastrointestinal superior / Prevalence, endoscopic characteristics and management of subepitelial lesions of the upper gastrointestinal tract / Prevalência, características endoscópicas e manejo das lesões subepiteliais do trato gastrointestinal superior
Fonte: An. Facultad Med. (Univ. Repúb. Urug., En línea);7(1), 2020. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: Las lesiones subepiteliales (LSE) son hallazgos incidentales en las endoscopias. Algunas tienen potencial maligno. Objetivos: Valorar la prevalencia, características endoscópicas y manejo diagnóstico/terapéutico de LSE en video-gastroscopias (VGC). Materiales y métodos: Se incluyeron todas las VGC del periodo enero 2011-junio 2018. Los casos con datos faltantes fueron excluidos. Donde se identificó una LSE se consignó: indicación, edad, sexo, tamaño, ubicación e histología, hallazgos de la ultrasonografía endoscópica (USE), punción-aspiración con aguja fina (PAAF) y resección quirúrgica. Resultados: Se evidenciaron 54 LSE en 7.983 pacientes (0,7 %). 72 % eran mujeres y la indicación más común fue dispepsia (26 %). La localización más frecuente fue en el estómago (74 %). El tamaño medio fue de 16 mm (5-50 mm) y la mitad fueron menores a 10 mm. Siete presentaban mucosa ulcerada, 4 se ubicaban en el cuerpo gástrico y 86 % eran referidos por hemorragia digestiva/anemia. En 26 casos de 54 (48 %) se realizaron biopsias estándar y en 6 de los 54 (11 %) biopsias sobre biopsias, con rendimiento diagnóstico nulo. En un 11 % de ellos se realizó USE, todas mayores de 10 mm: 2 páncreas ectópicos, una lesión compatible con leiomioma, 2 lesiones de la muscular propia (leiomioma/GIST) y 1 compresión extrínseca. No se realizó ninguna PAAF. Todas las LSE fueron manejadas de forma conservadora. Conclusiones: Este es el primer estudio nacional sobre prevalencia de LSE del tracto gastrointestinal superior y resultó comparable al de otras series. El rendimiento diagnóstico de la biopsia fue nulo. En la mayoría de los casos las lesiones se manejaron según las recomendaciones de las guías internacionales.

Introduction: Subepithelial lesions (SELs) are incidental findings in endoscopy procedures. Most are benign, but some have malignant potential. Objectives: To evaluate the prevalence, endoscopic characteristics and diagnostic / therapeutic management of SELs in upper GI endoscopy. Materials and methods: All upper GI endoscopy from January 2011 to June 2018 were included. Cases with missing data were excluded. Indication, age, sex, size, location and histology, findings of endoscopic ultrasound (EUS), fine needle aspiration (FNA) and surgical resection were recorded in patients with SELs. Results: There were 54 SELs in 7983 patients (0.7 %). 72 % were women, and the most frequent indication was dyspepsia (26 %). The most frequent location was stomach (74 %). The average size was 16 mm (5-50 mm), half were less than 10 mm. Seven had ulcerated mucosa, 4 were located in the gastric body and 86 % were referred for digestive hemorrhage/anemia. In 26 of 54 (48 %) standard biopsies and in 6 of 54 (11 %) bite-on-bite biopsy were performed, with no diagnostic yield. In 11 % of the cases EUS was performed, all of them larger than 10 mm: 2 ectopic pancreas, one lesion compatible with leiomyoma, 2 lesions of the muscularis propria (leiomyoma/GIST) and 1 extrinsic compression. No FNA was performed. All SELs were managed conservatively. Conclusions: This is the first national study of the prevalence of SELs in the upper gastrointestinal tract and was comparable to that of other series. Biopsy diagnostic yield was zero. In most cases, lesions were managed according to international guidelines.

Introdução: lesões subepiteliais (LSE) são achadas incidentais em endoscopias. A maioria são benignas, mas algumas têm potencial maligno. Objetivos: Avaliar a prevalência, características endoscópicas e manejo diagnóstico/terapêutico das LSE em vídeo-gastroscopias (VGC). Materiais e métodos: Foram incluídos todas VGC do período de janeiro de 2011 a junho de 2018. Foram excluídos os casos com dados ausentes. Quando uma LSE foi identificada, foram indagados: indicação, idade, sexo, tamanho, localização e histologia, achados da ultrassonografia endoscópica (USE), aspiração por agulha fina (PAAF) e ressecção cirúrgica. Resultados: 54 LSE foram evidenciadas em 7.983 pacientes (0,7 %). 72 % eram mulheres e a indicação mais freqüente foi dispepsia (26 %). A localização mais freqüente foi estômago (74 %). O tamanho médio era de 16 mm (5-50 mm), a metade era menor que 10 mm. Sete tinham mucosa ulcerada, quatro estavam localizadas no corpo gástrico e 86% foram referidos por sangramento/anemia gastrointestinal. Em 26 de 54 (48 %) foram realizadas biópsias padrão e em 6 de 54 (11 %) biópsias sobre biópsias, com um desempenho diagnóstico nulo. Em 11 %, foi realizado uma USE, todas maiores que 10 mm: 2 pâncreas ectópico , uma lesão compatível com leiomioma, 2 lesões musculares (leiomioma/GIST) e 1 compressão extrínseca. Não foi realizada nenhuma PAAF. Todas as LSE foram manejadas de forma conservadora. Conclusões: Este é o primeiro estudo nacional de prevalência de LSE no trato gastrointestinal superior e foi comparável ao de outras séries. O rendimento diagnóstico da biópsia foi nulo. Na maioria dos casos, as lesões foram tratadas de acordo com as recomendações das diretrizes internacionais.
Descritores: Estômago/patologia
Duodeno/patologia
Esôfago/patologia
Gastroenteropatias/epidemiologia
Gastroenteropatias/diagnóstico por imagem
-Biópsia
Epidemiologia Descritiva
Prevalência
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Endoscopia Gastrointestinal
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: UY1.1 - BINAME - Biblioteca Nacional de Medicina


  2 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-837531
Autor: Reis, Luciano Dias de Oliveira; Nassif, Paulo Afonso Nunes; Tabushi, Fernando Issamu; Milléo, Fábio Quirillo; Favero, Giovani Marino; Ariede, Bruno Luiz; Reis, Cassiana Franco Dias Dos; Dalabona, Bruno Franco.
Título: Preliminary analysis of interleukin-6 changes in pre- and postoperative in diabetic patients with bmi <35 submitted to partial duodenal switch / Análise preliminar da variação dos níveis de interleucina-6 no pré e pós-operatório de pacientes diabéticos com imc <35 submetidos ao desvio duodenal parcial
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;29(4):252-256, Oct.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Background: Studies related to obesity have shown association with metabolic syndrome. Data showing that obesity is capable to cause low grade chronic inflammation, without its classic signs and symptoms, call attention to researches to study different cells types and the mechanism of the inflammatory process. Aim: To evaluate the variation of glycated hemoglobin (HbA1c) and the pro-inflammatory cytokine interleukin-6 (IL6) in diabetic patients with BMI <35 kg/m2 in the pre and postoperative of partial duodenal switch. Method: Nine patients were studied before and one year after the operation and the variation of the serum IL6 was measured by Elisa. The changes of HbA1c were also registered. Results: The pre-operative IL6 levels reached 65,50436±2,911993 pg/ml and one year after de operation 39,47739±3,410057 and the HbA1c average of 10,67 and 5.8 in the same period. Conclusion: The partial duodenal switch was efficient to control one year after the procedure the chronic inflammatory process caused by the diabetes mellitus type 2 with BMI <35 by dropping the IL6 levels and bringing the HbA1c to normal.

RESUMO Racional: Os estudos relacionados à obesidade têm evidenciado sua associação com a síndrome metabólica. A descoberta que a obesidade é capaz de promover inflamação, sem os sinais clássicos, tem levado vários grupos de pesquisa a caracterizar os tipos celulares que agem e o mecanismo envolvido neste processo. Objetivo: Avaliar a variação da hemoglobina glicada e a secreção da citocina inflamatória, interleucina-6, em indivíduos diabéticos com IMC<35 kg/m² no pré e pós-operatório da técnica de desvio duodenal parcial. Métodos: Nove pacientes foram avaliados antes e um ano após a operação e a variação da concentração da interleucina-6 foi avaliada pela metodologia de Elisa. Também foi avaliada a variação da HbA1c. Resultados: A quantificação de interleucina-6 apresentou no pré-operatório valor de 65,50436±2,911993 pg/ml e de 39,47739+3,410057 pg/ml após um ano da operação e a hemoglobina glicada apresentou média de 10,67 no pré-operatório e de 5,8 após um ano da operação. Conclusão: O desvio duodenal parcial foi capaz de, um ano após o procedimento, diminuir os efeitos da inflamação crônica demonstrada pela diminuição da concentração da interleucina-6 plasmática e normalizar a hemoglobina glicada em pacientes diabéticos com IMC<35 kg/m2.
Descritores: Índice de Massa Corporal
Interleucina-6/sangue
Diabetes Mellitus Tipo 2/sangue
Duodeno/cirurgia
Cirurgia Bariátrica/métodos
Obesidade/cirurgia
Obesidade/sangue
-Período Pós-Operatório
Anastomose Cirúrgica
Diabetes Mellitus Tipo 2/complicações
Período Pré-Operatório
Obesidade/complicações
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1142873
Autor: Andrade, Gabriela Bonente Herculano de; Marin, Barbara Said; Medeiros, Daniela Nasu Monteiro; Yamanari, Mauricio Gustavo Ieiri; Troster, Eduardo Juan.
Título: Vomiting in newborns as a result of a duodenal membrane: two case reports / Episódios de vômitos em recém-nascidos como consequência de membrana duodenal: relatos de dois casos
Fonte: Einstein (Säo Paulo);18:eRC4641, 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Vomiting episodes in newborns are extremely common and often attributed to gastroesophageal reflux. The symptoms of vomiting, however, may be caused by other complications. In this report, we present two cases of a 1-month-old male and a 2-month-old female, both presenting vomiting episodes that led to malnutrition. Some pediatricians often attribute the diagnosis of gastroesophageal reflux to newborns that are vomiting; however, there is a portion of the population that has other causes that lead to similar symptoms. The pediatrician should be alert to the clinical signs of weight loss, dehydration and malnutrition to investigate other causes of vomiting.

RESUMO Episódios de vômito em recém-nascidos são extremamente comuns e frequentemente atribuídos a refluxo gastresofágico. Os sintomas de vômito, no entanto, podem ser causados por outras complicações. Neste relato, apresentamos dois casos: um lactente masculino, com 1 mês de idade, e um feminino, com 2 meses, ambos apresentando episódios de vômitos que levaram à desnutrição. Alguns pediatras costumam atribuir o diagnóstico de refluxo gastresofágico a recém-nascidos que estão vomitando; mas parcela da população tem outras causas que levam a sintomas semelhantes. O pediatra deve estar atento aos sinais clínicos de perda de peso, desidratação e desnutrição, para investigar outras causas de vômitos.
Descritores: Vômito/etiologia
Refluxo Gastroesofágico/diagnóstico por imagem
Duodeno/diagnóstico por imagem
-Ultrassonografia
Diagnóstico Diferencial
Esôfago/diagnóstico por imagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-983667
Autor: Castillo, Joana M; Flores-Plascencia, Anibal; Perez-Montiel, Maria Delia; Garcia, Salma; Vergara, Neydel; Perez-Blanco, Aida; Sanchez-Valdivieso, Enrique Alejandro.
Título: Parietal peritoneum graft for duodenum injuries in an animal model / Enxerto de peritônio parietal em lesão duodenal: modelo animal
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;32(1):e1418, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Background: Duodenal injuries and their surgical procedure cause a high morbidity and mortality. Aim: To assess the overall effectiveness of the auto-graft of peritoneum in the treatment of the perforation of the duodenum, aiming to reduce surgery time, costs, complexity and mortality. Methods: Twelve New Zealand rabbits, ages 4-6 months, both sexes, underwent designed surgical grade III duodenal injuries that were repaired 18 h after. Rabbits were surgically treated with the proposed auto-graft of peritoneum. Results: No postoperative deaths were observed; the animals presented corporal weight increase and were euthanized six months later. There was no significant difference between both groups relating to the postoperative evolution or in the histological changes. Conclusion: Auto-graft of the peritoneum and posterior fascia is a useful option for duodenal repair and that is worth of evaluation for humans.

RESUMO Racional: Lesões duodenais e seu procedimento cirúrgico causam alta morbimortalidade. Objetivo: Avaliar a eficácia geral de retalho peritoneal no tratamento da perfuração do duodeno, visando reduzir o tempo, os custos, a complexidade e a mortalidade cirúrgicas. Métodos: Doze coelhos da raça Nova Zelândia, com idades entre 4-6 meses, ambos os sexos, foram submetidos a lesões duodenais cirúrgicas de grau III, que foram reparadas 18 h depois. Coelhos foram tratados cirurgicamente com a proposta de auto-enxerto de peritônio. Resultados: Não foram observados óbitos pós-operatórios; os animais apresentaram aumento de peso corporal e foram eutanasiados seis meses depois. Não houve diferença significativa entre os dois grupos em relação à evolução pós-operatória ou nas alterações histológicas. Conclusão: A auto-enxertia do peritônio e da fáscia posterior é uma opção útil para o reparo duodenal e vale a pena ser avaliada em seres humanos.
Descritores: Peritônio/transplante
Duodeno/cirurgia
Duodeno/lesões
-Transplante Autólogo
Modelos Animais de Doenças
Duração da Cirurgia
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Coelhos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-983675
Autor: Perim, Carlos Alberto; Guedes, Marcelo Arimatéia Esteves; Carvalho, Marcus Flávio Carvalho e; Lopes, Políbio Guedes Ferreira; Simões, Romeo Lages.
Título: A simple method for the diagnosis of petersen's hernia compromising the biliopancreatic limb / Método simples para diagnosticar hérnia de petersen comprometendo a alça biliopancreática
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;32(1):e1429, 2019. graf.
Idioma: en.
Descritores: Derivação Gástrica/efeitos adversos
Hérnia Abdominal/etiologia
Hérnia Abdominal/diagnóstico por imagem
-Instrumentos Cirúrgicos
Vértebras Torácicas/diagnóstico por imagem
Radiografia Torácica/métodos
Derivação Gástrica/métodos
Tomografia Computadorizada por Raios X/métodos
Reprodutibilidade dos Testes
Laparoscopia/efeitos adversos
Laparoscopia/métodos
Duodeno/diagnóstico por imagem
Jejuno/diagnóstico por imagem
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-957891
Autor: Salvaterra, Martin; Perrone, Gonzalo; Campos, Néstor.
Título: Síndrome de Bouveret. A propósito de un caso / Bouveret syndrome. A case report
Fonte: Rev. argent. cir;108(4):1-10, dic. 2016. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Obstrução Duodenal/cirurgia
-Ultrassonografia
Obstrução Duodenal/diagnóstico por imagem
Duodeno/cirurgia
Laparotomia
Limites: Humanos
Masculino
Idoso
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: AR144.1 - CIBCHACO - Centro de Información Biomedica del Chaco


  7 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1130502
Autor: Ceglarek, Vanessa Marieli; Guareschi, Zoé Maria; Moreira-Soares, Gabriela; Ecker-Passarello, Rafaela Cristiane; Balbo, Sandra Lucinei; Bonfleur, Maria Lúcia; Grassiolli, Sabrina.
Título: Duodenal-jejunal bypass reduces lipid accumulation in the brown adipose tissue of hypothalamic obese rats / Derivação duodeno-jejunal reduz o acúmulo de lipídios no tecido adiposo marrom de ratos com obesidade hipotalâmica
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;33(1):e1497, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: ABSTRACT Background: Thermogenic activity in the brown adipose tissue (BAT) of obese individuals is reduced, and this condition may be modified by bariatric surgery (BS). Aim: To characterize fat deposition in BAT from hypothalamic obese (HyO) rats submitted to duodenal-jejunal-bypass (DJB) surgery. Methods: For induction of hypothalamic obesity, newborn male Wistar rats were treated with subcutaneous injections of monosodium glutamate (MSG). The control (CTL) group received saline solution. At 90 days, the HyO rats were submitted to DJB or sham operation, generating the HyO-DJB and HyO-SHAM groups. At 270 days, the rats were euthanized, and the BAT was weighed and submitted to histological analysis. Results: Compared to BAT from CTL animals, the BAT from HyO-SHAM rats displayed increased weight, hypertrophy with greater lipid accumulation and a reduction in nucleus number. DJB effectively increased nucleus number and normalized lipid deposition in the BAT of HyO-SHAM rats, similar to that observed in CTL animals. Conclusion: DJB surgery avoided excessive lipid deposition in the BAT of hypothalamic obese rats, suggesting that this procedure could reactivate thermogenesis in BAT, and contribute to increase energy expenditure.

RESUMO Racional: A atividade termogênica no tecido adiposo marrom (TAM) de indivíduos obesos encontra-se reduzida, condição que pode ser modificada pela cirurgia bariátrica(CB). Objetivo: Verificar o efeito da derivação duodeno-jejunal (DDJ) sobre a morfologia do TAM de ratos com obesidade hipotalâmica. Métodos: Para indução da obesidade hipotalâmica (OHi), ratos Wistar neonatos receberam injeções subcutâneas de glutamato monossódico (MSG). O grupo controle (CTL) recebeu solução salina. Aos 90 dias, os ratos OHi foram submetidos à DDJ (grupo OHi-DDJ) ou a falsa operação (grupo OHi-FO). Aos 270 dias, eles foram eutanasiados e o TAM foi pesado e submetido à análise histológica. Resultados: Em comparação com os animais CTL, o TAM dos ratos OHi-FO apresentou aumento do peso, hipertrofia dos adipócitos com acúmulo de lipídios e redução do número de núcleos. A DDJ reduziu a deposição de gordura e o número de núcleos no TAM de ratos OHi-DDJ em comparação com os OHi-FO, com valores similares aqueles dos animais CTL. Conclusões: A DDJ foi capaz de evitar a deposição excessiva de lipídios no TAM de ratos com obesidade hipotalâmica, sugerindo que a cirurgia bariátrica poderia reativar a termogênese neste tecido adiposo, contribuindo para aumentar o gasto energético.
Descritores: Tecido Adiposo Marrom
Derivação Gástrica
-Glicemia
Tecido Adiposo
Ratos Wistar
Duodeno
Lipídeos
Obesidade
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-985185
Autor: Hollman, Paula L; Bianchi, Facundo; Chaves, Leandro A; Ghiglione, Pablo A.
Título: Sección completa de asa duodeno-yeyunal por adenocarcinoma asociado a enfermedad Celíaca / Complete section of duodeno-jejunal loop due ot adenocarcinoma associated with celiac disease
Fonte: Rev. argent. cir;110(3):172-174, set. 2018. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La enfermedad celíaca es un trastorno sistémico autoinmunitario provocado por el gluten de la dieta en personas genéticamente susceptibles. Su tratamiento es la dieta libre de gluten; aun así, en algunos pacientes, la respuesta es pobre y evolucionan con persistencia o recurrencia de los síntomas, mientras que un menor porcentaje manifiesta complicaciones raras como las neoplasias. El adenocarcinoma es el tumor maligno de intestino delgado más frecuente luego del linfoma en pacientes con enfermedad celíaca. Se describe el caso de un abdomen agudo por sección completa de asa duodeno-yeyunal, una presentación atípica e infrecuente del adenocarcinoma en pacientes con esta enfermedad.

Celiac disease is a systemic autoimmune disorder caused by diet gluten in genetically susceptible individuals. The treatment is a gluten-free diet; even so, in some patients the response is poor and they progress with persistence or recurrence of symptoms, and a lower percentage manifests rare complications such as neoplasia. Adenocarcinoma is the most common malignant small bowel tumor after lymphoma in patients with celiac disease. We describe the case of an acute abdomen due to a complete duodeno-jejunal loop section, an uncommon and atypical presentation of adenocarcinoma in patients with this disease.
Descritores: Pacientes
Adenocarcinoma
Doença Celíaca
Duodeno
-Recidiva
Terapêutica
Dieta
Abdome Agudo
Glutens
Linfoma
Tipo de Publ: Carta
Responsável: AR144.1 - CIBCHACO - Centro de Información Biomedica del Chaco


  9 / 473 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1248506
Autor: Jategaonkar, Priyadarshan Anand; Yadav, Sudeep Pradeep; Shah, Jinit Salil; Dhaigude, Piyush Raghunath; Sood, Aditi Rajeev.
Título: Massive common bile duct gangrene of obscure etiology encompassing the entire hepato-duodenal ligament in a clinically silent adult: world's first case / Gangrena maciça do ducto biliar principal de causa obscura, comprometendo o ligamento hepatoduodenal inteiro em um adulto clinicamente assintomático: primeiro caso do mundo
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;34(1):e1565, 2021. graf.
Idioma: en.
Descritores: Ducto Colédoco/cirurgia
Ducto Colédoco/diagnóstico por imagem
Gangrena
-Duodeno
Ligamentos
Limites: Humanos
Adulto
Tipo de Publ: Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 473 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Uruguai
Texto completo
Id: biblio-1253763
Autor: Ormaechea Fossati, Martín Álvaro; Berazategui Rodríguez, Rúver Máximo.
Título: Membrana duodenal: a propósito de un caso / Duodenal membrane: presentation of a case / Membrana duodenal: sobre o assunto de um caso
Fonte: An. Facultad Med. (Univ. Repúb. Urug., En línea);4(2), dic. 2017. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La atresia de duodeno es una causa poco frecuente de oclusión intestinal. Generalmente el diagnóstico se realiza en etapa prenatal o en el período neonatal principalmente para aquellos casos de oclusión completa, mientras que aquellos con oclusión incompleta pueden diagnosticarse más tardíamente. Se presenta el caso clínico de una paciente con una forma de presentación infrecuente, con diagnóstico luego del año de vida. Se realizó una duodeno-duodeno anastomosis, con buena evolución postoperatoria.

Duodenal atresia is a rare cause of intestinal occlusion. Generally, the diagnosis is made in the prenatal stage or in the neonatal period mainly for those cases of complete occlusion, whereas those with incomplete occlusion may be diagnosed later. We present the case of a patient with an uncommon presentation, with diagnosis after one year of life. A duodenum-duodenum anastomosis was performed, with good postoperative evolution.

A atresia duodenal é uma causa rara de oclusão intestinal. O diagnóstico geralmente é feito no estágio pré-natal ou no período neonatal principalmente para os casos de oclusão completa, enquanto aqueles com oclusão incompleta podem ser diagnosticados mais tarde. Apresentamos o caso de uma paciente com uma apresentação incomum, com diagnóstico após o ano de vida. Uma anastomose duodeno-duodeno foi realizada, com boa evolução pós-operatória.
Descritores: Obstrução Duodenal/cirurgia
Obstrução Duodenal/diagnóstico por imagem
-Anastomose Cirúrgica/métodos
Duodenoscopia
Síndrome de Down/complicações
Ultrassonografia Doppler
Duodeno/anormalidades
Limites: Humanos
Feminino
Lactente
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: UY1.1 - BINAME - Biblioteca Nacional de Medicina



página 1 de 48 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde