Base de dados : LILACS
Pesquisa : A08.186.211.132.659.413.656.249 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-752381
Autor: Bassani, Taysa Bervian; Vital, Maria A.B.F.; Rauh, Laryssa K..
Título: Neuroinflammation in the pathophysiology of Parkinson’s disease and therapeutic evidence of anti-inflammatory drugs / Neuroinflamação na patofisiologia da doença de Parkinson e evidências terapêuticas de drogas antiinflamatórias
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;73(7):616-623, 07/2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: Parkinson’s disease (PD) is the second most common neurodegenerative disease affecting approximately 1.6% of the population over 60 years old. The cardinal motor symptoms are the result of progressive degeneration of substantia nigra pars compacta dopaminergic neurons which are involved in the fine motor control. Currently, there is no cure for this pathology and the cause of the neurodegeneration remains unknown. Several studies suggest the involvement of neuroinflammation in the pathophysiology of PD as well as a protective effect of anti-inflammatory drugs both in animal models and epidemiological studies, although there are controversial reports. In this review, we address evidences of involvement of inflammatory process and possible therapeutic usefulness of anti-inflammatory drugs in PD.

A doença de Parkinson (DP) é a segunda doença neurodegenerativa mais comum afetando aproximadamente 1,6% da população acima de 60 anos de idade. Os sinais motores cardinais são o resultado da degeneração progressiva de neurônios dopaminérgicos da substantia nigra pars compacta (SNpc), a qual está intimamente envolvida com o controle motor. Atualmente, não há cura para esta patologia e a causa da neurodegeneração permanece desconhecida. Contudo, muitos estudos sugerem o envolvimento da neuroinflamação na patofisiologia da DP bem como um efeito protetor de drogas antiinflamatórias tanto em modelos animais quanto em estudos epidemiológicos, embora haja relatos controversos. Nesta revisão, foram abordadas evidências de envolvimento do processo inflamatório e uma possível utilidade terapêutica de drogas antiinflamatórias na DP.
Descritores: Anti-Inflamatórios não Esteroides/uso terapêutico
Encefalite/tratamento farmacológico
Encefalite/fisiopatologia
Doença de Parkinson/tratamento farmacológico
Doença de Parkinson/fisiopatologia
-Anti-Inflamatórios não Esteroides/farmacologia
Citocinas
Degeneração Neural/tratamento farmacológico
Degeneração Neural/fisiopatologia
Doença de Parkinson/etiologia
Parte Compacta da Substância Negra/fisiopatologia
Reprodutibilidade dos Testes
Fatores de Risco
Resultado do Tratamento
Limites: Animais
Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde