Base de dados : LILACS
Pesquisa : A08.800.050.150 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 34 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 34 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1224619
Autor: Morales Chávez, Gabriel Emilio; Aguilar Andino, David; Marie Aguilar, Giovanni.
Título: Enfermedad de Hirschsprung y apendicitis en paciente pediátrico: reporte de caso / Hirschprungs diseases and appendicitis in pediatric patient: case report
Fonte: Rev. cient. Esc. Univ. Cienc. Salud;7(1):35-41, ene.-jun. 2020. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La enfermedad de Hirschsprung es una malformación del sistema nervioso entérico, caracterizada por falta de células ganglionares en plexo submucoso y mientérico en pared distal del colon. En el 80% solo existe afectación del recto-sigma, sin embargo, pueden encontrarse casos de aganglionosis total. Reporte de Caso: Se presenta pre-escolar masculino de 4 años de edad, procedente de La Iguala, Lempira, Honduras, con historia de constipación y distensión abdominal de dos años de evolución, que ha empeorado progresivamente, y se atenuaba con el uso de enemas cada dos días para poder defecar. En mayo de 2016 llega al Hospital Mario Catarino Rivas, donde se le realizó una laparotomía exploratoria de emergencia debido a la presencia de deterioro clínico por constipación y distensión abdominal, acompañada de vómitos con restos alimenticios y fiebre alta de una semana de evolución. En dicha operación se realizó colectomía parcial izquierda, además se realizó una colostomía terapéutica y se diagnósticó enfermedad de Hirs-chsprung mediante biopsia, además del hallazgo incidental de apendicitis, se realizó apendicectomía obteniendo en general, una evolución satisfactoria.El estudio histopatológico de la biopsia del recto es el estándar de oro para realizar el diagnóstico. La ausencia de células ganglionares en el plexo submucoso con latinción hematoxilina y eosina establece el diagnóstico. El tratamiento de la enfermedad de Hirschsprung es de tipo quirúrgico y se busca la eliminación del segmento colónico afectado, de manera que se pueda lograr una anastomosis del colon proximal y distal al área agangliónica...(AU)
Descritores: Apendicite/diagnóstico
Doença de Hirschsprung/diagnóstico
-Sistema Nervoso Entérico/anormalidades
Constipação Intestinal
Limites: Humanos
Masculino
Pré-Escolar
Tipo de Publ: Ensaio Clínico
Responsável: HN1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  2 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888349
Autor: Gershanik, Oscar S.
Título: Does Parkinson's disease start in the gut? / A doença de Parkinson começa no intestino?
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;76(2):67-70, Feb. 2018. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Current understanding of the pathophysiology of Parkinson's disease suggests a key role of the accumulation of alpha-synuclein in the pathogenesis. This critical review highlights major landmarks, hypotheses and controversies about the origin and progression of synucleinopathy in Parkinson's disease, leading to an updated review of evidence suggesting the enteric nervous system might be the starting point for the whole process. Although accumulating and compelling evidence favors this theory, the remaining knowledge gaps are important points for future studies.

RESUMO O atual entendimento sobre a fisiopatologia da doença de Parkinson (DP) sugere um papel central do acúmulo de alfa-sinucleína na patogenia da DP Esta revisão crítica revisita marcos, teorias e controvérsias a respeito da origem e progressão da sinucleinopatia, apresentando uma atualização das principais evidências sugerindo que o sistema nervoso entérico seria o local inicial deste processo. Apesar das evidências a favor desta teoria serem crescentes e instigantes, as lacunas de conhecimento a este respeito são importantes pontos para estudos futuros.
Descritores: Doença de Parkinson/etiologia
Doença de Parkinson/metabolismo
Doença de Parkinson/patologia
Sistema Nervoso Entérico/metabolismo
alfa-Sinucleína/metabolismo
-Encéfalo/metabolismo
Sistema Nervoso Entérico/patologia
Progressão da Doença
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135643
Autor: Serenini, Grazielli F; Beltrami, José Matheus; Gerônimo, Edson; Favetta, Paula M; Legnani, Nathalia G. E; Otutumi, Luciana K; Martins, Lisiane A; Germano, Ricardo M.
Título: Quantification of the neurons of myenteric plexus of the bat molossus rufus / Quantificação dos neurônios do plexo mientérico de morcegos da espécie Molossus rufus
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;40(6):493-500, June 2020. tab, graf, mapas.
Idioma: en.
Resumo: There are no studies that characterize the enteric nervous system (ENS) bats. The organization and density of myenteric neurons may vary according to the animal species, as well as the segment of the digestive tube considered. The nitric oxide is one of the key neurotransmitters present in the myenteric neurons, acting as a mediator in the smooth muscle relaxation. These neurons are evidenced by immunohistochemistry of nitric oxide synthase (NOS) or by NADPH-diaphorase histochemistry. In this sense, this study aimed to characterize the total neuronal population and subpopulation NADPH-d+ of the myenteric plexus present in the jejunum of the insectivore species Molossus rufus quantitatively. Five specimens were collected of M. rufus in a buffer area of the "Reserva Biológica das Perobas" in the microregion of Cianorte/PR. After the euthanasia, in a chamber saturated with isoflurane, segments were collected from the small intestine corresponding to the jejunum intended for two techniques for neuronal marking, Giemsa and NADPH-diaphorase, and a fragment to the histological technique of hematoxylin-eosin and Masson's trichrome. All the procedures were approved by the "Comitê de Ética no Uso de Animais Unipar" (CEUA - protocol No. 34347/2017) and the "Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade" (ICMBio - protocol No. 60061-1) The histological sections allowed to highlight the location of the myenteric plexus between the longitudinal and circular layers of the muscular tunic. The myenteric plexus had an average of total neuronal population (neurons Giemsa+) of 279.23 neurons/mm2, being the nitrergic neurons (neurons NADPH-d+) represented 20.4% of this total population, with an average of 58.14 neuron/mm2. Therefore, the collected data are consistent with previous studies in other mammalian species concerning the location of the myenteric plexus, as well as the neural myenteric proportion NADPH-d+ compared with the population of neurons Giemsa+. The gaps in the knowledge of ENS of bats limits comparative intraspecific and interspecific studies.(AU)

Não há estudos que caracterizem o sistema nervoso entérico (SNE) destes animais, configurando uma lacuna no conhecimento quanto à biologia destes indivíduos. A organização e densidade dos neurônios mientéricos podem variar de acordo com a espécie animal bem como o segmento do tubo digestório considerado. O óxido nítrico é um dos principais neurotransmissores presentes nos neurônios mientéricos, atuando como mediador no relaxamento do músculo liso gastrointestinal, de modo que estes neurônios são evidenciados igualmente pela imunohistoquímica da óxido nítrico-sintase (NOS) ou pela histoquímica da NADPH-diaforase. Neste sentido, objetivou-se caracterizar quantitativamente a população neuronal total e subpopulação NADPH-d+ do plexo mientérico presente no jejuno da espécie Molossus rufus de hábito alimentar insetívoro. Foram coletados cinco espécimes de M. rufus em área de amortecimento da Reserva Biológica das Perobas na microrregião de Cianorte/PR. Após a eutanásia, em câmara saturada com isoflurano, foram coletados segmentos do intestino delgado correspondentes ao jejuno destinados a duas técnicas para marcação neuronal, Giemsa e NADPH-diaforase e, um fragmento para a técnica histológica de hematoxilina-eosina e tricômio de Masson. Todos os procedimentos realizados foram aprovados pelo Comitê de Ética no Uso de Animais da Unipar (CEUA - protocolo nº 34347/2017) e pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio - protocolo nº 60061-1) Os cortes histológicos possibilitaram evidenciar a localização do plexo mientérico entre os estratos longitudinal e circular da túnica muscular. Neurônios Giemsa+ apresentaram uma média de 279,23 neurônios/mm2, já os neurônios nitrérgicos apresentaram em média 20,4% da população neuronal mientérica total, sendo evidenciados 58,14 neurônios NADPH-d+/mm2. Portanto, os dados coletados mostram-se condizentes com estudos anteriores em outras espécies de mamíferos quanto à localização do plexo mientérico, bem como, a proporção neuronal mientérica NADPH-d+ comparada com a população de neurônios Giemsa+. As lacunas existentes quanto ao conhecimento do SNE de morcegos limita possíveis inferências em comparativo intraespecífico e interespecífico.(AU)
Descritores: Quirópteros/anatomia & histologia
Sistema Nervoso Entérico/anatomia & histologia
Plexo Mientérico/anatomia & histologia
Neurônios
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-528415
Autor: Gonçalves, Cely Cristina Martins; Hernandes, Luzmarina; Oliveira, Nelson Luiz Batista de; Natali, Maria Raquel Marçal.
Título: Alternaticas terapêuticas em modelos experimentais de doença inflamatória intestinal / Therapeutical alternatives in experimental models of inflammatory bowel disease
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;7(supl.1):107-111, maio 2008.
Idioma: pt.
Resumo: Modelos experimentais de Doenças Inflamatórias Intestinais (DII) fornecem informações consideráveis sobre apatogênese dessas doenças e representam importante ferramenta na pesquisa de novas estratégias detratamento. A Doença de Crohn (DC) é uma condição inflamatória crônica e idiopática do trato gastrintestinal, que acarreta alterações funcionais e estruturais do Sistema Nervoso Entérico (SNE) e para a qual as opções terapêuticas são limitadas. A utilização de produtos naturais como terapia alternativa para a DC tem sido intensivamente investigada em modelos animais de DII. Esta revisão sumariza as principais anormalidades estruturais encontradas no SNE humano na DC e no modelo animal de DC quimicamente induzida, bem comoos efeitos de produtos naturais sobre o processo inflamatório. A pesquisa bibliográfica de caráter descritivo abrange um período de dez anos e foi realizada por meio de consulta da fonte de dados impressos e informatizados do banco de dados da Literatura Latino Americana em Ciências da Saúde e do Caribe (LILACS)e no National Library of Medicine (MEDLINE), disponibilizados em suporte eletrônico. Também foram utilizados livros técnicos.

Experimental models of inflammatory bowel disease (IBD) supply considerable information on the pathogenesis of this illness and represent an important tool in testing new strategies of treatment. Crohn's disease (CD) is anidiopathic, chronic inflammatory condition of the intestinal tract that causes structural and functional changes inthe enteric nervous system (ENS), and for which therapeutics options are limited. The use of natural products asalternative therapy for CD has been intensively investigated in animal models of IBD. This review summarizes the major structural abnormalities of the ENS in animal models of Crohn's disease and the effects of naturalproducts in the inflammatory process. The bibliographical research, of descriptive character, comprises a periodof 10 years and was carried through consultation of printed materials and the database of Literatura LatinoAmericana em Ciências da Saúde e do Caribe (LILACS) and in the National Library of Medicine (MEDLINE), displayed in electronic support. Books have also been used.

Los modelos experimentales de Enfermedad Inflamatoria Intestinal (EII) fornecen informaciones considerables sobre la patogénesis de esas enfermedades y representan una importante herramienta en la pesquisa denuevas estrategias de tratamiento. La Enfermedad de Crohn (EC) es una condición inflamatoria crónica eidiopática del trato gastrointestinal, que provoca alteraciones funcionales y estructurales del Sistema Nervioso Entérico (SNE) y para la cual las opciones terapéuticas son limitadas. La utilización de productos naturales como terapia alternativa para la EC ha sido intensamente investigada en modelos animales de EII. Esta revisión presenta las principales anormalidades estructurales encontradas en el SNE humano, en la EC y en modeloanimal de EC químicamente inducida, así como los efectos de productos naturales sobre el proceso inflamatorio. La investigación bibliográfica de carácter descriptivo incluye un período de 10 años y fue realizada através de consulta de la fuente de datos impresos e informatizados de la base de datos de la Literatura LatinoAmericana em Ciências da Saúde e do Caribe (LILACS) y en la National Library of Medicine (MEDLINE),disponibles en ayuda electrónica. También fueron utilizados libros técnicos.
Descritores: Doença de Crohn
Inflamação
Sistema Nervoso Entérico
Terapias Complementares
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  5 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-971908
Autor: Costa, Deiziane Viana da Silva.
Título: Papel da via S100B/RAGE/NFkB na patogênese da mucosite intestinal experimental por 5-fluorouracil desregulação de células gliais e de neurônios entéricos.
Fonte: Fortaleza; s.n; 2016. 155 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal do Ceará para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: 5-Fluorouracil (5-FU) promotesintestinal mucositis and motility alterations. Themucositis affect about40% of patients receiving 5-FU and there arereports of patients presentingmucositis afterthe first dose. Under other inflammatory conditions, the S100βprotein is involved in the RAGE activation with subsequent NFκBtranslocation to the nucleus and transcription of TNF-αand iNOS. The enteric glial cells through several mediators, such asS100β, interact with the intestinal epithelial cells and enteric neurons. Therefore, the aim of this study was investigatethe effect of 5-FU in the enteric glial cells and neurons, as well as studythe role of the via S100β/RAGE/NFκB in the pathogenesis of the experimental intestinal mucositis. Swiss male mice received saline (control, 0.9%, i.p.) or5-FU (450 mg/Kg, i.p., single dose). After24h, mice weretreated with pentamidine, aS100 βinhibitor (P0.8 mg/Kg +5FU; P4 mg/Kg +5FU; or onlyP4mg/Kg, i.p.) during two days and euthanized on the fouth day of the experimental protocol...

O 5-Fluorouracil (5-FU) promove mucosite intestinal e alterações da motilidade.A mucositeatinge cerca de 40% dos pacientes em tratamento com5-FUe há relatos de pacientes que a apresentam na primeira dose administrada.Em outras condições inflamatórias, a proteína S100β está envolvida na ativação de RAGE com consequente translocação de NFκB para o núcleo e transcrição de TNF-αe de iNOS.As células gliais entéricas por meio deS100β,interagem com as células epiteliais intestinais e com os neurônios entéricos.Nesse contexto, oobjetivodeste estudo éinvestigar o efeito do5-FU nas células gliais e nos neurôniosentéricos, bem como estudar o papel da via S100β/RAGE/NFκB na patogênese da mucosite intestinal induzida por esse quimioterápico. Os camundongos Swiss machos receberam salina (0,9%, i.p.) ou 5-FU (450 mg/Kg, i.p. dose única). Após 24h da administração do quimioterápico, administrou-se pentamidina, inibidor de S100β (P0,8 mg/Kg +5FU; P4 mg/Kg +5FU; ou somente P4mg/Kg, i.p.) durante dois dias e os animais foram eutanasiadosno quarto dia do protocolo experimental...
Descritores: Sistema Nervoso Entérico
Mucosite
Fluoruracila
Neuroglia
Neurônios
Limites: Humanos
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde
Br6.1


  6 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Adad, Sheila Jorge
Id: biblio-933734
Autor: Adad, Sheila Jorge(aut).
Título: Contribuição ao estudo da anatomia patológica e patogênese do megacólon chagásico.
Fonte: Uberaba; s.n; 1996. 212 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro para obtenção do grau de Doutor.
Descritores: Doença de Chagas/complicações
Megacolo/complicações
Megacolo/parasitologia
Megacolo/fisiopatologia
Trypanosoma cruzi/parasitologia
Trypanosoma cruzi/patogenicidade
-Sistema Nervoso Entérico/fisiopatologia
Acalasia Esofágica/parasitologia
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.936 3 TE, A191c, 1996. 010245


  7 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-913559
Autor: Gasparim, Aretuza Zaupa; Corrêa, Susana Carvalho Gomes; Fontes, Carlos Edmundo Rodrigues.
Título: Experimental study of neural plasticity in chagasic megacolon in rats
Fonte: Rev. patol. trop;46(2):159-169, jun. 2017. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: This is a cross-sectional and experimental study. The purpose of the study was to measure enteric neurons in rats with chagasic megacolon. Twenty-three male rats inoculated with 1,500,000 trypomastigotes of the Y strain of Trypanosoma cruzi were used. The animals were sedated intramuscularly at zero inoculation time (T0 ) and at sixty days after inoculation (T60), to perform a barium enema test to evaluate the dilatation of the different segments of the colon. Evidence of infection was performed with a blood smear collected from the animals' tails 18 days after inoculation with observation of blood forms. Membrane preparations underwent dual-label immunofluorescence of global and nitrergic neurons with HuC / HuD antibody and nNOS antibody, respectively. Subsequently, quantitative and morphometric analysis of cecal and proximal colon segments were performed. In the quantitative analysis of the proximal colon segment there was a significant decrease in the numbers of total neurons (Hucolo p=0.001), as well as in the number of nitrergic neurons (NOScolo p=0.032) in the population of rats with chagasic megacolon in relation to the control group. In the cecal segment, this difference was not observed in the result of the total neuron counts (Huceco p=0.289) and nitrergic neurons (NOSececo p=0.466). In the morphometric analysis, considering only the cell body area, a significant difference in the size of the neurons with p=0.000 was observed in the cecal segment. The extensive loss of total neurons that cause predominance of nitrergic neurons contributes to the development of megacolon and neuronal volume increase in the cholinergic neurons, this plasticity does not reestablish the lost equilibrium, causing megacolon.
Descritores: Doença de Chagas
-Sistema Nervoso Entérico
Megacolo
Responsável: BR816.9


  8 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-871404
Autor: Melo, Carina Guimarães de Souza.
Título: Avaliação da inervação entérica e análise proteômica do intestino delgado de ratos expostos à dose aguda ou crônica de fluoreto / Evaluation of enteric innervation and proteomic analysis of the small intestine of rats exposed to acute or chronic fluoride dose.
Fonte: Bauru; s.n; 2015. 464 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O trato gastrointestinal (TGI) é a principal rota de exposição ao fluoreto (F) e o seu mais importante sítio de absorção. Acredita-se que a toxicidade do F comprometa a fisiologia do intestino, devido à relevante sintomatologia gastrointestinal relatada em consequência da exposição excessiva ao F. A função intestinal é controlada por uma complexa rede neuronal interligada e incorporada à parede deste órgão, denominada Sistema Nervoso Entérico (SNE). Embora os efeitos tóxicos do F sobre o Sistema Nervoso Central sejam descritos na literatura, não há estudos relacionados à sua toxicidade sobre o SNE. Neste estudo realizado em ratos, foi avaliado o efeito da exposição aguda ou crônica ao F, sobre a população geral de neurônios entéricos e sobre as subpopulações que expressam os principais neurotransmissores entéricos: Acetilcolina (ACh), Óxido Nítrico (NO), Peptídeo Vasoativo Intestinal (VIP), Peptídeo Relacionado ao Gene da Calcitonina (CGRP) e Substância P (SP). Os animais foram divididos em 5 grupos: 3 destinados à exposição crônica (0 ppm, 10 ppm ou 50 ppm de F na água de beber) e 2 à exposição aguda (0 ou 25 mgF/Kg por gavagem gástrica). Foram coletados os 3 segmentos do intestino delgado (duodeno, jejuno e íleo) e processados para a detecção da HuC/D, ChAT, nNOS, VIP, CGRP e SP, através de técnicas de imunofluorescência, no plexo mioentérico. Foram obtidas imagens para a realização da análise quantitativa dos neurônios da população geral (HuC/D) e nitrérgicos (imunorreativos à nNOS); e morfométrica dos neurônios imunorreativos à HuC/D ou nNOS; e das varicosidades imunorreativas à ChAT, VIP, CGRP ou SP. Amostras dos 3 segmentos intestinais foram preparadas e coradas em Hematoxilina e Eosina para análise histológica da morfologia básica. O segmento intestinal considerado mais afetado na análise morfométrica da população geral de neurônios, o duodeno, foi selecionado para a realização da análise proteômica, com o objetivo de oferecer o seu perfil proteico...

The gastrointestinal tract (GIT) is the main route of fluoride (F) exposure, and the most important site of its absorption. It is believed that F toxicity compromises the intestine physiology, due to the relevant gastrointestinal symptomatology reported in consequence to excessive exposure. The intestinal function is controlled by a complex neuronal net, which is interconnected and embedded in the wall of this organ, named Enteric Nervous System (ENS). Although the toxic effects of F on the Central Nervous system are described in the literature, there are no studies related to its toxicity on the ENS. Therefore, in this study performed in rats, the effects of chronic and acute F exposure were evaluated, on the general population of enteric neurons and on the subpopulations that express the main enteric neurotransmitters: Acetylcholine (Ach), Nitric Oxide (NO), Vasoactive Intestinal Peptide (VIP), Calcitonin gene related peptide (CGRP), and Substance P (SP). The animals were divided into 5 groups: 3 designed to the chronic exposure (0 ppm, 10 ppm ou 50 ppm de F in the drinking water) and 2 to the acute exposure (0 ou 25 mgF/Kg - gastric gavage). Three intestinal segments were collected (duodenum, jejunum, and ileum) and processed for the immunofluorescence techniques to detect HuC/D, ChAT, nNOS, VIP, CGRP and SP, on the myenteric plexus. Images were obtained for the quantitative analysis of the general population of neurons (HuC/D immunoreactive) and the nitrergic neurons (nNOS immunoreactive), for the morphometric analysis of the general population and nitrergic neurons and also for the immunoreactive varicosities to ChAT, VIP, CGRP or SP. Samples of the 3 intestinal segments were prepared and stained with hematoxylin and eosin for histological analysis of the basic morphology. Duodenum, the intestinal segment considered the most affected in the morphological analysis of the general population of neurons, was selected for the proteomic analysis...
Descritores: Fluoreto de Sódio/administração & dosagem
Fluoreto de Sódio/toxicidade
Intestino Delgado
Proteínas/análise
Sistema Nervoso Entérico
-Imunofluorescência
Intestino Delgado/química
Proteômica
Ratos Wistar
Valores de Referência
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta


  9 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870913
Autor: Marosti, Aline Rosa.
Título: Análise morfoquantitativa e ultraestrutural dos componentes do plexo mioentérico do intestino delgado de ratos submetidos à dieta padrão de Moçambique nos períodos pré e pós-natal / Morphoquantitative and ultrastructural analysis on the myenteric plexus components of the rats small intestine with standard Mozambique diet in the pre and postnatal period.
Fonte: São Paulo; s.n; 2016. [194] p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Admite-se que mais de 40% das crianças são acometidas pela desnutrição crônica em Moçambique (África Oriental). A doença pode estar relacionada, entre outros fatores, à qualidade da dieta que é oferecida à população, já que é bastante precária, pois exibe sérias deficiências de ferro, gordura e, principalmente, proteína animal em sua composição. Essa insuficiência proteica poderia acarretar em prejuízo ao desenvolvimento do organismo, pois a proteína animal é considerada uma boa fonte de aminoácidos essenciais, em decorrência de sua maior digestibilidade e absorção no intestino delgado, quando comparadas às fontes de origem vegetal. Na presente pesquisa foi reproduzida em laboratório, a dieta básica da população de Moçambique (DM), com o objetivo de avaliar seus efeitos nos componentes do plexo mioentérico e na mucosa dos segmentos do intestino delgado de ratos Wistar. Para isso, os animais foram divididos nos grupos Controle, com dieta AIN-93G com adição de 20% de caseína (NN21 e NN42); Dieta de Moçambique (DM21 e DM42) e Dieta Moçambique suplementada, acrescida de 20% de caseína (NM21 e NM42); e grupo Renutrido (RM42), composto por animais do grupo DM21 que, a partir do 22º dia, receberam a dieta NM até atingirem 42 dias de vida. Os segmentos foram coletados e submetidos às técnicas histoquímicas da NADH-diaforase e da NADPH-diaforase para evidenciação de neurônios do plexo mioentérico; histológicas (HE, Picro-sírius, Weigert) para avaliação da parede intestinal, mucosa, gânglios e seu tecido conjuntivo associado; de microscopia eletrônica de varredura (MEV) para observação da estrutura da mucosa; e de microscopia eletrônica de transmissão (MET) para a ultraestrutura dos componentes ganglionares. Estatisticamente, o peso corporal e o comprimento dos animais submetidos à dieta de Moçambique estavam abaixo dos valores encontrados para os animais controle. Na análise qualitativa, observou-se a presença de fibras elásticas, elaunínicas e oxitalânicas,...

It is assumed that more than 40% of children are affected by chronic malnutrition in Mozambique (East Africa). The disease may be related, among other factors, the quality of diet that is offered to the population, since it is quite precarious, because it displays serious deficiencies of iron, fat and especially animal protein in their composition. This protein failure could result in damage to the development of the organism, as animal protein is considered a good source of essential amino acids, due to its higher digestibility and absorption in the small intestine when compared to vegetable sources. In this research has been reproduced in the laboratory, the staple diet of the population of Mozambique (DM), in order to evaluate its effects on components of the myenteric plexus and the mucosa of the small intestine segments of Wistar rats. For this, the animals were divided into control groups with AIN-93G diet with the addition of 20% casein (NN21 and NN42); Diet Mozambique (DM21 and DM42) and diet supplemented Mozambique, plus 20% casein (NM21 and NM42); and Refeeding group (RM42), consisting of the animals DM21 group, from the 22th day, given NM diet until they reached 42 days of life. The segments were collected and submitted to histochemical techniques of NADH-diaphorase and NADPH-diaphorase for disclosure of neurons of the myenteric plexus; histologic (HE, Sirius red, Weigert) for evaluation of the intestinal wall, mucosa, lymph nodes and its associated connective tissue; scanning electron microscopy (SEM) for observation of mucosal structure; and Transmission electron microscopy (TEM) ultrastructure to ganglion components. Statistically, body weight and length of the animals submitted to Mozambique diet were below the values found for control animals. Qualitative analysis showed the presence of elastic fibers, and elauninic oxytalan, and predominance of type I collagen fibers in the NN42 and DM42 groups, and type III in the NM42 and RM42 groups around...
Descritores: Sistema Nervoso Entérico
Motilidade Gastrointestinal
Intestino Delgado
Desnutrição
Plexo Mientérico
Plasticidade Neuronal
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Ratos
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação


  10 / 34 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-867745
Autor: Melo, Carina Guimarães de Souza.
Título: Avaliação da inervação entérica e análise proteômica do intestino delgado de ratos expostos à dose aguda ou crônica de fluoreto / Evaluation of enteric innervation and proteomic analysis of the small intestine of rats exposed to acute or chronic fluoride dose.
Fonte: Bauru; s.n; 2015. 464 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O trato gastrointestinal (TGI) é a principal rota de exposição ao fluoreto (F) e o seu mais importante sítio de absorção. Acredita-se que a toxicidade do F comprometa a fisiologia do intestino, devido à relevante sintomatologia gastrointestinal relatada em consequência da exposição excessiva ao F. A função intestinal é controlada por uma complexa rede neuronal interligada e incorporada à parede deste órgão, denominada Sistema Nervoso Entérico (SNE). Embora os efeitos tóxicos do F sobre o Sistema Nervoso Central sejam descritos na literatura, não há estudos relacionados à sua toxicidade sobre o SNE. Neste estudo realizado em ratos, foi avaliado o efeito da exposição aguda ou crônica ao F, sobre a população geral de neurônios entéricos e sobre as subpopulações que expressam os principais neurotransmissores entéricos: Acetilcolina (ACh), Óxido Nítrico (NO), Peptídeo Vasoativo Intestinal (VIP), Peptídeo Relacionado ao Gene da Calcitonina (CGRP) e Substância P (SP). Os animais foram divididos em 5 grupos: 3 destinados à exposição crônica (0 ppm, 10 ppm ou 50 ppm de F na água de beber) e 2 à exposição aguda (0 ou 25 mgF/Kg por gavagem gástrica). Foram coletados os 3 segmentos do intestino delgado (duodeno, jejuno e íleo) e processados para a detecção da HuC/D, ChAT, nNOS, VIP, CGRP e SP, através de técnicas de imunofluorescência, no plexo mioentérico. Foram obtidas imagens para a realização da análise quantitativa dos neurônios da população geral (HuC/D) e nitrérgicos (imunorreativos à nNOS); e morfométrica dos neurônios imunorreativos à HuC/D ou nNOS; e das varicosidades imunorreativas à ChAT, VIP, CGRP ou SP. Amostras dos 3 segmentos intestinais foram preparadas e coradas em Hematoxilina e Eosina para análise histológica da morfologia básica. O segmento intestinal considerado mais afetado na análise morfométrica da população geral de neurônios, o duodeno, foi selecionado para a realização da análise proteômica, com o objetivo de oferecer o seu perfil proteico...

The gastrointestinal tract (GIT) is the main route of fluoride (F) exposure, and the most important site of its absorption. It is believed that F toxicity compromises the intestine physiology, due to the relevant gastrointestinal symptomatology reported in consequence to excessive exposure. The intestinal function is controlled by a complex neuronal net, which is interconnected and embedded in the wall of this organ, named Enteric Nervous System (ENS). Although the toxic effects of F on the Central Nervous system are described in the literature, there are no studies related to its toxicity on the ENS. Therefore, in this study performed in rats, the effects of chronic and acute F exposure were evaluated, on the general population of enteric neurons and on the subpopulations that express the main enteric neurotransmitters: Acetylcholine (Ach), Nitric Oxide (NO), Vasoactive Intestinal Peptide (VIP), Calcitonin gene related peptide (CGRP), and Substance P (SP). The animals were divided into 5 groups: 3 designed to the chronic exposure (0 ppm, 10 ppm ou 50 ppm de F in the drinking water) and 2 to the acute exposure (0 ou 25 mgF/Kg - gastric gavage). Three intestinal segments were collected (duodenum, jejunum, and ileum) and processed for the immunofluorescence techniques to detect HuC/D, ChAT, nNOS, VIP, CGRP and SP, on the myenteric plexus. Images were obtained for the quantitative analysis of the general population of neurons (HuC/D immunoreactive) and the nitrergic neurons (nNOS immunoreactive), for the morphometric analysis of the general population and nitrergic neurons and also for the immunoreactive varicosities to ChAT, VIP, CGRP or SP. Samples of the 3 intestinal segments were prepared and stained with hematoxylin and eosin for histological analysis of the basic morphology. Duodenum, the intestinal segment considered the most affected in the morphological analysis of the general population of neurons, was selected for the proteomic analysis...
Descritores: Fluoreto de Sódio/administração & dosagem
Fluoreto de Sódio/toxicidade
Intestino Delgado
Proteínas/análise
Sistema Nervoso Entérico
-Imunofluorescência
Intestino Delgado/química
Proteômica
Ratos Wistar
Valores de Referência
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde