Base de dados : LILACS
Pesquisa : A10.850.720 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 98 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 10 ir para página                        

  1 / 98 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1146409
Autor: Maurício, Vanessa Cristina; Souza, Norma Valéria Dantas de Oliveira; Maurício, Carlos Eduardo; Costa, Carolina Cabral Pereira da; Silva, Marcia de Souza; Roque, Anna Beatryz Marques.
Título: Dificuldades e Facilidades do processo educativo desenvolvido por enfermeiros às pessoas com estomias / What nurses find difficult and helpful when educating people with ostomies / Dificultades y facilidades del proceso educativo desarrollado por enfermeras para personas con estomas
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:e46131, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: descrever e analisar as dificuldades e facilidades percebidas por enfermeiros para implementação do processo educativo dirigido às pessoas com estomia. Método: estudo qualitativo e exploratório, apoiada no materialismo histórico e no método dialético. A coleta ocorreu em um Centro de Reabilitação no Rio de Janeiro, com seis enfermeiros, por meio da triangulação de métodos (observação participante, entrevista e análise de registros de enfermagem), entre dezembro de 2014 e março de 2015. Resultados: os fatores dificultadores do processo educativo foram: estrutura física inadequada, escassez de recursos financeiro e humano. Além disso, apreendeu-se déficit na formação e qualificação dos enfermeiros. Os fatores facilitadores incluíram: fornecimento de equipamentos e adjuvantes para as pessoas com estomia e criação de grupos de apoio para esta clientela. Conclusão: concluiu-se que existem contradições e discrepâncias na execução do processo educativo relacionadas à organização laboral, à formação e aos aspectos legais.

Objective: to describe and analyze what nurses perceive to be difficult and simple to implement in the process of educating people with ostomies Method: this qualitative, exploratory study was supported by historical materialism and the dialectical method. Data were collected from six nurses at a Rehabilitation Center in Rio de Janeiro, using a triangulation of methods (participant observation, interview, and analysis of nursing records), between December 2014 and March 2015. Results: the factors that hampered the educational process were inappropriate physical structure, and scarcity of financial and human resources. There was also found to be a deficit in the nurses' training and qualification. Enabling factors included: provision of equipment and adjuvants for people with ostomies, and creation of support groups for this clientele. Conclusion: it was concluded that execution of the educational process suffers from contradictions and discrepancies relating to work organization, training, and legal aspects.

Objetivo: describir y analizar lo que las enfermeras perciben como difícil y simple de implementar en el proceso de educación de las personas con ostomías Método: este estudio cualitativo, exploratorio, se sustenta en el materialismo histórico y el método dialéctico. Se recolectaron datos de seis enfermeras en un Centro de Rehabilitación de Río de Janeiro, mediante una triangulación de métodos (observación participante, entrevista y análisis de registros de enfermería), entre diciembre de 2014 y marzo de 2015. Resultados: los factores que obstaculizaron el proceso educativo fueron estructura física inadecuada y escasez de recursos financieros y humanos. También se constató un déficit en la formación y calificación de las enfermeras. Los factores habilitantes incluyeron: provisión de equipo y adyuvantes para personas con ostomías y creación de grupos de apoyo para esta clientela. Conclusión: se concluyó que la ejecución del proceso educativo adolece de contradicciones y discrepancias relacionadas con la organización del trabajo, la formación y los aspectos legales.
Descritores: Centros de Reabilitação
Autocuidado
Educação em Saúde
Estomas Cirúrgicos
Enfermeiros
-Brasil
Adaptação
Pesquisa Qualitativa
Limites: Humanos
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  2 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-889305
Autor: Erdim, Ibrahim; Sirin, Ali Ahmet; Baykal, Bahadir; Oghan, Fatih; Guvey, Ali; Kayhan, Fatma Tulin.
Título: Treatment of large persistent tracheoesophageal peristomal fistulas using silicon rings / Tratamento de fístula periestomal traqueoesofágica grande e persistente com anéis de silicone
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);83(5):536-540, Sept.-Oct. 2017. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Tracheoesophageal peristomal fistulae can often be solved by reducing the size of the fistula or replacing the prosthesis; however, even with conservative techniques, leakage around the fistula may continue in total laryngectomy patients. Also, several techniques have been developed to overcome this problem, including injections around the fistula, fistula closure with local flaps, myofascial flaps, or free flaps and fistula closure using a septal perforation silicon button. Objective: To present the results of the application of silicon ring expanding the voice prosthesis in patients with large and persistent peri-prosthetic fistula. Methods: A voice prosthesis was fitted to 42 patients after total laryngectomy. Leakage was detected around the prosthesis in 18 of these 42 patients. Four patients demonstrated improvement with conservative methods. Eight of 18 patients who couldn't be cured with conservative methods were treated by using primary suture closure and 4 patients were treated with local flaps. As silicon ring was applied as a primary treatment in the 2 remaining patients and also, applied to 2 patients who had recurrence after suture repair and to 2 patients who had recurrence after local flap implementation. Silicon rings were used in a total of 6 patients due to the secondary trachea-esophageal fistula. Patients were treated with provox-1 initially and later with provox-2. At the time of leakage around the fistula, 6 patients had provox-2. Results: Fistulae were treated successfully in 6 patients, and effective speech of patients was preserved. Patients experienced no adaptation problem. Prosthesis changing time was not different between silicon rings expanded and normal prosthesis applied patients. Silicon ring combined voice prosthesis was used 26 times; there was no recurrence in fistula complication during 29 ± 6 months follow up. Conclusion: Silicon rings for modified expanded voice prosthesis seems to be an effective treatment for persistent peri-prosthetic leakage, for both, fistula closure and preserving the patients speech.

Resumo Introdução: Fístulas traqueoesofágicas persistentes podem ser resolvidas através da redução do tamanho da fístula ou substituição da prótese; no entanto, mesmo com técnicas conservadoras, o pertuito em torno da fístula pode continuar em pacientes com laringectomia total. Além disso, várias técnicas têm sido desenvolvidas para superar esse problema, inclusive injeções ao redor da fístula, fechamento da fístula com retalhos locais, retalhos miofasciais ou retalhos livres e fechamento da fístula com um botão septal de silicone. Objetivo: Apresentar os resultados da aplicação de anel de silicone para expansão da prótese vocal em pacientes com grandes fístulas periprotéticas persistentes. Método: Prótese vocal foi colocada em 42 pacientes após laringectomia total, e fístula foi detectada ao redor da prótese em 18 desses 42 pacientes. Quatro pacientes obtiveram melhora com métodos conservadores. Oito dos 18 pacientes que não obtiveram sucesso com métodos conservadores foram tratados usando sutura primária e quatro pacientes foram tratados com retalhos locais. Um anel de silicone foi aplicado inicialmente nos dois pacientes restantes e, também, aplicado a dois pacientes que tiveram recorrência após a técnica de sutura e a dois pacientes que tiveram recorrência após a utilização de retalho local. No total, seis pacientes receberam anéis de silicone em decorrência da fístula traqueoesofágica secundária. Os pacientes haviam sido tratados com provox-1 inicialmente e posteriormente com provox-2. No momento da detecção da fístula em torno do estoma, seis pacientes haviam recebido provox-2. Resultados: A fístula foi tratada com sucesso em seis pacientes. Além disso, após o tratamento a fala foi mantida de forma eficaz. Não houve problema de adaptação. O tempo de troca da prótese expandida com os anéis de silicone não foi diferente do tempo que se leva para a colocação da prótese normal. O anel de silicone combinado com a prótese vocal foi usado 26 vezes em pacientes na época da troca de prótese e não houve recorrência da fístula durante os 29 ± 6 meses de acompanhamento. Conclusão: Os resultados sugerem que em casos de grandes fístulas peri-prostéticas persistentes, anéis expandidos de silicone e prótese vocal modificada são eficazes tanto para o fechamento da fístula como para a manutenção da fala do paciente.
Descritores: Complicações Pós-Operatórias/terapia
Silício/uso terapêutico
Distúrbios da Fala/reabilitação
Implantação de Prótese/métodos
Estomas Cirúrgicos/efeitos adversos
Laringe Artificial
-Complicações Pós-Operatórias/etiologia
Fístula Traqueoesofágica/cirurgia
Resultado do Tratamento
Laringectomia/efeitos adversos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1118813
Autor: Alguiar, Janderson Cleiton,; Pereira, Adriana Pelegrini dos Santos,; Pinto, Maria Helena,.
Título: Reconstrução de trânsito intestinal: fatores que influenciam a realização / Bowel transit reconstruction: factors that influence the implementation
Fonte: Rev. eletrônica enferm;20:1-10, 2018.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivou-se identificar os fatores que influenciam na reconstrução do trânsito intestinal em pessoas com estoma provisório. Trata-se de um estudo descritivo­analítico, quantitativo, participaram 117 pessoas com estoma provisório, que foram entrevistados, abordando aspectos sociodemográficos, clínicos e motivo da não reconstrução do estoma até o momento da coleta dos dados, foi realizada análise descritiva das variáveis, com aplicação de testes para verificar a existência de relação entre os motivos de demora para reconstrução com as demais variáveis. A maioria era do sexo masculino, a neoplasia predominou como patologia que determinou a construção do estoma, as cirurgias foram de urgência, sendo a colectomia a mais frequente. A idade influencia tanto na causa do estoma como na não reconstrução, assim como a presença de comorbidades e a persistência da causa pré-cirúrgica, o que leva à reflexão sobre a importância de ações de promoção de saúde e prevenção de doenças intestinais.

The objective of this study was to identify the factors that influence bowel transit reconstruction in people with a temporary stoma. This was a descriptive-analytical, quantitative study, involving 117 people with a temporary stoma who were interviewed about the sociodemographic and clinical aspects and the reason for the lack of stoma reconstruction up to the time of data collection. A descriptive analysis of the variables was performed, with tests being applied to verify the existence of a relationship between the reasons for the delay in reconstruction and other variables. Most participants were male, and neoplasia predominated as the pathology requiring the creation of the stoma. The surgeries were urgent, with colectomy being the most frequent. Age affects both the cause of the stoma and the lack of reconstruction, as well as the presence of comorbidities and the persistence of the preoperative cause, leading to reflection on the importance of health promotion actions and the prevention of intestinal diseases.
Descritores: Enterostomia
Cuidados de Enfermagem
-Estomas Cirúrgicos
Limites: Humanos
Responsável: BR584.1 - Biblioteca Central BSCAN


  4 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1124141
Autor: Fernandes-Sousa, Clementina Prazeres; Brito-Santos, Célia Samarina.
Título: Effect of a Stoma Nursing Care Program on the Adjustment of Patients with an Ostomy / Efecto de un programa de atención de enfermería en estomaterapia en la adaptación de la persona a la ostomía de eliminación / Efeito de um programa de enfermagem em estomaterapia na adaptação da pessoa ao estoma de eliminação
Fonte: Aquichan;20(1):e2014, Jan.-Mar. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To evaluate the effect of a stoma nursing care program on the personal adjustment to an ostomy. Materials and methods: A quasi-experimental study with a control group. The sample of 105 patients with stoma was divided into two groups (intervention group and control group), with assessments in the first and sixth month after hospital discharge. Information was collected using the Elimination Ostomy Adjustment Scale. Student's t-tests analysis were performed. Results: One month after hospital discharge, the adjustment to the stoma was satisfactory and similar (p > 0.05) in both groups, and in the sixth month, statistically more favorable in the intervention group (p < 0.001); a statistically significant difference between the two assessments (p < 0.001) is found in the intervention group only. Conclusions: The intervention program has a positive influence on the adjustment to the stoma, and its contribution is significant six months after hospital discharge. Systematic interventions of an ostomy care specialized nurse have shown positive effects on ostomy adjustment, which is recommended since the preoperative period.

RESUMEN Objetivo: evaluar el efecto de un programa de atención de enfermería en estomaterapia en la adaptación de la persona a la ostomía de eliminación (OE). Materiales y métodos: estudio cuasiexperimental con grupo control. La muestra de 105 personas con OE se dividió en dos grupos (grupo de intervención y grupo de control), con evaluación en el primer y sexto mes después del alta hospitalaria. La información se recopiló mediante la Escala de Adaptación a la Ostomía de Eliminación. Se realizaron pruebas t de Student para el análisis estadístico. Resultados: en el primer mes después del alta hospitalaria, la adaptación a la OE fue satisfactoria y similar (p > 0,05) en los dos grupos y el sexto mes fue estadísticamente más favorable en el grupo de intervención (p < 0,001), con diferencias estadísticamente significativas en el grupo de intervención entre los dos momentos de evaluación (p < 0,001). Conclusiones: el programa influenció positivamente la adaptación a la OE y su contribución se hizo visible al sexto mes después del alta hospitalaria. La intervención sistemática de la enfermería en estomaterapia reveló un efecto favorable en la adaptación a la OE, por lo que es recomendable que se inicie en el período preoperatorio.

RESUMO Objetivo: avaliar o efeito de um programa de intervenção de enfermagem em estomaterapia na adaptação da pessoa à ostomia de eliminação (OE). Material e métodos: estudo quasi-experimental com grupo de controlo. A amostra de 105 pessoas com OE repartiu-se por dois grupos (grupo de intervenção e grupo de controlo), com avaliação ao primeiro e sexto mês depois da alta hospitalar. A informação foi recolhida com a Escala de Adaptação à Ostomia de Eliminação. Realizaram-se testes t-Student para análise estatística. Resultados: ao primeiro mês, a adaptação à OE era satisfatória e semelhante (p > 0,05) nos dois grupos, sendo ao sexto mês, estatisticamente mais favorável no grupo de intervenção (p < 0,001); com diferenças estatisticamente significativas entre os dois momentos de avaliação (p < 0,001), no grupo de intervenção. Conclusões: o programa de intervenção influenciou positivamente o percurso de transição para a adaptação à OE, sendo visível o seu contributo, ao sexto mês depois da alta hospitalar. A intervenção sistematizada da enfermeira estomaterapeuta revelou um efeito favorável na adaptação à OE, sendo recomendável desde o período pré-operatório.
Descritores: Estomas Cirúrgicos
Ajustamento Emocional
-Período Pós-Operatório
Período Pré-Operatório
Cuidados de Enfermagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: CO171.1 - ACOFAEN - Asociación Colombiana de Facultades de Enfermeria


  5 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Moreira, Luis Fernando
Texto completo
Id: biblio-1116850
Autor: Ferri, João Victor Vecchi; Silva, Gabriel Lazzarotto da; Mallmann, Ignácio Osório; Moreira, Luis Fernando.
Título: Morbidade e mortalidade no fechamento de estomas: revisão de 10 anos / Morbidity and mortality of stoma closure: a 10-year review
Fonte: Clin. biomed. res;40(1):27-32, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: O fechamento de estomas, embora rotineiramente performado, ainda não pode ser considerado um procedimento simples. Nós reportamos, desta forma, a morbidade, mortalidade e fatores de riscos associados a este procedimento em um período de dez anos. Métodos: Revisão retrospectiva de 252 prontuários (149 homens; 103 mulheres), com uma média de 56 anos de idade (18 a 89 anos), que foram submetidos a fechamento de estomas, com análise de complicações clínicas e cirúrgicas, características relacionadas ao estoma, entre outros. Admissão em UTI, complicações precoces (até 30 dias) (classificação de Clavien-Dindo), e tardias, além de óbito, foram analisados. Os testes T de Student, ANOVA, Qui-Quadrado de Pearson, exato de Fischer e de Mann-Whitney foram utilizados para análise paramétrica e não-paramétrica. Resultados: Tumores colorretais (64%) e diverticulite (10%) foram as principais causas para a confecção do estoma. 112 (44,4%) dos pacientes tiveram pelo menos uma complicação cirúrgica. As complicações precoces foram infecção de ferida operatória (13%), fistula e deiscência anastomótica/intestinal (9%), abscessos de cavidade ou parede abdominais (8,3%); tardiamente houveram 36 casos de hérnia incisional (14,2%) e uma estenose intestinal (0,3%). Comorbidades levaram a 10% maior probabilidade de ter uma ou mais complicações cirúrgicas, e todas as cinco mortes ocorreram nestes pacientes (2%). Estomas de intestino grosso, maior tempo operatório e admissão em UTI estiveram significamente relacionados a aumento da morbidade. Conclusão: Pacientes com comorbidades e estomas de intestino grosso tiveram mais risco de complicações. Cuidados pré e perioperatórios, e melhor seleção de pacientes são importantes na redução da morbimortalidade.(AU)

Introduction: Although routinely performed, stoma closure cannot as yet be considered a simple procedure. We report here the morbidity, mortality and risk factors associated with this procedure over a 10-year period. Methods: The medical records of 252 patients (149 men; 103 women), with a mean age of 56 years (18 to 89 years), who underwent stoma closure were retrospectively reviewed for postoperative clinical and surgical complications, stoma-related features, among others. ICU admission, early surgical complications (within 30 days) according to the Clavien-Dindo classification, late surgical complications, and death were analyzed. Student's t-test, ANOVA, Pearson's chi-square test, Fisher's exact test, and MannWhitney U test were used for parametric and nonparametric data. Results: Colorectal tumors (64%) and diverticulitis (10%) were the main reasons for stoma surgery. Overall, 112 (44.4%) patients had at least one surgical complication. Early complications included surgical wound infection (13%), fistula and anastomotic/ intestinal dehiscence (9%), and abdominal wall or intra-abdominal abscesses (8.3%). Late complications included 36 (14.2%) cases of incisional hernia and one case (0.3%) of stricture. Patients with comorbidities were 10% more likely to have one or more surgical complications, and all 5 deaths occurred in these patients (2%). Large-bowel ostomies, longer operative time and ICU admission were significantly related to increased morbidity. Conclusion: Patients with an increased number of comorbidities and large-bowel ostomies are at higher risk for complications. Pre- and perioperative care and accurate patient selection are important to reduce morbidity and mortality.(AU)
Descritores: Complicações Pós-Operatórias/epidemiologia
Estomas Cirúrgicos/efeitos adversos
-Complicações Pós-Operatórias/mortalidade
Infecção da Ferida Cirúrgica/epidemiologia
Fatores de Tempo
Tabagismo/epidemiologia
Neoplasias Colorretais/cirurgia
Estudos Retrospectivos
Fatores de Risco
Diverticulite/cirurgia
Hipertensão/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Responsável: BR18.1 - Biblioteca FAMED/HCPA


  6 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Moreira, Thereza Maria Magalhäes
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-898440
Autor: Marques, Antonio Dean Barbosa; Amorim, Rosendo Freitas de; Landim, Fátima Luna Pinheiro; Moreira, Thereza Maria Magalhães; Branco, July Grassiely de Oliveira; Morais, Preciliana Barreto de; Santos, Zélia Maria de Sousa Araújo.
Título: Body consciousness of people with intestinal stomach: A phenomenological study / Consciencia corpórea de personas con estoma intestinal: estudio fenomenológico / Consciência corpórea de pessoas com estomia intestinal: estudo fenomenológico
Fonte: Rev. bras. enferm;71(2):391-397, Mar.-Apr. 2018.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to describe the bodily awareness of people with stomies. Method: a descriptive study with a qualitative approach, carried out in the Ostomized Association of the State of Ceará, through semi-structured interviews with ten people with intestinal stomies, according to Merleau-Ponty's phenomenological thinking. Results: two categories of analysis emerged: The body that I have, in which the sensations of deficiency, imperfection and bad odor add to the feeling of strangeness towards one's own body, affecting the way of being in the world of each deponent; and The body that others perceive, in which the stoma is seen as an embarrassing and complex experience, since it hampers daily activities and conviviality with other people. Final considerations: The corporeal consciousness of Being-Stomp-in-the-world requires the movement to reconstruct the senses of the body from the body I have and from that which others perceive.

RESUMEN Objetivo: describir la consciencia corpórea de personas con estoma. Método: estudio descriptivo con abordaje cualitativa, realizado en la Asociación de Estoma del Estado de Ceará, por medio de entrevistas semi estructuradas con diez personas con estoma intestinal, según el pensamiento fenomenológico de Merleau-Ponty. Resultados: emergieron dos categorías del análisis: El cuerpo que tengo, en el cual las sensaciones de deficiencia, imperfección y olor malo se suman al sentimiento de extrañeza para con el propio cuerpo, afectando el modo de ser en el mundo de cada deponente; y El cuerpo que los demás notan, en que el estoma es visto como una experiencia embarazosa y compleja, una vez que dificulta las actividades cotidianas y el convivio con otras personas. Consideraciones finales: la consciencia corpórea de Ser-estoma-en el-mundo exige el movimiento de reconstruir los sentidos del cuerpo a partir del cuerpo que tengo y de aquel que los demás notan.

RESUMO Objetivo: descrever a consciência corpórea de pessoas com estomia. Método: estudo descritivo com abordagem qualitativa, realizado na Associação dos Ostomizados do Estado do Ceará, por meio de entrevistas semiestruturadas com dez pessoas com estomia intestinal, segundo o pensamento fenomenológico de Merleau-Ponty. Resultados: emergiram duas categorias da análise: O corpo que eu tenho, no qual as sensações de deficiência, imperfeição e odor ruim somam-se ao sentimento de estranheza para com o próprio corpo, afetando o modo de ser no mundo de cada depoente; e O corpo que os outros percebem, em que o estoma é visto como uma experiência constrangedora e complexa, uma vez que dificulta as atividades cotidianas e o convívio com outras pessoas. Considerações finais: a consciência corpórea de Ser-estomizado-no-mundo exige o movimento de reconstruir os sentidos do corpo a partir do corpo que eu tenho e daquele que os outros percebem.
Descritores: Imagem Corporal/psicologia
Estomas Cirúrgicos/efeitos adversos
-Brasil
Entrevistas como Assunto
Pesquisa Qualitativa
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-723358
Autor: Mauricio, Vanessa Cristina; Souza, Norma Valéria Dantas de Oliveira; Lisboa, Marcia Tereza Luz.
Título: The meaning of work for the person with a stoma / El significado del trabajo para el ser estomizado / O sentido do trabalho para o ser estomizado
Fonte: Texto & contexto enferm;23(3):656-664, Jul-Sep/2014. tab.
Idioma: en.
Resumo: The present qualitative and descriptive-exploratory study aims to focus on the meaning of work for 20 persons with stomas. Its objectives are: to identify the working situation of the people with stomas; and to analyze the work's meanings in their lives. It used semi-structured interviews for data collection in a Rehabilitation Institute in Rio de Janeiro and Thematic Content Analysis for data analysis. The results evidenced that the subjects present dialectical feelings in relation to the work, considering that work activity is a source of life, ensures material subsistence and signifies social participation. However, they also consider the work as a source of suffering, as they link it to a feeling of exclusion and to social segregation. It is concluded that work, in spite of raising negative feelings, is felt by the majority as something positive and that, because of this, nurses and other professionals from the area of healthcare and similar areas must encourage and viabilize the reinsertion of the person with a stoma into the world of work.

El objeto de esta investigación cualitativa y descriptiva exploratoria es abordar el significado del trabajo para veinte personas estomizadas, o sea, determinar la situación laboral de los estomizados y analizar los significados del trabajo en sus vidas. La entrevista semiestructurada recolectó datos en una institución de rehabilitación en Río de Janeiro y utilizó el Análisis Temático de Contenido para el análisis de datos. Los resultados mostraron que los sujetos exhiben sentimientos dialécticos respecto al trabajo, considerándose la actividad laboral como la fuente de vida que garantiza la subsistencia material y la participación activa en la sociedad, sin embargo, también es fuente de sufrimiento, debido al sentimiento de exclusión y segregación social. Se concluye que, aunque el trabajo alude a sentimientos negativo, es sentido como algo más positivo, razón por que los enfermeros, otros profesionales de la salud y afines deben alentar y facilitar la reintegración del estomizado en el mundo laboral.

A presente pesquisa, qualitativa e descritivo-exploratória, objetiva tratar do sentido do trabalho para vinte pessoas estomizadas. Os objetivos são: identificar a situação trabalhista dos estomizados; e analisar os significados do trabalho em suas vidas. Utilizou-se a entrevista semiestruturada para coleta de dados em um Instituto de reabilitação no Rio de Janeiro e a Análise Temática de Conteúdo para análise dos dados. Os resultados evidenciaram que os sujeitos apresentam sentimentos dialéticos em relação ao trabalho, considerando que a atividade laboral é fonte de vida, garante subsistência material e significa participação social. No entanto, também consideraram o trabalho como fonte de sofrimento, pois remetem ao sentimento de exclusão e segregação social. Conclui-se que o trabalho, apesar de aludir sentimentos negativos, é majoritariamente sentido como algo positivo e, por isso, os enfermeiros e demais profissionais da saúde e áreas afins, devem estimular e viabilizar a reinserção do estomizado no mundo laboral.
Descritores: Reabilitação
Previdência Social
Saúde do Trabalhador
Pessoas com Deficiência
Estomas Cirúrgicos
Limites: Humanos
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  8 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1003473
Autor: Carvalho, Dione Seabra de; Silva, Ana Gracinda Ignácio da; Ferreira, Sandra Regina Monteiro; Braga, Levindo Cardoso.
Título: Elaboration of an educational technology for ostomized patients: peristomal skin care / Construcción de tecnología educativa para estomizados: enfoque en el cuidado de la piel periestoma / Construção de tecnologia educacional para estomizados: enfoque no cuidado da pele periestoma
Fonte: Rev. bras. enferm;72(2):427-434, Mar.-Apr. 2019. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to describe the elaboration of an educational technology to support orientations on peristomal skin care for ostomized patients. Method: the research had a qualitative approach and used the Action-Research method; data was collected through the Focus Group technique, with eight ostomized patients. The data was analyzed through Thematic Content analysis. Results: the analysis generated for categories: the educational material as source of knowledge; difficulties in the peristomal skin care; peristomal skin self-care; and educational technology for ostomized patients. Based on these data, the Educational Technology was elaborated. After its validation, it will contribute to the prevention of peristomal dermatitis. Final considerations: we highlight the contribution of educational technologies in the context of health education and the role of this resource to promote health, prevent complications, develop skills and promote patient autonomy and confidence.

RESUMEN Objetivo: describir la construcción de una tecnología educativa para mediar la orientación sobre los cuidados con la piel periestoma de personas estomizadas. Método: la investigación fue de abordaje cualitativo, utilizando el método de la Investigación-Acción; la recolección de los datos se dio a través de la técnica del Grupo Focal con ocho estomizados. El análisis de los registros fue de Contenido del tipo Temática. Resultados: el análisis originó cuatro categorías: el material educativo como fuente de conocimiento; dificultades para el cuidado con la piel periestoma; autocuidado con la piel periestoma; y tecnología educativa para estomizados. A partir de esos datos fue posible la construcción de la Tecnología Educativa, que tras su validación contribuirá en la prevención de la dermatitis periestoma. Consideraciones Finales: se hace relevante la contribución de tecnologías educativas escritas en el contexto de la educación en salud y el papel de ese recurso para promover la salud, prevenir complicaciones, desarrollar habilidades y favorecer la autonomía y confianza del paciente.

RESUMO Objetivo: descrever a construção de uma tecnologia educacional para mediar à orientação sobre os cuidados com a pele periestoma de pessoas estomizadas. Método: a pesquisa foi de abordagem qualitativa - utilizando o método da Pesquisa-Ação - a coleta dos dados deu-se através da técnica do Grupo Focal com oito estomizados. A análise dos registros foi de Conteúdo do tipo Temática. Resultados: a análise originou quatro categorias: o material educativo como fonte de conhecimento; dificuldades para o cuidado com a pele periestoma; autocuidado com a pele periestoma; e tecnologia educacional para estomizados. A partir desses dados foi possível a construção da Tecnologia Educacional, que após sua validação contribuirá na prevenção da dermatite periestoma. Considerações finais: torna-se relevante a contribuição de tecnologias educativas escritas no contexto da educação em saúde e o papel desse recurso para se promover a saúde, prevenir complicações, desenvolver habilidades e favorecer a autonomia e confiança do paciente.
Descritores: Educação de Pacientes como Assunto/métodos
Higiene da Pele/métodos
Tecnologia Educacional/normas
Estomas Cirúrgicos
-Educação de Pacientes como Assunto/normas
Grupos Focais/métodos
Higiene da Pele/enfermagem
Tecnologia Educacional/tendências
Pesquisa Qualitativa
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 98 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1014665
Autor: Negri, Elaine Cristina; Pereira Júnior, Gerson Alves; Cotta Filho, Cezar Kayzuka; Franzon, Juliana Constantino; Mazzo, Alessandra.
Título: Construction and validation of simulated scenario for nursing care to colostomy patients / Construcción y validación de un escenario simulado para atención de enfermería a pacientes con colostomía / Construção e validação de cenário simulado para assistência de enfermagem a pacientes com colostomia
Fonte: Texto & contexto enferm;28:e20180199, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to construct and validate a high fidelity clinical simulation scenario on nursing care to colostomy patients. Method: descriptive study of construction and validation of the appearance and content of a high fidelity clinical simulation scenario referring to nursing care for colostomy patients. To guide the elaboration of the scenario, a study was carried out in the literature on nursing care for the colostomy patient in the hospital environment. The scenario was constructed according to the items proposed by Fabri, based on the Bloom's Taxonomy. For the selection of the nine experts, the criteria proposed by Fehring were used. The scenario, after being structured, was tested by a group of students from the 3rd and 4th years of graduation in nursing in a clinical simulation laboratory of a public university. It was considered 80% level of agreement. Results: in the validation of the scenario, all the experts agreed with the proposed items, suggesting the inclusion of some references, book chapters, skills training, preparation of reading material and checklist follow-up of participants. This scenario test allowed the identification of relevant contributions for adjustments of the simulated activity and allowed to test the debriefing with the support of the checklist. It was also evidenced the need to include information in the patient medical record and to increase the time of development of the scenario to solve the proposed objectives. Conclusion: the results show that for practical simulated well defined and successful are required to careful preparation, validation and prior testing of the planned activities.

RESUMEN Objetivo: construir y validar un escenario de simulacro clínico de alta fidelidad sobre atención de enfermería a pacientes con colostomía. Método: estudio descriptivo de construccióny validación de aparienciay contenido de unescenario de simulacro clínico de alta fidelidad, referente a la atención de enfermería a pacientes con colostomía. Para orientar la elaboración del escenario, se realizó una investigación en la literatura sobre los cuidados de enfermería al paciente con colostomía en el ambiente hospitalario. El escenario se construyó según los ítems propuestos por Fabri, con base en la Taxonomía de Bloom. Para seleccionarlos nueve especialistas, se utilizaron los criterios propuestos por Fehring. El escenario, luego de ser estructurado, ha sido testeado por un grupo de estudiantes de 3º y 4º año de la carrera de grado en enfermería en un laboratorio de simulacro clínico de una universidad pública. Se consideró un nivel de concordancia del 80%. Resultados: en la validación delescenario, todos los especialistas concordaron conlos ítems propuestos, sugiriendola inclusión de algunas referencias, capítulos de libros, capacitación de habilidades, confección de material de lectura y checklist de acompañamiento a los participantes. Este test delescenario permitió identificar las contribuciones relevantes para los ajustes de la actividad simulada y testear el debriefing conel apoyo del checklist. También se puso en evidencia la necesidad de incluir informacionesen elinforme del paciente y de aumentar el tiempo de desarrollo delescenario para resolverlos objetivos propuestos. Conclusión: los resultados demuestran que para prácticas simuladas bien delineadas y exitosas son necesarias una elaboración criteriosa, una validación y untest previo de las actividades planificadas.

RESUMO Objetivo: construir e validar um cenário de simulação clínica de alta fidelidade sobre assistência de enfermagem a pacientes com colostomia. Método: estudo descritivo de construção e validação de aparência e conteúdo de um cenário de simulação clínica de alta fidelidade referente à assistência de enfermagem a paciente com colostomia. Para direcionar a elaboração do cenário, foi realizada uma pesquisa na literatura sobre cuidados de enfermagem ao paciente com colostomia no ambiente hospitalar. O cenário foi construído segundo os itens propostos por Fabri, com base na Taxonomia de Bloom. Para seleção dos nove peritos foram utilizados os critérios propostos por Fehring. O cenário, após estruturado, foi testado por um grupo de estudantes do 3o e 4o anos de graduação em enfermagem em um laboratório de simulação clínica de uma universidade pública. Foi considerado nível de concordância 80%. Resultados: na validação do cenário, todos os experts concordaram com os itens propostos, sugerindo a inclusão de algumas referências, capítulos de livros, treino de habilidades, confecção de material de leitura e checklist de acompanhamento aos participantes. Essa testagem do cenário permitiu identificar contribuições relevantes para ajustes da atividade simulada e permitiu testar o debriefing com o apoio do checklist. Evidenciou-se, ainda, a necessidade de incluir informações no prontuário do paciente e de aumentar o tempo de desenvolvimento do cenário para resolução dos objetivos propostos. Conclusão: os resultados mostram que para práticas simuladas bem delineadas e exitosas são necessárias a elaboração criteriosa, a validação e a testagem prévia das atividades planejadas.
Descritores: Simulação
Simulação de Paciente
Estomas Cirúrgicos
Limites: Humanos
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  10 / 98 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-893982
Autor: Salomé, Geraldo Magela; Lima, Joelma Alves de; Muniz, Karina de Cássia; Faria, Elaine Cristina; Ferreira, Lydia Masako.
Título: Health locus of control, body image and self-esteem in individuals with intestinal stoma / Lócus de controle em saúde, imagem corporal e autoestima nos indivíduos com estoma intestinal
Fonte: J. coloproctol. (Rio J., Impr.);37(3):216-224, July-Sept. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objective To evaluate the health locus of control, self-esteem, and body image in patients with an intestinal stoma. Method A descriptive, cross-sectional, analytical study conducted at the pole of the ostomates of the city of Pouso Alegre. The study was approved by Research Ethics Committee of Universidade do Vale do Sapucaí. Opinion: 620,459. Patients: 44 patients with an intestinal stoma. Four instruments were used: a questionnaire with demographic and stomatologic data, the Health Locus of Control Scale, the Rosenberg Self-Esteem Scale/UNIFESP-EPM, and the Body Investment Scale. Statistics: Chi-square, Pearson, Mann-Whitney and Kruskal-Wallis tests. p < 0.05 was determined. Results The majority of patients were over 70 years, 16 (36.4%) were female, 30 (68.2%) were married, 31 (70.5%) were retirees, 31 (70.5%) had an income of 1-3 minimum wages, 32 (72.7%) did not practice physical activity, 18 (40.9%) had an incomplete elementary education, and 35 (79.5%) participated in a support or association group. 33 (75%) participants received the stoma because of a neoplasia; and 33 (75%) had a definitive stoma. In 36 (81.8%) participants, the type of stoma used was a colostomy, and 22 (50%) measured 20-40 mm in diameter; 32 (72.7%) participants used a two-piece device. With regard to complications, there were 29 (65.9%) cases of dermatitis. The mean total score for the Health Locus of Control Scale was 62.84; for the Rosenberg Self-Esteem Scale, 27.66; and for the Body Investment Scale, 39.48. The mean scores for the dimensions internal, powerful others, and chance of the Health Locus of Control Scale were 22.68, 20.68, and 19.50, respectively. With respect to the Body Investment Scale, for the dimensions body image, body care, and body touch, the mean scores were 11.64, 11.00, and 13.09, respectively. Conclusion In this study, the participants showed changes in self-esteem and body image and also showed negative feelings about their body. Ostomized individuals believe that they themselves control their state of health and do not believe that other persons or entities (physician, nurse, friends, family, god, etc.) can assist them in their improvement or cure and, in addition, believe that their health is controlled by chance, without personal or other people's interference.

Resumo Objetivo Avaliar o lócus de controle da saúde, autoestima e imagem corporal em portadores de estoma intestinal. Método Estudo descritivo, transversal, analítico; realizado no Polo de ostomizados da cidade de Pouso Alegre, aprovado pelo CEP da Universidade do Vale do Sapucaí. Parecer: 620.459. Casuística: 44 pacientes com estoma intestinal. Foram utilizados quatro instrumentos:questionário com dados demográficos e relacionados ao estoma, Escala de Lócus de Controle da Saúde, Escala de Autoestima de Rosenberg/UNIFESP-EPM e Body Investment Scale. Estatística: Testes do Qui-quadrado, Pearson, Mann-Whitney e de Kruskal-Wallis. Determinou-se p < 0,05. Resultados A maioria tinha idade acima de 70 anos, 16 (36,4%) eram do gênero feminino, 30 (68,2%) eram casados, 31 (70,5%) aposentados, 31 (70,5%) tinham renda de 1 a 3 salários mínimos, 32 (72,7%) não praticavam atividade física, 18 (40,9%) não completaram o ensino fundamental e 35 (79,5%) participavam de grupo de apoio ou associação. 33 (75%) das causas da confecção do estoma foram por neoplasia e em 33 (75%) o estoma era definitivo. Em 36 (81,8%) o estoma era do tipo colostomia, 22 (50%) mediam de 20 a 40 mm de diâmetro e 32 (72,7%) eram dispositivos duas peças. Com relação às complicações, 29 (65,9%) foram dermatite. A média do escore total da Escala para Locus de Controle da Saúde foi de 62,84; Escala de Autoestima de Rosenberg, 27,66; e Body Investment Scale, 39,48. Com relação à média do escore total das dimensões da Escala para Locus de Controle da Saúde, constatamos: Internalidade para saúde, 22,68; Externalidade "outros poderosos", 20,68; e Externalidade para saúde, 19,50. Com relação às dimensões da Body Investment Scale, constatamos: para Imagem corporal, média de 11,64; Cuidado corporal, média de 11,00; e Toque corporal, média de 13,09. Conclusão Os participantes do estudo apresentaram autoestima e imagem corporal alteradas e sentimentos negativos em relação ao corpo. Os ostomizados acreditam que eles próprios controlam o seu estado de saúde e não acreditam que outras pessoas ou entidades (médico, enfermeiro, amigos, familiares, Deus, etc.) possam ajuda-los em sua melhora ou cura e que sua saúde é controlada ao acaso, sem interferência própria ou de outras pessoas.
Descritores: Estomia/psicologia
Estomas Cirúrgicos/efeitos adversos
-Qualidade de Vida/psicologia
Autoimagem
Imagem Corporal/psicologia
Controle Interno-Externo
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR545.3 - Biblioteca ICBS



página 1 de 10 ir para página                        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde