Base de dados : LILACS
Pesquisa : A12.383.250 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5 [refinar]
Mostrando: 1 .. 5   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 5 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1171305
Autor: Conesa Alegre, Carlos.
Título: Dentina / Dentin
Fonte: Rev. Soc. Odontol. La Plata;25(46):21-27, mayo 2013. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Si bien la dentina y la pulpa tienen marcadas diferencias en su composición y estructura, ambas están tan íntimamente ligadas por su origen embriológico, que cualquier cosa que afecte a la dentina lo hará sobre la pulpa y viceversa. El ejemplo más claro en ese sentido está dado por el líquido intersticial. Este líquido, semejante al plasma, pero con menos proteínas, constituye una continuidad entre ambos tejidos y sus efectos hidrodinámicos son muy importantes tanto en los estados fisiológicos como en los patológicos.
Descritores: Dentina/anatomia & histologia
Dentina/fisiologia
Dentina/ultraestrutura
Dentística Operatória
-Camada de Esfregaço
Colágeno
Dentina Secundária
Líquido Dentinal
Polpa Dentária/anatomia & histologia
Polpa Dentária/fisiologia
Preparo da Cavidade Dentária/métodos
Limites: Humanos
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  2 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-722390
Autor: Conesa Alegre, Carlos.
Título: Dentina / Dentin
Fonte: Rev. Soc. Odontol. La Plata;23(47):23-28, dic. 2013. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Si bien la dentina y la pulpa tienen marcadas diferencias en su composición y estructura, ambas están tan íntimamente ligadas por su origen embriológico, que cualquier cosa que afecte a la dentina lo hará sobre la pulpa y viceversa. El ejemplo más claro en ese sentido está dado por el líquido intersticial. Este líquido, semejante al plasma pero con menos proteínas, constituye una continuidad entre ambos tejidos y sus efectos hidrodinámicos son muy importantes, tanto en los estados fisiológicos como en los patológicos
Descritores: Dentina/anatomia & histologia
Dentina/fisiopatologia
Dentina/química
-Permeabilidade da Dentina
Dentina Secundária/fisiologia
Dentina/ultraestrutura
Líquido Dentinal/fisiologia
Resinas Compostas/química
Camada de Esfregaço
Limites: Humanos
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  3 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-699387
Autor: Conesa Alegre, Carlos.
Título: Dentina / Dentin
Fonte: Rev. Soc. Odontol. La Plata;25(46):21-27, mayo 2013. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Si bien la dentina y la pulpa tienen marcadas diferencias en su composición y estructura, ambas están tan íntimamente ligadas por su origen embriológico, que cualquier cosa que afecte a la dentina lo hará sobre la pulpa y viceversa. El ejemplo más claro en ese sentido está dado por el líquido intersticial. Este líquido, semejante al plasma, pero con menos proteínas, constituye una continuidad entre ambos tejidos y sus efectos hidrodinámicos son muy importantes tanto en los estados fisiológicos como en los patológicos.
Descritores: Dentística Operatória
Dentina/anatomia & histologia
Dentina/fisiologia
Dentina/ultraestrutura
-Colágeno
Dentina Secundária
Líquido Dentinal
Preparo da Cavidade Dentária/métodos
Polpa Dentária/anatomia & histologia
Polpa Dentária/fisiologia
Camada de Esfregaço
Limites: Humanos
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  4 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-513907
Autor: Mjõr, Ivar A.
Título: Dentin permeability: the basis for understanding pulp reactions and adhesive technology
Fonte: Braz. dent. j;20(1):3-16, 2009. ilus.
Idioma: en.
Resumo: Permeability involves the passage of fluids, ions, molecules, particulate matter and bacteria into and through a substance or tissue under different and varying conditions. The permeability of the dentin is essential to support the physiology and reaction patterns of the pulp-dentin organ. Nutrients and impulses are transported from the pulp via the odontoblast process and the contents of its tubules maintain the dentin as a vital tissue. However, the main interest of this paper focuses on penetration from the outside towards the pulp rather than from the pulp towards the outside. The present overview centers on the dentinal tubules; how they are formed and how they change as a result of normal and abnormal function, age, and pathological processes and the effect of these processes on the permeability of dentin. Particular attention is focused on the patency of the dentinal tubules.This overview is largely based on the author's own research, clinical insights and active participation in continuing dental education over the last 50 years. It is not a review of the literature related to the permeability of dentin. Rather it presents interpretation of results related to the permeability of dentin based on experience and opinions acquired over a lifetime in dental research.

A permeabilidade envolve a passagem de fluidos, íons, moléculas, material particulado e bactérias para o interior e através de uma substância ou tecido sob diferentes e variáveis condições. A permeabilidade da dentina é essencial para a fisiologia e para os padrões de reação do órgão dentino-pulpar. Nutrientes e impulsos são transportados a partir da polpa por meio dos processos odontoblásticos e o conteúdo dos seus túbulos mantém a vitalidade da dentina. Entretanto, o principal interesse deste artigo concentra-se na penetração do exterior para a polpa e não da polpa para o exterior. O presente artigo centra-se essencialmente nos túbulos dentinários; como eles são formados e como eles mudam em razão da função normal e anormal, idade e processos patológicos, e o efeito destes processos na permeabilidade da dentina. Especial atenção é dada à patência dos túbulos dentinários. Este artigo apresenta uma visão geral do assunto e baseia-se amplamente nas pesquisas e percepções clinicas do próprio autor e em sua ativa participação na educação odontológica continuada ao longo dos últimos 50 anos. Não se trata de uma revisão da literatura relacionada à permeabilidade dentinária, mas sim da interpretação de resultados relacionados à permeabilidade dentinária com base na experiência e opiniões formadas ao longo de toda uma vida dedicada à pesquisa odontológica.
Descritores: Permeabilidade da Dentina
Adesivos Dentinários/farmacologia
Dentina/ultraestrutura
-Envelhecimento
Colagem Dentária
Dentinogênese
Cárie Dentária/patologia
Polpa Dentária/fisiologia
Permeabilidade da Dentina/efeitos dos fármacos
Permeabilidade da Dentina/fisiologia
Sensibilidade da Dentina/patologia
Dentina Secundária
Dentina/anatomia & histologia
Dentina/efeitos dos fármacos
Líquido Dentinal/fisiologia
Pressão Hidrostática
Odontoblastos
Camada de Esfregaço
Atrito Dentário/patologia
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 5 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Carvalho, Rubens Côrte Real de
Russo, Eliza Maria Agueda
Texto completo
Id: lil-485958
Autor: Cardoso, Marcio Vivan; Moretto, Simone Gonçalves; Carvalho, Rubens Côrte Real de; Russo, Eliza Maria Agueda.
Título: Influence of intrapulpal pressure simulation on the bond strength of adhesive systems to dentin
Fonte: Braz. oral res;22(2):170-175, 2008. ilus, graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: The purpose of this study was to evaluate the influence of intrapulpal pressure simulation on the bonding effectiveness of etch & rinse and self-etch adhesives to dentin. Eighty sound human molars were distributed into eight groups, according to the permeability level of each sample, measured by an apparatus to assess hydraulic conductance (Lp). Thus, a similar mean permeability was achieved in each group. Three etch & rinse adhesives (Prime & Bond NT - PB, Single Bond -SB, and Excite - EX) and one self-etch system (Clearfil SE Bond - SE) were employed, varying the presence or absence of an intrapulpal pressure (IPP) simulation of 15 cmH2O. After adhesive and restorative procedures were carried out, the samples were stored in distilled water for 24 hours at 37°C, and taken for tensile bond strength (TBS) testing. Fracture analysis was performed using a light microscope at 40 X magnification. The data, obtained in MPa, were then submitted to the Kruskal-Wallis test ( a = 0.05). The results revealed that the TBS of SB and EX was significantly reduced under IPP simulation, differing from the TBS of PB and SE. Moreover, SE obtained the highest bond strength values in the presence of IPP. It could be concluded that IPP simulation can influence the bond strength of certain adhesive systems to dentin and should be considered when in vitro studies are conducted.
Descritores: Resinas Compostas/química
Colagem Dentária
Permeabilidade da Dentina
Polpa Dentária/fisiologia
Adesivos Dentinários/química
Dentina/fisiologia
-Adesivos
Bis-Fenol A-Glicidil Metacrilato/química
Dentina/ultraestrutura
Líquido Dentinal/fisiologia
Pressão Hidrostática
Teste de Materiais
Microscopia Eletrônica de Varredura
Dente Molar
Estatísticas não Paramétricas
Propriedades de Superfície
Resistência à Tração
Adulto Jovem
Limites: Adulto
Humanos
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde