Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.150.900.248.350.150 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 851 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 86 ir para página                         

  1 / 851 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131478
Autor: Silva, I. M; Broch, J; Wachholz, L; Souza, C. de; Pires Filho, I. C; Eyng, C; Tsutsumi, C. Y; Nunes, R. V.
Título: Valores energéticos e composição bromatológica do resíduo seco de fecularia associado a carboidrases para frangos de corte em fase de crescimento / [Energy value and bromatological composition of dry residue of cassava associated with carbohydrases for grower broilers]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1504-1510, July-Aug. 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram determinados os valores energéticos e a composição bromatológica do resíduo seco de fecularia (RSF) para frangos de corte, na fase de crescimento, utilizando ou não enzimas carboidrases. Os tratamentos foram distribuídos em esquema fatorial 2x4 + ração referência, sendo uma RR sem adição de RSF e quatro tratamentos experimentais com 10%, 20%, 30% e 40% de inclusão do RSF e a suplementação ou não com carboidrases. A composição química encontrada para o RSF, na MN, foi de 89,86% de matéria seca, 0,98% de proteína bruta, 3519kcal kg-1 de energia bruta, 0,19% de extrato etéreo, 27% de fibra em detergente neutro, 19,5% de fibra em detergente ácido, 0,33% de cálcio, 0,43% de fósforo, 0,46% de potássio e 0,12% de magnésio. O uso de carboidrases proporcionou um aumento de 173 e 213kcal kg-1 nos valores de EMA e EMAn, respectivamente, resultando em 1828kcal kg-1 EMA e 1840kcal kg-1 EMAn. Concluiu-se que os maiores níveis de EMA e EMAn foram encontrados para o nível de inclusão médio do RSF de 35% e que a suplementação enzimática pode promover aumento desses parâmetros em até 12% em dietas para frangos de corte na fase de crescimento.(AU)

The energetic values and the bromatological composition of the dry residue of cassava (DRC) were determined for growing broilers with or without carbohydrase enzymes. The treatments were distributed in a 2x4 + reference diet factorial scheme, with one RD without addition of DRC and four experimental treatments with 10, 20, 30 and 40% inclusion levels of RSF and supplementation or not with carbohydrases. The chemical composition found for DRC in natural matter was 89.86% dry matter, 0.98% crude protein, 3519kcal kg-1 gross energy, 0.19% ether extract, 27% neutral detergent fiber, 19.5% of acid detergent fiber, 0.33% of calcium, 0.43% of phosphorus, 0.46% of potassium and 0.12% of magnesium. The use of carbohydrase resulted in an increase of 173 and 213kcal kg-1 in EMA and EMAn values, respectively, resulting in 1828kcal kg-1 EMA and 1840kcal kg-1 EMAn. It was concluded that the highest levels of AME and AMEn were found for the mean inclusion level of the DRC of 35% and that enzymatic supplementation may promote the increase of these parameters by up to 12% in broiler diets in the growth phase.(AU)
Descritores: Fibras na Dieta/administração & dosagem
Galinhas/crescimento & desenvolvimento
Dieta/veterinária
Amidos e Féculas
Ração Animal/análise
-Metabolismo Energético
Glicosídeo Hidrolases/administração & dosagem
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-901501
Autor: Rosabal Nava, Osmani; Martínez Aguilar, Yordan; Rodríguez Bertot, Román; Pupo Torres, Guillermo; Olmo González, Carlos; Más Toro, Dairon.
Título: Efecto de la suplementación dietética del polvo de hojas de Anacardium occidentale L. (marañón) en la producción y calidad del huevo de gallinas ponedoras / Effect of dietary supplementation with Anacardium occidentale L. (cashew) leaf powder on the productivity and egg quality of laying hens
Fonte: Rev. cuba. plantas med;22(1), ene.-mar. 2017. tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: las hojas de Anacardium occidentale L. se han utilizado con efectividad para combatir diversas afecciones en aves, cerdos, cobayos, ovinos, conejos, bovinos y humanos. A pesar de todos los beneficios medicinales, para nuestro conocimiento pocas investigaciones se han desarrollado como aditivo en las dietas de las gallinas ponedoras. Objetivo: evaluar el efecto fitobiótico del polvo de hojas de A. occidentale en la productividad y calidad del huevo de gallinas ponedoras. Métodos: se realizó previamente un tamizaje fitoquímico al extracto hidro-alcohólico de las hojas secas de la planta en estudio; seguido se utilizaron 160 gallinas White Leghorn (Híbrido L-33) de 27 semanas de edad en pleno pico de puesta durante 70 días, según diseño totalmente aleatorizado con cuatro tratamientos del polvo de hojas de A. occidentale. (0; 0,5; 1,0 y 1,5 por ciento). Resultados: en las hojas de A. occidentale se detectó una alta cualificación de coumarinas (++), no así para las quinonas y resinas (-), los otros análisis mostraron detecciones leves (+). Los resultados en gallinas ponedoras no evidenciaron morbimortalidad con la adición de este polvo en las dietas. La adición de 0,5 por ciento mejoró (p< 0,05) la producción (80,18 a 86,32 por ciento) y peso del huevo (53,08 a 54,75 g), no obstante, los huevos no aptos y la calidad externa e interna del huevo no mostraron diferencias significativas (p> 0,05) entre tratamientos, excepto la intensidad del color de la yema (7) que incrementó (p< 0,05) con la adición de 0,5 por ciento del polvo. Conclusiones: el polvo de hojas de A. occidentale tiene una amplia variedad de metabolitos secundarios beneficiosos, así, la suplementación dietética de 0,5 por ciento incrementa la producción y peso del huevo, sin afectar su calidad externa e interna, excepto el color de la yema(AU)

Introduction: Leaves of Anacardium occidentale L. have proved effective against various conditions in poultry, pigs, guinea pigs, sheep, rabbits, bovines and humans. Despite all its medicinal benefits, few studies have been conducted about its use as additive in the diet of laying hens. Objective: Evaluate the phytobiotic effect of leaves of A. occidentale on the productivity and egg quality of laying hens. Methods: Phytochemical screening was previously performed of the hydroalcoholic extract of dry leaves of the study plant, followed by selection of 160 White Leghorn hens (Hybrid L-33) aged 27 weeks and in their peak laying period to be used during 70 days, according to a design of total randomization to four treatments with powder of A. occidentale leaves (0; 0.5; 1.0 and 1.5 percent). Results: A. occidentale leaves were found to have a high content of coumarins (++) and a low content of quinones and resins (-). The remaining analyses revealed mild detections (+). Results in laying hens did not show any morbidity or mortality with addition of the powder to their diet. Addition of 0.5 percent improved (p< 0.05) production (80.18 to 86.32 percent) and egg weight (53.08 to 54.75 g). However, no significant differences were found between the treatments with respect to unsuitable eggs and internal and external egg quality (p> 0.05), except for yolk color intensity (7), which increased (p< 0.05) with the addition of 0.5 percent of the powder. Conclusions: Powder of A. occidentale leaves contains a wide variety of beneficial secondary metabolites. Therefore, dietary supplementation of 0.5 percent increases production and egg weight without affecting external and internal quality, except for yolk color(AU)
Descritores: /uso terapêutico
ABORTION, SPONTANEOUSACETOINABATTOIRS/uso terapêutico
Galinhas
Suplementos Nutricionais
Ovos
Limites: Animais
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  3 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131490
Autor: Zamboni, R; Alberti, T. S; Scheid, H. V; Venancio, F. R; Brunner, C. B; Martins, O. A; Raffi, M. B; Sallis, E. S. V.
Título: Outbreak of avian aspergillosis in colonial-bred chicks (Isa Brown) in southern Rio Grande do Sul - case report / [Surto de aspergilose aviária em pintainhas (Isa Brown) de criação colonial na região sul do Rio Grande do Sul - relato de caso]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1363-1368, July-Aug. 2020. ilus.
Idioma: en.
Resumo: In this study we describe the epidemiology, clinical signs, and pathology of an outbreak of avian aspergillosis in alternative breeding in the southern region of Rio Grande do Sul, Brazil. Between the fifth and tenth day of life, 360 chicks from a flock of 4000 developed unspecific clinical signs and died. The birds were housed in a reused aviary litter, without previous treatment. In 11 six-day-old female ISA Brown chicks (Gallus gallus domesticus), necropsy revealed firm, yellowish-white, multinodular lesions extending from the pleura to the lung parenchyma. Histologically, a granulomatous, multifocal to coalescent pneumonia was observed. Granulomas were characterized by central necrosis, with heterophil and epithelioid macrophage infiltration and presence of countless Y-shaped intralesional septate hyphae morphologically compatible with Aspergillus spp. The diagnosis through isolation confirmed Aspergillus fumigatus. We highlight the importance of aspergillosis as a primary cause of diseases in the respiratory tract of young birds in alternative breeding. Measures to prevent aspergillosis mainly regarding the reuse of aviary litter are essential in poultry husbandry to prevent economic losses, reduce environmental contamination and mitigate the potential risk to public health.(AU)

Descrevem-se os aspectos epidemiológicos e patológicos de um surto de aspergilose aviária em criação alternativa na região sul do Rio Grande do Sul, Brasil. De um lote de 4000 pintainhas, entre o quinto e o 10º dia de vida, 360 aves apresentaram sinais clínicos inespecíficos e morreram. As aves foram alojadas em cama reutilizada do aviário, sem tratamento prévio. Na necropsia de 11 pintainhas (Gallus gallus domesticus), fêmeas, seis dias de idade da linhagem Isa Brown, foram observadas no pulmão lesões multinodulares, branco-amareladas e firmes, que se estendiam da pleura ao parênquima. Histologicamente foi observada pneumonia granulomatosa, multifocal a coalescente. Os granulomas eram caracterizados por necrose central, com infiltrado inflamatório de heterófilos, macrófagos, células epitelioides com presença de inúmeras hifas septadas intralesionais, semelhantes à letra "Y", morfologicamente compatíveis com Aspergillus spp. O diagnóstico foi confirmado pelo isolamento de Aspergillus fumigatus. Alerta-se para a importância da aspergilose como causa primária de afecções no trato respiratório de aves jovens em criações alternativas. Medidas preventivas relacionadas ao manejo dessas aves são indispensáveis principalmente quanto à reutilização da cama dos aviários, a fim de evitar perdas econômicas, reduzir a contaminação ambiental e o potencial risco à saúde pública.(AU)
Descritores: Aves Domésticas/microbiologia
Aspergilose/epidemiologia
Aspergillus fumigatus/isolamento & purificação
Galinhas/microbiologia
-Brasil
Limites: Animais
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Barbieri, A
Texto completo
Id: biblio-1131501
Autor: Cruz-Polycarpo, V. C; Freschi, J. B; Polycarpo, G. V; Araujo, R. G. A. C; Barbieri, A; Sousa, R. L. M.
Título: Isolated and combined organic acids in diets of broiler chickens challenged with Eimeria acervulina / [Ácidos orgânicos isolados ou associados em dietas de frangos de corte desafiados com Eimeria acervulina]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1511-1521, July-Aug. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: São Paulo Research Foundation.
Resumo: This study aimed to evaluate the effect of isolated or combined citric and benzoic acids added to the diets of broiler chickens on performance, allometry of the digestive system organs, intestinal pH and quantity of microorganisms in the jejunum. A total of 840 male Cobb broiler chicks were utilized, distributed in a complete random design in 2 × 2 factorial scheme, supplemented or not with citric acid, and sodium benzoate, with seven replications. At 14 days old, 1mL of a solution containing 1 × 105 sporulated oocysts of Eimeria acervulina per bird was inoculated orally. There was no effect of the acids on the broiler's performance in the 1 to 21-day period. In the total period (1 to 42 days), the broilers fed with a blend of citric and benzoic acid presented greater feed intake, without increment in weight gain. The data of allometry of the digestive system organs and the jejunal pH values were not influenced by the treatments. The citric acid increased the bacterial quantity of gram-positive coccus and total anaerobes in the jejunum. Under the conditions of the present study, we conclude that the citric and benzoic acids, isolated or combined, do not benefit the nutrition of broilers challenged with E. acervulina.(AU)

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da inclusão isolada ou associada dos ácidos cítrico e benzoico na alimentação de frangos de corte sobre o desempenho, a alometria de órgãos do sistema digestório, o pH intestinal e a quantidade de microrganismos no jejuno. Foram utilizados 840 pintos de corte, machos, da linhagem Cobb, distribuídos num delineamento inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 2 × 2, com suplementação ou não de ácido cítrico e suplementação ou não de benzoato de sódio, com sete repetições. Aos 14 dias de idade, foi inoculado, via oral, 1mL de solução contendo 1 × 105 oocistos esporulados de Eimeria acervulina por ave. Não houve efeito dos ácidos sobre o desempenho dos frangos no período de um a 21 dias. No período total (um a 42 dias), os frangos alimentados com a mistura de ácidos cítrico e benzoico apresentaram maior consumo de ração, sem incremento no ganho de peso. Os dados de alometria dos órgãos do sistema digestório e os valores de pH do jejuno não foram influenciados pelos tratamentos. O ácido cítrico aumentou a quantidade de bactérias do gênero cocos Gram positivos e anaeróbios totais no jejuno. Nas condições do presente estudo, conclui-se que os ácidos cítrico e benzoico, isolados ou associados, não beneficiam a nutrição de frangos de corte desafiados com E. acervulina.(AU)
Descritores: Galinhas/metabolismo
Trato Gastrointestinal/crescimento & desenvolvimento
Dieta/veterinária
Ácidos Orgânicos
Microbiota
-Coccidiose/veterinária
Eimeria
Ração Animal
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131507
Autor: Silva, R. L; Silva, M. M; Figueira, A. A; Machado, L. S; Cunha, N. C; Dias, T. S; Soares, N. M; Nascimento, E. R; Pereira, V. L. A.
Título: Prevalência e estudo genético de Mycoplasma gallisepticum e M. synoviae em poedeiras comerciais, na região centro-oeste do estado de São Paulo, Brasil / [Prevalence and genetic study of Mycoplasma gallisepticum and M. synoviae strains from commercial laying hens in the Midwest region of Sao Paulo state, Brazil]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1346-1352, July-Aug. 2020. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi estudar a prevalência de MG e MS e a filogenia das cepas circulantes, comparando-as com outras já descritas em poedeiras comerciais no Brasil. Foram coletados 140 suabes traqueais de poedeiras comerciais com sinais respiratórios em seis granjas da região centro-oeste de São Paulo. As amostras foram avaliadas por PCR, com posterior sequenciamento e análise filogenética das cepas identificadas. Das 140 amostras, 16,4% foram positivas para MG e 68,6% para MS. Houve diferença significativa nas frequências de MG e MS por granja, segundo o teste G de independência (P<0,05). Todas as cepas identificadas de MG e MS de granjas distintas apresentaram similaridade tanto pela lipoproteína para MG quanto pela região 16s rRNA para MS. Neste estudo, foi possível observar altas prevalências dos agentes estudados, sendo a de MS maior que a de MG. Foi detectada infecção mista por MG e MS em 11,4% das amostras e sabe-se que esses micoplasmas podem agir de forma sinérgica, agravando o quadro respiratório. As cepas circulantes identificadas, pela análise das regiões gênicas da lipoproteína para MG e 16S rRNA para MS, são similares em todas as granjas estudadas.(AU)

The aim of this study was to evaluate the prevalence of MG and MS and the phylogeny of the circulating strains, comparing them with others already described in commercial laying hens from Brazil. A total of 140 tracheal swabs were collected from commercial laying hens with respiratory signs in six farms from the western region of São Paulo state. The samples were analyzed by PCR with subsequent sequencing and phylogenetic analysis of the identified strains. From the 140 samples, 68.6% were positive for MS and 16.4% for MG. There was a significant difference in the frequencies of MG and MS per farm according to G Test of independence (P<0.05). All strains identified as MG and MS from distinct farms presented similarity both by lipoprotein to MG and by 16s rRNA region to MS. In this study, it was possible to observe a high prevalence of MS compared to MG. Mixed MG and MS infection was detected in 11.4% of the samples. These mycoplasmas may act synergistically, worsening the respiratory signs. The circulating strains identified by analysis of the lipoprotein for MG and 16S rRNA for MS are similar on all poultry farms studied.(AU)
Descritores: Filogenia
Aves Domésticas
Galinhas/microbiologia
Mycoplasma gallisepticum
Mycoplasma synoviae
-Estudos Transversais
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131509
Autor: Camillo, G; Machado, M. E. A; Cadore, G. C; Bräunig, P; Venturini, M. C; Pardini, L. L; Barros, L. D; Garcia, J. L; Sangioni, L. A; Vogel, F. S. F.
Título: Toxoplasma gondii genotyping from free-range chickens (Gallus gallus domesticus) in a rural area of Rio Grande do Sul, Brazil / [Genotipagem de Toxoplasma gondii em galinhas domésticas em uma área rural do Rio Grande do Sul, Brasil]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1339-1345, July-Aug. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Free-range chickens may ingest oocysts of T. gondii present in the environment and consequently harbor virulent strains of this parasite in different tissues, without any clinical signs. Isolation of T. gondii through bioassays on mice and cats from naturally infected chicken tissues has been described in several countries, demonstrating the importance of free-range chickens in the transmission of this parasite. The aim of this study was the genotypic characterization of T. gondii isolates obtained from naturally infected free-range chickens in a rural area of the state of Rio Grande do Sul, Brazil. Brain and heart tissue from 12 chickens seropositive for T. gondii were processed using peptic digestion technique for parasite isolation. From 12 samples subjected to mouse bioassay, nine isolates were obtained. RFLP-PCR genotypic characterization was performed using 11 genetic markers: SAG1, 5'-3'SAG2, alt.SAG2, SAG3, BTUB, GRA6, c22-8, c29-2, L358, PK1 and Apico. Genetic characterization of the isolates revealed the presence of five atypical genotypes according to ToxoDB (# 11, # 55, # 64, # 140 and # 163). Our results showed a wide genetic diversity of T. gondii in free-range chickens in this region.(AU)

Galinhas criadas ao ar livre podem ingerir oocistos de T. gondii presentes no ambiente e, com isso, albergar cepas virulentas desse parasita em diferentes tecidos, sem sinais clínicos. O isolamento de T. gondii por meio de bioensaios em camundongos e gatos, a partir de tecidos de galinhas naturalmente infectadas, tem sido descrito em vários países. Isso demonstra a importância das galinhas caipiras na epidemiologia desse parasita. O objetivo deste trabalho foi caracterizar genotipicamente isolados de T. gondii obtidos de galinhas caipiras naturalmente infectadas em uma área rural do município de Santa Maria, estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Fragmentos de cérebro e de coração, de 12 galinhas soropositivas para T. gondii, foram processados pela técnica de digestão péptica para isolamento do parasita. Das 12 amostras submetidas a bioensaio com camundongos, nove isolados foram obtidos. A caracterização genotípica por RFLP-PCR foi realizada utilizando-se 11 marcadores genéticos: SAG1, 5'-3'SAG2, alt.SAG2, SAG3, BTUB, GRA6, c22-8, c29-2, L358, PK1 e Apico e revelou a presença de cinco genótipos atípicos de acordo com o ToxoDB (# 11, # 55, # 64, # 140 e # 163). Os resultados mostraram uma ampla diversidade genética de T. gondii em galinhas caipiras nessa região.(AU)
Descritores: Toxoplasma
Bioensaio/veterinária
Galinhas/virologia
Toxoplasmose Animal
Técnicas de Genotipagem/veterinária
-Zona Rural
Reação em Cadeia da Polimerase/veterinária
Limites: Animais
Camundongos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131515
Autor: Melo, R. T; Resende, A. R; Mendonça, E. P; Nalevaiko, P. C; Monteiro, G. P; Buiatte, A. B. G; Rossi, D. A.
Título: Salmonella Minnesota de origem avícola apresenta fatores de virulência e risco potencial aos humanos / [Salmonella Minnesota poultry origin has virulence factors and potential risk to human]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1353-1362, July-Aug. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se avaliar características de virulência, perfil de resistência antimicrobiana e padrão de similaridade genética de 71 cepas de Salmonella Minnesota isoladas na cadeia produtiva de frangos de corte, entre 2009 e 2010, em duas unidades de uma empresa (A e B). Os isolados foram sorotipificados e submetidos ao teste de susceptibilidade antimicrobiana pelo teste de difusão em disco. Utilizando-se PCR, foi avaliada a presença dos genes invA, lpfA, agfA e sefA e os genes de resistência aos betalactâmicos (bla TEM , bla SHV e bla CTX-M ). A relação filogenética foi determinada por RAPD-PCR. Os maiores percentuais de resistência foram para tetraciclina e sulfonamida. Foram reconhecidos oito perfis de resistência aos antimicrobianos entre as cepas isoladas na indústria A, e 11 perfis de resistência na indústria B. Do total de cepas, 100% foram positivas para o gene invA, 98,6% para o gene agfA, 49,3% para o gene lpfA e nenhuma para o gene sefA. Três cepas foram positivas para o gene bla TEM (4,2%) e 11 (15,5%) para o gene bla CTX-M . A avaliação filogenética demonstrou a presença de sete clusters com similaridade superior a 80% e três perfis distintos. Com base no dendrograma, observou-se a disseminação de um mesmo perfil em ambas as empresas.(AU)

The aim of this study was to evaluate virulence characteristics, antimicrobial resistance profile and the pattern of genetic similarity of 71 strains of Salmonella Minnesota isolated in the production chain of broilers between 2009 and 2010, into two units of a company (A and B). Isolates were serotyped and submitted to antimicrobial susceptibility by disk diffusion test. Using PCR, the presence of genes invA, lpfA, agfA and sefA and the genes conferring resistance to beta-lactam (blaTEM, blaSHV and blaCTX-M) were evaluated. The phylogenetic relationship was determined by the RAPD-PCR method. The highest percentages of resistance were to tetracycline and sulfonamide. Eight antimicrobial resistance profiles were recognized among strains isolated in industry A, and 11 resistance profiles in industry B. Of all strains of both industries, 100% were positive for the invA gene, 98.6% to agfA gene, 49.3% for lpfA gene, and no strain showed the sefA gene. Three strains were positive for the gene blaTEM (4.2%), 11 (15.5%) for the blaCTX-M gene. Phylogenetic evaluation showed the presence of seven clusters with similarity greater than 80% and three distinct profiles. Based on the dendrogram we observed the spread with similar profiles in both companies.(AU)
Descritores: Aves Domésticas
Salmonella
Salmonelose Animal/epidemiologia
Galinhas
Fatores de Virulência
-Virulência
Zoonoses/prevenção & controle
Reação em Cadeia da Polimerase
Suscetibilidade a Doenças
Limites: Humanos
Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1145873
Autor: Prinz, Marcos Santos; Fernandes, Bruno Passos; Ribas, Jorge Raimundo Lins; Santos, Maíra Pessoa Jornane Barbosa; Ferrão, Iram da Silva; Leal, Rui Ferreira; Souza, Verena Maria Mendes de; Cerqueira, Robson Bahia.
Título: Monitoring of Newcastle disease in poultry at migratory birds landing sites: Mangue Seco and Cacha Pregos between 2013 and 2014 / Monitoramento da doença de Newcastle em aves domésticas nos sítios de pouso de aves migratórias: Mangue Seco e Cacha Pregos entre 2013 e 2014
Fonte: Arq. Inst. Biol;87:e0122020, 2020. tab, mapas.
Idioma: en.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior ­ Brasil (CAPES).
Resumo: The poultry industry has been considered one of the most efficient agricultural activities, placing Brazil in the ranking of the largest producers of chicken meat. However, a threat to the poultry production chain is the entrance of Newcastle disease virus (NDV) in the country, which would bring huge economic and social losses. Monitoring of the virus was conducted in domestic poultry (Gallus gallus domesticus) farms on the migratory birds landing sites Mangue Seco and Cacha Pregos between 2013 and 2014 to control Newcastle disease (NCD) in these locations. Activities in health education, filling the questionnaire to define the sanitary profile of the farms, georeferenced registration and collection of blood samples, cloacal and tracheal swabs of the backyard birds were the epidemiological surveillance actions performed. A total of 133 serum samples were analyzed in Mangue Seco and 81 in Cacha Pregos. The results showed that both Mangue Seco (63.4%) and Cacha Pregos (88.9%) presented reactive animals for the NDV. The results of real-time polymerase chain reaction (RT-PCR) and viral isolation analyses were negative, proving that the domestic poultry were not eliminating the virus at the time of sample collection. The high percentage of reactive animals by indirect ELISA test in both epidemiological units studied suggests the presence of NDV circulating lentogenic strain, since there was no death registration and the birds did not have characteristic symptoms of the disease.(AU)

A avicultura tem sido considerada uma das atividades agrícolas mais eficientes, colocando o Brasil no ranking dos maiores produtores de carne de frango. No entanto, uma ameaça à cadeia produtiva da avicultura é a entrada do vírus da doença de Newcastle (NDV) no país, o que acarretaria enormes prejuízos econômicos e sociais. O monitoramento do vírus foi realizado em granjas de aves domésticas (Gallus gallus domesticus) nos locais de desembarque de aves migratórias de Mangue Seco e Cacha Pregos entre 2013 e 2014 para controlar a doença de Newcastle (DCNT) nesses locais. Atividades de educação em saúde, preenchimento de questionário para definição do perfil sanitário das fazendas, cadastro georreferenciado e coleta de amostras de sangue e swabs cloacal e traqueal de aves de quintal foram as ações de vigilância epidemiológica realizadas. Um total de 133 amostras de soro foram analisadas em Mangue Seco e 81 em Cacha Pregos. Os resultados mostraram que tanto Mangue Seco (63,4%) quanto Cacha Pregos (88,9%) apresentaram animais reativos para o NDV. Os resultados da reação em cadeia da polimerase em tempo real (RT-PCR) e das análises de isolamento viral foram negativos, comprovando que as aves domésticas não estavam eliminando o vírus no momento da coleta das amostras. O alto percentual de animais reativos pelo teste ELISA indireto em ambas as unidades epidemiológicas estudadas sugere a presença de cepa lentogênica circulante de NDV, uma vez que não houve registro de óbito e as aves não apresentavam sintomas característicos da doença.(AU)
Descritores: Aves Domésticas
Vírus da Doença de Newcastle
Galinhas
-Vírus
Ensaio de Imunoadsorção Enzimática
Registros
Educação em Saúde
Inquéritos e Questionários
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Monitoramento Epidemiológico
Fazendas
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  9 / 851 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-437681
Autor: Tirolli, Izabel Cristina Campos; Costa, Cristóvão Alves da.
Título: Ocorrência de Salmonella spp. em carcaças de frangos recém abatidos em feiras e mercados da cidade de Manaus-AM / Occurrence of Salmonella spp. in chicken carcasses commercialized in open markets in the city of Manaus - Amazonas
Fonte: Acta amaz;36(2):205-208, abr.-jun.2006. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A presente pesquisa avaliou a contaminação em carcaças de frango por salmonelas. O estudo foi realizado em feiras e mercados nas diferentes zonas da Cidade de Manaus-AM, por um período de 11 semanas (março a maio de 1998). Sessenta amostras foram examinadas; destas, trinta (50 por cento) resultaram positivas para Salmonella spp., das quais foram isoladas 67 cepas, incluídas em 11 sorotipos diversos. Entre os sorotipos identificados, a S. panama, S. mbandaka, S. schwarzengrund, S. typhimurium, S. albany e S. agona, foram as predominantes, representando 85 por cento do total isolado. A contaminação de Salmonella é dependente de vários fatores, e a sua ocorrência pode estar relacionada com as condições de higiene da granja. A metodologia empregada para a detecção microbiológica foi a recomendada pela "Food and Drug Administration", dos Estados Unidos da América.

This research evaluates the levels of salmonella that are present in chicken carcasses commercialized in shops and public markets in different zones in the city of Manaus, Amazonas Brazil. Sixty samples were randomly collected in a period of eleven weeks and examined specifically for Salmonella presence. Fifty percent of the samples were positive for Salmonella, and 67 serovars were isolated and distributed mainly among 11 different sorotypes. Those identified,S. panama, S. mbandaka, S. schwarzengrund, S. typhimurium, S. albany, S. agona, corresponded to 85 percent. The contamination of Salmonella is dependent on various factors, and its occurrence may berelated to the hygeine conditions of the poultry farm. The methodology used for the microbiological detection was that recommende by the "Food and Drugs Administration" of the United States of America.
Descritores: Salmonella
Aves
Galinhas
Microbiologia
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 851 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135601
Autor: Lopes, Hugo P; Costa, Gisllany A; Pinto, Ana C. L. Q; Machado, Leandro S; Cunha, Nathalie C; Nascimento, Elmiro R; Pereira, Virginia L. A; Abreu, Dayse L. C.
Título: Detection of the mcr-1 gene in Enteropathogenic Escherichia coli (EPEC) and Shigatoxigenic E. coli (STEC) strains isolated from broilers / Detecção do gene mcr-1 em estirpes de Escherichia coli Enteropatogênicas (EPEC) e Shigatoxigênicas (STEC) isoladas de frangos de corte
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;40(3):165-169, Mar. 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: Enteropathogenic Escherichia coli (EPEC) and Shigatoxigenic E. coli (STEC) strains are among the major pathotypes found in poultry and their products, which are capable of causing human enteric infections. Colistin has been claimed the drug of choice against diseases caused by multidrug-resistant Gram-negative bacteria (MDRGN) in humans. The mcr-1 gene was the first plasmidial gene that has been described to be responsible for colistin resistance and has also been detected in birds and poultry products. Our study aimed to detect the mcr-1 gene in enteropathogenic strains of E. coli in order to evaluate the resistance to colistin in broilers. The material was obtained from 240 cloacal samples and 60 broiler carcasses. The strains were isolated by the conventional bacteriological method and by the virulence genes, which characterize the enteropathogenic strains and resistance, and the samples were detected by polymerase chain reaction (PCR). Of the 213 isolated strains of E. coli, 57 (26.76%) were characterized as atypical EPEC and 35 (16.43%) as STEC. The mcr-1 gene was found in 3.5% (2/57) of the EPEC strains and 5.7% (2/35) of the STEC strains. In this study, it was possible to confirm that the mcr-1 resistance gene is already circulating in the broiler flocks studied and may be associated with the pathogenic strains.(AU)

Escherichia coli Enteropatogênica (EPEC) e Shigatoxigênica (STEC) estão entres os principais patotipos encontrados em aves e produtos avícolas que são capazes de causar doença entérica no homem. A colistina tem sido preconizada como droga de escolha para o tratamento de doenças causadas por bactérias Gram-negativas multirresistentes em humanos. O gene mcr-1 foi o primeiro gene plasmidial a ser descrito como responsável pela resistência a colistina e tem sido descrito em aves e produtos avícolas. Este estudo tem como objetivo a detecção do gene mcr-1 em estirpes de E. coli enteropatogênicas a fim de avaliar a resistência a colistina em frangos de corte. O material foi obtido a partir de 240 amostras cloacais e 60 carcaças de frango de corte. As estirpes foram isoladas pelo método bacteriológico convencional e os genes de virulência, que caracterizam as estirpes enteropatogênicas, e resistência foram detectados pela reação em cadeia pela polimerase (PCR). Das 213 estirpes de E. coli isoladas, 57 (26,76%) foram caracterizadas como EPEC atípica e 35 (16,43%) como STEC. O gene mcr-1 foi encontrado em 3,5% (2/57) das estirpes EPEC e 5,7% (2/35) das estirpes STEC. Neste estudo foi possível confirmar que o gene de resistência mcr-1 já está em circulação nos lotes de frango de corte estudados e pode estar associado às estirpes patogênicas.(AU)
Descritores: Galinhas/microbiologia
Escherichia coli Enteropatogênica/isolamento & purificação
Escherichia coli Enteropatogênica/genética
Escherichia coli Shiga Toxigênica/isolamento & purificação
Escherichia coli Shiga Toxigênica/genética
-Reação em Cadeia da Polimerase/veterinária
Colistina
Genes MDR
Farmacorresistência Bacteriana
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 86 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde