Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.150.900.248.620.750.250.150 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 9 [refinar]
Mostrando: 1 .. 9   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 9 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-899315
Autor: Camargo, Vinícius da Silva; Santana, Bruna Nicoleti; Ferrari, Elis Domingos; Nakamura, Alex Akira; Nagata, Walter Bertequini; Nardi, Ana Rita Moraes; Meireles, Marcelo Vasconcelos.
Título: Detection and molecular characterization of Cryptosporidium spp. in captive canaries (Serinus canaria) using different diagnostic methods / Detecção e caracterização molecular de Cryptosporidium spp. em canários mantidos em cativeiro (Serinus canaria) por diferentes métodos de diagnóstico
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;27(1):60-65, Jan.-Mar. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract This study used several diagnostic methods to examine the occurrence of and molecularly characterize Cryptosporidium spp. in captive canaries (Serinus canaria) in southern and southeastern Brazil. A total of 498 fecal samples were purified by centrifugal-flotation using Sheather's solution. Cryptosporidium spp. diagnosis was performed using three diagnostic methods: malachite green negative staining, nested PCR targeting the 18S rRNA gene, followed by sequencing the amplified fragments, and duplex real-time PCR targeting the 18S rRNA specific to detect Cryptosporidium galli and Cryptosporidium avian genotype III. The overall positivity for Cryptosporidium spp. (total samples positive in at least one protocol) from the microscopic analysis, nested PCR and duplex real-time PCR protocol results was 13.3% (66/498). The positivity rates were 2.0% (10/498) and 4.6% (23/498) for Cryptosporidium spp. by microscopy and nested PCR, respectively. Sequencing of 20 samples amplified by nested PCR identified C. galli (3.0%; 15/498), Cryptosporidium avian genotype I (0.8%; 4/498) and Cryptosporidium avium (0.2%; 1/498). Duplex real-time PCR revealed a positivity of 7.8% (39/498) for C. galli and 2.4% (12/498) for avian genotype III. Malachite green negative staining differed significantly from nested PCR in detecting Cryptosporidium spp. Duplex real-time PCR was more sensitive than nested PCR/sequencing for detecting gastric Cryptosporidium in canaries.

Resumo Este trabalho teve como objetivos determinar a ocorrência e realizar a caracterização molecular de Cryptosporidium spp. em 498 amostras fecais de canários (Serinus canaria) criados em cativeiro, utilizando três métodos de diagnóstico: análise microscópica pela coloração negativa com verde malaquita, nested PCR seguida de sequenciamento dos fragmentos amplificados e PCR duplex em tempo real específica para detecção de Cryptosporidium galli e Cryptosporidium genótipo III de aves. A positividade total para Cryptosporidium spp. (total de amostras positivas em pelo menos um método de diagnóstico) obtida pela análise microscópica, nested PCR e PCR duplex em tempo real foi de 13,3% (66/498). As taxas de positividade para Cryptosporidium spp. foram 2,0% (10/498) e 4,6% (23/498) por microscopia e nested PCR, respectivamente. O sequenciamento de 20 amostras amplificadas pela nested PCR identificou C. galli (3,0%; 15/498), Cryptosporidium genótipo I de aves (0,8%; 4/498) e Cryptosporidium avium (0,2%; 1/498). A PCR duplex em tempo real revelou positividade de 7,8% (39/498) para C. galli e 2,4% (12/498) para Cryptosporidium genótipo III de aves. A análise microscópica diferiu significativamente da nested PCR para detecção de Cryptosporidium spp. A PCR duplex em tempo real apresentou maior sensibilidade que a nested PCR/sequenciamento para detectar as espécies/genótipos gástricos de Cryptosporidium.
Descritores: Canários/parasitologia
Criptosporidiose/diagnóstico
Criptosporidiose/parasitologia
Cryptosporidium/isolamento & purificação
-Brasil
DNA/análise
Cryptosporidium/genética
Técnicas de Diagnóstico Molecular
Animais Domésticos
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1002799
Autor: Beleza, Antonio Jackson F; Maciel, William C; Carreira, Arianne S; Bezerra, Windleyanne G. A; Carmo, Cecilia C; Havt, Alexandre; Gaio, Fernanda C; Teixeira, Régis S. C.
Título: Detection of Enterobacteriaceae, antimicrobial susceptibility, and virulence genes of Escherichia coli in canaries (Serinus canaria) in northeastern Brazil / Detecção de enterobactérias, sensibilidade antimicrobiana e genes de virulência de Escherichia coli em canários belgas (Serinus canaria) da região Nordeste do Brasil
Fonte: Pesqui. vet. bras;39(3):201-208, Mar. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to verify the presence of members from the Enterobacteriaceae family and determine antimicrobial susceptibility profiles of the isolates in canaries bred in northeastern Brazil; in addition, the presence of diarrheagenic Escherichia coli (DEC) and avian pathogenic Escherichia coli (APEC) was also verified in these birds. Samples were collected during an exhibition organized by the Brazilian Ornithological Federation in July 2015 in Fortaleza, Brazil. A total of 88 fecal samples were collected and submitted to pre-enrichment step using buffered peptone water, followed by enrichment with the following broths: brain-heart infusion, Rappaport-Vassiliadis, and Selenite-Cystine. Subsequently, aliquots were streaked on MacConkey, brilliant green and salmonella-shigella agar plates. Colonies were selected according to morphological characteristics and submitted to biochemical identification and antimicrobial susceptibility tests with disk-diffusion technique. E. coli strains were evaluated for the presence of eight DEC genes and five APEC genes through conventional polymerase chain reaction (PCR) screening. The most frequent species observed were Pantoea agglomerans (25%), Serratia liquefaciens (12.5%), and Enterobacter aerogenes (9.1%). A single rough strain of Salmonella enterica subsp. enterica was identified in one sample (1.1%). High resistance rates to amoxicillin (78.7%) and ampicillin (75.4%) were identified. Polymyxin B (9.8%), gentamycin (6.6%), and enrofloxacin (6.6%) were the most efficient antibiotics. The total number of multidrug-resistant strains (isolates resistant to more than three antimicrobial classes) was 23 (37.7%). Four E. coli strains were tested for the virulence genes, and two were positive for APEC virulence genes: one strain was positive for iutA and the other for hlyF. In conclusion, canaries in northeastern Brazil participating in exhibitions may present Salmonella spp., Escherichia coli and other enterobacteria in the intestinal microbiota with antimicrobial resistance. These results indicate that, although the E. coli strains recovered from canaries in this study have some virulence genes, they still do not fulfill all the requirements to be considered APEC.(AU)

O objetivo deste trabalho foi verificar a presença de enterobactérias e determinar o perfil de sensibilidade aos antimicrobianos dos isolados oriundos de canários belgas criados em cativeiro do Nordeste do Brasil, adicionalmente verificou-se a presença de Escherichia coli diarreiogênicas (DEC) e E. coli patogênica aviária (APEC) nesses animais. A colheita das amostras ocorreu durante uma exposição de canários belgas organizada pela Federação Ornitológica do Brasil (FOB), em julho de 2015, na cidade de Fortaleza, Ceará, Brasil. Um total de 88 amostras de fezes foram coletadas e submetidas a pré-enriquecimento utilizando água peptonada, caldo de enriquecimento Brain Heart Infusion, Rappaport-Vassiliadis e Selenito-Cistina. Fez-se triagem em placas de ágar MacConkey, Verde Brilhante e ágar Salmonella Shigella. As colônias foram selecionadas e submetidas à identificação bioquímica e susceptibilidade antimicrobiana. Estirpes de Escherichia coli foram avaliadas quanto a presença de 8 genes de virulência de DEC e cinco de APEC por reação em cadeia da polimerase convencional (PCR). As enterobactérias encontradas com maior frequência foram Pantoea agglomerans (25%), Serratia liquefaciens (12,5%) e Enterobacter aerogenes (9,1%). Uma única estirpe de Salmonella enterica subsp. enterica (rugosa) esteve presente em um dos isolados (1,1%). Altos percentuais de resistência foram encontrados para dois antibióticos: amoxicilina (78,7%) e ampicilina (75,4%). Polimixina B (9,8%), gentamicina (6,8%) e enrofloxacina (6,5%) foram os antibióticos com melhor eficiência. O total de estirpes multirresistentes (a mais de três classes de antimicrobianos) foi de 23 (37,7%). Das quatro estirpes de E. coli isoladas, duas foram positivas para os genes de APEC, sendo uma estipe para o gene iss e outra para os genes iutA e hlyF. Portanto, canários belgas criados em cativeiro no Brasil que participam de exposições podem apresentar Salmonella spp., Escherichia coli e outras enterobactérias em sua microbiota intestinal com resistência antimicrobiana. Estes resultados indicam que as estirpes de E. coli isoladas de canário belga no presente estudo apresentam alguns, mas não todos, genes de virulência para serem caracterizadas como E. coli patogênica para aves (APEC).(AU)
Descritores: Canários/microbiologia
Resistência Microbiana a Medicamentos
Salmonella enterica/isolamento & purificação
Pantoea/isolamento & purificação
Serratia liquefaciens/isolamento & purificação
Enterobacteriaceae/isolamento & purificação
Infecções por Enterobacteriaceae/veterinária
Escherichia coli/isolamento & purificação
-Virulência
Enterobacter aerogenes/isolamento & purificação
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  3 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-875220
Autor: Davies, Yamê Miniero; Guimarães, Marta Brito; Milanelo, Liliane; Oliveira, Maria Gabriela Xavier de; Gomes, Vasco Túlio de Moura; Azevedo, Natalia Philadelpho; Cunha, Marcos Paulo Vieira; Moreno, Luisa Zanolli; Romero, Débora Cristina; Christ, Ana Paula Guarnieri; Sato, Maria Inês Zanoli; Moreno, Andrea Micke; Ferreira, Antonio José Piantino; Sá, Lilian Rose Marques de; Knöbl, Terezinha.
Título: A survey on gram-negative bacteria in saffron finches (Sicalis flaveola) from illegal wildlife tradein Brazil / Pesquisa de bactérias gram-negativas em canários-da-terra (Sicalis flaveola) resgatados do tráfico ilegal de aves no Brasil
Fonte: Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. (Online);53(3):286-294, 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: Passerines such as canaries or finches are the most unlawfully captured species that are sent to wildlife centers in São Paulo, Brazil. Captured birds may have infection by opportunistic bacteria in stressful situations. This fact becomes relevant when seized passerine are reintroduced. The aim of this study was to evaluate the health state of finches from illegal wildlife trade using microbiological approaches. Microbiological samples were collected by cloacal and tracheal swabs of 100 birds, captured during 2012 and 2013. The results indicate high frequency of gram-negative bacteria in feces and oropharynx, especially from the Enterobacteriaceae family (97.5%). The most frequent genera were Escherichia coli (46.5%) and Klebsiella pneumoniae (10.4%). Enterobacter cloacae, Serratia liquefaciens, Serratia spp. Klebsiella oxytoca and Citrobacter freundii were isolated with lower frequency from asymptomatic birds. The presence of enteropathogenic Escherichia coli (EPEC) and Shiga toxinproducing strain (STEC) confirm the zoonotic risks and public health concern.(AU)

No Estado de São Paulo, Brasil, os pássaros como os canários-da-terra têm sido uma das espécies mais frequentemente resgatadas do tráfico ilegal e enviadas aos centros de vida selvagem. Em situações de estresse estas aves podem ser acometidas por infecções causadas por bactérias oportunistas. Este fato é de grande importância quando é planejada da reintrodução das aves na natureza. O presente trabalho foi delineado para avaliar o estado de saúde de canários-da-terra resgatados do tráfico ilegal. Foram colhidas soabes da traqueia e da cloaca de 100 aves resgatadas durante os anos de 2012 e 2013. Os resultados obtidos revelaram alta frequência de bactérias gram-negativas nas fezes e no orofaringe dos animais, com maior frequência para os membros da família Enterobacteriaceae (97,5%). Os gêneros mais frequentes foram Escherichia coli (46,55) e Klebsiella pneumoniae (10,4%). Outros microorganismos incluindo Enterobacter cloacae, Serratia liquefaciens, Serratia spp, Klebsiella oxytoca e Citrobacter freundii também foram isolados em menor frequencia de aves assintomáticas. A presença de estirpes de Escherichia coli enteropagênicas (EPEC) e as produtoras da toxina de Shiga confirmam o risco de zoonose e a importância para saúde pública deste tipo de ave.(AU)
Descritores: Canários/microbiologia
Enterobacteriaceae
Escherichia coli Enteropatogênica
Bactérias Gram-Negativas/virologia
Escherichia coli Shiga Toxigênica
-Comércio
Zoonoses
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-766182
Autor: Horn, Ruben V; Cardoso, William M; Lopes, Elisângela S; Teixeira, Régis S C; Albuquerque, Átilla H; Rocha-e-Silva, Roberta C; Machado, Débora N; Bezerra, Windleyanne G A.
Título: Identification and antimicrobial resistance of members from the Enterobacteriaceae family isolated from canaries (Serinus canaria) / Identificação e resistência antimicrobiana de membros da família Enterobacteriaceae isolados de canários (Serinus canaria)
Fonte: Pesqui. vet. bras;35(6):552-556, June 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: The Enterobacteriaceae family contains potentially zoonotic bacteria, and their presence in canaries is often reported, though the current status of these in bird flocks is unknown. Therefore, this study aimed to identify the most common genera of enterobacteria from canaries (Serinus canaria) and their antimicrobial resistance profiles. From February to June of 2013, a total of 387 cloacal swab samples from eight domiciliary breeding locations of Fortaleza city, Brazil, were collected and 58 necropsies were performed in canaries, which belonged to the Laboratory of Ornithological Studies. The samples were submitted to microbiological procedure using buffered peptone water and MacConkey agar. Colonies were selected according to their morphological characteristics on selective agar and submitted for biochemical identification and antimicrobial susceptibility. A total of 61 isolates were obtained, of which 42 were from cloacal swabs and 19 from necropsies. The most isolated bacteria was Escherichia coli with twenty five strains, followed by fourteen Klebsiellaspp., twelve Enterobacterspp., seven Pantoea agglomerans, two Serratiaspp. and one Proteus mirabilis. The antimicrobial to which the strains presented most resistance was sulfonamides with 55.7%, followed by ampicillin with 54.1% and tetracycline with 39.3%. The total of multidrug-resistant bacteria (MDR) was 34 (55.7%). In conclusion, canaries harbor members of the Enterobacteriaceae family and common strains present a high antimicrobial resistance rate, with a high frequency of MDR bacteria.

A família Enterobacteriaceae possui bactérias com potencial zoonótico e a presença destas bactérias em canários é relatada na literatura, porém a realidade dos plantéis de criadores de canários é desconhecida. Portanto, este trabalho teve como objetivo isolar enterobactérias de canários belga (Serinus canarius) com o intuito de conhecer os gêneros mais comuns nestas aves e suas respectivas resistências a antimicrobianos. De fevereiro a junho de 2013 foram coletadas 387 amostras de swabs cloacais de canários de oito propriedades da cidade de Fortaleza, Brasil e de 58 necropsias de aves do acervo próprio do Laboratório de Estudos Ornitológicos. As amostras foram submetidas a isolamento microbiológico utilizando-se água peptonada e ágar MacConkey. As colônias foram selecionadas de acordo com suas características morfológicas nas placas, submetidas à tipificação bioquímica para identificação e ao teste de sensibilidade a antimicrobianos. Foram isoladas 61 cepas, sendo 42 de suabes cloacais e 19 de necropsias. A bactéria mais isolada foi Escherichia coli com vinte e cinco cepas, seguida por catorze Klebsiella spp., doze Enterobacter spp., sete Pantoea agglomerans, duas Serratiaspp. e uma cepa de Proteus mirabilis. As cepas apresentaram maior resistência a sulfonamidas com 55,7%, seguidas por ampicilina com 54,1% e tetraciclina com 39,3%. Além disso, o total de cepas resistentes a múltiplas drogas (RMD) foi 34 (55,7%). Portanto, conclui-se que os canários albergam enterobactérias e que as cepas apresentam alto índice de resistência a antimicrobianos, com alta frequência de cepas RMD.
Descritores: Bactérias Gram-Negativas/imunologia
Canários/microbiologia
Enterobacteriaceae/imunologia
-Anti-Infecciosos/toxicidade
Autopsia/veterinária
Cloaca/microbiologia
Resistência a Medicamentos
Diarreia/veterinária
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-679112
Autor: Borsa, A; Sanches, O. C; Oliveira, G. R.
Título: Septicemia decorrente de pododermatites em canários de cor (Serinus canarius) / Septicemia resulting from bumblefoot in color canaries (Serinus canarius)
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;65(3):768-772, June 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Relataram-se um surto de pododermatite e quadro septicêmico em aves de um canaril comercial. Quarenta e quatro canários de cor foram escolhidos de forma aleatória, sem distinção de sexo, idade ou cor, os quais vieram a óbito naturalmente, após terem sido afetados pela pododermatite, sem que tivessem se submetido a tratamento prévio. As aves mortas foram encaminhadas para o exame necroscópico, onde amostras de tecidos das áreas afetadas foram colhidas para exames microbiológico, micológico e histológico. Todas as aves necropsiadas apresentavam pododermatite, com inflamação em um ou mais dedos, de aspecto nodular, com ou sem presença de úlceras ou necrose. Staphylococcus aureus plasma coagulase positivo foi isolado dos pés e do fígado de todas as aves. Foi observado que todas as linhagens isoladas foram resistentes aos antimicrobianos da classe das penicilinas (penicilina G e ampicilina) e parcialmente sensíveis ou resistentes à ciprofloxacina. Apenas metade dos isolados foram sensíveis à neomicina e à estreptomicina. Problemas de saúde pública podem estar relacionados ao surgimento de animais reservatórios de cepas multirresistentes para seres humanos contactantes, como neste caso.

An outbreak of bumblefoot and septicemia was reported in birds of commercial breeding. Forty-four color canaries chosen at random, without regard to sex, age or color, which died naturally having been affected with pododermatitis and not undergoing any prior treatment were used. The dead birds were sent for necropsy in which tissue samples from affected areas were taken for microbiological, mycological and histological examination. All necropsied birds had bumblefoot, inflammation in one or more fingers, nodular, with or without the presence of ulcers and necrosis. Staphylococcus aureus plasma-coagulase positive was isolated from the liver and the feet of all birds. It was observed that all isolates were resistant to the penicillin class of antibiotics (penicillin G and ampicillin) and partially sensitive or resistant to ciprofloxacin. Only half of the isolates were sensitive to neomycin and streptomycin. Public health problems may be related to the emergence of animal reservoirs of multi-resistant strains for contacted humans, as in this case.
Descritores: Antibacterianos/farmacologia
Aves
Sepse/patologia
-Canários/classificação
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-674387
Autor: Siqueira, Raul A. S; Lima, Arthur C. L; Cavalcanti, Tarsila; Wagner, Paulo G. C; Guerra, Ricardo R.
Título: Análise da condição corpórea, biometria externa e das vísceras do trato gastrointestinal de canários-da-terra, Sicalis flaveola braziliensis / Analysis of body condition and external and gastrointestinal biometry of saffron finch, Sicalis flaveola braziliensis
Fonte: Pesqui. vet. bras;33(3):379-383, Mar. 2013. ilus, graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Analisaram-se em canários-da-terra, Sicalis flaveola brasiliensis, apreendidos pelo Cetas-IBAMA/PB e que morreram logo após sua chegada, as medidas biométricas externas, condições corpóreas e de plumagem, medidas biométricas das vísceras do trato gastrointestinal (TGI), assim como a topografia visceral, a fim de fornecer dados morfológicos e caracterizar as condições em esses pássaros chegaram a esse centro de triagem. A topografia visceral estava em consonância com a de periquitos e avestruz, a exceção que essa última espécie apresenta um ceco. Verificou-se que há relação entre as condições corpóreas desfavoráveis e a perda de plumagem. Conclui-se, que S. flaveola braziliensis possui medidas biométricas em consonância á de outros Passeriformes, contudo possui divergências para aves do mesmo gênero e poucas diferenças biométricas entre machos e fêmeas. Através do estudo, verifica-se que as condições corpóreas de animais traficados devem ser consideradas nos centros de triagem, a fim de se fazer um melhor manejo nutricional e/ou clínico, diminuindo a mortalidade.

Forty-one saffron finch, Sicalis flaveola brasiliensis, were studied regarding the external biometry, corporeal and plumage conditions, gastrointestinal tract (GIT) biometry, and the visceral topography, in order to provide morphological data and to characterize the condition in which these birds came to the wild animal screening Center. The visceral topography was similar to the found in parakeets and ostriches; however the last have a cecum. There was also relationship between the unfavorable body conditions and the loss of feathers. It was concluded that S. flaveola braziliensis has biometric measurements similar to other Passeriformes, however with differences to birds of the same gender, and few biometric differences among males and females. The results demonstrate that the corporal conditions of trafficked animals should be considered in wild animal screening in order to perform a better nutritional and clinical management, and to lower mortality.
Descritores: Bem-Estar do Animal
Canários/anatomia & histologia
Canários/fisiologia
-Biometria
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-418089
Autor: Costa, C. M; Romão, M. A. P; Bruno, S. F.
Título: Uso do cloridrato de benzidamina no tratamento de cistos de retenção de penas em canários (Serinus canarius) / Use of benzidamina HCL on feather cysts treatment in canaries (Serinus canarius)
Fonte: Arq. ciênc. vet. zool. UNIPAR;7(2):141-144, jul.-dez. 2004. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Os cistos de retenção de penas surgem como nódulos envolvendo um ou vários folículos das penas e sua ocorrência é devida a má formação da pena em crescimento sob a pele. São comuns em canários, principalmente os das raças Norwich e Gloucester. As formas de tratamento preconizadas são relativamente cruentas e susceptíveis a hemorragias. Este artigo descreve a utilizaçào do anti-inflamatório não esteróide, cloridrato de benzidamina, como método adjuvante para o tratamento desta anomalia. Nos últimos três anos, foram tratados 14 canários na Policlínica da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal Fluminense (UFF) com a citada medicação, sendo esta administrada por via oral, diretamente no bico ou diluída na água de beber. As aves tratadas apresentaram maturação dos cistos, facilitando assim a remoção de seu conteúdo, sem os indesejáveis riscos de hemorragia.
Descritores: Benzidamina/uso terapêutico
Canários
Cistos/veterinária
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 9 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-386598
Autor: Rybak, Fanny; Gahr, Manfred.
Título: Modulation by steroid hormones of a "sexy" acoustic signal in an Oscine species, the Common Canary Serinus canaria
Fonte: An. acad. bras. ciênc;76(2):365-367, jun. 2004. graf.
Idioma: en.
Resumo: A influência da testosterona e do estradiol, respectivamente, na estrutura do canto do Canário-do-reino Serinus canaria foi estudada analisando o efeito da manipulação dos níveis sanguíneos de hormônios esteróides em machos nos parâmetros acústicos do canto. Uma analise detalhada dos cantos produzidos antes e depois da manipulação hormonal revelou que testosterona e estradiol parecem controlar independentemente parâmetros acústicos distintos. A presença de receptores para esses hormônios no circuito neuronal para controle da produção do canto sugere fortemente que os efeitos observados são mediados pela ação de esteróides a nivel neuronal.
Descritores: Canários
Estradiol
Antagonistas de Estrogênios
Fadrozol
Testosterona
-Implantes de Medicamento
Vias Neurais
Limites: Animais
Masculino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 9 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-383483
Autor: Freitas, Manuela F. L. De; De Oliveira, Jaqueline B; Cavalcanti, Miriam D. De Brito; Freitas, Djalma A. De.
Título: Occurrence of coccidiosis in canaries (serinus canarius) being kept in private captivity in the state of Pernambuco, Brazil
Fonte: Parasitol. latinoam;58(1/2):86-88, ene. 2003.
Idioma: en.
Resumo: Este estudio tiene como objetivo, caracterizar el estado coproparasitológico de los canarios (Serinus canarius) mantenidos en cautiverio en el estado de Pernambuco, Brasil. De 327 canarios examinados, 167 (50,5 por ciento) presentaron infección por Isospora.
Descritores: Canários
Coccidiose
Isospora
-Brasil
Fezes
Limites: Animais
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde