Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.150.900.649.313.500.380.791 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1248 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 125 ir para página                         

  1 / 1248 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Berne, Maria Elisabeth Aires
Texto completo
Id: lil-750757
Autor: Pinheiro, Amanda Fernandes; Borsuk, Sibele; Berne, Maria Elisabeth Aires; Pinto, Luciano da Silva; Andreotti, Renato; Roos, Talita; Roloff, Barbara Couto; Leite, Fábio Pereira Leivas.
Título: Use of ELISA based on NcSRS2 of Neospora caninum expressed in Pichia pastoris for diagnosing neosporosis in sheep and dogs / Utilização de um ELISA baseado em NcSRS2 de Neospora caninum expressa em Pichia pastoris para diagnóstico de neosporose em ovinos e cães
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;24(2):148-154, Apr-Jun/2015. graf.
Idioma: en.
Projeto: CAPES.
Resumo: Neosporosis is a disease caused by the protozoon Neospora caninum that leads to significant economic losses in many countries. In the present study, we report on use of the recombinant protein NcSRS2 of N. caninum expressed in Pichia pastoris in an indirect immunoenzymatic assay (ELISA) for diagnosing neosporosis infection in sheep and dogs. We observed that the ELISA test yielded specificity of 94.5% and sensitivity of 100% for sheep and specificity of 93.3% and sensitivity of 100% for dogs. We observed that the sensitivity was higher than shown by the indirect fluorescent antibody test, and this was confirmed by means of Western blot. The results from this study suggest that the recombinant protein expressed in P. pastoris is a suitable antigen for use in immunodiagnosis to detect N. caninum in two important species exposed to this parasitosis.

A neosporose é uma doença causada pelo protozoário Neospora caninum que leva a perdas econômicas importantes em muitos países. No presente estudo, é descrita a utilização da proteína recombinante NcSRS2 de N. caninum expressa em Pichia pastoris em um ensaio imunoenzimático indireto (ELISA) para o diagnóstico de infecção por Neospora em ovelhas e cães. Observou-se, que utilizando-se um ELISA, o teste produziu uma especificidade de 94,5% e uma sensibilidade de 100% para ovinos; e uma especificidade de 93,3% e sensibilidade de 100% para cães. Uma maior sensibilidade foi observada em relação à IFI que foi confirmada por Western blot. Os resultados deste estudo sugerem que a proteína recombinante expressa em P. pastoris é bom antígeno para ser utilizado no diagnóstico imunológico para detectar N. caninum em duas espécies importantes expostas a esta parasitose.
Descritores: Infecções Protozoárias em Animais/sangue
Doenças dos Ovinos/sangue
Ensaio de Imunoadsorção Enzimática
Proteínas de Protozoários/sangue
Neospora/imunologia
Doenças do Cão/parasitologia
Doenças do Cão/sangue
Antígenos de Protozoários/sangue
Antígenos de Superfície/sangue
-Pichia/metabolismo
Infecções Protozoárias em Animais/diagnóstico
Doenças dos Ovinos/diagnóstico
Doenças dos Ovinos/parasitologia
Ovinos
Proteínas de Protozoários/biossíntese
Proteínas de Protozoários/imunologia
Doenças do Cão/diagnóstico
Antígenos de Protozoários/biossíntese
Antígenos de Protozoários/imunologia
Antígenos de Superfície/biossíntese
Antígenos de Superfície/imunologia
Limites: Animais
Cães
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Berne, Maria Elisabeth Aires
Almeida, Maria Angela Ornelas de
Texto completo
Id: lil-761131
Autor: Souza, Bárbara Maria Paraná da Silva; Lambert, Sabrina Mota; Nishi, Sandra Mayumi; Benavides, Magda Vieira; Berne, Maria Elisabeth Aires; Madruga, Claudio Roberto; Almeida, Maria Angela Ornelas de.
Título: Galectins and collectinis expression are increased in Haemonchus contortus-infected corriedale sheep / Aumento da expressão gênica de colectinas e galectinas em ovinos corriedale infectados por Haemonchus contortus
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;24(3):317-323, July-Sept. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: Galectins and collectins are proteins classified in the lectin family that have the ability to recognize molecular patterns associated with pathogens. Studies on cattle have demonstrated high expression of these proteins during infection with gastrointestinal nematodes. The aim of this study was to investigate whether the level of Haemonchus contortus infection would alter the expression of galectins (Gal11 and Gal14) and collectins (SPA and CGN) in sheep. Twelve Corriedale sheep exposed to natural infection with nematodes were divided into two groups: group 1 (G1, n = 7) and group 2 (G2, n = 5), with low and high parasite burdens, respectively, based on fecal egg counts and abomasal parasite counts. The fecal egg counts and abomasal parasite counts were significantly different (p < 0.05) between the groups. Galectin and collectin gene expression was observed in all sheep abomasal samples. However, animals with lower infection levels showed lower expression of the genes Gal14, SPA and CGN (p < 0.05). Expression of lectins was associated with the abomasal H. contortus burden, thus suggesting that these proteins may have a role in controlling of this infection.

Colectinas e galectinas são proteínas da família das lectinas que possuem a capacidade de reconhecer padrões moleculares associados aos patógenos. Estudos em bovinos têm demonstrado a alta expressão dessas proteínas durante a infecção por nematoides gastrintestinais. O objetivo deste estudo foi investigar se o nível de infecção de Haemonchus contortus altera a expressão de colectinas (SPA e CGN) e galectinas (Gal11 e Gal14) de ovinos. Doze ovinos da raça Corriedale expostos a infecção natural com nematoides foram separados em dois grupos: grupo 1 (G1, n=7) com menor grau de parasitismo; e grupo 2 (G2, n=5) com maior grau, a partir da contagem do número de parasitos recuperados do abomaso e OPG. A contagem de OPG e de parasitos recuperados do abomaso dos grupos G1 e G2 apresentaram diferença estatística (p<0,05). A expressão dos genes de colectinas e galectina foi observada em todas as amostras de abomaso dos ovinos, porém animais com menor grau de infecção apresentaram menor expressão dos genes de Gal14, SPA e CGN (p<0,05). A expressão de lectinas foi associada ao número de H. contortus encontrados no abomaso de ovinos, indicando um possível papel dessas proteínas no controle da infecção.
Descritores: Doenças dos Ovinos/metabolismo
Colectinas/biossíntese
Galectinas/biossíntese
Hemoncose/veterinária
-Ovinos
Expressão Gênica
Colectinas/genética
Galectinas/genética
Hemoncose/genética
Hemoncose/metabolismo
Haemonchus
Limites: Animais
Masculino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770309
Autor: Souza, Luiz Eduardo Barreto de; Cruz, Jurandir Ferreira da; Teixeira Neto, Milton Rezende; Albuquerque, George Rêgo; Melo, Antonio Diego Brandão; Tapia, Daniel Mario Tapia.
Título: Epidemiology of Eimeria infections in sheep raised extensively in a semiarid region of Brazil / Epidemiologia da infecção por Eimeria em ovinos criados extensivamente em região semiárida no Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;24(4):410-415, Oct.-Dec. 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The aim of this study was to identify and determine the prevalence of Eimeria species affecting sheep raised extensively in a semiarid region of Brazil. Fecal samples of native sheep were collected during the rainy and dry seasons. The degree of infection was determined by counting oocysts per gram (OPG) of feces, and the morphometric method was used for species identification. Oocysts were found in all the properties assessed, in which 68.3% of the animals were infected. The prevalence of oocysts was influenced by the season and animal category (P<0.05). It was higher during the rainy season than the dry season (80.2% vs. 55.8%) and highest in young animals than the adults animals (68.2% vs. 39.6%). The OPG was lower during the dry season (1,269 ± 312 vs. 4,400 ± 1,122). Ten species were found; of these, E. ovinoidalis, E. granulosa, E. faurei, and E. crandallis were the most frequent. E. ovinoidalis and E. crandallis were found in all properties, with their prevalences being 19.4% and 13.6% respectively. The high prevalence of pathogenic species shows that eimeriosis is a risk for animals raised extensively in the semiarid region.

Resumo Objetivou-se neste estudo identificar e determinar a prevalência de espécies de Eimeria que parasitam ovinos criados extensivamente em região semi-árida. Amostras de fezes de ovinos nativos foram coletados durante as estações chuvosa e seca. O grau de infecção foi determinado pela contagem de oocistos por grama de fezes (OoPG)e o método morfométrico foi utilizado para a identificação das espécies. Foram encontrados oocistos em todas os rebanhos avaliados e observou-se que 68,3% dos animais estavam infectados. A prevalência de oocistos foi influenciada pela estação climática e pela categoria dos animais (P<0,05), sendo mais alta durante a estação chuvosa em relação a estação seca (80,2% vs. 55,8%) e em animais jovens em relação aos animais adultos (68,2% vs. 39,6%). O OoPG foi menor durante a estação seca (1.269 ± 312 vs. 4.400 ± 1.122). Dez espécies foram encontradas sendo a E. ovinoidalis, E. granulosa, E. faurei, e E. crandallis as mais frequentes. E. ovinoidalis e E. crandallis foram encontrados em todas as propriedades, com prevalências de 19,4% e 13,6%, respectivamente. A alta prevalência de espécies patogênicas mostra que eimeriose é um risco para os animais criados extensivamente na região semiárida.
Descritores: Doenças dos Ovinos/epidemiologia
Coccidiose/veterinária
Eimeria
-Brasil/epidemiologia
Ovinos
Prevalência
Coccidiose/epidemiologia
Fezes/parasitologia
Criação de Animais Domésticos
Limites: Animais
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770318
Autor: Nunes, Annelise Castanha Barreto Tenório; Silva, Edna Maria Vieira da; Oliveira, José Aelson de; Yamasaki, Elise Myuki; Kim, Pomy de Cássia Peixoto; Almeida, Jonatas Campos de; Nunes, Kleber Barros; Mota, Rinaldo Aparecido.
Título: Application of different techniques to detect Toxoplasma gondii in slaughtered sheep for human consumption / Utilização de diferentes técnicas para detecção de Toxoplasma gondii em ovinos abatidos para consumo humano
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;24(4):416-421, Oct.-Dec. 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The aim of this study was to investigate occurrence of Toxoplasma gondii in sheep slaughtered in the state of Alagoas, Brazil, by means of different diagnosis techniques. Serum samples and tissues from 100 slaughtered sheep were used. To detect antibodies, the indirect immunofluorescence antibody test (IFAT) was used, and tissues from seropositive animals (cut-off ≥1:64) were submitted to Polymerase Chain Reaction (PCR) and immunohistochemistry (IHC). To assess the concordance between the direct techniques, the kappa test was used. In the IFAT, it was observed that 14% (14/100) of the ovine samples were serum-positive. In the PCR, 21.43% (3/14) of the animals were positive and in IHC, it was observed that 7.14% (1/14) were positively stained for T. gondii in cerebral tissue. Histopathologically, the predominant finding was the presence of mononuclear cell infiltrate in the heart and a perivascular cuff in the cerebrum and cerebellum. The concordance between the direct diagnosis techniques was moderate (k=0.44). Thus, it is important to use different direct techniques in diagnosing toxoplasmosis in naturally infected sheep.

Resumo O objetivo deste estudo foi pesquisar a ocorrência de Toxoplasma gondii em ovinos abatidos no Estado de Alagoas, Brasil por meio de diferentes técnicas de diagnóstico. Foram utilizadas amostras de soros e tecidos de 100 ovinos abatidos. Para a pesquisa de anticorpos foi utilizada a Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI), e os tecidos dos animais soropositivos (ponto de corte ≥1:64) foram submetidos às técnicas de Reação de Cadeia da Polimerase (PCR) e Imunohistoquímica (IHQ). Para o estudo da concordância entre as técnicas diretas foi empregado o teste Kappa. Na RIFI, 14% (14/100) das amostras foram soro-positivas. Na PCR, 21,43% (3/14) dos animais foram positivos e, na IHC, 7,14% (1/14) apresentaram marcação positiva para T. gondii no tecido cerebral. Na histopatologia, o achado predominante foi o infiltrado celular mononuclear no coração e manguito perivascular no cérebro e cerebelo. A concordância entre as técnicas diretas de diagnóstico foi moderada (K= 0,44). Desse modo, é importante utilizar diferentes técnicas diretas no diagnóstico da toxoplasmose em ovinos naturalmente infectados.
Descritores: Doenças dos Ovinos/parasitologia
Toxoplasma/imunologia
Ovinos/parasitologia
Anticorpos Antiprotozoários/análise
Toxoplasmose Animal/parasitologia
-Doenças dos Ovinos/diagnóstico
Encéfalo/parasitologia
Brasil
Imuno-Histoquímica/veterinária
Reação em Cadeia da Polimerase/veterinária
Técnica Indireta de Fluorescência para Anticorpo/veterinária
Responsável: NI15.1 - CEDOC - Centro de Documentación e Información


  5 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-830050
Autor: Magalhães, Fernando Jorge Rodrigues; Ribeiro-Andrade, Müller; Alcântara, Adrianne Mota de; Pinheiro Júnior, José Wilton; Sena, Maria José de; Porto, Wagnner José Nascimento; Vieira, Rafael Felipe da Costa; Mota, Rinaldo Aparecido.
Título: Risk factors for Toxoplasma gondii infection in sheep and cattle from Fernando de Noronha Island, Brazil / Fatores de risco para infecção por Toxoplasma gondii em ovinos e bovinos na Ilha de Fernando de Noronha, Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;25(4):511-515, Sept.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FACEPE.
Resumo: Abstract Toxoplasmosis is a zoonotic disease of global distribution that affects all warm-blooded animals. The purpose of this investigation was to determine the prevalence of T. gondii infection and identify the risk factors associated with its occurrence in domestic ruminants raised on the island of Fernando de Noronha, Brazil, and to confirm that cattle and sheep raised in Fernando de Noronha Island present statistically different T. gondii prevalence rates. Serum samples were collected from sheep (n=240) and cattle (n=140) for the detection of antibodies by indirect immunofluorescence. Samples were collected from all the animals on all the farms. Risk factors were analyzed by univariate analysis and logistic regression. The prevalence rate of positive sheep was 85.0% while that of cattle was 10.7%. A multivariate analysis revealed that the site of contact of sheep with felines was a risk factor. For cattle, the risk factors identified in this study were: extensive farming system, water source, more than three cats per farm, and the presence of rats in feed storage locations. The findings revealed a significant difference in the prevalence rates in sheep and cattle raised in this insular environment.

Resumo A toxoplasmose é uma zoonose cosmopolita que acomete animais de sangue quente. Objetivou-se nessa investigação determinar a prevalência e identificar os fatores de risco associados à ocorrência da infecção por T. gondii em ruminantes domésticos criados na Ilha de Fernando de Noronha e demonstrar que bovinos e ovinos criados na ilha de Fernando de Noronha, Brasil, apresentam prevalências estatisticamente distintas. Foram obtidas amostras de soro sanguíneo de todos os ovinos (n=240) e bovinos (n=140) de todas as propriedades da ilha para a pesquisa de anticorpos na Reação de Imunofluorescência Indireta. Os fatores de risco foram analisados por meio da análise univariada e regressão logística. A prevalência de ovinos reagentes foi de 85,0% e 10,7% para bovinos, que foram significativamente diferentes. Na análise multivariada, local de contato de ovinos com outras espécies foi identificado como fator de risco. Para os bovinos, os fatores de risco foram: sistema extensivo, fonte de água, número de gatos nas propriedades e a presença de rato. Os resultados obtidos demonstram diferença significativa nas prevalências em ovinos e bovinos criados neste ambiente insular.
Descritores: Doenças dos Ovinos/epidemiologia
Doenças dos Bovinos/epidemiologia
Toxoplasmose Animal/etiologia
-Doenças dos Ovinos/parasitologia
Toxoplasma
Brasil/epidemiologia
Ovinos
Anticorpos Antiprotozoários
Doenças dos Bovinos/parasitologia
Estudos Soroepidemiológicos
Toxoplasmose Animal/epidemiologia
Fatores de Risco
Limites: Animais
Gatos
Cães
Responsável: NI15.1 - CEDOC - Centro de Documentación e Información


  6 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-795083
Autor: Holsback, Luciane; Luppi, Pedro Alex Ramsey; Silva, Camile Sanches; Negrão, Gustavo Kremer; Conde, Gabriel; Gabriel, Hugo Vinícius; Balestrieri, João Vitor; Tomazella, Lucas.
Título: Anthelmintic efficiency of doramectin, fenbendazole, and nitroxynil, in combination or individually, in sheep worm control / Eficiência anti-helmíntica da doramectina, fenbendazole e nitroxinil, associados ou utilizados individualmente, no controle da verminose ovina
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;25(3):353-358, July-Sept. 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The anthelmintic efficiency of doramectin, fenbendazole, and nitroxynil, used individually or in combination, was determined by the Fecal Egg Count Reduction (FECR) test and cultivation of larvae of anthelminthic-treated sheep grouped as follows: G1 (doramectin), G2 (fenbendazole), G3 (nitroxynil), G4 (doramectin + fenbendazole), G5 (doramectin + nitroxynil), G6 (fenbendazole + nitroxynil), G7 (doramectin + nitroxynil + fenbendazole), G8 (untreated). In addition to individually used doramectin and fenbendazole, the helminths were also resistant to the combination of doramectin + fenbendazole; nitroxynil + fenbendazole; and doramectin + nitroxynil + fenbendazole, with their FECR rates ranging from 62-83%. The helminths showed possible nitroxynil-resistance, but had low resistance when the drug was administered in combination with doramectin. The evaluation of individual helminth species revealed that fenbendazole was fully effective against Cooperia; doramectin (G1), moderately effective against Haemonchus and insufficiently active against Cooperia; nitroxynil, effective against Haemonchus and insufficiently active against Cooperia. It was concluded from the results that herd nematodes are resistant to doramectin, fenbendazole, and nitroxynil, and that the combined use of the drugs not only fails to significantly improve the anthelmintic efficiency against Haemonchus and Cooperia, but is also cost-ineffective.

Resumo Eficiências da doramectina, fenbendazole e nitroxynil, utilizados individualmente ou associadamente, foram determinadas através do Teste de Redução na Contagem de Ovos nas Fezes (RCOF) e cultivo de larvas. Os grupos experimentais foram os seguintes: G1 (ovinos tratados com doramectina), G2 (fenbendazole), G3 (nitroxynil), G4 (doramectina + fenbendazole), G5 (doramectina + nitroxynil), G6 (fenbendazole + nitroxynil), G7 (doramectina + fenbendazole + nitroxynil) e G8, não tratados. Os helmintos foram considerados resistentes a doramectina e ao fenbendazole isoladamente e às associações doramectina + fenbendazole, fenbendazole + nitroxynil, e doramectina + fenbendazole + nitroxynil, com taxas de RCOF variando de 62-83%. Helmintos foram considerados suspeitos de resistência ao nitroxynil e apresentaram baixa resistência, quando esta droga foi associada à doramectina. Dos tratamentos isolados, o fenbendazole demonstrou total eficácia (100%) contra Cooperia. Doramectina (G1) foi moderadamente efetiva contra Haemonchus e insuficientemente ativa contra Cooperia, e o nitroxynil efetivo contra Haemonchus (93,2%) e insuficientemente ativo contra Cooperia (0%). Concluiu-se neste estudo que os nematódeos do rebanho são resistentes à doramectina, fenbendazole e nitroxynil, e que, ainda que associadas, não devem ser utilizadas no rebanho por não melhorarem a eficiência anti-helmíntica nem a efetividade contra Haemonchus e Cooperia e por não apresentarem custo-benefício justificado.
Descritores: Doenças dos Ovinos/tratamento farmacológico
Ivermectina/análogos & derivados
Fenbendazol/uso terapêutico
Anti-Helmínticos/uso terapêutico
Nitroxinila/uso terapêutico
-Contagem de Ovos de Parasitas
Doenças dos Ovinos/parasitologia
Ivermectina/uso terapêutico
Ovinos
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-795084
Autor: Rodrigues, Fernando de Souza; Tavares, Luiz Eduardo Roland; Paiva, Fernando.
Título: Efficacy of treatments with toltrazuril 7. 5% and lasalocid sodium in sheep naturally infected with Eimeria spp / Eficácia de tratamentos com toltrazuril 7, 5% e lasalocida sódica em ovinos naturalmente infectados com Eimeria spp
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;25(3):293-298, July-Sept. 2016. tab.
Idioma: en.
Projeto: CNPq.
Resumo: Abstract The objective of this study was to evaluate the efficacy of an experimental formulation of toltrazuril 7.5% + Trimix™ on a naturally acquired infection of Eimeria spp. in suckling lambs kept on pasture and, in another trial, evaluate the comparative efficacy between lasalocid and toltrazuril 7.5% + Trimix™ in newly weaned sheep under feedlot conditions that had been naturally infected with Eimeria spp. In the first experiment, 30 suckling lambs were divided into two groups: A - treated with toltrazuril 7.5% + Trimix™ and B- control. In experiment 2, 30 weaned sheep were divided into three groups: I - treated with toltrazuril 7.5% + Trimix™, II - treated with lasalocid and III - control. Treatment group A showed an efficacy of 90, 99.4 and 87.3% on days 5, 10 and 20, respectively. Treatment group I had an efficacy of 98.2, 92.6 and 94.5%, while group II had an efficacy of 72.7, 81.6 and 95.9% on days 7, 21 and 42, respectively. Eight Eimeria species were identified; E. ovinoidalis was the most common. Treatment with the toltrazuril 7.5% +Trimix ™ formulation was effective against Eimeria spp. in suckling lambs in field conditions and lambs weaned in under feedlot conditions.

Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia de uma formulação experimental de toltrazuril 7,5% + Trimix™ em cordeiros mantidos em pastagem com infecção naturalmente adquirida por Eimeria spp. e, em outro teste, a eficácia comparativa entre lasalocida sódica e toltrazuril 7,5% + Trimix™ em ovinos recém-desmamados, naturalmente infectados com Eimeria spp. em condições de confinamento. No primeiro experimento, 30 cordeiros lactantes foram divididos em dois grupos: A - tratados com toltrazuril 7,5% + Trimix™; e B - controle. No experimento 2, 30 ovinos desmamados foram divididos em três grupos: I - tratados com toltrazuril 7,5% + Trimix™; II - tratados com lasalocida sódica; e III - controle. O grupo A (tratado) obteve uma eficácia de 90, 99,4 e 87,3% nos dias 5, 10 e 20, respectivamente. O grupo I teve eficácia de 98,2, 92,6 e 94,5%, enquanto o grupo II teve uma eficácia de 72,7, 81,6 e 95.9% nos dias 7, 21 e 42, respectivamente. Foram identificadas oito espécies de Eimeria sendo E. ovinoidalis a mais comum. O tratamento com a formulação de toltrazuril 7,5% + Trimix™ foi eficaz contra Eimeria spp. em cordeiros em lactação em condições de campo e em ovinos desmamados em confinamento.
Descritores: Doenças dos Ovinos/tratamento farmacológico
Triazinas/uso terapêutico
Coccidiose/veterinária
Coccidiostáticos/uso terapêutico
Eimeria
Lasalocida/uso terapêutico
-Doenças dos Ovinos/parasitologia
Ovinos
Coccidiose/parasitologia
Coccidiose/tratamento farmacológico
Fezes/parasitologia
Animais Lactentes
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-777531
Autor: Salgado, Jordana Andrioli; Santos, Clóvis de Paula.
Título: Overview of anthelmintic resistance of gastrointestinal nematodes of small ruminants in Brazil / Panorama da resistência anti-helmíntica em nematoides gastrointestinais de pequenos ruminantes no Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;25(1):3-17, Jan.-Mar. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Frequent and inappropriate use of all classes of antiparasitic drugs in small ruminants has led to failures in their effectiveness, culminating in a global problem of anthelmintic resistance. Brazil stands out as one of the world’s leaders in publications about anthelmintic resistance, and for having the most numerous reports of this resistance in small ruminants in the Americas. These studies have involved mainly the fecal egg count reduction test (FECRT) and its correlation with field management practices. In vivoeffectiveness testing is conducted in areas where livestock is of greater economic significance, e.g., in the South (sheep) and Northeast (goats), or is important for research and economic centers, such as the Southeast (sheep). The most widely studied species is sheep, for which the widest range of drugs is also evaluated. Despite significant advances achieved in molecular research, laboratory analyses should include knowledge about the reality in the field so that they can become feasible for the producer. Moreover, molecular studies can be underpinned by the analysis of field studies, such as the maintenance of antiparasitic effectiveness over time and the mechanisms involved in this process.

Resumo O uso frequente e inapropriado de todas as classes de antiparasitários em pequenos ruminantes levou a falhas de eficácia, culminando na problemática global de resistência anti-helmíntica. O Brasil destaca-se como sendo um dos pioneiros nas publicações com resistência anti-helmíntica no mundo e por ter o maior número de relatos em pequenos ruminantes na América. Essas pesquisas envolvem principalmente o teste da redução da contagem de ovos nas fezes (TRCOF) e sua correlação com as práticas de manejo utilizadas no campo. Os estudos de testes de eficácia in vivo localizam-se em áreas onde há maior importância dos rebanhos como nas Regiões Sul (ovinos) e Nordeste (caprinos), ou com importância em polos de pesquisa e econômicos, como a região Sudeste (ovinos). Ovina é a espécie mais estudada e com maior gama de drogas avaliadas. Mesmo com grande avanço em pesquisas moleculares, as análises laboratoriais devem envolver o conhecimento da realidade do campo para que possam se tornar viáveis ao produtor. Além disso, a análise dos estudos de campo pode nortear estudos moleculares como, por exemplo, a manutenção da eficácia das drogas ao longo dos anos e os mecanismos envolvidos em tal processo.
Descritores: Doenças dos Ovinos/tratamento farmacológico
Resistência a Medicamentos
Doenças das Cabras/tratamento farmacológico
Anti-Helmínticos/uso terapêutico
Nematoides/efeitos dos fármacos
Infecções por Nematoides/veterinária
-Contagem de Ovos de Parasitas/veterinária
Doenças dos Ovinos/parasitologia
Ruminantes
Brasil
Cabras
Ovinos
Doenças das Cabras/parasitologia
Infecções por Nematoides/tratamento farmacológico
Limites: Animais
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1248 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-899296
Autor: Oliveira, Plínio Aguiar de; Riet-Correa, Beatriz; Estima-Silva, Pablo; Coelho, Ana Carolina Barreto; Santos, Bianca Lemos dos; Costa, Marco André Paldês; Ruas, Jerônimo Lopes; Schild, Ana Lucia.
Título: Multiple anthelmintic resistance in Southern Brazil sheep flocks / Múltipla resistência anti-helmíntica em rebanhos ovinos no sul do Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;26(4):427-432, Oct.-Dec. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Gastrointestinal parasites represent an important cause of reduced productivity of sheep worldwide. As anthelmintic are still the main control tool for these parasites, this work evaluated the efficacy of commercially available active principles in 22 sheep flocks in the southern region of Rio Grande do Sul, Brazil. In each farm 10 sheep were randomly distributed in seven groups with the following treatments: abamectin; albendazole; closantel; levamisole; monepantel; trichlorphon and no anthelmintic (control). All flocks showed resistance to at least three anthelmintics and in 20 farms only two products demonstrated efficacy for parasitic control. In two farms, there was no susceptibility to the six active principles tested. The results of this study provide evidence that the common commercially available anthelmintic are not assuring effective chemical control of gastrointestinal parasitic infections in ovine flocks in the southern region of Rio Grande do Sul. Monepantel, the newest introduced drug in the Brazilian market was not effective in 18% of the flocks tested, confirming that the parasitic resistance can be established quickly after the introduction of new molecules mainly when alternative program of parasite control is not performed.

Resumo As parasitoses gastrintestinais representam importante causa de queda na produtividade na ovinocultura mundial. Como a utilização de anti-helmínticos é, ainda, a principal forma de controle parasitário, o presente estudo avaliou a eficácia de princípios ativos comercialmente disponíveis, em 22 rebanhos ovinos da região Sul do Rio Grande do Sul, Brasil. Em cada propriedade foram utilizados 10 ovinos divididos em sete grupos que receberam os seguintes tratamentos: abamectina; albendazole; closantel; levamisole; monepantel; e triclorfon. Um grupo permaneceu como controle, sem tratamento anti-helmíntico. Nas 22 propriedades do estudo houve resistência, no mínimo, a três anti-helmínticos. Em 20 propriedades apenas dois produtos demonstraram eficácia para o controle parasitário. Em duas propriedades não houve sensibilidade aos seis princípios ativos testados. Os resultados do presente estudo demonstraram que os anti-helmínticos disponíveis no marcado Brasileiro não asseguram um controle parasitário efetivo nos rebanhos ovinos da região Sul do Rio Grande do Sul, incluindo o monepantel que foi ineficaz em 18% dos rebanhos testados, confirmando que a resistência dos parasitos aos princípios ativos pode se estabelecer rapidamente após a introdução de novas moléculas, principalmente quando programas alternativos de controle não são realizados.
Descritores: Doenças dos Ovinos/parasitologia
Doenças dos Ovinos/tratamento farmacológico
Resistência a Múltiplos Medicamentos
Helmintíase Animal/tratamento farmacológico
Anti-Helmínticos/uso terapêutico
-Brasil
Ovinos
Limites: Animais
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 1248 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-886820
Autor: BIANCHI, ANDERSON E; SILVA, ALEKSANDRO S DA; BIAZUS, ANGELISA H; RICHARDS, NEILA S P S; PELLEGRINI, LUIS G; BALDISSERA, MATHEUS D; MACEDO, VICENTE P; SILVEIRA, ANDRÉ L F DA.
Título: Adding palm oil to the diet of sheep alters fatty acids profile on yogurt: Benefits to consumers
Fonte: An. acad. bras. ciênc;89(3,supl):2471-2478, 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT The aim of this study was to modify the fatty acid profile of yogurt from sheep milk by the inclusion of different concentrations of palm oil into their diet. Thus, thirty-six sheep during lactation were separated in four groups with nine animals each, as described below: the group T0 (0%); the group T2 (inclusion of 2% of palm oil); the group T4 (inclusion of 4% of palm oil) and the group T6 (inclusion of 6% of palm oil). After 60 days of the supplementation, milk samples were collected and yogurt was produced, which was evaluated regarding the concentration of saturated fatty acids (SFA), monounsaturated fatty acids (MFA), and polyunsaturated fatty acids (PFA). A significant reduction (p<0.05) in most SFA and a significant increase (p<0.05) on MFA and PFA was observed in the yogurt of sheep supplemented with 4 and 6% of palm oil. Consequently, it is possible to conclude that palm oil supplementation exerts positive effects on yogurt, since it led to the reduction of undesirable fatty acids and increased fatty acids beneficial to human health.
Descritores: Iogurte/análise
Ovinos
Óleo de Palmeira/administração & dosagem
Suplementos Nutricionais
Leite/química
Ácidos Graxos/análise
-Indústria de Laticínios
Fenômenos Fisiológicos da Nutrição Animal
Limites: Humanos
Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 125 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde