Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.150.900.649.313.984.235.472 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1153 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 116 ir para página                         

  1 / 1153 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Vidotto, Odilon
Labruna, Marcelo Bahia
Biondo, Alexander Welker
Texto completo
Id: lil-761173
Autor: VIEIRA, Rafael Felipe da Costa; VIDOTTO, Odilon; VIEIRA, Thállitha Samih Wischral Jayme; GUIMARAES, Ana Márcia Sá; SANTOS, Andrea Pires dos; NASCIMENTO, Naíla Cannes; SANTOS, Nelson Jesse Rodrigues dos; MARTINS, Thiago Fernandes; LABRUNA, Marcelo Bahia; MARCONDES, Mary; BIONDO, Alexander Welker; MESSICK, Joanne Belle.
Título: Molecular investigation of hemotropic mycoplasms in human beings, dogs and horses in a rural settlement in Southern Brazil / Investigação molecular de espécies de micoplasmas hemotrópicos em cães, equinos e humanos de um assentamento rural do Sul do Brasil
Fonte: Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo;57(4):353-357, July-Aug. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: SUMMARYThe aims of this study were to determine the prevalence of hemoplasmas in a rural Brazilian settlement's population of human beings, their dogs and horses, highly exposed to tick bites; to identify the tick species parasitizing dogs and horses, and analyze factors associated with their infection. Blood samples from 132 dogs, 16 horses and 100 humans were screened using a pan-hemoplasma SYBR green real-time PCR assay followed by a species-specific TaqMan real-time PCR. A total of 59/132 (44.7%) dog samples were positive for hemoplasmas (21 Mycoplasma haemocanisalone, 12 ' CandidatusMycoplasma haematoparvum' alone and 21 both). Only 1/100 (1.0%) human sample was positive by qPCR SYBR green, with no successful amplification of 16S rRNA or 23 rRNA genes despite multiple attempts. All horse samples were negative. Dogs >1 year of age were more likely to be positive for hemoplasmas ( p= 0.0014). In conclusion, although canine hemoplasma infection was highly prevalent, cross-species hemoplasma transmission was not observed, and therefore may not frequently occur despite overexposure of agents and vectors.

RESUMOOs objetivos deste estudo foram determinar a prevalência de hemoplasmas numa população restrita de cães, equinos e humanos altamente expostos a picadas de carrapatos em assentamento rural brasileiro; identificar as espécies de carrapatos parasitando cães e equinos, e analisar os fatores associados à infecção. Amostras de sangue de 132 cães, 16 cavalos e 100 humanos foram avaliadas utilizando um protocolo pan-hemoplasma em PCR quantitativas em tempo real (qPCR) com SYBR green, seguido de qPCR TaqMan espécie-específicos. Cinquenta e nove/132 (44,7%) cães foram positivos para hemoplasmas (21 Mycoplasma haemocanis, 12 ' Candidatus Mycoplasmahaematoparvum' e 21 para ambos). Uma amostra humana do total de 100 (1%) foi positiva pelo qPCR SYBR green, mas os genes 16S rRNA ou 23S rRNA não foram amplificados com sucesso, apesar de inúmeras tentativas. Todas as amostras de cavalos foram negativas. Cães > 1 ano apresentaram mais chance de serem positivos para hemoplasmas ( p= 0,0014). Concluindo, embora infecções por hemoplasmas caninos sejam altamente prevalentes, a transmissão de hemoplasmas entre espécies não foi observada, e desta forma podem não ocorrer de forma frequente apesar da alta exposição aos agentes e vetores.
Descritores: Doenças do Cão/microbiologia
Doenças dos Cavalos/microbiologia
Infecções por Mycoplasma/microbiologia
Infecções por Mycoplasma/veterinária
Mycoplasma/genética
-Brasil/epidemiologia
Doenças do Cão/epidemiologia
Doenças dos Cavalos/epidemiologia
Cavalos
Infecções por Mycoplasma/epidemiologia
Mycoplasma/classificação
Filogenia
Prevalência
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Fatores de Risco
População Rural
Limites: Humanos
Animais
Feminino
Cães
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1148254
Autor: Torres, Paula Barbosa; Santiago, Juliano Martins; Lucena, Jorge Eduardo Cavalcante; Lima, Gustavo Simões; Melo, Daniel Anderson de Souza; Moraes, Alisson Vinícius Mota; Silva, Andreza Correia da; Bezerra, Diogo Gutemberg Nascimento.
Título: Characterizing the vaquejada horse herd in the brazilian state of Pernambuco / Caracterização do rebanho pernambucano de equinos de vaquejada
Fonte: Biosci. j. (Online);36(6):2133-2141, 01-11-2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to determine the age groups, breeds, and morphological characteristics of horses used in vaquejada competitions, as well as to define how often the animals compete, the results achieved in the contests, and the duration of training. A sample of 1,271 horses used in vaquejada competitions was employed in the study. The first step consisted in interviewing owners to obtain information on the age and breed of the horses, vaquejada circuits in which they compete, frequency of competition in vaquejada, results reached in the trials, and training duration per month, week, and day. The second step obtained 15 linear measurements and calculated eight morphometric indices. The data obtained from the interviews were submitted to descriptive statistical analyses. The linear measurements and morphometric indices were used to compare sexes using a completely randomized experimental design. The results showed that 80.3% of the vaquejada horses were between four and ten years old and that 89% of the animals were of the Quarter Horse. The morphometric measures showed that stallions had higher height at withers, back, and croup and wider heads, chest, and croup than mares and geldings. On the other hand, among the eight indices calculated, only the value of the height at the chest of the stallions was higher than the mean values in mares and geldings. It was found that 79.7% of the horses took part in two to four vaquejada trials a month while 93.3% of the animals underwent fitness training 12 months a year. The results show a predominance of Quarter Horses in the vaquejada contests in Pernambuco and that the trials require the selection of physically larger and stronger stallions. In addition, the animals are submitted to intense training and competition routines.

O estudo objetivou determinar as faixas etárias, raças e características morfológicas dos equinos competidores de vaquejadas em Pernambuco, assim como definir a frequência em que os animais competem, os resultados conquistados nas disputas e a duração dos treinamentos. Foram utilizados 1271 equinos participantes de provas de vaquejada realizadas no sertão e agreste pernambucano. A primeira etapa do trabalho consistiu em uma entrevista aos proprietários dos animais para obter informações sobre a idade dos equinos, raça, circuitos de vaquejada em que competem (oficiais ou não oficiais), frequência de participação em vaquejadas, resultados alcançados nas provas e a duração mensal, semanal e diária dos treinamentos. Na segunda etapa foram mensuradas 15 medidas lineares e calculados oito índices morfométricos. Os dados obtidos a partir das entrevistas foram submetidos à análises estatísticas descritivas. Já as medidas lineares e índices morfométricos foram utilizados para comparar os sexos, por meio de delineamento experimental inteiramente ao acaso. Os resultados morfométricos foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey (P<0,05). Observou-se que 80,3% dos equinos de vaquejada tinham entre quatro e 10 anos de idade e que 89% dos animais eram da raça Quarto de Milha. Em relação às medidas morfométricas, registrou-se nos garanhões maiores alturas na cernelha, dorso e garupa e maiores larguras de cabeça, peito e garupa que nas éguas e nos machos castrados. Por outro lado, dentre os oito índices calculados, apenas o valor do vazio subesternal dos garanhões foi superior as médias das fêmeas e dos machos castrados. Constatou-se que 79,7% dos equinos participavam de duas a quatro provas de vaquejada por mês e que 93,3% dos animais eram condicionados fisicamente 12 meses por ano. Concluiu-se que nas vaquejadas realizadas no estado de Pernambuco há predomínio de equinos da raça Quarto de Milha, na faixa etária entre quatro e dez anos e as provas exigem seleção de garanhões fisicamente maiores e mais fortes. Além disso, os animais são submetidos a intensas rotinas de competições e treinamento.
Descritores: Cavalos
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  3 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1147921
Autor: Santos, Roberta de Lima; Rodrigues, Renata Dias; Gomes, Lara Reis; Bizare, Amanda; Oliveira, Wilson Junior; Souza, Rafael Rocha de; Gonçalves, Felipe Cesar; Mundim, Antonio Vicente.
Título: Biochemical serum profile of quarter mile equines in team penning training / Caracterização do perfil bioquímico sérico em equinos quarto de milha submetidos ao treinamento para team penning
Fonte: Biosci. j. (Online);36(5):1726-1731, 01-09-2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: The objective of this work was to evaluate the proteins, minerals, metabolites, and serum enzymes profile in Quarter Mile equines subjected to training for Team Penning competitions by comparing the results before and after training. The animals were from the Agricultural Exhibition Park of Uberlândia (CAMARU), in Uberlândia in the State of Minas Gerais, Brazil. These animals perform constant periodic training with an average duration of two and a half hours per training. Blood samples from twenty male and female equines were collected at the beginning and end of a 45-day interval and then analyzed. A 5 mL blood sample from each animal was collected before and after training by a jugular external venipuncture, and the samples were placed in a tube­without anticoagulant and containing separator gel­to obtain the serum. The components analyzed were: total proteins, albumin, globulins, albumin to globulin ratio (A:G), total and ionized calcium, phosphorus, calcium to phosphorus ratio (Ca:P), cholesterol, triglycerides, creatinine, urea, alkaline phosphatase, ɤ-glutamyl transferase, lactate dehydrogenase (LDH), aspartate amino transferase (AST), alanine aminotransferase (ALT) and creatine kinase (CK). Statistical differences were observed with higher values after exercise for total calcium, ionized calcium, Ca: P ratio, creatinine and ALT and decreased concentrations were found for globulins, phosphorus, cholesterol and triglycerides. Despite the changes observed in the serum concentrations of some elements after exercises, it was concluded that the animals were in adequate physical condition to perform the proposed physical exercises.

O presente estudo objetivou comparar o perfil de proteínas, metabólitos, minerais e enzimas séricas em equinos Quarto de Milha submetidos a treinamento para provas de Team Penning no Parque de Exposições Agropecuárias de Uberlândia (CAMARU), Uberlândia-MG. Os animais realizavam treinos periódicos e constantes com duração de duas horas e meia em média. Foram analisadas 40 (quarenta) amostras de sangue de 20 (vinte) equinos, machos e fêmeas, coletadas em dois momentos com intervalo de 45 dias. Por meio de venopunção jugular externa, coletou-se 05 (mL) de sangue em tubo sem anticoagulante e contendo gel separador para obtenção de soro, antes e após o treinamento de cada momento. Os constituintes analisados foram proteínas totais, albumina, globulinas, relação albumina globulina (A:G), cálcio total e ionizado, fósforo, relação cálcio fósforo (Ca:P), colesterol, triglicérides, creatinina, ureia, fosfatase alcalina, ɤ-glutamiltransferase (GGT), lactato desidrogenase (LDH), aspartato aminotransferase (AST), alanina aminotransferase (ALT) e creatina quinase (CK). Sendo observado diferenças estatísticas com valores mais elevados após o exercicio para cálcio total, cálcio ionizado, relação Ca:P, creatinina e ALT e concentrações diminuidas para globulinas, fósforo, colesterol e triglicérides. Apesar das alterações observadas nas concentrações séricas de alguns elementos após a prática esportiva, conclui-se que os animais se encontravam em condicionamento físico adequado para realizarem os exercícios físicos propostos.
Descritores: Proteínas
Cavalos
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  4 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135636
Autor: Filippo, Paula Alessandra Di; Ribeiro, Luiza M. F; Meireles, Marcos A. D; Lannes, Saulo T; Mello, Luciana. M; Gobbi, Francielli P; Toledo, Luiz F. A; Lessa, Daniel A. B.
Título: ELISA of amyloid A in paired bronchoalveolar lavage fluid and serum samples of healthy horses / Detecção de amilóide A no lavado broncoalveolar de equinos hígidos
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;40(5):381-384, May 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: Pulmonary disorders are common in horses, and treatment efficiency depends on an adequate diagnosis. Amyloid A is the most sensitive indicator of pathology in horses. The objective of this study was to establish the concentration of amyloid A of bronchoalveolar lavage fluid (BALF) in healthy horses. Health condition of horses was considered normal based on physical examination, complete blood count, biochemical parameters, and BALF cytology. Blood and BALF were collected from thirty adult female horses. Amyloid A concentrations in serum and BALF were measured using commercial ELISA tests. Amyloid A was detected in serum (mean ± SD = 3.71±2.51) and BALF (mean ± SD = 0.000745±0.000785) of all horses. In conclusion, SAA can also be measured in bronchoalveolar fluid, affording early detection of respiratory infections or inflammatory conditions.(AU)

Distúrbios pulmonares são comuns nos cavalos e a eficiência do tratamento depende de um diagnóstico adequado e precoce. A amilóide A é um biomarcador sensível na deteccção de patologias inflamatórias e infecciososa em cavalos. O objetivo deste estudo foi estabelecer a concentração de amilóide A no líquido broncoalveolar (LBA) em cavalos saudáveis. Os cavalos foram considerados saudaveis baseado nos achados de normalidade do exame físico, hemograma, parâmetros bioquímicos e citologia do LBA. Sangue e LBA foram coletados de 30 fêmeas equinas adultas. Os níveis de Amilóide A no soro e no LBA foram mensurados por meio do teste de ELISA. A amilóide A foi detectada no soro (média ± DP = 3,71±2,51) e no LBA (média ± DP = 0,000745±0,000785) de todos os animais. Conclui-se que a amilóide A também pode ser mensurada no LBA, auxiliando no diagnóstico precoce de processos inflamatórios e infecciosos pulmonares.(AU)
Descritores: Doenças Respiratórias/diagnóstico
Proteína Amiloide A Sérica/análise
Líquido da Lavagem Broncoalveolar
Cavalos/imunologia
-Ensaio de Imunoadsorção Enzimática
Biomarcadores
Limites: Animais
Feminino
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131467
Autor: Paula, L. A. O; Lera, K. R. J. L; Schuh, B. R. F; Silva, F. F. A; Nascimento, E. Michelon do; Pagliosa, G. M.
Título: Laminite endocrinopática em equinos com síndrome metabólica: características clínicas, tratamento e evolução em três pacientes Ë— relato de caso / [Endocrinopathic laminitis in horses with metabolic syndrome: clinical characteristics, treatment and evolution in three patients Ë— case report]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1375-1380, July-Aug. 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Laminite endocrinopática designa os casos de laminite cuja etiologia está associada a uma endocrinopatia. Cavalos com síndrome metabólica equina (SME) apresentam adiposidade regional e obesidade. Existe uma correlação positiva entre obesidade e resistência à insulina. Este relato descreve três casos de laminite endocrinopática em cavalos com SME. Os pacientes apresentaram escore de condição corporal (ECC) variando de 8 a 9 (escala de 1 a 9), sensibilidade ao teste de pinçamento do casco e claudicação de grau 3 ou 4 (escala de 1 a 4). Não havia histórico de cólica recente, trauma ou excesso de exercício. O tratamento incluiu medicação anti-inflamatória não esteroidal, repouso na baia, restrição energética para perda de peso, revestimento e bandagem dos membros, conforme a necessidade de cada paciente. A restrição alimentar ajudou no tratamento da SME e reduziu o ECC. Tratamento medicamentoso, casqueamento e bandagem diminuíram o grau de claudicação. Conclui-se que o tratamento anti-inflamatório não esteroidal, a restrição energética, o repouso em baia, o casqueamento e a bandagem do casco são eficazes no tratamento da laminite endocrinopática em cavalos com síndrome metabólica equina.(AU)

Endocrinopathic laminitis refers to cases of laminitis whose etiology is associated with an endocrinopathy. Horses with Equine Metabolic Syndrome (EMS) have regional adiposity and obesity. There is a positive correlation between obesity and insulin resistance. This report describes three cases of endocrinopathic laminitis in horses with EMS. Patients had body condition score (BCS) ranging from 8 to 9 (scale from 1 to 9), sensitivity to the hoof clamping test and claudication grade 3 or 4 (scale from 1 to 4). There was no history of recent colic, trauma or over exercise. Treatment included non-steroidal anti-inflammatory medication, stall rest, energy restriction for weight loss, hoofing and hoof bandage as needed by each patient. Dietary restriction helped in the treatment of EMS and reduced BCS. Drug treatment, hoofing and hoof bandage decreased the degree of lameness. It is concluded that non-steroidal anti-inflammatory treatment, energy restriction, stall rest, hoofing and hoof bandage are effective in the treatment of endocrinopathic laminitis in horses with equine metabolic syndrome.(AU)
Descritores: Adiposidade
Casco e Garras/lesões
Cavalos/lesões
Obesidade/veterinária
-Bandagens/veterinária
Exercício Físico
Doenças do Sistema Endócrino/veterinária
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131471
Autor: Silva, P. M; Queiroz Filho, M. R; Bonemann, D. H; Ribeiro, A. S; Bruhn, F. R. P; Bermudes, R. F; Barbosa, A. A; Martins, C. F.
Título: Concentração de minerais no tecido queratinizado podal de equinos jovens da raça Crioula em diferentes fases de crescimento / [Mineral concentrations in the keratinized tissue on the feet of young Crioulo horses at different stages of growth]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1145-1153, July-Aug. 2020. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O presente estudo avaliou o perfil mineral de Cálcio (Ca), Cobre (Cu) e Zinco (Zn) no estojo córneo pré e pós-desmame e sua associação com pigmentação, gênero e idade de potros da raça Crioula criados em pastagens nativas no Rio Grande do Sul. Foram coletadas amostras do casco de potros da raça Crioula 41 dias pré e 28 dias pós-desmame. Os teores de Ca, Cu e Zn variaram no casco fetal (571,0±39,4; 14,5±7,6 e 130,0±30,5mg/kg, respectivamente; P<0,05) e no definitivo (653,0±169,2; 33,8±11,5 e 69,3±36,8mg/kg, respectivamente; P<0,05), no pré (620,0±184; 17,2±21,2 e 103,0±75,5mg/kg, respectivamente; P<0,05) e no pós-desmame (517,5±181; 0 e 79,0±41,7mg/kg, respectivamente; P<0,05). Houve associação positiva (P<0,05) com a faixa etária no pré-desmame para Ca (r=0,5) e Cu (r=0,57), e negativa para Zn (r=-0,69; P<0,05). No pós-desmame, houve associação positiva (P<0,05) para Ca (r=0,36) e Zn (r=0,64) e negativa para Cu (r=-0,39; P<0,05). Tanto a pigmentação quanto o gênero não afetaram o perfil mineral. Conclui-se que há diferenças nas concentrações de Ca, Cu e Zn na epiderme do casco de potros da raça Crioula no pré e pós-desmame, independentemente da pigmentação e do gênero, onde as concentrações de Ca e Cu aumentam com a idade, enquanto as de Zn diminuem.(AU)

The aim of this study was to evaluate the mineral profile of Ca, Cu and Zn in the hoof horny capsule at pre and post-weaning and its association with pigmentation, gender and age range of Crioulo foals raised in native pastures in RS. Samples were collected from the epidermis of the Crioulo foal's hoof at two times, 41 pre and 28 post-weaning. The contents of Ca, Cu, Zn Varied in the fetal hoof ( 571.0±139.4, 14.5±7.6 and 130.0±30.5mg/kg, respectively, P<0.05) and definitive (653.0±169.2, 33.8±11.5 and 69.3±36.8mg/kg, respectively, P<0.05), in the pre (620.0±184, 17.2±21.2 and103.0±75.5mg/kg, respectively, P<0.05) and post-weaning (517.5±181, 0.1 and 79.0±41.7mg/kg, respectively, P<0.05).There was a positive association (P<0.05) with a preweaning age for Ca (r=0.5) and Cu (r=0.57) and negative for Zn (r=-0.69, P<0.05). In the post weaning there was a positive association (P<0.05) for Ca (r=0.36) and Zn (r=0.64) and negative for Cu (r=-0.39; P<0.05). Neither pigmentation nor gender affected the mineral profile. It is concluded that there are differences in Ca, Cu, Zn concentrations in the epidermis of foals of the crioulo breed at the pre and post weaning, regardless of pigmentation and sex, where Ca and Cu concentrations increase with age, while Zn concentrations decrease.(AU)
Descritores: Pigmentação da Pele/fisiologia
Casco e Garras/citologia
Cavalos/crescimento & desenvolvimento
Minerais
-Zinco
Cálcio
Cobre
Queratinas
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131475
Autor: Cardoso, L. S; Montanez, N. R; Barbosa, A. A; Garcia, C. A. S. C; Pizzi, G. L. B. L; Silva, P. M; Martins, C. F.
Título: Divergência fenotípica entre éguas Crioulas das linhagens uruguaia "La invernada", argentina "Cardal" e chilena / [Phenotypic divergence between Criollo mares lines of the Uruguayan "La invernada", Argentine "Cardal" and Chilean]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1433-1440, July-Aug. 2020. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo do presente estudo foi analisar a dissimilaridade fenotípica de amostras populacionais de três linhagens de éguas Crioulas, uruguaia (La Invernada), argentina (Cardal) e chilena, para caracteres morfológicos, apontando as características de maior variância intra e entre as diferentes linhagens que são passíveis de seleção. Foram avaliadas 22 características morfológicas de 113 éguas da linhagem uruguaia "La Invernada", 38 argentinas "Cardal" e 73 chilenas puras, totalizando 224 éguas de cria pertencentes à raça Crioula. Para determinação das variáveis lineares e de perímetro, foi utilizada fita métrica, prumo, paquímetro e hipômetro. Verificou-se variabilidade nas características morfológicas entre as três linhagens (P<0,05), incluindo as características lineares altura, perímetro de tórax e perímetro de canela (P<0,01), consideradas de caráter impositivo para fins de registro. Maior variação fenotípica foi observada nas éguas da linhagem chilena em relação aos outros dois grupos genéticos (P<0,01). As características morfológicas altura garupa, perímetro rostral pescoço, comprimento metatarso, largura garupa, profundidade do tórax, comprimento dorsal pescoço e comprimento do corpo foram passíveis de seleção entre as éguas Crioulas pertencentes às linhagens argentina (Cardal), uruguaia (La Invernada) e chilena. Em conclusão, não há homogeneidade entre as linhagens estudadas, o que identifica a diversidade entre as linhagens de éguas Crioulas estudadas.(AU)

The aim of the study was to analyze the phenotypic dissimilarity of morphological characteristics of three strains of Criollo mares, Uruguian (La Invernada), Argentine (Cardal), and Chilena, pointing to the characteristics of higher variance within and among the different strains that are selectable. We evaluated 22 morphological characteristics of 113 mares of the Uruguaian line, 38 Argentines and 73 pure Chilean, totaling 224 breeding mares belonging to the criollo breed. For the determination of the linear and perimeter variables, a metric tape, plumb, pachymeter and hypometer were used. There was variability in the morphological characteristics between the three strains (P<0.05), including the linear characteristics of height, chest circumference and perimeter of cinnamon (P<0.01), considered as taxation for registration purposes. Higher phenotypic variation was observed in the mares of the Chilean line in relation to the other two genetic groups (P<0.01). The morphological characteristics of height croup, rostral perimeter neck, metatarsal length, croup width, chest depth, dorsal neck length, and body length were the selectable characteristics among the breeding mares belonging to the Argentine (Cardal), Uruguaian (La Invernada) and Chilena strains. In conclusion, there is no homogeneity between the studied strains, which identifies the diversity among the lines of Criollo mares studied.(AU)
Descritores: Fenótipo
Pesos e Medidas Corporais/veterinária
Cavalos/anatomia & histologia
Cavalos/genética
Limites: Animais
Feminino
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131482
Autor: Octaviano, J. I; Carneiro, F. P; Redoan, M. A; Alonso, M. A; Fernandes, C. B.
Título: Aborto infeccioso por Neospora spp. em equino Ë— relato de caso / [Neospora spp infectious abortion in the horse Ë— case report]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1381-1385, July-Aug. 2020. ilus.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo; . Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: O abortamento na espécie equina é responsável por grandes perdas econômicas e, entre as possíveis causas, está a neosporose, uma enfermidade que nem sempre é investigada como provável diagnóstico. Assim, o objetivo deste trabalho foi relatar um caso de aborto equino aos 129 dias de gestação, resultante da infecção por Neospora spp.. Amostras sanguíneas da égua e do feto abortado foram enviadas para um laboratório especializado. À necrópsia, constatou-se edema gelatinoso e hemorrágico em subcutâneo, fígado ictérico e friável com autólise de alguns órgãos, como baço, rins e glândulas adrenais. Fragmentos dos órgãos coletados na necrópsia foram submetidos à histopatologia e à pesquisa de agentes infecciosos, em que se identificou hepatite e epicardite não purulentas e onfalite purulenta, bem como exame positivo para Neospora spp. pela técnica de reação em cadeia da polimerase (PCR) convencional e Nested. O soro sanguíneo obtido da égua foi submetido à pesquisa de Neospora spp. pela técnica de imunofluorescência indireta, de herpesvírus por soroneutralização em cultura de células e de Leptospira sp. por PCR, todas com resultados negativos. Dessa forma, é importante considerar a neosporose como diagnóstico diferencial em casos de abortamento e natimortalidade, uma vez que a presença de cães nas propriedades é extremamente comum, representando uma importante fonte de infecção.(AU)

Abortion in the equine species is responsible for major economic losses, and among the possible causes is neosporosis, a disease that is not always investigated as a probable diagnosis. Thus, the objective of this study was to report an abortion at 129 days of gestation resulting from Neospora spp. Blood samples from the mare and the aborted fetus were sent to a specialized laboratory. Under necropsy, gelatinous and hemorrhagic edema was detected in subcutaneous tissue, friable and jaundiced liver with autolysis in spleen, kidneys and adrenal glands. Fragments of the organs collected at necropsy were submitted to histopathology and infectious agent tests, which identified non-purulent hepatitis and epicarditis and purulent omphalitis. Also, a positive result for Neospora spp. by the conventional and nested Polymerase Chain Reaction (PCR) technique. Blood serum obtained from the mare was subjected to analyses to Neospora spp. by indirect immunofluorescence technique, herpesvirus by serum neutralization in cell culture and Leptospira sp. by PCR, all with negative results. Thus, it is important to consider neosporosis as a differential diagnosis in cases of abortion and stillbirth, since the presence of dogs in the properties is extremely common and represent an important source of infection.(AU)
Descritores: Neospora/isolamento & purificação
Aborto Animal/diagnóstico
Feto Abortado/microbiologia
Cavalos/microbiologia
-Reação em Cadeia da Polimerase/veterinária
Limites: Animais
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  9 / 1153 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135616
Autor: Bianchi, Matheus V; Ribeiro, Paula R; Stolf, Alanna S; Bertolini, Marianna; Laisse, Cláudio J. M; Sonne, Luciana; Driemeier, David; Pavarini, Saulo P.
Título: Epidemiological and pathological aspects of noninfectious diseases of the gastrointestinal tract in 114 horses in Southern Brazil / Aspectos epidemiológicos e patológicos de doenças não infecciosas do trato gastrointestinal de 114 equinos no sul do Brasil
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;40(4):242-253, Apr. 2020. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: Equine colic is one of the most common cause of death in horses, but few studies have investigated specifically the conditions at the necropsy. This study aimed to describe the epidemiological and pathological features of noninfectious diseases of the gastrointestinal tract in horses. A retrospective study was conducted in search of cases of these diseases affecting horses from 2005 to 2017. During this period, 114 horses died of noninfectious diseases of the gastrointestinal tract, and the main causes were: primary gastric dilation (27/114), volvulus (27/114), enterolithiasis (20/114), rectal (colonic) perforation (15/114), gastric or cecocolonic impaction (10/114), incarcerations (6/114), intussusception (4/114), and others (5/114). Mixed breeds horses (56/114) and males (69/114) were mostly affected. The horses had a median and mean age of 10 and 10.9-years old, respectively. Primary gastric dilation was characterized by distension of the stomach by moderate to large amounts of content, which in 21 cases caused tearing of the stomach wall at the greater curvature (peritonitis), and the main predisposing factor was alimentary overload (17/27). Intestinal volvulus occurred within the small intestine (14 cases) and within the large intestines (13 cases). Grossly, there was intestinal ischemia with reddened to deep-black serosa and diffusely red mucosae. Enterolithiasis caused partial or complete obstruction of the right dorsal colon (9/20), transverse colon (4/20), small colon and right dorsal colon (3/20), rectum and right dorsal colon (2/20), and small colon (2/20). Viscera perforation and peritonitis occurred in 11 cases. Rectal (colonic) perforation involved the rectum (10/15), rectum/small colon (4/15), and the small colon (1/15). It was characterized by a focally extensive transmural tearing, associated with reddened borders, and retroperitoneal to diffuse peritonitis. Palpation related iatrogenic injuries (11/15) were the main cause. Impactions affected the large colon (7/10), the cecum (2/10), and the stomach (1/10). Incarcerations consisted of inguinoscrotal hernias (2/6), small intestine entrapment by a mesenteric failure (2/6), diaphragmatic hernia, and umbilical eventration. Grossly, the organs were constricted by a hernial ring, with intestinal ischemia and reddened to dark-red serosa. Predisposing factors included previous surgeries (2/6) and patent inguinal ring (1/6). Intussusception involved the small intestine (3/4) and ileocecum (1/4). Foals with lack of colostrum intake and concomitant pneumonia was a characteristic presentation (3/4). Grossly, the intussusceptum slipped into intussuscipiens, with diffuse deep black-red discoloration. Other causes included large colon displacement (2/5), extrinsic and intrinsic obstruction of the small intestine (2/5), and an intestinal adenocarcinoma. Noninfectious gastrointestinal diseases are major causes of death in horses. Epidemiological and gross features of the conditions should be accounted to obtain a final diagnosis of the cause of the colic.(AU)

A cólica em equinos é considerada como a principal causa de morte de cavalos, porém poucos estudos têm investigado especificamente as condições envolvidas através da necropsia. O objetivo desse estudo foi descrever os aspectos epidemiológicos e patológicos de doenças não infecciosas do trato gastrointestinal de equinos. Foi conduzido um estudo retrospectivo em busca de casos dessas doenças envolvendo cavalos de 2005 a 2017. Durante esse período, 114 equinos morreram devido a doenças não infecciosas do trato gastrointestinal, e as principais causas foram: dilatação gástrica (27/114), vólvulos (27/114), enterolitíase (20/114), ruptura retal (colônica) (15/114), compactação gástrica ou cecocolônica (10/114), encarceramentos (6/114), intussuscepções (4/114), e outros (5/114). Animais sem raça definida (56/114) e machos (69/114) foram mais afetados. Os equinos apresentavam uma média e mediana de idade de 10 e 10,9 anos, respectivamente. A dilatação gástrica primária era caracterizada por distensão do estômago por moderada a grande quantidade de conteúdo, que em 21 casos provocava ruptura da parede gástrica na curvatura maior (peritonite), e o principal fator predisponente foi sobrecarga alimentar (17/27). Vólvulo intestinal ocorreu no intestino delgado e no intestino grosso (14 e 13 casos, respectivamente). Macroscopicamente, havia isquemia intestinal com serosa avermelhada a enegrecida e mucosa difusamente avermelhada. A enterolitíase causou obstrução parcial ou completa do cólon dorsal direito (9/20), cólon transverso (4/20), cólon menor e cólon dorsal direito (3/20), cólon menor (2/20), e reto e cólon maior direito (2/20). Perfuração de vísceras e peritonite foram observadas em 11 casos. A ruptura retal (colônica) envolveu o reto (10/15), reto/cólon menor (4/15) e cólon menor (1/15). Essa era caracterizada por ruptura transmural focalmente extensa, com bordos avermelhados e peritonite retroperitoneal a difusa. Traumas relacionados à palpação (11/15) foram a principal causa. Compactações afetaram o cólon maior (7/10), ceco (2/10) e estômago (1/10). Encarceramentos consistiram em hérnias inguinoescrotais (2/6), encarceramento de alças intestinais por falha no mesentério (2/6), hérnia diafragmática e eventração umbilical. Macroscopicamente, os órgãos estavam constritos por um anel hernial, com isquemia intestinal e serosa avermelhada a vermelho-escura. Fatores predisponentes incluíram cirurgias prévias (2/6) e anel inguinal patente (1/6). Intussuscepções envolveram o intestino delgado (3/4) e íleoceco (1/4). A apresentação característica foi em potros com falta de colostro e concomitante pneumonia. Macroscopicamente, o intussuscepto deslizava em direção ao intussuscepiente, exibindo coloração vermelho-enegrecida difusa. Outras causas incluíram deslocamento de cólon maior (2/5), obstrução extrínseca e intrínseca do intestino delgado (2/5), e um caso de adenocarcinoma intestinal. Doenças não infecciosas são importantes causas de morte em equinos. Os aspectos epidemiológicos e macroscópicos das condições devem ser considerados para o que o diagnóstico final da causa da cólica seja obtido.(AU)
Descritores: Dilatação Gástrica
Cólica
Trato Gastrointestinal/patologia
Volvo Intestinal
Doenças dos Cavalos/patologia
Doenças dos Cavalos/epidemiologia
Intussuscepção
-Cavalos
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  10 / 1153 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131464
Autor: Gustokashin, K. A; Baryshnikov, P. I; Razumovskaya, V. V; Fedorova, G. A; Novikov, N. A.
Título: Epizootic process of equine infectious diseases in the Altai Krai / [Processo epizoótico de doenças infecciosas equinas no Krai de Altai]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1127-1136, July-Aug. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The urgency of the studied problem is due to the need for epizootic monitoring of equine infectious diseases in the Altai Krai and the lack of basic information on the relative and absolute parameters of changes in the epizootic process, scientific, methodological and practical aspects of the assessment of potential risks. The purpose of the article is to study the epizootic process for each nosological form of equine infectious diseases in the Altai Krai based on statistical information over the period from 1964 to 2017. Epizootic method is a leading method of the study of this problem, which allows the identification and discussion of the association of equine infectious diseases with natural and geographical conditions in the Altai Krai. The article presents data on intensive parameters of the epizootic process of equine infectious diseases and their changes with a description of periodic changes in the Altai Krai. The materials of the article provide veterinary and biology specialists with information on the epizootics of various nosological forms of equine infectious diseases in the Altai Krai.(AU)

A urgência do problema estudado é devida à necessidade de monitoramento epizoótico de doenças infecciosas equinas no Krai de Altai, e a falta de informação básica sobre os parâmetros relativos e absolutos de mudanças no processo epizoótico, e aspectos científicos, metodológicos e práticos da avaliação de potenciais riscos. O propósito do artigo é estudar o processo epizoótico para cada forma nosológica de doenças infecciosas equinas no Krai de Altai, baseado em informação estatística no período de 1964 a 2017. O método epizoótico é o principal método de estudo deste problema, que permite a identificação e discussão da associação entre doenças infecciosas equinas e condições naturais e geográficas do Krai de Altai. Este artigo apresenta dados dos parâmetros intensivos do processo epizoótico de doenças infecciosas bovinas e suas mudanças com uma descrição de mudanças periódicas no Krai de Altai. Os materiais do artigo fornecem informações para especialistas na veterinária e biologia com relação aos epizoóticos de diversas formas nosológicas de doenças infecciosas equinas no Krai de Altai.(AU)
Descritores: Surtos de Doenças/veterinária
Doenças dos Cavalos/epidemiologia
Cavalos
-Estudos Epidemiológicos
Doenças Transmissíveis/veterinária
Federação Russa/epidemiologia
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 116 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde