Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 168 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 168 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-769585
Autor: Tomassi, HZ.; Almeida, CM.; Ferreira, BC.; Brito, MB.; Barberi, M.; Rodrigues, GC.; Teixeira, SP.; Capuzzo, JP.; Gama-Júnior, JM.; Santos, MGKG..
Título: Preliminar results of paleontological salvage at Belo Monte Powerplant construction / Resultados preliminares do programa de salvamento paleontológico da construção da Hidrelétrica de Belo Monte
Fonte: Braz. j. biol;75(3s1):277-289, Aug. 2015. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract In this paper some preliminary fossil specimens are presented. They represent a collection sampled by Belo Monte’s Programa de Salvamento do Patrimônio Paleontológico (PSPP), which includes unprecedented invertebrate fauna and fossil vertebrates from Pitinga, Jatapu, Manacapuru, Maecuru e Alter do Chão formations from Amazonas basin, Brazil. The Belo Monte paleontological salvage was able to recover 495 microfossil samples and 1744 macrofossil samples on 30 months of sampling activities, and it is still ongoing. The macrofossils identified are possible plant remains, ichnofossils, graptolites, brachiopods, molluscs, athropods, Agnatha, palynomorphs (miosphores, acritarchs, algae cysts, fungi spores and unidentified types) and unidentified fossils. However, deep scientific research is not part of the scope of the program, and this collection must be further studied by researchers who visit Museu Paraense Emilio Goeldi, where the fossils will be housed. More material will be collected until the end of the program. The collection sampled allows a mosaic composition with the necessary elements to assign, in later papers, taxonomic features which may lead to accurate species identification and palaeoenvironmental interpretations.

Resumo Neste artigo são apresentados de forma preliminar alguns espécimes fósseis representativos do acervo coletado no Programa de Salvamento do Patrimônio Paleontológico (PSPP) da UHE Belo Monte, que inclui fauna vertebrada e invertebrada inédita das formações Pitinga, Jatapu, Manacapuru, Maecuru e Alter do Chão, da bacia do Amazonas, Brasil. No salvamento paleontológico de Belo Monte foi possível recuperar 495 amostras para microfósseis e 1744 amostras com macrofósseis em 30 meses de amostragem, que ainda continua em andamento. Os macrofósseis identificados são possíveis restos de plantas, icnofósseis, graptolitos, braquiópodes, moluscos, artópodes, Agnatha, palinomorfos (miósporos, acritarcas, cistos de alga, esporos de fungo e tipos indeterminados) além de fósseis não identificados. No entanto, pesquisa científica aprofundada não é parte do escopo do programa, e esta coleção deve ser estudada no futuro por pesquisadores pela visita ao Museu Paraense Emilio Goeldi, onde os fósseis ficarão depositados. Mais material será coletado até o fim de 2015. A assemblagem coletada permite a composição de mosaico com elementos necessários para a definição, em artigos futuros, características taxonômicas que levarão à identificação precisa de espécies e interpretações paleoambientais.
Descritores: Fósseis
Invertebrados/classificação
Plantas/classificação
Vertebrados/classificação
-Brasil
Paleontologia
Centrais Elétricas
Rios
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-886822
Autor: GOLZIO, JÉSSICA E S A; FALKENBERG, JÚLIA M; PRAXEDES, RAYSSA C G; COUTINHO, ANDERSON S; LAURINDO, MYLENA K; PESSANHA, ANDRÉ; MADI, RUBENS R; PATRÍCIO, JOANA; VENDEL, ANA L; SOUZA, GEZA T R; MELO, CLÁUDIA M; LACERDA, ANA CAROLINA F.
Título: Gill parasites of fish from two estuaries in northeastern Brazil: new hosts and geographical records
Fonte: An. acad. bras. ciênc;89(3,supl):2281-2291, 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Parasites are important components of communities and constitute great part of the biological diversity found in ecosystems, providing valuable information about their hosts and the environment in which they live. However, despite its importance, parasitic diversity is still not well known in some regions of Brazil, especially with respect to fish parasites in the Northeast Region. The present study aims to perform the survey of gill parasites of fish from two tropical estuaries located in northeastern Brazil: Paraíba and Mamanguape rivers. Two collections were made in each estuary, one during the dry period (November / 2013) and the other during the rainy season (July / 2014). The fish were caught using a beach seine net, dragged along the main channel margin. After the identification, biometry and necropsy of the fish, their parasites were collected, stored and identified. For each species of parasite, the values ​​of prevalence, mean intensity and mean abundance were calculated. Of the 882 examined fish, belonging to four species, 145 were parasitized by at least one species of parasite. In total, 18 taxa of parasites of the groups Monogenea, Digenea, Nematoda, Copepoda and Isopoda were recorded, being the copepod Acusicola brasiliensis the most abundant species of parasite.
Descritores: Biodiversidade
Peixes/parasitologia
Brânquias/parasitologia
Invertebrados/classificação
-Estações do Ano
Brasil
Estuários
Peixes/classificação
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-886634
Autor: WANDSCHEER, ALANA C D; MARCHESAN, ENIO; SANTOS, SANDRO; ZANELLA, RENATO; SILVA, MARÍLIA F; LONDERO, GUILHERME P; DONATO, GABRIEL.
Título: Richness and density of aquatic benthic macroinvertebrates after exposure to fungicides and insecticides in rice paddy fields
Fonte: An. acad. bras. ciênc;89(1):355-369, Jan,-Mar. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT The objective of this study was to verify the richness and density of aquatic benthic macroinvertebrates after exposure to fungicides and insecticides of the rice paddy fields. In the crop seasons of 2012/13 and 2013/14, field experiments were performed, which consisted of single-dose applications of the fungicides trifloxystrobin + tebuconazole and tricyclazole, and the insecticides lambda-cyhalothrin + thiamethoxam and diflubenzuron, in 10 m2 experimental plots, over rice plants in the R3 stage. Control plots with and without rice plants were maintained in order to simulate a natural environment. Soil samples were collected during rice cultivation for assessment of the macroinvertebrate fauna. Chemical-physical parameters assessed in the experiments included temperature, pH and oxygen dissolved in the water and pesticide persistence in the water and in the soil. The application of a single dose of the pesticides and fungicides in the recommended period does not cause significant negative effects over the richness and density of the macroinvertebrates. Tebuconazole, tricyclazole and thiamethoxam showed high persistence in the irrigation water of rice paddy fields. Thus, the doses and number of applications of these products in crops should be carefully handled in order to avoid contamination of the environment.
Descritores: Oryza
Produtos Agrícolas
Áreas Alagadas
Fungicidas Industriais/toxicidade
Inseticidas/toxicidade
Invertebrados/efeitos dos fármacos
-Valores de Referência
Solo/química
Fatores de Tempo
Qualidade da Água
Água/química
Monitoramento Ambiental
Análise de Variância
Estatísticas não Paramétricas
Invertebrados/crescimento & desenvolvimento
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-934027
Autor: Reimão, Juliana Quero.
Título: Estudo da atividade anti-leishmania de compostos de invertebrados marinhos brasileiros.
Fonte: São Paulo; s.n; 2009. [148] p. ilus, map, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a São Paulo(Estado) Secretaria da Saúde. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Doenças parasitárias causadas por protozoários afetam grandes populações marginais ao processo econômico globalizado, e desta forma, não são consideradas como mercados potenciais para o desenvolvimento de drogas. A leishmaniose visceral é uma doença progressiva e fatal, sendo endêmica em 65 países e atualmente incluída entre as seis endemias mais importantes segundo a OMS. O tratamento dá-se pela administração de medicamentos com elevada toxicidade como os antimoniais pentavalentes, anfotericina B e pentamidina, demonstrando um restrito arsenal terapêutico, muitas vezes superado por relatos de resistência. Produtos naturais são importante fonte de novos compostos antiparasitários. Compostos bioativos de invertebrados marinhos vêm contribuindo para uma extensa pesquisa na área farmacêutica, porém quase inexistente em protozoários. O presente trabalho teve como objetivo a avaliação da atividade in vitro de cnidários marinhos da costa brasileira em Leishmania (L.) chagasi. Foi realizada uma triagem dos extratos metanólicos de oito espécies de invertebrados marinhos do Filo Cnidaria (espécies Aiptasia pallida, Carijoa riisei, Heterogorgia uatumani, Leptogorgia punicea, Macrorhynchia philippina, Palythoa caribaeorum, Physalia physalis e Zoanthus sociatus), coletados na região de São Sebastião/SP, com o objetivo de selecionar aqueles com atividade anti-Leishmania. Os extratos foram submetidos a testes in vitro com promastigotas de L. (L.) chagasi e a citotoxicidade avaliada em macrófagos peritoneais de camundongos BALB/c. A viabilidade celular foi determinada utilizando o método do MTT. As espécies C. riisei, H. uatumani, L. punicea e M. philippina apresentaram atividade anti-Leishmania, mostrando valores de CE50 (Concentração Efetiva 50%) entre 2.8 e 93.3 μg/mL. As espécies L. punicea e M. philippina foram fracionadas por meio de diferentes técnicas cromatográficas, visando ao isolamento...
Descritores: Bioensaio
Cromatografia
Invertebrados
Leishmaniose Visceral/terapia
Fauna Marinha
Responsável: BR1763.1 - Biblioteca
BR91.2; W4, R363e, 2009; BR76.1


  5 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-886750
Autor: ZEPON, TAMIRES; BICHUETTE, MARIA ELINA.
Título: Influence of substrate on the richness and composition of Neotropical cave fauna
Fonte: An. acad. bras. ciênc;89(3):1615-1628, July-Sept. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; . FAPESP; . CNPq.
Resumo: ABSTRACT The food base in the subterranean environment consists mainly of allochthonous materials. In this environment the resources are distributed generally in a heterogeneous dispersed way and the distribution of resources and their availability determine where the terrestrial invertebrates will reside, which is important for understanding ecological relationships and to establish conservation strategies. Thus, we tested how the complexity of substrates influences the richness and composition of the subterranean terrestrial invertebrates in the Presidente Olegário karst area, southeastern Brazil. We carried out collections in six caves during both dry and wet seasons, using combined collection methods. We observed different distributions in relation to the substrate, because the environmental heterogeneity increases the amount of available niches for the fauna. Some taxa showed a preference for specific substrates, probably related to the availability of food resources and humidity and to body size restriction, emphasizing the niche differentiation between species. Anthropogenic impacts can cause irreversible alterations in the subterranean fauna because the subterranean environment is dependent on the surface for input of trophic resources. On-going impacts in the Presidente Olegario karst area, like agriculture, pastures, gas extraction, and hydroelectric projects, are therefore a serious threat to subterranean biodiversity and this region should be prioritized for conservation.
Descritores: Biodiversidade
Cavernas
Invertebrados/classificação
-Estações do Ano
Brasil
Densidade Demográfica
Distribuição Animal
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-781401
Autor: Braccini, J A L; Amaral, S V; Leal-Zanchet, A M.
Título: Microturbellarians (Platyhelminthes and Acoelomorpha) in Brazil: invisible organisms? / Microturbelários (Platyhelminthes e Acoelomorpha) no Brasil: organismos invisíveis?
Fonte: Braz. j. biol;76(2):476-494, Apr.-June 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Microturbellarians typically belong to the benthos and may occur in a wide variety of environments. They are abundant in freshwater and marine ecosystems and may occur in moist terrestrial habitats. However, turbellarians are seldom taken into account in studies of biodiversity. Most studies on Brazilian microturbellarians had taxonomical purposes and were done in the years 1940-1950. Thus, information on their occurrence and ecological aspects are dispersed throughout several papers. We intend here to summarize the biogeographical distribution and ecological aspects of microturbellarians recorded for Brazil, indicating the main gaps in their knowledge and possible actions to enhance studies on this group. There are 239 species of microturbellarians registered for Brazil, with records distributed in 12 states. However, just three states located in southern Brazil have records of 94% of microturbellarian species. Thus, knowledge on the systematics and geographical distribution of Brazilian microturbellarians clearly reflect the scientific activity over many years or decades in two states of southeastern and southern Brazil. Considering the scant information on this group in Brazil, which is also the situation of the Neotropical microturbellarians in general, some actions should be proposed. First, it would be necessary to sample in the diverse biomes, as well as in the various river and sea basins, based on standardized sampling protocols. Second, it would be necessary to encourage diverse research groups to include microturbellarians and/or turbellarians in general into biodiversity inventories and studies on community structure of invertebrates. Third, it is necessary to increase the number of research groups on microturbellarians, in order to augment the studies on their morphology, systematics, and ecology. Considering their abundance, species richness and ecological importance in aquatic environments, despite some peculiarities regarding their sampling, sorting and identification procedures, the challenge to study microturbellarians and enhance knowledge about them in Brazilian ecosystems should be faced.

Resumo Microturbelários são tipicamente bentônicos e podem ocorrer em uma ampla variedade de ambientes. São abundantes em ecossistemas marinhos e de água doce, podendo ocorrer em ambientes terrestres úmidos. Entretanto, turbelários raramente são considerados em estudos de diversidade. A maioria dos estudos sobre microturbelários brasileiros tiveram propósito taxonômico e foram realizados nos anos 1940-1950. Assim, informações sobre ocorrência e aspectos ecológicos estão dispersos em diversos artigos. O objetivo deste trabalho é sumarizar a distribuição biogeográfica e aspectos ecológicos dos microturbelários registrados para o Brasil, indicando as principais lacunas do conhecimento e possíveis ações para ampliar estudos sobre esse grupo. Há 239 espécies de microturbelários registradas no Brasil, com registros distribuídos em 12 estados. No entanto, 94% das espécies de microturbelários foram registradas em apenas três estados localizados no sul e sudeste do Brasil. Assim, o conhecimento sobre a sistemática e distribuição geográfica dos microturbelários claramente reflete as atividades científicas realizadas por muitos anos ou mesmo décadas em dois estados do sudeste e sul do Brasil. Considerando as escassas informações existentes sobre esse grupo no Brasil, assim como a situação dos microturbelários neotropicais em geral, algumas ações devem ser propostas. Primeiramente, é necessário realizar amostragens em diversos biomas, assim como nas várias bacias e regiões hidrográficas marinhas, baseadas em protocolos de amostragem padronizados. Em segundo lugar, faz-se necessário incentivar diversos grupos de pesquisa a incluir microturbelários e/ou turbelários em geral em inventários da biodiversidade e estudos de estrutura de comunidades de invertebrados. Em terceiro lugar, é necessário ampliar o número de grupos de pesquisa em microturbelários, para aumentar os estudos sobre sua morfologia, sistemática e ecologia. Considerando sua abundância, riqueza de espécies e importância ecológica em ambientes aquáticos, apesar de suas peculiaridades de amostragem, triagem e identificação, o desafio de estudar e ampliar o conhecimento sobre microturbelários em ecossistemas brasileiros deve ser enfrentado.
Descritores: Turbelários/classificação
Turbelários/fisiologia
Água Doce/análise
Água Doce/microbiologia
-Brasil
Ecossistema
Biodiversidade
Rios
Fenômenos Ecológicos e Ambientais
Hidrobiologia/métodos
Hidrobiologia/estatística & dados numéricos
Invertebrados/classificação
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-785042
Autor: Moura e Silva, M S G; Graciano, T S; Losekann, M E; Luiz, A J B.
Título: Assessment of benthic macroinvertebrates at Nile tilapia production using artificial substrate samplers / Avaliação da comunidade de macroinvertebrados bentônicos em produção de tilápia-do-Nilo com uso de coletores com substrato artificial
Fonte: Braz. j. biol;76(3):735-742tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Biomonitoring is a cheap and effective tool for evaluation of water quality, and infer on the balance of aquatic ecosystems. The benthic macroinvertebrates are bioindicators sensitive to environmental changes, and can assist in detecting and preventing impacts such as organic enrichment and imbalance in the food chain. We compared the structure of benthic communities on artificial substrate samplers located in places near and far from net cages for production of Nile tilapia (Oreochromis niloticus). Samplers were manufactured with nylon net, using substrates such as crushed stone, gravel, loofah and cattail leaves. Samples were collected after 30 days of colonization, rinsed and then the specimens were identified and quantified. The following metrics were calculated: richness of Operational Taxonomic Units, Margalef richness, abundance of individuals, Shannon index and evenness index. The macrobenthic community structure was strongly modified according to the proximity of the net cages. Metrics showed significant differences (p < 0.05) between near and distant sites, for both periods (dry and rainy seasons). The position of the samplers significantly affected the structure of macroinvertebrate community, as near sites showed higher values for the community metrics, such as richness and diversity. Near sites presented a larger number of individuals, observed both in the dry and rainy seasons, with a predominance of Chironomidae (Diptera) in the dry season and Tubificidae (Oligochaeta) in the rainy season.

Resumo O biomonitoramento é uma ferramenta com custo relativamente baixo e eficaz para avaliação da qualidade da água, além de inferir sobre o equilíbrio dos ecossistemas aquáticos. Os macroinvertebrados bentônicos são bioindicadores sensíveis às mudanças ambientais, e podem auxiliar na detecção e prevenção de impactos como o enriquecimento orgânico e o desequilíbrio da cadeia alimentar. Como objetivo, foi comparada a estrutura das comunidades bentônicas em coletores com substrato artificial situados em locais próximos e distantes de tanques rede para produção de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). Os coletores foram fabricados com rede de náilon, utilizando os substratos brita, cascalho, bucha vegetal e folhas de taboa. Foram realizadas coletas após 30 dias de colonização. As amostras foram lavadas e os espécimes identificados e quantificados. As métricas calculadas foram: riqueza de Unidades Taxonômicas Operacionais, riqueza de Margalef, abundância de indivíduos, índice de Shannon e índice de Pielou. A estrutura da comunidade macrobentônica foi fortemente modificada de acordo com a proximidade dos tanques-rede. As métricas apresentaram diferenças significativas (p < 0,05) entre os locais próximos e distantes, em ambos os períodos (estações seca e chuvosa). A posição dos amostradores afetou significativamente a estrutura da comunidade de macroinvertebrados, na medida em que locais próximos dos tanques rede apresentaram valores mais elevados para as métricas de comunidade, como riqueza e diversidade. Amostras próximas aos tanques rede apresentaram um maior número de indivíduos em ambas as estações do ano, com predomínio de Chironomidae (Diptera) na estação seca e Tubificidae (Oligochaeta) na estação chuvosa.
Descritores: Monitoramento Ambiental/métodos
Ecossistema
Ciclídeos
Invertebrados
-Oligoquetos
Estações do Ano
Microbiologia da Água
Qualidade da Água
Chironomidae
Monitoramento Ambiental/estatística & dados numéricos
Densidade Demográfica
Cadeia Alimentar
Biodiversidade
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-828079
Autor: Barros, M P; Gayeski, L M; Tundisi, J G.
Título: Benthic macroinvertebrate community in the Sinos river drainage basin, Rio Grande do Sul, Brazil / A comunidade de macroinvertebrados bentônicos da bacia hidrográfica do rio dos Sinos, Rio Grande do Sul, Brasil
Fonte: Braz. j. biol;76(4):942-950, Oct.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Aquatic macroinvertebrate fauna is a relevant component of limnic continental aquatic ecosystems, playing an important role in several processes with relevant biocomplexity. The present study characterized the benthic macroinvertebrate fauna found in three hydric bodies in the Sinos river drainage basin regarding community structure. Sample was collected from January to December 2013 in three locations in the basin: the city of Caraá (29 °45’45.5”S/50°19’37.3”W), the city of Rolante (29°38’34.4”S/50°32’33.2”W) and the city of Igrejinha (29°36’10.84”S/50°48’49.3”W). Abiotic components (pH, dissolved oxygen and temperature) were registered and collected samples were identified up to family type. Average annual pH, dissolved oxygen and temperature were similar in all locations. A total of 26,170 samples were collected. Class Insecta (Arthropods) represented 85.5% of total sample. Platyhelmintes, Mollusca and Annelida samples were also registered. A total of 57 families were identified for the drainage basin and estimators (Chao-1, Chao-2 and jackknife 2) estimated richness varying from 60 to 72 families.

Resumo A fauna de macroinvertebrados aquáticos é um relevante componente dos ecossistemas aquáticos límnicos continentais, atuando em vários processos de importante biocomplexidade. O presente estudo caracterizou a fauna de macroinvertebrados bentônicos em três corpos hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio dos Sinos, em relação a estrutura da comunidade. Amostragens foram realizadas de janeiro a dezembro de 2013 em três locais na bacia: Município de Caraá (29°45’45,5”S/50°19’37,3”W), Município de Rolante(29°38’34,4”S/50°32’33,2”W) e Município de Igrejinha(29°36’10,84”S/50°48’49,3”W). Variáveis abióticas (pH, oxigênio dissolvido e temperatura) foram registradas e os exemplares coletados identificados até família. As médias anuais de pH, oxigênio dissolvido e temperatura foram similares em todos os pontos. Um total de 26.170 exemplares foi amostrado. A Classe Insecta (Arthropoda) representou 85,5% do total. Platyhelmintes, Mollusca e Annelida também foram registrados. Foram determinadas 57 famílias para a bacia hidrográfica e os estimadores (Chao-1, Chao-2 e jackknife 2) projetaram uma riqueza variando de 60 a 72.
Descritores: Ecossistema
Biodiversidade
Invertebrados/crescimento & desenvolvimento
-Brasil
Monitoramento Ambiental
Rios
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-710047
Autor: Oliveira, Elna Mugrabi; Goldim, José Roberto.
Título: Legislação de proteção animal para fins científicos e a não inclusão dos invertebrados - análise bioética / La legislación de protección animal para fines científicos y la no inclusión de los invertebrados - un análisis bioético / Animal protection legislation for scientific purposes and the non-inclusion of invertebrates a bioethical analysis
Fonte: Rev. bioét. (Impr.);22(1):45-56, jan.-abr. 2014.
Idioma: pt.
Resumo: A legislação que regulamenta o uso de animais para fins científicos nos países ocidentais segue princípios semelhantes, diferindo apenas em complexidade e extensão. Em geral, a lei protege apenas os vertebrados por considerá-los dotados da capacidade de ter experiências subjetivas como dor e sofrimento. Estudos utilizando parâmetros fisiológicos, neuroanatômicos e comportamentais evidenciam a senciência em invertebrados como cefalópodes e decápodes, dando-lhes o direito de proteção legal em alguns países. Sugerimos uma abordagem de senciência com requisitos elementares, não restritos apenas aos vertebrados. Fatores socioeconômicos e o especismo parecem influenciar a não atribuição de senciência aos invertebrados. Portanto, fica evidente a necessidade de uma análise bioética para fundamentar a inclusão desses animais na legislação. O "benefício da dúvida" é corroborado pelos argumentos da "continuidade evolutiva" e do "princípio da precaução". Nesse ínterim sugerimos que a utilização dos invertebrados para fins científicos seja criteriosa e responsável.

La legislación reguladora del uso de animales para fines científicos en países occidentales sigue principios similares, distinguiéndose en complejidad y extensión. En general, la ley protege apenas a los vertebrados, considerándolos dotados de capacidad de tener experiencias subjetivas como dolor y sufrimiento. Estudios utilizando parámetros fisiológicos, neuroanatómicos y comportamentales demuestran sintiencia en invertebrados como cefalópodos y decápodos, dándoles el derecho de protección legal en algunos países. Sugerimos un enfoque de sintiencia con requisitos elementales, que no se restrinjan únicamente a vertebrados. Factores socio-económicos y el especisismo parecen influir en la no atribución de sintiencia a invertebrados. Así, se hace evidente la necesidad de un análisis bioético para fundamentar la inclusión de esos animales en la legislación. El "beneficio de la duda" es corroborado por los argumentos de "continuidad evolutiva" y "principio de precaución". En ese ínterin, sugerimos que la utilización de los invertebrados para fines científicos sea criteriosa y responsable.

Animal welfare legislation in Western countries follows similar principles, differing mainly in complexity and scope. The legislation basically protects vertebrates, since it considers them capable of having subjective experiences such as pain and suffering. Studies utilizing physiological, neuroanatomical and behavioral parameters indicate that invertebrates like cephalopods and decapods are sentient beings, and thus eligible for legal protection in some countries. We suggest an approach to sentience that uses basic requirements, not restricted to vertebrates. Social and economic factors as well as species seem to influence the non-attribution of sentience to invertebrates. Thus, it is evident the need for a bioethical analysis to substantiate their inclusion in the legislation. The "benefit of doubt" is supported by the arguments of "evolutionary continuity" and "principle of precaution". In the mean time we suggest that the use of invertebrates for scientific purposes should be cautious and sensible.
Descritores: Bioética
Direitos dos Animais
Experimentação Animal/legislação & jurisprudência
Invertebrados
Legislação como Assunto
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  10 / 168 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-574701
Autor: Baccaro, Fabricio Beggiato; Ketelhut, Suzana Maria; Morais, José Wellington de.
Título: Efeitos da distância entre iscas nas estimativas de abundância e riqueza de formigas em uma floresta de terra-firme na Amazônia Central / Effects of bait spacing on ant abundance and richness in one forest at Central Amazonia
Fonte: Acta amaz;41(1):115-122, mar. 2011. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Coletas com iscas são amplamente utilizadas para investigar a atividade de formigas de solo e vegetação e também podem ser empregadas para estimar o número de espécies e a abundância de formigas. Apesar de ser barata e fácil de implementar, a riqueza e abundância das formigas estimadas por iscas podem ser enviesadas por alguns fatores, como a distância entre iscas. Neste trabalho, avaliamos se a distância entre iscas altera as estimativas de abundância e riqueza de formigas e qual distância entre iscas resulta na melhor relação entre custo financeiro e número de espécies amostradas, objetivo da maioria dos relatórios de impacto ambiental. Amostramos 30 transectos de 100 m com distância entre iscas diferentes (2,5; 3,4; 5; 6,7; 10 e 20 m), distribuídos em uma área de 1 km² em uma floresta de terra-firme ao norte de Manaus. Independente da distância entre iscas, o número de espécies coletado a cada cinco iscas, foi aproximadamente 8, e a abundância média foi maior que 50 indivíduos. No entanto o número de espécies por isca foi maior em transectos com maior distância entre iscas. Transectos com distância entre iscas de 10 e 20 m, coletaram 50 por cento mais espécies por isca que transectos com iscas distantes a 2,5 e 3,4 m entre si. Nossos resultados sugerem que nesta área, a amostragem mais eficiente desse método de coleta seria distribuir 450 iscas a cada 10 m ou 20 m no solo da floresta.

Baits are widely used to investigate the activity of terrestrial and arboreal ants, but also can be used to estimate the ant abundance and species richness. Despite the fact that baiting are cheap and easy to implement, many factors, such as the distance between baits, may influence the estimate of ant species richness and abundance. In this study, we evaluated the effects of bait spacing on abundance and the number of ant species. We also demonstrate which distance between baits showed the best relationship between costs and number of ant species sampled. We sampled 30 transects of 100 m with bait spacing ranging from 2.5 to 20 m, spread over 1 km² of a "terra-firme" forest situated at North of Manaus. The bait spacing did not affect the ant diversity estimative. Regardless bait spacing, the number of species collected every five baits was around 8, and the average abundance was approximately 50 individuals. However the number of species per bait was higher in transects with larger bait spacing. Transects with bait spacing of 10 m and 20 m, collected 50 percent more species than transects with baits placed 2.5 m and 3.4 m apart. Our results suggest that at this forest, the most efficient sampling design using only baits would be place 450 baits every 10 m or 20 m at the forest floor.
Descritores: Armazenamento de Substâncias, Produtos e Materiais
Meio Ambiente
Floresta Úmida
Invertebrados
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde