Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.500.131.617.412.165 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 73 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 8 ir para página                    

  1 / 73 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-974335
Autor: Naeem, Muhammad; Aslam, Zubair; Khaliq, Abdul; Ahmed, Jam Nazir; Nawaz, Ahmad; Hussain, Mubshar.
Título: Plant growth promoting rhizobacteria reduce aphid population and enhance the productivity of bread wheat
Fonte: Braz. j. microbiol;49(supl.1):9-14, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Plant growth promoting rhizobacteria increase plant growth and give protection against insect pests and pathogens. Due to the negative impact of chemical pesticides on environment, alternatives to these chemicals are needed. In this scenario, the biological methods of pest control offer an eco-friendly and an attractive option. In this study, the effect of two plant growth promoting rhizobacterial strains (Bacillus sp. strain 6 and Pseudomonas sp. strain 6K) on aphid population and wheat productivity was evaluated in an aphid susceptible (Pasban-90) and resistant (Inqlab-91) wheat cultivar. The seeds were inoculated with each PGPR strain, separately or the combination of both. The lowest aphid population (2.1 tiller−1), and highest plant height (85.8 cm), number of spikelets per spike (18), grains per spike (44), productive tillers (320 m−2), straw yield (8.6 Mg ha−1), and grain yield (4.8 Mg ha−1) were achieved when seeds were inoculated with Bacillus sp. strain 6 + Pseudomonas sp. strain 6K. The grain yield of both varieties was enhanced by 35.5-38.9% with seed inoculation with both bacterial strains. Thus, the combine use of both PGPR strains viz. Bacillus sp. strain 6 + Pseudomonas sp. strain 6K offers an attractive option to reduce aphid population tied with better wheat productivity.
Descritores: Afídeos/crescimento & desenvolvimento
Pseudomonas/fisiologia
Bacillus/fisiologia
Triticum/crescimento & desenvolvimento
-Doenças das Plantas/parasitologia
Doenças das Plantas/prevenção & controle
Microbiologia do Solo
Triticum/microbiologia
Triticum/parasitologia
Controle Biológico de Vetores
Dinâmica Populacional
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1025901
Autor: Silva, Rafael Azevedo da; Degrande, Paulo; Souza, Ellen Patricia de; Carducci, Carlos Eduardo; Leal, Matheus Fuchs; Pereira, Matheus Dalla Cort.
Título: Entomofauna associated with Avena sativa in southern Mato Grosso do Sul, Brazil / Entomofauna associada à cultura da aveia branca no sul do Mato Grosso do Sul, Brasil
Fonte: Arq. Inst. Biol;86:e1012017, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: This study was aimed at examining the composition of insects and fluctuations in their populations in Avena sativa in southern Mato Grosso do Sul. The study was carried out at the experimental farm of the Federal University of Grande Dourados (FAECA) in Dourados, Mato Grosso do Sul, in 2014 and 2015, in an area of three hectares divided into 80 plots of 169 m2 each. The assessments were carried out weekly by sampling the area within a 0.25-m2 metal frame, totaling ten evaluations. Within the frame, ten plants were examined for aphids and all plants were inspected for other insects. Based on the faunistic analysis (abundance, constancy, frequency, and dominance), eight species were observed during the two years of study. The most frequent, abundant, dominant, and recurring species were Rhopalosiphum padi, Spodoptera frugiperda and dipterans of the family Syrphidae (hoverfly). The population of R. padi increased until approximately the 40th day after emergence (DAE), when the highest abundance of hoverflies was also observed. After that, the population of R. padi decreased. The aphid R. padi was the main insect observed in A. sativa during the two years of study but were naturally controlled by hoverflies; therefore, chemical intervention was not needed.(AU)

O objetivo deste trabalho foi analisar a composição faunística de insetos e sua flutuação populacional em Avena sativa na região sul do Mato Grosso do Sul. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental da Universidade Federal de Grande Dourados (FAECA), em Dourados, Mato Grosso do Sul, em uma área de três hectares divididos em 80 lotes de 169 m2 cada, nos anos de 2014 e 2015. As avaliações foram realizadas semanalmente por amostragem da área em uma estrutura metálica de 0,25 m2, perfazendo um total de dez avaliações. Dentro da estrutura, dez plantas foram examinadas para pulgões e todas as plantas foram inspecionadas quanto a outros insetos. Baseado na análise faunística (abundância, constância, frequência e dominância), oito espécies foram observadas durante os dois anos de estudo. As espécies mais frequentes, abundantes, dominantes e constantes foram Rhopalosiphum padi, Spodoptera frugiperda e dípteros da família Syrphidae. A população de R. padi aumentou até aproximadamente o 40° dia após a emergência (DAE), momento esse em que também houve a maior presença de sirfídeos. A partir deste ponto, ocorreu a diminuição na população de R. padi. O pulgão R. padi foi o principal inseto observado em A. sativa durante os dois anos de estudo, mas paralelamente houve um bom controle natural por sirfídeos, sendo dispensável, portanto, a necessidade de intervenções químicas.(AU)
Descritores: Afídeos
Avena
-Spodoptera
Insetos
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  3 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1024550
Autor: Girão Filho, José Edmir; Pádua, Luiz Evaldo de Moura; Portela, Gilson Lages Fortes; Sousa, Francinalva de Morais.
Título: Thermal requirements and age-specific life tables of cowpea aphids in cowpea under natural field conditions / Exigências térmicas e tabelas de expectativa de vida específicas para pulgão preto em feijão-caupi sob condições naturais de campo
Fonte: Arq. Inst. Biol;86:e0502018, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Thermal requirements and life tables of insects are important tools in the ecological management of pests. Thus, this study aimed to construct age-specific life tables for Aphis craccivora at different times of the year and, based on their thermal requirements, predict the occurrence of adults under field conditions. To that end, aphids of known age were kept in cages over cowpea plants at different times of the year - November 2016 and March, April, and June 2017 - at the Agricultural Sciences Center of the Federal University of Piauí. Parameters of development, fertility, and mortality were observed daily, allowing us to construct age-specific life tables, as well as an accumulated degree-day model to predict adult occurrence. The time of year affected the first and second stages of development of the cowpea aphid, the nymphal and reproductive periods, longevity, the biological cycle, the number of nymphs produced per female, the daily production of nymphs per female, life expectancy (ex), and survival (Lx). However, the fertility life tables showed significant differences only in the net reproduction rate (R0). The proposed degree-day model reached an accuracy of one day or more than the observed value, with a maximum error of 12.9%. We concluded that the proposed model is adequate to predict the occurrence of adults in the field and that the population parameters of A. craccivora in cowpea are negatively affected during November and positively affected in June.(AU)

As exigências térmicas dos insetos, bem como as tabelas de vida, são ferramentas importantes para o manejo ecológico de pragas. Assim, objetivou-se elaborar as tabelas de expectativa de vida específicas para Aphis craccivora em diferentes épocas do ano e, como base em suas exigências térmicas, prever a ocorrência de adultos em condições de campo. Para isso, pulgões de idade conhecida foram mantidos em gaiolas sobre feijão-caupi em diferentes épocas do ano, novembro de 2016 e março, abril e junho de 2017, no Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Piauí. Os parâmetros de desenvolvimento, fertilidade e mortalidade foram observados diariamente, permitindo a elaboração das tabelas de expectativa de vida, bem como a obtenção dos Graus-dia acumulados para a predição de ocorrência adulta. A época do ano afetou significativamente o primeiro e o segundo estádio de desenvolvimento do pulgão-preto-do-caupi, bem como os períodos ninfal e reprodutivo, a longevidade, ciclo biológico, o número de ninfas produzidas por fêmea e a produção diária de ninfas por fêmea, bem como a expectativa de vida (ex) e sobrevivência (Lx). No entanto, para as tabelas de vida de fertilidade, só houve diferenças estatísticas para a taxa líquida de reprodução (Ro). O modelo Graus-dia proposto obteve uma precisão de um dia ou mais do que o valor observado, com erro máximo de 12,9%. Concluiu-se que o modelo proposto é adequado para predizer a ocorrência de adultos no campo e que os parâmetros populacionais de A. craccivora em feijão-caupi são afetados negativamente durante o mês de novembro e positivamente em junho.(AU)
Descritores:
Afídeos
Tábuas de Vida
Insetos
-Controle de Pragas
Vigna
Ninfa
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  4 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1009809
Autor: Manfrino, Romina G; Zumoffen, Leticia; Salto, César E; López Lastra, Claudia C.
Título: Ocurrencia natural de hongos entomophthorales de áfidos plaga de Medicago sativa L. en Argentina / Natural occurrence of entomophthoroid fungi of aphid pests on Medicago sativa L. in Argentina
Fonte: Rev. argent. microbiol;46(1):49-52, mar. 2014.
Idioma: en.
Resumo: Se encontraron cuatro especies de hongos Entomophthorales, Pandora neoaphidis, Zoophthora radicans, Entomophthora planchoniana (Entomophthorales: Entomophthoraceae) y Neozygites fresenii (Neozygitales: Neozygitaceae) infectando a Aphis craccivora, Therioaphis trifolii, Acyrthosiphon pisum y a especies no identificadas pertenecientes al género Acyrthosiphon en cultivos de alfalfa (Medicago sativa L.), en la Argentina. Los muestreos fueron realizados en cinco sitios (Ceres, Rafaela, Sarmiento, Monte Vera y Bernardo de Irigoyen) de la provincia de Santa Fe. Zoophthora radicans fue el patógeno más importante registrado principalmente en Acyrthosiphon sp. Zoophthora radicans fue exitosamente aislado y mantenido en cultivos puros. Este estudio documenta por primera vez en la Argentina la presencia de hongos Entomophthorales infectando áfidos en alfalfa

Four species of entomophthoroid fungi, Pandora neoaphidis (Entomophthorales: Entomophthoraceae), Zoophthora radicans (Entomophthorales: Entomophthoraceae), Entomophthora planchoniana (Entomophthorales: Entomophthoraceae) and Neozygites fresenii (Neozygitales: Neozygitaceae) were found to infect Aphis craccivora, Therioaphis trifolii, and Acyrthosiphon pisum and unidentified species of Acyrthosiphon on lucerne in Argentina. Samples were collected from five sites (Ceres, Rafaela, Sarmiento, Monte Vera and Bernardo de Irigoyen) in the province of Santa Fe. In this study, Zoophthora radicans was the most important pathogen and was recorded mainly on Acyrthosiphon sp. Zoophthora radicans was successfully isolated and maintained in pure cultures. This study is the first report of entomophthoroid fungi infecting lucerne (Medicago sativa L.) aphids in Argentina
Descritores: Afídeos/patogenicidade
Argentina/epidemiologia
Medicago sativa/toxicidade
-Entomophthorales/isolamento & purificação
Entomophthorales/classificação
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: AR635.1 - FCVyS - Servicio de Información y Documentación


  5 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-909142
Autor: Lima, Rafaela Karin; Cardoso, Maria das Graças; Moraes, Jair Campos; Carvalho, Stephan Malfitano; Melo, Bruno Almeida; Vieira, Sara Silveira.
Título: Composição química e toxicidade de óleos essenciais para o pulgão-verde Schizaphis graminum (Rondani, 1852) / Chemical composition and toxicity of essential oils to the green-aphid Schizaphis graminum (Rondani, 1852)
Fonte: Arq. Inst. Biol;81(1):22-29, mar. 2014. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo identificar e quantificar os constituintes dos óleos essenciais de Illicum verum, Ageratum conyzoides, Piper hispidinervum e Ocotea odorifera, bem como avaliar a toxicidade para o pulgão-verde Schizaphis graminum. A qualificação dos constituintes foi realizada por meio de um cromatógrafo gasoso + espectrômetro de massas, e a quantificação, por um cromatógrafo gasoso + detector de ionização de chama, ambos com uma coluna DB5. O método de hidrodestilação promoveu um rendimento (p/p) de 3,81% para I. verum, 0,46% para A. conyzoides, 2,85% para P. hispidinervum e 0,68% para O. odorífera. Já os componentes majoritários foram: precoceno (87,0%) e (E)-cariofileno (7,1%) para A. conyzoides; (E)-anetol (90,4%), limoneno (2,6%) e metil-chavicol (1,3%) para I. verum; metil-eugenol (81,2%) e safrol (10,6%) para Ocotea odorífera; e safrol (82,5%) e α-terpinoleno (13,4%) para P. hispidinervum. Pelos testes de toxicidade aguda (24 horas) com folhas de sorgo ou papel-filtro contaminados, verificou-se que o óleo de A. conyzoides foi o mais tóxico para o pulgão, com CL50 de 7,13 e 7,08 µL óleo/cm2 respectivamente, seguido por O. odorifera com CL50 de 11,80 e 103,00 µL óleo/cm2 respectivamente; I. verum de 51,80 µL óleo/cm2 em ambos os substratos; e o menos tóxico foi o óleo essencial de P. hispidinervum, com CL50 de 62,50 e 143,00 µL óleo/cm2, respectivamente. Dessa maneira, sugere-se que o uso dos óleos essenciais pode representar uma nova ferramenta em programas de manejo integrado de pragas.(AU)

The aim of this study was to assess the chemical composition of essential oils of Illicum verum, Ageratum conyzoides, Piper hispidinervum and Ocotea odorífera, as well as their toxicity to the green-aphid Schizaphis graminum. Compound identification was carried out with gas chromatography + mass spectrometry, and quantification with gas chromatography + flame ionization detector, both with DB5 column. The hydrodistillation process promoted oil yield of 3.81% for I. verum; 0.46% for A. conyzoides; 2.85 % for P. hispidinervum; and 0.68 % for O. odorífera. The major components from the oils of A. conyzoides was precocene (87.0%) and (E)-caryophyllene (7.1%); (E)-anethol (90.4%), limonene (2.6%) and methyl-chavicol (1.3%) for I. verum; methyleugenol (81.2%) and safrole (10.6%) for O. odorifera; and safrole (82.5%) and α-terpinolene (13.4%) for P. hispidinervum. The acute toxicity test (24 hours) performed by contact in sorghum leaves or contaminated filter-paper showed that the higher toxicity occur with essential oils of A. conyzoides, with LC50 of 7.01 and 7.01 µg oil/cm2, respectively; followed by O. odorifera, with LC50 of 17.10 and 66.70 µg oil/cm2, respectively; I. verum, with LC50of 66.40 and 65.40 µg oil/cm2, respectively; and low toxicity was observed for the P. hispidinervum essential oil, with LC50 of 64.00 and 143.00 oil/cm2, respectively. With the results obtained in this research, we can state that the use of these essential oils can be a new tool in integrated pest management.(AU)
Descritores: Afídeos
Óleos Voláteis
Illicum/administração & dosagem
-Ocotea
Ageratum
Piper
Inseticidas
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  6 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1006858
Autor: Vieira, Estela Rosana Durães; Soares, Marcus Alvarenga; Silva, Enilson de Barros; Assis Júnior, Sebastião Lourenço; Barroso, Gabriel Alves.
Título: First record of Myzus persicae (Sulzer, 1776) in Eucalyptus urophylla S. T. Blake / Primeiro registro de Myzus persicae (Sulzer, 1776) em Eucalyptus urophylla S. T. Blake
Fonte: Arq. Inst. Biol;83:e0382015, 2016.
Idioma: en.
Resumo: Insect pests are limiting factors to the expansion of Eucalyptus spp. plantations in Brazil. Aphids of the species Myzus persicae (Sulzer, 1776) (Hemiptera: Aphididae) are a key pests in different crops and may negatively affect the growth, development and survival of plants. This paper reports the first record of M. persicae in seedlings of Eucalyptus urophylla grown in a greenhouse in Diamantina, Minas Gerais state, Brazil. This finding suggests the implementation of an integrated management program for this aphid, in order to prevent it from becoming a pest in Eucalyptus.(AU)

Insetos considerados pragas são fatores limitantes à expansão da eucaliptocultura no Brasil. Os pulgões da espécie Myzus persicae (Sulzer, 1776) (Hemiptera: Aphididae) podem ser pragas-chave em diversas culturas, pois afetam negativamente o crescimento, o desenvolvimento e a sobrevivência das plantas. Este trabalho relata o primeiro registro de ocorrência de M. persicae em mudas de Eucalyptus urophylla conduzidas em casa de vegetação no município de Diamantina, MG, Brasil. Essa constatação sugere a implantação de um programa de manejo integrado para tal afídeo, a fim de evitar que ele se torne praga para a cultura do eucalipto.(AU)
Descritores: Afídeos
Controle de Pragas
Eucalyptus
Insetos
-Plantas
Limites: Animais
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  7 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-998426
Autor: Girão Filho, José Edmir; Pádua, Luiz Evaldo de Moura; Portela, Gilson Lages Fortes; Sousa, Francinalva de Morais; Silva, Jayara Dayany da Costa.
Título: Thermal requirements, life expectancy and fertility tables of Aphis craccivora (Hemiptera: Aphididae) in Vigna unguiculata (Fabales: Fabaceae) under laboratory conditions / Exigências térmicas e tabelas de esperança de vida e fertilidade de Aphis craccivora (Hemiptera: Aphididae) em Vigna unguiculata (Fabales: Fabaceae) sob condições de laboratório
Fonte: Arq. Inst. Biol;86:e0142018, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The objective of this research was to determine the thermal requirements and develop life expectancy and fertility tables of Aphis craccivora (L.) in Vigna unguiculata (Walp.). The insects were kept in Petri dishes and fed V. unguiculata leaf discs (cultivar BRS-Tumucumaque) under five constant temperatures (18, 22, 25, 28 and 31ºC). Live and dead insects and stages of development; the onset and duration of the pre-reproductive, reproductive and post-reproductive periods; the number of nymphs per female; and the longevity of the adults were quantified daily. Based on these observations, fertility life expectancy tables were developed, and the thermal requirements of the cowpea black-aphid were determined. Increased temperature influenced all stages of insect development, as well as the pre-reproductive and post-reproductive periods and the total number of nymphs per female. The base temperature for development was 9.13ºC with thermal development constant of 99.0 GD. The highest net reproduction rate (Ro) was at 25ºC. At 28ºC, the greatest capacity to increase in number (rm) was observed, as well as the highest finite rate of increase (λ) and the shortest time to double in number (TD). The thermal range between 22 and 28ºC can be considered most favourable to the development of A. ­craccivora in V. unguiculata. Temperatures below 22 and above 28ºC affect the fertility and survival of cowpea black-aphids. Increased temperature induces reproduction and reduces the longevity and life expectancy of A. craccivora in cowpeas.(AU)

Objetivou-se com esta pesquisa determinar as exigências térmicas e elaborar as tabelas de esperança de vida e de fertilidade de Aphis craccivora (L.) em Vigna unguiculata (Walp.). Os insetos foram mantidos em placas de Petri, alimentados com discos foliares de V. unguiculata, cultivar BRS-Tumucumaque, sob 5 temperaturas constantes: 18, 22, 25, 28 e 31ºC. Diariamente, foram quantificados os insetos vivos e mortos, o estádio de desenvolvimento, bem como o início e a duração dos períodos pré-reprodutivo, reprodutivo e pós-reprodutivo, o número de ninfas por fêmea e a longevidade de adultos. Com base nessas observações, elaboraram-se as tabelas de esperança de vida de fertilidade e determinaram-se as exigências térmicas do pulgão-preto do caupi. O aumento da temperatura influenciou todos os estádios de desenvolvimento do inseto, bem como os períodos pré-reprodutivo e pós-reprodutivo e o número total de ninfas por fêmea. A temperatura base de desenvolvimento foi de 9,13ºC, e a constante térmica de desenvolvimento, de 99,0 GD. A maior taxa líquida de reprodução (Ro) foi a 25ºC. A 28ºC, constatou-se a maior capacidade de aumentar em número (rm), bem como a maior razão finita de aumento (λ) e menor tempo para duplicar em número (TD). Pode-se considerar que a faixa térmica mais favorável ao desenvolvimento de A. craccivora em V. unguiculata está entre 22 e 28ºC. Temperaturas abaixo de 22 e acima de 28ºC prejudicam a fertilidade e a sobrevivência do pulgão-preto do caupi. O aumento da temperatura antecipa a reprodução e reduz a longevidade e esperança de vida de A. craccivora em feijão-caupi.(AU)
Descritores: Afídeos/crescimento & desenvolvimento
Controle de Pragas
Vigna
-Temperatura Ambiente
Vetores de Doenças
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  8 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-997509
Autor: Torrez Mamani, Juan José.
Título: Caracterización fisicoquímica de los aceites esenciales, obtenidos a nivel laboratorio y piloto para el control de afidos / Physicochemical characterization of essential oils, obtained at the laboratory and pilot level for the control of aphids.
Fonte: La Paz; s.n; 2012. 1-132 p. ilus, tab, graf.
Idioma: es.
Tese: Apresentada a Universidad Mayor de San Andrés para obtenção do grau de Especialista.
Resumo: El presente trabajo realiza la caracterización fisicoquímica de los aceites esenciales de ajenjo, Muña y Khoa escala laboratorio. El aceite esencial extraído de Khoa a escala piloto en la Carrera de Química Industrial (capacidad instalada, 100 litros) fue probado en su actividad biocida sobre pulgones en laboratorio. Los resultados han mostrado que en las zonas de colección (Ambana y Sorata) coexisten varias especies de Lamiaceas, el rendimientos en aceite esencial de M. Andina fue 1,2 %, C. bolivianum 2,4% y A. absinthium 0,85%. Las propiedades fisicoquímicas son características de cada especie, resultando el aceite de ajenjo diferente en sus propiedades organolépticas (azul, amargo) en relación a Muña y Khoa que son similares (amarillo, agrio), así como el resto de medidas como acidez, densidad, etc. El aceite esencial de C. bolivianum extraído a nivel piloto ha mostrado diferentes características fisicoquímicas al del aceite extraído a escala laboratorio. La actividad biocida del aceite esencial de C. bolivianum a diferentes dosificaciones y tiempos de evaluación sobre pulgones (Mizus pérsicae), ha mostrado hasta las 8 horas una CL50% 1ml/5,8 L. Con respecto a la evaluación económica el precio de venta debe ser 40 Bs/10 ml de aceite crudo. (AU)
Descritores: Afídeos
Óleos Voláteis
Artemisia
-Plantas Medicinais
Bolívia
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-914365
Autor: Moraes, Jair Campos; Goussain, Márcio Marcos; Vilela, Michelle; Prado, Ernesto.
Título: Comportamento de prova do pulgão-verde Schizaphis graminum (Rond. ) (Hemiptera: aphididae) em plantas de trigo tratadas com silício e dimetoato / Greenbug Schizaphis graminum (Rond. ) (Hemiptera: aphididae) probing behavior in wheat plants treated with silicon and dimetoate
Fonte: Biosci. j. (Online);29(1):(83-90), jan./feb. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: No presente trabalho objetivou-se avaliar o efeito do silício e do inseticida dimetoato no comportamento de prova do pulgão-verde Schizaphis graminum (Rond.) (Hemiptera: Aphididae) em plantas de trigo. Os tratamentos foram: 1) silício no solo, 2) silício no solo + foliar, 3) silício via foliar, 4) silício no solo + aplicação de inseticida, 5) silício no solo + foliar e aplicação de inseticida, 6) silício via foliar + aplicação de inseticida, 7) sem silício e aplicação de inseticida e 8) sem silício e sem aplicação de inseticida. Os dados foram comparados pela análise de variância multifatorial para cada um dos fatores separadamente. Os dados de porcentagem foram analisados pelo teste de quiquadrado. Não foi verificado interação do silício e dimetoato e, também, do efeito isolado do silício no comportamento de prova do pulgão. Entretanto, em plantas tratadas com dimetoato, uma maior porcentagem de insetos apresentaram fase xilemática e um menor número de pulgões alcançaram o floema. De maneira geral, a aplicação do dimetoato mudou o comportamento de prova do pulgão-verde.

The aim of this work was to evaluate the effect of silicon and the insecticide dimetoate in the probing behavior of the greenbug Schizaphis graminum (Rond.) (Hemiptera: Aphididae) in wheat plants. The treatments were: 1) silicon in soil, 2) silicon in the soil plus foliar spraying, 3) silicon foliar, 4) silicon soil plus insecticide, 5) silicon in soil plus foliar and insecticide, 6) foliar spraying of silicon and insecticide, 7) insecticide and 8) untreated. The data was compared by the multifactorial analysis of variance for each one of the factors separately. The percentage data was analyzed by the test of Chi-Square. It was not verified interaction of silicon and dimetoate and, also, of the isolated effect of silicon in the probing behavior of the greenbug. However, in plants treated with the dimetoate, a larger percentage of insects presented the xylem phase and lower number of aphids reached the phloem. In general, the application of dimetoate changed the probing behavior of the S. graminum.
Descritores: Afídeos
Silício
Triticum
Controle de Pragas
Hemípteros
Inseticidas
Responsável: BR396.4


  10 / 73 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-948001
Autor: Sousa de Alencar Silva, Thamiris; Cirino Nascimento, Juliana Erica; Vieira Porsani, Mariana; Lacerda Giacomin, Leandro; Poltronieri, Alex Sandro; Cassilha Zawadneak, Maria Aparecida; Chapaval Pimentel, Ida; Clemente Baratto, Leopoldo.
Título: Potencial inseticida de plantas medicinais encontradas na Amazônia Central contra o pulgão-da-couve Brevicoryne brassicae (L) (Hemiptera: Aphididae) / Insecticide potential of medicinal plants found in Central Amazonia against cabbage aphid Brevicoryne brassicae (L.) (Hemiptera: Aphididae)
Fonte: EntomoBrasilis;10(2):106-111, 2017.
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho objetivou avaliar o potencial inseticida e a ação repelente sobre o pulgão-da-couve [Brevicoryne brassicae (L.)] de extratos de cinco espécies de plantas ocorrentes e cultivadas na Amazônia Central: Crescentia cujete L., Himatanthus articulatus (Vahl) Woodson, Syzygium malaccense (L.) Merr. & L.M. Perry, Schnella sp. e Protium sp. Os extratos foram utilizados na concentração de 10% e o inseticida botânico a base de azadiractina (Azamax®) foi usado como controle. Para avaliação inseticida, discos de folhas de couve-manteiga com 3,5 cm de diâmetro foram individualizados em placas de Petri (6 cm ø) e infestados com 10 ninfas de B. brassicae (até 48 h de idade). 1,0 mL de cada um dos tratamentos foi pulverizado sobre os discos e após 24 h foi avaliada a mortandade. Para avaliação da repelência, discos foliares (3,5 cm ø) foram divididos em duas partes: 1,0 mL de cada tratamento foi pulverizado em uma das metades do disco, na mesma concentração empregada para avaliação da atividade inseticida. Uma hora após a pulverização, cinco adultos de B. brassicae foram transferidos para o centro do disco e após 24 h foi avaliado o número de adultos sobre a área tratada e não tratada do disco foliar. O resultados foram submetidos a teste de normalidade e análise de variância (ANOVA). O contato direto e residual dos extratos de C. cujete, H. articulatus e Schnella sp. causaram uma mortalidade de ninfas entre 97,6 e 100%, resultados esses mais expressivos que S. malaccense (54,6%) e Azamax® (35,1%). Não foi detectada ação repelente dos extratos sobre B. brassicae
Descritores: Afídeos
Plantas Medicinais
Inseticidas
-Brasil
Extratos Vegetais
Tipo de Publ: Relatório Técnico
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 8 ir para página                    
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde