Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.050.500.500.294.400.937.463.230 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5 [refinar]
Mostrando: 1 .. 5   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 5 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-658966
Autor: Bublitz, Giuliano Stefanello; Serapião, Maria José; Roberge, Vanessa Durieux; Coelho, Karina Munhoz de Paula Alves; Serapião, Carlos José.
Título: Dirofilariose humana em Joinville-SC: avaliação clinicopatológica dos primeiros casos relatados na região Sul / Human dirofilariasis in Joinville-SC: clinical-pathological assessment of the first cases reported in the Southern region
Fonte: J. bras. patol. med. lab;48(5):383-389, out. 2012. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: Dirofilariose é uma zoonose rara causada pelo gênero Dirofilaria e acomete principalmente os pulmões, sendo capaz de simular neoplasia pulmonar. Pouca informação está disponível na literatura sobre a ocorrência e a distribuição de dirofilariose humana na América do Sul. Até 2004, haviam sido descritos apenas 50 casos de dirofilariose humana pulmonar no Brasil, sendo 37 apenas em São Paulo. OBJETIVO: Comprovar a existência de dirofilariose na região de Joinville-SC. MATERIAIS E MÉTODOS: Revisão de arquivos de laboratórios de anatomia patológica da cidade à procura de casos com os termos granuloma parasitário, helminto, helmintíase, verme, Dirofilaria e dirofilariose. Foram incluídos na pesquisa casos que satisfizeram os critérios para dirofilariose, segundo literatura específica. Os prontuários foram revisados e as amostras reprocessadas e analisadas histologicamente por seis colorações diferentes. RESULTADOS: Encontrou-se um caso em globo ocular e sete casos pulmonares, sendo o lobo inferior a localização preferencial (cinco casos). A análise microscópica revelou, nos casos pulmonares, nódulo bem delimitado, frequentemente centrado em uma artéria, com reação granulomatosa e necrose associada à fibrose e infiltrado inflamatório mono e polimorfonuclear, sendo possível identificar segmentos do parasita degenerado, compatível com Dirofilaria immitis. DISCUSSÃO: Todos os parasitas encontrados apresentam características morfológicas idênticas às relatadas na literatura para Dirofilaria immitis. A presença de D. immitis no globo ocular, como observada em um dos pacientes na presente revisão, é rara. CONCLUSÃO: A ocorrência de dirofilariose humana foi confirmada em Joinville e região, sendo causada pela Dirofilaria immitis.

INTRODUCTION: Dirofilariasis is a rare zoonosis caused by Dirofilaria genus, which affects mainly the lungs and may be misdiagnosed as lung cancer. Little information is available regarding the occurrence and distribution of human dirofilariasis in South America. Only 50 cases of human pulmonary dirofilariasis were described in Brazil until 2004, of which 37 were located in São Paulo. OBJECTIVE: To prove the existence of dirofilariasis in Joinville, SC. MATERIAL AND METHODS: The records of anatomic pathology laboratories of the city were reviewed in search for cases with the terms parasitic granuloma, helminth, helminthiasis, worm, Dirofilaria and dirofilariasis. According to specific literature, the cases that met the criteria for dirofilariasis were included in the study. The medical records were reviewed and the samples reprocessed and histologically analyzed by six different stains. RESULTS: We found one ocular case and seven pulmonary cases. The lower lobe was the main location (five cases). In all pulmonary cases, microscopic analysis revealed well defined nodules, frequently centered in a pulmonary artery, with granulomatous reaction and necrosis associated with fibrosis and mono and polymorphonuclear inflammatory infiltrate. It was also possible to identify segments of the deteriorated worm consistent with Dirofilaria immitis. DISCUSSION: All parasites found in this study show morphological characteristics similar to those reported in the literature on Dirofilaria immitis. The presence of D. immitis in the eye, as reported in one of the patients from this review, is rare. CONCLUSION: The occurrence of human dirofilariasis was confirmed in Joinville and region and it was caused by Dirofilaria immitis.
Descritores: Dirofilaria
Dirofilaria immitis
Dirofilariose/epidemiologia
Dirofilariose/patologia
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR14.1 - Biblioteca Central


  2 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-645596
Autor: López, Javier; Valiente-Echeverría, Fernando; Carrasco, Marcela; Mercado, Rubén; Abarca, Katia.
Título: Identificación morfológica y molecular de filarías caninas en una comuna semi-rural de la Región Metropolitana, Chile / Morphological and molecular identification of canine filariae in a semi-rural district of the Metropolitan Region in Chile
Fonte: Rev. chil. infectol;29(3):248-289, jun. 2012. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introduction: To date, there has been no definitive confirmation of the presence of zoonotic dirofilariasis in dogs in Chile. Objectives: To study the presence of dirofilarias in blood samples from dogs collected in a semi-rural district near Santiago and to compare their frequency in dogs with and without dermatological manifestations. Methods: We examined 100 blood samples for dog filariae infections using microscopic methods (modified Knott technique). 50 dogs presented dermatological symptoms or signs compatible with filarial infections and 50 were asymptomatic. ITS-2 and 12s rDNA gene amplification by PCR and sequencing were performed in samples microscopically positive for microfilariae. Results. We observed microfilariae in 22 dogs (22%). Of these, 16/50 (32%) were symptomatic and 6/50 (12%) were asymptomatic (p = 0.02). Morphologically, the majority of micro-filariae were similar to Dirofilaria repens, although many had a bigger size than previously described. Nucleotide sequencing of the amplified genes showed no more than 95% homology with the D. repens sequences available for comparison. D. reconditum and D. dracunculoides infections were also identified. Conclusions: These features might indicate the presence of new species of Dirofilaria or a D. repens close related variant in Chile.

Introducción: A la fecha no hay datos concluyentes en Chile respecto a la presencia de dirofilariasis zoonótica en perros. Objetivos: Identificar la presencia de dirofilarias en sangre de perros de una comuna semi-rural cercana a Santiago y comparar su frecuencia en animales con y sin manifestaciones dermatológicas. Materialy Métodos. Se examinó un frotis sanguíneo de 100 perros en busca de microfilarias mediante observación microscópica (técnica de Knott modificada). Cincuenta perros presentaban síntomas o signos dermatológicos que se han asociado a esta parasitosis y 50 eran asintomáticos. Se amplificaron los genes ITS-2 y 12s ADNr de filarías en las muestras con microfilarias al frotis, secuenciando los fragmentos amplificados. Resultados: Se observaron microfilarias en 22 perros (22%), 16/50 (32%) sintomáticos y 6/50 (12%) asintomáticos (p = 0,02). Morfológicamente, la mayoría de las microfilarias observadas fueron similares a D. repens; sin embargo, una gran proporción mostró un tamaño mayor al descrito para esta especie. Las secuencias nucleotídicas de los genes amplificados mostraron una homología no mayor al 95% con las secuencias de D. repens disponibles para comparación. Se identificaron además dos especies poco patógenas, D. reconditum por morfología y secuenciación genética y D. dracunculoides por morfología. Conclusiones: Los resultados indican la existencia de una nueva especie de Dirofilaria cercanamente relacionada a D. repens o de una variante de esta especie.
Descritores: Dirofilaria/classificação
Dirofilariose/sangue
População Rural/classificação
-Chile/epidemiologia
Dirofilaria repens/isolamento & purificação
Dirofilaria/anatomia & histologia
Dirofilariose/epidemiologia
Doenças do Cão/diagnóstico
Filogenia
Reação em Cadeia da Polimerase
Prevalência
Análise de Sequência de DNA
Limites: Animais
Cães
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  3 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-431270
Autor: Guerra, Rodrigo Jorge de Alcantara.
Título: Diagnóstico molecular de Dirofilaríase pulmonar humana causada por Dirofilaria immitis baseado na seqüência do espaçador ribossomal ITS2 / Molecular diagnosis of Human Pulmonary Dirofilariasia human being caused for based Dirofilaria immitis in the sequence of ribossomal spacer ITS2.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; ago. 2004. 70 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Instituto Oswaldo Cruz para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A dirofilaríase pulmonar humana (DPH) é uma doença que se caracteriza pela presença de nódulo pulmonar não calcificado ocasionado pela presença de vermes imaturos de D. immitis. Normalmente não produz ameaça à saúde do homem por apresentar evolução benigna e, apesar de estar relatada em todos os continentes e ser do conhecimento dos serviços de Radiologia e Pneumologia, poucos nódulos pulmonares retirados chegam ao diagnóstico final, ficando restrito a ser ou não uma neoplasia. Trabalhos prévios baseados na amplificação via reação em cadeia da polimerase (PCR) de regiões repetitivas de rDNA de D. immitis demonstraram a importância da utilização destas como marcadores moleculares espécie-específicos. Este trabalho teve como objetivo gerar subsídios necessários para a criação de um diagnóstico específico para DPH causada por D. immitis, para posterior aplicação de um estudo retrospectivo em materiais de biópsia parafinados contidos nos serviços de Anatomia Patológica. Desenhamos oligonucleotídeos a partir da seqüência do espaçador ribossomal ITS2 de D. immitis, e os utilizamos na técnica da PCR. O produto obtido foi clonado, seqüenciado e, posteriormente analisado com as ferramentas disponíveis no GenBank. Reações de PCR e nested-PCR utilizando como alvo DNA de D. immittis bem como dos nematóides filogeneticamente relacionados Litomosoide sp.,Onchocerca volvulus e Wuchereria bancrofti foram realizadas. Somente para D.immitis obtivemos produto com 405pb que demonstrou similaridade acima de 97 (por cento) com a região ITS2.As reações de “nested-PCR” dos produtos em que se utilizou DNA extraído de espécimes adultos fixados em formalina e emblocados em parafina resultaram em amplicons com aproximadamente 215pb, compatíveis com o tamanho esperado. Este trabalho visou a identificação espécie-específica de D.immitis, em materiais fixados em formalina e emblocados em parafina, sendo ainda o primeiro relato da utilização da técnica de nested-PCR com a mesma finalidade. Foi desenvolvido um diagnóstico molecular que poderá identificar dirofilaríase pulmonar em lesões pulmonares sem confirmação de etiologia. Com essa ferramenta molecular, a frequência dessa parasitose poderá ser melhor avaliada.
Descritores: Dirofilaria
Dirofilariose
-Dirofilaria immitis
DNA Intergênico
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas
BR15.1


  4 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-295040
Autor: Rodríguez Vivas, Roger I; Cob Galera, L.A; Domínguez Alpizar, José L.
Título: Hemoparásitos en bovinos, caninos y equinos diagnosticados en el laboratorio de Parasitología de la Facultad de Medicina Veterinaria y Zootecnica de la Universidad Autónoma de Yucatán (1984-1999) / Hemoparasityes in domestic animals, diagnosed in the parasitology laboratory of the Facultad de Medicina Veterinaria y Zootecnia of the universidad Autónoma de Yucatan (1984-1999)
Fonte: Rev. bioméd. (México);11(4):277-82, oct.-dic. 2000. tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción. Los hemoparásitos son organismos que pueden ser transmitidos a los animales domésticos por vectores mecánicos y biológicos. Su presencia en los animales domésticos produce cuadros hemáticos que afectan la salud animal. Material y métodos. Se revisaron los archivos del laboratorio de Parasitología de la Facultad de Medicina Veterinaria y Zootecnia de la Universidad Autónoma de Yucatán, de marzo de 1984 a diciembre de 1999. Se obtuvo la información de las muestras sanguíneas de bovinos, caninos y equinos que fueron remitidas y procesadas mediante las técnicas de Knott y frotis sanguíneos teñidos con Giemsa al 10 por ciento. Resultados. Se analizaron un total de 3010 muestras sanguíneas, de las cuales 2438 fueron de bovinos, 493 de caninos y 79 de equinos. Los hemoparásitos que se diagnosticaron en las distintas especies animales fueron los siguientes: bovinos: Babesia bovis (2.78 por ciento), Babesia bigemina (1.23 por ciento) y Anaplasma marginale (15.79 por ciento); caninos: Dirofilaria immitis (7.42 por ciento), Dipetalonema reconditum (5.88 por ciento) y Babesia canis (3.92 por ciento), y equinos: Babesia equi (3.79 por ciento) y Babesia caballi (2.53 por ciento). Conclusiones. Se concluye que los bovinos, caninos y equinos del estado de Yucatán se encuentran afectados por hemoparásitos que pueden afectar la salud y/o producción animal.
Descritores: Anaplasma/isolamento & purificação
Babesia bovis/isolamento & purificação
Dipetalonema/isolamento & purificação
Dirofilaria/isolamento & purificação
Vetores de Doenças
-Parasitos/patogenicidade
Saúde Pública Veterinária
Limites: Animais
Bovinos
Cães
Responsável: MX1.1 - CENIDSP - Centro de Información para Decisiones en Salud Pública


  5 / 5 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Larsson, Maria Helena Matiko Akao
Id: lil-114054
Autor: Larsson, Maria Helena Matiko Akao.
Título: Prevalência de microfilárias de Dirofilaria immitis em cäes do estado de Säo Paulo / Prevalence of Dirofilaria immitis microfilariae in dogs from the state of Säo Paulo
Fonte: Braz. j. vet. res. anim. sci;27(2):183-6, 1990. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Estudou-se a prevalência de microfilárias de Dirofilaria immitis em cäes do Estado de Säo Paulo, através de duas técnicas a saber: o método da gota espessa e a técnica de Knott modificada. Avaliaram-se, no total, 511 amostras de sangue de cäes adultos, de ambos os sexos, com e sem raça definida, provenientes do Ambulatório da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP, de clínicas particulares da Cidade de Säo Paulo e do Município de Ubatuba, das quais 80 (15,65%) mostraram-se positivas para a presença de microfilárias, assim distribuídas: 45 (8,80%) positivas para microfilárias de D. immitis, 33 (6,45%) positivas para microfilárias de Dipetalonema sp e 2 (0,39%) com infestaçäao mista. Pode-se concluir que a prevalência da dirofilariose canina em Säo Paulo aumentou nos últimos 10 anos, pois em trabalho realizado anteriormente detectou prevalência de 0,5%
Descritores: Estudos de Coortes
Dirofilaria
Microfilárias
Limites: Cães
Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde