Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.160 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 158 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 16 ir para página                         

  1 / 158 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-967303
Autor: Moura, Regiana dos Santos; Coelho Filho, Mauricio Antônio; Gheyi, Hans Raj; Jesus, Onildo Nunes de; Lima, Lucas Kennedy Silva; Junghans, Tatiana Goes.
Título: Overcoming dormancy in stored and recently harvested Passiflora cincinnata Mast. seeds / Superação de dormência em sementes de Passiflora cincinnata Mast. armazenadas e recém-colhidas
Fonte: Biosci. j. (Online);34(5):1158-1166, sept./oct. 2018.
Idioma: en.
Resumo: The treatment of seeds using growth regulators can overcome seed dormancy and increase the emergence and development of seedlings. The objective of this research was to evaluate the effect of different concentrations of GA4+7 + N-(phenyl methyl)-aminopurine on the dormancy breaking of Passiflora cincinnata Mast. seeds recently harvested and stored for six years. The study was conducted in a greenhouse at Embrapa Cassava and Tropical Fruits, in completely randomized design, in a 2 x 4 factorial scheme, with the following factors: year of seed harvest (2010 and 2016) and the emergence promoter GA4+7 + N-(phenyl methyl)-aminopurine at four concentrations (0%; 0.03%; 0.45% and 0.90%), with 4 replicates of 25 seeds. Emergence percentage, first count, emergence speed index, number of leaves, root length, stem diameter, dry matter of shoots, roots and total, and root/shoot ratio were evaluated. The results showed that GA4+7 + N-(phenyl methyl)-aminopurine is recommended to overcome dormancy of Passiflora cincinnata in recently harvested seeds (2016) and increase the emergence of seedlings from seeds stored for six years in cold chamber (2010). The emergence promoter concentration of 0.03% can be used to overcome dormancy in recently harvested seeds and maintains the vigor of seeds stored for six years. Passiflora cincinnata seeds remain physiologically viable for six years and their emergence is potentiated by the use of GA4+7 + N-(phenyl methyl)-aminopurine.

O tratamento de sementes com reguladores de crescimento pode superar a dormência das sementes, aumentar o vigor e o desenvolvimento das mudas. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito de diferentes concentrações de GA4 + 7 + N- (fenilmetil) -aminopurina na quebra de dormência de sementes de Passiflora cincinnata recentemente colhidas e armazenadas por seis anos. O estudo foi conduzido em uma estufa na Embrapa Mandioca e Fruticultura, em delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 4, com os seguintes fatores: ano de colheita de sementes (2010 e 2016) e promotor de emergência GA4 + 7 + N - (fenilmetil) - aminopurina em quatro concentrações (0%; 0,03%; 0,45% e 0,90%), com 4 repetições de 25 sementes. Foram avaliados a porcentagem de emergência, a primeira contagem, o índice de velocidade de emergência, o número de folhas, o comprimento da raiz, o diâmetro do caule, a matéria seca da parte aérea, das raízes, total e a relação raiz/parte aérea. O GA4 + 7 + N - (fenilmetil) - aminopurina é recomendado para superar a dormência de Passiflora cincinnata em sementes recentemente colhidas (2016) e aumenta a emergência de sementes armazenadas por seis anos em câmara fria. A concentração do promotor de emergência de 0,03% pode ser usada para superar a dormência em sementes recentemente colhidas e potencializa o vigor das sementes armazenadas durante seis anos. As sementes de Passiflora cincinnata permanecem fisiologicamente viáveis por seis anos e seu vigor é potencializado pelo uso de GA4 + 7 + N - (fenilmetil) - aminopurina.
Descritores: Sementes
Germinação
Produtos Agrícolas
Passiflora
2-Aminopurina
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  2 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-968921
Autor: Baio, Fabio Henrique Rojo; Neves, Danilo Carvalho; Campos, Cid Naudi da Silva; Teodoro, Paulo Eduardo.
Título: Relationship between cotton productivity and variability of NDVI obtained by landsat images / Relação entre produtividade do algodoeiro e variabilidade do NDVI obtido por imagens do landsat
Fonte: Biosci. j. (Online);34(6 Supplement 1):197-205, nov./dec. 2018.
Idioma: en.
Resumo: The availability of satellite images has generated a large number of regional and global studies on vegetation mapping. Such studies have related the growth parameters, nutrient status, physiological responses, and water resources to the yield of agricultural crops or native vegetation. The NDVI (Normalized Difference Vegetation Index) is associated with parameters of growth and yield with readings at several moments of the crop cycle. The objective of this work was to correlate the yield and variability of the NDVI in cotton fields by analyzing Landsat satellite images acquired over nine growing seasons. The study involved the analysis of 101 cotton production fields located in West-Central Brazil. One Landsat image was used during each crop cycle, and the average yield was computed based on total fiber harvested at each field. The fiber yield ranged from 393 to 2,030 kg ha-1, and its correlation with NDVI was 0.37. The coefficient of variation (CV) had a negative correlation with yield, approximating -58.1 kg ha-1 for every one percent increment of the CV. The CV explained the yield variability over the cotton fields more accurately than the average absolute NDVI value.

Desde a disponibilização das imagens de satélites, tem-se gerado grande número de estudos regionais e globais para caracterizar a vegetação. Esses estudos têm relacionado parâmetros de crescimento, nutricionais, fisiológicos, hídricos e produtividade das culturas agrícolas ou vegetação nativa. O NDVI (Normalized Difference Vegetation Index) é associado com parâmetros de crescimento e produtividade do algodoeiro com leituras em vários momentos do ciclo. O objetivo desse trabalho foi relacionar a variabilidade do NDVI em campos de produção de algodão e a produtividade pelo uso de imagens do satélite Landsat ao longo de nove safras. O estudo foi desenvolvido com análise de 101 campos de produção localizados na região central do Brasil. Foi utilizada uma imagem durante o ciclo da cultura e a produtividade média obtida. A produtividade de fibra variou de 393 a 2.030 kg ha-1 e a correlação com NDVI foi de 0,37. O coeficiente de variação teve correlação negativa, com queda na produtividade em -58,1 kg ha-1 ao aumentar um ponto percentual. O coeficiente de variação explicou melhor a variabilidade da produtividade dos talhões que o NDVI médio.
Descritores: Produtos Agrícolas
Gossypium
Eficiência
Imagens de Satélites
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  3 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-968932
Autor: Oliveira, Thiago Alves Santos de; Blum, Luiz Eduardo Bassay; Duarte, Elizabeth Amélia Alves; Luz, Edna Dora Martins Newman.
Título: Reduction of papaya rot (Phytophthora palmivora) with phosphite and Acibenzolar-S-Methyl in preharvest and postharvest / Redução da podridão do mamão (Phytophthora palmivora) com fosfitos e Acibenzolar-S-Metil em pré e pós-colheita
Fonte: Biosci. j. (Online);34(6):1522-1531, nov./dec. 2018.
Idioma: en.
Resumo: The papaya fruit rot (Phytophthora palmivora) is responsible for significant losses. To reduce diseases, especially in areas with climate and humidity favorable to pathogens, are adopted chemical methods, which sometimes increase the cost of production and cause severe environmental impacts. Alternatively, there are products, such as, phosphites of potassium and acibenzolar-S-methyl (ASM) that might be efficient on disease control and less aggressive to environment. Phosphites of K and ASM were evaluated in this study on the control effectiveness of papaya fruit rot at different dosages in preharvest and postharvest. The severity and percentage of disease control were evaluated for each treatment. For the pre-harvest treatments (applied six days before harvest), the phosphite of K [240 g L-1 K2O, 340 g L-1 P2O5 and 50 g L-1 (Reforce® + Salicylic Acid)] at 3 or 6 mL L-1significantly reduced disease severity, and, reduced fruit ripening. On postharvest application, ASM reduced disease severity.

A podridão dos frutos do mamoeiro (Phytophthora palmivora) é responsável por perdas significativas e para minimizar a doença, principalmente em locais com clima favorável ao patógeno, medidas de controle químico são adotadas. Porém, estas medidas podem elevar o custo da produção e causar severos impactos ambientais. Alternativamente, existem produtos como os fosfitos de potássio (K) e acibenzolar-S-metil (ASM) que podem ser eficientes no controle de doenças e menos agressivos ao ambiente. Fosfitos de K e ASM foram avaliados neste trabalho quanto à eficácia do controle da podridão de frutos de mamão 'Sunrise Solo' tipo exportação, cultivados no Sul da Bahia, em diferentes doses e formulações comerciais na pré e pós-colheita. Para cada tratamento foi avaliada a severidade da doença e o percentual de controle da doença, sendo também verificada a influência nas características fisioquímicas na fruta. Para os tratamentos pré-colheita, aplicados aos seis dias antes da colheita, o fosfito de K [240 g L-1 K2O, 340 g L-1 P2O5 e 50 g L-1 C7H6O3 (Reforce® + Ácido Salicílico)] a 3 ou 6 mL L-1 reduziu significativamente a doença, e influenciou diretamente no atraso da maturação da fruta. Na pós-colheita, ASM incitou redução na severidade da doença. Todos os tratamentos não alterarão as características fisioquímicas da fruta.
Descritores: Phytophthora
Fosfitos
Produtos Agrícolas
Carica
Insuficiência de Crescimento
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  4 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-968931
Autor: Oliveira , Thiago Alves Santos de; Blum, Luiz Eduardo Bassay; Duarte, Elizabeth Amélia Alves; Luz, Edna Dora Martins Newman.
Título: Control of Phytophthora palmivora on postharvest papaya with Trichoderma asperellum, T. virens, T. harzianum and T. longibrachiatum / Controle de Phytophthora palmivora em mamão na pós-colheita por Trichoderma asperellum, T. virens, T. harzianum e T. longibrachiatum
Fonte: Biosci. j. (Online);34(6):1513-1521, nov./dec. 2018.
Idioma: en.
Resumo: Papaya (Carica papaya) is one of the most cultivated and consumed tropical fruit worldwide. Its production might be limited by preharvest and postharvest diseases. The fruit rot caused by Phytophthora palmivora is one of the most important postharvest diseases of papaya in Brazil. The control of these diseases is usually made with fungicide applications. Therefore, studies concerning biocontrol of postharvest diseases might generate data that may reduce the environmental impacts caused by pesticides. Thus, the biological control by Trichoderma in postharvest diseases is an alternative to the use of fungicides for the postharvest control of P. palmivora in the papaya fruit. Four antagonists [T. asperellum (SF04), T. virens (255C1), T. harzianum (THP) and T. longibrachiatum (4088)] were tested, as follow: 1) Trichoderma spp. applied 1 hour after inoculation of P. palmivora and; 2) Trichoderma spp. applied 24 hours after inoculation of P. palmivora; 3) Trichoderma spp. applied 1 hour before inoculation of P. palmivora, and 4) Trichoderma spp. applied 24 hours before inoculation of P. palmivora. All Trichoderma significantly (P£0,05) reduced the incidence and severity of disease. The 4088 (T. longibrachiatum) isolate was the best controller agent of P. palmivora in postharvest.

O mamão é uma fruta muito cultivada e consumida nas regiões tropicais e subtropicais do mundo e apresenta diversos problemas fitossanitários. Sendo assim, estudos de doenças pós-colheita com biocontroladores viabilizam a diminuição de impactos causados pelo uso de fungicidas. A podridão-dos-frutos (Phytophthora palmivora) é uma importante doença pós-colheita em mamão no Brasil. Neste contexto, o controle biológico desta doença na póscolheita com Trichoderma é uma alternativa viável ao uso de fungicidas e foi aplicado neste estudo para avaliar a eficácia de Trichoderma spp. para o biocontrole de P. palmivora em mamão na pós-colheita. Foram utilizados quatro potenciais antagonistas: T. asperellum (SF04), T. virens (255C1), T. harzianum (THP) e T. longibrachiatum (4088). E as frutas foram submetidas aos seguintes tratamentos: Inoculação de P. palmivora e 1 hora depois inoculação do Trichoderma spp.; Inoculação de P. palmivora e 24 horas depois inoculação do Trichoderma spp.; Inoculação de Trichoderma spp. e 1 hora depois inoculação do P. palmivora e; Inoculação de Trichoderma spp. e 24 horas depois inoculação do P. palmivora. Todos os isolados de Trichoderma reduziram significativamente tanto na incidência como na severidade da doença. O isolado 4088 (T. longibrachiatum) foi o melhor no controle da podridão.
Descritores: Phytophthora
Trichoderma
Controle Biológico de Vetores
Produtos Agrícolas
Carica
Frutas
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  5 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Brackmann, Auri
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964855
Autor: Pinto, Josuel Alfredo Vilela; Thewes, Fabio Rodrigo; Schorr, Márcio Renan Weber; Ceconi, Deiverson Luiz; Brackmann, Auri; Hamann, Jonas Janner; Fronza, Diniz.
Título: Mass loss induction on physical and chemical qualities of 'murcott' tangor during cold storage / Indução de perda de massa nas qualidades físicas e químicas de tangor 'murcott' durante o armazenamento refrigerado
Fonte: Biosci. j. (Online);31(5):1325-1332, sept./oct. 2015.
Idioma: en.
Resumo: In order to obtain more consumers approval, fruit require high quality during commercialization, making the improvement of new storage technologies necessary. Thus, the aim of this study was to evaluate the best mass loss level on 'Murcott' tangor quality maintenance after cold storage during 10 weeks. The treatments evaluated were: [1] 0% of mass loss (100 % of relative humidity); [2] 3% of mass loss; [3] 6% of mass loss and [4] 9% of mass loss, with 5 replicates of 18 fruits each treatment. The storage temperature was maintained at 4.0°C (±0.2°C). The experiment was conducted in a completely randomized design. After 10 weeks of storage plus seven days of shelf life at 20°C it was verified that with the mass loss increase, the decay incidence and the succulence are suppressed, mass loss also increased the soluble solids and titratable acidity. The best mass loss level for 'Murcott' tangor storage stay between 3 up to 6% because it reduces the decay incidence and turgor loss and maintain chemical qualities, such as ascorbic acid, soluble solids and titratable acidity.

Para obter uma grande aceitação pelo consumidor, os frutos necessitam de uma elevada qualidade na comercialização, tornando necessário o aperfeiçoamento de técnicas de armazenamento. Assim, o objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da perda de massa sobre a manutenção da qualidade durante o armazenamento refrigerado (AR) de tangor 'Murcott' durante 10 semanas. Os tratamentos avaliados foram: [1] 0% de perda de massa (umidade relativa de 100%); [2] 3% de perda de massa; [3] 6% de perda de massa; [4] 9% de perda de massa, com cinco repetições de 18 frutos para cada tratamento. A temperatura de armazenamento foi de 4,0°C (±0,2°C). O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado. Após 10 semanas de armazenamento mais sete dias de exposição a 20°C verificase que com o aumento da perda de massa diminuiu a incidência de podridões e suculência, aumentou o teor de sólidos solúveis e acidez titulável. O melhor nível de perda de massa para o armazenamento de tangor 'Murcott' está entre 3 e 6%, por diminuir a ocorrência de podridões, perda de turgor e manutenção das qualidades químicas como ácido ascórbico, sólidos solúveis e acidez titulável.
Descritores: Ácido Ascórbico
Produtos Agrícolas
Padrão de Identidade e Qualidade para Produtos e Serviços
Armazenamento de Alimentos
Frutas
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  6 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-623945
Autor: Xavier Filho, J.
Título: The resistance of seeds of cowpea (Vigna unguiculata) to the cowpea weevil (Callosobruchus maculatus)
Fonte: Mem. Inst. Oswaldo Cruz;86(supl.2):75-77, 1991.
Idioma: en.
Conferência: Apresentado em: Brazilian-Sino Symposium on Chemistry and Pharmacology of Natural Products, Rio de Janeiro, Dec. 10-14, 1989.
Resumo: Cowpea (Vigna unguiculata) seeds are heavily damaged during storage by the bruchid Callosobruchus maculatus. Seeds of some Nigerian varieties showed a strong resistance to this bruchid. By utilizing biochemical and entomological techniques we were able to rule out the paticipation of proteolytic enzyme (trypsin, chimotrypsin, subtilisin and papain) inhibitors, lectins, and tannins in the resistance mechanisms. Fractionation of the seed meal of a resistant variety suggests that the factor(s) responsible for the effect is (are) concentrate in the globulin fraction.
Descritores: Proteínas de Plantas/farmacologia
Coleópteros/efeitos dos fármacos
Produtos Agrícolas/parasitologia
Eletroforese em Gel de Poliacrilamida
Proteínas de Armazenamento de Sementes
-Proteínas de Plantas/isolamento & purificação
Phaseolus/química
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964889
Autor: Alves, Mércia Freitas; Blank, Arie Fitzgerald; Arrigoni-Blank, Maria Fátima; Fontes, Saymo Santos; Jesus, Hugo César Ramos de; Alves, Péricles Barreto.
Título: Establishment of methodology for drying leaves and storage of essential oil of linalool chemotype Ocimum basilicum L / Estabelecimento de metodologia para secagem de folhas e armazenamento do óleo essencial de Ocimum basilicum L. quimiotipo linalol
Fonte: Biosci. j. (Online);31(5):1441-1449, sept./oct. 2015.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this study was to evaluate the influence of leaf drying and oil storage on the content and chemical composition of the essential oil of linalool type basil (Ocimum basilicum L.) cultivar Maria Bonita. In the first trial, the effect of the drying time of leaves a temperature of 40°C. In the second trial, the effect of storage time evaluated (0, 15, 30, 60, 90, 120, 150, 210, 240 and 270 days) at two temperatures [room (±27°C) and freezer (-20°C ± 2°C) temperature]. The essential oil was extracted by hydrodistillation of leaves and analyzed by GC and GC/MS. The drying process was efficient, reducing the moisture content 84.5% to 1.3% over a period of eight days. There was a linear reduction in the essential oil (6.0% to 3.9%), of linalool (6.38% to 74.09%), increase of the content of ­transbergamotene (1.1% to 1.8%) and epi--cadinol (1.57% to 1.77%). In the second trial, we noted increase of the linalool content from 76.99% to 79.40% after 210 days of storage at room temperature and to 79.82% after 240 days of storage in freezer. We can conclude that basil essential oil can be stored for up to seven months at room temperature and eight months in freezer.

O objetivo deste estudo foi avaliar a influência da secagem de folhas e de armazenamento de óleo na composição de conteúdo e química do óleo essencial de manjericão (Ocimum basilicum L.) cultivar Maria Bonita. No primeiro ensaio, o efeito do tempo de secagem de folhas a uma temperatura de 40 °C. No segundo ensaio, o efeito do tempo de armazenamento avaliado (0, 15, 30, 60, 90, 120, 150, 210, 240 e 270 dias) em duas temperaturas [ambiente (± 27 °C) e freezer (-20 °C)] a temperatura. O óleo essencial foi extraído por hidrodestilação de folhas e analisados por GC e GC/MS. O processo de secagem foi eficiente, reduzindo o teor de humidade de 84,5% para 1,3% ao longo de um período de oito dias. Houve uma redução linear no óleo essencial (6,0% a 3,9%), de linalol (76,36% para 74,09%), o aumento do teor de -trans-bergamoteno (1,1% a 1,8%) e epi--cadinol (1,57% a 1,77%). No segundo ensaio, observou-se aumento do teor de linalol do 76,99% para 79,40%, após 210 dias de armazenamento em temperatura ambiente e para 79,82% após 240 dias de armazenamento em freezer. Pode-se concluir que o óleo de manjericão essencial pode ser armazenado durante até sete meses à temperatura ambiente e oito meses em freezer.
Descritores: Óleos Voláteis
Produtos Agrícolas
Ocimum basilicum
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  8 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964869
Autor: Santos, Eduardo Monteiro; Cavalcante, Ítalo Herbert Lucena; Silva Júnior, Gabriel Barbosa da; Albano, Francisca Gislene.
Título: Impact of nitrogen and potassium nutrition on papaya (Pawpaw) fruit quality / Impacto da nutrição nitrogenada e potássica na qualidade de frutos de mamoeiro formosa
Fonte: Biosci. j. (Online);31(5):1341-1348, sept./oct. 2015.
Idioma: en.
Resumo: Pawpaw (Carica papaya L.), also known papaya, is a fruit species with economic and social importance for Brazil, the second main world producer. Although this characteristic the relationship between N and K nutrition and papaya fruit quality has been poorly studied. Thus, an objective with this study was to evaluate the effect of nitrogen and potassium for papaya (pawpaw) fruit quality produced in North eastern Brazil. The experimental design consisted of randomised blocks, with treatments distributed in a factorial arrangement (4 x 4), using four nitrogen doses (320, 400, 480 and 560 g of N plant-1) and four potassium doses (380, 475, 570 e 665 g of K2O plant-1), containing with four replications of three plants each. The fruit characteristics, such as fruit mass, titratable acidity, soluble solids, pulp pH and fruit length and width, were recorded. The fruit qualityof pawpaw depend on nitrogen and potassium leaf concentration. The higher fruit quality parameters regarding to soluble solids, pH, fruit length and fruit mass are associated to 45.30 g kg-1 leaf N concentration and 37.55 leaf K concentration.

O mamoeiro Formosa (Carica papaya L.) é uma espécie frutífera de importância social e econômica para o Brasil, o segundo maior produtor mundial. Apesar dessa característica, a relação entre a nutrição com N e K e a qualidade de frutos têm sido pouco estudada. Assim, objetivou-se com o presente trabalho avaliar o efeito da nutrição nitrogenada e potássica na qualidade de frutos do mamoeiro Formosa no Nordeste brasileiro. Adotou-se o delineamento em blocos casualizados, em esquema fatorial 4 x 4, correspondentes a doses de nitrogênio em cobertura (320, 400, 480 e 560 g planta-1) e doses de potássio em cobertura (380, 475, 570 e 665 g planta-1), contendo quatro repetições de três plantas por parcela cada. A qualidade dos frutos foi determinada, avaliando-se a massa de fruto, acidez titulável, sólidos solúveis, pH da polpa, diâmetro longitudinal e transversal dos frutos. A qualidade de frutos de mamão formosa depende da concentração foliar de nitrogênio e potássio. Os melhores resultados de sólidos solúveis, pH de polpa, diâmetro longitudinal de frutos estão associados às concentrações foliares de 45,30 g kg-1 de N e 37,55 g kg-1 de K.
Descritores: Plantas
Potássio
Produtos Agrícolas
Carica
Frutas
Nitrogênio
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  9 / 158 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-966519
Autor: Freitas, Rafaela Scalise Xavier de; Nepomuceno, Delci de Deus; Modesto, Elisa Cristina; Oliveira, Débora Ramos de; Pereira, Tatiana Pires; Morais, Leonardo Fiúsa de; Almeida, João Carlos de Carvalho; Carvalho, Mário Geraldo de.
Título: Characterization of a Urochloa humidicola methanol extract as a phytogenic additive for ruminants / Caracterização do extrato metanólico de Urochloa humidicola como aditivo fitogênico para ruminantes
Fonte: Biosci. j. (Online);33(6):1586-1591, nov./dec. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: This survey aimed to characterize a Urochloa humidicola methanol extract regarding the presence of secondary metabolites classes and to determine its bromatological composition. U. humidicola samples were dried under shade, milled on a 2-mm sieve by a Willey mill. The solution obtained was filtered using filter paper and concentrated in a rotary evaporator under reduced pressure; the concentrated residue was then placed in an open vessel to complete solvent removal using continuous air flow dryers. Phytochemical prospection tests and bromatological composition analyses were performed on the dry methanol extract, and the results were compared to in natura U. humidicola. The methanol extract had 10.2% CP and 35% EE and in natura U. humidicola had 5.17% CP and 1.57% EE, with a difference (P < 0.05) of 5% by Fisher's test. In natura U. humidicola had 75.59% NDF, 40.77% ADF, 38.82% HEM, 29.93% CEL, and 7.19% LIG. Methanol extraction by cold maceration reduced the LIG (0.17%) and CEL (0.21%) contents as only soluble constituents were extracted. A phytochemical assay was positive for the presence of saponins, tannins, alkaloids, non-protein amino acids, carbohydrates, cardiac glycosides, steroids, tripernoids, catechins, and saccharides and was negative for the presence of flavonoids and purines. The U. humidicola methanol extract possesses traits that allow its use as a phytogenic and natural additive.

Objetivou-se neste estudo caracterizar o extrato metanólico de Urochloa humidicola, quanto à presença de classes de metabólitos secundários presentes bem como determinar a sua composição bromatológica. Para isto, amostras da parte aérea de U. humidicola foram secas à sombra, moídas em moinho tipo Willey em partículas de 2 mm, submetidas à extração por maceração a frio com metanol, a solução obtida foi concentrada em rotaevaporador e posto para termina a secagem sob fluxo de ar contínuo. O extrato metanólico seco foi submetido aos testes de prospecção fitoquímica e análises de composição bromatológica comparado com a U. humidicola in natura. O extrato apresentou 10,2% de PB e 35% de EE e U. humidicola in natura apresentou 5,17 % de PB e 1,57% de EE, diferindo entre si (P<0,05) pelo teste de Fisher a 5% de significância. A U. humidicola in natura apresentou teores de FDN (75,59%), FDA (40,77%), hemicelulose (38,82%), celulose (29,93%) e lignina (7,19%). O método de extração por maceração a frio com metanol contribuiu para a diminuição dos teores de lignina (0,17%) e celulose (0,21%), por extrair somente os constituintes solúveis. O ensaio fitoquímico apresentou presença positiva para saponina, tanino, alcaloides, aminoácidos não proteicos, carboidratos, glicosídeos cardioativos, esteroides e tripernoides, catequinas e sacarídeos, e negativa para a presença de flavonoides e purinas. O extrato metanólico de Urochloa humidicola apresenta características que permitem seu uso como aditivo natural ou fitogênico.
Descritores: Ruminantes
Produtos Agrícolas
Brachiaria
Aditivos Alimentares
Criação de Animais Domésticos
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  10 / 158 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-966507
Autor: Ootani, Marcio Akio; Santos, Gil Rodrigues dos; Maciel, Gabriela Priscila de Sousa; Souza, Clovis Maurilio de; Aguiar, Raimundo Wagner de Souza; Coutinho, Ingrid Bernardo de Lima.
Título: Agronomic characterization and resistance of banana genotypes to Colletotrichum musae / Caracterização agronômica e resistência genótipos de banana a Colletotrichum Musae
Fonte: Biosci. j. (Online);33(6):1506-1512, nov./dec. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Banana is the most consumed fruit in the world as it is a delicious and aromatic fruit. However, its production is limited mainly due post-harvest problems such as diseases, especially anthracnose, which accelerates senescence and causes early fall. The aim of this work was to evaluate the agronomic traits and the resistance of banana genotypes (Fhia 18, Fhia 01, Thap Mae, Caipira, Prata (control) and Maçã (control)) to the fungus Colletotrichum musae. The weight of bunch (Wb), fruit length (Fl), fruit diameter (Fd), the number of fruits per bunch (Nfc), number of hands per bunch (Nhb), yield (Yd), pH, total sugars (Brix) and finger detachment were evaluated. The AUDPC (area under the disease progress curve) showed that the genotypes Fhia 01, Maçã and Prata (15.77, 15.55 and 11.60 respectively) are more susceptible to the fungus C. musae than Caipira, Fhia 18 and Thap maeo (6.66, 7.29 and 8.76 respectively). The experiment with Fhias 18 and Thap Maeo genotypes showed lower finger detachment of 18 and 15%, and Thap maeo, Fhia18 and Caipira were resistant to C musae and presented the best agronomic characteristics.

A banana é fruta mais consumida no mundo, tradicionalmente exploradas em várias regiões do mundo, pois é uma fruta de muito saborosa e aromática. Contudo sua produção é limitada principalmente por problemas pós-colheita que mais acometem o fruto, dentre elas aparecimento de doenças principalmente a antracnose que acelera a senescência e o despencamento precoce. O objetivo desde trabalho foram avaliadas as características agronômicas e a resistência dos genótipos de banana Fhia 18, Fhia 01, Thap Mae, Caipira, Prata (controle) e Maçã (Controle), ao fungo Colletotrichum musae. A avaliação das características agronômicas como; peso do cacho (PC), comprimento dos frutos (CF), diâmetro do fruto (DF), número de frutos por cacho (NFC), número de pencas por cacho (NPC), Produtividade (Pd), pH, açúcares totais (Brix) e despencamento. A AACPD Área abaixo da curva da progressão da doença nos genótipos Fhia 01, Maçã e Prata (15,77, 15,55 e 11,60 respectivamente) mostraram se mais suscetível ao fungo C. musae que os demais genótipos Caipira, Fhia 18 e Thap maeo (6,66, 7,29 e 8,76 respectivamente), enquanto que para o experimento de despencamento genótipos Fhias 18 e Thap Maeo foram os que tiveram menor despencamento 18 e 15%, e a Os genótipos Thap maeo Fhia18 e Caipira foram resistentes a C musae e tiveram as melhores características agronômicas.
Descritores: Produtos Agrícolas
Colletotrichum
Musa
Fungos
Genótipo
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central



página 1 de 16 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde