Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 6 [refinar]
Mostrando: 1 .. 6   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 6 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-964662
Autor: Basualdo, Isabel; Soria, Nélida; Degen, Rosa; Ortiz, Mirtha; Zardini, Elsa.
Título: Catálogo de la flora vascular de Tavai, Dpto. Caazapa, Paraguay / Catálogo de la flora vascular de Tavai, Dpto.Caazapa, Paraguay
Fonte: Rojasiana;7(1):27-99, 2005.
Idioma: es.
Descritores: Florestas
Flora
Magnoliopsida
Zonas Úmidas
Traqueófitas
-Paraguai
Responsável: PY37.1 - Biblioteca


  2 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-964525
Autor: Degen, Rosa; Mereles, Fátima.
Título: Check-List de las plantas colectadas en el Chaco Boreal, Paraguay / Check-List de las plantas colectadas en el Chaco Boreal, Paraguay
Fonte: Rojasiana;3(1):1-175, 1996.
Idioma: es.
Descritores: Plantas
Flora
Traqueófitas
Líquens
Responsável: PY37.1 - Biblioteca


  3 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-964163
Autor: Degen de Arrúa, Rosa; González Salema, G; Céspedes de Zárate, Claudia; Gonzalez, Yenny; Vogt, Cristhian; Delmás de Rojas, Gloria.
Título: Flora y vegetación de la compañía Pikysyry, Ca´acupe, Departamento de Cordillera, Paraguay / Flora and vegetation of the company Pikysyry, Ca'acupe, Department of Cordillera, Paraguay
Fonte: Rojasiana;8(2):65-80, 2009.
Idioma: es.
Descritores: Árvores
Flora
Magnoliopsida
Traqueófitas
Responsável: PY37.1 - Biblioteca


  4 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-948773
Autor: Degen, Rosa; Zardini, Elsa M; Basualdo, Isabel.
Título: Catálogo de la flora vascular de la meseta ybytu silla serranía de Tobati, Departamento de Cordillera, Paraguay / Catalog of vascular flora of the plateau Ybytu silla Serrania de tobati, Department of Cordillera, Paraguay
Fonte: Rojasiana;6(1):7-42, 2004.
Idioma: es.
Descritores:
Plantas
Florestas
Flora
Magnoliopsida
Traqueófitas
Responsável: PY37.1 - Biblioteca


  5 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-763232
Autor: OLIVEIRA, V. B.; ZUCHETTO, M.; PAULA, C. S.; VERDAM, M. C. S.; CAMPOS, R.; DUARTE, A. F. S.; MIGUEL, M. D.; MIGUEL, O. G..
Título: Avaliação do potencial antioxidante frente à oxidação lipídica e da toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das frondes de Dicksonia sellowiana (Presl. ) Hook / Evaluation of antioxidant potential against lipid oxidation and preliminary toxicity of extract and fractions obtained from the fronds of Dicksonia sellowiana (Presl. ) Hook
Fonte: Rev. bras. plantas med;17(4):614-621, out.-dez. 2015. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMOA espécie Dicksonia sellowiana, conhecida popularmente como xaxim, é uma samambaia natural do continente americano e encontrada no Brasil na Mata Atlântica. Em 2001 foi inserida na lista do IBAMA como espécie ameaçada de extinção em decorrência da exploração para a confecção de vasos para a jardinagem. O presente trabalho descreve o potencial antioxidante lipídico (TBARS e Sistema β-caroteno/ácido linoleico) do extrato bruto e frações obtidos através de aparato de Soxhlet de frondes de Dicksonia sellowiana, além da atividade citotóxica e hemolítica in vitro. Pelo método TBARS, todas as amostras testadas apresentaram atividade, destacando a fração acetato de etila e extrato bruto cuja atividade foi comparável ao padrão ácido ascórbico. No sistema β-caroteno/ácido linoleico, a fração acetato de etila e extrato bruto apresentaram inibição da oxidação do ácido linoleico, destaque para a fração acetato de etila que não se diferenciou estatisticamente do padrão BHT. Na avaliação da toxicidade preliminar, não fora observado atividade citotóxica e hemolítica do extrato bruto e frações nos modelos testados. Os resultados demonstram o potencial antioxidante da espécie vegetal nos modelos de inibição da oxidação lipídica sem apresentar toxicidade.

ABSTRACTThe species Dicksonia sellowiana, popularly known as tree fern, are a natural fern from American continent found in the Atlantic Forest in Brazil. In 2001 it was added to the list of IBAMA as endangered species due to its exploitation for pots craft for gardening species. This paper describes the antioxidant lipid potential (TBARS and System β-carotene / linoleic acid) of the crude extract and fractions obtained by Soxhlet apparatus of Dicksonia sellowianafronds, besides the cytotoxic and hemolytic activity in vitro. By the TBARS method, all samples tested showed activity, particularly the fraction ethyl acetate and the crude extract whose activity was comparable to standard ascorbic acid. In the system β-carotene / linoleic acid, the fraction of ethyl acetate and crude extract inhibited the oxidation of linoleic acid, especially the ethyl acetate fraction which did not differ statistically from the standard BHT. In a preliminary assessment of toxicity,cytotoxic and hemolytic activity of crude extracts and fractions in the tested models were not observed. The results of this study indicate the antioxidant potential of this plant species in models of inhibiting lipid oxidation without producing toxicity.
Descritores: Antioxidantes/análise
Peroxidação de Lipídeos
Traqueófitas/classificação
-Artemia/classificação
Toxicidade/métodos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 6 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-730537
Autor: Andrade, Fabio D; Ribeiro, Ana Raquel C; Medeiros, Maria C; Fonseca, Saul S; Athayde, Ana Célia R; Ferreira, Adriano F; Rodrigues, Onaldo G; Silva, Wilson W.
Título: Ação anti-helmíntica do extrato hidroalcóolico da raiz da Tarenaya spinosa (Jacq.) Raf. no controle de Haemonchus contortus em ovinos / Anthelmintic action of the hydroalcoholic extract of the root of Tarenaya spinosa (Jacq.) Raf. for Haemonchus contortus control in sheep
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;34(10):942-946, out. 2014. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Para investigar o potencial anti-helmíntico do extrato hidroalcóolico da raiz de Tarenaya spinosa, como alternativa no controle do nematóide gastrintestinal Haemonchus contortus de ovinos, foram realizados testes in vitro com Artemia salina, em seguida, sobre coproculturas contendo ovos do helminto, avaliando a ação ovicida e larvicida do extrato. Após os testes preliminares, foi realizado o teste in vivo em 20 ovinos machos os quais foram divididos em quatro tratamentos Grupo 1: ivermectina 1%; Grupo 2: sem tratamento; Grupo 3: extrato hidroalcóolico de T. spinosa 150μg/mL; Grupo 4: extrato hidroalcóolico de T. spinosa 300μg/mL, amostras de fezes e de sangue foram coletadas para exames parasitológicos e hematológicos. No teste in vitro, a toxicidade frente a A. salina foi de 150μg/mL, obteve-se eficiência de 81,53% sobre ovos e larvas do H. contortus. No teste in vivo, a avaliação da eficácia dos tratamentos foi realizada pelo teste de redução na contagem de ovos fecais (RCOF), os grupos tratados com Ivermectina e T. spinosa a 150μg/mL e 300μg/mL obtiveram os melhores resultados, reduzindo o OPG após 28 dias em 40,6, 41 e 40,2% respectivamente, revelando assim seu potencial fitoterápico para fins de controle de nematódeos gastrintestinais em ovinos.

To investigate the anthelmintic potential of hydroalcoholic extract of the root of Tarenaya spinosa, as an alternative in the control of gastrointestinal nematode Haemonchus contortus in sheep, in vitro tests were performed with Artemia salina then on stool cultures containing helminth eggs, assessing ovicidal and larvicidal action of the extract. After preliminary tests, the in vivo test was performed in 20 male sheep were divided into four treatments: Group 1 Ivermectin 1 %, Group 2: untreated; Group 3: hydroalcoholic extract of T. spinosa 150μg/mL; Group 4: hydroalcoholic extract T. spinosa 300μg/mL, stool samples and blood were collected for parasitological and haematological tests. In in vitro tests, toxicity against A. salina was 150μg/mL, there was obtained 81.53% efficiency against eggs and larvae of H. contortus. In vivo test, evaluating the effectiveness of treatments was performed by reduction test in faecal egg count (RCOF), the groups treated with Ivermectin and T. spinosa the 150μg/mL and 300μg/mL obtained the best results, reducing OPG after 28 days in 40.6, 41 and 42.6% respectively, thus revealing its herbal potential for control of gastrointestinal nematodes in sheep.
Descritores: Haemonchus
Larvicidas
Ovinos/parasitologia
Traqueófitas/parasitologia
-Haemonchus/patogenicidade
Inseticidas
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde