Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912.125 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 54 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 54 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-948448
Autor: Kramer, V; Ortigoza, Á.
Título: Ginkgo biloba para el tratamiento del tinnitus / Ginkgo biloba for the treatment of tinnitus
Fonte: Medwave;18(6):e7287, 2018.
Idioma: en; es.
Resumo: Resumen INTRODUCCIÓN: Se han propuesto múltiples tratamientos para el manejo del tinnitus, sin embargo, ninguno de ellos ha logrado establecerse como claramente efectivo. Dentro de las alternativas se ha planteado la utilización de Ginkgo biloba. MÉTODOS: Para responder esta pregunta utilizamos Epistemonikos, la mayor base de datos de revisiones sistemáticas en salud, la cual es mantenida mediante búsquedas en múltiples fuentes de información, incluyendo MEDLINE, EMBASE, Cochrane, entre otras. Extrajimos los datos desde las revisiones identificadas, reanalizamos los datos de los estudios primarios y preparamos una tabla de resumen de los resultados utilizando el método GRADE. RESULTADOS Y CONCLUSIONES: Identificamos tres revisiones sistemáticas que en conjunto incluyeron cuatro estudios primarios, todos correspondientes a ensayos aleatorizados. Concluimos que el uso de Ginkgo Biloba probablemente no disminuye la severidad del tinnitus. Además, no disminuye la intensidad del tinnitus ni mejora la calidad de vida de los pacientes.

Abstract INTRODUCTION: Multiple interventions have been postulated for the treatment of tinnitus, but none has been established as clearly effective. Ginkgo biloba has been proposed among the alternatives. METHODS: To answer this question we used Epistemonikos, the largest database of systematic reviews in health, which is maintained by screening multiple information sources, including MEDLINE, EMBASE, Cochrane, among others. We extracted data from the systematic reviews, reanalyzed data of primary studies, and generated a summary of findings table using the GRADE approach. RESULTS AND CONCLUSIONS: We identified three systematic reviews including four primary studies, all corresponding to randomized trials. We concluded the use of Ginkgo biloba probably does not decrease the severity of tinnitus. In addition, it does not reduce the intensity of tinnitus or improve the quality of life of patients.
Descritores: Zumbido/tratamento farmacológico
Ginkgo biloba/química
Preparações de Plantas/uso terapêutico
-Qualidade de Vida
Zumbido/fisiopatologia
Índice de Gravidade de Doença
Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto
Bases de Dados Factuais
Resultado do Tratamento
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Metanálise
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  2 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-785819
Autor: Polanski, José Fernando; Soares, Alexandra Dezani; Cruz, Oswaldo Laércio de Mendonça.
Título: Antioxidant therapy in the elderly with tinnitus / Efeito da terapia com antioxidantes sobre o zumbido em idosos
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);82(3):269-274tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT INTRODUCTION: Several approaches have been tried for the treatment of tinnitus, from cognitive-behavioral therapies and sound enrichment to medication. In this context, antioxidants, widely used in numerous areas of medicine, appear to represent a promising approach for the control of this symptom, which often is poorly controlled. OBJECTIVE: To evaluate the effects of antioxidant therapy for tinnitus in a group of elderly patients. METHODS: Prospective, randomized, double-blinded, placebo-controlled clinical trial. The sample consisted of 58 subjects aged 60 years or older, with a complaint of tinnitus associated with sensorineural hearing loss. These individuals completed the Tinnitus Handicap Inventory (THI) questionnaire before and after six months of therapy. The treatment regimens were: Ginkgo biloba dry extract (120 mg/day), a-lipoic acid (60 mg/day) + vitamin C (600 mg/day), papaverine hydrochloride (100 mg/day) + vitamin E (400 mg/day), and placebo. RESULTS: There was no statistically significant difference between THI by degree (p = 0.441) and by score (p = 0.848) before and after treatment. CONCLUSION: There was no benefit from the use of antioxidant agents for tinnitus in this sample.

Resumo Introdução: Uma série de abordagens terapêuticas tem sido empregada no tratamento do zumbido, desde terapias cognitivo-comportamentais e de enriquecimento sonoro até terapias medicamentosas. Nesse contexto, os agentes antioxidantes, amplamente utilizados em diversas áreas da medicina, parecem representar uma perspectiva promissora para o controle desse sintoma, que muitas vezes tem um controle clínico insatisfatório. Objetivo: Avaliar os efeitos da terapia com agentes antioxidantes sobre o zumbido em um grupo de pacientes idosos. Método: Ensaio clínico prospectivo, randomizado, duplo-cego e controlado por placebo. A amostra composta de 58 indivíduos com 60 anos ou mais, com queixa clínica de zumbido associado à perda auditiva, do tipo neurossensorial, em graus variados. Esses indivíduos foram submetidos ao questionário THI (Tinnitus Handicap Inventory) antes e após 6 meses de uso da medicação. Os esquemas terapêuticos foram os seguintes: extrato seco de Ginkgo biloba(120 mg/dia), ácido a-lipóico (60 mg/dia) + vitamina C (600 mg/dia), cloridrato de papaverina(100 mg/dia) + vitamina E (400 mg/dia) e placebo. Resultados: O THI após o tratamento foi estatisticamente igual ao THI antes do tratamento, tanto em graus (p = 0,441) quanto em escores (p = 0,848). Conclusão: Não se verificou benefício estatisticamente significativo com o uso de agentes antioxidantes para o zumbido dos indivíduos avaliados.
Descritores: Zumbido/tratamento farmacológico
Extratos Vegetais/uso terapêutico
Ginkgo biloba/química
Perda Auditiva Neurossensorial/complicações
Antioxidantes/uso terapêutico
-Papaverina/uso terapêutico
Ácido Ascórbico/uso terapêutico
Fatores Socioeconômicos
Zumbido/complicações
Vitamina E/uso terapêutico
Índice de Gravidade de Doença
Método Duplo-Cego
Estudos Prospectivos
Ácido Tióctico/uso terapêutico
Resultado do Tratamento
Fitoterapia/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-984046
Autor: Sanchez, Tanit Ganz; Pereira, Isabella Marques.
Título: Management of hyperacusis in children - two case reports / Tratamento da hiperacusia em crianças - dois relatos de caso
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);85(1):125-128, Jan.-Feb. 2019. tab.
Idioma: en.
Descritores: Hiperacusia/terapia
Extratos Vegetais/uso terapêutico
Ginkgo biloba/química
-Limiar Auditivo
Estimulação Acústica
Resultado do Tratamento
Terapia Combinada
Limites: Humanos
Masculino
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1142590
Autor: Radunz, Camila L; Okuyama, Cristina E; Branco-Barreiro, Fátima C A; Pereira, Regina M S; Diniz, Susana N.
Título: Clinical randomized trial study of hearing aids effectiveness in association with Ginkgo biloba extract (EGb 761) on tinnitus improvement / Estudo clínico randomizado da eficácia da prótese auditiva associada ao extrato de Ginkgo biloba (EGb 761) na melhoria do zumbido
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);86(6):734-742, Nov.-Dec. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Tinnitus is defined as the perception of sound without its actual presence in the environment. It has been the subject of a great number of studies, especially considering its consequences on patient's quality of life. Objective: This study aimed to investigate the effect of hearing aids and/or Ginkgo biloba extract EGb 761 on tinnitus in patients with hearing loss. Methods: This is a trial randomized-controlled treatment, parallel, double-blind, with three-arm. Thirty-three adults subjects were divided into three groups: group 1 — subjects undergoing drug therapy with Ginkgo biloba extract EGb 761; group 2 — individuals fitted with digital hearing aids; group 3 — individuals submitted to drug therapy with Ginkgo biloba extract EGb 761 and using hearing aids. The tinnitus handicap inventory and visual analogue scale were used to evaluate self-perception of tinnitus loudness and severity before treatment and 90 days after treatment. Results: This study demonstrated a significant correlation between tinnitus handicap inventory and visual analogue scale, before and after treatment. We observed a significant improvement in self-perception of tinnitus loudness and severity after 90 days of treatment with Ginkgo biloba extract EGb 761 and/or hearing aids. No correlation was found between tinnitus onset time and self-perception of tinnitus loudness and severity. Hearing aids were more effective in patients with a shorter tinnitus onset time and Ginkgo biloba extract was effective regardless of tinnitus duration. Conclusions: It was possible to prove the effectiveness of the hearing aids and/or Ginkgo biloba extract EGb 761 treatment, which shows success in the control of tinnitus contributing to the improvement of this symptom.

Resumo Introdução: O zumbido é definido como a percepção de um som sem a sua presença real no ambiente e tem sido objeto de um grande número de estudos, especialmente devido às suas consequências na qualidade de vida do paciente. Objetivo: Investigar o efeito de próteses auditivas e/ou extrato de Ginkgo biloba EGb 761 sobre o zumbido em pacientes com perda auditiva. Método: Ensaio clínico randomizado controlado, paralelo, duplo-cego, com três braços. Trinta e três indivíduos adultos foram divididos em três grupos: Grupo 1 - indivíduos submetidos à terapia medicamentosa com extrato de Ginkgo biloba EGb 761; Grupo 2 - indivíduos equipados com próteses auditivas digitais; Grupo 3 - indivíduos submetidos à terapia medicamentosa com extrato de Ginkgo biloba EGb 761 e próteses auditivas. O Tinnitus handicap inventory e a escala visual analógica foram usados para avaliar a autopercepção de intensidade e da gravidade do zumbido antes do tratamento e 90 dias após o tratamento. Resultados: Este estudo demonstrou uma correlação significante entre o Tinnitus handicap inventory e a escala visual analógica, antes e após o tratamento. Observou-se melhoria significativa na autopercepção de loudness e da intensidade do zumbido após 90 dias de tratamento com extrato de Ginkgo biloba EGb 761 e/ou prótese auditiva. Não foi encontrada correlação entre o tempo de início do zumbido e a autopercepção da intensidade e gravidade do zumbido. As próteses auditivas foram mais eficazes em pacientes com menor tempo de início de zumbido e o extrato de Ginkgo biloba foi eficaz, independentemente da duração do zumbido. Conclusões: Foi possível comprovar a eficácia do tratamento com a prótese auditiva e/ou extrato de Ginkgo biloba EGb 761, o que demonstra sucesso no controle do zumbido e contribui para a melhoria desse sintoma.
Descritores: Zumbido/tratamento farmacológico
Auxiliares de Audição
-Qualidade de Vida
Extratos Vegetais
Método Duplo-Cego
Ginkgo biloba
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-967196
Autor: Guedes, Clarice Moura; Santos, Fabelina Karollyne Silva dos; Silva, Tamires de Sousa; Silva, Ana Paula Soares e; Lima, Michele Vieira da Silva; Oliveira, Valtânia Ana de; Silva, Maria Eduarda Sousa; Abreu, Maria Carolina de; Peron, Ana Paula Paula.
Título: Cytotoxic and genotoxic potential of Ginkgo biloba L, in industrialized and without-additive forms / Potencial citotóxico e genotóxico de Ginkgo biloba L, nas formas industrializada e não aditivada
Fonte: Biosci. j. (Online);34(4):1017-1024, july/aug. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: The toxic potential at the cellular level of industrialized Ginkgo biloba L. leaves was evaluated in meristematic cells of Allium cepa at concentrations of 0.1; 0.2 and 0.4 mg/ml. The industrialized products, from four pharmaceutical laboratories, were identified as A, B, C and D. Cell-level toxicity of dehydrated ginkgo leaf tea was also evaluated at concentrations of 0.15; 0.30 and 0.60 mg/ml. Dehydrated products were purchased from herbalists certified by ANVISA. The roots were exposed to teas and processed products for 24 and 48 hours. The results were submitted to the Chi-square test at 5%. However, industrialized ginkgo products at all concentrations caused antiproliferative effect. Also, the products purchased in pharmacies did not induce significant changes to root meristems. Therefore, industrialized ginkgo promoted cytotoxicity, however, they were not genotoxic to the bioassay used.

Avaliou-se, em células meristemáticas de raízes de Allium cepa, o potencial tóxico em nível celular de folhas de Ginkgo biloba L. industrializadas, nas concentrações 0,1; 0,2 e 0,4 mg/mL. Os produtos industrializados, oriundos de quatro laboratórios farmacêuticos, foram identificados como A, B, C e D. Também avaliou-se a toxicidade em nível celular de chás de folhas de ginkgo desidratadas, nas concentrações 0,15; 0,30 e 0,60 mg/mL. Os produtos desidratados foram adquiridos em ervanários certificados pela ANVISA. As raízes ficaram expostas aos chás e produtos industrializados por 24 e 48 horas. Os resultados obtidos foram submetidos ao teste Qui-quadrado, a 5%. No entanto, os produtos de ginkgo industrializados, em todas as concentrações, causaram efeito antiproliferativo. Ainda, os produto adquiridos em farmácias não induziram alterações em número significativo aos meristemas de raízes. Portanto, os ginkgos industrializados promoveram citotoxicidade, porém, não foram genotóxicos frente ao bioensaio utilizado.
Descritores: Divisão Celular
Ginkgo biloba
Excipientes
-Citotoxinas
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  6 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Reis, Joäo Evangelista de Paula
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964419
Autor: Silva, Andréa de Souza; Fernandes, Eduardo Siqueira; Pinto, Rafael Moraes; Reis, João Evangelista de Paula; Guerra, Martha de Oliveira; Peters, Vera Maria.
Título: Avaliação hematológica e bioquímica em ratas prenhes tratadas com extrato de ginkgo bilob / Hematologic and biochemistry evaluation on pregnant rat treated with gingko biloba extract
Fonte: Rev. interdisciplin. estud. exp. anim. hum. (impr.);2(3):81-88, setembro 2010. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: O extrato de Gingko biloba (GBE) é um fitoterápico usado no tratamento de doenças degenerativas e em estudos recentes tem sido demonstrado efeito nefro e hepatoprotetor de seus componentes. Material e métodos: No presente estudo, 120 ratas Wistar prenhes foram distribuídas em dois grupos experimentais ­ GB 15 e GB 21 ­ tratadas, respectivamente, do primeiro ao oitavo dia da prenhez e do oitavo ao vigésimo dia com 0, 3,5; 7,0 ou 14mg/kg/dia de extrato aquoso de GBE, via gavagem. Os animais foram eutanaziados por exsanguinação total, sob anestesia, no 15º dia ou no 20º dia de prenhez. Os seguintes parâmetros foram avaliados no sangue coletado: eritrograma, leucograma, dosagens séricas de ureia, creatinina, ALT, AST, colesterol e triglicérides. Resultados: Não foram encontradas alterações significativas no padrão hematológico de ratas tratadas nos grupos GB 15 e GB 21. Em relação ao perfil bioquímico, o grupo GB 15, tratado com as doses de 7 e 14mg/kg, evidenciou aumento dos níveis de colesterol e redução de ALT, ureia e creatinina. No grupo GB 21, tratado com as mesmas doses, não se observou aumento de colesterol, mas sim de ureia, enquanto que ALT e creatinina reduziram-se da mesma maneira que no grupo GB 15. Conclusões: Os resultados sugerem que o GBE não altera os padrões hematológicos, porém, no início da gestação aumenta os níveis de colesterol, enquanto que no final da gestação não altera o colesterol, aumentando a ureia, e durante os dois períodos de gestação reduz creatinina e ALT, o que parece confirmar os efeitos nefro e hepatoprotetor.

Introduction: The Ginkgo biloba extract (GBE) is a phytotherapic used in the treatment of neurodegenerative diseases and recent studies have demonstrated nephro and hepatoprotector effects of its components. Material and methods: In this study 120 pregnant Wistar rats were distributed among two experimental groups - GB15 e GB21 ­ treated respectively from the first to eight day of pregnancy and to the eight to de 20th day, with zero, 3.5, 7 or 14mg/kg/day of aqueous extract of Gingko biloba by gavagem. Animals were euthanized by exsanguinations under anesthesia on 15th or 21th pregnancy day. The following parameters were analyzed in the blood hemogram, hematocrit, hemoglobin, total leukocytes, cholesterol, triglycerides, urea, creatinine, aspartato aminotransferase (AST/TGO), alanina aminotransferase (ALT/TGP). Results: No hematological alteration was observed in either group. With respect to biochemistry profile the GB15, group treated with 7 and 14mg/kg, showed higher level of cholesterol and lower level of ALT, urea and creatinin. In the group GB21, treated with the same dose, there was no cholesterol alteration but higher level of urea whereas ALT and creatinin where lower than control as in GB15 group. Conclusions: GBE seems do not alter hematological profile but at early gestation increase the cholesterol level. At latter gestation do not alter cholesterol but increase urea levels. At all period of the gestation the GBE decrease creatinine and ALT seems to confirm possible nepro and hepatic protector effect.
Descritores: Fenômenos Bioquímicos/efeitos dos fármacos
Ginkgo biloba/metabolismo
Testes Hematológicos/métodos
-Ratos Wistar
Limites: Animais
Gravidez
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Reis, Joäo Evangelista de Paula
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964722
Autor: Oshio, Leonardo Toshio; Ribeiro, Cláudia Cristina Teixeira; Marques, Renato Macedo; Guerra, Martha de Oliveira; Matta, Sérgio Luís Pinto de; Reis, João Evangelista de Paula; Silveira e Sá, Rita de Cássia de; Peters, Vera Maria.
Título: Efeito do extrato de ginkgobiloba (EGb) sobre a toxicidade sistêmica e órgãos do sistema reprodutor masculino de ratos Wistar adultos / Effect of ginkgobiloba extract (EGb) on systemic toxicity and organs of the male reproductive system of adult Wistar rats
Fonte: Rev. interdisciplin. estud. exp. anim. hum. (impr.);6(único):7-14, dezembro 2014. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O Extrato de Ginkgobiloba (EGb) é um dos fitoterápicos mais consumidos no mundo. Entretanto ainda há escassez de ensaios toxicológicos em animais e o risco à exposição humana principalmente pelos compostos alquilfenóis, representados pelos ácidos ginkgólicos, que podem causar quadros alérgicos e serem compostos mutagênicos e carcinogênicos. O presente trabalho teve o objetivo de avaliar a toxicidade sistêmica do EGb. Oitenta ratos Wistar de três meses de idade foram tratados com água destilada (Grupo Controle) e extrato aquoso de Ginkgobilobanas seguintes doses: 3,5 (EGb 3,5); 7,0 (EGb 7,0) e 14,0mg/kg (EGb 14,0) uma vez ao dia, por 56 dias consecutivos. Foram avaliados semanalmente, o peso dos animais (g) e a estimativa de consumo diário de ração (g). Indícios de sinais de toxicidade sistêmica como perda de peso, piloereção, diarreia, cromodacriorreia, estereotipias, alterações da atividade locomotora e comportamentais e mortes também foram monitorados. Após anestesia, o sangue dos animais foi coletado para avaliação de hemograma completo e dosagem bioquímica de ureia, creatinina e alanina aminotransferase (ALT). Após a eutanásia, os animais foram submetidos à necropsia e os testículos esquerdo e direito, epidídimo esquerdo, vesícula seminal repleta, próstata ventral, rins esquerdo e direito, fígado e baço foram removidos e pesados em balança de precisão. Durante todo o procedimento experimental não foram observados nos animais sinais clínicos de toxicidade sistêmica e mortes. Houve diferenças estatísticas da estimativa de consumo de ração na sexta semana e oitava semanas de avaliação, embora sem diferença no peso corporal. Não houve diferença no peso dos órgãos e na análise bioquímica sérica. Na avaliação hematológica dos animais, houve diferença estatística significativa na hemoglobinometria em que o grupo EGb 14,0 apresentou-se estatisticamente superior ao grupo EGb 3,5.A concentração de hemoglobina globular média também apresentou diferença estatística significativa, em que o EGb 3,5 apresentou médias inferiores aos grupos EGb 7,0 e EGb 14,0 e o grupo controle apresentou média inferior ao grupo EGb 14,0. Sugere-se que o EGb no presente trabalho, e com as doses utilizadas, não causou toxicidade sistêmica e nem provocou alterações em órgãos de ratos Wistar.

The Ginkgobiloba Extract (EGb) is one of the most commonly consumed herbal in the world. However there are still few toxicity tests on animals and the risk of human exposure mainly by alkyl compounds, represented by acids, which can cause allergies and are mutagenic and carcinogenic compounds. This study had the objective of evaluate the systemic toxicity of EGb. Eighty Wistar rats, three months of age were treated with distilled water (Control Group) and aqueous extract Ginkgobilobanas following doses: 3.5 (EGb 3.5); 7.0 (EGb 7.0) and 14,0mg / kg (14.0 EGb) once a day for consecutive 56 days. Were evaluated weekly animal weight (g) and the estimated daily intake (g). Evidence of systemic signs of toxicity such as weight loss, piloerection, diarrhea, stereotypies and behavioral changes in motor activity and deaths were also monitored. After anesthesia, the animals were collected for evaluation of complete blood count and biochemical analysis of urea, creatinine and alanine aminotransferase (ALT). After euthanasia, the animals were autopsied and the left and right testis, left epididymis, seminal vesicle filled, ventral prostate, left and right kidneys, liver and spleen were removed and weighed on a precision scale. Throughout the experimental procedure were not observed in animals clinical signs of systemic toxicity and deaths. Were no statistical differences in the estimate of feed intake in the sixth week and eighth week evaluation, although no difference in body weight. There were no differences in organ weight and serum biochemical analysis. Hematological evaluation of the animals, there was a statistically significant difference in Hemoglobinometry where 14.0 EGb group was statistically higher than the EGb group 3,5. A mean corpuscular hemoglobin concentration also showed a statistically significant difference in the EGb 3 5 showed an average lower than 7.0 and EGb groups EGb 14.0 and the control group showed less than 14.0 EGb group. It is suggested that EGb in this work, and the doses used, did not cause systemic toxicity nor caused changes in organs of Wistar rats.
Descritores: Ginkgo biloba/toxicidade
Fitoterapia
-Ratos Wistar
Hipersensibilidade a Drogas
Mutagênicos
Limites: Animais
Ratos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964816
Autor: Guerra, Martha de Oliveira; Peters, Vera Maria.
Título: Ausência de toxicidade reprodutiva e sistêmica em ratos wistar tratados com extrato seco de gingko biloba durante o período de desmame à puberdade / Absence of reproductive and sistemic toxicity in rats treated with Gingko biloba extract from weaning to puberty
Fonte: Rev. interdisciplin. estud. exp. anim. hum. (impr.);7(único):15-21, novembro 2015. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: O Gingko biloba (EGb) é um fitoterápico usado há séculos, porém com poucos estudos referentes a seus efeitos sobre o período pós-natal. Estudos dessa natureza vêm sendo preconizados pela Agência Europeia de Medicina, visto que muitos órgãos completam seu desenvolvimento nesse período, inclusive o sistema reprodutor. Objetivo: Avaliar o efeito do extrato seco de EGb sobre o desenvolvimento do sistema reprodutor de ratos, tratados desde o desmame até o fim da puberdade. Métodos. Ratos Wistar foram tratados com 25mg/kg/massa corporal (EGb 25); 50 mg/kg (EGb 50) e 100 mg/kg (EGb 100). Controle (C ­ 0,1ml água destilada), por gavage dos 25 aos 45 dias de vida pós-natal. Variáveis observadas: indícios clínicos de toxicidade sistêmica, peso corporal, descida dos testículos, evolução da morfologia da glande, peso de rins, baço e fígado e dos órgãos do sistema reprodutor. Hematimetria, Concentração de hemoglobina. Concentração de espermatozoides na secreção epididimária. Resultados: Não foram encontradas diferenças significativas em quaisquer das variáveis. Conclusão: A exposição ao extrato seco de EGb durante o período pré-puberal e puberal em ratos Wistar não altera o desenvolvimento do sistema reprodutor masculino.

Introduction: Gingko biloba extract (EGb) is a phytotherapic that has been used for centuries but there is no studies concerning their effects during the postnatal period. This kind of research had been suggested by the European Medicine Agency since there are organs that complete their development in this period, including reproductive organs. Purpose: To evaluate the effect of EGb dry extract upon the rat reproductive system from weaning to 45 postnatal days. Methods: Wistar rats were treated with 25mg/kg/body weight (EGb 25); 50 mg/kg (EGb 50) and 100 mg/kg (EGb 100). Control (C 0,1ml distilled water). Variables: clinical signs of systemic toxicity, body weight, testicles descent, evolution of glans morphology, kidneys, liver, spleen and reproductive organs weights. Hematimetry. Haemoglobin concentration. Sperm concentration in the epidydimal secretion. Results: No significant differences were observed in none of the observed variables. Conclusion: The EGb dry extract exposition to prepuberal and puberal rats do not alter the reproductive system development.
Descritores: Maturidade Sexual
Ginkgo biloba/toxicidade
Genitália Masculina/efeitos dos fármacos
-Ratos Wistar
Limites: Humanos
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-947440
Autor: Figueiredo, Larruama Soares; Neres, Bruna dos Santos Ibiapina; Barros, Juliana; Castro, Juçara Gonçalves de; Costa, Charllyton Luis Sena da.
Título: Tratamento do fibro edema gelóide utilizando o ultrassom terapêutico associado a lecitina de soja e ginkgo biloba / Treatment of cellulite using therapeutic ultrasound associated with soy lecithin and ginkgo biloba
Fonte: Fisioter. Bras;19(3):f: 337-l: 341, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: O fibro edema gelóide atinge a dermo-hipodérmica, alterando microcirculação e adipócitos. Consiste em uma infiltração edematosa do tecido conjuntivo, seguida de polimerização da substância fundamental que, infiltrando-se nas tramas, produz uma reação fibrótica consecutiva. Além de ser desagradável esteticamente, é uma das principais queixas de pacientes na fisioterapia dermato-funcional. O objetivo do estudo foi analisar a ação do gel de Ginkgo Biloba e lecitina de soja associado ao ultrassom terapêutico no tratamento do fibro edema gelóide. Esta pesquisa envolveu 8 mulheres com idade entre 20 e 30 anos, sedentárias, sem dietas, não fumantes, não usuárias de contraceptivo, de corticóides e com FEG grau II na região glútea. O ultrassom terapêutico utilizado obedecia aos seguintes parâmetros: 3 MHz, no modo de emissão contínuo e área efetiva de radiação de 3,5 cm², intensidade 1,4 w/cm2 , sendo aplicado por 10 minutos em cada área pré-marcada. Foram realizados 30 atendimentos, 3 vezes por semana nas dependências de uma faculdade de Teresina/PI. Para análise dos dados foram utilizados: a termografia, análise bioquímica dos exames de sangue, o protocolo de avaliação do fibro edema gelóide (PAFEG), fotos e questionário de satisfação das voluntárias. Os resultados confirmaram o benefício da associação do ultrassom terapêutico ao gel de Ginkgo Biloba e Lecitina de Soja no tratamento do fibro edema gelóide. (AU)

The cellulite affects the dermo-hypodermal layers, modifying microcirculation and adipocytes. It consists of an edematous infiltration of the connective tissue, followed by polymerization of the fundamental substance, infiltrating the plots and producing a fibrotic reaction. Besides being aesthetically unpleasant, is one of the main complaints of patients in physical therapy. The aim of this study was to analyze the action of the gel Ginkgo Biloba and Soy Lecithin associated with ultrasound in the treatment of cellulite. This study involved 8 women aged 20 to 30 years, sedentary, without diets, non-smoking, not using contraception or corticoids with cellulite grade II in the gluteal region. We used the therapeutic ultrasound with the following parameters: 3 MHz, in continuous emission mode and Effective Radiation Area (ERA) of 3.5 cm², intensity 1.4 W/cm², being applied for 10 min in pre-marked area. The patients were submitted to 30 sessions, 3 times a week at the University of Teresina/PI. For data analysis we used: thermal imaging, biochemical analysis of blood tests, the evaluation protocol of cellulite (PAFEG), photos and satisfaction questionnaire of volunteers. The results confirmed the benefit of the association of the ultrasound with gel Ginkgo Biloba and Soy Lecithin in the treatment of cellulite. (AU)
Descritores: Ginkgo biloba
Terapia por Ultrassom
-Adipócitos
Microcirculação
Especialidade de Fisioterapia
Ultrassom
SETIMMEDIATE$0.MORPHINE DERIVATIVESHYPERPARATHYROIDISMANTIBODIESCHROMOSOMES, HUMAN, 1-39$ABORTION, THERAPEUTIC
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1561.1 - Biblioteca Virtual AMMG


  10 / 54 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-910899
Autor: Hernández Rivera, Patricia.
Título: Ingesta de productos naturales o macrobióticos una llamada de atención a la salud pública / Intake of natural or macrobiotic products a call for attention to public health
Fonte: Revista Enfermería Actual en Costa Rica;33:1-12, 2017.
Idioma: es.
Resumo: Este trabajo aborda la importancia de prevenir el uso indiscriminado de productos naturales o macrobióticos, sus posibles efectos perjudiciales en la salud, así concienciar a profesionales en el área de la salud sobre la importancia de incluir este tema durante la historia médica. Se analiza el incremento en el uso de productos naturales o macrobióticos, las ventajas de la etnomedicina como un resurgimiento de la industria farmacéutica y las desventajas que acarrea este tipo de productos. Las hierbas ofrecen una alternativa terapéutica como la creación de nuevos fármacos, aunque poseen efectos secundarios que podrían arriesgar la salud de los pacientes.
Descritores: Produtos Biológicos
Medicina Tradicional
Plantas Medicinais
-Costa Rica
Ginkgo biloba
Saúde Pública
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde