Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912.250.100.337 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 2 [refinar]
Mostrando: 1 .. 2   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 2 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-671401
Autor: Kumar, Satyanshu; Dhanani, Tushar.
Título: Development and validation of a rapid high performance liquid chromatography - photodiode array detection method for estimation of a bioactive compound wedelolactone in extracts of Eclipta alba
Fonte: Braz. j. pharm. sci;49(1):57-63, Jan.-Mar. 2013. ilus, graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: Following optimization of extraction, separation and analytical conditions, a rapid, sensitive and simple reverse-phase high performance liquid chromatography-photo diode array (HPLC-PDA) method has been developed for the identification and quantification of wedelolactone in different extracts of Eclipta alba. The separation of wedelolactone was achieved on a C18 column using the solvent system consisting of a mixture of methanol: water: acetic acid (95: 5: 0.04) as a mobile phase in isocratic elution mode followed by photo diode array detection at 352 nm. The developed method was validated as per the guidelines of the International Conference on Harmonization (ICH). Calibration curve presented good linear regression (r²>0.998) within the test range and the maximum relative standard deviation (RSD, %) values for intra-day assay were found to be 0.15, 1.30 and 1.1 for low (5 µg/mL), medium (20 µg/mL) and high (80 µg/mL) concentrations of wedelolactone. For inter-day assay the maximum RSD (%) values were found to be 2.83, 1.51 and 2.06 for low, medium and high concentrations, respectively. Limit of detection (LOD) and limit of quantification (LOQ) were calculated to be 2 and 5 µg/mL respectively. Analytical recovery of wedelolactone was greater than 95%. Wedelolactone in different extracts of Eclipta alba was identified and quantified using the developed HPLC method. The validated HPLC method allowed precise quantitative analysis of wedelolactone in Eclipta. alba extracts.

Desenvolveu-se método rápido, sensível e simples de Cromatografia Líquida de Alta Eficiência em fase reversa, utilizando-se arranjo de fotodiodo (HPLC-PDA), visando à separação, extração e às condições analíticas para a identificação e quantificação de wedelolactona em diferentes extratos de Eclipta alba. A separação de wedelolactona foi efetuada por meio de uma coluna C18, utilizando mistura de metanol:água:ácido acético (95:5:0.04) como fase móvel, em sistema de eluição isocrática, seguida de detecção por arranjo de fotodiodo a 352 nm. O método desenvolvido foi validado de acordo com as diretrizes da Conferência Internacional de Harmonização (ICH). As curvas de calibração apresentaram boa regressão linear (r²>0,998), dentro dos intervalos de teste, e os valores máximos de desvio padrão relativo (RSD,%) dos ensaios intra-dia foram 0,15, 1,30 e 1,1 para concentrações de wedelolactona baixa (5 µg/mL), média (20 µg/mL) e elevada (80 µg/mL) Para o ensaio inter-dia,os máximos de RSD (%) foram 2,83, 1,51 e 2,06 para as concentrações baixa, média e alta, respectivamente. O Limite de Detecção (LD) e o Limite de Quantificação (LOQ) foram de 2 e 5 µg/mL, respectivamente. A recuperação analítica de wedelolactona foi maior do que 95%. A wedelolactona em diferentes extratos de Eclipta alba foi identificada e quantificada pelo método de HPLC desenvolvido. O método de HPLC validado permitiu a análise quantitativa precisa de wedelolactona em extratos de Eclipta alba.
Descritores: Cromatografia Líquida de Alta Pressão/métodos
Eclipta/classificação
Estudo de Validação
Wedelia/classificação
-Cromatografia de Fase Reversa/instrumentação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 2 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-601040
Autor: Alves, L. L; Oliveira, P. V. A; França, S. C; Alves, P. L. C; Pereira, P. S.
Título: Atividade alelopática de extratos aquosos de plantas medicinais na germinação de Lactuca sativa L. e Bidens pilosa L. / Allelopathic activity of aqueous extracts of medicinal plants on the germination of Lactuca sativa L. and Bidens pilosa L.
Fonte: Rev. bras. plantas med;13(3):328-336, 2011. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O potencial alelopático de quatro diferentes extratos de plantas medicinais (Eclipta alba, Gomphrena globosa, Tabernaemontana catharinensis e Tithonia diversifolia) foi avaliado na germinação de Bidens pilosa e Lactuca sativa. Dentre os resultados obtidos no teste de germinação, notou-se um maior poder inibitório do extrato de G. globosa sobre sementes e plântulas de Bidens pilosa e Lactuca sativa independente da concentração utilizada e aumento da atividade inibitória de extratos T. catharinensis e de T. diversifolia com aumento da concentração destes. Quanto ao Índice de Velocidade de Germinação, os dados demonstraram redução do índice devido a elevada mortalidade das plântulas submetidas aos extratos de G. globosa e de T. catharinensis e a germinação tardia das sementes submetidas ao extrato de T. diversifolia. Quanto ao vigor das sementes, as menores porcentagens de sobrevivência ocorreram extratos à 2,5 por cento para B. pilosa e 10 por cento para L. sativa.

The allelopathic potential of four different extracts of medicinal plants (Eclipta alba, Gomphrena globosa, Tabernaemontana catharinensis and Tithonia diversifolia) was evaluated on the germination of Bidens pilosa and Lactuca sativa. The results obtained in the germination test indicated a greater inhibitory activity of G. globosa extract on Bidens pilosa and Lactuca sativa seeds and seedlings, regardlessof the used concentration, and an increase in the inhibitory activity of T. catharinensis and T. diversifolia extracts with an increase in their concentrations. As to Germination Speed Index, the data demonstrated a reduction due to the high mortality of seedlings subjected to G. globosa and T. catharinensis extracts and a late germination of seeds subjected to T. diversifolia extracts. As to the vigor of seeds, the smallest survival percentages occur at 2.5 percent for B. pilosa and at 10 percent for L.sativa.
Descritores: Bidens
Feromônios/química
Feromônios/uso terapêutico
Germinação
Técnicas In Vitro
Alface
Extratos Vegetais
Plantas Medicinais
Sementes
-Amaranthaceae
Asteraceae
Eclipta
Estruturas Vegetais
Preparações de Plantas/uso terapêutico
Tabernaemontana
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde