Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912.250.342 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 4 [refinar]
Mostrando: 1 .. 4   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 4 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-732310
Autor: Coelho, FF; Martins, RP; Figueira, JEC; Demetrio, GR.
Título: Soil factors effects on life history attributes of Leiothrix spiralis and Leiothrix vivipara (Eriocaulaceae) on rupestrian grasslands in Southeastern Brazil / Efeitos de fatores do solo nos atributos de história de vida de Leiothrix spiralis e Leiothrix vivipara (Eriocaulaceae) nos campos rupestres no Sudeste do Brasil.
Fonte: Braz. j. biol;74(4):828-836, 11/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Brazilian CAPES and a grant from CNPq.
Resumo: In this study, we hypothesized that the life history traits of Leiothrix spiralis and L. vivipara would be linked to soil factors of the rupestrian grasslands and that rosette size would be influenced by soil moisture. Soil analyses were performed from five populations of L. spiralis and four populations of L. vivipara. In each area, three replicates were employed in 19 areas of occurrence of Leiothrix species, and we quantified the life history attributes. The microhabitats of these species show low favorability regarding to soil factors. During the dry season, their rosettes decreased in diameter due the loss of its most outlying leaves. The absence of seedlings indicated the low fecundity of both species. However, both species showed rapid population growth by pseudovivipary. Both L. spiralis and L. vivipara exhibit a kind of parental care that was quantified by the presence of connections between parental-rosettes and ramets. The findings of the present study show that the life history traits are linked to soil factors.

Neste estudo, testamos a hipótese de que os traços da história de vida de Leiothrix spiralis e L.vivipara estariam ligados a fatores do solo dos campos rupestres, e que o tamanho de roseta seria influenciado pela umidade do solo. As análises de solo foram realizadas a partir de cinco populações de L. spiralis e quatro populações de L. vivipara. Em cada área, três repetições foram empregadas em 19 áreas de ocorrência das espécies de Leiothrix, e quantificamos os atributos de história de vida. Os microhabitats destas espécies apresentam baixa “favorabilidade” em relação aos fatores de solo. Durante a estação seca, as rosetas diminuíram de diâmetro devido à perda de suas folhas mais periféricas. A ausência de plântulas indicou a baixa fecundidade de ambas as espécies. No entanto, ambas as espécies apresentaram crescimento rápido da população por pseudoviviparidade. Tanto L. spiralis quanto L. vivipara exibem um tipo de cuidado parental que foi quantificada pela presença de conexões entre rosetas parentais e rametes. Os resultados do presente estudo mostram que os traços da história de vida estão ligados aos fatores do solo.
Descritores: Eriocaulaceae/crescimento & desenvolvimento
Solo
-Brasil
Eriocaulaceae/classificação
Umidade
Estações do Ano
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-723881
Autor: Demetrio, GR; Coelho, FF; Barbosa, MEA.
Título: Body size and clonality consequences for sexual reproduction in a perennial herb of Brazilian rupestrian grasslands / Consequências do tamanho de corpo e da clonalidade para a reprodução sexuada de uma herbácea perene doa campos rupestres brasileiros
Fonte: Braz. j. biol;74(3):744-749, 8/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Body size is one of the most important factors regarding herbaceous perennial plants life-histories, and several fitness components of these organisms are related to size. Clonal plants show distinct kinds of reproduction and can develop offspring by sexual or asexual ways. We aimed to understand how body size affects Comanthera nivea (Eriocaulaceae) sexual reproduction and to verify how clonal growth is related to flower head production in this species. We sampled 600 rosettes in rupestrian grasslands and performed linear regression analysis between body size and number of produced flower heads. We also compared the flower head production between isolated rosettes and rosettes within clones. Our results showed that body size was significantly related, but explained only a small part of flower head production. The flower head production was higher in rosettes within clones than in isolated ones. The clones presented a rosette or a small group of rosettes that concentrated the sexual reproduction. Clonality was positively associated with sexual reproduction. Clonality can represent an important way of allowing the persistence of plants by sexual reproduction in markedly seasonal stressful environments. The cases of clonality enhancing the sexual reproduction must be considered and put in focus on reproductive biology research.

O tamanho de corpo é um dos atributos de história de vida mais importantes para plantas herbáceas perenes e muitos componentes da aptidão desses organismos são relacionados ao tamanho. As plantas clonais apresentam diferentes tipos de reprodução e podem gerar prole por vias sexuadas ou assexuadas. Nosso objetivo foi compreender como o tamanho de corpo afeta a reprodução sexual em Comanthera nivea e verificar como o crescimento clonal relaciona-se à produção de capítulos dessa espécie. Nós amostramos 600 rosetas em campos rupestres e utilizamos regressões lineares para verificar a relação entre o tamanho de corpo e o número de capítulos produzidos pela planta. Nós também comparamos a produção de capítulos entre rosetas isoladas e rosetas pertencentes a clones. Nossos resultados mostram que o tamanho de corpo tem influência positiva significativa na produção de capítulos, mas explica apenas parte da variação nos dados. A produção de capítulos é maior em rosetas pertencentes a clones que em rosetas isoladas. Os clones geralmente apresentam uma roseta, ou um grupo de rosetas, que concentra a reprodução sexual. A clonalidade apresentou ligações significativas com a reprodução sexuada. Em ambientes sazonais a clonalidade pode representar uma importante forma de persistência das plantas já que pode permitir um melhor desempenho da reprodução sexuada em vista dos estresses ambientais. Os casos nos quais a clonalidade representa uma via de melhor desempenho para a reprodução sexuada devem ser considerados e colocados em foco na pesquisa em biologia reprodutiva.
Descritores: Eriocaulaceae/anatomia & histologia
Eriocaulaceae/fisiologia
-Brasil
Eriocaulaceae/classificação
Flores/crescimento & desenvolvimento
Reprodução/fisiologia
Estações do Ano
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Vilegas, Wagner
Texto completo
Id: lil-446361
Autor: Coelho, Roberta Gomes; Batista, Leônia Maria; Santos, Lourdes Campaner dos; Brito, Alba Regina Monteiro de Souza; Vilegas, Wagner.
Título: Phytochemical study and antiulcerogenic activity of Syngonanthus bisulcatus (Eriocaulaceae)
Fonte: RBCF, Rev. bras. ciênc. farm. (Impr.);42(3):413-417, jul.-set. 2006. ilus, tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; . R.G.C; . CNPq.
Resumo: From the ethanol extract of the capitula and scapes of Syngonanthus bisulcatus (Koern) Ruhland the flavonoids 5-hydroxy-7,4'-dimethoxy-6-C-beta-D-glucopyranosylflavone, isovitexin (5,7,4'-trihydroxy-6-C-beta-D-glucopyranosylflavone), luteolin (5,7,3',4'-tetrahydroxyflavone), lutonarin (5,3',4'-trihydroxy-6-C-7-O-beta-D-glucopyranosylflavone) and 5,6,3',4'-tetrahydroxy-7-O-beta-D-glucopyrade were isolated. The structure of the compounds were characterized by spectroscopic methods, mainly 1D and 2D NMR experiments, as well as ESMS spectrometry. In addition we examined the effect of the ethanol extract of capitulae and scapes in the ulcer model ethanol/HCl-induced gastric mucosal lesions.

Do extrato etanólico dos capítulos e dos escapos de Syngonanthus bisulcatus (Koern) Ruhland foram isolados os flavonóides: 5-hidroxi-7,4'-dimetoxi-6-C-beta-D-glicopiranosilflavona, isovitexina (5,7,4'-triidróxi-6-C-beta-D-glicopiranosilflavona, luteolina (5,7,3',4'- tetraidroxiflavona), lutonarina (5,3',4'-triidroxi-6-C-7-O-beta-D-glicopiranosilflavona) e 5,6,3',4'-tetraidroxi-7-O-beta-D-glicopiranosilflavona. As estruturas dos compostos foram caracterizadas por espectroscopia (RMN mono e bi-dimensionais) e por espectrometria de massas Electrospray. Adicionalmente foram examinados os efeitos dos extratos etanólicos dos capítulos e dos escapos pelo modelo de úlcera induzida por etanol/HCl
Descritores: Eriocaulaceae
Extratos Vegetais
-Flavonoides
Espectrometria de Massas
Análise Espectral Raman
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas


  4 / 4 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-428167
Autor: Santos, L. C; Silva, M. A; Rodrigues, C. M; Rodrigues, J; Rinaldo, D; Sannomiya, M; Vilegas, W.
Título: Fast preparative separation of flavones from capitula of Eriocaulon ligulatum (Vell.) L. B. Smith (Eriocaulaceae) by High-speed countercurrent chromatography (HSCCC)
Fonte: Rev. ciênc. farm. básica apl;26(2):101-103, 2005. ilus.
Idioma: en.
Resumo: High-speed countercurrent chromatography (HSCCC) is a leading method for the fast separation of natural products from plants. It was used for the preparative isolation of two flavone monoglucosides present in the capitula of Eriocaulon ligulatum (Vell.) L.B.Smith (Eriocaulaceae). This species, know locally as botão-dourado, is exported to Europe, Japan and North America as an ornamental species, constituting an important source of income for the local population of Minas Gerais State, Brazil. The solvent system, optimized in tests prior to the HSCCC run, consisted of the two phases of the mixture ethyl acetate: n-propanol: water (140:8:80, v/v/v), which led to the successful separation of 6-methoxyluteolin-7-O-Beta-D-allopyranoside and 6-methoxyapigenin-7-O-Beta-D-allopyranoside in only 3 hours. The two flavonoids were identified by NMR (1-D and 2-D) and ESI-MS, comparing their spectra with published data
Descritores: Eriocaulaceae/ultraestrutura
Flavonoides
-Distribuição Contracorrente
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde