Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912.250.401.590 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-556811
Autor: Souchie, Edson L; Azcón, Rosario; Barea, Jose M; Silva, Eliane M. R; Saggin-Júnior, Orivaldo J.
Título: Enhancement of clover growth by inoculation of P-solubilizing fungi and arbuscular mycorrhizal fungi
Fonte: An. acad. bras. ciênc;82(3):771-777, Sept. 2010. graf.
Idioma: en.
Resumo: This study evaluated the synergism between several P-solubilizing fungi isolates and arbuscular mycorrhizal fungi to improve clover ( Trifolium pratense) growth in the presence of Araxá apatite. Clover was sown directly in plastic pots with 300g of sterilized washed sand, vermiculite and sepiolite 1:1:1 (v:v:v) as substrate, and grown in a controlled environment chamber. The substrate was fertilized with 3 g L-1 of Araxá apatite. A completely randomized design, in 8×2 factorial scheme (eight P-solubilizing fungi treatments with or without arbuscular mycorrhizal fungi)and four replicates were used. The P-solubilizing fungi treatments consisted of five Brazilian P-solubilizing fungi isolates (PSF 7, 9, 20, 21 and 22), two Spanish isolates ( Aspergillus niger and the yeast Yarowia lipolytica) and control (non-inoculated treatment). The greatest clover growth rate was recorded when Aspergillus niger and PSF 21 were co-inoculated with arbuscular mycorrhizal fungi. Aspergillus niger, PSF 7 and PSF 21 were the most effective isolates on increasing clover growth in the presence of arbuscular mycorrhizal fungi. Greater mycorrhizal colonization resulted in greater clover growth rate in most PSF treatments. PSF 7 was the best isolate to improve the establishment of mycorrhizal and rhizobia symbiosis.

Este estudo avaliou o sinergismo entre diversos isolados defungos solubilizadores de fosfato e micorrízicos arbusculares para beneficiar o crescimento de trevo ( Trifolium pratense) na presença de apatita de Araxá. A cultura foi semeada diretamente em potes plásticos com 300 g de substrato esterilizado formado por areia lavada, vermiculita e sepiolita 1:1:1 (v:v:v) e cultivada em câmara climática. O substrato foi fertilizado com 3 g L-1 de apatita de Araxá. O experimento foi instalado em delineamento completamente casualizado, esquema fatorial 8×2 (oito tratamentos de inoculação de fungos solubilizadores de fosfato com ou sem fungos micorrízicos arbusculares) e quatro repetições. Os tratamentos de fungos solubilizadores de fosfato consistiram em cinco isolados brasileiros de fungos solubilizadores de fosfato (FSF 7, 9, 20, 21 e 22), dois isolados procedentes da Espanha ( Aspergillus niger e a levedura Yarowia lipolytica) e o controle (tratamento não inoculado). A maior taxa de crescimento da cultura foi obtida quando Aspergillus niger e FSF 21 foram co-inoculados com fungos micorrízicos arbusculares. Aspergillus niger, FSF 7 e o FSF 21 foram os isolados mais efetivos para incrementar o crescimento de trevo na presença de fungos micorrízicosarbusculares. A maior taxa de colonização micorrízica resultou em alta taxa de crescimento de trevo na maioria dos tratamentos com fungos solubilizadores de fosfato. O isolado FSF 7 foi o melhor para favorecer o estabelecimento das simbioses com fungos micorrízicos e com rizóbio.
Descritores: Fertilizantes
Fungos/fisiologia
Medicago/crescimento & desenvolvimento
-Medicago/efeitos dos fármacos
Micorrizas/fisiologia
Fósforo
Solubilidade
Simbiose
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde