Base de dados : LILACS
Pesquisa : B01.650.940.800.575.912.250.859.750.500.249 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1117635
Autor: Boscardin, Jardel; Costa, Ervandil Côrrea; Fleck, Marciane Danniela; Silva, Jéssica Maus da; Schoeninger, Karine; Delabie, Jacques Hubert Charles.
Título: Arthropods associated with young orchard of pecan in southern Brazil / Artrópodes associados a um plantio jovem de nogueira-pecã no sul do Brasil
Fonte: Arq. Inst. Biol;87:e0382019, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: A produção mundial de noz-pecã Carya illinoinensis (Juglandaceae) é liderada pelos Estados Unidos. No Brasil, em especial no Rio Grande do Sul, houve uma expansão da área plantada com a cultura nos últimos anos. No entanto, faltam pesquisas relacionadas à entomofauna associada à noz-pecã, bem como práticas culturais que auxiliem no Manejo Integrado de Pragas, mesmo havendo uma expansão da cultura. Assim, o presente estudo objetivou avaliar a fauna de artrópodes na copa de plantas de C. illinoinensis, submetido a diferentes manejos de solo, em Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil. Para tanto, utilizou-se delineamento experimental de blocos ao acaso, com cinco blocos e quatro tratamentos: plantio em cova pequena, com 20 × 60 cm (Sp); utilização de subsolador mais grade niveladora e cova pequena (Ssp); utilização de enxada rotativa e cova pequena (Tsp); e plantio em cova grande, com 40 × 60 cm (Lp). De novembro de 2014 a maio de 2015, foram coletadas 7.617 espécimes nas copas de árvores jovens de nogueira-pecã. Foram identificados 150 grupos taxonômicos, sendo Coleoptera a ordem com maior riqueza de espécies. Monellia caryella (Hemiptera: Aphididae) apresentou elevada densidade. Foram registrados os inimigos naturais himenópteros parasitoides e Coccinellidae. Conclui-se que a artropodofauna em copas de plantas jovens de nogueira-pecã apresenta diversidade similar entre os tratamentos e predomínio de M. caryella nas áreas avaliadas.(AU)

World production of pecan Carya illinoinensis (Juglandaceae) is led by the United States. In Brazil, especially in the Rio Grande do Sul State, there has been an expansion of the planted area in recent years. Despite this expansion of pecan culture, there is a lack of research on entomofauna associated with pecan and on cultural practices which aids in Integrated Pest Management. This study aimed to evaluate the arthropod fauna in the canopies of C. illinoinensis trees grown under different soil management practices in Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brazil. A randomized design was used with five blocks and four treatments: planting in small pits of 20 × 60 cm (Sp) using a subsoiler with a leveling grader/shank, planting in small pits (Ssp) using a rotary tiller (Tsp), and planting in large pits of 40 × 60 cm (Lp). A total of 7,617 specimens were collected from November 2014 to May 2015 from the young pecan canopies. Among the 150 taxonomic groups identified, Coleoptera was the most taxonomically rich order. The blackmargined aphid Monellia caryella (Hemiptera: Aphididae) had the greatest abundance. Hymenopteran parasitoids and Coccinellidae spp. were among the natural pest enemies detected. We conclude that the arthropod fauna found in the young pecan canopies is similarly diverse among the different soil managements, with a predominance of pest species M. caryella in all the evaluated areas.(AU)
Descritores: Artrópodes
Carya
-Controle de Pragas
Entomologia
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde