Base de dados : LILACS
Pesquisa : B03.440.400.425.475 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 1 LILACS  
             
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-712721
Autor: Pimenta, Carla L. R. M; Castro, Vanessa; Clementino, Inácio J; Alves, Clebert J; Fernandes, Leíse G; Brasil, Arthur W. L; Santos, Carolina S. A. B; Azevedo, Sérgio S.
Título: Leptospirose bovina no Estado da Paraíba: prevalência e fatores de risco associados à ocorrência de propriedades positivas / Bovine leptospirosis in Paraíba State: prevalence and risk factors associated with the occurrence of positive herds
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;34(4):332-336, abr. 2014. mapas, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram determinadas as prevalências de propriedades positivas e de animais positivos e identificados fatores de risco associados à leptospirose em vacas no Estado da Paraíba, Nordeste do Brasil. Foram aleatoriamente selecionadas 2.317vacas com idade ≥ 24 meses, procedentes de 450propriedades. Para o diagnóstico sorológico da infecção por Leptospira spp. foi empregado o teste de soroaglutinação microscópica (SAM), utilizando-se 24 sorovares como antígenos. Uma propriedade foi considerada positiva quando apresentou pelo menos um animal soropositivo. Das 450 propriedades investigadas 398 (89,7 por cento; IC 95 por cento = 86,6-92,2 por cento) apresentaram pelo menos um animal reagente na SAM para qualquer sorovar, e 1.349 (61,1 por cento; IC por cento = 56,6-65,4 por cento) animais foram soropositivos. O sorovar Hardjo foi o mais prevalente nas propriedades e nos animais, com frequências de 58,17 por cento e 54,69 por cento, respectivamente. Propriedade ser localizada no Sertão (odds ratio = 3,20; p = 0,003), presença de animais silvestres (odds ratio =2,89; p=0,005), não resfriar o leite (odds ratio =3,83; p=0,034) e presença de pastos alagados (odds ratio =2,36; p<0,001) foram identificados como fatores de riscos associados à prevalência de propriedades positivas. Conclui-se que a leptospirose encontra-se amplamente difundida em bovinos do Estado da Paraíba, o que reforça a necessidade de intensificação de medidas de prevenção e controle, como a vacinação dos rebanhos. De acordo com os resultados da análise de fatores de risco, sugere-se que o controle sanitário antes da introdução de animais, drenagem de áreas alagadas e melhora nas condições de manejo são importantes medidas para a prevenção da infecção.

Herd-level and animal-level prevalences were determined and risk factors associated with leptospirosis were identified in cows in the State of Paraíba, Northeastern Brazil. A total of 2,317 cows with ≥ 24 months of age from 450 herds were randomly sampled. For the serological diagnosis of Leptospira spp. infection, the microscopic agglutination test (MAT) was carried out using 24 serovars as antigens. A herd was considered positive when presented at least one seropositive animal. Of the 450 investigated herds, 398 (89.7 percent; 95 percent CI = 86.6-92.2 percent) presented at least one reactant animal at MAT to any serovar, and 1,349 (61.1 percent; 95 percent CI = 56.6-65.4 percent) animals were seropositive. Serovar Hardjo was the most prevalent in herds and animals, with frequencies of 58.17 percent and 54.69 percent respectively. Location of the herd in the Sertão (odds ratio = 3.20; p=0.003), presence of wildlife (odds ratio =2.89; p=0.005), not cooling milk (odds ratio =3.83; p=0.034) and presence of flooded pastures (odds ratio =2.36; p<0.001) were identified as risk factors for herd-level prevalence. It is concluded that leptospirosis is widely spread in cattle in State of Paraíba, which reinforces the need for increased prevention and control measures, such as vaccination of herds. According to the results of risk factors analysis it is suggested that the sanitary control before the introduction of animals, drainage of wetlands and improvement in management conditions are important measures to preventing the infection.
Descritores: Bovinos/microbiologia
Epidemiologia
Leptospiraceae/isolamento & purificação
Leptospirose/veterinária
Testes Sorológicos/veterinária
-Controle de Doenças Transmissíveis
Fatores de Risco
Vacinação/veterinária
Limites: Animais
Feminino
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde