Base de dados : LILACS
Pesquisa : B04.820.504.540.150 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 416 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 42 ir para página                         

  1 / 416 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Rodrigues, Jorge Luís Nobre
Texto completo
Id: biblio-1131723
Autor: MONTALVERNE, Francisco José Arruda; LIMA, Fabrício Oliveira; NOGUEIRA, Raul Gomes; FREITAS, Carlos Clayton Macedo de; NETO, Octávio Marques Pontes; SILVA, Gisele Sampaio; OLIVEIRA, Maura Salaroli de; FRUDIT, Michel; CALDAS, Jose Guilherme Mendes Pereira; ABUD, Daniel Giansante; CONFORTO, Adriana Bastos; CARVALHO, Fernanda Martins Maia; DIAS, Francisco Antunes; BAZAN, Rodrigo; AVELAR, Wagner Mauad; MORO, Carla Heloísa Cabral; MAGALHÃES, Pedro Silva Correa de; MIRANDA, Maramelia; BARBOSA, Leandro de Assis; FIOROT JUNIOR, José Antonio; CARDOSO, Fabrício Buchdid; REBELLO, Leticia Costa; PARENTE, Bruno de Sousa Mendes; FARIA, Mário de Barros; FREITAS, Gabriel Rodriguez de; ZÉTOLA, Viviane de Hiroki Flumignan; OLIVEIRA-FILHO, Jamary; BEZERRA, Daniel da Cruz; RODRIGUES, Jorge Luis Nobre; KUSTER, Gustavo; MARTINS, Sheila; CARVALHO, João José Freitas de.
Título: Management of acute stroke and urgent neurointerventional procedures during COVID-19 pandemic: recommendations on the Scientific Department on Cerebrovascular Diseases of the Brazilian Academy of Neurology, Brazilian Society of Cerebrovascular Diseases and Brazilian Society of Neuroradiology / Tratamento do acidente vascular cerebral agudo e realização de procedimentos de neurointervenção urgentes durante a pandemia de COVID-19: recomendações do Departamento Científico de Doenças Cerebrovasculares da Academia Brasileira de Neurologia, Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares e Sociedade Brasileira de Neurorradiologia
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;78(7):440-449, July 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Although the 2019 severe acute respiratory syndrome coronavirus 2 infection (SARS-CoV-2, COVID-19) pandemic poses new challenges to the healthcare system to provide support for thousands of patients, there is special concern about common medical emergencies, such as stroke, that will continue to occur and will require adequate treatment. The allocation of both material and human resources to fight the pandemic cannot overshadow the care for acute stroke, a time-sensitive emergency that with an inefficient treatment will further increase mortality and long-term disability. Objective: This paper summarizes the recommendations from the Scientific Department on Cerebrovascular Diseases of the Brazilian Academy of Neurology, the Brazilian Society of Cerebrovascular Diseases and the Brazilian Society of Neuroradiology for management of acute stroke and urgent neuro-interventional procedures during the COVID-19 pandemic, including proper use of screening tools, personal protective equipment (for patients and health professionals), and patient allocation.

RESUMO Introdução: A pandemia causada pelo novo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2, COVID-19) apresenta novos e importantes desafios à gestão de saúde no Brasil. Além da difícil missão de prestar atendimento aos milhares de pacientes infectados pelo COVID-19, os sistemas de saúde têm que manter a assistência às emergências médicas comuns em períodos sem pandemia, tais como o acidente vascular cerebral (AVC), que continuam ocorrendo e requerem tratamento com presteza e eficiência. A alocação de recursos materiais e humanos para o enfrentamento à pandemia não pode comprometer o atendimento ao AVC agudo, uma emergência cujo tratamento é tempo-dependente e se não realizado implica em importante impacto na mortalidade e incapacitação a longo prazo. Objetivo: Este trabalho resume as recomendações do Departamento Científico de Doenças Cerebrovasculares da Academia Brasileira de Neurologia, da Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares e da Sociedade Brasileira de Neurorradiologia para o tratamento do AVC agudo e para a realização de procedimentos de neurointervenção urgentes durante a pandemia de COVID-19, incluindo o uso adequado de ferramentas de triagem e equipamentos de proteção pessoal (para pacientes e profissionais de saúde), além da alocação apropriada de pacientes.
Descritores: Transmissão de Doença Infecciosa do Profissional para o Paciente/prevenção & controle
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Coronavirus
Gerenciamento Clínico
Neurologia/normas
-Pneumonia Viral/complicações
Pneumonia Viral/prevenção & controle
Pneumonia Viral/epidemiologia
Sociedades Médicas
Brasil
Infecções por Coronavirus
Infecções por Coronavirus/complicações
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Acidente Vascular Cerebral/terapia
Pandemias/prevenção & controle
Betacoronavirus
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131730
Autor: LIMA, Carla Franco Costa; HOLANDA, Jorge Luis Bezerra; PESSOA, Mariana Santos Leite; COIMBRA, Pablo Picasso de Araújo.
Título: Acute ischemic stroke in a patient with COVID-19 / Acidente vascular cerebral isquêmico agudo em paciente com COVID-19
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;78(7):454-455, July 2020. graf.
Idioma: en.
Descritores: Encéfalo/diagnóstico por imagem
Angiografia/métodos
Artérias Cerebrais/diagnóstico por imagem
Isquemia Encefálica/terapia
Infecções por Coronavirus/diagnóstico
Coronavirus/isolamento & purificação
-Pneumonia Viral/complicações
Tomografia Computadorizada por Raios X/métodos
Isquemia Encefálica/complicações
Isquemia Encefálica/diagnóstico por imagem
Infecções por Coronavirus
Infecções por Coronavirus/complicações
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Acidente Vascular Cerebral/complicações
Acidente Vascular Cerebral/terapia
Acidente Vascular Cerebral/diagnóstico por imagem
Pandemias/prevenção & controle
Betacoronavirus
Pulmão/diagnóstico por imagem
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131732
Autor: APÓSTOLOS-PEREIRA, Samira Luisa; SILVA, Guilherme Diogo; DISSEROL, Caio César Diniz; FEO, Lucas Bueno; MATOS, Aline de Moura Brasil; SCHOEPS, Vinicius Andreoli; GOMES, Ana Beatriz Ayroza Galvão Ribeiro; BOAVENTURA, Mateus; MENDES, Maria Fernanda; CALLEGARO, Dagoberto.
Título: Management of central nervous system demyelinating diseases during the coronavirus disease 2019 pandemic: a practical approach / Manejo de doenças desmielinizantes do sistema nervoso central na pandemia de doença do coronavírus 2019: uma abordagem prática
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;78(7):430-439, July 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Background: The novel coronavirus disease 2019 (COVID-19) pandemic poses a potential threat to patients with autoimmune disorders, including multiple sclerosis (MS) and neuromyelitis optica spectrum disorder (NMOSD). Such patients are usually treated with immunomodulatory or immunosuppressive agents, which may tamper with the organism's normal response to infections. Currently, no consensus has been reached on how to manage MS and NMOSD patients during the pandemic. Objective: To discuss strategies to manage those patients. Methods: We focus on how to 1) reduce COVID-19 infection risk, such as social distancing, telemedicine, and wider interval between laboratory testing/imaging; 2) manage relapses, such as avoiding treatment of mild relapse and using oral steroids; 3) manage disease-modifying therapies, such as preference for drugs associated with lower infection risk (interferons, glatiramer, teriflunomide, and natalizumab) and extended-interval dosing of natalizumab, when safe; 4) individualize the chosen MS induction-therapy (anti-CD20 monoclonal antibodies, alemtuzumab, and cladribine); 5) manage NMOSD preventive therapies, including initial therapy selection and current treatment maintenance; 6) manage MS/NMOSD patients infected with COVID-19. Conclusions: In the future, real-world case series of MS/NMOSD patients infected with COVID-19 will help us define the best management strategies. For the time being, we rely on expert experience and guidance.

RESUMO Introdução: A mais recente pandemia causada pelo coronavírus SARS-CoV-2 (COVID-19, do inglês coronavirus disease 2019) representa uma ameaça potencial para pacientes com doenças autoimunes, incluindo esclerose múltipla (EM) e transtorno do espectro de neuromielite óptica (NMOSD, do inglês neuromyelitis optica spectrum disorders). Esses pacientes são geralmente tratados com medicamentos imunomoduladores ou imunossupressores que podem alterar a resposta normal do organismo a infecções. Até o momento, não há consenso sobre como o manejo dos pacientes com EM e NMOSD deve ser realizado durante a pandemia. Objetivo: Discutir estratégias para manejar esses pacientes. Métodos: Focamos em como 1) reduzir o risco de infecção por COVID-19, como distanciamento social, telemedicina e exames laboratoriais e de imagem em intervalos mais amplos; 2) manejo de surtos, incluindo evitar tratamento de surto leve e uso de corticoide oral; 3) gerenciar terapias modificadoras de doença, como a preferência por medicamentos associados a menor risco de infecção (interferons, glatirâmer, teriflunomida e natalizumabe) e infusão em intervalo estendido de natalizumabe, quando seguro; 4) individualizar a escolha da terapia de indução para EM (anticorpos monoclonais anti-CD20, alentuzumabe e cladribina); 5) manejar terapias preventivas de NMOSD, incluindo seleção inicial de terapia e manutenção do tratamento atual; 6) manejar pacientes com EM/NMOSD que foram infectados por COVID-19. Conclusão: No futuro, séries de casos de pacientes com MS/NMOSD infectados com COVID-19 nos ajudará a definir as melhores estratégias de manejo. Por enquanto, contamos com a experiência e orientação especializadas.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Neuromielite Óptica/tratamento farmacológico
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Coronavirus
Imunossupressores/uso terapêutico
Esclerose Múltipla/tratamento farmacológico
-Pneumonia Viral/epidemiologia
China/epidemiologia
Risco
Neuromielite Óptica/diagnóstico
Telemedicina
Transmissão de Doença Infecciosa do Profissional para o Paciente/prevenção & controle
Transmissão de Doença Infecciosa do Paciente para o Profissional/prevenção & controle
Infecções por Coronavirus
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Suscetibilidade a Doenças
Pandemias
Betacoronavirus
Fatores Imunológicos/uso terapêutico
Esclerose Múltipla/diagnóstico
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Moura, Rosa
Texto completo
Id: biblio-1152605
Autor: Pêgo Filho, Bolívar; Moura, Rosa; Nunes, Maria; Krüger, Caroline; Moreira, Paula; Ferreira, Gustavo; Nagamine, Liria Yuri.
Título: Pandemia e fronteiras: oito meses em evolução no Brasil / Nota Técnica n. 22 (Dirur) : Pandemia e fronteiras : oito meses em evolução no Brasil.
Fonte: Brasília; IPEA; 2021. 28 p. ilus. (Nota Técnica / IPEA. Dirur, 22).
Idioma: pt.
Resumo: Nesta NT, a abordagem se voltará ao período que compreende desde os primeiros casos e óbitos no país, até 30 de novembro de 2020. Terá como objetivo retomar algumas hipóteses levantadas na NT nº 16 (Pêgo et al., 2020), elaborada com base em informações até 15 de abril de 2020, e avançar na prospecção de tendências. Encontra-se organizada em cinco seções, sendo a primeira esta introdução. Na segunda, serão atualizadas a leitura da posição do país no contexto geral da pandemia, a análise dos números registrados e a distribuição de casos e óbitos no território. A terceira discorrerá sobre os impactos do fechamento das fronteiras com os países limítrofes, particularmente em relação aos arranjos transfronteiriços. Na quarta seção, a abordagem particularizará as relações transfronteiriças e vulnerabilidades dos povos indígenas frente à Covid-19. A NT será finalizada, em sua quinta seção, com algumas considerações sínteses ou complementares.
Descritores: Coronavirus
Infecções por Coronavirus
Pandemias
Política Pública
Sistema Único de Saúde
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
[{"text": "BR1541.1"}]


  5 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1152604
Autor: Palotti, Pedro Lucas de Moura; Koga, Natália Massaco; Nascimento, Maricilene Isaira Baia do; Couto, Bruno Gontyjo do.
Título: Mobilização da academia em instâncias colegiadas durante crise da Covid-19: mapeamento das experiências nos estados brasileiros / Nota Técnica n. 47 (Diest) : Mobilização da academia em instâncias colegiadas durante crise da Covid-19 : mapeamento das experiências nos estados brasileiros.
Fonte: Brasília; IPEA; 2021. 20 p. ilus. (Nota Técnica / IPEA. Diest, 47).
Idioma: pt.
Resumo: Esta Nota Técnica tem como objetivo geral responder à seguinte pergunta de pesquisa: onde, a partir de quando e por que meios institucionais tem se dado a participação de especialistas para assessoramento científico dos gestores estaduais no enfrentamento da Covid-19?Os objetivos específicos dessa proposta são os seguintes: • investigar como instâncias formais de assessoramento têm se constituído e se há um assento formal para especialistas; • propor um indicador de classificação das instâncias de assessoramento em âmbito subnacional (ex. natureza da interação, nível de recursos, composição); e • investigar os efeitos da coordenação regional sobre as capacidades analíticas dos governos estaduais, tomando como referência o Consórcio do Nordeste.
Descritores: Coronavirus
Infecções por Coronavirus
Pandemias
Política Pública
Redes de Informação de Ciência e Tecnologia
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
[{"text": "BR1541.1"}]


  6 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Moura, Rosa
Texto completo
Id: biblio-1152603
Autor: Pêgo Filho, Bolívar; Moura, Rosa; Nunes, Maria; Krüger, Caroline; Moreira, Paula; Ferreira, Gustavo; Nagamine, Liria Yuri.
Título: Oito meses de pandemia no Brasil: medidas para o enfrentamento federativo e perspectivas com as vacinas / Nota Técnica n. 21 (Dirur) : Oito meses de pandemia no Brasil : medidas para o enfrentamento federativo e perspectivas com as vacinas.
Fonte: Brasília; IPEA; 2021. 28 p. ilus. (Nota Técnica / IPEA. Dirur, 21).
Idioma: pt.
Resumo: Nesta NT, a abordagem se voltará ao período que compreende desde os primeiros casos e óbitos no país até 30 de novembro de 2020. Terá como objetivo retomar algumas hipóteses levantadas na NT n° 16/2020 (Pêgo et al., 2020), elaborada com base em informações até 15 de abril de 2020, e avançar na prospecção de tendências. Encontra-se organizada em cinco seções, sendo a primeira esta introdução. Na segunda seção, será atualizada a análise das medidas e decisões das esferas de governo, federal e estaduais, no enfrentamento à Covid-19 e das medidas econômicas dos estados, segundo grandes regiões, culminando com os números sobre a evolução dos óbitos nas Unidades da Federação (UF). A terceira seção está dedicada à vulnerabilidade socioespacial e ao direito à moradia durante a pandemia, com ênfase nas precárias condições de enfrentamento em regiões carentes das periferias metropolitanas. Na quarta seção, a análise se volta ao enfrentamento da Covid-19 por meio do desenvolvimento de vacinas e de agentes terapêuticos, abordando sucintamente as reincidências pandêmicas. Na quinta e última seção, estarão as considerações finais.
Descritores: Adaptação Psicológica
Coronavirus
Infecções por Coronavirus
Mortalidade
Pandemias
Vacinas
Vulnerabilidade Social
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
[{"text": "BR1541.1"}]


  7 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1152602
Autor: Corseuil, Carlos Henrique Leite; Franca, Maira Albuquerque Penna; Padilha, Gabriela; Ramos, Lauro Roberto Albrecht; Russo, Felipe Mendonça.
Título: Comportamento do mercado de trabalho brasileiro em duas recessões: análise do período 2015-2017 e da pandemia de Covid-19.
Fonte: Brasília; IPEA; 2021. 20 p. graf. (Nota Técnica / IPEA. Disoc, 92).
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo procura analisar os ajustes do mercado de trabalho em meio a essas duas retrações, tentando estabelecer similaridades e diferenças entre os ajustes observados nas crises anterior e mais recente. Para tanto, serão usados diversos indicadores de trabalho, construídos a partir da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho (SEPRT), e da Relação Anual de Informações Sociais (Rais), também produzida por essa secretaria.
Descritores: Coronavirus
Desemprego
Doenças Endêmicas
Infecções por Coronavirus
Pandemias
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
[{"_a": "339.07"}, {"text": "BR1541.1"}]


  8 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1151697
Autor: Cheibub, Bernardo Lazary; Freitas, João Alcântara de.
Título: O lazer e as (i) mobilidades: reflexões sobre as desigualdades em tempos de pandemia / Leisure and (i) mobilities: reflections on inequalities in pandemic times
Fonte: Licere (Online);23(04):445-470, dez.2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Uma das consequências sociais da Covid-19 foi a alteração nas dinâmicas do trabalho e na forma, na qualidade e na frequência do uso do tempo disponível. O presente artigo tem como objetivo refletir acerca dos impactos da pandemia nas possibilidades de vivência do lazer. Além de considerar a recente produção acadêmica sobre esta temática, analisamos este problema a partir do prisma do Paradigma das Novas Mobilidades. Já há algum tempo, o debate em torno da "justiça de mobilidade" tem atentado para como o regime de intensas mobilidades de poucos pressupunha a imobilidade de muitos. Com a ausência de medidas governamentais que combatessem a contento a disseminação do coronavírus, o isolamento social se mostrou um privilégio na realidade brasileira. Neste sentido, tentamos apontar aqui para um novo equilíbrio na balança da justiça de mobilidade: a imobilidade de poucos só é possível a partir da mobilidade de muitos.

One of the social consequences of Covid-19 was the change in the dynamics of work and also in the form, quality and frequency of the use of available time. This article aims to reflect on the impacts of the pandemic on the possibilities of experiencing leisure. In addition to considering the recent academic production on this theme, we analyzed this problem from the perspective of the New Mobilities Paradigm. For some time now, the debate around "mobility justice" has been focusing on how the regime of intense mobility of the few presupposed the immobility of many. With the absence of government measures to successfully combat the spread of the coronavirus, social isolation proved to be a privilege in the Brazilian reality. In this sense, we try to point here to a new balance of mobility justice: the immobility of the few is only possible from the mobility of the many.
Descritores: Atividades de Lazer
-Coronavirus
Responsável: BR1878.9


  9 / 416 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-1143262
Autor: Céspedes Delis, Virgen; Valdés García, Luis Eugenio; Cordoví Hernández, Valia Dalgis.
Título: Características de los internamientos hospitalarios por la COVID-19 en la provincia de Santiago de Cuba / Characteristics of the hospitalizations due to COVID-19 in Santiago de Cuba
Fonte: Medisan;24(6)tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: La pandemia de la COVID-19 ha provocado actualmente una contingencia epidemiológica internacional. Objetivo: Caracterizar los internamientos hospitalarios a causa de la COVID-19. Métodos: Se realizó una investigación descriptiva y transversal en la provincia de Santiago de Cuba, desde marzo hasta mayo de 2020, de las 3 491 personas internadas a causa de la COVID-19 en las diferentes unidades designadas para ello de acuerdo a categorías establecidas: "sospechoso" (presunto caso), "confirmado" (paciente con positividad por el virus SARS-CoV-2) o "contacto" (aquel que hubiera tenido algún tipo de contacto con una persona contagiada). Asimismo, se analizaron variables demográficas por edad y sexo y se tuvieron en cuenta otras, como lugar de residencia, número de camas por hospitales, clasificación de los pacientes y número de pruebas de reacción en cadena de la polimerasa realizadas en tiempo real. Resultados: Se obtuvo que el municipio de Santiago de Cuba presentó la mayor cifra de infectados por el coronavirus SARS-CoV-2 y que el Hospital Clinicoquirúrgico Universitario Dr. Ambrosio Grillo Portuondo ingresó a un porcentaje superior de pacientes (70,7 %); de igual modo, la mayoría de la serie correspondió al grupo etario de 25 a 59 años y al sexo femenino. Fue sobresaliente que se realizara la prueba de reacción en cadena de la polimerasa en tiempo real a 83,3 % de las personas internadas. Conclusiones: Partiendo de un enfoque sociodemográfico, en este estudio se pudo evaluar la incidencia de casos asociados a la COVID-19 en la provincia de Santiago de Cuba de acuerdo a las camas disponibles para la hospitalización y a la clasificación establecida a tal efecto (sospechosos, confirmados y contactos).

Introduction: The pandemic of COVID-19 has caused an international epidemiologic contingency at the moment. Objective: To characterize the hospitalizations due to the COVID-19. Methods: A descriptive and cross-sectional investigation was carried out in Santiago de Cuba, from March to May, 2020, of the 3 491 patients admitted due to the COVID-19 in the different units designated for it according to established categories: "suspected" (presumed case), "confirmed" (patient with positive result for the SARS-CoV-2 virus) or "contact" (someone that had had some type of contact with a contaminated person). Also, demographic variables were analyzed by age and sex and some others were taken into account, such as residence place, number of beds in hospitals, classification of patients and number of polymerase chain reaction tests carried out in real time. Results: It was obtained that the municipality of Santiago de Cuba presented the highest number of people infected by the coronavirus and that Dr. Ambrosio Grillo Portuondo Clinical Surgical University Hospital admitted a higher percentage of patients (70.7 %); in a same way, most of the series corresponded to the 25 to 59 age group and the female sex. It was outstanding that the polymerase chain reaction test in real time was carried out to 83.3 % of admitted patients. Conclusions: Taking the sociodemographic approach as a starting point, with this study the incidence of cases associated with the COVID-19 in Santiago de Cuba province could be evaluated according to the available beds for the hospitalization and the established classification to such an effect (suspected, confirmed and contacts).
Descritores: Coronavirus
Betacoronavirus
-Reação em Cadeia da Polimerase
Monitoramento Epidemiológico
Hospitalização
Responsável: CU418.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas de Santiago de Cuba


  10 / 416 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1151315
Autor: Silva, Rosangela de Lima; Mendes, Suellen; Miguel, Beatriz Aparecida de Carvalho; Souza, Gabriel Felipe Moreira de; Silva, Mariana Nunes da; Chiminelli, Millena Ellen de Jesus; Silva, Natalia de Paiva da; Braga, Kelly Cristiane Gusso.
Título: Enfrentamento à pandemia da Covid-19: experiências da farmácia do Paraná da 2ª Regional de Saúde / Confronting the Covid-19 pandemic: Experiences of the Paraná Pharmacy from the 2nd Health Regional
Fonte: Rev. Saúde Pública Paraná (Online);3(supl. 1):238-249, dez. 11, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: O surgimento do novo coronavírus exigiu a readaptação de diversos sistemas pertencentes à sociedade. Neste contexto, houve a necessidade da reestruturação dos fluxos de grande parte dos serviços de saúde. O presente relato de experiência descreve as ações adotadas pela Farmácia do Paraná (2ª RSM) para minimizar os impactos da pandemia aos pacientes e funcionários. Foram adotadas medidas de caráter administrativo, organizacional e estrutural, incluindo alterações nos processos de dispensação de medicamentos, nas renovações de cadastro e na busca ativa por usuários elegíveis ao serviço "Remédio em Casa". No panorama inicial da estratégia foi possível verificar um incremento no envio de medicamentos via SEDEX, refletindo em uma redução na quantidade de atendimentos presenciais. Tais ações, realizadas de maneira coordenada, contribuem para a redução do risco de contágio e exposição à Covid-19, refreando o avanço da contaminação e reforçando a importância das medidas de isolamento social. (AU)

The emergence of the new coronavirus required the readaptation of several social systems. In this context, there was a need to restructure flows of many health services. This experience report describes the actions adopted by "Pharmacy of Paraná" (2nd RSM) to minimize the impacts of the pandemic on patients and employees. Administrative, organizational, and structural measures were adopted, including changes in drug dispensing processes, registration renewals, and active search for eligible users of the "Remedies at Home" service. In the initial scenario of the strategy, there was an increase in sending medication via "SEDEX", which reduces the amount of inperson care. These actions, carried out in a coordinated manner, reduce the risk of contagion and exposure to Covid-19, curbing contamination and reinforcing the importance of social isolation measures. (AU)
Descritores: Farmácia
Estratégias
Coronavirus
Serviços de Saúde
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1961 - Biblioteca



página 1 de 42 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde