Base de dados : LILACS
Pesquisa : C04 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 6287 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 629 ir para página                         

  1 / 6287 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-772773
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva.
Título: O INCAvoluntário e suas histórias: a força da solidariedade / The INCAvoluntário and its stories: the strengrt of solidarity / El INCAvoluntário y sus historias: la fuerza de la solidaridad.
Fonte: Rio de Janeiro; Ministério da Saúde; maio 2015. 88 p. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: No início do século XX, o Brasil vê nascerem as primeiras preocupações sociais com o câncer. Tal inquietação, relacionada à ampliação do conhecimento médico sobre a doença e à intensificação de pesquisas científicas e ações assistenciais para o seu controle na Europa e nos Estados Unidos, deu origem às primeiras iniciativas contra a doença no país. Essas tiveram como base ações filantrópicas e atividades pontuais no âmbito do Estado e deixariam como frutos as primeiras instituições direcionadas ao alívio dos que sofriam com a doença. O desenvolvimento institucional do INCA e a busca incessante de seus profissionais por diferentes formas de ampliar e humanizar o tratamento de seus pacientes possibilitam o grande aperfeiçoamento de um conjunto de atividades baseadas numa forma específica de filantropia: o trabalho voluntário. Tendo como base a doação humanitária do trabalho, o voluntariado hoje ocupa um papel central na instituição, em consonância com o crescimento desse novo modo de ação humanitária, que ocorre hoje em diversas sociedades ocidentais, como forma de apanágio do sofrimento.
Descritores: Associações de Voluntários em Hospital
Instituições Filantrópicas de Saúde
Trabalhadores Voluntários de Hospital
Voluntários/história
-Hospitais
Neoplasias/diagnóstico
Neoplasias/prevenção & controle
Obtenção de Fundos
Serviço Social
Serviços de Saúde Comunitária
Sistema Único de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Publicações Governamentais
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1; 364-4(81)(09), B823i; BR1273.1; 362.196994, I59i


  2 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Popim, Regina Célia
Texto completo
Id: lil-598620
Autor: Lombardo, Mariela Santos; Popim, Regina Célia; Suman, Antonia Leonilda.
Título: From omnipotence to exhaustion: the perspectives of adolescents in drug therapy / Da onipotência ao desgaste: as perspectivas do adolescente em quimioterapia / De la omnipotencia al desgaste: las perspectivas del adolescente en tratamiento de quimioterapia
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);19(3):531-539, May-June 2011. ilus.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. FAPESP.
Resumo: This study aimed at understanding the meaning of chemotherapeutic treatment for adolescents with cancer. It is a qualitative study using Alfred Schütz's social phenomenology as a framework. Seven adolescents were interviewed. Four themes emerged from the analysis of their discourses: Impact of the disease on their lives; The discomfort of treatment; Coping strategies and Projection to the future without the disease. The statements of the adolescents revealed that the experience with the chemotherapeutic treatment affects several possibilities of being-in-the-world-with-the-others. The healthcare team plays a fundamental role in the lives of these adolescents, and this relationship goes beyond the scientific level.

Este estudo teve como objetivo compreender o significado do tratamento quimioterápico para o adolescente acometido pelo câncer. Trata-se de pesquisa de natureza qualitativa, com referencial fenomenológico social de Alfred Schütz. Foram entrevistados sete adolescentes. Da análise dos discursos, emergiram quatro temas: impacto da doença em sua vida, o desconforto do tratamento, estratégias de enfrentamento e projeção para o futuro sem a doença. A fala dos adolescentes revelou que a experiência com o tratamento quimioterápico afeta as várias possibilidades do ser-no-mundo-com-os-outros. A equipe que cuida é parte fundamental na vida desses adolescentes, cuja relação ultrapassa o científico.

Este estudio tuvo como objetivo comprender el significado del tratamiento quimioterápico para el adolescente acometido por cáncer. Se trata de investigación de naturaleza cualitativa, utilizando el referencial fenomenológico social de Alfred Schütz. Fueron entrevistados siete adolescentes. Del análisis de los discursos, emergieron cuatro temas: el impacto de la enfermedad en su vida; la incomodidad del tratamiento; las estrategias de enfrentamiento; y la proyección para el futuro sin la enfermedad. La declaración de los adolescentes reveló que la experiencia con el tratamiento quimioterápico afecta las varias posibilidades del ser-en-el-mundo-con-los-otros. El equipo que cuida es parte fundamental en la vida de esos adolescentes, cuya relación ultrapasa lo científico.
Descritores: Neoplasias/tratamento farmacológico
Neoplasias/epidemiologia
-Adolescente
Pesquisa Qualitativa
Tratamento Farmacológico/métodos
Limites: Seres Humanos
Adolescente
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-777306
Autor: Gibbon, Sahra.
Título: Translating genomics: cancer genetics, public health and the making of the (de)molecularised body in Cuba and Brazil / Convertendo a genômica: genética do câncer, saúde pública e a formação do corpo (des)molecularizado em Cuba e no Brasil
Fonte: Hist. ciênc. saúde-Manguinhos;23(1):95-112, enero-mar. 2016.
Idioma: en.
Projeto: Wellcome Trust; . Wellcome Trust.
Resumo: Abstract This article examines how cancer genetics has emerged as a focus for research and healthcare in Cuba and Brazil. Drawing on ethnographic research undertaken in community genetics clinics and cancer genetics services, the article examines how the knowledge and technologies associated with this novel area of healthcare are translated and put to work by researchers, health professionals, patients and their families in these two contexts. It illuminates the comparative similarities and differences in how cancer genetics is emerging in relation to transnational research priorities, the history and contemporary politics of public health and embodied vulnerability to cancer that reconfigures the scope and meaning of genomics as “personalised” medicine.

Resumo O artigo mostra como a genética do câncer, em Cuba e no Brasil, tornou-se matéria de pesquisa, despertando maior interesse da saúde pública. Foram usadas pesquisas etnográficas realizadas em clínicas de genética comunitária e serviços de genética do câncer para averiguar como o conhecimento e as tecnologias associadas à nova área da saúde são convertidos e empregados por pesquisadores, profissionais da saúde, pacientes e familiares nesses dois contextos. Destaca, comparativamente, as semelhanças e diferenças na maneira pela qual a genética do câncer se posiciona em relação às prioridades em pesquisas transnacionais, na história e na política contemporânea da saúde pública e a vulnerabilidade incorporada ao câncer que reconfigura o escopo e o significado da genômica como a medicina “personalizada”.
Descritores: Genômica
Medicina de Precisão
Medicalização
Neoplasias
-Brasil
Saúde Pública
Cuba
Pesquisa Biomédica
Dieta/efeitos adversos
Medicina de Precisão/tendências
Neoplasias/etnologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Artigo Histórico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-684846
Autor: Teixeira, Luiz Antonio; Porto, Marco; Habib, Paula Arantes Botelho Briglia.
Título: Políticas públicas de controle de câncer no Brasil: elementos de uma trajetória / Public policies for cancer control in Brazil: elements of a trajectory
Fonte: Cad. saúde colet., (Rio J.);20(3), jul. 12.
Idioma: pt.
Resumo: O artigo aborda a trajetória das políticas públicas para o controle do câncer no País entre os anos 1940 e o final dos anos 1980. Discute a criação do Serviço Nacional de Câncer, em 1942, seu perfil inicial e as questões que nortearam sua trajetória. Analisa as ações estatais contra a doença nos anos 1960 e a criação do Programa Nacional de Controle do Câncer, em 1974. A partir de uma perspectiva histórica, baseada na análise de documentos institucionais e de bibliografia especializada, buscou-se demonstrar a relação entre ampliação das políticas públicas nesta área, o desenvolvimento de uma nova comunidade médica ? os cancerologistas ? e as transformações sociopolíticas e econômicas ocorridas no País.
Descritores: Médicos
Saúde Pública
História Natural das Doenças
Políticas Públicas de Saúde
Neoplasias/prevenção & controle
-História da Medicina
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: BR1273.1 - Biblioteca de História das Ciências e da Saúde


  5 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Souza, Airle Miranda de
Texto completo
Id: biblio-1012794
Autor: Fernandes, Luana Maria de Souza; Souza, Airle Miranda de.
Título: Significados do câncer infantil: a morte se ocupando da vida na infância / Significados del cáncer infantil: la muerte ocupando se de la vida em la infancia / The meaning of childhood cancer: the occupation of death with life in childhood
Fonte: Psicol. Estud. (Online);24:e39521, 2019. graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO O câncer infantil apresenta 70% de chance de cura se diagnosticado precocemente, embora seja uma doença rara, e pode resultar na morte. A associação entre o câncer e a morte passa a ser conhecida pelas crianças, de alguma forma, desde o momento do diagnóstico, esse encontro é constante. Nesta pesquisa buscou-se desvelar se o tema da morte de si mesma ou de outras crianças com câncer são abordados por meio dos desenhos-estórias. A pesquisa foi desenvolvida em uma associação que presta assistência psicossocial, hospedagem, alimentação e transporte às crianças e aos acompanhantes durante o tratamento oncológico. Colaboraram com a pesquisa cinco crianças que estavam em tratamento oncológico e hospedadas na casa, sendo quatro do sexo feminino e uma do sexo masculino. Como instrumento para coleta dos dados foi utilizado entrevista semiestruturada com os responsáveis, objetivando identificar informações gerais a respeito das crianças. Posteriormente, com as crianças, foi executado o procedimento de desenho-estória, por meio de desenhos e associações verbais, introduzido por Walter Trinca, em 1972. Para análise e compreensão dos dados coletados, utilizou-se o modelo de Amedeo Giorgi. Posteriormente foram construídos dois eixos temáticos: as diversas perdas no adoecer e a morte de si e de seus companheiros de enfermaria. Os resultados desvelam que a criança busca compressão do que ocorre consigo e com o ambiente onde se encontra, lidam com a incerteza em relação ao futuro, podendo sentir a proximidade da morte e expressar seus sentimentos e emoções.

RESUMEN El cáncer infantil, presenta un 70% de probabilidad de curación si se diagnostica precozmente, aunque es una enfermedad rara, puede resultar en la muerte. La asociación entre el cáncer y la muerte pasa a ser conocida por los niños, de alguna forma, desde el momento del diagnóstico, ese encuentro es constante. En esta investigación se buscó desvelar si el tema de la muerte de sí misma o de otros niños con el cáncer son abordados por medios de los dibujos historias. Se desarrolló la investigación en una asociación que ayuda a la asistencia psicosocial, alojamiento, alimentación y transporte a los niños y acompañantes durante el tratamiento oncológico. Colaboraron con la investigación, cinco niños que estaban en tratamiento oncológico y hospedados en la casa, siendo cuatro del sexo femenino y una del sexo masculino. Como instrumento para la recolección de datos se utilizó una entrevista semiestructurada con los responsables, con el objetivo de identificar informaciones generales sobre el niño. Posteriormente con los niños, se ejecutó el procedimiento de dibujo historia, por medio de dibujos y asociaciones verbales, introducido por Walter Trinca, en 1972. Para el análisis y la comprensión de los datos recolectados, se utilizó el modelo de Amadeo Giorgi. Posteriormente se construyeron dos ejes temáticos: las diversas pérdidas en el enfermar y la muerte de sí y de sus compañeros de enfermería. Los resultados desvelan que el niño busca comprensión de lo que ocurre con él y con el ambiente en que se encuentra, se ocupa de la incertidumbre con respecto al futuro, pudiendo sentir la proximidad de la muerte y expresar sus sentimientos y emociones.

ABSTRACT Childhood Cancer presents 70% chance of cure if diagnosed early, although it is a rare disease, it can result in death. The association between cancer and death becomes known to children, somehow, from the moment of diagnosis, this encounter is constant. This study sought to reveal if the subject of the death of itself or of other children with cancer are approached through the drawings stories. The research was developed in an association that provides psychosocial assistance, lodging, food and transportation to children and companions during cancer treatment. Collaborated with the research, five children who were on cancer treatment and hosted in the house, four girls and one boy, collaborated with the research. As a tool for data collection, a semi-structured interview was applied with those responsible for the children, aiming to identify general information about the child. Later, with the children, the drawing-and-story procedure was applied, by means of drawings and verbal associations, introduced by Walter Trinca, in 1972. For analysis and understanding of the information collected, we used the model of Amedeo Giorgi. Later, two thematic axes were constructed: the various losses when getting sick and the death of oneself and the ward mates. The results reveal that the child seeks to understand what happens to it and the environment, deals with uncertainty about the future, being able to feel the proximity of death and express its feelings and emotions.
Descritores: Morte
Emoções
Oncologia
Neoplasias
-Criança
Limites: Seres Humanos
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  6 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-833669
Autor: Pichón Riviere, Andrés; Bardach, Ariel; Caporale, Joaquín; Alcaraz, Andrea; Augustovski, Federico; Caccavo, Francisco; Vallejos, Carlos; Velázquez, Mónica; De La Puente, Catherine; Bustos, Luis; Castillo Riquelme, Marianela; Castillo Laborde, Carla.
Título: Carga de enfermedad atribuible al tabaquismo en Chile / Disease burden attributable to smoking in Chile.
Fonte: Buenos Aires; IECS; abr. 2014. [{"_e": "", "_c": "", "_b": "tab", "_a": ""}]. (Documento Técnico, 8).
Idioma: es.
Resumo: Objetivo: El objetivo inicial del proyecto, comenzado en el año 2005, fue seleccionar y desarrollar el marco metodológico más adecuado, así como elaborar un modelo económico común, con el fin de estimar la carga de enfermedad relacionada con el tabaquismo y la costo-efectividad de las intervenciones para controlar la epidemia del tabaco en América Latina.En este reporte se presentan los detalles del modelo económico, el proceso de calibración y validación para adecuarlo a la realidad de Chile y los resultados de carga de enfermedad atribuible al tabaquismo, medida tanto en términos de salud como económicos. Materiales e Métodos: Se describen a continuación los siguientes puntos relacionados con el desarrollo y utilización del modelo económico: 1) Etapa inicial de diagnóstico de situación, 2) Descripción del modelo, 3) Metodología utilizada para la selección de fuentes de información e incorporación de parámetros, 4) Proceso de calibración y validación, 5) Estimación de carga de enfermedad, 6) Aspectos metodológicos de los datos epidemiológicos considerados, y 7) Características de la información de costos de atención médica requerida para el modelo. Conclusión: En Chile el tabaquismo es responsable de una importante cantidad de muertes prematuras, enfermedad y costos sanitarios. El mayor peso está dado por las enfermedades cardiovasculares, la enfermedad pulmonar obstructiva crónica y el cáncer de pulmón. Su impacto en la mortalidad y en la calidad de vida es responsable en forma directa de la pérdida de 428.588 años de vida (por muerte prematura y discapacidad) cada año y explica el 18,5% de todas las muertes que se producen en el país. El tabaquismo genera además un costo directo anual de más de 1 billón de pesos chilenos. Es esperable que los resultados de este estudio contribuyan a tomar conciencia sobre los efectos del tabaco y sean un soporte para que los responsables de las políticas puedan llevar adelante intervenciones para reducir su consumo, lograr la implementación de mayores impuestos al tabaco e instalar las políticas de control promovidas por el Convenio Marco de la Organización Mundial de la Salud para el Control del Tabaco (CMCT-OMS).
Descritores: Avaliação da Tecnologia Biomédica
Políticas de Controle Social
Fumar/economia
Fumar/mortalidade
Custos de Cuidados de Saúde/estatística & dados numéricos
Políticas Públicas de Saúde
-Doenças Cardiovasculares/induzido quimicamente
Doenças Cardiovasculares/mortalidade
Chile/epidemiologia
Incidência
Prevalência
Expectativa de Vida
Neoplasias/induzido quimicamente
Neoplasias/mortalidade
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-831975
Autor: Sousa-Muñoz, Rilva Lopes de; Formiga, Maria Yvone Queiroz; Silva, Ana Elisa Vieira Fernandes; Silva, Mirella Bezerra de Lima; Vieira, Raiara Carvalho; Galdino, Miéllio Melo; Morais, Melissa Toscano Montenegro de.
Título: Hospitalizações por neoplasias em idosos no âmbito do Sistema Único de Saúde na Paraíba, Brasil / Elderly people´s hospitalization due to cancer in the National Health Service in Paraíba, Brazil
Fonte: Saude e pesqui. (Impr.);8(3):479-491, set-dez 2015.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a frequência de hospitalizações de pacientes idosos com diagnóstico principal de câncer no sistema público de saúde do estado da Paraíba, Brasil, entre 2008 e 2013, e verificar as localizações mais frequentes da doença e sua mortalidade hospitalar. Realizou-se estudo descritivo e retrospectivo, com análise das internações de idosos que tiveram câncer como causa de hospitalização no período entre janeiro de 2008 e janeiro de 2013 no Sistema Único de Saúde (SUS). Os registros foram obtidos na plataforma Datasus-Net, do Ministério da Saúde, a partir do Sistema de Informações Hospitalares (SIH) e do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM). O número de casos foi de 10.739, o que representa 25,4% das hospitalizações por câncer em todas as faixas etárias. A frequência de diagnósticos de neoplasias foi de 4,5% em relação ao número total de internações de idosos no mesmo período, considerando todas as categorias da CID-10. Entre as hospitalizações por câncer em idosos, 51,7% foram do sexo masculino. A maioria dos casos foi observada entre 60 e 69 anos. As localizações mais frequentes foram próstata, mama e cólon. Ocorreram 1.448 óbitos (13,5% dos casos), com maior taxa de mortalidade por câncer de próstata. Os resultados encontrados indicam prevalência das internações hospitalares na população idosa na Paraíba por câncer inferior aos de outros estados do Brasil, mas representando percentual importante em relação ao número total de hospitalizações por câncer no estado, com maiores frequências de câncer de próstata, mama e cólon, com elevada mortalidade hospitalar.

Current analysis evaluates the frequency of hospitalizations of the elderly due to cancer, in the National Health Service in the state of Paraíba, Brazil, between 2008 and 2013, and verifies the disease´s loci and mortality in hospital. A descriptive and retrospective analysis was conducted on the hospitalization of elderly people with cancer as the main cause for their hospitalization between January 2008 and January 2013 by SUS. Registers were obtained from Datasus-Net of the Ministry of Health derived from the System of Hospital Information (SIH) and Information System on Mortality (SIM). The number of cases amounted to 10,739, or rather, 25.4% of hospitalization for cancer in all age brackets. Cancer diagnose frequency was 4.5% out of the total number of hospitalization of elderly people during the same period, for all CID-10 categories. Hospitalizations of elderly males for cancer reached 51.7%, with most cases occurring between 60 and 69 years old. Most frequent sites were prostate, breast and cervical colon. Results showed 1,448 deaths (13.5% of cancer cases), with highest mortality rate for prostate cancer. Results revealed a lower prevalence of hospital hospitalizations in the elderly people of Paraíbaby cancer when compared to that in other Brazilian states. However, they make up a significant percentage with regard to total number of hospitalizations for cancer in the state, with a higher frequency in prostate, breast and colon cancer, with high mortality rates.
Descritores: Saúde do Idoso
Epidemiologia
Hospitalização
Neoplasias
Limites: Seres Humanos
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR313.1 - Biblioteca Ana Bove


  8 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-777621
Autor: Oliveira, Felipe Gomes de; Senra, Tiago; Figueiredo Filho, Luciano; Silva, Juliana Horie; Zampa, Hugo Bizetto; Pinto, Ibraim Masciarelli.
Título: Disfunção Miocárdica com Realce Tardio Pós-Quimioterapia Avaliado em Ressonância Magnética Cardíaca de 3 Tesla / Myocardial Dysfunction with Delayed Post-chemotherapy Enhancement Assessed in 3 Tesla Cardiac Magnetic Resonance Imaging
Fonte: ABC., imagem cardiovasc;29(1):33-36, jan.-mar.2016. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Cardiomiopatias
Efeitos Colaterais e Reações Adversas Relacionados a Medicamentos
Imagem por Ressonância Magnética/métodos
Neoplasias
-Antraciclinas/efeitos adversos
Antraciclinas/toxicidade
Cardiotoxicidade
Inflamação/complicações
Ventrículos do Coração
Limites: Seres Humanos
Feminino
Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  9 / 6287 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1022341
Autor: Silva, Ana Regina Borges.
Título: A experiência de enfermeiras no cuidado de mulheres com câncer ginecológico avançado / Não consta.
Fonte: São Paulo; s.n; 1997. 120 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Este estudo é o resultado de minha preocupação, enquanto enfermeira e docente de enfermagem, com as mulheres com câncer ginecológico avançado, bem como com as enfermeiras que participam do cuidado a estas pacientes. Dessa forma, minha trajetória, neste trabalho, é voltada para a compreensão da vivência das enfermeiras no cuidado de mulheres com câncer ginecológico avançado. Para esta finalidade optei por realizar uma pesquisa qualitativa onde os sujeitos foram dez enfermeiras que atuam em um Serviço de Enfermagem em Oncologia de um hospital-escola da cidade de Campinas. A coleta e a análise dos dados foram realizadas de acordo com a proposta de Taylor e Bogdan. Da análise dos dados emergiram oito temas: "Não Sabendo como Enfrentar a Dor da Paciente"; "A Enfermeira Diante da Situação de Morte"; "A Dificuldade em Relacionar-se com a Paciente"; "Identificando-se com a Paciente"; "Sentindo-se Impotente"; "Adotando Formas de Enfrentamento"; "As Condições de Trabalho" e "A Questão da Formação da Enfermeira", que permitiram conhecer e compreender a experiência vivenciada pelas enfermeiras no cuidado à mulher com câncer ginecológico avançado. O estudo evidenciou que a demanda de cuidado de enfermagem nessas pacientes repercute no desempenho das enfermeiras, tanto na área técnica como na expressiva. Este cuidado é considerado tarefa difícil pelas enfermeiras, devido ao confronto com as desfigurações corpóreas, a dor, a proximidade da morte, a formação acadêmica insuficiente eas condições de trabalho insatisfatórias, demonstrando que não há uma real interação entre a enfermeira e a paciente. A partir destas considerações fica evidente que a interação efetiva, a formação de vínculo, enfim, o relacionamento interpessoal de cunho terapêutico é necessário e implica uma necessidade de autoconhecimento, mostrando-se como elemento significativo na vivência da experiência e, consequentemente, na qualidade da ) assistência a estas pacientes.

This study reflects my concern, as a nurse and member of the teaching staff, on women with advanced gynae cological cancer and on the nurses who care of them. As such, the project was directed towards understanding the nurses' work in dealing with such patients. I had to carried out a qualitative study on ten nurses who work in the Oncology Nursing Service at teaching hospital in the city of Campinas, São Paulo, Brazil. Data collection and analysis were performed as proposed by Taylor and Bogdan. Eight themes emerged from data analysis: "Not knowing how to deal with pacient's pain"; "The nurse before death situation"; "The difficult relationship with the patient"; "Identifying to the patient"; "Feeling powerless"; "Forms to cope with the problems"; "Work conditions"; "Nurse's academic formation". Through these themes it's possible to become familiar with nurses' needings and understand their experiences in caring for women who suffer from advanced gynaecological cancer. This study showed that nursing care demands of these patiants influenced nurses' professional and emotional performances. This kind of nursing care is considered difficult because of patients' physical deformations, the pain and the experience of death as well as the inadequate academic preparation and unsatisfatory work conditions. As a result of these negative factors ther wasn't an effective interaction between nurse and patient, even though terapeutic interpersonal relationship would be essentialfor the job. For these nurses, get to know oneself plays a significant role in their experience and, consequentely, in the quality of care giving to these patients.
Descritores: Enfermagem
Ginecologia
Neoplasias
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta
BR41.1


  10 / 6287 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-767113
Autor: Leite, Marilia Aparecida Carvalho; Nogueira, Denismar Alves; Terra, Fábio de Souza.
Título: Evaluation of self-esteem in cancer patients undergoing chemotherapy treatment / Avaliação da autoestima em pacientes oncológicos submetidos a tratamento quimioterápico / Evaluación de la autoestima en pacientes oncológicos sometidos a tratamiento quimioterápico
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);23(6):1082-1089, Nov.-Dec. 2015. tab.
Idioma: es; pt.
Resumo: Objective: to evaluate the self-esteem of cancer patients undergoing chemotherapy. Method: descriptive analytical cross-sectional study with a quantitative approach. Around 156 patients that attended an oncology unit of a mid-sized hospital participated in the study. Results: we found a higher frequency of patients with high self-esteem, but some of them showed average or low self-esteem. The scale showed a Cronbach's alpha value of 0.746, by considering its acceptable internal consistency for the evaluated items. No independent variables showed significant associations with self-esteem. Conclusion: the cancer patients evaluated have presented high self-esteem; thus, it becomes crucial for nursing to plan the assistance of patients undergoing chemotherapy treatments, which enables actions and strategies that meet their physical and psychosocial conditions, aiming to maintain and rehabilitate these people's emotional aspects.

Objetivo: avaliar a autoestima de pacientes oncológicos submetidos a quimioterapia. Método: estudo descritivo-analítico; transversal; quantitativo. Participaram 156 pacientes de uma unidade de oncologia de um hospital geral de médio porte. Resultados: encontrou-se maior frequência de pacientes que apresentaram autoestima alta, sendo que alguns deles apresentaram autoestima média ou baixa. A escala apresentou um valor alfa de Cronbach de 0,746, considerando-se sua consistência interna boa e aceitável para os itens avaliados. Nenhuma variável independente apresentou associação significativa com a autoestima. Conclusão: os pacientes oncológicos avaliados apresentaram autoestima alta; assim, torna-se fundamental que a enfermagem planeje a assistência dos pacientes em tratamento quimioterápico, viabilizando ações e estratégias que atendam os mesmos quanto ao seu estado físico, assim como ao psicossocial, tendo em vista a manutenção e a reabilitação de aspectos emocionais dessas pessoas.

Objetivo: evaluar la autoestima de pacientes oncológicos sometidos a quimioterapia. Método: estudio descriptivo-analítico; transversal; cuantitativo. Participaron 156 pacientes de una unidad de oncología de un hospital general de medio porte. Resultados: se encontró mayor frecuencia de pacientes que presentaron autoestima alta, algunos de los cuales presentaron autoestima media o baja. La escala presentó valor alfa de Cronbach de 0,746, teniendo en cuenta su consistencia interna buena y aceptable para los ítems evaluados. Ninguna variable independiente presentó asociación significativa con la autoestima. Conclusión: los pacientes oncológicos evaluados presentaron autoestima alta; por lo tanto, resulta crucial que la enfermería planee la la asistencia de los pacientes en tratamiento quimioterápico, permitiendo acciones y estrategias que atiendan los mismos acerca de su estado físico, así como al psicosocial, teniendo en cuenta el mantenimiento y la rehabilitación de aspectos emocionales de estas personas.
Descritores: Autoimagem
Neoplasias/psicologia
Neoplasias/tratamento farmacológico
-Estudos Transversais
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 629 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde