Base de dados : LILACS
Pesquisa : C04.588.180 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 6015 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 602 ir para página                         

  1 / 6015 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-668145
Autor: Sodré, Roberto Luiz; Calil, José Augusto; Fonseca, José Marcos Monteiro da; Oyagawa, Maria Yukiyo; Secco, Leonardo Gabeira; Ogata, Dacio Yoshikasu; Ribeiro, Raidel Deucher; Pagnoncelli, Bruno Henrique.
Título: Mastoplastia de aumento através da abdominoplastia / Breast augmentation through abdominoplasty
Fonte: Rev. bras. cir. plást;27(3):435-440, jul.-set. 2012. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: Este trabalho demonstra a técnica de dissecção de espaço retroglandular através da abdominoplastia, com visualização de fibra óptica para inclusão de implantes mamários de silicone gel. MÉTODO: Foram avaliadas, retrospectivamente, 44 pacientes portadoras de flacidez abdominal e hipomastia, submetidas a mastoplastia de aumento através da abdominoplastia em um só estágio, durante o período de setembro de 2001 a abril de 2012. RESULTADOS: A técnica utilizada possibilitou melhora do contorno abdominal e aumento do volume mamário pela mesma incisão. As complicações ocorreram na área abdominal (hematoma, seroma, deiscência e cicatriz hipertrófica) e na região mamária (contratura capsular e infecção). CONCLUSÕES: A técnica de mastoplastia de aumento por via abdominal evita cicatrizes nas mamas ou axilas, é segura, reprodutível, com curva de aprendizado curta, e resultados satisfatórios e duradouros.

BACKGROUND: This study establishes a technique for dissection of the retroglandular space through abdominoplasty by using a lighted retractor for the introduction of silicone gel breast implants. METHODS: A retrospective study was carried out for 44 patients with abdominal flaccidity and hypomastia who underwent breast augmentation through a single-stage abdominoplasty between September 2001 and April 2012. RESULTS: This method enabled improvement of the abdominal contour and breast augmentation through the same incision. The complications observed affected the abdominal area (hematoma, seroma, dehiscence, and hypertrophic scarring) and the breast (capsular contracture and infection). CONCLUSIONS: Breast augmentation through abdominoplasty does not cause scars on the breast or armpit and is a safe and reproducible procedure with a short learning curve. Moreover, it provides satisfactory and long-lasting results.
Descritores: Cirurgia Plástica
Mama
Neoplasias da Mama
Estudos Retrospectivos
Mamoplastia
Implantes de Mama
Implante Mamário
Estudo de Avaliação
Dissecação
Fibras Ópticas
Tecnologia de Fibra Óptica
Contorno Corporal
-Cirurgia Plástica/métodos
Mama/cirurgia
Mama/crescimento & desenvolvimento
Neoplasias da Mama/cirurgia
Mamoplastia/métodos
Implantes de Mama/normas
Implante Mamário/métodos
Dissecação/métodos
Contorno Corporal/métodos
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
História do Século XXI
Tipo de Publ: Revisão
Estudo de Avaliação
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  2 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-668141
Autor: Pessoa, Salustiano Gomes de Pinho; Matos, Juliana Régia Furtado; Dias, Iana Silva; Peixoto, Diego Tomaz Teles; Araújo, Jéssica Silveira.
Título: Impacto da radioterapia adjuvante no resultado cosmético da reconstrução mamária imediata com retalho TRAM / Impact of adjuvant radiotherapy on the cosmetic outcome of immediate breast reconstruction performed using a transverse rectus abdominis myocutaneous flap
Fonte: Rev. bras. cir. plást;27(3):411-414, jul.-set. 2012. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: O efeito da radioterapia adjuvante após a reconstrução mamária com retalhos autólogos é controverso. O objetivo deste estudo é analisar se a radioterapia pós-operatória causa alterações volumétricas e cosméticas após a reconstrução mamária imediata com retalho do músculo reto abdominal (TRAM, do inglês transverse rectus abdominis myocutaneous). MÉTODO: No total, foram avaliadas 25 pacientes submetidas a reconstrução autóloga com retalho TRAM pediculado pós-mastectomia por câncer de mama e radioterapia adjuvante. Os resultados estéticos tardios foram coletados após o intervalo mínimo de 6 meses posteriormente ao esquema completo da radioterapia. RESULTADOS: A média de idade das pacientes foi de 42,2 anos, variando de 30 anos a 53 anos. Duas (8%) perdas completas do retalho ocorreram por necrose gordurosa maciça, duas (8%) pacientes evoluíram com contratura do retalho e perda volumétrica, e 52% das pacientes apresentaram alterações cutâneas. Entretanto, a maioria das pacientes (84%) não evoluiu com perda significativa do volume inicial do retalho ou com distorção do contorno e contração do retalho. CONCLUSÕES: O resultado cosmético após a reconstrução mamária imediata com retalho TRAM irradiado foi aceitável, comparativamente aos dados descritos na literatura. Esses achados indicam que os retalhos podem sofrer distorções de contorno pela contração, além de perda volumétrica significativa em pacientes candidatas à reconstrução com TRAM e necessidade de radioterapia adjuvante pós-mastectomia. Assim, as complicações tardias da irradiação pós-operatória devem ser consideradas nesse contexto.

BACKGROUND: The outcome of adjuvant radiotherapy performed after breast reconstruction using autologous flaps is controversial. In this study, we aimed to assess whether postoperative radiotherapy would induce volumetric and cosmetic changes after immediate breast reconstruction performed using a transverse rectus abdominis myocutaneous (TRAM) flap. METHODS: We evaluated 25 patients who were previously diagnosed with breast cancer and underwent post-mastectomy autologous reconstruction with a pedicled TRAM flap followed by adjuvant radiotherapy. Late aesthetic results were recorded starting 6 months after the completion of a full course of radiotherapy. RESULTS: The average patient age was 42.2 years (range, 30-53 years). Two (8%) complete flap losses occurred due to massive fat necrosis. Two (8%) patients exhibited flap contracture and volume loss, whereas skin changes were observed in 52% of patients. Most of the patients (84%), however, had no significant initial flap volume loss, contour distortion, or flap contraction . CONCLUSIONS: The cosmetic result obtained in the present study by immediate breast reconstruction performed using an irradiated TRAM flap was satisfactory compared to the data described in the literature. These findings suggest that the flap contours may be distorted by contraction and that significant volume losses can be observed in patients who may be candidates for TRAM flap reconstruction and require post-mastectomy adjuvant radiotherapy. Thus, in these circumstances, late complications due to postoperative irradiation should be considered.
Descritores: Complicações Pós-Operatórias
Radioterapia
Mama
Neoplasias da Mama
Mamoplastia
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Estudo de Avaliação
Glândulas Mamárias Humanas
Retalhos de Tecido Biológico
-Complicações Pós-Operatórias/radioterapia
Complicações Pós-Operatórias/terapia
Radioterapia/efeitos adversos
Radioterapia/métodos
Mama/cirurgia
Mama/efeitos da radiação
Neoplasias da Mama/complicações
Neoplasias da Mama/radioterapia
Neoplasias da Mama/terapia
Mamoplastia/efeitos adversos
Mamoplastia/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/efeitos adversos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Glândulas Mamárias Humanas/cirurgia
Retalhos de Tecido Biológico/cirurgia
Retalhos de Tecido Biológico/efeitos adversos
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
História do Século XXI
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  3 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Almeida, Ana Maria de
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1097215
Autor: Naziazeno, Shirley Dósea dos Santos; Melo, Matheus Santos; Andrade, Joseilze Santos de; Silva, José Rodrigo Santos; Almeida, Ana Maria de; Gonçalves, Leila Luíza Conceição.
Título: Diagnósticos de enfermagem associados a qualidade de vida de mulheres com câncer de mama em quimioterapia / Nursing diagnostics associated with the quality of life of women with breast cancer in chemotherapy / Diagnósticos de enfermería asociados a la calidad de vida de mujeres con cáncer de mama en quimioterapia
Fonte: Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online);12:629-635, jan.-dez. 2020. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: Identificar diagnósticos de enfermagem em mulheres com câncer de mama em quimioterapia por meio do mapeamento cruzado dos problemas de saúde com a taxonomia NANDA-I. Método: Estudo descritivo transversal realizado com cinco enfermeiros e 75 mulheres com câncer de mama em quimioterapia, desenvolvido em três fases: levantamento dos problemas de saúde por meio de instrumentos de avaliação da qualidade de vida relacionada à saúde; mapeamento cruzado dos problemas de saúde com características definidoras, fatores relacionados, fatores de risco e títulos diagnósticos; validação do mapeamento por juízes. Resultados: Foram identificados 24 problemas de saúde associados a 13 diagnósticos de enfermagem. Oito foram identificados, com índice de validade de conteúdo ≥ 0,8. Conclusão: O estudo permitiu realizar o mapeamento de diagnósticos de enfermagem a partir de problemas de saúde identificados, por meio de instrumentos de qualidade de vida, em mulheres com câncer de mama em tratamento quimioterápico

Objective: To identify nursing diagnoses in women with breast cancer in chemotherapy through the cross-mapping of health problems with the NANDA-I taxonomy. Method: A cross-sectional descriptive study carried out with five nurses and 75 women with breast cancer in chemotherapy, developed in three phases: survey of health problems by health-related quality of life assessment instruments; cross-mapping of health problems with defining characteristics, related factors, risk factors and diagnostic titles; validation of mapping by judges. Results: 24 health problems associated with 13 nursing diagnoses were identified. Eight were identified, with content index validity ≥0.8. Conclusion: The study allowed the mapping of nursing diagnoses from identified health problems, through quality of life instruments, in women with breast cancer under chemotherapeutic treatment

Objetivo: Identificar diagnósticos de enfermería en mujeres con cáncer de mama en quimioterapia a través del mapeo cruzado de los problemas de salud con la taxonomía NANDA-I. Método: Estudio descriptivo transversal realizado con cinco enfermeros y 75 mujeres con cáncer de mama en quimioterapia, desarrollado en tres fases: levantamiento de los problemas de salud por medio de instrumentos de evaluación de la calidad de vida relacionada a la salud; el mapeo cruzado de los problemas de salud con características definidoras, factores relacionados, factores de riesgo y títulos diagnósticos; validación del mapeo por jueces. Resultados: Se identificaron 24 problemas de salud asociados a 13 diagnósticos de enfermería. Ocho fueron identificados, con índice de validez de contenido ≥0,8. Conclusión: El estudio permitió realizar el mapeo de diagnósticos de enfermería a partir de problemas de salud identificados, por medio de instrumentos de calidad de vida, en mujeres con cáncer de mama en tratamiento quimioterápico
Descritores: Diagnóstico de Enfermagem/estatística & dados numéricos
Neoplasias da Mama/tratamento farmacológico
Tratamento Farmacológico/enfermagem
-Qualidade de Vida
Epidemiologia Descritiva
Tratamento Farmacológico/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1208.1 - BSEN - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição


  4 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-956673
Autor: Mourão, Carla Monique Lopes; Fernandes, Ana Fátima Carvalho; Moreira, Deborah Pedrosa; Martins, Mariana Cavalcante.
Título: Entrevista motivacional no suporte social de cuidadores de pacientes com câncer de mama em quimioterapia / Entrevista motivacional en el soporte social de cuidadores de pacientes con cáncer de mama en quimioterapia / Motivational interviewing in the social support of caregivers of patients with breast cancer in chemotherapy
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;51:e03268, 2017. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: RESUMO Objetivo: Avaliar os efeitos da entrevista motivacional para mudança de comportamento de suporte social junto a cuidadores de pacientes com câncer de mama em quimioterapia. Método: Estudo quase experimental, realizado com mulheres em quimioterapia para câncer de mama e com os cuidadores das respectivas mulheres entrevistadas. A intervenção foi a Entrevista Motivacional Breve, aplicada aos cuidadores indicados pelas pacientes em quatro sessões individuais, com intervalos semanais e duração de 30 minutos cada. O comportamento de suporte social foi avaliado pelas mulheres antes e depois da intervenção pela Escala de Suporte Social. Resultados: Participaram do estudo 18 mulheres e 18 cuidadores. O suporte social das mulheres se mostrou elevado tanto para a dimensão emocional quanto para a instrumental da Escala de Suporte Social, após intervenção utilizada com os cuidadores pela Entrevista Motivacional Breve. Os achados contribuem para a prática clínica de diversas categorias profissionais, na utilização de estratégias de intervenção de baixo custo para melhoria da qualidade de vida durante e após o tratamento de mulheres com câncer de mama. Conclusão: A intervenção utilizada promoveu de forma positiva a mudança comportamental, melhorando o suporte social prestado pelos cuidadores às pacientes com câncer de mama e em realização de quimioterapia.

RESUMEN Objetivo: Evaluar los efectos de la entrevista motivacional para cambio de comportamiento de soporte social junto a cuidadores de pacientes con cáncer de mama en quimioterapia. Método: Estudio casi experimental, llevado a cabo con mujeres en quimioterapia para cáncer de mama y con los cuidadores de las respectivas mujeres entrevistadas. La intervención fue la Entrevista Motivacional Breve, aplicada a los cuidadores indicados por las pacientes en cuatro sesiones individuales, con intervalos semanales y duración de 30 minutos cada. El comportamiento de soporte social lo evaluaron las mujeres antes y después de la intervención por la Escala de Soporte Social. Resultados: Participaron en el estudio 18 mujeres y 18 cuidadores. El soporte social de las mujeres se mostró elevado tanto para la dimensión emotiva como para la instrumental de la Escala de Soporte Social, tras intervención utilizada con los cuidados por la Entrevista Motivacional Breve. Los hallazgos contribuyen a la práctica clínica de diversas categorías profesionales en la utilización de estrategias de intervención de bajo costo para la mejora de la calidad de vida durante y después del tratamiento de mujeres con cáncer de mama. Conclusión: La intervención utilizada promocionó de modo positivo el cambio de comportamiento, mejorando el soporte social prestado por los cuidadores a las pacientes con cáncer de mama y en quimioterapia.

ABSTRACT Objective: To evaluate the effects of motivational interviewing for the change of social support behavior of caregivers of breast cancer patients in chemotherapy. Method: A quasi-experimental study conducted with women in chemotherapy for breast cancer and their respective caregivers. The intervention of Brief Motivational Interviewing was applied to the caregivers indicated by patients in four individual sessions with weekly intervals and duration of 30 minutes each. The social support behavior was evaluated by women before and after the intervention through the Social Support Scale. Results: Eighteen women and 18 caregivers participated in the study. The social support of women was higher for both the emotional and the instrumental dimensions of the Social Support Scale after the intervention of Brief Motivational Interviewing with caregivers. These findings contribute to the clinical practice of several professional categories in the use of low-cost intervention strategies for improvement of the quality of life during and after treatment of women with breast cancer. Conclusion: The intervention positively promoted behavioral change by improving the social support provided by caregivers to breast cancer patients undergoing chemotherapy.
Descritores: Apoio Social
Neoplasias da Mama/tratamento farmacológico
Cuidadores
Entrevista Motivacional
-Enfermagem Oncológica
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  5 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-687354
Autor: Cosac, Ognev Meireles; Camara Filho, João Pedro Pontes; Cammarota, Marcela Caetano; Di Lamartine, Jefferson; Daher, José Carlos; Borgatto, Marina de Souza; Esteves, Bruno Peixoto; Curado, Dhyego Molinari di Castro.
Título: Reconstrução mamária de resgate: a importância dos retalhos miocutâneos / Salvage breast reconstruction: the importance of myocutaneous flaps
Fonte: Rev. bras. cir. plást;28(1):92-99, jan.-mar. 2013. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: A reconstrução mamária pode apresentar um resultado estético insatisfatório ou complicações que comprometam o resultado final. Nesses casos, pode-se realizar a reconstrução mamária de resgate, que é definida como uma revisão completa de uma reconstrução prévia, em caso de resultado insatisfatório ou falha da primeira reconstrução. Este trabalho tem como objetivo reportar a experiência dos autores na realização da reconstrução mamária de resgate pós-mastectomia por câncer de mama. MÉTODO: Estudo retrospectivo de prontuários de pacientes submetidas a reconstrução mamária de resgate, no período de março de 2002 a março de 2012. RESULTADOS: Foram identificados 57 casos de reconstrução mamária de resgate. Com relação à cirurgia inicial, 20 foram realizadas com próteses, 16 com retalho miocutâneo do músculo reto abdominal (TRAM), 11 com expansores, 6 cirurgias conservadoras e 4 com retalho miocutâneo do músculo grande dorsal (RGD). A principal causa de falha das reconstruções foi por motivos estéticos, seguida de necrose, contratura capsular e infecção e/ou exposição de implantes. A reconstrução de resgate foi realizada em 27 pacientes com emprego de RGD (P < 0,0001), em 16, com TRAM, e em 14, com material aloplástico. Em 57,9% dos casos, o cirurgião que realizou a reconstrução de resgate não foi o cirurgião da reconstrução inicial. CONCLUSÕES: A maioria das cirurgias que apresentaram resultados insatisfatórios foi realizada com materiais aloplásticos, sendo a principal causa o aspecto estético deficiente. As reconstruções de resgate foram realizadas principalmente com retalhos miocutâneos e por profissionais diferentes da primeira cirurgia. Os retalhos miocutâneos apresentam boa aplicabilidade nas reconstruções de resgate, por fornecerem tecido sadio e bem vascularizado a uma área manipulada previamente.

INTRODUCTION: Breast reconstruction can present an unsatisfactory aesthetic result or complications that could compromise the final result. In such cases, surgeons can perform salvage breast reconstruction, which is defined as a complete revision of a previous reconstruction in the case of failure or an unsatisfactory result from the first reconstruction. This study aims to report the authors' experience in performing salvage breast reconstruction after mastectomy for breast cancer. METHODS: This was a retrospective study of medical records of patients who underwent salvage breast reconstruction from March 2002 to March 2012. RESULTS: We identified 57 cases of salvage breast reconstruction. Twenty initial surgeries were performed with prostheses, 16 with transverse rectus abdominis myocutaneous flaps (TRAMs), 11 with expanders, 4 with conservative methods, and 6 with myocutaneous latissimus dorsi muscle flaps (LDMFs). The main cause of reconstruction failure was aesthetic, followed by necrosis, capsular contracture, and implant infection and/or exposure. Salvage reconstruction was performed using LDMF in 27 patients (P < 0.0001), TRAM in 16, and alloplastic material in 14 patients. In 57.9% of cases, the surgeon who performed the salvage reconstruction did not perform the initial reconstruction. CONCLUSIONS: Most surgeries that had unsatisfactory results, mainly because of poor aesthetics, were performed using alloplastic materials. Salvage reconstructions were performed primarily using myocutaneous flaps by professionals other than those who performed the initial surgery. These flaps have good applicability in salvage reconstructions because they provide healthy and well-vascularized tissue in a previously operated area.
Descritores: Complicações Pós-Operatórias
Retalhos Cirúrgicos
Mama
Neoplasias da Mama
Registros Médicos
Estudos Retrospectivos
Mamoplastia
Implante Mamário
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Estética
-Complicações Pós-Operatórias/cirurgia
Complicações Pós-Operatórias/terapia
Retalhos Cirúrgicos/cirurgia
Retalhos Cirúrgicos/efeitos adversos
Mama/cirurgia
Neoplasias da Mama/cirurgia
Neoplasias da Mama/complicações
Registros Médicos/estatística & dados numéricos
Mamoplastia/métodos
Mamoplastia/estatística & dados numéricos
Implante Mamário/efeitos adversos
Implante Mamário/estatística & dados numéricos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/estatística & dados numéricos
Estética/psicologia
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
História do Século XXI
Tipo de Publ: Revisão
Estudo de Avaliação
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  6 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-687349
Autor: Cosac, Ognev Meireles; Camara Filho, João Pedro Pontes; Barros, Ana Paula Galvão de Souza Honorato de; Borgatto, Marina de Souza; Esteves, Bruno Peixoto; Curado, Dhyego Molinari di Castro; Pedroso, Diogo Borges; Cintra Júnior, Ricardo.
Título: Reconstruções mamárias: estudo retrospectivo de 10 anos / Breast reconstruction procedures: a 10-year retrospective study
Fonte: Rev. bras. cir. plást;28(1):59-64, jan.-mar. 2013. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: O câncer de mama é um dos principais problemas de saúde do mundo e sua incidência vem aumentando gradativamente. A mastectomia e as terapias adjuvantes contribuem para o desenvolvimento de complicações físicas e transtornos psicológicos. Na tentativa de reduzir os sentimentos negativos, melhorar a autoestima e suprir a falta da mama, pode-se optar pela reconstrução cirúrgica. O objetivo deste estudo foi analisar os casos de reconstrução mamária pós-mastectomia por câncer de mama, realizados em um período de 10 anos, na clínica privada do autor principal. MÉTODO: Foi realizada revisão dos prontuários de pacientes submetidas a reconstrução mamária, no período de janeiro de 2002 a dezembro de 2011. RESULTADOS: No período analisado, foram realizadas 428 reconstruções mamárias em pacientes mastectomizadas por câncer de mama. A média de idade das pacientes foi de 52,77 anos. Quanto ao tipo de reconstrução, 134 procedimentos foram realizados com retalho do músculo reto abdominal (TRAM), 105 com técnicas conservadoras, 87 com retalho do músculo grande dorsal (RGD), 76 com próteses e 26 secundárias. Previamente a outubro de 2007, a porcentagem de cirurgias bilaterais, somando-se TRAM e RGD, era de 30%; a partir desse período, a porcentagem passou para 84%. A taxa de complicações foi de 33,41%. CONCLUSÕES: As técnicas de reconstrução mamária são alternativas seguras, com taxas de complicação aceitáveis. A presença de fatores de risco resultou em maior taxa de complicações e evidenciou-se aumento da incidência de cirurgias bilaterais nos últimos anos, fato atribuído ao aumento das mastectomias profiláticas na mama contralateral ao tumor, o que pode reduzir o risco da neoplasia e facilitar a simetrização mamária.

INTRODUCTION: Breast cancer is a major global health problem with a gradually increasing incidence. Mastectomy and adjuvant therapies may result in physical complications and psychological disorders that lead several women to consider surgical reconstruction in order to reduce negative feelings, improve self-esteem, and be provided with a new breast. The aim of this study is to analyze a series of breast reconstruction procedures performed over a period of 10 years in the first author's private clinic in patients who underwent mastectomy for breast cancer removal. METHODS: We analyzed the medical records of patients who underwent breast reconstruction between January 2002 and December 2011. RESULTS: In the period considered, 428 breast reconstruction procedures were performed in patients who underwent mastectomy for breast cancer removal. The average patient age was 52.77 years. With regard to the type of reconstruction, 134 procedures were performed using the rectus abdominis muscle flap (TRAM); 105, using conservative techniques; 87, using the latissimus dorsi muscle flap (LDMF); 76, using prostheses; and 26, in secondary procedures. Before October 2007, the percentage of bilateral surgeries, including the use of TRAM and LDMF, was 30%. After October 2007, this percentage increased to 84%. The complication rate was 33.41%. CONCLUSIONS: Breast reconstruction procedures are safe with limited complications that increase according to the presence of risk factors. The increased incidence of bilateral surgeries performed during recent years was attributed to the increased incidence of prophylactic mastectomy performed on the contralateral breast to reduce the risk of cancer and facilitate mammary symmetrization.
Descritores: Mama
Neoplasias da Mama
Registros Médicos
Estudos Retrospectivos
Mamoplastia
Implante Mamário
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Glândulas Mamárias Humanas
-Mama/cirurgia
Neoplasias da Mama/cirurgia
Registros Médicos/estatística & dados numéricos
Mamoplastia/métodos
Implante Mamário/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Glândulas Mamárias Humanas/cirurgia
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
História do Século XXI
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  7 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Silva, Marcelo Gurgel Carlos da
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1095192
Autor: Barros, Liana de Oliveira; Menezes, Vanessa Barreto Bastos; Jorge, Antonia Cristina; Morais, Sônia Sâmara Fonseca de; Silva, Marcelo Gurgel Carlos da.
Título: Mortalidade por Câncer de Mama: uma Análise da Tendência no Ceará, Nordeste e Brasil de 2005 a 2015 / Breast Cancer Mortality: a Trend Analysis in Ceará, Northeast and Brazil from 2005 to 2015 / Mortalidad del Cáncer de Mama: un Análisis de Tendencias en Ceará, Nordeste y Brasil de 2005 a 2015
Fonte: Rev. bras. cancerol;66(1):1-8, 20200129.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: Informações sobre mortalidade por câncer de mama podem ser úteis para o planejamento de políticas públicas. Objetivo: Analisar a tendência da mortalidade por câncer de mama em mulheres no Estado do Ceará. Método: Estudo descritivo exploratório cujas variáveis utilizadas foram: ano e local da ocorrência do óbito, sexo, causa básica de morte e a idade em faixa etária. A análise estatística dos dados foi realizada no programa Gretl, por meio de regressão linear, no qual as taxas de mortalidade por câncer de mama foram consideradas variáveis dependentes e os anos do período estudado, variáveis independentes. Foram apresentados os coeficientes de regressão, seus intervalos de confiança de 95% e os respectivos valores-p dos testes de significância estatística. Resultados: Foram notificados 141.168 óbitos por câncer de mama em todo o Brasil. O Estado Ceará representa 3,73% desse total e apresentou um aumento de 92,7% no número de óbitos por câncer de mama. Observou-se um aumento das taxas específicas de mortalidade a partir dos 40 anos de idade se mantendo crescente até a última faixa etária pesquisada. Conclusão: A análise realizada neste estudo evidenciou uma tendência progressiva no número de óbitos no Ceará, no Nordeste e no Brasil. É imprescindível a elaboração de estratégias que priorizem ações, a fim reduzir o atraso na condução dos casos de câncer de mama nos serviços de saúde para que a detecção precoce reduza o número de óbitos.

Introduction: Information on breast cancer mortality can be useful for planning public policies. Objective: Analyze the trend of mortality from breast cancer in women in the state of Ceará. Method: Exploratory descriptive study whose variables were: year and place of death, sex, basic cause of death, and age in an age range. The statistical analysis of the data was performed in the Gretl program by means of linear regression where the breast cancer mortality rates were considered dependent variables and he years of the study period, the independent variables. The regression coefficients, their 95% confidence intervals and the respective p-values of the tests of statistical significance were presented. Results: 141,168 deaths from breast cancer were reported across Brazil. The state of Ceará represents 3.73% of this total and had a growth of 92.7% in the number of deaths from breast cancer. There was an increase in specific mortality rates from the age of 40 onwards, increasing until the last age group surveyed. Conclusion: The analysis carried out in this study showed a progressive trend in the number of deaths in Ceará, in the Northeast and in Brazil. It is essential to develop strategies that prioritize actions to shorten the delay in the management of breast cancer cases in health services so that early detection reduces the number of deaths.

Introducción: la información sobre mortalidad por cáncer de mama puede ser útil para planificar políticas públicas. Objetivo: Analizar la tendencia de mortalidad por cáncer de seno en mujeres en el Estado de Ceará. Método: Estudio exploratorio descriptivo cuyas variables utilizadas fueron: año y lugar de muerte, sexo, causa básica de muerte y edad en unrango de edad. El análisis estadístico de los datos se realizó en el programa Gretl mediante regresión lineal donde las tasas de mortalidad por cáncer de mama se consideraron variables dependientes y los años del período estudiado fueron variables independientes. Se presentaron los coeficientes de regresión, sus intervalos de confianza del 95% y los respectivos valores p de las pruebas de significación estadística. Resultados: Se notificaron 141.168 muertes por cáncer de mama en todo Brasil. El Estado de Ceará representa el 3,73% de este total e mostró un aumento del 92,7% en el número de muertes por cáncer de seno. Hubo un aumento en las tasas de mortalidad específicas a partir de los 40 años, aumentando hasta el último grupo de edad encuestado. Conclusión: El análisis realizado en este estudio mostró una tendencia progresiva en el número de muertes en Ceará, en el noreste y en Brasil. Es esencial desarrollar estrategias que prioricen las acciones para reducir la demora en el manejo de casos de cáncer de seno en los servicios de salud para que la detección temprana, reduciendo así el número de muertes.
Descritores: Neoplasias da Mama/mortalidade
Neoplasias da Mama/epidemiologia
-Brasil
Métodos Epidemiológicos
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR440.1 - Biblioteca Geraldo Matos de Sá . Hospital do Câncer I


  8 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1094926
Autor: Lôbo, Jéssica Luzia de Souza; Silva, Monalisa Lídia Costa; Tomé, Thaysa Kelly Barbosa Vieira; Souza, Carlos Dornels Freire de.
Título: Mortalidade por Câncer de Mama Feminino em Alagoas no Período de 2001 a 2016: Análise de Tendência e Distribuição Espacial / Female Breast Cancer Mortality in Alagoas from 2001 to 2016: Trend Analysis and Spatial Distribution / Mortalidad por Cáncer de Mama en Mujeres en Alagoas nel Periodo de 2001 a 2016: Análisis de Tendencias y Distribución Espacial
Fonte: Rev. bras. cancerol;66(1), 20200129.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: O câncer de mama é a neoplasia que mais causa mortes na população feminina mundial e brasileira. Objetivo: Analisar o perfil epidemiológico, a tendência e a distribuição espacial da mortalidade por câncer de mama feminino em Alagoas no período de 2001 a 2016. Método: Trata-se de um estudo ecológico misto, incluindo os óbitos femininos por câncer de mama registrados em Alagoas durante esse período. Foram utilizadas as variáveis sociodemográficas (faixa etária, cor/raça, estado civil, escolaridade e local de ocorrência) e a taxa de mortalidade por faixa etária e por município do Estado. Os dados foram obtidos do Sistema de Informações sobre Mortalidade e os dados populacionais, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A análise de tendência utilizou o modelo de regressão por pontos de inflexão (joinpoint regression model) e a espacial, a estatística de Moran. Resultados: Houve 1.816 óbitos no período, 25,3% entre 50-59 anos, 46,3% de cor parda, 36,1% casadas, 35,5% com menos de oito anos de estudos e 67,2% de óbitos no ambiente hospitalar. As faixas etárias de 40 anos ou mais apresentaram tendências de crescimento, destacando-se 80 anos ou mais (percentual médio de variação anual: 9,2; p<0,001) com o maior crescimento. A distribuição espacial foi aleatória. Conclusão: A taxa de mortalidade por câncer de mama feminino cresceu no período de 2001 a 2016 nas faixas etárias de 40 anos ou mais no Estado e sem padrão espacial definido.

Introduction: Breast cancer is the neoplasm that causes more deaths in the female population worldwide and in Brazil. Objective: To analyze the epidemiological profile, trend and spatial distribution of female breast cancer mortality in Alagoas from 2001 to 2016. Method: Mixed ecological study, including female deaths from breast cancer recorded in Alagoas in the period. Sociodemographic variables (age, color/race, marital status, education and place of occurrence) and the specific mortality rate by age group and municipality were used. Data were obtained from the Mortality Information System and population data from the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE). The trend analysis used the Joinpoint regression model and Moran statistics for the spatial distribution. Results: 1,816 deaths in the period, 25.3% between 50-59 years, 46.3%, brown race, 36.1%, married, 35.5%, with less than 8 years of education and 67.2% of deaths within the hospital environment. The age groups of 40 years or older showed a growing trend and the highest growth, for 80 years old or more (average annual percent variation: 9.2; p<0.001). The spatial distribution was random. Conclusion: The mortality rate for female breast cancer increased in the period from 2001 to 2016 in the age group of 40 years and older in the state and without defined spatial pattern.

Introducción: El cáncer de mama es el cáncer que causa más muertes en la población femenina en todo el mundo y en Brasil. Objetivo: Analizar el perfil epidemiológico, la tendencia y la distribución espacial de la mortalidad por cáncer de mama femenino en Alagoas durante el período 2001 a 2016. Método: Este es un estudio ecológico mixto, que incluye muertes femeninas por cáncer de seno registradas en Alagoas durante el período. Se utilizaron variables sociodemográficas (grupo de edad, color/raza, estado civil, educación y lugar de ocurrencia) y tasa de mortalidad por grupo de edad y municipio del estado. Los datos se obtuvieron del Sistema de Información de Mortalidad y los datos de población del Instituto Brasileño de Geografía y Estadística (IBGE). El análisis de tendencias utilizó el modelo de regresión de punto de unión y el espacial con las estadísticas de Moran. Resultados: Hubo 1.816 muertes en el período, 25,3% entre 50-59 años, 46,3% marrón, 36,1% casados, 35,5% con menos de 8 años de educación y 67,2% de muertes en el período. Ambiente hospitalario. Los grupos de edad de 40 años y mayores mostraron una tendencia creciente, con un punto culminante de 80 años y mayores (cambio porcentual anual promedio: 9,2; p<0,001) con el mayor crecimiento. La distribución espacial fue aleatoria. Conclusión: La tasa de mortalidad por cáncer de mama femenino aumentó en el período 2001 a 2016 en el grupo de edad de 40 años y más en el estado y sin un patrón espacial definido.
Descritores: Neoplasias da Mama/mortalidade
Neoplasias da Mama/epidemiologia
-Perfil de Saúde
Demografia
Saúde da Mulher
Oncologia
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR440.1 - Biblioteca Geraldo Matos de Sá . Hospital do Câncer I


  9 / 6015 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1049170
Autor: Ávila, Thays Mello de; Ferraz, Vanessa de Souza; Barbosa, Suzi Rosa Miziara; Souza, Albert Schiaveto de; Marks, Guido; Pegorare, Ana Beatriz Gomes de Souza.
Título: Study of Maximal Respiratory Pressures after Exposure to Breast Radiotherapy in Women: a Pilot Study / Estudo das Pressões Respiratórias Máximas após Exposição à Radioterapia de Mama em Mulheres: um Estudo-Piloto / Estudio de las Presiones Respiratorias Máximas después de la Exposición a Radioterapia Mamaria en Mujeres: un Estudio Piloto
Fonte: Rev. bras. cancerol;65(4), 20191216.
Idioma: en.
Resumo: Introduction: Postoperative radiotherapy is widely used to reduce risks of locoregional recurrence of breast cancer. However, the radiation of the thoracic structures involves risks, especially to the lungs. Objective: To study the Maximal Respiratory Pressures (MRP) after exposure to breast radiotherapy in women. Method: Prospective observational study conducted at the Alfredo Abrão Cancer Hospital in Campo Grande, State of Mato Grosso do Sul ­ MS. The study sample consisted of women (n = 8) exposed to breast radiotherapy after quadrantectomy surgery. Respiratory muscle strength was assessed through Maximal Inspiratory Pressure (MIP) and Maximal Expiratory Pressure (MEP) using a portable device called manovacuometer. The exam was performed before the 1st session of radiotherapy and after the 25th session corresponding to the last day of radiotherapy treatment. It were also evaluated the weight and height to measure the body mass index (BMI), clinical respiratory symptoms of dyspnea using the Medical Research Council Dyspnea Scale and characterization of cough with the Common Lung Toxicity Criteria according to the clinical pneumonitis classification. Results: MIP values were 95.90 ± 23.86 and 81.20 ± 23.12 (mean ± standard deviation p = 0.035) in relation to the ideal percentage, characterizing a significant decrease when comparing before and after breast radiotherapy exposure. It was observed level of significance of p<0.05, t-student and paired test were applied. Conclusion: The study of MRP before and after exposure to breast radiotherapy showed a significant decrease in MIP.

Introdução: No câncer de mama, a radioterapia pós-operatória é amplamente usada para reduzir a incidência de recorrência local da doença. Entretanto, a irradiação das estruturas torácicas implica riscos, especialmente para os pulmões. Objetivo: Estudar as pressões respiratórias máximas (PRM) após exposição à radioterapia de mama em mulheres. Método: Estudo prospectivo observacional realizado no Hospital de Câncer Alfredo Abrão em Campo Grande, Estado de Mato Grosso do Sul ­ MS. A amostra deste estudo foi composta por mulheres (n = 8) expostas à radioterapia de mama após cirurgia de quadrantectomia. Avaliou-se a força dos músculos respiratórios por meio da pressão inspiratória máxima (Pimáx) e da pressão expiratória máxima (Pemáx), utilizando-se do aparelho portátil denominado manovacuômetro. O exame foi realizado antes da primeira sessão de radioterapia e após a 25ª sessão, correspondendo ao último dia de tratamento radioterápico. Também foram avaliados o peso e a altura para medir o índice de massa corporal, os sintomas respiratórios clínicos de dispneia com o uso da Escala de Dispneia Medical Research Council e a caracterização de tosse com os Critérios Comuns de Toxicidade Pulmonar, em classificação da pneumonite clínica. Resultados: Os valores da Pimáx resultaram em 95,90 ± 23,86 e 81,20 ± 23,12 (média ± desvio padrão da média ­ p = 0,035) em relação ao percentual ideal, caracterizando diminuição significativa ao se comparar antes e após a exposição à radioterapia. Observou-se nível de significância de p<0,05, teste t-student e pareado. Conclusão: O estudo das PRM antes e após a exposição à radioterapia de mama evidenciou diminuição significativa da Pimáx.

Introducción: En el cáncer de mama, la radioterapia postoperatoria se usa ampliamente para reducir los riesgos de recurrencia locorregional de la enfermedad. Sin embargo, la radiación de las estructuras torácicas implica riesgos, especialmente para los pulmones. Objetivo: Estudiar las presiones respiratorias máximas (PRM) después de la exposición a la radioterapia de mama en mujeres. Método: Estudio observacional prospectivo realizado en el Hospital de Cáncer "Alfredo Abrão" en Campo Grande ­ MS. La muestra del estudio consistió en mujeres (n = 8) expuestas a radioterapia de mama después de una cirugía de cuadrantectomía. La fuerza muscular respiratoria se evaluó a través de la presión inspiratoria máxima (MIP) y la presión espiratoria máxima (MEP), utilizando un dispositivo portátil llamado manovacuómetro. El examen se realizó antes de la 1ª sesión de radioterapia y después de la 25ª sesión correspondiente al último día de tratamiento de radioterapia. También fueron evaluados el peso y la altura para calcular el índice de masa corporal; los síntomas clínicos de disnea respiratoria utilizando la Escala de disnea del "Medical Research Council", y la caracterización de la tos con los criterios comunes de toxicidad pulmonar según la clasificación de neumonitis clínica. Resultados: Los valores de MIP fueron de 95,90 ± 23,86 y 81,20 ± 23,12 en relación con el porcentaje ideal, caracterizando una disminución significativa (media ± desviación estándar de la media - p = 0,035) al comparar el antes y el después de la exposición a radioterapia mamaria. Se observó nivel de significancia de p <0,05, se aplicó t-student y prueba pareada. Conclusión: El estudio de PRM, antes y después de la exposición a radioterapia de mama, mostró una disminución significativa en la MIP.
Descritores: Músculos Respiratórios/efeitos da radiação
Neoplasias da Mama/radioterapia
Pressões Respiratórias Máximas
-Estudos Prospectivos
Limites: Humanos
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR440.1 - Biblioteca Geraldo Matos de Sá . Hospital do Câncer I


  10 / 6015 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1048719
Autor: Paulista, Janaína Santos; Assunção, Paula Gonçalves; Lima, Fernando Lopes Tavares de.
Título: Acessibilidade da População Negra ao Cuidado Oncológico no Brasil: Revisão Integrativa / Accessibility of Black Population to Oncological Care in Brazil: Integrative Review / Accesibilidad de la Población Negra a la Atención Oncológica en Brasil: Revisión Integrativa
Fonte: Rev. bras. cancerol;65(4), 20191216.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução:Tem-se apontado a persistência de desigualdades raciais na acessibilidade a bens e serviços de saúde, estando o indivíduo com câncer inserido nesse contexto. Objetivo: Analisar os fatores que impactam a acessibilidade da população negra ao cuidado oncológico no Brasil. Método: Por meio de uma revisão integrativa da literatura, buscaram-se, nas bases PubMed, LILACS e Embase, artigos originais publicados em português, inglês e espanhol sem limite temporal. Resultados: Foram incluídos 13 artigos, analisados a partir do tipo de câncer abordado: câncer de mama, câncer ginecológico, câncer de próstata e câncer de cavidade oral. Conclusão: As desigualdades raciais e socioeconômicas refletem nas ações de acessibilidade ao cuidado oncológico, maioritariamente na detecção precoce. Independentemente do tipo de câncer e das formas de diagnóstico e de tratamento, é inegável a dificuldade do paciente negro aos cuidados oncológicos por razões de natureza social e econômica.Os profissionais de saúde deveriam assegurar o atendimento à população negra ao mesmo nível prestado aos demais grupos sociais para garantir e superar as barreiras de acesso aos bens e serviços de saúde.

Introduction: The persistence of racial inequalities in the access to health services has been pointed out and the individual with cancer is within this scenario. Objective: To analyze the factors that impact the accessibility of the black population to cancer care in Brazil. Method: Through an integrative literature review, it were searched original articles published in Portuguese, English and Spanish in the databases PubMed, LILACS and Embase without time limitation. Results: Thirteen articles were included and analyzed based in the type of cancer addressed: breast cancer, gynecological cancer, prostate cancer and oral cancer. Conclusion: The racial and socioeconomic inequalities reflect upon the actions of accessibility to cancer care, mostly in early detection. Regardless of the type of cancer and the forms of diagnosis and treatment, it is unquestionable the difficulty the afro-descendant population has to access oncological care because of social and economic issues. Healthcare providers must ensure the care to the afro-descendant population as much as they do with other social groups to overcome the barriers to access health services.

Introducción: Se ha señalado la persistencia de las desigualdades racial e la accesibilidad a los bienes y servicios de salud, con el individuo con cáncer insertado en este contexto. Objetivo: Analizar los factores que afectan la accesibilidad de la población negra a la atención del cáncer en Brasil. Método: A través de una revisión bibliográfica integradora, se realizar búsquedas en las bases de datos PubMed, LILACS e Embase artículos originales publicados en portugués, inglés y español sin límite de tiempo. Resultados: Se incluyeron 13 artículos, analizado sen función del tipo de cáncer abordado: cáncer de mama, cáncer ginecológico, cáncer de próstata y cáncer de cavidad oral. Conclusión: Las desigualdades raciales y socioeconómicas se reflejan en las acciones de accesibilidad a la atención del cáncer, principalmente en la detección temprana. Independientemente del tipo de cáncer y las formas de diagnóstico y tratamiento, la dificultad del paciente negro en la atención del cáncer es innegable por razones sociales y económicas. Los profesionales de la salud deben garantizar la atención de la población negra al mismo nivel que otros grupos sociales para garantizar y superar las barreras de acceso a los bienes y servicios de salud.
Descritores: Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Acesso aos Serviços de Saúde
Neoplasias/diagnóstico
-Neoplasias da Próstata/diagnóstico
Fatores Socioeconômicos
Brasil
Neoplasias da Mama/diagnóstico
Neoplasias Bucais/diagnóstico
Saúde das Minorias Étnicas
Fatores Raciais
Neoplasias dos Genitais Femininos/diagnóstico
Neoplasias/terapia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão Sistemática
Responsável: BR440.1 - Biblioteca Geraldo Matos de Sá . Hospital do Câncer I



página 1 de 602 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde