Base de dados : LILACS
Pesquisa : C07.465.525.304 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 62 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 62 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-544392
Autor: Lopes, Raphaela de Mello; Bastos, Tiago dos Reis; Guimarães, Josemar Parreira; D'Addazio, Paulo Sérgio dos Santos.
Título: Fibromatose gengival anatômica: caso clínico / Anatomical gingival fibromatosis: a clinical case
Fonte: Arq. odontol;44(1):41-44, 2008. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: As fibromatoses gengivais são lesões proliferativas, não neoplásicas, raras na cavidade bucal, sendo caracterizadas por um aumento gengival lento e progressivo. Podem ser classificadas em hereditária, irritativa, medicamentosa e anatômica. Este artigo relata o caso clínico de um paciente de 56 anos que apresentou hiperplasia gengival da região de molares ao tuber da maxila estendendo-se para porção posterior do palato, bilateralmente, com maior envolvimento do lado direito. Essa lesão caracterizava-se por superfície lisa, consistente a manipulação, não pediculada e de coloração rosa-pálido. O tratamento consistiu de orientação da higienização bucal ao paciente, e caso a lesão afetasse a fonação e/ou a mastigação, poderia se considerar a possibilidade de correção cirúrgica.
Descritores: Fibromatose Gengival/diagnóstico
Fibromatose Gengival/terapia
-Hiperplasia Gengival/diagnóstico
Hiperplasia Gengival/terapia
Limites: Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca


  2 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-568235
Autor: Ceccarelli Calle, Juan Francisco; Ricaldi Camahualí, Jennifer Nadia; Berastain-Arenas, Juan Francisco.
Título: Fibromatosis gingival: diagnóstico y tratamiento: reporte de un caso / Gingival fibromatosis: diagnosis and treatment: case report
Fonte: Rev. estomatol. Hered;20(3):161-165, jul.-sept. 2010. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La fibromatosis gingival es una deformidad desarrollada de baja prevalencia. Las características clínicas de la FG incluyen tejidos gingivales hiperplásicos de consistencia firme y nodular, presentándose en forma generalizada o localizada. Las características histológicas de la FG incluyen principalmente tejido conectivo con un denso infiltrado rico en fibras de colágeno y un epitelio denso con papilas epiteliales largas. Se presenta un reporte de caso de un paciente masculino de 12 años referido para su tratamiento al servicio de Periodoncia e Implantes dentales de la Clínica Estomatológica Central de la Universidad Peruana Cayetano Heredia.

Gingival fibromatosis is a developed deformity with low prevalence. The clinical features of FG include hyperplastic gingival tissues usually firm and nodular, occurring in a generalized or localized form. The histologic features of FG mainly include connective tissue with a dense infiltrate rich in collagen fibers and dense epithelium with epithelial papillae long. This is a case report of a male patient of 12 years referred for treatment to a Periodontics and Implants Service of the Central Dental Clinic of the Cayetano Heredia Peruvian University.
Descritores: Fibromatose Gengival
Fibromatose Gengival/diagnóstico
Fibromatose Gengival/terapia
Crescimento Excessivo da Gengiva
Limites: Humanos
Masculino
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  3 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-565342
Autor: Chávez Corrales, Antonio.
Título: Fibromatosis gingival y amelogenésis imperfecta. Evaluación y tratamiento / Gingival fibromatosis and amelogenesis imperfecta. Assessment and treatment
Fonte: Odontol. pediatr. (Lima);8(2):37-39, jul.-dic. 2009. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El presente artículo reporta el caso clínico y tratamiento de un paciente de 23 años de edad de sexo femenino, que asiste a la consulta por presentar aumento de volumen en la mucosa oral correspondiente a la encía del maxilar superior, lo que le impide cerrar la boca y juntar los labios, así como en la región de la tuberosidad del maxilar superior el agrandamiento gingival no le permite pasar los alimentos con facilidad, en el examen clínico se observó dientes con alteraciones compatibles con amelogenésis imperfecta. La paciente fue tratada bajo anestesia general en el quirófano, realizando tratamiento quirúrgico de gingivoplastía, osteotomía, exodóncias múltiples y prótesis fija antero superior.

This article reports the case of a patient 23 years old female, who attends consulted for increased volume in the oral mucosa corresponding to maxillary gingival, which prevents it from closing the mouth and lips together and in the region of the maxillary tuberosity gingival enlargement does not allow food to pass easily. The patient was treated under general anesthesia in the operating room, performance surgical treatment of gingivoplasty, osteotomy, multiple extractions and upper anterior fixed prosthesis.
Descritores: Amelogênese Imperfeita/diagnóstico
Amelogênese Imperfeita/terapia
Fibromatose Gengival/diagnóstico
Fibromatose Gengival/terapia
Limites: Humanos
Adulto
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  4 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-980724
Autor: Morillo Castillo, Jessica Alejandra; Balseca Ibarra, Mariela Cumandá.
Título: Eficacia inhibitoria del aceite esencial de Cymbopogon Citratus sobre cepas de Porphyromona Gingivalis: Estudio in vitro / Eficácia inhibitória do óleo essencial de Cymbopogon Citratus em cepas de Porphyromona Gingivalis: Estudio in vitro / Inhibitory effect of the essential oil of Cymbopogon Citratus on the strain of Porphyromona Gingivalis: In Vitro Study
Fonte: Odontología (Ecuad.);20(2):5-13, 20181231.
Idioma: es.
Resumo: Las plantas con propiedades terapéuticas utilizadas en la asistencia sanitaria tradicional han sido estudiadas ampliamente en los últimos años y constituyen una alternativa importante frente a diferentes tratamientos odontológicos.Objetivo: De-terminar el efecto inhibitorio del aceite esencial de Cymbopogon Citratus (CC) a diferentes concentraciones sobre cepas de Porphyromonas Gingivalis (Pg). Materiales y métodos: Estudio experimental, in vitro. La muestra fue constituida por 24 cajas Petri con cultivos de Pg ATCC® 33277™ en Agar Mueller Hinton, cada una con 5 discos correspondiente a los 5 grupos de estudio siendo: G1 aceite esencial de CC al 100%; G2 aceite esencial de CC al 50%; G3 aceite esencial de CC al 75%; G4 clorhexidina 0,12% (control positivo); G5 suero fisiológico (control negativo). A las 24 horas de incubación se efectúo la medición de los halos utilizando la regla Antibiotic Zone Scale (mm) con los parámetros de sensibilidad deter-minados por la escala de Duraffourd et al., 1986 siendo: Nula (-) < 8mm, Sensible (+) >8mm ≤14mm, Muy sensible (++) >14 ≤ 20mm y Sumamente sensible (+++) > 20mm. Se utilizó para el análisis los test de ANOVA y Tukey con un nivel de significancia del 5%. Resultados: El aceite esencial de CC mostró un halo de inhibición de 14mm, 12mm y 10mm a concentraciones de 100%, 50% y 75% respectivamente. La Clorhexidina 0,12% se observó valores de inhibición de 17mm. Se observó diferencia estadísticamente significativa entre los grupos (< 0.001). Conclusión: El aceite esencial de CC al 100%, 50% y 75% demostraron ser sensibles, frente a la Porphyromona Gingivalis.

Plants with therapeutic properties used in traditional healthcare have been studied in recent years and are an important alternative to different dental treatments. Objective: To determine the inhibitory effect of the essential oil of Cymbopogon Citratus (CC) at different levels on the Porphyromonas Gingivalis (Pg) strain. Materialsandmethods: Experimental study, in vitro. The sample consisted of 24 Petri dishes with cultures of Pg ATCC® 33277 ™ in Mueller Hinton Agar, each with 5 discs corresponding to the 5 study groups being: G1 essential oil of 100% CC; G2 50% CC essential oil; G3 75% CC essential oil; G4 chlorhexidine 0.12% (positive control); G5 physiological saline (negative control). At 24 hours of incubation, the halos are measured using the Antibiotic Zone Scale (mm) with the sensitivity parameters determined by the Duraffourd scale et al, 1986 being: Null (-) <8 mm, Sensitive (+) > 8 mm ≤14 mm, Very sensitive (++) > 14 ≤ 20mm and Extremely sensitive (+++)> 20mm. It was used for the ANOVA and Tukey tests analysis with a level of significance of 5%. Results: The CC essential oil showed a halo of inhibition of 14 mm, 12 mm and 10 mm at concentrations of 100%, 50% and 75% respectively. Chlorhexidine 0.12% haunted values of 17mm inhibition. There was a statistically significant difference between the groups (<0.001). Conclusion: The essential oil of CC 100%, 50% and 75% proved to be sensitive, against the Porphyromona Gingivalis.

Plantas com propriedades terapêuticas utilizadas nos cuidados se saúde tradicionais têm sido estudadas extensivamente nos últimos anos e são uma alternativa importante para diferentes tratamentos dentários. Objetivo: Determinar o efeito inibitó-rio do óleo essencial de Cymbopogon Citratus (CC) em diferentes concentrações em cepas de Porphyromonas Gingivalis(Pg). Materiais e métodos: Estudo experimental, in vitro. A amostra foi constituída por 24 placas de Petri com culturas de Pg ATCC® 33277 ™ em Ágar Mueller Hinton, cada uma com 5 discos correspondentes aos 5 grupos de estudo sendo: G1 óleo essencial de 100% CC; G2 50% de óleo essencial de CC; G3 75% de óleo essencial de CC; Clorexidina G4 0,12% (controle positivo); G5 soro fisiológico (controle negativo). Após 24 horas de incubação a medição dos halos foi realizada utilizando a regra Antibiotic Zone Scale (mm) com parâmetros de sensibilidade determinados pela escala de Duraffourd et al, 1986 sendo: nulo. (-) <8 milímetros, sensível (+ )> 8mm ≤14mm, Muito sensível (++)> 14 ≤ 20mm e Extremamen-te sensível (+++)> 20mm. Os testes ANOVA e Tukey com nível de significância de 5% foram utilizados para a análise. Resultados: O óleo essencial de CC apresentou halo de inibição de 14mm, 12mm e 10mm nas concentrações de 100%, 50% e 75%, respectivamente. Valores de inibição de clorexidina 0,12% de 17mm foram observados. Observamos diferença estatisticamente significante entre os grupos (<0,001). Conclusão: O óleo essencial de 100% CC, 50% e 75% mostrou-se sensível, contra o Porphyromona Gingivalis.
Descritores: Índice Periodontal
Fibromatose Gengival
Compostos Fitoquímicos
-Óleos Voláteis
Porphyromonas gingivalis
Cymbopogon
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: EC73.1 - Biblioteca


  5 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-914241
Autor: Batista, Ana Luzia Araújo; Mendonça, Angélica Kercya Pereira de; Freitas, Roseana de Almeida; Alves, Pollianna Muniz; Godoy, Gustavo Pina; Nonaka, Cassiano Francisco Weege; Lins, Ruthinéia Diógenes Alves Uchôa.
Título: Immunohistochemical Analysis of Cell Proliferation and Bcl-2 Expression in Drug-Induced Gingival Overgrowth
Fonte: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr;17(1):e3331, 13/01/2017. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: Objective: To compare the rate of cell proliferation and expression of antiapoptotic protein Bcl-2 between drug-induced gingival overgrowth (DIGO) and clinical healthy gingiva (CHG) and to establish associations with histopathological features. Material and Methods: Twenty specimens of DIGO and 20 CHG specimens were submitted to morphological and immunohistochemical analysis by light microscopy. Cell proliferation (Ki-67) and the expression of Bcl-2 were evaluated in epithelial cells and spindle-shaped mononuclear cells of the connective tissue by establishing the labeling index (LI). Results: In epithelial tissue, the mean LI for Ki-67 was 17.2% in DIGO and 21.71% in CHG (p = 0.137). The mean LIs for Bcl-2 in epithelial tissue were 14.67% and 10.24% in DIGO and CHG, respectively (p = 0.026). In connective tissue, DIGO and CHG specimens exhibited low LIs for Ki-67 and Bcl-2, with mean values of less than 0.5% in both groups. No significant differences in the LIs for Ki-67 or Bcl-2 in epithelial tissue were observed according to the degree of collagenization, degree of vascularization and intensity of inflammatory infiltration (p > 0.05). No significant correlations were observed between the LIs for Ki-67 and Bcl-2 (p > 0.05). Conclusion: The present results suggest that the pathogenesis of DIGO does not involve increased proliferation or decreased apoptosis of fibroblasts. On the other hand, the morphological pattern of elongated epithelial cristae observed in DIGO could mainly be due to the inhibition of keratinocyte apoptosis and not to increased proliferation of these cells.
Descritores: Proliferação de Células
Fibromatose Gengival/patologia
Genes bcl-2
Imuno-Histoquímica/métodos
Antígeno Ki-67
-Brasil
Estatísticas não Paramétricas
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1822.9 - Associação de Apoio à Pesquisa em Saúde Bucal


  6 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-873480
Autor: Serra, Maurício Carvalho; Falabella, Márcio Eduardo Vieira; Tinoco, Eduardo Muniz Barreto; Ribeiro, Magali Silveira Monteiro; Silva, Denise Gomes da; Souto Maior, Júlia do Monte.
Título: Fibromatose gengival hereditária: identificação e tratamento / Hereditary Gingival Fibromatosis: Identification and Treatment
Fonte: Rev. cir. traumatol. buco-maxilo-fac;7(3):15-22, jul.-set. 2007. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A Fibromatose Gengival Hereditária (FGH) é descrita como uma condição bucal rara, clinicamente manifestada por um crescimento lento, progressivo, difuso e benigno dos tecidos gengivais. Alguns autores defendem a hipótese de o aumento gengival ser transmitido por um gene autossômico dominante, porém outros mostram que a FGH parece ser transmitida por um gene autossômico recessivo, em que pessoas não afetadas transmitemessa anormalidade a seus descendentes. O modo de transmissão hereditária parece ser autossômicodominante, relacionado ao cromossomo 2p21. A FGH pode se manifestar, de um modo geral, em duas situações diferentes: a primeira, quando o crescimento exagerado da gengiva constitui a única alteração patológica clinicamente observável, e a segunda, quando a fibromatose gengival é uma das alterações que se manifesta associada a outras patologias sistêmicas, como o retardo mental, a epilepsia, a hipertricose e a surdez progressiva. Através de uma revisão da literatura, este trabalho buscou elucidar todas as suas características, objetivando facilitar sua identificação, tratamento e controle
Descritores: Fibromatose Gengival
Fibromatose Gengival/diagnóstico
Fibromatose Gengival/terapia
Crescimento Excessivo da Gengiva
Gengiva/anormalidades
Neoplasias Bucais/diagnóstico
Neoplasias Bucais/terapia
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes


  7 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-873441
Autor: Chibebe, Priscilla Campanatti de Almeida; Caseiro, Marli Sales de Oliveira Montani; Amaral, Marta Monteiro; Salgado, Miguel Angel Castillo; Cortelli, José Roberto; Pallos, Débora.
Título: Análise histológica de tecido gengival de indivíduos que apresentam fibromatose gengival induzida por medicamento / Histological analysis from gingival tissue of individual with drug induce fibromatosis
Fonte: Odontol. clín.-cient;5(4):293-298, Out.-Dez 2006. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O mecanismo da fibromatose gengival (FG)induzida pela ciclosporina é desconhecido, no entanto, proliferação de fibroblastos gengivais, síntese protéica e produção de colágeno parecem ser responsáveis por este efeito adverso. Objetivo: foi avaliar características da FG induzida pela ciclosporina, por meio de análise histomorfológica e histomorfométrica. Método: participaram quatro indivíduos usuários de ciclosporina (teste) e quatro periodontalmente saudáveis (controle). Amostras do tecido gengival foram obtidas após procedimento cirúrgico periodontal. Vinte e quatro lâminas foram coradas com Hematoxilina e Eosina para contagem de fibrolastos e 24 coras com Picrosírius para quantificação das fibras colágenas. Resultados: a média dos fibroblastos encontrada nos controles foi de 41,5 mais ou menos 18,7 e os testes de 58,6 mais ou mesnos 27,9. A quantificação da fração de área do colágeno foi determinada pela área ocupada em porcentagem. A médiados controles foi de 57,6 mais ou menos 7,5 e dos testes de 52,7 mais ou menos 12,2. Quando aplicado o teste t para o nível de significância de 95 por cento foi encontrada diferença estatística entre os grupos (p=0,000 e p=0,012) respectivamente. Conclusão: os achados sugerem que o mesmo apresentando uma maior quantidade de células, o volume gengival deve estar relacionado com a produção de outros componentes teciduais diferentes da produção de colágeno
Descritores: Colágeno
Ciclosporina/efeitos adversos
Fibromatose Gengival/patologia
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes


  8 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-872681
Autor: Freitas, Tarsila Morais de Carvalho; Farias, Jener Gonçalves de; Freitas, Valéria Souza; Ramos, Maria Emília Santos Pereira; Ramos Júnior, Ruy Paschoal.
Título: Fibroma ossificante periférico: relato de um caso clínico / Peripheral ossifiyng fibroma: a clinical case report
Fonte: Rev. ABO nac;12(5):287-291, out.-nov. 2004. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O fibroma ossificante periférico é um crescimento não neoplásico da gengiva classificado como uma lesão hiperplásica inflamatória reativa, sua origem é incerta mas parece estar relacionada ao ligamento periodontal. Clinicamente apresenta-se como uma massa gengival firme, frequentemente séssil e de crescimento lento. Geralmente é da mesma cor da mucosa gengival, podendo ser ligeiramente avermelhado. Fatores irritan-tes da mucosa como força mastigatória, placa, cálculos dentários e impacção de alimen-tos normalmente estão associados à lesão. Este trabalho tem por objetivo relatar um caso clínico de fibroma ossificante periférico, sua etiologia, características clínicas, radiográficas, histológicas, patológicas e tratamento...
Descritores: Fibroma Ossificante
Fibromatose Gengival
Fibroma Ossificante/etiologia
Fibroma Ossificante/patologia
Fibroma Ossificante
Fibroma Ossificante/terapia
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica


  9 / 62 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-871733
Autor: Silva, Sergio Spinelli; Genovese, Walter João; Cerri, Artur.
Título: Afecções estomatológicas em crianças / Stomatological affections in children
Fonte: In: Guedes Pinto, Antonio Carlos. Odontopediatria. Säo Paulo, Santos, 1991. p.445-56, ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Fibromatose Gengival
Doenças da Boca
-Odontopediatria
Limites: Humanos
Criança
Tipo de Publ: Monografia
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica
BR97.1; D27, G924o, 1991


  10 / 62 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Volpato, Maria Cristina
Bozzo, Lourenço
Id: biblio-854643
Autor: El Guindy, Moustaf M; Volpato, Maria Cristina; Bozzo, Lourenço.
Título: Hiperplasias gengivais não inflamatórias / Non-inflammatory gingival hyperplasia
Fonte: RGO (Porto Alegre);37(6):421-4, nov.-dez. 1989. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Os aumentos hiperplásicos não inflamatórios da gengiva são doenças relativamente raras, podendo estar associadas a condição sistêmica de caráter hereditário, ou induzidas pelo uso de drogas anticonvulsivas do grupo da fenitoína. Independentemente da sua origem etiológica, a hiperplasia gengival apresenta um conteúdo fibroso maior que o normal, provocando problemas estéticos e dificuldades na fala e na mastigação. A inflamação observada na maioria dos casos pode ser considerada como uma condição associada à manifestação da patologia, embora alguns autores postulem que a inflamação é o resultado da formação de pseudobolsas periodontais pelo tecido hiperplásico e a conseqüente dificuldade em obter higiene bucal adequada. Além das manifestações clínicas, os aspectos histológicos, o diagnóstico e o tratamento destas hiperplasias também são discutidos no presente trabalho
Descritores: Fenitoína/efeitos adversos
Fibromatose Gengival/patologia
Hiperplasia Gengival/patologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo de Revista
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde