Base de dados : LILACS
Pesquisa : C08.846 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 51 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 51 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-224930
Autor: Eckardt, Paula; Raez, Luis; Temple, Donald J.
Título: Síndrome torácico agudo en pacientes con anemia de células falciformes / Acute thoracic syndrome in patients with sickle cell anemia
Fonte: Rev. méd. hered;8(3):112-5, set. 1997. ilus.
Idioma: es.
Resumo: We report an unusual lethal complication of sickle cell anemia. The patient was admitted with a diagnosis of acute chest syndrome and died shortly thereafter of respiratory failure. Autopsy revealed numerous deposits of bone marrow hematopoietic tissue ocluding the microvascular circulation of the lung. Numerous causes of acute chest syndrome in sickle cell anemia have been identified, including pulmonary embolism from infartion of bone marrow. However, the release of bone marrow hematopoietic tissue leading to pulmonary vascular occlusion is not generally recognized pre-mortem by treating physicians.
Descritores: Embolia Pulmonar
Dor no Peito
Infarto
Anemia Falciforme
Doenças Torácicas
Medula Óssea
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  2 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-539199
Autor: Batista, Deyse Conceição Santoro; Pimenta, Cibele Andrucioli de Mattos.
Título: Semelhanças e diferenças da dor nas síndromes torácicas: revisão sistemática da literatura / Pain similarities and differences in the chest syndromes: systematic literature review
Fonte: Rev. gaúch. enferm;29(2):301-307, jun. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: As condições clínicas que se manifestam com dor torácica requerem um diagnóstico rápido e preciso de suascausas. O objetivo deste estudo foi identificar a existência de características específicas e comuns entre a dor doinfarto agudo do miocárdio, da angina, da pericardite, da dissecção da aorta torácica, de pneumopatias e das doençasesofagianas. Foi realizada uma revisão sistemática da literatura, utilizando-se descritores relacionados à dor eas síndromes torácicas, totalizando 112 artigos. As bases eletrônicas pesquisadas foram: Literatura Latino-Americanae do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Medical Literature and Retrieval System On Line (MEDLINE),Base de Dados de Enfermagem (BDEnf), Base de Dados da Organização Pan-Americana da Saúde (PAHO), Base deDados da Biblioteca da Organização Mundial da Saúde (WHOLIS) e Biblioteca Cochrane, entre 1966 e novembrode 2005. Esta revisão destacou uma série de estudos não conclusivos sobre a caracterização da dor torácica comomeio diagnóstico definitivo.
Descritores: Dor no Peito/enfermagem
-Doenças Cardiovasculares
Doenças Torácicas
Limites: Humanos
Responsável: BR546.1 - Biblioteca


  3 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1012564
Autor: Zampieri, Juliana Fischman; Pacini, Gabriel Sartori; Zanon, Matheus; Altmayer, Stephan Philip Leonhardt; Watte, Guilherme; Barros, Marcelo; Durayski, Evandra; Meirelles, Gustavo de Souza Portes; Guimarães, Marcos Duarte; Marchiori, Edson; Souza Junior, Arthur Soares; Hochhegger, Bruno.
Título: Thoracic calcifications on magnetic resonance imaging: correlations with computed tomography / Calcificações torácicas na ressonância magnética: correlações com a tomografia computadorizada
Fonte: J. bras. pneumol;45(4):e20180168, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To identify the characteristics of thoracic calcifications on magnetic resonance (MR) imaging, as well as correlations between MR imaging and CT findings. Methods: This was a retrospective study including data on 62 patients undergoing CT scans and MR imaging of the chest at any of seven hospitals in the Brazilian states of Rio Grande do Sul, São Paulo, and Rio de Janeiro between March of 2014 and June of 2016 and presenting with calcifications on CT scans. T1- and T2-weighted MR images (T1- and T2-WIs) were semiquantitatively analyzed, and the lesion-to-muscle signal intensity ratio (LMSIR) was estimated. Differences between neoplastic and non-neoplastic lesions were analyzed. Results: Eighty-four calcified lesions were analyzed. Mean lesion density on CT was 367 ± 435 HU. Median LMSIRs on T1- and T2-WIs were 0.4 (interquartile range [IQR], 0.1-0.7) and 0.2 (IQR, 0.0-0.7), respectively. Most of the lesions were hypointense on T1- and T2-WIs (n = 52 [61.9%] and n = 39 [46.4%], respectively). In addition, 19 (22.6%) were undetectable on T1-WIs (LMSIR = 0) and 36 (42.9%) were undetectable on T2-WIs (LMSIR = 0). Finally, 15.5% were hyperintense on T1-WIs and 9.5% were hyperintense on T2-WIs. Median LMSIR was significantly higher for neoplastic lesions than for non-neoplastic lesions. There was a very weak and statistically insignificant negative correlation between lesion density on CT and the following variables: signal intensity on T1-WIs, LMSIR on T1-WIs, and signal intensity on T2-WIs (r = −0.13, p = 0.24; r = −0.18, p = 0.10; and r = −0.16, p = 0.16, respectively). Lesion density on CT was weakly but significantly correlated with LMSIR on T2-WIs (r = −0.29, p < 0.05). Conclusions: Thoracic calcifications have variable signal intensity on T1- and T2-weighted MR images, sometimes appearing hyperintense. Lesion density on CT appears to correlate negatively with lesion signal intensity on MR images.

RESUMO Objetivo: Identificar as características das calcificações torácicas na ressonância magnética (RM) e as correlações entre os achados de RM e TC. Métodos: Estudo retrospectivo no qual foram analisados dados referentes a 62 pacientes que foram submetidos a TC e RM de tórax em sete hospitais nos estados do Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro entre março de 2014 e junho de 2016 e que apresentaram calcificações na TC. As imagens de RM ponderadas em T1 e T2 (doravante denominadas T1 e T2) foram analisadas semiquantitativamente, e a razão entre a intensidade do sinal da lesão e do músculo (LMSIR, do inglês lesion-to-muscle signal intensity ratio) foi estimada. Diferenças entre lesões neoplásicas e não neoplásicas foram analisadas. Resultados: Foram analisadas 84 lesões calcificadas. A média de densidade das lesões na TC foi de 367 ± 435 UH. A mediana da LMSIR foi de 0,4 [intervalo interquartil (II): 0,1-0,7] em T1 e 0,2 (II: 0,0-0,7) em T2. A maioria das lesões mostrou-se hipointensa em T1 e T2 [n = 52 (61,9%) e n = 39 (46,4%), respectivamente]. Além disso, 19 (22,6%) foram indetectáveis em T1 (LMSIR = 0) e 36 (42,9%) foram indetectáveis em T2 (LMSIR = 0). Finalmente, 15,5% mostraram-se hiperintensas em T1 e 9,5% mostraram-se hiperintensas em T2. A mediana da LMSIR foi significativamente maior nas lesões neoplásicas do que nas não neoplásicas. Houve uma correlação negativa muito fraca e estatisticamente insignificante entre a densidade das lesões na TC e as seguintes variáveis: intensidade do sinal em T1, LMSIR em T1 e intensidade do sinal em T2 (r = −0,13, p = 0,24; r = −0,18, p = 0,10 e r = −0,16, p = 0,16, respectivamente). A densidade das lesões na TC apresentou correlação fraca, porém significativa com a LMSIR em T2 (r = −0,29, p < 0,05). Conclusões: As calcificações torácicas apresentam intensidade de sinal variável em T1 e T2; em alguns casos, mostram-se hiperintensas. A densidade da lesão na TC aparentemente correlaciona-se negativamente com a intensidade do sinal da lesão na RM.
Descritores: Doenças Torácicas/diagnóstico por imagem
Neoplasias Torácicas/diagnóstico por imagem
Calcinose/diagnóstico por imagem
Imagem por Ressonância Magnética/métodos
Tomografia Computadorizada por Raios X/métodos
-Valores de Referência
Doenças Torácicas/patologia
Neoplasias Torácicas/patologia
Calcinose/patologia
Interpretação de Imagem Assistida por Computador
Estudos Retrospectivos
Estatísticas não Paramétricas
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-627124
Autor: Céspedes G, Juan.
Título: Cincuenta años del Hospital del Tórax / Fifty years of the Hospital del Tórax
Fonte: Rev. chil. enferm. respir;20(3):129-130, jul. 2004.
Idioma: es.
Descritores: Doenças Torácicas/história
Hospitais/história
-Chile
Limites: História do Século XX
História do Século XXI
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Editorial
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  5 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-882635
Autor: Eder, Guilherme Lemos; Machado, Felipe Dominguez; Castro, João de Carvalho.
Título: Dor torácica na sala de emergência: avaliação inicial / Pain in the emergency room: initial evaluation
Fonte: Acta méd. (Porto Alegre);35:[6], 2014.
Idioma: pt.
Resumo: Nessa revisão, abordaremos o quadro clínico e a investigação complementar das condições e doenças que se manifestam com esse sintoma. Entre elas, o enfoque será sobre as que apresentam maior morbimortalidade e exigem conduta mais rápida e precisa.

In this review, we will discuss the clinical features and the ancillary studies of the conditions and diseases that present with this symptom. Among them, the focus will be those that have a higher morbi-mortality and require faster and accurate management.
Descritores: Dor no Peito
Doenças Torácicas/diagnóstico
-Serviços Médicos de Emergência
Responsável: BR1323.1 - Biblioteca Central Irmão José Otão


  6 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-783972
Autor: Ministério da Saúde; .Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul; .Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
Título: Protocolos de encaminhamento da Atenção Básica para a Atenção Especializada: cirurgia torácica e pneumologia / Routing protocols of primary care to specialized care: thoracic surgery and pulmonology.-v.5
Fonte: Brasília; Ministério da Saúde; 2016. 30 p. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este material tem como objetivo orientar as equipes que atuam na AB, qualificando o processo de referenciamento de usuários para outros serviços especializados. É uma ferramenta, ao mesmo tempo, de gestão e de cuidado, pois tanto guiam as decisões dos profissionais solicitantes quanto se constitui como referência que modula as avaliações apresentadas pelos médicos reguladores.
Descritores: Atenção Primária à Saúde/normas
Atenção Secundária à Saúde/normas
Cirurgia Torácica/normas
Neoplasias Pulmonares/terapia
Pneumologia/normas
Protocolos Clínicos/normas
-Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica/diagnóstico
Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica/terapia
Doenças Torácicas/diagnóstico
Doenças Torácicas
Regulação e Fiscalização em Saúde
Mediastino/patologia
Neoplasias Pulmonares/diagnóstico
Neoplasias do Mediastino/diagnóstico
Procedimentos Cirúrgicos Torácicos/normas
Limites: Humanos
Adulto
Tipo de Publ: Guia de Prática Clínica
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-774386
Autor: Galaretto, E; Francheri, A; Noel, M; Remondino, R; Bersusky, E.
Título: Síndrome de insuficiencia torácica debido a escoliosis congénita y fusiones costales tratado mediante toracoplastía de expansión, combinada con sistema de distracción sucesiva / Thoracic insufficiency syndrome due to congenital scoliosis and fused rib treated with expansion thoracoplasty in combination with growing rods
Fonte: Med. infant;20(2):103-111, jun. 2013. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción. Las escoliosis congénitas asociadas a fusiones costales pueden causar disminución de crecimiento en el tórax y un efecto adverso sobre el desarrollo y función pulmonar. Esta condición se conoce como Síndrome de Insuficiencia Torácica (SIT). Objetivo. Reportar nuestra experiencia en tratamiento de pacientes con síndrome de insuficiencia torácica debido a escoliosis congénita y fusiones costales, tratados con toracoplastia de expansión combinada con distracciones sucesivas (V.E.P.T.R. - Vertical Expandable Prosthetic Titanium Rib). Material y Método. Evaluación retrospectiva clínica y radiográfica de 9 pacientes. Resultados. Se evaluaron 9 pacientes. Seguimiento promedio 2.1 años. Edad promedio de primera intervención 2.5 años. Valor angular pre-operatorio promedio 71.3 grados y descompensación del tronco 3.4 cm. El promedio de corrección de la escoliosis durante el último control fue de 37.4%, para la descompensación del tronco de 51.7% y la relación de longitud, entre los hemi-tórax, mejoró 24.6%. Se registraron 2.7 complicaciones por paciente. Conclusión. La toracoplastía de expansión, combinada con distracciones sucesivas es una buena alternativa para tratar el síndrome insuficiencia torácica debido a escoliosis congénita y fusiones costales. Las complicaciones son frecuentes y condicionan el tratamiento. El VEPTR requiere modificaciones de diseño.
Descritores: Doenças Torácicas/etiologia
Doenças Torácicas/terapia
Escoliose/complicações
Escoliose/congênito
Escoliose/terapia
Seguimentos
Insuficiência Respiratória/etiologia
Insuficiência Respiratória/terapia
Toracoplastia
-Argentina
Parede Torácica/anormalidades
Parede Torácica/cirurgia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: AR305.1 - SID - Servicio de Información y Documentación


  8 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-773903
Autor: Espinoza G., Aníbal.
Título: Ultrasonido en tórax pediátrico / Ultrasound in pediatric chest
Fonte: Neumol. pediátr. (En línea);10(2):58-66, abr. 2015. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Ultrasound is a second line technique in the pediatric chest imaging evaluation. In some specific conditions like pleural effusions, diaphragmatic motility and chest injuries, ultrasound provides outstanding and sometimes better information safely and efficiently as it can be performed bedside, usually without sedation and as a non-ionizing radiation alternative. The main pediatric chest ultrasound applications are reviewed and shown in a pictogram assay.

Para el estudio del tórax en pediatría, el ultrasonido es una herramienta diagnóstica complementaria. Las ventajas propias de la técnica como ausencia de radiación, la evaluación de la motilidad en tiempo real y alta resolución de estructuras de la pared y espacio pleural, muestran claras ventajas en patologías específicas como el derrame pleural, la motilidad diafragmática y las lesiones de la pared del tórax. Se revisa en una muestra pictográfica las principales indicaciones y utilidad de esta técnica.
Descritores: Derrame Pleural
Doenças Torácicas
-Diafragma
Limites: Humanos
Criança
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  9 / 51 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-673318
Autor: Marchiori, Edson; Ferreira, Elisa Carvalho; Zanetti, Gláucia; Hochhegger, Bruno.
Título: Ressonância magnética de corpo inteiro na avaliação do comprometimento torácico na paracoccidioidomicose disseminadal / Whole-body magnetic resonance imaging for the evaluation of thoracic involvement in disseminated paracoccidioidomycosis
Fonte: J. bras. pneumol;39(2):248-250, mar.-abr. 2013. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Imagem por Ressonância Magnética/métodos
Paracoccidioidomicose/diagnóstico
Doenças Torácicas/diagnóstico
Imagem Corporal Total/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 51 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-656317
Autor: Fuentealba T., Isabel.
Título: Ultrasonido de tórax en ninos / Ultrasound of the pediatric's chest
Fonte: Rev. chil. enferm. respir;28(3):229-235, set. 2012. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Ultrasound is an alternative technique for the examination of the chest. Recently chest ultrasound has expanded its use mainly on the study of pediatric patients, since it does not use radiation and it is considered by some authors as the first line test in the evaluation of some specific conditions like: superficial lumps and bumps of the chest wall, diaphragm motility, thymus characterization and pleural effusions. The purpose of this paper is to review the main indications for pediatric chest ultrasound in non-cardiac diseases.

El ultrasonido es un examen complementario en el estudio por imágenes del tórax. En los últimos tiempos se ha ampliado su utilización especialmente en el estudio del tórax pediátrico ya que es una alternativa de imagen que no usa radiación y por otra parte, es considerado por algunos autores como el examen de primera línea en la evaluación de algunas patologías específicas como: aumento de volumen superficial de la pared torácica, movimiento diafragmático, timo y derrame pleural. El objetivo de este artículo es revisar las principales indicaciones en el estudio del tórax pediátrico por ultrasonido en patología no cardiológica.
Descritores: Doenças Torácicas
Tórax
Ultrassonografia
-Cavidade Pleural
Mediastino
Pediatria
Limites: Criança
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde