Base de dados : LILACS
Pesquisa : C09.218.705 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 106 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 11 ir para página                         

  1 / 106 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1147379
Autor: Central Council for Research in Homoeopathy.
Título: Un protocolo de investigación para la realización de un ensayo controlado aleatorizado que compare la acción de la homeopatía y la alopatía en la otitis media aguda y su recurrencia en niños / A research protocol for conducting a randomized controlled trial comparing the action of homeopathy and allopathy in acute otitis media and its recurrence in children
Fonte: Homeopatia Méx;89(720):18-25, ene.-mar. 2020.
Idioma: es.
Resumo: Antecedentes: la otitis media aguda (OMA) es una de las infecciones agudas más comunes en niños. La prescripción no juiciosa de antibióticos puede provocar un aumento de los casos resistentes a antibióticos. La Homeopatía puede proporcionar un tratamiento más seguro y más eficaz. Objetivo: anteriormente, un estudio piloto realizado por el Consejo Central de Investigación en Homeopatía (CCRH) en 80 pacientes, en un solo centro, mostró resultados de no inferioridad. Este estudio se realizará para corroborar los hallazgos anteriores. Métodos: será un ensayo controlado (con brazo paralelo), aleatorizado, de diseño abierto y de no inferioridad, que se realizará en niños de 2 a 12 años de edad, con una otitis media aguda. El ensayo incluirá 240 niños, de los que cada participante será seleccionado de forma aleatoria para recibir un medicamento homeopático individualizado, o bien, un medicamento alopático sintomático. En caso de que un niño no muestre una mejoría ≥50% con el tratamiento asignado en el día tres, recibirá un antibiótico. Los niños de ambos grupos serán tratados / seguidos durante 1 año para verificar la recurrencia, si la hay. Los parámetros principales serán los cambios en la Escala de examen de la membrana timpánica (Tympanic Membrane Examination Scale, TMES) y la escala Otitis media aguda-severidad de los síntomas (Acute Otitis Media-Severity of Symptoms, AOM-SOS), así como el tiempo para mejorar el dolor a través de la Escala de dolor de caras revisada (Facial Pain Scale-Revised) entre los grupos, y la recurrencia a un año (número de episodios, intensidad y duración) de la OMA en ambos grupos. Discusión: El estudio consolidará los hallazgos observados durante un estudio piloto realizado por el CCRH en Jaipur, India. Se propone que se compare el papel de la Homeopatía individualizada frente a la alopatía en el tratamiento de la OMA y que se evalúe su papel en el control de las recidivas. (AU)
Descritores:
Otite/terapia
Homeopatia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR926.1 - Biblioteca Artur de Almeida Rezende Filho


  2 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-121576
Autor: Domínguez Garcés, Danny; Barraza Ayllón, Oscar; Iturregui Bravo, Lorenzo.
Título: Síndrome de Beckwith Wiedemann / Beckwith Wiedemann Syndrome
Fonte: Cir. pediátr;7(1):41-5, oct. 1991-ene. 1992. tab.
Idioma: es.
Resumo: Se presenta dos casos de recién nacidos de sexo masculino con diagnóstico de Síndrome de Beckwith Wiedeman con diferentes características del Síndrome. Ambos fueron intervenidos quirúrgicamente por Onfalocele practicándose un cierre primario sin problemas respiratorios posteriores. El primero evolucionó favorablemente saliendo de alta al 12avo. día postoperatorio, mientras que el segundo falleció al tercer día de operado por un cuadro séptico. En el presente trabajo se comparan ambos casos con los publicados en la literatura nacional: Freyre (1973) y Bazán (1987) y se revisa la literatura internacional actual
Descritores: Hérnia Umbilical/cirurgia
Síndrome de Beckwith-Wiedemann/diagnóstico
-Otite/diagnóstico
Peru
Hérnia Umbilical/complicações
Síndrome de Beckwith-Wiedemann/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Recém-Nascido
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  3 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Machado, Rosangela Zacarias
ARAÚJO, Jackson Victor de
Texto completo
Id: biblio-1042506
Autor: Sobral, Samilla Alves; Ferreira, Bruna Silva; Senna, Caio Colodette; Ferraz, Carolina Magri; Moreira, Tiago Facury; Fidelis Junior, Otavio Luiz; Hiura, Emy; Tobias, Fernando Luiz; Machado, Rosangela Zacarias; Araújo, Jackson Victor de; Braga, Fabio Ribeiro.
Título: Rhabditis spp, in the Espírito Santo, State of Brazil and evaluation of biological control / Rhabditis spp, no Espírito Santo, estado do Brasil e avaliação do controle biológico
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;28(2):333-337, Apr.-June 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The objectives of this study were to describe occurrences of Rhabditis spp. causing parasitic otitis in dairy cattle of Gir breed in the state of Espírito Santo, southeastern Brazil, and to evaluate the biological control of this nematode using the nematophagous fungi Duddingtonia flagrans (AC001) and Monacrosporium thaumasium (NF34). After nematode detection and collection, three groups were formed: two groups that were treated, respectively, with the fungal isolates; and a control group, without fungus. The treatments were as follows: (a) Petri dishes containing the culture medium 2% water agar (WA) + 250 nematodes + AC001; (b) Petri dishes containing 2% WA + 250 nematodes + NF34; and (c) Petri dishes containing only 2% WA + 250 nematodes. After seven days at 27 °C the treatments with fungi were able to capture and destroy the nematodes, with percentages of 82.0% (AC001) and 39.0% (NF34) in relation to the control group. The results demonstrate the occurrence of Rhabditis spp. after animals physical examination and that there was efficacy of the in vitro predatory activity of both fungal isolates. Thus, these results are important because they can assist in future in vivo control of this nematode in cattle.

Resumo Os objetivos neste estudo foram descrever ocorrências do nematódeo Rhabditis spp., causando otite parasitária em bovinos leiteiros da raça Gir no estado do Espírito Santo, sudeste do Brasil, e avaliar o controle biológico desse nematódeo utilizando os fungos nematófagos Duddingtonia flagrans (AC001) e Monacrosporium thaumasium (NF34). Após a detecção e coleta dos nematódeos, três grupos foram formados: dois grupos que foram tratados com os isolados fúngicos, respectivamente; e um grupo controle, sem fungos. Os tratamentos foram os seguintes: (a) placas de Petri contendo o meio de cultura 2% ágar de água (WA) + 250 nematoides + AC001; (b) placas de Petri contendo 2% de WA + 250 nematoides + NF34; e (c) placas de contendo apenas 2% de nematódeos WA + 250. Após sete dias a 27 °C os tratamentos com fungos foram capazes de capturar e destruir os nematódeos, com porcentagens de 82,0% (AC001) e 39,0% (NF34) em relação ao grupo controle. Os resultados demonstram a ocorrência de Rhabditis spp., no Estado do Espírito Santo e a eficácia da atividade predatória in vitro dos isolados fúngicos utilizados. Assim, esses resultados são importantes, pois podem auxiliar no controle alternativo in vivo de Rhabditis spp. em bovinos com otite parasitária.
Descritores: Otite/veterinária
Doenças dos Bovinos/parasitologia
Controle Biológico de Vetores/métodos
Rhabditoidea/microbiologia
Infecções por Rhabditida/veterinária
-Otite/parasitologia
Otite/terapia
Ascomicetos/fisiologia
Infecções por Rhabditida/terapia
Duddingtonia/fisiologia
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Carvalho, Azarias de Andrade
Id: lil-260870
Autor: Carvalho, Azarias de Andrade.
Título: Infecçöes das vias aéreas superiores / Superiors airs pathways infections
Fonte: In: Farhat, Calil Kairalla; Carvalho, Eduardo da Silva; Carvalho, Luiza Helena Falleiros Rodrigues; Succi, Regina Célia de Menezes. Infectologia pediátrica. Säo Paulo, Atheneu, 1998. p.62-70.
Idioma: pt.
Descritores: Pediatria
Infecções Respiratórias
-Otite
Sinusite
Tonsilectomia
Adenoidectomia
Tonsilite
Resfriado Comum
Influenza Humana
Infecções Respiratórias/imunologia
Infecções Respiratórias/patologia
Limites: Humanos
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Responsável: BR31.1 - SIDC - Serviço de Informação e Documentação Científica
BR31.1; WC100, F225i, 2 ed.,1998


  5 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1037612
Autor: Buriti, Ana Karina Lima.
Título: HIV/AIDS e suas repercussões na audição em crianças / HIV/AIDS and its impact on hearing in children.
Fonte: João Pessoa; s.n; 2012. 89 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal da Paraíba. Centro de Ciências da Saúde para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) transmitida pelo Human Immunodeficiency Vírus (HIV) ataca o sistema imunológico, podendo causar repercussões sobre o estado geral de saúde e, de modo particular, à saúde auditiva. Objetivou-se avaliar a audição de crianças com HIV/AIDS e analisar a associação dos achados audiológicos em crianças com HIV/AIDS, relacionando-os à carga viral, às doenças oportunistas e ao tratamento antirretroviral (TARV) instituído. Foram analisadas 23 crianças com HIV/AIDS que estavam em acompanhamento em dois serviços de atendimento especializado (SAE). Os responsáveis pelas crianças responderam um questionário que continha dados sobre a situação clínica e a saúde auditiva das crianças, o qual foi posteriormente complementado por informações contidas em prontuário. Em seguida, foi realizada a inspeção do meato acústico externo e, quando necessário, as crianças foram encaminhadas ao otorrinolarigologista para propiciar a realização dos exames audiológicos. A avaliação audiológica foi composta pelo exame de audiometria tonal e imitanciometria (timpanometria e reflexos estapedianos). Para análise descritiva dos dados foi utilizada a técnica de estatística inferencial, através do teste Exato de Fisher, quando as condições para utilização do teste Qui-quadrado não foram verificadas. Foram respeitadas as orientações para pesquisa em seres humanos contidas na Resolução CNE N° 196/1996. Observou-se uma ocorrência de perdas auditivas por orelha em 84,8% das crianças analisadas, prevalecendo um percentual de 76,9% de perdas auditivas discretas e 67,4% para timpanometria de curva tipo B. As manifestações otológicas foram observadas em 65,2% das crianças, sendo a otalgia a de maior ocorrência (66,7%), havendo associação significativa desta com a perda auditiva (p=0,001).

Acquired immunodeficiency syndrome (AIDS), transmitted by Human Immunodeficiency Vírus (HIV) it attacks the immune system, which may cause adverse effects on the general state of health, and in particular, the hearing health. The objective of this study was to evaluate the hearing of children with HIV/AIDS and to assess the association of audiological findings in children with HIV/AIDS, relating them to the viral load, the opportunistic diseases and to antiretroviral treatment (TARV) instituted. We analyzed 23 children with HIV/AIDS that were followed at two specialized care services (SCS). Those responsible for the children responded to a questionnaire that included data on the clinical situation and the hearing health of children, which was subsequently complemented by information contained in medical records. Then, the external acoustic meatus was inspected and where necessary, the children were referred to the ent propitiate the realization of the audiological exams. The audiological evaluation was composed by examination of audiometry and immitanciometry (tympanometry and stapedial reflexes). For descriptive analysis of the data was used to the technique of inferential statistics, using Fisher's exact test, when the conditions for use of the test thur-square has not been verified. They were complied with the guidelines for research involving human beings contained in Resolution CNS N° 196/1996. There was an occurrence of hearing loss by ear in 84.8 % of the children analyzed, prevailing a percentage of 76.9 % of hearing loss discrete and 67.4 % for tympanometry curve type B. The otologic manifestations were observed in 65.2 % of the children, with the ear pain to the highest occurrence (66.7 %), there was no significant association with hearing loss (p=0.001).
Descritores: Infecções por HIV
Otite
Perda Auditiva
Limites: Humanos
Criança
Responsável: BR8.1 - Biblioteca Central
BR8.1


  6 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-328244
Autor: Paraguay. Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social. División de Salud Materno Infantil.
Título: Atención del niño con infección respiratoria aguda / Attention of the child with respiratory sharp infection.
Fonte: Asunción; MSPYBS ; División de Salud Materno Infantil; nov.1996. 112 p. ilus, tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Documento diseñado para ayudar a enseñar a los trabajadores de salud a atender a los niños que sufren alguna Infección respiratoria Aguda (IRA), desarrolla datos por los que se pueden guiar los trabajadores para detectar y diagnosticar las infecciones. Incluye:atención del niño con infección respiratoria aguda: clasifique la enfermedad del niño de 2 meses a 4 años de edad, clasifique la enfermedad del lactante pequeño (menor de 2 meses), instrucciones para el tratamiento, prescriba un antibiótico, enseñe a la madre a cuidar al niño en la casa, trate la fiebre, trate la sibilancia ; atención del niño con problema de oidos o dolor de garganta, y otros, al final anexa un glosario de términos y gráficos del tratamiento de IRA
Descritores: Otite
Infecções Respiratórias
Faringite
Tosse
Ira
-Paraguai
Responsável: PY40.1 - Biblioteca
PY40.1; Py618.9/MSPYBS


  7 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-469184
Autor: Sáfadi, Marco Aurélio P..
Título: Critérios sorológicos de proteção contra doença invasiva em crianças após vacina pneumocócica conjugada / Protective serological criteria against invasive disease after pneumococcal conjugate vaccine in children
Fonte: Pediatr. mod;43(5):251-255, set-out. 2007.
Idioma: pt.
Resumo: Infecções causadas pelo S. pneumoniae são associadas à elevada morbidade e mortalidade, particularmente em lactentes e crianças pequenas. As vacinas polissacarídicas conjugadas a um complexo protéico demonstraram ser extremamente imunogênicas em lactentes, induzindo imunidade dependente de células T. Uma vacina pneumocócica conjugada heptavalente, usando como carreador protéico para os sete sorotipos o mutante diftérico CRM197, foi licenciada nos Estados Unidos no ano 2000, demonstrando ser segura, induzindo elevados títulos de anticorpos séricos, memória imunológica e ainda reduzindo, entre os vacinados, o estado de portador em nasofaringe dos sorotipos incluídos em sua composição. Neste momento, encontra-se em estágio avançado de desenvolvimento várias vacinas pneumocócicas conjugadas. Com o objetivo precípuo de estabelecer um parâmetro para ser utilizado no licenciamento de novas vacinas pneumocócicas conjugadas candidatas, em função de limitações de ordem ética e prática para realização de estudos de eficácia clínica, e baseando-se nos dados de três grandes estudos controlados, duplo-cegos, de eficácia clínica (dois nos EUA e um na África do Sul) a OMS recomendou, recentemente, a adoção de títulos de anticorpos anticapsulares polissacarídicos da classe IgG, medidos pelo método de ELISA, ³ 0,35 µg/mL, avaliados um mês após o término da imunização primária como sendo a concentração mínima de anticorpos associados à eficácia clínica protetora contra doença pneumocócica invasiva.
Descritores: Vacinas Pneumocócicas
-Otite/terapia
Pneumonia/imunologia
Pneumonia/terapia
Streptococcus
Vacinas/efeitos adversos
Limites: Humanos
Criança
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  8 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-311087
Autor: Giacomini, Alexandre; Kliemann, Dimas Alexandre; Tavares, Fábio Figueiró; Rodrigues, Gustavo Uggeri; Coser, Pedro Luiz.
Título: Aquisição de medicamentos em farmácias sem prescrição médica: uma prática comum. Otite média aguda / Acquisition of drugs without medical prescription in drugstores: a common practice: Acute otitis media
Fonte: Pediatr. mod;36(4):177:180:182-178-180-181, abr. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: O presente estudo objetivou analisar a conduta dos balconistas de 25 farmácias da zona urbana de Santa Maria (RS), escolhidas aleatoriamente, em relaçäo ao tratamento da otite média aguda em crianças, patologia frequente na prática diária do otorrinolaringologista e do pediatra. Os resultados mostraram que em apenas oito farmácias foi dada orientaçäo para procurar um médico (32 por cento). No entanto, em sete desses casos o balconista se propôs a vender alguma medicaçäo. Das 24 farmácias onde houve indicaçäo de medicamentos, apenas três balconistas "prescreveram" antibióticos (12,5 por cento). Desses, nenhum o fez de forma totalmente correta. Os autores concluem ser fundamental que haja uma maior conscientizaçäo da populaçäo e dos próprios balconistas em relaçäo aos riscos que podem advir do tratamento inadequado da otite média aguda.
Descritores: Otite
Farmácias
Medicamentos sem Prescrição/efeitos adversos
-Entrevistas como Assunto
Limites: Humanos
Criança
Responsável: BR11.1 - Biblioteca


  9 / 106 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1022836
Autor: Matas, Carla G; Sansone, Ana P; Iorio, Maria C. M; Succi, Regina C. M.
Título: Avaliação audiológica em crianças nascidas de mães soropositivas para o vírus da imunodeficiência humana / Audiological Evaluation in Children Born to HIV Positive Mothers
Fonte: Rev. bras. otorrinolaringol;66(4):317-324, Ago. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: Presente trabalho teve como objetivo avaliar audiologicamente crianças nascidas de mães soropositivas para o HIV, verificando a ocorrência de alterações auditivas. Material e método: A população estudada constou de 143 crianças, 82 do sexo masculino e 61 do sexo feminino, na faixa etária entre um mês a dois anos e seis meses de idade. As crianças foram divididas em três grupos, de acordo com o Sistema de Classificação Revisado 16 para a infecção pelo HIV em crianças menores de 13 anos de idade, sendo estes denominados: infectado (I), sororrevertido (SR) e exposto (E). Os procedimentos empregados na avaliação audiológica foram a audiometria de observação comportamental, audiometria com reforço visual e medidas de imitância acústica. Analisando a amostra avaliada segundo as variáveis duração da gestação e peso ao nascimento, pôde ser observado um número maior de crianças nascidas a termo e com peso adequado para a idade gestacional. No estudo da ocorrência de alterações auditivas, foram utilizados os resultados da última avaliação audiológica obtidos nas 143 crianças da amostra. Resultados: A análise estatística revelou presença de alterações auditivas significantemente maior nas crianças infectadas. Nos grupos sororrevertido e exposto ocorreu exatamente o oposto, ou seja, houve predominância de ausência de alterações auditivas. Conclusão: O tipo de alteração auditiva mais freqüentemente encontrado no grupo infectado foi a sugestiva de alteração auditiva central, e nos demais grupos ocorreu similaridade entre as alterações de orelha média e as sugestivas de alterações auditivas centrais.

The aim of the present study was the audiological evaluation of children born to mothers serologically positive for HIV, in order to verify the occurrence of auditory disorders. Material and method: The population studied included 143 children - 82 males and 61 females - ranging in age from one month to two years and six months. The children were divided into three groups, following the revised classification systemt1 for human immunodeficiency virus infection in children less than 13 years of age, as infected (1), seroreverter (SR) or exposed (E). The audiological evaluation procedures employed were behavioral observation audiometry, visual reinforcement audiometry and acoustic immittance measurements. Analysis of the sample population for duration of gestation and birth weight showed that the majority of the children were born at term with a suitable weight for gestational age. For studying the incidence of auditory disorders, the results of the latest audiological examinations on the 143 children were used. Results: Statistical analysis showed a significantly higher incidence of auditory disorder in the infected children. Among the seroreverter and exposed children the inverse was the case, with the majority of the children showing no auditory disorder. Conclusion: Results suggesting central auditory disorders were predominant in the infected group, whereas the incidences of central and middle ear disorders were similar in the other two groups.
Descritores: Otite/fisiopatologia
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/imunologia
Perda Auditiva Central/prevenção & controle
-Criança
Audição/fisiologia
Testes Auditivos/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 106 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-976469
Autor: Neves, Rita C. S. M; Makino, Hérica; Cruz, Thalita P. P. S; Silveira, Marcelo M; Sousa, Valéria R. F; Dutra, Valéria; Lima, Marcia E. K. M; Belli, Carla B.
Título: In vitro and in vivo efficacy of tea tree essential oil for bacterial and yeast ear infections in dogs / Uso in vitro e in vivo do óleo essencial de Melaleuca (Melaleuca alternifolia) em otites bacterianas e por leveduras
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;38(8):1597-1607, Aug. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Otitis externa is a common complaint in dogs. Bacteria and yeasts are commonly involved and may perpetuate inflammatory reactions inside the ear canal. Otoscopy, cytological examination of secretion and microbiological culture embody forms of diagnosis. Cytology also has great use in accessing treatment evolution. Therapy usually consists of cleaning ear canals and subsequent use of antibiotics or antifungal products. As some of them may cause hypersensitivity and even ototoxicity, searching for new pharmacological bases is currently necessary and justifies this study, which aimed to evaluate in vitro and in vivo efficacy of tea tree essential oil for bacterial and yeast ear infections in dogs. Twenty-eight dogs from a particular shelter in Cuiabá (Mato Grosso, Brazil), presenting clinical signs of otitis externa, were enrolled in this clinical trial. In all of them, clinical and cytological evaluations, as well as culture and susceptibility testing of the affected ears were carried out. From each dog, one ear was treated with 5% tea tree essential oil lotion and the other with standard otic formulation, according to the type of infection (bacterial, yeast or both). In vitro susceptibility testings of all ear cultures, to the same drugs used in treatment, were also carried out. Culture results showed 62.5% bacterial and fungal infection, 33.9% bacterial infection and 3.6% fungal infection, from the 56 ear samples collected. The most common microorganisms isolated were Staphylococcus intermedius, Staphylococcus aureus, Proteus mirabilis and Malassezia pachydermatis. Gram-positive bacteria were susceptible to gentamycin in 60.5% and resistant in 16.3% of the samples. Five percent tea tree essential oil formulation produced a 5mm clear zone of inhibition around the disks in one of the 63 samples evaluated. Pure (100%) tea tree essential oil formulation produced a 10mm clear zone of inhibition around the disks in four of the 63 samples evaluated, a 9mm zone in three samples, an 8mm zone in 16 samples, a 7mm zone in seven samples, a 6mm zone in two samples and there was no clear zone in 31 samples. Inhibition zones were produced by strains of Staphylococcus intermedius, Staphylococcus hyicus, Corynebacterium sp., Proteus mirabilis and Enterobacter sp. tea tree essential oil ear solution significantly induced remission of clinical signs both in bacterial and yeast ear infections. It also reduced as much Malassezia pachydermatis ear infection as the nystatin solution used in this study, while gentamycin solution showed better antibacterial effect. More studies should be conducted to evaluate in vitro diffusion properties of tea tree essential oil. Good antimicrobial spectrum and the absence of adverse reactions confirm the importance of developing a tea tree formulation as an alternative therapy for ear infections in dogs.(AU)

Otite externa é queixa frequente em cães. Bactérias e leveduras estão comumente envolvidas e podem perpetuar as reações inflamatórias dentro do canal auditivo. Dentre as formas de diagnóstico, encontram-se a otoscopia, o exame citológico da secreção e a cultura microbiológica. Citologia também tem grande utilidade no acesso à evolução do tratamento. A terapia consiste de limpeza dos canais auditivos e posterior utilização de antibióticos ou produtos antifúngicos. Como alguns antimicrobianos utilizados no tratamento podem causar hipersensibilidade e até mesmo ototoxicidade, a busca por novas bases farmacológicas justifica a existência deste estudo, que teve como objetivo avaliar in vitro e in vivo a eficiência do óleo de Melaleuca alternifolia em otites bacterianas e fúngicas de cães. Vinte e oito cães, de um abrigo particular, apresentando sinais clínicos de otite externa, foram incluídos neste estudo clínico. Todos passaram por avaliação clínica, citologia e cultura de material das orelhas afetadas. De cada animal, uma orelha foi tratada com óleo de Melaleuca 5% e a outra com formulação ótica padrão, de acordo com a afecção (bacteriana, fúngica ou mista). As culturas também foram submetidas a testes de susceptibilidade in vitro aos mesmos agentes utilizados no tratamento in vivo. Os resultados da cultura mostraram 62,5% de infecção mista (bacteriana e fúngica), 33,9% de infecção bacteriana e 3,6%, de infecção fúngica a partir das 56 orelhas. Os micro-organismos mais isolados foram Staphylococcus intermedius, Staphylococcus aureus, Proteus mirabilis e Malassezia pachydermatis. As bactérias GRAM-positivas foram sensíveis à gentamicina em 60,5% e resistentes em 16,3% das amostras. A formulação com 5% de óleo essencial de Melaleuca produziu uma zona de inibição de 5mm em torno dos discos em uma das 63 amostras avaliadas. A formulação pura (100%) do mesmo produto produziu uma zona de 10mm de inibição em quatro das 63 amostras analisadas, uma zona de 9 mm em três amostras, uma zona de 8mm em 16 amostras, uma zona de 7mm em sete amostras, uma zona de 6mm em duas amostras e não havia nenhuma zona clara em 31 amostras. Zonas de inibição foram produzidas por estirpes de Staphylococcus intermedius, Staphylococcus hyicus, Corynebacterium sp., Proteus mirabilis e Enterobacter sp. Clinicamente, a formulação com o óleo essencial de melaleuca induziu significativamente uma melhora nas manifestações, tanto nas otites bacterianas quanto nas causadas por leveduras, sendo estatisticamente semelhante ao tratamento com nistatina (nas otites por levedura), mas menos eficaz que a solução de gentamicina nas otites bacterianas. Mais estudos devem ser realizados para avaliar as propriedades de difusão in vitro do óleo essencial de melaleuca. O bom espectro antimicrobiano, a boa resposta clínica e a ausência de reações adversas confirmam a possibilidade de desenvolvimento de formulação ótica com o óleo essencial de melaleuca, como uma alternativa para a terapia de infecções do ouvido em cães.(AU)
Descritores: Otite/microbiologia
Óleos Voláteis/síntese química
Melaleuca/química
Fitoterapia/estatística & dados numéricos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 11 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde