Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.228.140.546 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 70 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 70 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-683424
Autor: Santos, Carlos Michell Tôrres; Pereira, Carlos Umberto; Tôrres, Pábula Thais Rodrigues de Lima; Matos, Thalita Helena Alves; Silva, Myrna Firmo de Oliveira; Oliveira, Diego Puig de.
Título: Cefaleia e disfunção têmporo-mandibular / Headache and temporo-mandibular dysfunction
Fonte: RBM rev. bras. med;70(7), jun. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: A disfunção têmporo-mandibular é uma desordem neuromuscular que se caracteriza pela presença de cefaleia crônica, ruídos na articulação têmporo-mandibular, limitações dos movimentos mandibulares, hiperestesia e dor nos músculos mastigatórios, da cabeça e do pescoço. A cefaleia consiste em qualquer dor localizada no segmento cefálico, sendo a queixa mais comum nos pacientes com disfunção têmporo-mandibular. O presente estudo de revisão da literatura tem por objetivo estabelecer uma correlação entre a presença de disfunção têmporo-mandibular e o tipo de cefaleia predominantemente apresentado por tais pacientes. Dos pacientes que apresentam disfunção têmporo-mandibular, cerca de 70% relatam ter cefaleia e de 21,5% a 51,8% dos pacientes com cefaleia têm sinais e sintomas de disfunção têmporo-mandibular. Aparentemente, a enxaqueca é mais presente em pacientes com disfunção têmporo-mandibular miofascial, enquanto a cefaleia tensional em pacientes com disfunção têmporo-mandibular articular e a cefaleia crônica diária em pacientes com disfunção têmporo-mandibular mista...
Descritores: Cefaleia do Tipo Tensional
Enxaqueca com Aura
Transtornos da Cefaleia
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  2 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-704866
Autor: Coimbra, Maria Pia; Cotrik, Ervin; Jevoux, Carla; Krymchantowski, Abouch.
Título: Terapia cognitivo-comportamental em cefaleia crônica / Cognitive behavioral treatment in chronic headache
Fonte: RBM rev. bras. med;70(11), nov. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: A terapia cognitivo-comportamental (TCC) é a abordagem psicoterápica mais pesquisada atualmente. Seus fundamentos procuram identificar pensamentos e comportamentos inadequados ou disfuncionais automáticos. Ajuda o paciente a desenvolver habilidades e empregar as técnicas cognitivas para rebater as crenças que destroem sua aceitação da responsabilidade no emprego de técnicas de enfrentamento e autogerenciamento da dor. Também são administradas técnicas de relaxamento para alívio de alguns sintomas da dor crônica.
Descritores: Dor Crônica
Terapêutica
Transtornos da Cefaleia
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  3 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Butugan, Ossamu
Texto completo
Id: biblio-1023243
Autor: Wiikmann, Christian; Lessa, Marcus M; Santoro, Patrícia P; Imamura, Rui; Voegels, Richard L; Butugan, Ossamu.
Título: Cefaléia por contato entre mucosas nasais: resultados cirúrgicos em 21 pacientes / Headache by Nasal Mucosal Contact: Surgical Results in 21 Patients
Fonte: Rev. bras. otorrinolaringol;66(6):614-618, Dez. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: Cefaléia e dor facial são sintomas com os quais o otorrinolaringologista tem que lidar freqüentemente. Diversas variações anatômicas nasossinusais podem ser origem de cefaléia crônica, mesmo na ausência de afecções inflamatórias ou tumorais. Tais variações podem originar pontos de contato entre mucosas nasais opostas, o que pode causar dor. Objetivo: O objetivo deste estudo é analisar casos de cefaléia rinogênica correlacionando alterações anatômicas com quadro clínico e evolução pós-operatória. Material e método: Entre janeiro de 1996 e junho de 1999, dados de prontuário médico de 21 pacientes com cefaléia por contato, entre mucosas refratária a tratamento clínico, foram estudados retrospectivamente. Pacientes com sinusite aguda ou crônica, polipose nasal ou tumores nasais foram excluídos. Resultados: Desvio e/ou crista septal foram encontrados em 80,95% dos pacientes; concha bullosa, em 14,28%; e hipertrofia de concha inferior, em 4,76%. Todos os pacientes foram tratados cirurgicamente, de acordo com a alteração apresentada, sendo que 80,95% apresentaram melhora da cefaléia. Tal melhora correlacionou-se à melhora concomitante da obstrução nasal. Conclusão: Os autores concluíram que a cirurgia deve ser considerada no tratamento de cefaléia por contato, quando refratária a tratamento clínico.

Headache and facial pain are symptoms with which otolaryngologists must deal frequently. Several anatomic variations of the nose and sinuses can originate chronic headache, even in the absence of inflamatory or tumoral affections. These variations may cause contact points between opposite nasal mucosas which, in turn, may cause pain. Aim: The aim of this study is to analise patients with contact point headaches, corelating anatomic variations and outcomes after surgical treatment. Material and methods: From january of 1996 to june of 1999, medical data of twenty one patients with contact point headache resistant to medical therapy were retrospectively studied. Results: A septal deviation and/or spur was found in 80,95% of the patients, concha bullosa in 14,28% and hipertrophic inferior % turbinate in 4,76%. All patients were surgically treated and 80,95% showed improvement of pain. This improvement was related to concomitant improvement of nasal obstruction. Conclusion: The authors concluded that surgery must be considered in the management of contact point headaches resistant to clinical treatment.
Descritores: Conchas Nasais/fisiopatologia
Transtornos da Cefaleia/diagnóstico
Septo Nasal/fisiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1022774
Autor: Pereira, Fabiana C; Sanchez, Andréa; Anselmo-Lima, Wilma T.
Título: A turbinectomia média parcial e seus efeitos tardios em pacientes com síndrome da cefaléia do corneto médio / Partial Middle Turbinectomy and its Late Effects in Patients with Middle Turbinate Headache Syndrome
Fonte: Rev. bras. otorrinolaringol;66(4):349-352, Ago. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: A síndrome da cefaléia do corneto médio é atribuída à compressão do cometo médio com a parede lateral do nariz ou o septo, devido a congestão da mucosa nasal ou por pneumatização do corneto médio. É caracterizada pela dor periorbitária, sendo geralmente unilateral, intermitente e associada à congestão nasal. Objetivos: Avaliar a melhora dos sintomas de cefaléia em pacientes submetidos à turbinectomia média parcial, associada ou não à septoplastia. Material e método: Foram avaliados onze pacientes, seis do sexo feminino e cinco do sexo masculino, com idade média de 30 anos (variando de 15 a 62 anos). A queixa principal era de cefaléia, em geral periorbitária (82% dos casos); associados à cefaléia, 90% dos pacientes apresentavam ainda: obstrução nasal; e 63%, rinorréia posterior. Todos os pacientes foram submetidos à turbinectomia média parcial, sendo que sete deles também foram submetidos à septoplastia. Resultados: Após um período médio de 30 meses (variando entre 10 e 52 meses) de pós-operatório, 54% dos pacientes apresentaram uma boa melhora da cefaléia (acima de 80%), 27% melhoraram moderadamente (50%), 9% melhoraram pouco (abaixo de 50%) e 9% não melhoraram. Em relação às queixas nasais, apenas 28% dos casos mantiveram rinorréia posterior e 50% melhoraram parcialmente à obstrução nasal, enquanto que 50% melhoraram totalmente da obstrução nasal. Conclusão: Pode se concluir que a turbinectomia média parcial é um método eficaz e seguro para a melhora da cefaléia e dos sintomas nasais dos pacientes, quando bem indicada.

Middle turbinate headache syndrome is mentioned as the compression of middle turbinate to the septum or to the lateral wall of nose doe to nasal oedema or middle turbinate pneumatization. It is characterised by periorbital pain, generally unilateral and intermittent, associated to nasal obstruction. Purpose: Evaluate the symptoms of headache before and after partial middle turbinectomy, associated or not to septoplasty. Material and Method: Eleven patients were analysed, five men and six women, with mean age of 30 years (varying from 15 to 62 years). The main symptom was headache, generally periorbital (82% of cases); 90% had also nasal obstruction and 63% had also posterior rhinorrea. All the patients were submitted to partial middle turbinectomy, from which seven were also submitted to septoplasty. Results: After 30 months in media (varying from 10 to 52 months) after surgery, 54% of patients had a great diminution of headache (above 80%), 27% had moderate diminution (50%), 9% had little diminution (less than 50%) and 9% had no diminution at all. Twenty eight percent of patients still had posterior rhinorrea and 50% of patients had great amelioration of nasal obstrution, whereas 50% of them had partial amelioration of it. Conclusion: It can be concluded that partial middle turbinectomy is a safe and efficient surgery to diminish headache, when well indicated.
Descritores: Conchas Nasais/fisiologia
Transtornos da Cefaleia/diagnóstico
Cefaleia/terapia
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-737220
Autor: Almeida, Renato Santos; Gomes, Vanessa; Gaullier, Carolina de Magalhães; Dames, Karla Kristine; Nogueira, Leandro Alberto Calazans.
Título: Efeitos da terapia manual na cefaleia do tipo cervicogênica: uma proposta terapêutica / Effects of manual therapy on cervicogenic headaches: a therapeutic approach
Fonte: Acta fisiátrica;21(2), jun. 2014.
Idioma: pt.
Resumo: A coluna cervical é considerada como possível fonte de dor de cabeça, entretanto ainda existem algumascontrovérsias a respeito da fisiopatogênese, quadro clínico e tratamento. Objetivo: Proporum protocolo com abordagem multimodal para tratamento fisioterápico de pacientes com cefaleiacervicogênica e avaliar os efeitos deste protocolo em tais pacientes. Método: Trata-se deum estudo experimental não controlado, no qual 9 pacientes da Clínica Escola de Fisioterapia doUNIFESO (Teresópolis, RJ) com diagnóstico de cefaleia cervicogênica foram submetidos a 10 intervençõesfisioterapêuticas com técnicas de terapia manual. O protocolo experimental incluiu técnicasarticulares, miofasciais e de recrutamento muscular. Como ferramentas de mensuração foramutilizadas a escala funcional Neck Disabilty Index (NDI), a escala visual analógica de dor (EVA) e oregistro do padrão do quadro álgico. Resultados: Dos 9 pacientes selecionados, todos eram dogênero feminino, e possuíam média de idade de 43,3 anos (± 15,5). Observou-se diferença entreas médias da intensidade do quadro álgico (EVA) antes do tratamento (8,0 ± 1,3) e após (2,2 ± 0,9;p < 0,01). O índice de incapacidade cervical também mostrou melhora após intervenção de 63,9%(p < 0,01). Em relação à frequência das crises semanais observa-se uma diminuição de 70% apósa intervenção (p < 0,01). De maneira similar, houve redução do tempo de permanência das crisesantes (4 horas ± 1,5) e após (1 hora ± 0,5) (p < 0,01). Conclusão: A abordagem multimodal pormeio de técnicas de terapia manual foi benéfica na redução do quadro sintomático dos pacientese ainda proporcionou diminuição do grau de incapacidade da região cervical.

The cervical spine is considered a possible source of headaches, however there are still some controversiesregarding the pathophysiology, clinical presentation, and treatment. Objective: To proposea physical therapy treatment protocol with multimodal approach for cervicogenic headacheand evaluate the effects of manual therapy on such patients. Method: This was an uncontrolledexperimental study in which 9 patients from the UNIFESO Physical Therapy Clinic (Teresópolis, RJ)diagnosed with cervicogenic headache underwent 10 physiotherapy interventions with manualtherapy techniques. The experimental protocol included joint techniques, fascial release, andmuscle recruitment. The Neck Disability Index (NDI) and a visual analogic scale (VAS) were used asmeasurement tools and the pain pattern was recorded. Results: Of the nine selected patients, allwere female and had an average age of 43.3 years (± 15.5). Significant differences were observedbetween the average intensity of pain (VAS) before treatment (8.0 ± 1.3) and after (2.2 ± 0.9,p < 0.01). The NDI also showed improvement after intervention 63.9% (p < 0.01). Regarding crisesfrequency, a decrease of 70% was observed after the intervention (p < 0.01) and a reduction wasalso shown in the duration of such crises before (4 hours ± 1.5) and after treatment (1 hour ± 0.5;p < 0.01). Conclusion: A multimodal approach by manual therapy techniques was beneficial in thereduction of the patients? symptoms and it provided a decrease in cervical disability.
Descritores: Modalidades de Fisioterapia/instrumentação
Transtornos da Cefaleia/terapia
Manipulações Musculoesqueléticas
-Epidemiologia Experimental
Terapia Combinada
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-549245
Autor: Breitman, F; Figueroa, C; Maza, I. R; Albizuri, N; Elmeaudy, P; Gaioli, M; Elkik, S; Rodriguez, S; Massaro, M.
Título: Aspectos clínicos de migrana en pediatría. Evaluación prospectiva sobre 100 casos de cefaleas crónicas y recurrentes / Clinical features of pediatric migraine. A prospective evaluation of 100 cases of chronic and recurrent headaches
Fonte: Med. infant;2(3):167-176, sept. 1995. tab.
Idioma: es.
Resumo: La migraña es la causa más frecuente de cefaleas recurrentes, pero es poco diagnosticada como tal. Se evaluaron prospectivamente 100 pacientes con cefalea crónica o recurrente de 6 meses de evolución mínima., para determinar la incidencia y características clínicas de migraña. El diagnóstico de migraña se efectuó siguiendo los criterios de Prensky y se compararon con los de la international Headache Society (IHS). Se elaboró una historia clínica tipo. Se efectuaron estudios neurorradilógicos según criterios de riesgo de enfermedad estructural intracraneana. Se diagnostícó migraña en 73 casos (común 78 por ciento, clásica 8 por ciento combinada con tensional 8 por ciento, complicada 6 por ciento). La edad media de comienzo fue 7.8 años (rango 2 a 14 horas). En el 62 por ciento de los pacientes existían antecedentes familiares de migraña. Las crisis fueron predominantemente de intensidad severa, frecuentes, de localización frontal y temporal y de 2 a 4 horas de duración (29 por ciento duraban menos de 2 horas); fueron unilaterales (56 por ciento) y pulsátiles (52 por ciento). Estaban acompañadas frecuentemente de vómitos, náuseas, palidez y fotofobia y desencadenadas por tensión emocional, cansancio físico e intelectual. Fueron raros el dolor al despertar o nocturno reiterado y lalocalización occipital exclusiva. Se presentaron con más frecuencia que en niños normales: mal rendimiento escolar, dolor abdominal, dolor recurrente de miembros, cinetosis y trastornos del sueño. El tipo de personalidad fue inespecífico. Las migrañas complicadas fueron de tipo basilar hemipléjicas y oftalmoplégicas. Cumplieron los criterios de la IHS 44 por ciento de los pacientes. Apesar de discrepancias en los criterios diagnóstico de migraña, sus características clínicas permiten la evaluación y segumiento por pediatras con la colaboración de neuropediatras en casos dudosos o migrañas complicadas.
Descritores: Transtornos de Enxaqueca
Transtornos da Cefaleia
-Estudos Prospectivos
Estudo de Avaliação
Limites: Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  7 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964829
Autor: Moraes, Aline dos Passos; Salomão, Carlos Eduardo M; Soares, Felipe Henriques C; Sousa, Kellen Silva; Moraes, Tatiana Cunha de; Silva, Márcio Heitor S. da; Pimentel, André Luiz; Jurno, Mauro Eduardo.
Título: Prevalência de cefaleia em uma unidade de diálise / Prevalence of headache in a dialysis clinic
Fonte: Rev. interdisciplin. estud. exp. anim. hum. (impr.);8(único):23-30, dezembro 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: De acordo com a Sociedade Internacional de Cefaleia, a cefaleia é uma dor localizada acima da linha orbitomeatal, classificada como primária e secundária. A cefaleia da diálise consiste em uma dor de cabeça inespecífica que ocorre no período da diálise, podendo persistir após o término da sessão. Apesar de ser um sintoma comum em pacientes submetidos à hemodiálise, a cefaleia decorrente da terapia dialítica é pobremente estudada. Não se tem a sua etiologia precisa, porém infere-se que a gênese da cefaleia seja multifatorial. Objetivo: Avaliar a prevalência da cefaleia em pacientes submetidos à hemodiálise. Além disso, classificar as cefaleias apresentadas pelos pacientes estudados, inclusive as que não são decorrentes da diálise. Métodos: Trata-se de um estudo constituído por pacientes submetidos à terapia dialítica em uma clínica, de uma cidade brasileira, no período de maio a agosto de 2014. Este foi composto por 152 pacientes. Resultados: Foram analisados 77 (50,7%) pacientes do sexo masculino e 75 (49,3%) do sexo feminino. Dos 61 pacientes (40,1%) que afirmaram apresentar episódios de cefaleia, os tipos mais prevalentes foram cefaleia do tipo tensional ­ CTT (41%) e cefaleia da diálise (37,7%), sendo outros tipos menos frequentes. Ou seja, 23 (15,1%) dos 152 pacientes foram diagnosticados com cefaleia da diálise, isolada ou associada a outros tipos de cefaleia. Conclusão: Diante da elevada prevalência de tal condição, elaborar planos de ação para melhoria da qualidade de vida desses pacientes é uma medida relevante.

Introduction: According to the International Society of Headache, headache is a pain located above the orbitomeatal line, classified as primary and secondary. The dialysis headache isclassified as secondary and consists of a nonspecific headache that occurs during the period of dialysis and may persist after the end of the session. Despite being a common symptom in patients undergoing hemodialysis, headache resulting from dialysis is poorly studied. It does not have a precise etiology, however it appears that the genesis of the headache is multifactorial. Background. Evaluate the prevalence of headache in patients submitted to hemodialysis. Besides classify headaches evidenced by patient studied, including those which are not decurrent from dialysis. Methods. It´s a study consists of patients who had dialysis performed at a clinic, in a brazilian city, from May to August, 2014. This was composed of 152 patients. Results. 77 (50,7%) patients were males and 75 (49,3%) were females. Of the 61 (40,1%) affirmed evince headache episodes, the most prevalence types were tension type headache ­ CTT (41%) and headache from dialysis (37,7%), and other less common types. So, 23 (15,1%) of 152 patients were diagnosed with headache from dialysis, irrespective of being or not being associated with other types of headache. Conclusion. Such high prevalence of this condition, draw up action plans to improve the quality of life of these patients is a relevant measure.
Descritores: Diálise Renal
Transtornos da Cefaleia/epidemiologia
Insuficiência Renal Crônica
-Prevalência
Cefaleia do Tipo Tensional
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-797182
Autor: Barros-Gutiérrez, Camilo Ernesto; Silva-Monsalve, Edwin; Gualtero-Trujillo, Sandra.
Título: Síndrome HaNDL / Síndrome HaNDL / HaNDL Syndrome
Fonte: MedUNAB;17(3):190-192, dic. 2014-mar. 2015. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: El Síndrome HaNDL (Headache and neurologic deficits with cerebroespinal fluid lymphocytosis) por sus siglas en inglés, es una patología que cursa con cefalea, focalización neurológica y linfocitosis en el líquido cefalorraquídeo. Objetivo: este artículo busca presentar un caso de Síndrome de HaNDL, puesto que esta condición nosológica implica un reto diagnóstico. Resultados y conclusiones: Se presenta el caso de un paciente con diagnóstico de síndrome de HaNDL los hallazgos al examen físico y del líquido cefalorraquídeo.

Introduction: The syndrome of transient Headache and Neurological Deficits with cerebrospinal fluid Lymphocytosis, is a pathology that presents cephalalgia, neurological focalization and lymphocytes in the cerebrospinal fluid. Objective: This article presents a HaNDL Syndrome case, since this nosological condition implies a diagnostic challenge. Results and conclusions: A case of a patient with HaNDL syndrome diagnosis, physical examination findings and cerebrospinal fluid are presented.

Introdução: A síndrome de HaNDL (Headache and neurologic déficits with cerebrospinal fluid lymphocytosis) por sua sigla em inglês é uma doença que causa dor de cabeça, foco neurológico e linfocitose no líquido cefalorraquidiano. Objetivo: Este artigo tem como objetivo apresentar um caso de Síndrome de HaNDL, uma vez que esta condição nosológica envolve um desafio diagnóstico. Resultados e conclusões: Apresenta-se o caso de um paciente diagnosticado com a síndrome de HaNDL, o encontrado no exame físico e o líquido cefalorraquidiano.
Descritores: Cefaleia/patologia
Doenças do Sistema Nervoso/diagnóstico
Linfocitose
Líquido Cefalorraquidiano
Transtornos da Cefaleia/diagnóstico
-Cefaleia/diagnóstico
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CO179.1 - Biblioteca


  9 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Chaves, Márcia Lorena Fagundes
Id: biblio-872515
Autor: Hüning, Sandra Vargas; Chaves, Marcia Lorena Fagundes.
Título: Cefaléias e desordem crânio-mandibular / Headaches and cranio mandibular disorder
Fonte: Rev. Fac. Odontol. Porto Alegre;42(2):35-40, dez. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho aborda estudos dentro da problemática cefaléia e desordem crânio-mandibular (DCM) enfocando o aspecto dos mesmos carecerem de delineamentos apropriados para que se possa estabelecer relações mais precisas entre as variáveis oclusais, musculares e/ou articulares e as cefaléias, ao mesmo tempo que apresenta estudos relacionando a oclusão com problemas de DCM. Os possíveis mecanismos fisiopatológicos da cefaléia crônica do tipo migrânea (enxaqueca) são citados, valorizando o fato de que sua sintomatologia ocorre em região do sistema trigêmino-vascular. Apresentamos a classificação das cefaléias e apontamos a importância do estabelecimento de um diagnóstico odontológico adequado pelo cirurgião-dentista através de exames oclusais, musculares e articulares para que a sua área de competência seja plenamente exercida
Descritores: Transtornos Craniomandibulares
Oclusão Dentária
Transtornos da Cefaleia
Cefaleia/classificação
Cefaleia/diagnóstico
Cefaleia/fisiopatologia
-Diagnóstico Diferencial
Responsável: BR541.1 - Biblioteca


  10 / 70 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-866655
Autor: Sydney, Priscila Brenner Hilgenberg.
Título: Avaliação somatossensorial do sistema trigeminal em condições dolorosas crônicas: testes quantitativos sensoriais e limiar de percepção atual / Trigeminal system somatosensory evaluation in chronic pain patients: quantitative sensory tests and current perception threshold.
Fonte: Bauru; s.n; 2013. 167 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A dor crônica envolve complexos processos de gênese e condução neural e é decorrente da ativação de mecanismos periféricos e centrais de manutenção. Muitos pacientes crônicos são refratários aos diferentes tipos de tratamento propostos, o que gera a suspeita de que de alguma maneira estes não estão sendo totalmente eficazes. O objetivo deste trabalho é avaliar os mecanismos de condução, manutenção e modulação da dor em diferentes condições dolorosas crônicas. Foram avaliadas 92 mulheres, divididas em 5 grupos: Grupo I, 20 pacientes com Dor Miofascial da musculatura mastigatória; Grupo II, 20 pacientes com Fibromialgia; Grupo III, 20 pacientes com Cefaleia Crônica Diária; Grupo IV, 12 pacientes com Neuralgia Trigeminal e Grupo V, 20 pacientes saudáveis assintomáticas. Foram aplicados dois questionários, o IDATE e o OHIP-30, para mensuração do estado ansioso e da qualidade de vida relacionada a condição dolorosa diagnosticada, respectivamente. Todas as pacientes foram submetidas a Testes Quantitativos Sensoriais, como: Limiar de Dor à Pressão, Limiar de Detecção Mecânico, Limiar Doloroso Mecânico, Tolerância à Dor Isquêmica, Sensibilidade Dolorosa ao Frio, Sensação Pós-Estímulo e Controle da Modulação da Dor. Além disso, um Teste Eletrodiagnóstico, que determinou o Limiar de Percepção Atual, através do uso do aparelho Neurometer CPT/C (Neurotron®) foi realizado. Foram avaliadas 3 regiões em cada paciente: trigeminal, cervical e extratrigeminal. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística (ANOVA, Tukey, t-Student) adotando-se um nível de significância de 5% para todos os testes. Todos os grupos experimentais apresentaram altos níveis de ansiedade e grande comprometimento da sua qualidade de vida, quando comparados ao controle. Os Grupos I, II e III apresentaram valores de Limiar de Dor à Pressão significativamente menores do que o Grupo V. As mulheres do Grupo III apresentaram Limiar de Detecção Mecânico significativamente maior do que...

Chronic pain involves complex processes of genesis and neural conduction due to activation of peripheral and central mechanisms of pain maintenance. Many chronic patients are refractory to different types of treatment, which leads to the suspicion that somehow they are not fully effective and probably some mechanism of pain generation and/or maintenance is still unknown. Based on that, the aim of the present study is to evaluate the mechanisms of conduction, maintenance and pain modulation in patients with different types of chronic pain conditions. Ninety two women were evaluated, divided into 5 groups: Group I, 20 patients with Myofascial Pain of the masticatory muscles; Group II, 20 patients with Fibromyalgia; Group III, 20 patients with Chronic Daily Headache; Group IV, 12 patients with Trigeminal Neuralgia and Group V, 20 healthy asymptomatic patients. Two questionnaires were used, the STAI and the OHIP-30, to measure state anxiety and quality of life related to painful condition diagnosed, respectively. All patients underwent Quantitative Sensory Tests such as: Pressure Pain Threshold, Mechanical Detection Threshold, Mechanical Pain Threshold, Ischemic Pain Tolerance, Cold Pain Sensitivity, After- Sensation and Control Pain Modulation. An Electrodiagnostic Test, the Current Perception Threshold, using the apparatus Neurometer CPT/C (Neurotron®) was also performed. Three different regions were evaluated for each patient, for each test: trigeminal, cervical and extratrigeminal. Data were gathered and subjected to statistical analysis (ANOVA, Tukey, t-Student), adopting a significance level of 5% for all tests. All patients had high levels of anxiety and greater impairment of their quality of life, when compared to controls. Groups I, II and III showed significantly lower values of Pressure Pain Threshold than Group V. Group III had a significantly higher Mechanical Detection Threshold than Group V. Groups I, II, III and IV showed...
Descritores: Dor Facial/fisiopatologia
Fibromialgia/fisiopatologia
Medição da Dor/métodos
Neuralgia do Trigêmeo/fisiopatologia
Limiar da Dor
Transtornos da Cefaleia/fisiopatologia
-Músculos da Mastigação/fisiopatologia
Inquéritos e Questionários
Valores de Referência
Limites: Humanos
Feminino
Adolescente
Adulto Jovem
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde