Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.228.854.785 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 4 [refinar]
Mostrando: 1 .. 4   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 4 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870815
Autor: Amato, Alexandre Campos Moraes.
Título: Características da artéria de Adamkiewicz: comparação entre indivíduos com e sem aortopatia / Adamkiewicz artery characteristics: comparison between patients with and without aortopathy.
Fonte: São Paulo; s.n; 2014. [118] p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução: O presente estudo visa elucidar a apresentação anatômica da vasculatura medular em exame angiotomográfico e suas diferenças entre pacientes aortopatas e não aortopatas na população brasileira. Objetivos: Determinar as características da artéria de Adamkiewicz (AKA) e artéria espinhal anterior (ASA) por método não invasivo. Secundariamente, determinaremos a distribuição anatômica da AKA na população brasileira e a influência de determinadas aortopatias e comorbidades na identificação da AKA. Casuística: Cento e quinze angiotomografias elegíveis realizadas no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo foram avaliadas e separadas entre pacientes aortopatas e não aortopatas. Trinta e dois (52,5%) homens e 29 mulheres constituíram o grupo não aortopata e 30 (56,6%) homens e 23 mulheres constituíram o grupo de aortopatas. Método: Análise prospectiva de angiotomografias realizadas em aparelho de 320 detectores através de software open-source OsiriX e identificação da AKA e ASA por reconstrução multiplanar tridimensional. Dados clínicos e sociodemográficos foram estratificados. Resultados: A AKA foi identificada em 78,7% dos integrantes do grupo não aortopata e em 40,7% dos pacientes aortopatas (p =< 0,0001). A ASA foi identificada em 80,3% dos integrantes do grupo não aortopata e em 46,3% dos pacientes aortopatas (p=0,0001). Em 53 (73,6%) casos a AKA originou-se do lado esquerdo. Discussão: A angiotomografia é exame de rotina no pré-operatório de doenças aórticas. O presente trabalho apresentou detecção da AKA em grupo não aortopata equiparável com a literatura, apesar do aumento de detectores no aparelho de tomografia e a identificação da AKA em grupo aortopata pouco abaixo da literatura, mas significativamente diferente do grupo não aortopata: maior proporção de identificação da AKA e ASA em pacientes não aortopatas. Houve diferença na distribuição da AKA em comparação com a literatura...

Introduction: This study investigated differences in spinal vasculature between healthy and diseased aortas among Brazilian population. Objective: The study aimed to identify and describe the spinal vascular anatomy, evaluate Anterior Spinal Artery (ASA) and Adamkiewicz artery (AKA) characteristics using non-invasive multidetector computed tomography (CT), as well as examine differences between groups with and without aortic disease. The secondary aim was to evaluate anatomic distribution of AKA level and side and the influence of clinical factors in its detection. Methods: CT scans of 115 patients from Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo were evaluated in terms of detection rate and AKA level and side. The results were also compared with data compiled from a review of the English language literature on this topic. We analysed 320-detector CT scans using OsiriX open source software. Furthermore, we identified the AKA and ASA using tridimensional multiplannar reconstruction. Clinical and demographics data were retrieved. Results: AKA identification showed higher detection rate in patients with healthy aortas (78.7%) compared to diseased aortas (40.7%) p < 0.0001. ASA was identified in 80.3% of the healthy aortas patients and 46.3% of the diseased aortas patients (p=0.0001). In 53 (76.6%) cases, the AKA originated from a left intercostal artery. Discussion: CT scan is a routine preoperative exam for aorta diseases. We observed a detection rate similar to that reported in previous literature on healthy aortas, in spite of the CT having more detectors. Furthermore, AKA identification in aorta diseased group was below literature, but statistically different from the healthy aorta group, higher AKA and ASA identification was found in healthy aorta group. The results indicated significant difference between previous literatures and our study in AKA detection. Conclusions: AKA...
Descritores: Anatomia
Doenças da Aorta
Aterosclerose
Interpretação de Imagem Assistida por Computador
Isquemia do Cordão Espinal
Doenças Vasculares da Medula Espinal
Tomografia Computadorizada por Raios X
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação
BR66.1


  2 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-665172
Autor: Elizondo Barriel, Luis M; González González, Justo L.
Título: Hemorragia intramedular (Hematomielia)no traumática: revisión / Non traumatic intramedullary hemorrhage (hematomyelia): a review
Fonte: Rev. chil. neurocir;36:55-60, jun. 2011. tab.
Idioma: es.
Resumo: La hemorragia intramedular (hematomielia) no traumática es el sangrado producido en el interior del tejido medular en ausencia de trauma, su primera descripción clínica aparece reportada por Tellegen en 1850, se le considera la más infrecuente de las hemorragias intraespinales y rara si la comparamos con la frecuencia en que ocurren las hemorragias intracerebrales. La incidencia es alta en los varones (relación hombre-mujer 1,5:1) y muy relacionada con la entidad patológica condicionante. Esta obedece a múltiples causas: malformaciones arteriovenosas, cavernomas, tumores, cuagulopatias, inflamatoria, etc. La disfunción aguda del cordón espinal junto a las imágenes por resonancia magnética son elementos decisivos para el diagnóstico. El tratamiento aun sujeto de controversias, médico o quirúrgico (precoz o tardío), dependerá de la etiología del sangrado y del estatus neurológico en el momento del diagnóstico, hallándose los resultados más favorables en aquellos pacientes a los cuales se les realizó un pronto diagnóstico seguidos de una cirugía temprana.

Non traumatic intramedular hemorrhage (hematomyelia) is the blood found in the medullar tissues in absence of trauma, its first clinical description was reported by Tellegen in 1850.Is considered to be the most infrequent of intraespinales hemorrhage. The incidence is high in men and is related with conditionate pathological entity. Its do to multiples causes: Arteriovenos malformation, cavernomas, tumors, coagulopathies, inflammations, etc. The acute dysfunction of the spinal cord and magnetic resonance imaging are decisive in the diagnosis. The treatment though subject to controversies, medical or surgery (early or late), will depend on the bleeding etiology and the neurological status in the moment of the diagnosis, finding the most favorable result in those patients that were diagnosed earlier following an early surgery.
Descritores: Doenças Vasculares da Medula Espinal/diagnóstico
Doenças Vasculares da Medula Espinal/etiologia
Doenças Vasculares da Medula Espinal/terapia
-Doenças Vasculares da Medula Espinal/patologia
Hemangioma Cavernoso do Sistema Nervoso Central/complicações
Imagem por Ressonância Magnética
Malformações Arteriovenosas/complicações
Prognóstico
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CL2.1 - Biblioteca de Medicina


  3 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-578797
Autor: Janzen, Jan.
Título: Rupture of vasa vasorum and intramural hematoma of the aorta: a changing paradigm / Ruptura dos vasa vasorum e hematoma intramural da aorta: um paradigma em mudança
Fonte: J. vasc. bras;9(4), dez. 2010. ilus.
Idioma: en.
Descritores: Doenças Vasculares da Medula Espinal/sangue
Trombose Venosa/complicações
Trombose Venosa/diagnóstico
-Fatores de Risco
Limites: Humanos
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  4 / 4 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-415062
Autor: Conti, Mario Luiz Marques.
Título: Tratamento endovascular das malformações arteriovenosas raquimedulares: resultados clínicos e angiográficos / Endovascular treatment for spinal cord arteriovenous malformations: clinical and angiographic results.
Fonte: São Paulo; s.n; 2005. [204] p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina. Departamento de Radiologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Trinta e cinco pacientes com malformações arteriovenosas raquimedulares foram submetidos a tratamento endovascular. Foram tratados 17 pacientes com fístulas arteriovenosas durais (FAD), 10 com malformações arteriovenosas intramedulares (MAI), 7 com fístulas arteriovenosas perimedulares (FAVP) e 1 com malformação arteriovenosa metamérica (MAVM). O tratamento das FAD e das MAI mostrou recidiva menor quando usada cola e melhora significativa no padrão da marcha após a embolização. O tratamento do paciente com MAVM objetivou a embolização parcial da lesão para alívio dos sintomas, resultado que foi obtido com sucesso. Nas FAVP, o tratamento mostrou ausência de recidiva e melhora clínica em todos pacientes / Thirty five patients with spinal cord arteriovenous malformations were submitted to endovascular treatment. Treatment was done in 17 patients with dural arteriovenous fistulas (DAVF), 10 with intramedullary arteriovenous malformations (IAVM), 7 with perimedullary arteriovenous fistulas (PAVF), and 1 with a metameric arteriovenous malformation (MAVM). Fewer recurrences occured in DAVF and IAVM when liquid tissue adhesive was used and there was significant improvement in the patients' gait. Treatment for the patient with MAVM aimed partial lesion embolization and to mitigate symptoms, which was successfully achieved. Treatment in patients with PAVF revealed no recurrences and clinical improvement occurred in all of them...
Descritores: Malformações Arteriovenosas
Malformações Vasculares do Sistema Nervoso Central
Doenças Vasculares da Medula Espinal
-Embolização Terapêutica
Radiologia Intervencionista
Limites: Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação
BR66.1; W4.DB8, C779t, FM-2



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde