Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.292.700.900 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 71 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 8 ir para página                    

  1 / 71 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1137971
Autor: Rodríguez, Javier Lacorzana.
Título: Pilocytic astrocytoma, another way to reach your diagnosis / Astrocitoma pilocítico, outra forma de chegar ao seu diagnóstico
Fonte: Rev. bras. oftalmol;79(4):276-277, July-Aug. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Cerebellar astrocytoma (low-grade glioma) is the most frequent tumor of the Central Nervous System in pediatric age, corresponding to 10-20% of brain tumors, having its maximum incidence at 5 years. Brain tumors are the second cause of death at this age, behind leukemias. Its most frequent clinic is headache with vomiting which can worsen in the morning and awaken the patient at night. The most frequent ophthalmological clinic is papilledema and involvement of the cranial nerve VI. In our case we present an atypical presentation (cranial IV), in which a quick derivation favored a better prognosis.

Resumo O astrocitoma cerebelar (glioma de baixo grau) é o tumor mais frequente do Sistema Nervoso Central em idade pediátrica, correspondendo a 10-20% dos tumores cerebrais, tendo sua incidência máxima em 5 anos. Os tumores cerebrais são a segunda causa de morte nesta idade, atrás das leucemias. Sua clínica mais frequente é a cefaleia com vômitos que podem piorar pela manhã e despertar o paciente à noite. A clínica oftalmológica mais frequente é o papiledema e o envolvimento do nervo craniano VI. Em nosso caso apresentamos uma apresentação atípica (IV craniana), em que uma derivação rápida favoreceu um melhor prognóstico.
Descritores: Astrocitoma/diagnóstico por imagem
Neoplasias Encefálicas/diagnóstico por imagem
Papiledema/fisiopatologia
Glioma/diagnóstico por imagem
Cefaleia/fisiopatologia
-Tomografia Computadorizada por Raios X/métodos
Limites: Humanos
Pré-Escolar
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.2 - Biblioteca Central


  2 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1137985
Autor: Nogueira, Priscilla Fernandes; Barboza, Guilherme Novoa Colombo; Barboza, Marcello Novoa Colombo; Zanchetta, Bruno De Amicis; Barioni, Marta Fabiane Gouvea.
Título: Optic disc drusen in children: a diagnostic challenge / Drusas de disco óptico em criança um desafio diagnóstico
Fonte: Rev. bras. oftalmol;79(5):330-332, set.-out. 2020.
Idioma: en.
Resumo: Abstract In children, optic disc drusen (ODD) are often mistaken for papilledema, this being the prin-cipal differential diagnosis. This report describes the case of an 11-year old patient with ODD, in which the condition was initially diagnosed as papilledema, and the patient referred for pulse therapy. Fundoscopic examination is important because it is the first examination conducted by the ophthalmologist that is capable of revealing some characteristics of ODD that will aid in the differentiation between this disease and papilledema. In cases of ODD, the optic disc presents blurred margins and elevation of the disc borders, with clearly defined vessels at the papilla border. The differential diagnosis of ODD in children is challenging and requires appropriate management and follow-up to avoid iatrogenesis.

Resumo As drusas de disco óptico (DDO) em crianças são frequentemente confundidas com papiledema, sendo este o principal diagnóstico diferencial. Este artigo relata o caso de uma paciente de 11 anos com DDO, no qual o quadro foi inicialmente diagnosticado como papiledema, e a paciente encaminhada para pulsoterapia. O exame fundoscópico é importante por ser o primeiro exame realizado pelo oftalmologista que é capaz de revelar algumas características das DDO que auxiliarão na diferenciação do papiledema. Nos casos de DDO, o disco óptico apresenta margens mal definidas e bordas elevadas, com vasos na margem da papila bem definidos. O diagnóstico diferencial das DDO em crianças é desafiador e requer conduta e seguimento adequados para evitar iatrogenias.
Descritores: Drusas do Disco Óptico/diagnóstico por imagem
Papiledema/diagnóstico por imagem
-Ultrassonografia
Diagnóstico Diferencial
Limites: Humanos
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.2 - Biblioteca Central


  3 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-708909
Autor: Muñoz Cardona, Marta Lucía; Hernández Navarro, Diana Lucía; Velásquez Ossa, Luis Fernando.
Título: Ranibizumab intravítreo para el tratamiento de la membrana neovascular peripapilar secundaria a papiledema por hipertensión endocraneana idiopática: informe de un caso / Intravitreal ranibizumab for peripapillary neovascular membrane associated to papiledema due to idiopathic intracranial hypertension: a case report
Fonte: Iatreia;27(1):85-89, ene.-mar. 2014. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Las membranas neovasculares peripapilares son una complicación rara del papiledema crónico, y son aún más infrecuentes en el contexto del papiledema por hipertensión endocraneana idiopática (HEI). Dada su escasez, es difícil plantear estudios para definir la alternativa terapéutica más adecuada. Se presenta el caso de una mujer con papiledema por HEI quien desarrolló membrana neovascular peripapilar, y cuyo tratamiento con ranibizumab intravítreo fue exitoso.

Peripapillary neovascular membrane is a rare complication of chronic papiledema. When the latter is due to idiopathic intracranial hypertension, neovascularization is even rarer. Because of this low occurrence, it is difficult to design studies to define the most appropriate treatment. We report the case of a woman who developed papiledema by idiopathic intracranial hypertension with peripapillary neovascular membrane, and who was successfully treated with intravitreal ranibizumab.
Descritores: Hipertensão Intracraniana/etiologia
Injeções Intravítreas
Papiledema/complicações
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CO56.1 - Biblioteca


  4 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1140249
Autor: Rodríguez, Pablo Antonio; Estrada Pastrana, Harlis.
Título: Síndrome de poems: a proposito de un caso, Hospital Escuela Universitario / Poems Syndrome: a case, Hospital Escuela Universitario
Fonte: Rev. fac. cienc. méd. (Impr.);16(2):31-34, jul.- dic. 2019. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El síndrome de POEMS se caracteriza por polineuropatía, organomegalia, endocrinopatia, proteína M, y alteraciones cutáneas, también incluye papiledema, sobrecarga de volumen extravascular, trombocitosis/eritrocitosis, niveles elevados de factor de crecimiento endotelial vascular, una predisposición hacia la trombosis y está incorporado en el grupo de las gammapatias monoclonales. Se diagnostica en base a una combinación de clínica y de hallazgos laboratoriales. Objetivo: describir un síndrome clínico poco frecuente, las dificultades diagnósticas, así como diferenciarlo de otras polineuropatías crónicas. Presentación del caso clínico: femenina de 52 años, con hiperpigmentacion de piel, disminución de agudeza visual bilateral y debilidad distal progresiva con arreflexia y síntomas sensitivos asociados, organomegalia, hipotiroidismo; se comprobó polineuropatía crónica en estudios de neuroconducción, trastornos hematológicos, pérdida de peso y niveles bajos de vitamina B12, cumpliendo la mayoría de los criterios del síndrome, aunque no se encontró trastorno monoclonal, la literatura resalta normal en un 25% de los casos la electroforesis de proteínas. Conclusión: Es una enfermedad poco frecuente, para su diagnóstico se requiere una alta sospecha clínica, como hallazgos insulares edema de papila y niveles bajos de vitamina B12, descritos en la literatura. Debido a la diversidad en la forma de presentación del síndrome es necesario estar alerta sobre las múltiples manifestaciones y la búsqueda clínica, analítica y radiológica debe ser dirigida...(AU)
Descritores: Polineuropatias/complicações
Síndrome POEMS/diagnóstico
-Papiledema
Limites: Humanos
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Ensaio Clínico
Responsável: HN1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  5 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888184
Autor: Koc, Feray; Isik, Mehmet Resit; Sefi-Yurdakul, Nazife.
Título: Weight reduction for a better visual outcome in idiopathic intracranial hypertension / Redução de peso para a melhora do resultado visual na hipertensão intracraniana idiopática
Fonte: Arq. bras. oftalmol;81(1):18-23, Jan.-Feb. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: To evaluate the correlation between weight reduction and visual outcome in overweight patients with idiopathic intracranial hypertension. Methods: Thirty-nine newly diagnosed, overweight (body mass index >25 kg/m2) patients with idiopathic intracranial hypertension were studied retrospectively. All patients underwent medical treatment with acetazolamide, and a weight reduction program was also offered. Patients were grouped according to their compliance with this weight reduction program into the diet-success (Group 1) and diet-failure groups (Group 2). Body mass index, papilledema, visual acuity, and perimetric mean deviation were compared at the end of the 6-month study period. Results: Groups 1 and 2 did not differ regarding the baseline mean body mass index (32.63 ± 5.61, 32.35 ± 5.06 kg/m2), visual acuity (0.080 ± 0.13, 0.130 ± 0.24 logMAR), perimetric mean deviation (-9.978 ± 0.68, -12.86 ± 8.91), or papilledema grade (2.94 ± 0.22, 2.90 ± 0.30), respectively (p>0.05). During the 6 months' follow-up, Group 1 patients, who complied with both medical and diet therapy, improved significantly in all parameters, including body mass index (p<0.001), visual acuity (p=0.001), perimetric mean deviation (p=0.016), and papilledema grade (p<0.001). Conversely, Group 2 patients, who only underwent medical therapy, improved only in papilledema grade (p<0.001). However, coincident development of optic disc pallor was observed in three patients. Further, they also had significant loss in visual acuity (p=0.047) during the study period. Conclusion: Weight reduction combined with medical treatment is associated with significantly better improvement in visual acuity, visual field, and papilledema in idiopathic intracranial hypertension patients. Compliance with an efficient diet program should be encouraged in overweight patients with idiopathic intracranial hypertension.

RESUMO Objetivo: Avaliar a correlação entre a redução de peso e o resultado visual em pacientes com hipertensão intracraniana idiopática e sobrepeso. Métodos: Trinta e nove pacientes, recém-diagnosticados com hipertensão intracraniana idiopática e sobrepeso (índice de massa corporal >25 kg/m2), foram estudados retrospectivamente. Todos os pacientes foram submetidos a tratamento médico com acetazolamida e receberam um programa para redução de peso. Os pacientes foram classificados de acordo com o cumprimento do programa de redução de peso em: sucesso da dieta (Grupo 1) e falha da dieta (Grupo 2). Os índices de massa corporal, a papiledema, a acuidade visual e desvios médios perimétricos foram comparados no final de 6 meses. Resultados: Os grupos não apresentaram diferenças em relação às médias da linha de base de índice de massa corporal (32,63 ± 5,61/32,35 ± 5,06 kg/m2), acuidade visual (0,080 ± 0,13/0,130 ± 0,24 logMAR), desvios médios perimétricos (-9,978 ± 0,68/-12,86 ± 8,91) e níveis de papiledema (2,94 ± 0,22/2,90 ± 0,30) (p>0,05). Durante o período de acompanhamento de 6 meses, os pacientes do grupo 1, que obedeceram as terapias médicas e dietéticas, melhoraram significativamente em todos os parâmetros, incluindo o índice de massa corporal (p<0,001), a acuidade visual (p=0,001), o desvio médio perimétrico (p=0,016) e o nível de papiledema (p<0,001). Por outro lado, os pacientes do grupo 2, que receberam apenas terapia médica, apresentaram melhoras somente no nível de papiledema (p<0,001). No entanto, observou-se o desenvolvimento coincidente de palidez de disco óptico em três pacientes. Além disso, esses pacientes também apresentaram perda significativa de acuidade visual (p=0,047) durante o período de estudo. Conclusão: A redução de peso combinada ao tratamento médico está associada à melhora significativa das acuidades visuais, dos campos visuais e de papiledema em pacientes com hipertensão intracraniana idiopática. O cumprimento de programas de dietas eficientes deve ser encorajado em pacientes obesos com hipertensão intracraniana idiopática.
Descritores: Pseudotumor Cerebral/dietoterapia
Pseudotumor Cerebral/fisiopatologia
Perda de Peso/fisiologia
Acuidade Visual/fisiologia
Campos Visuais/fisiologia
Sobrepeso/fisiopatologia
-Transtornos da Visão/dietoterapia
Transtornos da Visão/etiologia
Transtornos da Visão/fisiopatologia
Índice de Gravidade de Doença
Índice de Massa Corporal
Papiledema/dietoterapia
Papiledema/etiologia
Papiledema/fisiopatologia
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Resultado do Tratamento
Sobrepeso/complicações
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1019414
Autor: Simsek, Mert; Ozdal, Pinar Cakar; Kocer, Ali Mert.
Título: Optic nerve involvement in ocular toxoplasmosis: 12 year data from a tertiary referral center in Turkey / Acometimento de nervo óptico na toxoplasmose ocular: um relato de 12 anos de um centro de referência terciário na Turquia
Fonte: Arq. bras. oftalmol;82(4):302-309, July-Aug. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: To evaluate the prevalence, clinical characteristics, and types of optic nerve involvement in patients with ocular toxoplasmosis. Methods: For this retrospective cross-sectional study, we examined all patients with active ocular toxoplasmosis referred to our Uveitis Section during the last 12 years, and we included patients with optic nerve involvement in the study. The primary outcome was the prevalence of optic nerve involvement, and secondary outcomes included the types of optic nerve involvement and the final best-corrected visual acuity after treatment. Results: The prevalence of optic nerve involvement was 14.4%, with the leading cause being the activation of a juxtapapillary lesion (70.5%). We found papillitis in two eyes and neuroretinitis in two eyes (11.7% for each). We only detected one optic nerve involvement secondary to a distant active lesion (5.8%). Sixteen patients (94.1%) had unilateral ocular toxoplasmosis. The overall final best-corrected visual acuity after treatment was 10/10 (LogMAR = 0.0) excluding the three patients with a juxtapapillary scar involving the macula. Conclusions: Optic nerve involvement was common in patients with ocular toxoplasmosis. The main type of optic nerve involvement was caused by activation of an old juxtapapillary lesion. Treatment was quickly effective, but the best-corrected visual acuity was dependent on the presence of a scar in the papillomacular bundle.

RESUMO Objetivos: Avaliar a prevalência, características clínicas e tipos de acometimento do nervo óptico em pacientes com toxoplasmose ocular. Métodos: Para este estudo retrospectivo transversal, examinamos todos os pacientes com toxoplasmose ocular ativa encaminhados ao nosso Setor de Uveíte nos últimos 12 anos, e incluímos pacientes com comprometimento do nervo óptico no estudo. O resultado primário foi a prevalência do envolvimento do nervo óptico, e os resultados secundários incluíram os tipos de envolvimento do nervo óptico e a acuidade visual final melhor corrigida após o tratamento. Resultados: A prevalência de acometimento do nervo óptico foi 14,4%, sendo a principal causa a ativação de uma lesão justapapilar (70,5%). Encontramos papilite em dois olhos e neuroretinite em dois olhos (11,7% para cada um). Apenas detectamos um comprometimento do nervo óptico secundário a uma lesão ativa distante (5,8%). Dezesseis pacientes (94,1%) apresentavam toxoplasmose ocular unilateral. A acuidade visual final com melhor correção após o tratamento foi 10/10 (LogMAR= 0,0) excluindo os três pacientes com uma cicatriz justapapilar envolvendo a mácula. Conclusões: O comprometimento do nervo óptico foi comum em pacientes com toxoplasmose ocular. O principal tipo de comprometimento do nervo óptico foi causado pela ativação de uma lesão justapapilar antiga. O tratamento foi rapidamente eficaz, mas a acuidade visual final com melhor correção foi dependente da presença de uma cicatriz no feixe papilomacular.
Descritores: Doenças do Nervo Óptico/parasitologia
Doenças do Nervo Óptico/patologia
Toxoplasmose Ocular/patologia
-Nervo Óptico/patologia
Nervo Óptico/diagnóstico por imagem
Retinite/parasitologia
Retinite/patologia
Fatores de Tempo
Turquia/epidemiologia
Acuidade Visual
Doenças do Nervo Óptico/tratamento farmacológico
Doenças do Nervo Óptico/epidemiologia
Papiledema/parasitologia
Papiledema/patologia
Toxoplasmose Ocular/tratamento farmacológico
Prevalência
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Tomografia de Coerência Óptica/métodos
Centros de Atenção Terciária
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1019419
Autor: Totuk, Ozgun Melike Gedar; Aldroubı, Nesrin; Aykan, Umit.
Título: A case of bilateral fourth nerve palsy associated with pseudotumor cerebri syndrome / Caso de paralisia bilateral de quarto nervo associada com síndrome do pseudotumor cerebral
Fonte: Arq. bras. oftalmol;82(4):332-335, July-Aug. 2019. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Pseudotumor cerebri syndrome is puzzling because it results in elevated intracranial pressure with no identifiable underlying cause. Ocular motor nerve palsies, other than a unilateral or bilateral sixth cranial nerve palsy, are rarely seen in patients with this condition. We report here on a 25-year-old female patient with bilateral fourth cranial nerve palsy caused by pseudotumor cerebri syndrome, whose ocular and systemic signs and symptoms of nerve palsy were completely resolved after medical treatment. We infer that fourth nerve palsy could be associated with pseudotumor cerebri syndrome; therefore, clinicians should consider rare ocular motor nerve palsies, even bilaterally, in patients with pseudotumor cerebri syndrome.

RESUMO A sindrome do pseudotumor cerebral é uma síndrome enigmática caracterizada por aumento da pressão intracraniana sem causa definida. Na síndrome do pseudotumor cerebral, as paralisias de nervo oculomotor além da paralisia unilateral ou bilateral do sexto nervo craniano são raramente vistas. Nós reportamos o caso de uma paciente feminina de 25 anos com paralisia bilateral de quarto nervo craniano como resultado da síndrome do pseudotumor cerebral. Após tratamento médico para síndrome do pseudotumor cerebral, os sinais e sintomas oculares e sistêmicos da paralisia nervosa foram resolvidos. Em conclusão, a paralisia de quarto nervo craniano pode estar associada com síndrome de pseudotumor cerebral, portanto médicos devem considerar paralisias raras de nervo oculomotor, mesmo bilateralmente, em pacientes com síndrome do pseudotumor cerebral.
Descritores: Pseudotumor Cerebral/complicações
Doenças do Nervo Troclear/etiologia
-Síndrome
Pseudotumor Cerebral/fisiopatologia
Pseudotumor Cerebral/diagnóstico por imagem
Imagem por Ressonância Magnética
Papiledema/etiologia
Papiledema/diagnóstico por imagem
Doenças do Nervo Troclear/fisiopatologia
Doenças do Nervo Troclear/diagnóstico por imagem
Tomografia de Coerência Óptica
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1038701
Autor: Cunha, Leonardo Provetti; Costa-Cunha, Luciana Virgínia Ferreira; Costa, Carolina Ferreira; Monteiro, Mário Luiz Ribeiro.
Título: Ultrastructural changes detected using swept-source optical coherence tomography in severe vitreopapillary traction: a case report / Alterações ultraestruturais detectadas pela tomografia de coerência óptica de fonte de varredura em tração vitreopapilar grave: relato de caso
Fonte: Arq. bras. oftalmol;82(6):517-521, Nov.-Dec. 2019. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Vitreopapillary traction is an uncommon condition characterized by strong adhesion and the traction of the posterior hyaloid onto the optic disc and peripapillary retina, leading to optic disc elevation and visual loss. An 85-year-old man presented with a 6-month history of slow, progressive visual loss in the left eye along with optic disc edema. Swept-source optical coherence tomography B-scans revealed circumpapillary anterior-posterior persistent traction of dense vitreous strands onto the optic disc. Visual field examination demonstrated mild, generalized, diffuse sensitivity loss and blind-spot enlargement. A 25-gauge posterior vitrectomy was performed with posterior hyaloid separation from the optic disc, resulting in significant anatomical and visual improvement. In conclusion, swept-source optical coherence tomography aids in understanding the mechanism underlying visual loss in vitreopapillary traction. Moreover, posterior vitrectomy can effectively promote anatomical and visual improvements in these cases.

RESUMO A tração vitreopapilar é uma condição incomum caracterizada por forte adesão e tração da hialoide posterior no disco óptico e retina peripapilar, levando à elevação do disco óptico e à perda visual. Um homem de 85 anos apresentou uma história de 6 meses de perda visual lenta e progressiva no olho esquerdo, juntamente com edema do disco óptico. A tomografia de coerência óptica por fonte de varredura revelou tração persistente ântero-posterior peripapilar com traves vítreas densas sobre o disco óptico. Exame de campo visual demonstrou perda de sensibilidade difusa, generalizada, leve e aumento do ponto cego. Uma vitrectomia posterior de calibre 25 foi realizada com separação hialóide posterior do disco óptico, resultando em melhora anatômica e visual significativa. Em conclusão, a tomografia de coerência óptica por fonte de varredura auxilia na compreensão do mecanismo subjacente à perda visual na síndrome de tração vitreopapilar. Além disso, a vitrectomia posterior pode efetivamente promover melhorias visuais e anatômicas nesses casos.
Descritores: Corpo Vítreo/patologia
Corpo Vítreo/diagnóstico por imagem
Papiledema/patologia
Papiledema/diagnóstico por imagem
Tomografia de Coerência Óptica/métodos
-Índice de Gravidade de Doença
Acuidade Visual
Aderências Teciduais
Papiledema/terapia
Cegueira/etiologia
Resultado do Tratamento
Membrana Epirretiniana/patologia
Membrana Epirretiniana/diagnóstico por imagem
Limites: Humanos
Masculino
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 71 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1088969
Autor: Simão, Luciano Mesquita; Andrade, Thaís Nunes; Oliveira, Ana Flávia Alves de Oliveira e; Garcez, Andressa Guimarães Aguilar; Jacometti, Raíza.
Título: Coexistence of papilledema and pseudopapilledema after remission of idiopathic intracranial hypertension by bariatric surgery / Coexistência de papiledema e pseudopapiledema após remissão de hipertensão intracraniana idiopática por cirurgia bariátrica
Fonte: Arq. bras. oftalmol;83(2):157-159, Mar.-Apr. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT A 37-year-old woman complained of headaches following bilateral visual loss in the past two years. She was obese and had undergone bariatric surgery three months earlier, followed by a considerable weight loss. Neuro-ophthalmic examination revealed a bilateral swollen optic disk. After a computerized analysis of the visual fields and magnetic resonance imaging of the brain and orbits, a diagnosis of idiopathic intracranial hypertension was made. At six months after the bariatric surgery, the patient reported no further headaches and exhibited better findings on computerized analysis of visual fields. However, fundus examination revealed persistent mild papilledema in both eyes. Ocular B-scan ultrasonography showed bilateral optic disk drusen. This report highlights the coexistence of true papilledema and pseudopapilledema due to optic disk drusen, following remission of idiopathic intracranial hypertension after a bariatric surgery.

RESUMO Uma mulher de 37 anos queixou-se de cefaleia após perda visual bilateral nos últimos dois anos. Apresentava história de obesidade e havia sido submetida à cirurgia bariátrica três meses antes, seguida de considerável perda de peso. O exame neuro-oftálmico revelou um disco óptico inchado bilateral. Após uma análise computadorizada dos campos visuais e ressonância magnética do crânio e órbitas, foi feito um diagnóstico de hiper tensão intracraniana idiopática. Após seis meses da cirurgia bariátrica, a paciente não relatou mais cefaleia e foram descobertas melhoras na análise computadorizada dos campos visuais. No entanto, o exame de fundo de olho revelou papiledema leve persistente em ambos os olhos. A ultrassonografia ocular B-scan mostrou drusas do disco óptico bilateralmente. Este relato destaca a coexistência de papiledema verdadeiro e pseudopapiledema devido à drusa de disco óptico após remissão da hipertensão intracraniana idiopática após uma cirurgia bariátrica.
Descritores: Pseudotumor Cerebral/fisiopatologia
Oftalmopatias Hereditárias/etiologia
Drusas do Disco Óptico/complicações
Doenças do Nervo Óptico/etiologia
Papiledema/etiologia
Cirurgia Bariátrica/efeitos adversos
-Síndrome
Pseudotumor Cerebral/diagnóstico por imagem
Imagem por Ressonância Magnética
Oftalmopatias Hereditárias/diagnóstico por imagem
Drusas do Disco Óptico/diagnóstico por imagem
Doenças do Nervo Óptico/diagnóstico por imagem
Papiledema/diagnóstico por imagem
Testes de Campo Visual
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 71 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-107239
Autor: Carbone F., Angel; Haro Haro, Daniel Enrique; Paz, José; Tobaru M., Luis; Rolando, Isaias.
Título: Enfermedad de Albers-Schomberg / Albers-Schomberg disease
Fonte: Rev. peru. oftalmol;9(2):34-6, 1983.
Idioma: es.
Descritores: Osteopetrose/diagnóstico
Papiledema/classificação
-Hospitais Estaduais
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca



página 1 de 8 ir para página                    
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde