Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.597.404.400 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5 [refinar]
Mostrando: 1 .. 5   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 5 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira
Texto completo
Id: lil-784192
Autor: Pereira, Fernando Vieira; Oliveira, Fabricio Ferreira de; Schultz, Rodrigo Rizek; Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira.
Título: Balance impairment does not necessarily coexist with gait apraxia in mild and moderate Alzheimer's disease / Comprometimento do equilíbrio e apraxia da marcha não necessariamente coexistem na doença de Alzheimer leve e moderada
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;74(6):450-455, June 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Currently, there are no studies reporting how much balance impairment coexists with gait apraxia in mild and moderate Alzheimer’s disease (AD). Objectives To assess correlations among gait apraxia, balance impairment and cognitive performance in mild (AD1, n = 30) and moderate (AD2, n = 30) AD. Method The following evaluations were undertaken: gait apraxia (Assessment Walking Skills); balance performance (Berg Balance Scale); Clinical Dementia Rating and Mini-mental State Examination (MMSE). Results While disregarding AD subgroups, Berg Balance Scale and the MMSE correlated significantly with Assessment Walking Skills and 23% of all subjects scored below its cut-off. After stratification, Berg Balance Scale correlated significantly with Assessment Walking Skills in both AD subgroups, and with the MMSE only in AD1. Conclusions Balance impairment does not necessarily coexist with gait apraxia. Gait apraxia is more prevalent in moderate AD when compared with mild AD.

RESUMO Apraxia da marcha e desequilíbrio são condições subinvestigadas na doença de Alzheimer (DA) leve e moderada. Objetivo Verificar a correlação da apraxia da marcha com desequilíbrio e cognição em 30 idosos com DA leve (DA1) e 30 idosos com DA moderada (DA2). Método Foram feitas as seguintes avaliações: apraxia da marcha (Assessment Walking Skills); equilíbrio (Berg Balance Scale); Clinical Dementia Rating e Mini-exame do estado mental – MEEM. Resultados Desconsiderando-se os grupos, Berg Balance Scale e MEEM correlacionaram-se significativamente com a Assessment Walking Skills, enquanto 23% dos participantes pontuaram abaixo da note de corte da mesma. Considerando-se os grupos, Berg Balance Scale correlacionou-se significativamente com a Assessment Walking Skills em ambos os grupos, embora o MEEM o tenha feito apenas em DA1. Conclusões Desequilíbrio e apraxia da marcha não necessariamente coexistem com apraxia da marcha. Prevalência de apraxia da marcha foi maior na DA moderada do que na DA leve.
Descritores: Apraxia da Marcha/etiologia
Equilíbrio Postural/fisiologia
Doença de Alzheimer/complicações
Disfunção Cognitiva/etiologia
-Índice de Gravidade de Doença
Avaliação Geriátrica
Apraxia da Marcha/diagnóstico
Apraxia da Marcha/fisiopatologia
Doença de Alzheimer/fisiopatologia
Disfunção Cognitiva/fisiopatologia
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-950547
Autor: Souza, Ricardo Krause Martinez de; Rocha, Samanta Fabrício Blattes da; Martins, Rodrigo Tomazini; Kowacs, Pedro André; Ramina, Ricardo.
Título: Gait in normal pressure hydrocephalus: characteristics and effects of the CSF tap test / Marcha na hidrocefalia de pressão normal: características e efeitos do tap-test
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;76(5):324-331, May 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Normal pressure hydrocephalus (NPH), described by Hakim and Adams in 1965, is characterized by gait apraxia, urinary incontinence, and dementia. It is associated with normal cerebrospinal fluid (CSF) pressure and ventricular dilation that cannot be attributed to cerebral atrophy. Objectives: To evaluate gait characteristics in patients with idiopathic NPH and investigate the effect of the CSF tap test (CSF-TT) on gait. Methods: Twenty-five patients diagnosed with probable idiopathic NPH were submitted to the CSF-TT. The procedure aimed to achieve changes in gait parameters. Results: Fifteen gait parameters were assessed before and after the CSF-TT. Five showed a statistically significant improvement (p < 0.05): walking speed (p < 0.001), cadence (p < 0.001), step length (p < 0.001), en bloc turning (p = 0.001), and step height (p = 0.004). Conclusion: This study demonstrated that gait speed was the most responsive parameter to the CSF-TT, followed by cadence, step length, en bloc turning, and step height.

RESUMO A hidrocefalia de pressão normal (HPN), descrita por Hakim-Adams em 1965, caracteriza-se por apraxia de marcha, incontinência urinária e demência e está associada com pressão normal do líquido cefalorraquidiano e dilatação ventricular não atribuída a atrofia cerebral. Objetivos: Avaliar as características da marcha em pacientes com HPN idiopática e o efeito do "tap-test" (TT) na marcha. Métodos: Vinte e cinco pacientes com o diagnóstico HPN idiopática provável, foram avaliados com o TT. O procedimento tem como objetivo causar mudanças nas características da marcha. Resultados: Quinze parâmetros da marcha foram avaliados com o TT. Cinco mostraram melhora estatisticamente significativa (p < 0,05): velocidade da marcha (p < 0,001), cadência (p < 0,001), comprimento do passo (p < 0,001), giro em "bloco" (p = 0,001) e altura do passo (p = 0,004). Conclusão: Este estudo demonstrou que a velocidade da marcha foi o parâmetro que mais respondeu ao efeito do TT, seguido da cadência, comprimento do passo, giro em "bloco" e altura do passo.
Descritores: Apraxia da Marcha/diagnóstico
Hidrocefalia de Pressão Normal/complicações
-Pressão do Líquido Cefalorraquidiano
Avaliação Geriátrica
Estudos Prospectivos
Apraxia da Marcha/etiologia
Apraxia da Marcha/fisiopatologia
Apraxia da Marcha/líquido cefalorraquidiano
Hidrocefalia de Pressão Normal/líquido cefalorraquidiano
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-973927
Autor: Lopes, Maria Izabel Romão; Tornai, Juliana Benevenuto; Jeng, Fernanda Letkaske de Miranda; Lopes, Bianca di Virgilio; Mendes, Gabriel André da Silva; Oliveira, Matheus Fernandes de; Pinto, Fernando Campos Gomes.
Título: Development of the Brazilian Portuguese version of the "Grading scale for idiopathic normal pressure hydrocephalus": cross-cultural adaptation, reliability and validity / Validação da escala de hidrocefalia de pressão normal idiopática para o português brasileiro: aplicação, confiabilidade e validade
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;76(10):692-696, Oct. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: The current study translated to Portuguese and validated the normal pressure hydrocephalus (NPH) scale originally developed in English as the Grading Scale for Idiopathic Normal Pressure Hydrocephalus. Methods: Following Guillemin's validation protocol, the last version of the Portuguese NPH scale was applied to 121 consecutive patients with a diagnosis of normal pressure hydrocephalus (73 men and 48 women) from the Group of Cerebral Hydrodynamics from July 2010 to March 2012. Results: The mean age was 71.09 years old, ranging from 35 to 92 years. The rate of agreement and reproducibility was high, as confirmed by Cohen's Kappa coefficient, with excellent intraobserver correlation for the NPH scale items individually evaluated: gait (0.80), dementia (0.90) and incontinence (0.87). Conclusions: The Portuguese version of the Grading Scale for Idiopathic Normal Pressure Hydrocephalus was successfully translated and validated for use in Brazilian patients.

RESUMO Objetivos: o presente estudo valida para a língua portuguesa a escala de hidrocefalia de pressão normal (HPN) desenvolvida em língua inglesa como "Escala de classificação para hidrocefalia de pressão normal idiopática". Métodos: Usando o método de Guillemin, uma versão traduzida da escala foi aplicada em 121 pacientes consecutivos com diagnóstico de hidrocefalia de pressão normal (73 homens e 48 mulheres) no Grupo de Hidrodinâmica Cerebral do Hospital das Clínicas da FMUSP de julho de 2010 a março de 2012. Resultados: a média de idade foi de 71,09 anos, variando de 35 a 92 anos. A taxa de concordância e reprodutibilidade foi alta, conforme confirmado pelo coeficiente Kappa, com excelente correlação intraobservador para itens de escala HPN que avaliou a marcha (0,80), demência (0,90) e incontinência (0,87). Conclusões: a versão em português da escala de graduação para pacientes com HPN foi traduzida e validada com sucesso para uso em pacientes brasileiros de ambos os sexos.
Descritores: Inquéritos e Questionários/normas
Hidrocefalia de Pressão Normal/diagnóstico
-Traduções
Incontinência Urinária/diagnóstico
Brasil
Comparação Transcultural
Estudos Transversais
Reprodutibilidade dos Testes
Apraxia da Marcha/diagnóstico
Demência/diagnóstico
Idioma
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Estudo de Validação
Estudo Observacional
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 5 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1054969
Autor: Padrón Hernández, María L; Vargas Latorre, Jenniffer R; Ortegón-Ochoa, Sofía; Naranjo-Medina, Natalia; Pacheco, Bethia.
Título: Miositis viral, reporte de un caso pediátrico / Viral myositis, a pediatric case report
Fonte: Arch. argent. pediatr;117(5):493-496, oct. 2019. graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: La miositis viral aguda es una complicación posterior a una infección viral causada, principalmente, por virus influenza A y B. Se caracteriza por ser un proceso inflamatorio transitorio, súbito, autolimitado y benigno. Generalmente, afecta a niños preescolares y escolares, que presentan dolor bilateral y sensibilidad en los grupos musculares de los miembros inferiores sin alteración en el examen neurológico. Puede generar alteración de la marcha o de la bipedestación. Su principal complicación es la rabdomiólisis, por lo que se debe hacer un seguimiento clínico y de los valores de la creatinfosfoquinasa. Se presenta el caso de un niño en edad escolar con diagnóstico de miositis viral aguda. Debido a que es poco frecuente y su incidencia en Latinoamérica es desconocida, se considera importante el reporte del caso y la revisión del tema, ya que su curso es benigno, de fácil manejo, y su conocimiento evita estudios y hospitalizaciones innecesarias.

Acute viral myositis is a complication after a viral infection mainly caused by Influenza A and B viruses. It is characterized as a transitory, sudden, self-limiting and benign inflammatory process. It usually affects preschool and school children presenting bilateral pain and sensitivity in the muscle groups of the lower limbs without alteration in the neurological examination. It can affect the gait or standing. The main complication is rhabdomyolysis, which is why clinical followup and values of creatine phosphokinase must be done. We present the case of a school-age child diagnosed with acute viral myositis. Because it is not a frequent entity and its incidence in Latin America is unknown, we consider important to report the case and review the topic, as its clinical course is benign, easily treated, and its knowledge can avoid unnecessary studies and hospitalizations.
Descritores: Miosite/diagnóstico
-Rabdomiólise
Viroses
Apraxia da Marcha
Miosite/complicações
Miosite/terapia
Limites: Humanos
Masculino
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  5 / 5 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-747352
Autor: Pereira, Renan Muralho; Mazeti, Laura; Lopes, Deborah Cristina Pereira; Pinto, Fernando Campos Gomes.
Título: Hidrocefalia de pressão normal: visão atual sobre a fisiopatologia, diagnóstico e tratamento / Normal pressure hydrocephalus: current view on pathophysiology, diagnosis and treatment
Fonte: Rev. med. (Säo Paulo);91(2):96-109, abr.-jun. 2012. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: A hidrocefalia de pressão normal (HPN), descrita em 1964 por Salomón Hakim, é uma doença insidiosa que acomete, sobretudo, idosos e manifesta-se através da tríade clínica de distúrbios da marcha, demência e incontinência urinária, associada a achados radiológicos de ventriculomegalia e achados laboratoriais de pressão liquórica normal. Objetivo: apresentar as principais hipóteses relacionadas à fisiopatologia, diagnóstico por imagem e tratamento da HPN empregadas atualmente. Métodos: a revisão da literatura foi realizada através das bases de dados MEDLINE e PubMed, onde foi utilizado o recurso MeSH(Medical Subject Headings) para a seleção de artigos dos últimos seis anos. Resultados: tanto as bases fisiopatológicas quanto os critérios diagnósticos da HPN ainda não estão totalmente estabelecidos. O principal tratamento consiste na derivação liquórica. Conclusões: é fundamental que o diagnóstico da HPN seja realizado precocemente e que os pacientes com maiores chance de responder à derivação liquórica sejam identificados.

Introduction: The normal pressure hydrocephalus (NPH), described in 1964 by Salomón Hakim, is an insidious disease that affects mainly elderly people and is manifested by the clinical triad of gait disorders, dementia and urinary incontinence associated with radiological findings of ventriculomegaly and laboratory findings of normal CSF pressure. Objective: present the main hypotheses related to the pathophysiology, imaging diagnosis and treatment of NPH in practice today. Methods: the literature review was conducted through MEDLINE and PubMed, where was used the MeSH resource (Medical Subject Headings) for the selection of articles from the last 6 years. Results: both the pathophysiology and diagnostic criteria of NPH has not beenfully established. The main treatment consists of the CSF shunt. Conclusion: it is essential that the diagnosis of NPH be realized early and that patients with higher chance to improve after CSF shunt are identified.
Descritores: Demência
Apraxia da Marcha
Hidrocefalia de Pressão Normal/diagnóstico
Hidrocefalia de Pressão Normal/fisiopatologia
Hidrocefalia de Pressão Normal/terapia
Incontinência Urinária
Derivação Ventriculoperitoneal
-Apraxia da Marcha/complicações
Transtornos Neurológicos da Marcha
Processamento de Imagem Assistida por Computador
Limites: Humanos
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde