Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.597.606.150.500.300 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 257 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 26 ir para página                         

  1 / 257 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1132583
Autor: Akbari, Mehdi; Panahi, Rasool; Valadbeigi, Ayub; Hamadi Nahrani, Morteza.
Título: Speech-in-noise perception ability can be related to auditory efferent pathway function: a comparative study in reading impaired and normal reading children / Capacidade de percepção da fala no ruído pode estar relacionada à função da via auditiva eferente: estudo comparativo de crianças com dificuldade de leitura e com leitura normal
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);86(2):209-216, March-Apr. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Deficient auditory processing can cause problems with speech perception and affect the development and evolution of reading skills. The efferent auditory pathway has an important role in normal auditory system functions like speech-in-noise perception, but there is still no general agreement on this. Objective: To study the performance of the efferent auditory system in a group of children with reading impairment in comparison with normal reading and evaluation of its relationship with speech-in-noise perception. Methods: A total of 53 children between the ages of 8-12 years were selected for the study of which 27 were with reading impairment and 26 were normal reading children. Transient evoked otoacoustic emissions suppression and auditory recognition of words-in-noise test were performed for all the children. Results: The average amplitude of transient evoked otoacoustic emissions suppression showed a significant difference between the two groups in the right (p = 0.004) and in the left ear (p = 0.028). Assessment of the relationship between transient evoked otoacoustic emissions suppression and monaural auditory recognition of words-in-noise scores showed a significant moderate negative relationship only in the right ear (p = 0.034, r = −0.41) of the normal reading children. Binaural auditory recognition of words-in-noise scores were significantly correlated with the amplitude of transient evoked otoacoustic emissions suppression in the right ear (p < 0.001, r = −0.75) and in the left ear (p < 0.001, r = −0.64) of normal reading children. In the reading impaired group, ?a weaker correlation was observed between binaural auditory recognition of words-in-noise scores and transient evoked otoacoustic emissions suppression in the right (p = 0.003, r = −0.55) and in the left ear (p = 0.012, r = −0.47). Conclusions: Transient evoked otoacoustic emissions suppression pattern in the reading impaired group was different compared with normal reading children, and this difference could be related to efferent system performance. Words-in-noise scores in children with impaired reading were lower than in normal reading children. In addition, a relationship was found between transient evoked otoacoustic emissions suppression and words-in-noise scores in both normal and impaired reading children.

Resumo Introdução: O processamento auditivo deficiente pode causar problemas na percepção da fala e afetar o desenvolvimento e a evolução das habilidades de leitura. A via auditiva eferente tem um papel importante nas funções do sistema auditivo normal, como a percepção da fala no ruído, mas ainda não há um consenso sobre isso. Objetivo: Estudar o desempenho do sistema auditivo eferente em um grupo de crianças com dificuldade de leitura em comparação às com leitura normal e avaliação de sua relação com a percepção da fala no ruído. Método: Foram selecionadas para o estudo 53 crianças entre oito e 12 anos, das quais 27 tinham dificuldade de leitura e 26 apresentavam leitura normal. A avaliação por emissões otoacústicas evocadas transientes e o teste auditory recognition of words-in-noise foram feitos em todas as crianças. Resultados: A amplitude média da supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes mostrou diferença significante entre os dois grupos na orelha direita (p = 0,004) e esquerda (p = 0,028). A avaliação da relação entre a supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes e os escores monoaurais do teste auditory recognition of words-in-noise mostrou uma relação negativa moderadamente significante apenas na orelha direita (p = 0,034, r = -0,41) das crianças com leitura normal. Os escores binaurais do auditory recognition of words-in-noise foram significantemente correlacionados com a amplitude de supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes na orelha direita (p < 0,001, r = -0,75) e na orelha esquerda (p < 0,001, r = -0,64) das crianças com leitura normal. No grupo com dificuldade de leitura, uma correlação mais fraca foi observada entre os escores binaurais do auditory recognition of words-in-noise e supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes, na orelha direita (p = 0,003, r = -0,55) e na esquerda (p = 0,012, r = -0,47). Conclusões: O padrão de supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes no grupo com dificuldade de leitura foi diferente em comparação com as crianças com leitura normal e essa diferença pode estar relacionada ao desempenho do sistema eferente. Os escores de palavras no ruído em crianças com dificuldade de leitura foram menores do que nas crianças com leitura normal. Além disso, foi encontrada uma relação entre a supressão das emissões otoacústicas evocadas transientes e os escores de palavras no ruído tanto em crianças com leitura normal quanto nas com dificuldade de leitura.
Descritores: Vias Auditivas/fisiologia
Percepção da Fala/fisiologia
Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Encefálico/fisiologia
Emissões Otoacústicas Espontâneas/fisiologia
Dislexia/fisiopatologia
Vias Eferentes/fisiologia
-Estimulação Acústica
Estudos de Casos e Controles
Ruído
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1026603
Autor: Chakraborty, Suhash.
Título: La dinámica sociocultural influye en las vías de atención de los niños con trastorno del desarrollo / Socio-cultural dynamics influence care pathways in children with developmental disorder
Fonte: Salud(i)ciencia (Impresa) = Salud(i)ciencia (En linea);22(8):766-767, dic.-mar. 2018.
Idioma: en; es.
Descritores: Dislexia
Transtorno de Aprendizagem Específico
Deficiências da Aprendizagem
-Características Culturais
Limites: Humanos
Criança
Adolescente
Responsável: AR392.1 - Biblioteca


  3 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1056165
Autor: TEIXEIRA, Renata Monteiro; MOURA, Ricardo.
Título: Arabic number writing in children with developmental dyslexia / A escrita de numerais arábicos em crianças com dislexia do desenvolvimento
Fonte: Estud. Psicol. (Campinas, Online);37:e180179, 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: Number transcoding is a basic numerical processing task that demands verbal skills during its execution. The goal of this study was to investigate number transcoding ability in children with developmental dyslexia. Twenty-three children with typical development and twenty-six children with developmental dyslexia participated in this study. Results showed that children with dyslexia show a deficit in phonological processing as well as in number transcoding. Repeated-measures analysis of covariance indicated that the dyslexia group presented performance below the average in the number transcoding. Regression analyses indicated that short-term verbal memory, phoneme deletion, rhyme judgment task and automatized naming was a strong predictor of number transcoding difficulties. Children with dyslexia present number transcoding deficits regardless of age and educational level.

A transcodificação numérica é uma tarefa do processamento numérico básico que demanda habilidades verbais durante a sua execução. O objetivo deste estudo foi investigar a habilidade de transcodificação numérica em crianças com dislexia do desenvolvimento. Participaram deste estudo 23 crianças com desenvolvimento escolar típico e 26 crianças com dislexia do desenvolvimento. Os resultados indicaram que crianças com dislexia apresentam um déficit no processamento fonológico e na transcodificação numérica ao longo de todas as séries escolares investigadas aqui. Uma análise de variância de medidas repetidas indicou que o grupo com dislexia apresentou desempenho abaixo da média na transcodificação numérica. Análises de regressão indicaram que a memória de curto prazo verbal, a supressão de fonemas, o julgamento de rimas e a tarefa de nomeação seriada rápida foram fortes preditores das dificuldades encontradas na transcodificação numérica. Crianças com dislexia apresentam déficits de transcodificação numérica independentemente da idade e nível de escolaridade.
Descritores: Dislexia
Matemática
Responsável: BR27.1 - Biblioteca do Campus II


  4 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-751681
Autor: Instituto Nacional de Rehabilitación "Dra. Adriana Rebaza Flores".
Título: Guía de práctica de evaluación clínica, diagnóstico y pautas de manejo del niño con trastorno por déficit de atención e hiperactividad, trastornos lecto-escritura y cálculo niño fronterizo / linical Practice Guidelines for diagnosis and management guidelines evaluation of children with attention deficit disorder and hyperactivity disorders and literacy calculation in child border.
Fonte: Callao; Instituto Nacional de Rehabilitación \"Dra. Adriana Rebaza Flores\"; 2005. 29 p p. graf.
Idioma: es.
Descritores: Dislexia
Crianças com Deficiência/reabilitação
Transtorno do Deficit de Atenção com Hiperatividade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Guia de Prática Clínica
Responsável: PE18.2 - Centro de Información


  5 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1002786
Autor: Sampaio, Nirvana Ferraz Santos; Paixão, Tauana Nunes; Perottino, Silvana.
Título: Uma discussão a respeito da dislexia - o sujeito na sua relação com a escrita / A discussion concerning dyslexia - the subject in its relationship with the writing / Una discusión a respeto de la dislexia - el sujeto en su relación con la escrita
Fonte: Pesqui. prát. psicossociais;14(1):1-18, jan.-mar. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo trata de uma discussão a respeito da dislexia e da disgrafia diagnosticada em crianças em fase de aquisição de linguagem, sendo que a disgrafia está presente neste estudo por se tratar do diagnóstico recebido pelo irmão da criança cujos dados de linguagem estão sob análise. Para tanto, três áreas de conhecimento serão abordadas: a Fonoaudiologia, a Psicanálise e a Linguística (Neurolinguística Discursiva e Aquisição da Linguagem), a fim de se saber o que cada uma diz a respeito dessa temática. Apresentamos dados de escrita de uma criança com diagnóstico de dislexia e de uma criança com diagnóstico de disgrafia. Esses dados nos levaram a questionar a noção de distúrbio, de dislexia e de disgrafia.

This article deals with a discussion about dyslexia and dysgraphia diagnosed in children in the language acquisition phase. Since dysgraphia is present in this study because it is the diagnosis received by the sibling of the child whose language data are under analysis. To do so, three areas of knowledge will be addressed: Speech Therapy, Psychoanalysis and Linguistics (Discursive Neurolinguistics and Language Acquisition), in order to know what each one says about this subject. We present written data of a child diagnosed with dyslexia and of a child diagnosed with dysgraphia. These data led us to question the notion of disorder, dyslexia and dysgraphia.

Este artículo trata de una discusión acerca de la dislexia y la disgrafía diagnosticada en niños en fase de adquisición de lenguaje. Siendo que la disgrafía está presente en este estudio por tratarse del diagnóstico recibido por el hermano del niño cuyos datos de lenguaje están bajo análisis. En este artículo, tres áreas de conocimiento serán abordadas: la Fonoaudiología, el Psicoanálisis y la Lingüística (Neurolinguística Discursiva y Adquisición del lenguaje), a fin de saber lo que cada una dice acerca de esta temática. Presentamos datos de escritura de un niño con diagnóstico de dislexia y de un niño con diagnóstico de disgrafía. Estos datos nos llevaron a cuestionar la noción de disturbio, de dislexia y de disgrafía.
Descritores: Agrafia
Dislexia
-Fonoaudiologia
Escrita Manual
Estudos de Linguagem
Linguística
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  6 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1089815
Autor: Koltermann, Gabriella; Becker, Natália; Lopes-Silva, Júlia Beatriz; Gomides, Mariuche Rodrigues de Almeida; Paiva, Giulia Moreira; Haase, Vitor Geraldi; Salles, Jerusa Fumagalli de.
Título: Are "cool" executive function impairments more salient in ADHD symptoms than in reading disability? / Déficits em funções executivas "frias" são mais salientes nos sintomas de TDAH que na dificuldade de leitura?
Fonte: Dement. neuropsychol;14(1):47-55, Jan.-Mar. 2020. tab.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: ABSTRACT Introduction: Reading disability (RD) and Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) symptoms often co-occur in school-age children. Methods: The present study evaluated the performance of 216 Brazilian children from 3rd and 4th grades on "cool" executive function (EF) abilities and phonological processing. The children were divided into three groups: those with ADHD symptoms only, those with RD only, and controls. Results: MANOVA analyses, controlling for age and nonverbal intelligence, showed worse performance for the RD group, compared to the ADHD symptoms group, on measures of phonological processing (phonemic awareness, phonological short-term memory, and lexical access) and "cool" EF components (orthographic verbal fluency and processing speed). The ADHD symptoms group did not differ from the control group on the majority of the "cool" EF tasks. Compared to the control group, the ADHD symptoms group and the RD group both showed significantly more errors in rapid automatized naming of figures, which evaluates the inhibition component of EF; performance on this task was similar for these groups. Conclusion: We conclude that children with RD have greater impairment in phonological processing and "cool" EF compared to those with ADHD symptoms. Furthermore, deficits in inhibitory control may be shared among children with both conditions.

RESUMO Introdução: Dificuldades de leitura (DL) e sintomas do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) frequentemente coocorrem em crianças escolares. Métodos: O presente estudo comparou o desempenho em FE "frias" e processamento fonológico de 216 crianças brasileiras de 3ª e 4ª anos, que foram divididas em três grupos: apenas com sintomas de TDAH, apenas em DL e controles. Resultados: As análises de MANOVA, controlando para idade e inteligência não-verbal, indicaram que o grupo com DL apresentou desempenho significativamente inferior ao grupo com sintomas de TDAH nas medidas de processamento fonológico (consciência fonológica, memória verbal de curto prazo e acesso lexical) e em componentes das FE "frias" (fluência verbal ortográfica e velocidade de processamento). O grupo com sintomas de TDAH não se diferiram do grupo controle na maior parte das tarefas de FE "frias". Ambos os grupos com sintomas de TDAH e DL apresentaram desempenhos significativamente menores (mais erros) em comparação às crianças de desenvolvimento típico na tarefa de Nomeação Seriada Rápida de figuras que avalia o componente de controle inibitório, e o desempenho foi semelhante entre os grupos. Conclusão: Conclui-se que crianças com DL apresentam maior comprometimento em processamento fonológico e FE "frias" em comparação àquelas com sintomas de TDAH e que déficits no controle inibitório podem ser compartilhados entre crianças com ambas as condições.
Descritores: Transtorno do Deficit de Atenção com Hiperatividade
Criança
Cognição
Dislexia
Neuropsicologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR15.3 - Biblioteca Emília Bustamante


  7 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-763120
Autor: Michalick-Triginelli, Mirelle F; Cardoso-Martins, Cláudia.
Título: The role of phonological awareness and rapid automatized naming in the prediction of reading difficulties in portuguese / O papel da consciência fonológica e da nomeação automatizada rápida na predição de dificuldades de leitura em português
Fonte: Psicol. reflex. crit;28(4):823-828, out.-dez. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study investigated the contribution of phonological awareness (PA) and rapid automatized naming (RAN) to the persistence of beginning reading difficulties in Portuguese. The study was longitudinal and involved 13 children who had shown little progress in learning to read during their 1st school year, and 13 children with typical reading development. At the beginning of the study, when participants were, on average, six years and nine months of age, their ability to read and spell words, and their PA and RAN skills were assessed. One year later, the children who had shown difficulties in learning to read were divided into two groups, based on their progress in learning to read during the course of the study: a group with persistent reading difficulties and a group whose difficulties had been overcome. Results showed that both groups performed equally poorly and below controls on the PA tasks at the beginning of the study. In contrast, only the children with persistent reading difficulties performed more poorly than controls on the RAN tasks at that time. (AU)

Este estudo investigou a contribuição da consciência fonológica (CF) e da nomeação automatizada rápida (RAN) para a persistência de dificuldades na aprendizagem inicial da leitura em português. O estudo foi longitudinal e envolveu 13 crianças que haviam apresentado dificuldades na aprendizagem da leitura durante o ano da alfabetização e 13 crianças com desenvolvimento típico da leitura. A habilidade de ler e escrever palavras, a CF e a RAN foram avaliadas no final do ano de alfabetização, quando as crianças tinham, em média, seis anos e nove meses de idade. Um ano mais tarde, as crianças que haviam apresentado dificuldades na alfabetização foram divididas em dois grupos, com base em seu progresso na habilidade de ler palavras ao longo estudo: um grupo de crianças com dificuldades persistentes e um grupo cujas dificuldades iniciais haviam sido superadas. Os resultados mostraram que ambos os grupos apresentaram déficits na CF no início do estudo. Por outro lado, apenas as crianças com dificuldades persistentes de leitura manifestaram déficits na RAN naquela ocasião. (AU)
Descritores: Leitura
Fonética
Dislexia
-Brasil
Estudos Longitudinais
Deficiências da Aprendizagem/psicologia
Limites: Humanos
Criança
Responsável: BR574.2 - Biblioteca


  8 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1050824
Autor: León, Camila Barbosa Riccardi; Paiano, Ronê; Fragoso, Analice Oliveira; Siqueira, Alisson Rogério Caetano de; Teixeira, Maria Cristina Triguero Veloz; Seabra, Alessandra Gotuzo.
Título: Construção e validação de instrumento para avaliar conhecimentos de universitários sobre transtorno específico da aprendizagem / Construction and validation of a questionnaire to assess pedagogy students' knowledge on specific learning disorder / Construcción y validación de instrumento para la evaluación de conocimientos de estudiantes de pedagogía sobre el trastorno específico del aprendizaje
Fonte: Estud. Interdiscip. Psicol;10(3):121-138, dez. 2019. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O Transtorno Específico da Aprendizagem (TEAp) caracteriza-se por dificuldades persistentes para desenvolver habilidades acadêmicas de leitura, escrita e/ou matemática, sendo fundamental que professores conheçam suas características. O estudo teve como objetivos construir um questionário que avalia conhecimentos sobre TEAp e verificar suas propriedades psicométricas, mediante estudo piloto com estudantes de pedagogia ingressantes e concluintes. Participaram 178 estudantes, entre 18 e 54 anos, de três instituições de ensino superior particulares. Resultados revelaram índice adequado de consistência interna (Alfa de Cronbach = 0,738). Houve maior conhecimento sobre TEAp dos estudantes concluintes em relação aos ingressantes, porém com resultados baixos em alguns itens. Também houve diferença significativa entre as instituições. Não houve associação dos fatores idade, ano, renda e situação de trabalho, com o nível de conhecimento. Além de contribuir com a criação do questionário, os resultados sinalizam a necessidade de incluir disciplinas sobre TEAp na grade curricular dos cursos de pedagogia (AU).

Specific Learning Disorder (SLD) is characterized by persistent difficulties in developing reading, writing, and math. It's essential that teachers know their characteristics. The study aimed to develop a questionnaire to assess knowledge on SLD and to verify its psychometric properties. It was conducted a pilot study involving incoming and graduating students of pedagogy courses. Participated 178 students aged between 18 and 54, from 3 private higher education institutions. The results revealed adequate indexes of internal consistency (Cronbach's alpha = 0.738). Graduating students showed to have more knowledge than incoming students did, but with low results on some items. There was also a significant difference between institutions. There was no association of others factors, such as age, year, income, and work situation, with the students' level of knowledge. Besides contributing to the questionnaire's development, the results indicate the need to include courses on SLD in the curriculum of the pedagogy programs (AU).

El Trastorno Específico del Aprendizaje (TEAp) se caracteriza por dificultades persistentes para desarrollar lectura, escritura y matemática, siendo fundamental que profesores conozcan sus características. El estudio tuvo como objetivos elaborar un cuestionario que evalúa conocimientos sobre el TEAp y verificar sus propiedades psicométricas. Participaron del estudio piloto 178 estudiantes de pedagogía ingresantes y concluyentes, entre 18 y 54 años, de tres instituciones privadas de enseñanza universitaria. Los resultados revelaron índice adecuado de consistencia interna (Alfa de Cronbach = 0,738). Hubo mayor conocimiento sobre TEAp en los concluyentes en relación a los ingresantes, sin embargo, con resultados bajos en algunos ítems. También hubo diferencia significativa entre las instituciones. No hubo asociación de otros factores investigados con el nivel de conocimiento. Además de contribuir con la creación del cuestionario, los resultados señalizan la necesidad de que sea incluida asignaturas sobre el TEAp en los planes de estudios de licenciaturas en pedagogía (AU).
Descritores: Transtorno de Aprendizagem Específico
LEARNING DISORDERS
-Dislexia/psicologia
Responsável: BR512.1 - Biblioteca Setorial do Centro de Ciências da Saúde


  9 / 257 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-952968
Autor: Gomides, Mariuche Rodrigues de Almeida; Martins, Gizele Alves; Alves, Isabela Starling; Júlio-Costa, Annelise; Jaeger, Antônio; Haase, Vitor Geraldi.
Título: Heterogeneity of math difficulties and its implications for interventions in multiplication skills / Heterogeneidade das dificuldades na aprendizagem da matemática e suas implicações para intervenções específicas nas habilidades de multiplicação
Fonte: Dement. neuropsychol;12(3):256-263, July-Sept. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPEMIG; . CNPq; . CAPES.
Resumo: Abstract Math learning disability (MLD) is a heterogeneous condition characterized by severe and persistent difficulties in learning math, including difficulties in learning multiplication facts. Objective: In this article, we compared the responses of two MLD children to multiplication facts training. Methods: One of the children was a 9 year-old girl (HV) who presented mild math difficulties associated with lower accuracy of the Approximate Number System (ANS). The other was an 11 year-old boy (GA) who presented severe math difficulties related to impaired phonological processing due to developmental dyslexia. Both children underwent an intervention for multiplication, comprising conceptual instructions and retrieval practice of the times table. Results: HV's accuracy and response speed improved consistently on both training tasks, while GA's accuracy improved on the Simple Calculation Task only. Error analyses indicated that, after training, HV produced fewer errors of the type "close miss", and GA produced less omission but more operand errors. Conclusion: We argue that these differences between their responses to the training tasks were caused by differences in the mechanisms underlying their math difficulties. These results support the notion that individual specificities regarding math disabilities should be taken into account during preparation of training interventions.

Resumo O transtorno de aprendizagem da matemática (MLD) é uma condição heterogênea caracterizada por dificuldades acentuadas e persistentes na aprendizagem da matemática, incluindo déficits na aprendizagem dos fatos de multiplicação. Objetivo: No presente artigo, nos comparamos a resposta de duas crianças com MLD em uma intervenção da multiplicação. Métodos: Uma das crianças, HV, sexo feminino, 9 anos de idade, apresentava dificuldades menos acentuadas na matemática, associadas a um déficit no Sistema Numérico Aproximado (ANS). A outra criança, GA, sexo masculino, 11 anos de idade, apresentava dificuldades na matemática mais acentuadas associadas a um comprometimento no processamento fonológico devido a um quadro de Dislexia do Desenvolvimento. Ambas as crianças passaram por um programa de intervenção para a multiplicação, o qual se consistia em instruções conceituais e práticas de memorização da tabuada. Resultados: HV apresentou uma melhora consistente na acurácia e tempo de resposta nas duas medidas de desfecho, enquanto, GA apresentou uma melhora apenas na Tarefa de Cálculos Simples. Análises nos tipos de erros evidenciam que, após a intervenção, HV cometeu menos "erros de aproximação", ao passo que, GA cometeu menos erros por omissão, mas mais erros de operando. Conclusão: Nossa hipótese é de que as diferenças na resposta a intervenção dos participantes estão relacionadas a mecanismos subjacentes distintos à aprendizagem da matemática. Esses resultados reforçam a necessidade de que as especificidades nas dificuldades na matemática de cada paciente sejam levadas em consideração durante o planejamento das intervenções.
Descritores: LEARNING DISORDERS
-Criança
Dislexia
Matemática
Limites: Humanos
Criança
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR15.3 - Biblioteca Emília Bustamante


  10 / 257 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-895173
Autor: Oliveira, Adriana Marques de; Germano, Giseli Donadon; Capellini, Simone Aparecida.
Título: Comparison of Reading Performance in Students with Developmental Dyslexia by Sex / Comparação por Sexo do Desempenho em Leitura de Escolares com Dislexia do Desenvolvimento / Comparación por Sexo del Desempeño en Lectura de los Estudiantes con Dislexia del Desarrollo
Fonte: Paidéia (Ribeirão Preto, Online);27(68):306-313, Sept.-Dec. 2017. tab.
Idioma: en.
Projeto: São Paulo Research Foundation.
Resumo: Abstract: This study aims to compare the performance of male and female dyslexic students in tests of reading words and pseudowords, and comprehension of sentences and texts. The participants were forty-eight students with dyslexia, attending 3rd grade to 5th grade of elementary school (age range 8 to 12 years old), from public and private schools, divided into: GI - 14 girls and GII - 34 boys. The researchers applied tests of Reading process assessment: reading of words, reading of pseudowords, comprehension of sentences, and comprehension of texts. The results showed evidence of difference by sex in reading of low frequency words and sentence comprehension. It was concluded that the discussion on the difference between dyslexic students by sex could be relevant in the educational context, as among the five variables, two provided information for promoting further discussion on the subject, highlighting the importance of further studies.

Resumo: Este estudo objetiva comparar o desempenho dos escolares com dislexia entre os sexos feminino e masculino em provas de leitura de palavras e pseudopalavras, de compreensão de orações e textos. Participaram 48 escolares com dislexia do 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental (8 a 12 anos de idade) de escola pública e particular divididos em: GI - 14 meninas e GII - 34 meninos. Foram aplicadas provas de avaliação de leitura de palavras e pseudopalavras, compreensão de orações e textos, das Provas de avaliação dos processos de leitura. Os resultados indicaram evidência de diferença por sexo nas provas de leitura de palavras de baixa frequência e compreensão de orações. Concluiu-se que a discussão sobre a diferença entre os escolares com dislexia por sexo pode ser relevante no contexto educacional, pois dentre as cinco variáveis estudadas, duas forneceram informações para levantar maior discussão sobre o tema, destacando a importância de mais estudos.

Resumen: Este estudio tuvo por objetivo comparar el desempeño de los estudiantes con dislexia entre los sexos femenino y masculino en las pruebas de lectura y comprensión lectora. Participaron 48 estudiantes con dislexia del 3º al 5º grado de la Enseñanza Fundamental (8 a 12 años de edad) de escuelas pública y privada, divididos en: GI - 14 niñas y GII - 34 niños. Fueron aplicadas pruebas de evaluación de lectura de palabras y pseudopalavras, comprensión de oraciones y textos, de las Pruebas de Evaluación de los procesos lectores. Los resultados indican evidencia de diferencia por sexo en las pruebas de lectura de palabras de baja frecuencia y comprensión de oraciones. Se concluyó que la discusión acerca de la diferencia entre los estudiantes con dislexia por sexo puede ser relevante en el contexto educativo, pues de las cinco variables estudiadas, dos proporcionan informaciones para alzar discusiones adicionales sobre el tema, destacando la importancia de mayores estudios.
Descritores: Leitura
Dislexia
Identidade de Gênero
Aprendizagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central



página 1 de 26 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde