Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.597.606.525 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 259 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 26 ir para página                         

  1 / 259 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-979036
Autor: Castro-Costa, Erico; Lima-Costa, Maria Fernanda; Andrade, Fabíola Bof de; Souza Junior, Paulo Roberto Borges de; Ferri, Cleusa Pinheiro.
Título: Cognitive function among older adults: ELSI-Brazil results / Função cognitiva entre adultos mais velhos: resultados do ELSI-Brasil
Fonte: Rev. saúde pública (Online);52(supl.2):4s, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Brazilian Ministry of Health; . Secretariat of Health Care; . Secretariat of Health Care; . Secretariat of Health Care.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE To investigate macroregional variations in cognitive function in a national sample representative of the Brazilian population aged 50 years and older. METHODS Data from the baseline of the Longitudinal Study of Brazilian Elderly (ELSI-Brazil), collected between 2015 and 2016, were used. Memory was measured by means of a 10-word list and executive function, by semantic verbal fluency, based on the naming of animals. Gender, age, education, and rural or urban residence were potentially confounding RESULTS Among the 9,412 ELSI-Brazil participants, 9,085 were included in the analysis; 53.9% were women and the average age was 63.0 (0.42) years. After adjusting for potential confounding variables, average scores for memory and verbal fluency were lower in the Northeast region and higher in the Midwest and Southeast, respectively. In the South region, higher scores were found for immediate and combined memory. In all regions, older participants and those with lower schooling had worse scores for memory and verbal fluency. CONCLUSIONS There are differences in cognitive function among older adults in the different macroregions, independent of age, gender, schooling, and rural or urban residence.

RESUMO OBJETIVO Investigar as variações macrorregionais da função cognitiva em amostra nacional representativa da população brasileira com 50 anos ou mais. MÉTODOS Foram utilizados dados da linha de base do Estudo Longitudinal dos Idosos Brasileiros (ELSI-Brasil), coletados entre 2015 e 2016. A memória foi aferida por meio de lista de 10 palavras e a função executiva, pela fluência verbal semântica, baseada na nomeação de animais. Como potenciais variáveis de confusão, incluímos: sexo, idade, escolaridade e residência rural ou urbana. RESULTADOS Entre os 9.412 participantes do ELSI-Brasil, 9.085 foram incluídos na análise; 53,9% eram mulheres e a média de idade foi 63,0 (0,42) anos. Após ajustes por potenciais variáveis de confusão, os escores médios para memória e fluência verbal foram menores na região Nordeste e maiores no Centro-Oeste e Sudeste, respectivamente. Na região Sul, foram encontrados maiores escores para memória imediata e combinada. Em todas as regiões, participantes mais velhos e com menor escolaridade apresentaram piores escores para memória e fluência verbal. CONCLUSÕES Existem diferenças na função cognitiva entre adultos mais velhos nas distintas macrorregiões, que são independentes da idade, sexo, escolaridade e residência rural ou urbana.
Descritores: Cognição/fisiologia
Transtornos da Memória/diagnóstico
-População Rural
População Urbana
Brasil/epidemiologia
Estudos Longitudinais
Escolaridade
Transtornos da Memória/fisiopatologia
Transtornos da Memória/epidemiologia
Pessoa de Meia-Idade
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1249216
Autor: Rad, Seyyede Narjes Hashemi; Kashani, Maryam Haji Ghasem; Abrari, Kataneh.
Título: Pre-treatment by Rosemary Extract or Cell Transplantation Improves Memory Deficits of Parkinson's Disease: When Tradition Meets the Future
Fonte: Braz. arch. biol. technol;64:e21180392, 2021. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT The therapeutic effect of adipose tissue-derived stem cells (ADSCs) or RE on hippocampal neurogenesis and memory in Parkinsonian rats were investigated. Male rats were lesioned by bilateral intra-nigral injections of 6-OHDA and divided into six groups: 1. Lesion 2 and 3: RE and water groups were lesioned rats pretreated with RE or water, from 2weeks before neurotoxin injection and treated once a day for 8weeks post lesion. 4&5: Cell and α-MEM (α-minimal essential médium) received intravenous injection of BrdU-labeled ADSCs or medium, respectively from 10days post lesion until 8weeks later. 6: Sham was injected by saline instead of neurotoxin. Memory was assessed using Morris water Maze (MWM), one week before and at 1, 4 and 8weeks post 6-OHDA lesion. After the last probe, the animals were sacrificed and brain tissue obtained. Paraffin sections were stained using cresyl violet, anti-BrdU (Bromodeoxyuridine / 5-bromo-2'-deoxyuridine), anti-GFAP (Glial fibrillary acidic protein) and anti-TH antibodies. There was a significant difference of time spent in the target quadrant between groups during probe trial at 4 and 8 weeks' post- lesion. Cell and RE groups spent a significantly longer period in the target quadrant and had lower latency as compared with lesion. Treated groups have a significantly higher neuronal density in hippocampus compared to water, α-MEM and lesion groups. BrdU positive cells were presented in lesioned sites. The GFAP (Glial fibrillary acidic protein) positive cells were reduced in treated and sham groups compared to the water, α-MEM and lesion groups. Oral administration of RE (Rosemary extract) or ADSCs injection could improve memory deficit in the Parkinsonian rat by neuroprotection.
Descritores: Doença de Parkinson/fisiopatologia
Rosmarinus
Transplante de Células-Tronco
Transtornos da Memória/terapia
-Teste do Labirinto Aquático de Morris
Hipocampo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1124785
Autor: Santana, Edileuza Teixeira; Coutinho, Gabriella Gonçalves; Silva, Daniel Vinícius Alves; Bernardes, Tatielle Aparecida Almeida; Camisasca, Luiza Rodrigues; Gusmão, Ricardo Otávio Maia; Araújo, Diego Dias de.
Título: Diagnósticos de enfermagem da taxonomia NANDA-I para idosos em instituição de longa permanência / Diagnósticos de enfermería de la taxonomía NANDA-I para ancianos en una institución a largo plazo / Nursing diagnoses of NANDA-I taxonomy for the elderly in a long-term institution
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;25(1):e20200104, 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivo identificar diagnósticos de enfermagem da Taxonomia da NANDA-I em idosos institucionalizados. Método estudo descritivo, conduzido com 116 idosos de uma instituição de longa permanência, realizado a partir da identificação de diagnósticos de enfermagem da Taxonomia da NANDA-I em um instrumento fundamentado no modelo teórico das Necessidades Humanas Básicas e validação por especialistas com suporte no raciocínio diagnóstico de Risner. Resultados identificou-se 1.555 títulos de diagnósticos de enfermagem para os 116 idosos, com uma média de 13,4 diagnósticos por idoso. Após exclusão de repetições foram obtidos 39 títulos distintos de diagnósticos. Entre eles, 26 (66,7%) são títulos de diagnósticos reais, 13 (33,3%) títulos de diagnósticos de risco e estão classificados em 8 dos 13 domínios da taxonomia da NANDA-I. Os diagnósticos de enfermagem mais frequentes foram: risco de quedas (94,8%); síndrome do idoso frágil (91,3%) e processos familiares disfuncionais (90,5%). Conclusão e implicações para a prática o perfil de diagnósticos de enfermagem identificado pode contribuir para o incremento de indicadores sensíveis à prática de enfermagem, com o planejamento e implementação de medidas assistenciais direcionadas as reais necessidades dos idosos institucionalizados impactando na autonomia, independência e consequentemente na qualidade de vida.

Resumen Objetivo identificar diagnósticos de enfermería de la taxonomía NANDA-I en ancianos institucionalizados. Método estudio descriptivo, realizado con 116 personas mayores de una residencia gerontológica, a partir de la identificación de diagnósticos de enfermería de la taxonomía NANDA-I en un instrumento basado en el modelo teórico de Necesidades Humanas Básicas y validado por especialistas con apoyo en razonamiento Diagnóstico de Risner. Resultados se indicaron 1.555 títulos de diagnóstico de enfermería para los 116 p edad adultos mayores, con un promedio de 13.4 diagnósticos por adulto mayor. Excluidas las repeticiones, se obtuvieron 39 títulos de diagnóstico diferentes. Entre ellos, 26 (66.7%) son títulos de diagnósticos reales, 13 (33.3%) son títulos de diagnósticos de riesgo, y se clasifican en 8 de los 13 dominios de la taxonomía NANDA-I. Los diagnósticos de enfermería más frecuentes fueron: riesgo de caídas (94,8%); síndrome de fragilidad del anciano (91.3%) y procesos familiares disfuncionales (90.5%). Conclusión e implicaciones para la práctica el perfil de los diagnósticos de enfermería identificados puede contribuir al aumento de indicadores sensibles a la práctica de enfermería, con la planificación e implementación de medidas de atención dirigidas a las necesidades reales de los ancianos institucionalizados, que impactan en la autonomía, independencia y consecuentemente calidad de vida.

Abstract Objective To identify nursing diagnoses of the NANDA-I Taxonomy in institutionalized older adults. Method A descriptive study, conducted with 116 older adults from a long-term institution, carried out based on the identification of nursing diagnoses of the NANDA-I Taxonomy in an instrument based on the theoretical model of Basic Human Needs and validation by experts with support in Risner's diagnosis reasoning. Results 1,555 nursing diagnosis titles were indicated for the 116 older adults, with a mean of 13.4 diagnoses per individual. After excluding repetitions, 39 different diagnosis titles were obtained. Among them, 26 (66.7%) are titles of real diagnoses, 13 (33.3%) are titles of risk diagnoses and are classified in 8 of the 13 domains of the NANDA-I taxonomy. The most frequent nursing diagnoses were the following: risk for falls (94.8%); frail elderly syndrome (91.3%), and dysfunctional family processes (90.5%). Conclusion and implications for the practice The profile of the nursing diagnoses identified can contribute to the increase of sensitive indicators to the nursing practice, with the planning and implementation of care measures directed to the real needs of institutionalized older adults, impacting on autonomy, independence and, consequently, on quality of life.
Descritores: Diagnóstico de Enfermagem/estatística & dados numéricos
Saúde do Idoso Institucionalizado
Terminologia Padronizada em Enfermagem
Instituição de Longa Permanência para Idosos
Casas de Saúde
-Perfil de Saúde
Acidentes por Quedas/estatística & dados numéricos
Estudos Transversais
Idoso Fragilizado
Relações Familiares/psicologia
Transtornos da Memória
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação


  4 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1047184
Autor: Alurralde, Micaela Belén.
Título: Asociación entre dolor crónico, deterioro cognitivo y demencia en una cohorte longitudinal de adultos mayores / Association Between Persistent Pain and Memory Decline and Dementia in a Longitudinal Cohort of Elders
Fonte: Evid. actual. práct. ambul;22(3):e001080., nov. 2019.
Idioma: es.
Descritores: Envelhecimento/fisiologia
Cognição/fisiologia
Demência/diagnóstico
Dor Crônica/diagnóstico
Transtornos da Memória/diagnóstico
-Fatores Socioeconômicos
Estados Unidos/epidemiologia
Medição da Dor
Atividades Cotidianas
Envelhecimento/psicologia
Estatística como Assunto
Estudos Longitudinais
Competência Mental
Demência/fisiopatologia
Demência/epidemiologia
Dor Crônica/psicologia
Dor Crônica/epidemiologia
Transtornos da Memória/fisiopatologia
Transtornos da Memória/epidemiologia
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  5 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-694487
Autor: Soares, Larissa Silva; Fenelon , Sheila Bernardino; Sousa, Camila de Matos Coutinho.
Título: Memória evocativa em pacientes não dementes com doença de Parkinson / Evocative memory in not demented patients with Parkinson disease
Fonte: Rev. bras. neurol;49(3):99-104, jul.-set. 2013. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: A doença de Parkinson (DP) é uma moléstia neuro-psiquiátrica caracterizada principalmente por manifestação motora - tremor de repouso, bradicinesia, rigidez e alterações do equilíbrio. No fim do século XIX, observou-se também comprometimento cognitivo na DP. Entre as alterações cognitivas, estão relacionados o déficit executivo e os distúrbios de memória, que podem ser a principal manifestação da demência de Parkinson. OBJETIVOS: Identificar alterações da memória evocativa em doentes de Parkinson não dementes, relacionando o estadiamento motor da doença com essas alterações. MÉTODOS: Foi utilizado o Protocolo para Diagnóstico e Tratamento da Demência de Alzheimer para caracterizar a memória evocativa de 11 pacientes assistidos no Hospital de Clínicas de Uberlândia, principalmente por meio dos testes "Reconhecimento de figuras" e "Lista de palavras". O estadiamento motor foi avaliado pela escala de Hoehn e Yahr. RESULTADOS: Formaram-se dois grupos de pacientes conforme os resultados obtidos. As variáveis Idade, Percepção visual, Memória incidental, Pontuação na primeira, segunda e terceira tentativa e Memória evocativa no teste Lista de Palavras não apresentaram diferença significativa entre os grupos. Já as variáveis Estádios da Doença de Parkinson segundo a Escala de Hoehne Yahr, Memória imediata 1, Memória imediata 2 e Evocação de 5 minutos apresentaram diferença significativa, e no grupo 2 estas variáveis foram menores. CONCLUSÃO: Não se estabeleceu relação entre a deterioração da memória global do portador da doença de Parkinson com seus prejuízos motores e a memória imediata não teve distinção da memória evocativa com a evolução da doença.

INTRODUCTION: Parkinson's disease (PD) is a neuropsychiatric disordercharacterized mainly by motor manifestations - resting tremor, bradykinesia, rigidity and balance disorders. In the late 19th century cognitive impairment was also observed in PD. Among the cognitive changes are included primarily executive deficits and memory disorders, which may be the primary manifestation of Parkinson's dementia. OBJECTIVES: To identify changes in evocative memory in not demented PD patients, relating to motor staging of the disease with these changes. METHODS: The protocol for Diagnosis and Treatment of Alzheimer's Disease was used to characterize evocative memory of 11 patients assisted at the Hospital de Clínicas de Uberlândia, mainly through the tests "Recognition of figures" and "Word List". The motor staging of patients was assessed with Hoehn and Yahr scale. RESULTS: Two groups of patients were formed according to the obtained results. The variables Age, Visual perception, Incidental memory score in the 1st, 2nd and 3rd trial and Evocative memory in the test Word List, did not present significant differences between the groups. The variables Stages of Parkinson's disease according to Hoehn and Yahr scale, an Immediate memory 1, Immediate memory 2, and 5 minutes retrieval, showed significant differences between the groups, with lower variables in the group 2. CONCLUSION: No relation was established between the global memory decline in Parkinson's diseasepatients, with their motor impairments, and immediate memory presentedno distinction in relation to the evocative memory with the course of the disease.
Descritores: Doença de Parkinson/complicações
Doença de Parkinson/diagnóstico
Demência/complicações
-Protocolos Clínicos
Transtornos Cognitivos/diagnóstico
Progressão da Doença
Transtornos da Memória/diagnóstico
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR14.1 - Biblioteca Central


  6 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-728684
Autor: Oliveira, Ecila P; Neri, Marina L; Capelatto, Lívia L; Guimarães, Catarina A; Guerreiro, Marilisa M.
Título: Rolandic epilepsy and dyslexia / Epilepsia rolândica e dislexia
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;72(11):826-831, 11/2014. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; . Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: Objective Although benign epilepsy with centrotemporal spikes (BECTS) is an idiopathic, age-related epilepsy syndrome with favorable outcome, recent studies have shown impairment in specific neuropsychological tests. The objective of this study was to analyze the comorbidity between dyslexia and BECTS. Method Thirty-one patients with clinical and electroencephalographic diagnosis of BECTS (group A) and 31 paired children (group B) underwent a language and neuropsychological assessment performed with several standardized protocols. Our findings were categorized as: a) dyslexia; b) other difficulties; c) without difficulties. Our results were compared and statistically analyzed. Results Our data showed that dyslexia occurred in 19.4% and other difficulties in 74.2% of our patients. This was highly significant when compared with the control group (p<0.001). Phonological awareness, writing, reading, arithmetic, and memory tests showed a statistically significant difference when comparing both groups. Conclusion Our findings show significant evidence of the occurrence of dyslexia in patients with BECTS. .

Objetivo Apesar da epilepsia benigna da infância com espículas centrotemporais (EBICT) ser uma síndrome epiléptica considerada idiopática, idade-relacionada e de evolução favorável, estudos recentes têm mostrado que essas crianças apresentam prejuízo em testes neuropsicológicos específicos. O objetivo desse estudo foi analisar a comorbidade entre EBICT e dislexia. Método Trinta e um pacientes com diagnóstico clínico e eletrencefalográfico de EBICT (grupo A) e 31 crianças pareadas (grupo B) foram submetidos à avaliação neuropsicológica e de linguagem com vários protocolos estandardizados. Nossos achados foram categorizados em: a) dislexia; b) outras dificuldades; c) sem dificuldades. Nossos resultados foram comparados e analisados estatisticamente. Resultados Os dados mostraram que dislexia ocorreu em 19,4% e outras dificuldades em 74,2% dos nossos pacientes. Esses números foram altamente significativos quando comparados com o grupo controle (p<0,001). Consciência fonológica, leitura, escrita, aritmética e testes de memória mostraram diferença estatisticamente significante quando foram comparados os dois grupos. Conclusão Nossos dados mostraram que há evidência da ocorrência de dislexia em pacientes com EBICT. .
Descritores: Epilepsia Rolândica/fisiopatologia
Dislexia/fisiopatologia
-Conscientização/fisiologia
Redação
Estudos de Casos e Controles
Comorbidade
Estatísticas não Paramétricas
Eletroencefalografia
Testes de Linguagem
Transtornos da Memória/fisiopatologia
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-776441
Autor: Avila, Renata; Lopes, Marcos Antonio; Nakano, Eduardo Y; Bottino, Cassio M C.
Título: Normative data of Fuld Object Memory Evaluation test for brazilian elderly population / Dados normativos do teste Fuld Object Memory Evaluation para a população de idosos brasileiros
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;74(2):138-144, Feb. 2016. tab.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP.
Resumo: ABSTRACT Objective This study aims to present normative data for Fuld Object Memory Evaluation test stratified by sex, gender, age, and education for the Brazilian elderly population. Method We evaluated 2.132 healthy elderly both genders, with a mean age of 70.30 years (± 7.28) from two community-based samples in Brazil drawn from different economic areas who were screened with cognitive and functional tests and the memory test. Statistical analyses were performed by independent t-test, one-way analysis of variance and multiple linear regression. Results Statistical analyses showed that memory scores tend to improve significantly with increasing years of education and decrease significantly as age increased. Conclusion We conclude that gender, education and age had effect on the Fuld Object Memory Evaluation performance in this Brazilian community-based sample.

RESUMO Objetivo Este estudo tem como objetivo apresentar dados normativos para o teste de Fuld Object Memory Evaluation estratificada por sexo, idade e educação para a população idosa brasileira. Método Foram avaliados 2.132 idosos saudáveis de ambos os sexos com idade média de 70,30 anos (± 7,28) a partir de duas amostras de base comunitária no Brasil provenientes de diferentes áreas economicas que foram selecionados com testes cognitivos e funcionais e o teste de memória. Resultados As análises estatísticas mostraram que os escores de memória tendem a melhorar significativamente com o aumento de anos de educação e diminuir significativamente o aumento da idade. Conclusão Conclui-se que gênero , escolaridade e idade tem efeito sobre o desempenho no teste Fuld Object Memory Evaluation nesta amostra da comunidade brasileira.
Descritores: Transtornos da Memória/diagnóstico
-Fatores Socioeconômicos
Brasil
Fatores Etários
Escolaridade
Testes Neuropsicológicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-784185
Autor: Liang, Wenna; Zhao, Xiaoyang; Feng, Jinping; Song, Fenghua; Pan, Yunzhi.
Título: Ursolic acid attenuates beta-amyloid-induced memory impairment in mice / Ácido ursólico atenua a perda de memória induzida por beta-amilóide em ratos
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;74(6):482-488, June 2016. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective Increasing evidence demonstrates that oxidative stress and inflammatory are involved in amyloid β (Aβ)-induced memory impairments. Ursolic acid (UA), a triterpenoid compound, has potent anti-inflammatory and antioxidant activities. However, it remains unclear whether UA attenuates Aβ-induced neurotoxicity. Method The aggregated Aβ25-35 was intracerebroventricularly administered to mice. Results We found that UA significantly reversed the Aβ25-35-induced learning and memory deficits. Our results indicated that one of the potential mechanisms of the neuroprotective effect was attenuating the Aβ25-35-induced accumulation of malondialdehyde (MDA) and depletion of glutathione (GSH) in the hippocampus. Furthermore, UA significantly suppressed the upregulation of IL-1β, IL-6, and tumor necrosis-α factor levels in the hippocampus of Aβ25-35-treated mice. Conclusion These findings suggest that UA prevents memory impairment through amelioration of oxidative stress, inflammatory response and may offer a novel therapeutic strategy for the treatment of Alzheimer’s disease.

RESUMO Objetivo Há evidências crescentes de que o estresse oxidativo e a inflamação estão envolvidos na perda de memória induzida pelo peptídeo beta-amilóide (βA). O ácido ursólico (AU), um composto triterpenóide, apresenta atividades anti-inflamatórias e antioxidantes potentes. Entretanto, não se sabe ainda se o AU atenua a neurotoxicidade induzida pelo βA. Método O agregado βA 25-35 foi administrado aos ratos por via intracerebroventricular. Resultados Observou-se que o AU reverteu significativamente os déficits de aprendizado e de memória induzidos pelo βA 25-35. Portanto, um dos potenciais mecanismos do efeito neuroprotetor seria a atenuação do acúmulo de malondialdeído e a depleção de glutationa no hipocampo induzidos pelo βA 25-35. Além disso, o AU suprimiu significativamente a supra regulação dos níveis de IL-1β, IL-6 e do fator de necrose tumoral α no hipocampo dos ratos tratados com βA 25-35. Conclusão Esses achados sugerem que o AU previne a perda de memória através da melhora do estresse oxidativo e da resposta inflamatória, podendoproporcionar uma nova estratégia terapêutica para o tratamento da doença de Alzheimer.
Descritores: Triterpenos/administração & dosagem
Peptídeos beta-Amiloides/toxicidade
Estresse Oxidativo/efeitos dos fármacos
Fármacos Neuroprotetores/administração & dosagem
Transtornos da Memória/prevenção & controle
-Aprendizagem em Labirinto
Transtornos da Memória/induzido quimicamente
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 259 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-796042
Autor: Rajaei, Z; Hosseini, M; Alaei, H.
Título: Effects of crocin on brain oxidative damage and aversive memory in a 6-OHDA model of Parkinson's disease / Efeitos da crocina no dano oxidativo cerebral e na memória aversiva em um modelo 6-OHDA de doença de Parkinson
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;74(9):723-729, Sept. 2016. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT The purpose of the present study was to investigate the effect of crocin on brain oxidative damage and memory deficits in a 6-hydroxydopamine (6-OHDA) model of Parkinson’s disease. Male Wistar rats were subjected to unilateral injection of 6-OHDA (16 µg) into the medial forebrain bundle and treated with crocin (30 and 60 mg/kg) for six weeks. The rats were tested for memory performance at six weeks after 6-OHDA infusion, and then were killed for the estimation of biochemical parameters. The increase in thiobarbituric acid reactive substances (TBARS) and nitrite levels in the hippocampus were observed in the 6-OHDA lesioned rats, which was accompanied by memory deficits in a passive avoidance test at the end of week 6. Moreover, treatment with crocin decreased TBARS and nitrite levels in the hippocampus, and improved aversive memory. The present study conclusively demonstrated that crocin acts as an antioxidant and anti-inflammatory agent in the hippocampus of parkinsonian rats and could improve aversive memory through its properties.

RESUMO O objetivo do presente estudo foi investigar o efeito da crocina no dano oxidativo cerebral e nos déficits de memória em um modelo 6-OHDA de doença de Parkinson. Ratos Wistar machos foram submetidos à injeção unilateral de 6-OHDA (16 μg) em MFB e tratados com crocina (30 e 60 mg/kg), durante 6 semanas. Os ratos foram testados quanto ao desempenho da memória 6 semanas após a infusão de 6-OHDA, e, em seguida, foram sacrificados para a estimativa dos parâmetros bioquímicos. O aumento nos níveis de TBARS e de nitrito no hipocampo foram observados em ratos 6-OHDA lesionados, acompanhado por déficits de memória em um teste de esquiva passiva no final da semana 6. Além disso, o tratamento com crocina diminuiu os níveis de nitrito e de TBARS no hipocampo e melhorou a memória aversiva. O presente estudo demonstrou conclusivamente que a crocina age como um antioxidante e um agente anti-inflamatório no hipocampo de ratos parkinsonianos e pode melhorar a memória aversiva através de suas propriedades.
Descritores: Doença de Parkinson/tratamento farmacológico
Carotenoides/farmacologia
Córtex Cerebral/efeitos dos fármacos
Estresse Oxidativo/efeitos dos fármacos
Transtornos da Memória/prevenção & controle
Antioxidantes/farmacologia
-Doença de Parkinson/fisiopatologia
Doença de Parkinson/metabolismo
Compostos de Sulfidrila/análise
Peroxidação de Lipídeos/efeitos dos fármacos
Distribuição Aleatória
Córtex Cerebral/fisiopatologia
Córtex Cerebral/metabolismo
Oxidopamina
Substâncias Reativas com Ácido Tiobarbitúrico/análise
Ratos Wistar
Modelos Animais de Doenças
Glutationa Peroxidase/análise
Glutationa Peroxidase/efeitos dos fármacos
Memória/efeitos dos fármacos
Memória/fisiologia
Transtornos da Memória/fisiopatologia
Transtornos da Memória/metabolismo
Nitritos/análise
Limites: Animais
Masculino
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 259 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Ramos, Luiz Roberto
Texto completo
Id: biblio-838893
Autor: Krug, Rodrigo de Rosso; Silva, Anna Quialheiro Abreu da; Schneider, Ione Jayce Ceola; Ramos, Luiz Roberto; d'Orsi, Eleonora; Xavier, André Junqueira.
Título: Cognitive cooperation groups mediated by computers and internet present significant improvement of cognitive status in older adults with memory complaints: a controlled prospective study / Grupos de Cooperação Cognitiva mediados pelo uso de computadores e internet mostram uma melhora significativa no estado cognitivo em idosos com queixas de memória: estudo controlado prospectivo
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;75(4):228-233, Apr. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To estimate the effect of participating in cognitive cooperation groups, mediated by computers and the internet, on the Mini-Mental State Examination (MMSE) percent variation of outpatients with memory complaints attending two memory clinics. Methods A prospective controlled intervention study carried out from 2006 to 2013 with 293 elders. The intervention group (n = 160) attended a cognitive cooperation group (20 sessions of 1.5 hours each). The control group (n = 133) received routine medical care. Outcome was the percent variation in the MMSE. Control variables included gender, age, marital status, schooling, hypertension, diabetes, dyslipidaemia, hypothyroidism, depression, vascular diseases, polymedication, use of benzodiazepines, exposure to tobacco, sedentary lifestyle, obesity and functional capacity. The final model was obtained by multivariate linear regression. Results The intervention group obtained an independent positive variation of 24.39% (CI 95% = 14.86/33.91) in the MMSE compared to the control group. Conclusion The results suggested that cognitive cooperation groups, mediated by computers and the internet, are associated with cognitive status improvement of older adults in memory clinics.

RESUMO Objetivo Avaliar o efeito da participação em Grupos de Cooperação Cognitiva mediados por computadores e internet na variação do Mini-Exame de Estado Mental (MEEM) de pacientes ambulatoriais com queixas de memória, participantes de duas clínicas de memória. Métodos Estudo prospectivo de intervenção controlada, realizado em 2006-2013 com 293 idosos. O grupo de intervenção (n = 160) participou de um Grupo de Cooperação Cognitiva (20 sessões de 1,5 horas cada). O grupo controle (n = 133) recebeu acompanhamento médico. O desfecho foi a variação percentual no MEEM. As variáveis de controle incluíram genêro, idade, estado civil, escolaridade, hipertensão, diabetes, dislipidemia, hipotiroidismo, depressão, doenças cardiovasculares, polimedicação, uso de benzodiazepínicos, exposição ao tabaco, sedentarismo, obesidade e capacidade funcional. Todas as variáveis foram coletadas antes e após a intervenção. O modelo multivariado final foi obtido por regressão linear múltipla. Resultados O grupo de intervenção obteve variação positiva independente de 24,39% (IC95% = 14.86/33.91) no MEEM em relação ao grupo controle. Conclusão Os resultados deste estudo sugerem que o grupo de intervenção, mediados por computadores e internet estão associados com melhora do status cognitivo em idosos de clínicas de memória.
Descritores: Transtornos Cognitivos/reabilitação
Comportamento Cooperativo
Internet
Processos Grupais
Transtornos da Memória/reabilitação
-Fatores Socioeconômicos
Estudos Prospectivos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 26 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde