Base de dados : LILACS
Pesquisa : C10.720.475.400 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 13 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 13 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-866470
Autor: Duarte, Josilene Luciene.
Título: Potencial evocado auditivo cortical, análise bioquímica e morfológica em cérebro de ratos submetidos a tratamento subcrônico com chumbo: efeito protetor da suplementação com ferro / Cortical Auditory Evoked Potential, biochemical and morphological analysis in brain of rats treated with subchronic lead: protective effect of supplementation with iron.
Fonte: Bauru; s.n; 2013. 108 p. tab, ilus, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O chumbo (Pb) é um metal pesado que pode ocasionar alterações nos sistemas nervoso central (SNC) e auditivo. Faltam estudos que demonstrem tais alterações clínicas, em conjunto com as alterações bioquímicas e morfológicas em cérebro de ratos expostos ao Pb. Tem sido relatado que o ferro (Fe) tem um efeito protetor na toxicidade cerebral causada pelo Pb. O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade elétrica cerebral, analisar a concentração de Pb no sangue e tecido cerebral, e observar o aspecto morfológico do cérebro de ratos intoxicados por Pb, submetidos à suplementação com Fe ou não. Foi realizado um projeto piloto utilizando 20 ratos machos recém-desmamados (Rattus norvegicus, variedade Wistar), que foram divididos em 5 grupos, sendo um controle e 4 experimentais (n=4/grupo). Nos grupos experimentais, os animais receberam por 6 semanas acetato de chumbo em água de beber nas concentrações de 100 mg/L e 400 mg/L de Pb, e em dois destes grupos houve administração simultânea de 20 mg/Kg de FeSO4 a cada 2 dias, por gavagem gástrica, e no outro não. O grupo controle recebeu, água deionizada. Após estabelecida a relação entre o Pb administrado e a dosagem deste no sangue (10 μgPb/dL e 30 μgPb/dL para as dosagens 100 e 400 mg/L de Pb, respectivamente), o experimento foi realizado com 30 ratos recém-desmamados divididos em 6 grupos (n=5/grupo). Os cinco primeiros foram idênticos aos empregados no estudo piloto, incluindo um grupo no qual os animais receberam água deionizada e 20 mg/Kg FeSO4 por gavagem gástrica a cada 2 dias, por 6 semanas. Após o período experimental, foi realizado o Potencial Evocado Auditivo Cortical (PEAC) com a análise da latência dos componentes P1, N1 e P2. Após a eutanásia, o cérebro dos animais foi removido, submetido ao processamento histológico (hematoxilina e eosina) e analisado ao microscópio óptico. Os dados foram analisados por ANOVA/Tukey, Kruskal-Wallis/Dunn e regressão linear (p<0,05). Foi observada uma dose-resposta...

Lead (Pb) is a heavy metal that may cause alterations in the central nervous system (CNS) and auditory system. There is lack of studies demonstrating these clinical alterations, combined to the biochemical and morphological alterations in the brain of rats exposed to Pb. It has been reported that iron (Fe) has a protective effect on the brain toxicity caused by Pb. This study evaluated the electrical brain activity, analyzed the Pb concentration in blood and brain tissue, and observed the morphological aspect of the brain in rats intoxicated by Pb, submitted or not to Fe supplementation. A pilot study was conducted on 20 recently weaned male rats (Rattus norvegicus, Wistar type) divided in 5 groups, being one control and 4 experimental (n=4/group). In the experimental groups, the animals received lead acetate in drinking water for 6 weeks at concentrations of 100 mg/L and 400 mg/L of Pb, and in two of these groups there was simultaneous administration of 20 mg/Kg of FeSO4 at every 2 days, by gastric gavage. The control group received deionized water. After establishing the relationship between the administered Pb and its concentration in blood (10 μgPb/dL and 30 μgPb/dL for concentrations of 100 and 400 mg/L of Pb, respectively), the study was conducted on 30 recently weaned rats divided in 6 groups (n=5/group). The five first groups were identical to those used in the pilot study, including one group in which the animals received deionized water and 20 mg/Kg FeSO4 by gastric gavage at every 2 days, for 6 weeks. After the study period, the Cortical Auditory Evoked Potential (CAEC) was applied for analysis of latency of the components P1, N1 and P2. The animals were killed, their brains were removed and submitted to histological processing (hematoxylin and eosin) for light microscopy analysis. Data were analyzed by the ANOVA/Tukey, Kruskal-Wallis/Dunn and linear regression tests (p<0.05). A dose- response relationship was observed in the Pb concentration...
Descritores: Cérebro
Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Encefálico
Ferro na Dieta/uso terapêutico
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/terapia
-Chumbo/sangue
Ratos Wistar
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta
BR28.1


  2 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-711399
Autor: Figueiredo, Bernardino Ribeiro(org); Capitani, Eduardo M. de(org); Anjos, José Ângelo S. A. dos(org); Luiz-Silva, Wanilson(org).
Título: Chumbo, ambiente e saúde: o desafio do controle da exposição humana / Lead, environment and health: the challenge of controlling human exposure.
Fonte: São Paulo; Annablume; 2012. 271 p. ilus, mapas, tab, graf. (Cidadania e meio ambiente).
Idioma: pt.
Resumo: Esta publicação reúne estudos abrangentes sobre as fontes e distribuição do chumbo no ambiente, desafios ao controle da exposição humana, e resultados das investigações realizadas nas principais áreas contaminadas por chumbo no Brasil. Reúne textos de pesquisadores do Brasil, Uruguai e Portugal, abordando também aspectos sobre efeitos do chumbo no organismo humano, como danos ao sistema nervoso central e outros agravos à saúde
Descritores: Chumbo/efeitos adversos
Chumbo/toxicidade
Meio Ambiente
Meio Ambiente
Intoxicação por Chumbo/prevenção & controle
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
-Poluição Costeira/efeitos adversos
Sistemas de Informação Geográfica/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Bibliografia
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 363.738492, F475c


  3 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-689385
Autor: Duarte, Josilene Luciene.
Título: Potencial evocado auditivo cortical, análise bioquímica e morfológica em cérebro de ratos submetidos a tratamento subcrônico com chumbo: efeito protetor da suplementação com ferro / Cortical auditory evoked potential, biochemical and morphological analysis in brain of rats treated with subchronic lead: protective effect of supplementation with iron.
Fonte: Bauru; s.n; 2013. 108 p. tab, ilus, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O chumbo (Pb) é um metal pesado que pode ocasionar alterações nos sistemas nervoso central (SNC) e auditivo. Faltam estudos que demonstrem tais alterações clínicas, em conjunto com as alterações bioquímicas e morfológicas em cérebro de ratos expostos ao Pb. Tem sido relatado que o ferro (Fe) tem um efeito protetor na toxicidade cerebral causada pelo Pb. O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade elétrica cerebral, analisar a concentração de Pb no sangue e tecido cerebral, e observar o aspecto morfológico do cérebro de ratos intoxicados por Pb, submetidos à suplementação com Fe ou não. Foi realizado um projeto piloto utilizando 20 ratos machos recém-desmamados (Rattus norvegicus, variedade Wistar), que foram divididos em 5 grupos, sendo um controle e 4 experimentais (n=4/grupo). Nos grupos experimentais, os animais receberam por 6 semanas acetato de chumbo em água de beber nas concentrações de 100 mg/L e 400 mg/L de Pb, e em dois destes grupos houve administração simultânea de 20 mg/Kg de FeSO4 a cada 2 dias, por gavagem gástrica, e no outro não. O grupo controle recebeu, água deionizada. Após estabelecida a relação entre o Pb administrado e a dosagem deste no sangue (10 μgPb/dL e 30 μgPb/dL para as dosagens 100 e 400 mg/L de Pb, respectivamente), o experimento foi realizado com 30 ratos recém-desmamados divididos em 6 grupos (n=5/grupo). Os cinco primeiros foram idênticos aos empregados no estudo piloto, incluindo um grupo no qual os animais receberam água deionizada e 20 mg/Kg FeSO4 por gavagem gástrica a cada 2 dias, por 6 semanas. Após o período experimental, foi realizado o Potencial Evocado Auditivo Cortical (PEAC) com a análise da latência dos componentes P1, N1 e P2. Após a eutanásia, o cérebro dos animais foi removido, submetido ao processamento histológico (hematoxilina e eosina) e analisado ao microscópio óptico. Os dados foram analisados por ANOVA/Tukey, Kruskal-Wallis/Dunn e regressão linear (p<0,05). Foi observada uma dose-resposta...

Lead (Pb) is a heavy metal that may cause alterations in the central nervous system (CNS) and auditory system. There is lack of studies demonstrating these clinical alterations, combined to the biochemical and morphological alterations in the brain of rats exposed to Pb. It has been reported that iron (Fe) has a protective effect on the brain toxicity caused by Pb. This study evaluated the electrical brain activity, analyzed the Pb concentration in blood and brain tissue, and observed the morphological aspect of the brain in rats intoxicated by Pb, submitted or not to Fe supplementation. A pilot study was conducted on 20 recently weaned male rats (Rattus norvegicus, Wistar type) divided in 5 groups, being one control and 4 experimental (n=4/group). In the experimental groups, the animals received lead acetate in drinking water for 6 weeks at concentrations of 100 mg/L and 400 mg/L of Pb, and in two of these groups there was simultaneous administration of 20 mg/Kg of FeSO4 at every 2 days, by gastric gavage. The control group received deionized water. After establishing the relationship between the administered Pb and its concentration in blood (10 μgPb/dL and 30 μgPb/dL for concentrations of 100 and 400 mg/L of Pb, respectively), the study was conducted on 30 recently weaned rats divided in 6 groups (n=5/group). The five first groups were identical to those used in the pilot study, including one group in which the animals received deionized water and 20 mg/Kg FeSO4 by gastric gavage at every 2 days, for 6 weeks. After the study period, the Cortical Auditory Evoked Potential (CAEC) was applied for analysis of latency of the components P1, N1 and P2. The animals were killed, their brains were removed and submitted to histological processing (hematoxylin and eosin) for light microscopy analysis. Data were analyzed by the ANOVA/Tukey, Kruskal-Wallis/Dunn and linear regression tests (p<0.05). A dose- response relationship was observed in the Pb concentration...
Descritores: Cérebro
Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Encefálico
Ferro na Dieta/uso terapêutico
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/terapia
-Chumbo/sangue
Ratos Wistar
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta
BR28.1


  4 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-686161
Autor: Silva, Marcelo Campos Appel da; D'Incao, Rafael Bergesch; Lul, Rodrigo Mayer; Renon, Viviane Plasse; Mattos, Ângelo Zambam de.
Título: Manifestações gastrintestinais e diagnóstico de intoxicação por chumbo: relato de dois casos / Gastrintestinal manifestations and diagnosis of lead intoxication: report of two cases
Fonte: Rev. AMRIGS;57(1):61-63, jan.-mar. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: O chumbo é um metal utilizado amplamente na indústria automotiva, bem como na produção de soldas, tintas, cerâmicas e na manufatura de baterias. Pode ser absorvido pelo corpo humano, principalmente por via respiratória, através de vapores. Quando em contato com hemácias, liga-se avidamente e se distribui por todo organismo, causando a doença ocupacional, chamada saturnismo. O principal sistema afetado é o sistema nervoso central, com sintomas de encefalopatia de variados graus. Assim, trabalhadores que manipulam essa substância devem utilizar proteção adequada. No presente trabalho, são relatados dois casos de intoxicação aguda pelo chumbo, associadas à exposição ocupacional.

Lead is a metal that is widely used in the automotive industry as well as in the production of solders, paints, ceramics and in the manufacturing of batteries. It can be absorbed by the human body, mainly by the respiratory route, through vapors. When in contact with red blood cells, lead binds avidly and is distributed throughout the body, causing the occupational disease called lead poisoning. The main system affected is the central nervous system with symptoms of encephalopathy, in varying degrees. Thus, workers who handle this substance should use adequate protection. In this paper we report two cases of acute poisoning by lead associated with occupational exposure.
Descritores: Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
Exposição Ocupacional
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR18.1 - Biblioteca FAMED/HCPA


  5 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Araújo, Ulisses César de
Texto completo
Id: lil-563749
Autor: Araujo, Ulisses Cesar de.
Título: Comportamento rotacional em Teste de Nado Livre como um modelo em roedores para estudo da neurotoxicidade do chumbo durante a vida adulta / Rotational behavior in free-swimming test as a model in rodents to study the neurotoxicity of lead during adulthood.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2009. 71 p. tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Ciências Médicas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A exposição ao chumbo ainda permanece como um sério problema de saúde pública, especialmente nos países em desenvolvimento como o Brasil. Apesar do número crescente de estudos mostrando déficits neurocomportamentais em indivíduos expostos ocupacionalmente ao chumbo, os mecanismos envolvidos com a manifestação destes transtornos permanecem pouco conhecidos. Desta forma, o uso de modelos animais abre grandes possibilidades, não somente de investigação dos mecanismos biológicos envolvidos com a toxicidade do chumbo, mas também na elaboração de estratégias para proteção e/ou reversão dos seus efeitos. Portanto, o objetivo central deste trabalho foi avaliar o potencial do comportamento rotacional, medido em testes de nado livre, como um modelo em roedores para estudo dos efeitos neurocomportamentais da exposição ao chumbo durante a vida adulta. Para tanto, foram realizados três estudos. No primeiro, avaliamos os efeitos da exposição subcrônica (60-90 dias) ao chumbo sobre a atividade locomotora no teste de nado livre e em um teste tradicionalmente utilizado para avaliar a ação de substâncias neurotóxicas sobre a locomoção, o campo aberto. Enquanto no campo aberto não foram encontradas diferenças significativas entre o grupo exposto e o grupo controle, no teste de nado livre, os animais expostos ao chumbo apresentaram maior atividade natatória e menor quantidade de alternâncias espontâneas no sentido de natação que o grupo controle. No segundo estudo, observamos que a magnitude dos efeitos do chumbo no teste de nado livre variou em função da consistência da lateralidade, sendo os resultados mais pronunciados no grupo de animais não consistentes (com menor lateralidade). Nos dois estudos, os efeitos do chumbo foram independentes do nível de chumbo em sangue (PbS) dos animais expostos. No terceiro estudo, mostramos um aumento dos níveis de glutationa oxidada no cérebro somente no grupo de animais com PbS acima de 60 ug/dL...

Lead exposure continues to be a serious public health problem, particularly in developing countries such as Brazil. Despite the increasing number of studies showing neurobehavioral deficits in people occupationally exposed to lead, the mechanisms involved in the manifestation of these problems remain largely unknown. In this sense, the use of animal models opens up the possibility of not only investigating the biological mechanisms associated with lead toxicity but also of elaborating strategies aiming at protecting individuals against its ill effects or even reversing those that already present. Therefore, the main objective of the present work was to assess the potential of the rotatory behavior in the free-swimming test as a rodent model for studying of the neurobehavioral effects adult life lead exposure. In the first study, we analyzed the effect of subchronic lead exposure on motor activity in the free-swimming test and in open-field test, which has been traditionally used to assess the effects of toxic substances on locomotion. While no significant differences were observed between the exposed and control groups in the open-field, in the free-swimming test, lead exposed animals displayed increased natatory activity and fewer spontaneous alterations in the direction of locomotion in comparison with the control group. In the second study, we observed that the magnitude of the effects of lead exposure varied as a function of the consistency of the lateralization, being the results more pronounced in inconsistent animals (lesser degree of lateralization). In both studies, the effects of lead were not dependent on blood levels of lead exposed animals. In the third study, we demonstrated a significant increase in the levels of oxidized glutathione in the brain (indicative of oxidative stress) only in the group of animals that had lead levels above 60 ug/dL. Based in these results, we can conclude that: 1) Rotatory behavior in the free-swimming test...
Descritores: Atividade Motora
Comportamento Animal
Chumbo/efeitos adversos
Chumbo/toxicidade
Glutationa/farmacologia
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
Lateralidade Funcional
Lateralidade Funcional/fisiologia
Manifestações Neurocomportamentais
-Natação/fisiologia
Limites: Animais
Adulto
Camundongos
Responsável: BR1365.1 - Biblioteca Biomédica A - CB/A
BR1365.1


  6 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-559353
Autor: Juruena, Mário Francisco P.
Título: Exposição ao chumbo: consequências neuropsiquiátricase comportamentais / Exposure to lead: neuropsychiatric and behavioral consequences
Fonte: Medicina (Ribeiräo Preto);42(3):296-300, jul.-set. 2009.
Idioma: pt.
Resumo: Em praticamente todo tipo de exposição a chumbo, considerando a duração a curto ou longo prazos, em altas ou baixas concentrações, o órgão crítico alvo é sempre o cérebro, promovendo sinais e sintomas tais como, cefaléia, perda de memória, perda da concentração e atenção em tarefas corriqueiras, alterações de humor, com irritabilidade, depressão, insônia (ou sonolência excessiva). Alguns estudos têm demonstrado evidências de que, mesmo em níveis de exposição relativamente baixos, o Chumbo(Pb) detectável foi associado com déficit nas funções cognitivas, intelectuais e funcionamento executivo, comportamentos antissociais, e transtorno de déficit de atenção e hiperatividade déficit. Outros estudos foram capazes de demonstrar que a redução dos níveis de exposição ao Pb pode ser responsável pela redução dos níveis de impulsividade, agressividade e criminalidade em adolescentes. Por fim evidências suportam a hipótese de que as exposições ao Pb podem perturbar o desenvolvimento do SNC, e estão associadas com esquizofrenia e transtornos de psicoses relacionados. Alguns estudos que relatam uma relação estrutura-função e psicopatologia são abordados nesta revisão.

In virtually every type of exposure to lead, considering the short term or long term in high or low concentrations, the critical target organ is always the brain, encouraging signs and symptoms such as headache, memory loss, loss of concentration and attention in tasks occurring, changes in mood, with irritability, depression, insomnia (or excessive sleepiness). Several studies have shown evidence that, evenat relatively low exposure levels, lead (Pb) was detected associated with deficits in cognitive functions, intellectual and executive functioning, personality disorder like antisocial behavior and attention-deficithy peractivity deficit disorder. Other studies were able to demonstrate that reducing the levels of exposureto Pb can be responsible for reducing levels of impulsivity, aggression and crime among adolescents. Finally evidence supporting the hypothesis that exposure to Pb can disrupt the development of the central nervous system and are associated with schizophrenia and related psychotic disorders. Some studies that reported a relationship between structure-function and psychopathology are are also discussed in this review.
Descritores: Chumbo/toxicidade
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
Transtornos Mentais
Manifestações Neurocomportamentais
Psicopatologia
Grau de Concentração de Radionuclídeo
Limites: Humanos
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  7 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-559352
Autor: Marturano, Edna M; Elias, Luciana C. S.
Título: Efeitos cognitivos, neuropsicológicos e comportamentais da exposição a baixas concentrações de chumbo na infância / Cognitive, neuropsychological, and behavioral effects oflow-level lead exposure in childhood
Fonte: Medicina (Ribeiräo Preto);42(3):291-295, jul.-set. 2009.
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho consiste em uma revisão bibliográfica a respeito da exposição ao chumbo em baixas concentrações e seus efeitos em crianças. Apesar do limite tolerado de chumbo no sangue, fixado pela OMS em 10mg/dl, diversos estudos transversais e longitudinais têm apontado que doses abaixo desse limite também geram consequências negativas no desenvolvimento infantil. Na primeira infância, observa-se correlação entre exposição pré-natal ao chumbo e déficits cognitivos; e correlação inversa entre níveis correntes de chumbo no sangue e desempenho cognitivo. A exposição a baixos níveis de chumbo na primeira infância também foi associada a prejuízo no desempenho cognitivo e escolar anos depois. Exposição ao chumbo na fase escolar tem sido associada a problemas no desempenho acadêmico, na atenção e em funções neuropsicológicas diversas. Estudos recentes detectaram ligação entre baixa exposição ao chumbo e problemas de comportamento na criança. A evidência acumulada indica risco de prejuízo neuropsicológico e adaptativo em crianças expostas abaixos níveis de chumbo. Os danos são maiores em concentrações muito baixas, inferiores ao nível tolerado pela OMS, indicando a necessidade de trabalhos de prevenção.

This is a literature review about low-level lead exposure and its effects on children. Although the current World Health Organization blood level of concern stands at 10 mg/dL, numerous prospective and cross sectional studies have extended the association of blood lead and developmental impairment to lower levels of lead exposure. During early childhood, there is a positive association between prenatal low-level-lead exposure and cognitive deficits. There is also a negative correlation between current blood lead level and cognitive performance. Low-level lead exposure in early childhood predicts cognitive and academic under achievement years later. During the school years, low-level lead exposure is concurrently associated to impairments in academic achievement, attention, and several neuropsychological functions. Recent investigations have detected a relationship between lead exposure and behavior problems in children. The evidence points to the neuropsychological and adaptive risks of low-level lead exposure during early and middle childhood and suggests that there is no safety margin at existing exposures. Harm is greater in very small concentrations, below the current WHO level of concern, thus indicating the need for prevention efforts.
Descritores: Chumbo/efeitos adversos
Chumbo/toxicidade
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
Manifestações Neurocomportamentais
Neuropsicologia
Baixo Rendimento Escolar
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  8 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Spínola, Ademário Galväo
Id: lil-559211
Autor: Spínola, Ademário Galvão.
Título: Avaliação dos efeitos tóxicos sobre o sistema nervoso periférico, decorrentes da exposição ocupacional ao chumbo / Evaluation of toxic effects on the peripheral nervous system, as a consequence of the occupational exposure to lead.
Fonte: Salvador; s.n; 2005. 138 p. tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. Centro de Pesquisas Gonçalo Moniz para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Após descrever a interação do homem com meio ambiente, em particular nas atividades laborativas, se destaca a extração e o processamento dos minérios de chumbo como importante fonte de exposição ocupacional a este metal, que gerou no passado grandes casuísticas de intoxicação. Em seguida é feito um relato de como ocorreu a exposição ocupacional ao chumbo em Santo Amaro da Purificação na Bahia, e uma revisão da toxicologia deste metal, identificando-se a necessidade de se trabalhar com indicadores, parâmetros, que melhor reflitam os efeitos cumulativos, como os que ocorrem no sistema nervoso periférico. Analisar e discutir as alterações do sistema nervoso periférico pós exposição ocupacional, em um grupo de ex-empregados de uma metalurgia primária de chumbo; e identificar marcadores que melhor reflitam os efeitos da bioacumulação deste metal. A partir de dados secundários, foi construída uma serie de casos, na qual se analisou o passado clínico e toxicológico, e a relação com os achados neurofisiológicos. Os dados analisados, demonstraram a ocorrência, de um leque de neuropatias periféricas em todo o grupo, mas as alterações da condução motora em membros superiores, que tem sido melhor relacionadas aos efeitos tóxicos do chumbo, não foram tão consistentes. Ficou comprovado ser a media acumulada do chumbo no sangue um marcador biológico mais fidedigno, para avaliações de efeitos de longo prazo como as alterações sobre o sistema nervoso periférico.
Descritores: Doenças do Sistema Nervoso Periférico/epidemiologia
Doenças do Sistema Nervoso Periférico/etiologia
Exposição Ocupacional/efeitos adversos
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/complicações
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/epidemiologia
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/sangue
-Bioacumulação
Relatos de Casos
Chumbo/toxicidade
Condução Nervosa
Limites: Humanos
Responsável: BR344.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas Eurydice Pires de SantAnna
BR344.1 Biblioteca de Ciências Biomédicas Eurydice Sant´Anna


  9 / 13 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-516859
Autor: Olympio, Kelly Polido Kaneshiro.
Título: Exposição a chumbo e comportamento anti-social em adolescentes / Lead exposure and antisocial behavior in Brazilian adolescents.
Fonte: São Paulo; s.n; 2009. 174 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Saúde Ambiental para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução- A intoxicação por chumbo é um conhecido problema de saúde pública e o envenenamento por este metal pode causar danos a vários órgãos, especialmente ao Sistema Nervoso Central de crianças em desenvolvimento. Objetivo geral- estudar a associação entre exposição a chumbo e comportamento anti-social (CAS) em adolescentes brasileiros. Objetivos específicos: a) analisar a associação entre exposição a chumbo e CAS / cometimento de atos infracionais (CAI); b) estudar potenciais fontes de exposição domiciliar a chumbo que mais estão associadas a altas concentrações de chumbo no esmalte dentário (CCED) e; c) avaliar o impacto de alterações metodológicas na técnica de microbiópsia ácida de esmalte dentário superficial (MAEDS) sobre CCED e profundidade da bíópsia. Métodos- Um estudo transversal foi conduzido com 173 jovens (Bauru, SP). MAEDS foram realizadas nestes jovens por dois diferentes protocolos metodológicos. Além disso, questionários sobre comportamento dos adolescentes e exposição a possíveis fontes de contaminação por chumbo foram aplicados a pais e adolescentes. Análises de regressão logística, testes de Wilcoxon e testes pareados foram aplicados aos dados. Resultados- Odd ratios ajustados para covariáveis indicaram que alta CCED está associada a risco aumentado de exceder o escore clínico para queixas somáticas, problemas sociais, comportamento de quebrar regras e problemas externalizantes (IC 95 por cento). Alta CCED não foi associado com escores elevados de CAI. Os fatores de risco mais associados com alta CCED foram residir em área contaminada ou até 2 km da área contaminada e trabalhar na fabricação de tintas, pigmentos, cerâmicas ou baterias. A profundidade da biópsia, calculada pela fórmula da altura do cilindro, para um dos protocolos, levou a resultados errôneos de profundidade da biópsia, confirmados por testes de perfilometria. Conclusões- A exposição a altos níveis de chumbo parece disparar o estabelecimento de CAS, o que alerta para...
Descritores: Biópsia/instrumentação
Transtorno da Conduta
Esmalte Dentário
Saúde Ambiental
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo
Biomarcadores
Razão de Chances
Fatores de Risco
Transtornos do Comportamento Social
Violência
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; 615.925688, 4. 50403/2009; BR67.1; DR, 910. 50404/2009


  10 / 13 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-507157
Autor: Ascarrunz, M. E; Tirado, N.
Título: Determinación del daño genotóxico de niños en relación a las mujeres en edad reproductiva por exposición a plomo y arsénico en Alto Lima - La Paz / Determination of the genotoxic harm of children with regard to the women of childbearing age by exposure to lead and arsenic in High *Lima - La Paz
Fonte: Biofarbo;15(15):67-72, dic. 2007. tab.
Idioma: es.
Resumo: Estudios epidemiológicos demostraron que la exposición ocupacional o accidental al plomo está asociada con mayor incidencia a tumores renales y cancer de pulmon y estómago. estudios in vivo mostraron un aumento de aberraciones cromosómicas y frecuencia de intercambio entre cromatides hermanas (ICH) en linfocitos de trabajadores expuestos a plomo, disminución de la fidelidad de la síntesis o reparación del ADN.
Descritores: Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo na Infância/diagnóstico
Intoxicação do Sistema Nervoso por Chumbo/diagnóstico
Limites: Feminino
Criança
Gravidez
Responsável: BO2.1 - Centro de Información y Documentación



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde