Base de dados : LILACS
Pesquisa : C13.703.590.767 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 24 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 24 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-964863
Autor: Nobre, Myriam M; Azevedo, Rafael A; Campos, Ernane F; Lage, Camila F. A; Glória, Joana R; Saturnino, Helton M; Coelho, Sandra G.
Título: Impacto econômico da retenção de placenta em vacas leiteiras / Economic impact of retained placenta in dairy cows
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;38(3):450-455, mar. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Aproximadamente 75% das doenças em vacas leiteiras acontecem no primeiro mês após o parto e esses problemas têm sua origem associada ao sistema imune e ao consumo de alimentos duas a três semanas antes do parto. Doenças relacionadas ao trato reprodutivo como, por exemplo, retenção de placenta pode afetar a eficiência reprodutiva assim como a produção de leite. Os efeitos das doenças nos processos fisiológicos dos animais se transformam em impactos econômicos passíveis de serem mensurados. Objetivou-se avaliar o impacto econômico da retenção de placenta em um rebanho composto de 900 vacas em lactação. O diagnóstico de retenção de placenta foi definido como presença da placenta 24 horas após o parto. Foi utilizado um banco de dados no estudo, do qual foram extraídas as seguintes informações: ano de parição, época de parição, ordem de lactação, presença da placenta 24 horas após o parto, e número de doses de sêmen por gestação. Para cálculo do impacto econômico foram considerados os custos diretos (tratamento, mão de obra, redução da produção de leite e descarte de leite durante o período de tratamento) e indiretos (aumento do período de serviço, aumento do número de doses de sêmen e aumento do risco de descarte). Os valores médios relacionados aos custos foram obtidos junto ao veterinário responsável pela propriedade com referência ao ano de 2009 para que os cálculos fossem realizados. O custo total por ocorrência de retenção de placenta em vacas primíparas no período de chuva e seca foi de US$51,8 e em vacas multíparas foi de US$70,6 e US$87,9 nas épocas de seca e de chuvas, respectivamente. A retenção de placenta apresentou custo para a propriedade no período avaliado de US$8.878,0 ou 19.666 litros de leite. A retenção de placenta apresentou impacto econômico importante na propriedade leiteira nas condições avaliadas.(AU)

Approximately 75% of diseases in dairy cows occur in the first month after parturition and these problems have their origin associated with the immune system and food consumption two to three weeks before parturition. Diseases related to the reproductive tract, such as retained placenta, can affect reproductive efficiency as well as milk production. The effects of diseases on the physiological processes of animals become economic impacts that can be measured. The objective of this study was to evaluate the economic impact of retained placenta on a herd of 900 lactating cows. The diagnosis of placental retention was defined as presence of the placenta 24 hours postpartum. A database was used in the study, from which the following information was extracted: placenta presence 24 hours after calving, year of calving, calving season, and number of semen doses per gestation. In order to calculate the economic impact, the direct costs (treatment, labor, reduction of milk production and milk discharge during the treatment period) and indirect costs (increase in the service period, increase in the number of semen doses and increase of the risk of disposal). The average values related to the costs were obtained from the veterinarian responsible for the property with reference to the year 2009 for the calculations to be carried out. The total cost per occurrence of placenta retention in primiparous cows in the rainy and dry season was US$51.8 and in multiparous cows was US$70.6 and US$87.9 in times of drought and rain, respectively. Retention of placenta presented a cost for the property in the evaluated period of US$8,878.0 or 19,666 liters of milk. Retention of placenta presented a significant economic impact on milk production under the conditions evaluated.(AU)
Descritores: Indicadores Econômicos
Bovinos/fisiologia
Placenta Retida/economia
Limites: Animais
Feminino
Gravidez
Lactente
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-895562
Autor: Buso, Rodrigo R; Campos, Carla C; Santos, Thaísa R; Saut, João Paulo E; Santos, Ricarda M.
Título: Retenção de placenta e endometrite subclínica: prevalência e relação com o desempenho reprodutivo de vacas leiteiras mestiças / Retained placenta and subclinical endometritis: prevalence and relation with reproductive performance of crossbred dairy cows
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;38(1):1-5, Jan. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se avaliar os efeitos do tipo de parto (eutócico vs. distócico) e do período do ano (chuvoso vs. seco) sobre a prevalência de retenção de placenta (RP) e de endometrite subclínica (ES), verificar a relação entre as duas patologias, e os efeitos dessas sobre a taxa de descarte, o período de serviço (PS) e número de IA/concepção. A RP foi avaliada no primeiro dia pós-parto (DPP). A citologia endometrial foi realizada entre 30 e 80 DPP, considerando positivos casos contendo acima de 5% de neutrófilos. Os dados foram analisados por regressão logística e análise de variância no programa Minitab (P<0,05). A prevalência de RP foi de 14,93% (69/462) e de ES de 27,49% (127/462). Foi detectada tendência de efeito (P=0,10) da RP sobre a prevalência da ES. Partos distócicos aumentaram a prevalência de RP e vacas que pariram nos meses chuvosos tiveram maior prevalência de ES (P<0,05). A RP elevou a taxa de descarte (P<0,05), a duração do período de serviço (P<0,05) e o número de IA por concepção (P<0,05), enquanto a ES não afetou essas variáveis (P>0,05). Conclui-se que a retenção de placenta tende a ser um fator de risco para endometrite subclínica, distocia predispõe à retenção de placenta e partos ocorridos no período chuvoso aumentam os casos de endometrite subclínica. Há um impacto negativo na eficiência reprodutiva de vacas leiteiras mestiças acometidas por retenção de placenta.(AU)

This study aimed to evaluate the effects of type of calving (eutocic vs. dystocic), season of the year (rainy vs. dry) on retained placenta (RP) and subclinical endometritis (SE) prevalence, to verify the relation between these diseases, as well as its effects on culling rate, days open and number of AI/conception. Retention of fetal membranes was recorded on first day postpartum. Endometrial cytology was performed between 30 and 80 days in milk (DIM) and positive cases were considered ≥5% neutrophils. Data were analysed by logistic regression and analysis of variance on Minitab program (P<0.05). The prevalence of RP was 14.93% (69/462) and of SE was 27.49% (127/462). A tendency of effect of RP on SE prevalence was detected (P=0.10). Dystocia increased RP prevalence (P<0.05). Cows that calved during rainy months had greater SE prevalence (P<0.05). RP increased culling rate (P<0.05), calving to conception interval (P<0.05) and number of AI/conception (P<0.05), although SE occurrence did not affect these variables (P>0.05). In conclusion, RP tended to be a risk factor for SE, dystocia is a predisposing factor for RP and calvings that happens during rainy period increases SE. There is a negative impact on reproductive efficiency of crossbred dairy cows that had retained placenta.(AU)
Descritores: Endometrite/epidemiologia
Endometrite/veterinária
Placenta Retida/epidemiologia
Placenta Retida/veterinária
-Estação Seca
Período Pós-Parto
Estação Chuvosa
Limites: Animais
Feminino
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  3 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-876719
Autor: Dal Pizzol, J. G; Gomes, I. P. O; Braun, W; Lisboa, J. A. N; Flaiban, K. K. M. C; Thaler Neto, A.
Título: Comparação entre vacas puras Holandês e mestiças Holandês x Jersey quanto à sanidade, imunidade e facilidade de parto / Comparison between Holstein and Holstein × Jersey crossbred cows for health, immunity and easy calving
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);69(4):955-961, jul.-ago. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O cruzamento com a raça Jersey vem sendo utilizado principalmente como alternativa para o aumento da concentração de sólidos do leite em rebanhos puros Holandês, sendo a capacidade de produção desses animais conhecida em diversos estudos. Entretanto, ainda existem limitadas informações sobre diversos fatores relevantes para a tomada de decisão e para o manejo de rebanhos cruzados, tais como resistência a doenças e facilidade de parto, sendo esta a motivação do presente trabalho, o qual objetivou avaliar a sanidade, a imunidade e a facilidade de parto de vacas mestiças Holandês x Jersey em relação a vacas puras Holandês. Foram analisados dados de dificuldade de parto, duração da gestação, retenção de placenta, indicadores sanguíneos para doenças metabólicas pós-parto (cetose e paresia puerperal hipocalcêmica) e de imunidade obtidos em vacas mestiças Holandês x Jersey e puras Holandês durante o período de um ano. O grupamento genético não afetou a facilidade de parto (P=0,4376), a retenção de placenta (P=0,7074) e a duração da gestação (P=0,2812). Vacas mestiças apresentaram maiores concentrações de gamaglobulinas (1,776 contra 1,456g/dL) e de proteína total (7,019 contra 6,525g/dL). Quanto à concentração de ß-hidroxibutirato (BHBA), ocorreu diferença somente no dia do parto, com valores mais altos para as vacas mestiças (0,580 contra 0,427mmol/L). Observou-se diferença entre grupamentos genéticos para concentração de cálcio iônico (P=0,082), com vacas mestiças apresentando concentração mais baixa (3,92 contra 4,3 mg/dL). Conclui-se que vacas mestiças apresentam melhor performance em indicadores de imunidade e pior nos indicadores de cetose e paresia puerperal hipocalcêmica no pós-parto em relação às puras Holandês. O cruzamento não aumenta o risco de distocia em vacas inseminadas com touros Holandês.(AU)

The crossbreed with the Jersey breed has been used mainly as an alternative to increasing the concentration of milk solids in Holstein herds, the production capacity of these animals having become the focus of several studies. However, there is still limited information on many relevant factors for decision-making and management of crossbreed herds, such as disease resistance and ease of calving, and this is the motivation for this work, which aimed to evaluate the health, immunity and calving difficulty in Holstein x Jersey crossbred cows compared to pure Holstein cows. Data from calving difficulty, retained placenta, gestation length, blood indicators for postpartum metabolic diseases (ketosis and hypocalcemic puerperal paresis) and immunity in a herd composed by crossbreeds and Holstein cows during one year was analyzed. The genetic groups did not affect ease of calving (P = 0.4376), retained placenta (P = 0.7074) and gestation length (P=0.2812). Crossbred cows had higher concentrations of gammaglobulins (1.776 versus 1.456g/dL) and total protein (7.019 versus 6.525g/dL). For the concentration of BHBA, differences occurred only at calving, with higher values for crossbred cows (0.580 versus 0.427mmol/L). Difference was observed between genetic groups for concentration of ionized calcium (P = 0.082), with crossbred cows presenting lower concentrations (3.92 versus 4.3mg/dL). In conclusion, crossbred cows have superior performance compared to Holstein cows for immunity indicators and lower for hypocalcemic puerperal paresis and ketosis indicators on the day of calving. Crossbred cows do not have an increased risk of dystocia in relation to pure Holstein cows when mated with Holstein bulls.(AU)
Descritores: Imunidade/genética
Imunoglobulinas
Cetose/veterinária
Paresia Puerperal/genética
Placenta Retida/veterinária
Período Pós-Parto/genética
-Cruzamentos Genéticos
Limites: Animais
Feminino
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-794762
Autor: Batista, Jael S; Freitas, Carlos I. A; Brilhante, Francisco S; Viana, Geysa A; Olinda, Roberio G; Cavalcante, Tânia V; Paiva, Kaliane A. R. de; Oliveira, Moacir F. de.
Título: Alterações patológicas do sistema genital de cutias (Dasyprocta aguti Linnaeus, 1758) fêmeas criadas em cativeiro / Pathological changes of the genital system of agoutis (Dasyprocta aguti Linnaeus, 1758) females bred in captivity
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;36(7):634-641, jul. 2016. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo apresenta relatos de sete distintas patologias de origem reprodutiva ainda não descritas em cutias (Dasyprocta aguti Linnaeus, 1758) fêmeas, que afetaram a fertilidade ou resultaram na morte do animal. Descreveu-se a natureza, a localização e a frequência das alterações patológicas macroscópicas e histológicas dos órgãos que compõem o sistema reprodutivo de cutias fêmeas, criadas sob condições de cativeiro no semiárido do Brasil. Foram avaliados através do exame anatomopatológico o aparelho reprodutivo de trinta e nove cutias mortas naturalmente e encaminhadas ao Laboratório de Patologia Veterinária, no período de fevereiro de 2010 a maio de 2015. Destas, constatou-se alterações patológicas no sistema reprodutivo de 10 (25,6 %). No total, 13 alterações foram observadas, sendo que, em alguns animais haviam a coexistência de mais de uma alteração. Assim, as alterações patológicas encontradas foram: endometrite (n=4; 30,8%), piometra (n=3; 23%), retenção de placenta (n=2; 15,4%), maceração fetal (n=1; 7,7%), mumificação fetal (n=1; 7,7%), parto distócico (n=1; 7,7%) e ovários afuncionais (n=1; 7,7%).(AU)

This paper presents seven distinct reports diseases with reproductive origins that are not yet described in females agoutis (Dasyprocta aguti Linnaeus, 1758), affecting fertility or resulted in the animal's death. The nature, location and frequency of macroscopic and histological pathological changes of the organs that compose the reproductive system of female agoutis, created under conditions of captivity in the semiarid region of Brazil, are described in this article. Were evaluated by pathological examination of the reproductive tract of thirty-nine naturally dead agoutis and sent to the Veterinary Pathology Laboratory in February 2010 to May 2015. From these, it was found pathological alterations in the reproductive system of 10 (25.6%). A total of 13 abnormalities were observed, and in some animals had the coexistence of more than one alteration. Thus, the pathological changes were: endometritis (n=4, 30.8%), pyometra (n=3; 23%), retained placenta (n=2; 15.4%), fetal maceration (n=1, 7.7%), fetal mummification (n=1, 7.7%), dystocia (n=1, 7.7%) and afuncionais ovary (n=1, 7.7%).(AU)
Descritores: Dasyproctidae/fisiologia
Doenças Urogenitais Femininas/fisiopatologia
Doenças Urogenitais Femininas/veterinária
-Endometrite/veterinária
Morte Fetal
Ovário/fisiopatologia
Placenta Retida/veterinária
Piometra/veterinária
Limites: Animais
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-759381
Autor: Bomjardim, Henrique A; Oliveira, Carlos M C; Silveira, José Alcides S; Silva, Natália S; Duarte, Marcos D; Faial, Kelson C F; Brito, Marilene F; Barbosa, José D.
Título: Deficiências minerais em vacas em lactação da bacia leiteira do município de Rondon do Pará, estado do Pará / Mineral deficiencies in lactating cows from the dairy basin of Rondon do Pará, Brazil
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;35(5):409-416, May 2015. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Realizou-se um estudo das deficiências minerais em vacas em lactação de rebanhos leiteiros pertencentes a 13 propriedades da bacia leiteira do município de Rondon do Pará, estado do Pará. Foram determinados os níveis de fósforo (P) no osso, e os níveis de cobre (Cu), cobalto (Co), selênio (Se) e zinco (Zn) no fígado de 47 vacas leiteiras no 2º terço da lactação. Estas amostras foram coletadas por meio de biópsias realizadas no terço superior da 12a costela do lado direito e no bordo caudal do lobo caudado do fígado, respectivamente. Os rebanhos eram formados por animais mestiços (Holandes x Zebu), mantidos em sistema de produção extensivo em pastos de Brachiaria brizantha cv Marandu e recebiam suplementação mineral. A mistura mineral em 12 propriedades era do tipo comercial, dita "completa", acrescida de quantidades de NaCl acima do recomendado pelos fabricantes em dez propriedades. Em sete propriedades as misturas minerais eram fornecidas em cochos sem cobertura e em oito, o fornecimento da mistura mineral não era realizado diariamente. Em 11 propriedades, havia históricos clínicos condizentes com deficiências minerais nos rebanhos. Nessas fazendas a retenção de placenta e a osteofagia foram as alterações mais relatadas. Após as análises minerais observou-se deficiência de P em cinco propriedades, de Co em três propriedades, de Se em nove propriedades e de Zn em dez propriedades. Conclui-se que ocorre a deficiência de P, Co, Se e Zn; a suplementação mineral realizada na maioria das propriedades não atendeu as exigências diárias de P, Se e Co, baseadas no consumo estimado de 30 g de NaCl/animal/dia; os cochos pouco adequados ou inadequados para a suplementação, assim como o fornecimento inconstante das misturas minerais possivelmente contribuíram para a deficiência de um ou mais minerais.

A study of mineral deficiencies was performed in lactating cows from dairy herds belonging to 13 farms of Rondon do Pará, state of Pará, Brazil. We determined the levels of phosphorus (P) in the bone and levels of copper (Cu), cobalt (Co), selenium (Se) and zinc (Zn) in the liver of 47 dairy cows in lactation 2. The samples were collected by means of biopsies taken on the top third of the 12th rib of the right side and the caudal edge of the caudate liver lobe, respectively. The herds were composed of crossbred (Holstein x Zebu) cattle, kept in extensive production system on Brachiaria brizantha cv. Marandu pasture and received mineral supplementation. The mineral mixture on 12 farms were commercial type, called "full" and the owners added a quantity of salt above the manufacturer's recommendations on ten farms. The mineral mixtures were provided in troughs without covering on seven farms and on other eight, providing of the mineral mix was not performed daily. On 11 farms there were clinical histories consistent with mineral deficiencies in livestock, and placenta retention and osteophagia were the most frequently reported ones. The results of chemical analysis showed deficiency of P on five farms, of Co on three farms, of Se on nine farms and of Zn on ten farms. It is concluded that the mineral supplementation performed on the farms do not supply the daily demands of P, Se and Co, based on the estimated daily consumption of 30g of NaCl per animal; the little adequate or inadequate troughs for proper supplementation, as well as inconstant supply of mineral mixtures contribute to the deficiency of one or more minerals.
Descritores: Fósforo na Dieta/análise
Fósforo na Dieta
Lactação
Deficiência de Minerais
Placenta Retida/diagnóstico
Placenta Retida/veterinária
-Biópsia/veterinária
Fenômenos Fisiológicos da Nutrição do Lactente
Limites: Animais
Feminino
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Andreollo, Nelson Adami
Texto completo
Id: lil-746614
Autor: Barros, Ricardo Hoelz de Oliveira; Penachim, Thiago José; Martins, Daniel Lahan; Andreollo, Nelson Adami; Caserta, Nelson Marcio Gomes.
Título: Multidetector computed tomography in the preoperative staging of gastric adenocarcinoma / Tomografia computadorizada de múltiplos detectores no estadiamento pré-operatório do adenocarcinoma gástrico
Fonte: Radiol. bras;48(2):74-80, Mar-Apr/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Objective: To evaluate the role of multidetector computed tomography in the preoperative investigation of tumor invasion depth and lymph node and metastatic involvement according to the TNM classification, in patients with gastric adenocarcinoma. Materials and Methods: Fifty-four patients with biopsy-confirmed gastric cancer underwent preoperative staging with 64-channel multidetector computed tomography. Two independent radiologists analyzed the images and classified the findings. Sensitivity, specificity, accuracy and overall accuracy were calculated for each observer. The interobserver agreement was also evaluated. Results: The accuracy in the classification of categories T ranged from 74% to 96% for observer 1 and from 80% to 92% for observer 2. The overall accuracy was 70% for both observers. The weighted kappa index was 0.75, consistent with a significant interobserver agreement. The accuracy in the classification of lymph node involvement (category N) ranged from 55% to 79% for observer 1 and from 73% to 82% for observer 2. The evaluation of metastatic involvement showed an overall accuracy of 89.6% for both observers. Conclusion: 64-channel multidetector computed tomography demonstrated clinically relevant accuracy in the preoperative staging of gastric adenocarcinoma as regards invasion depth (T category) and metastatic involvement (M category). .

Objetivo: Avaliar a tomografia computadorizada com múltiplas fileiras de detectores na análise pré-operatória da profundidade de invasão tumoral, acometimento linfonodal e metastático, de acordo com a classificação TNM, em pacientes com adenocarcinoma gástrico. Materiais e Métodos: Cinquenta e quatro pacientes com câncer gástrico foram submetido a estadiamento pré-operatório com tomografia computadorizada de 64 canais de detectores. Dois radiologistas analisaram, independentemente, as imagens e classificaram os achados. A sensibilidade, especificidade, acurácia e acurácia global para cada avaliador foram calculadas. A concordância interobservador também foi avaliada. Resultados: A acurácia na classificação das categorias T variou entre 74% e 96% para o observador 1 e entre 80% e 92% para o observador 2. A acurácia global foi 70% para ambos os observadores. O kappa ponderado foi 0,75, consistente com uma concordância interobservador substancial. A acurácia na classificação do acometimento linfonodal (categoria N) variou entre 55% e 79% para o observador 1 e entre 73% e 82% para o observador 2. A avaliação do acometimento metastático mostrou acurácia global de 89,6% para ambos os observadores. Conclusão: A tomografia computadorizada com 64 canais de detectores demonstrou acurácia clinicamente relevante no estadiamento pré-operatório do adenocarcinoma gástrico em relação à profundidade de invasão e acometimento metastático. .
Descritores: Placenta Retida/terapia
-Injeções Intravenosas
Ocitocina/administração & dosagem
Veias Umbilicais
Limites: Feminino
Humanos
Gravidez
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Lobato, Z. I. P
Texto completo
Id: lil-655897
Autor: Batista, C. G; Coelho, S. G; Lana, A. M. Q; Rabelo, E; Araújo, A. S; Lobato, Z. I. P; Reis, R. B; Saturnino, H. M.
Título: Utilização de minerais iônicos ou complexos orgânicos de minerais no pré-parto de vacas Holandesas / Use of ionic minerals or organic mineral complexes in the dry period of Holsteins cows
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;64(5):1232-1238, out. 2012. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Os efeitos do uso de minerais complexados durante o pré-parto sobre a ocorrência de retenção de placenta foram avaliados em 135 vacas Holandesas de dois ou mais partos: grupo mineral iônico (69 animais) e grupo mineral complexado (66 animais). Em 55 desses animais foram também avaliadas as concentrações séricas da imunoglobulina G (IgG), Zn, Cu e a qualidade do colostro. O experimento foi realizado em delineamento inteiramente ao acaso, em arranjo em parcelas subdivididas. As concentrações séricas de IgG e dos microminerais foram avaliadas por análise de variância, sendo utilizados, respectivamente, os testes de Duncan e Fisher. A taxa de erro α admitida foi de 7%. Não foram observadas diferenças entre os grupos para ocorrência de retenção de placenta, qualidade do colostro, concentrações séricas de Zn e IgG (P>0,07), sendo observada diferença para a concentração de Cu (P<0,07). As concentrações de IgG foram diferentes nas semanas pré-parto avaliadas (P<0,07).

The effects of the use of complex minerals on the occurrence of retained placenta during pre-partum were valued on 135 Holstein cows from two or more deliveries. The animals were divided in two groups: ionic mineral (69 animals) and complexed mineral (66 animals). In 55 of these animals serum concentrations of imunoglobulin G (IgG), Zn and Cu and colostrum quality were also evaluated. The experiment was conducted in complete randomized split-plot design, serum IgG and trace minerals were evaluated by analysis of variance and used, respectively, Duncan's test and Fisher. The α error rate of 7% was accepted. There were no differences between groups for the occurrence of retained placenta, colostrum quality and serum concentrations of Zn and IgG (P>0.07), a difference was observed for Cu (P<0.07) concentrations. The IgG concentrations were different on the weeks pre partum evaluated (P <0.07).
Descritores: Bovinos/metabolismo
Colostro/análise
Minerais
Placenta Retida/veterinária
-Cobre/análise
Zinco/análise
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-641536
Autor: Santos, Nicela Porto dos; Greco, Celina; Cunha Filho, Edson Vieira da; Medagli Filho, Plinio Vicente.
Título: Hemorragia pós-parto / Postpartum hemorrhage
Fonte: Acta méd. (Porto Alegre);32:235-244, 2011.
Idioma: pt.
Resumo: O sangramento pós-pato é causa importante de mortalidade materna no Brasil e no mundo. A sua principal prevenção inclui o manejo ativo do terceiro do parto. O tratamento medicamentoso mediante o uso de ocitocina, prostaglandinas e metilergonovina é a primeira escolha, sendo eficaz na grande maioria das vezes. Nos casos em que haja necessidade cirúrgica, procedimentos conservados visam preservar o futuro reprodutivo da paciente, nem sempre conseguido. Nesta revisão, abordamos as principais situações com as quais o obstetra deve estar habituado a fim de permitir imediata identificação do quadro, exato reconhecimento da causa e terapia clinica e cirúrgica adequadas.
Descritores: Ligadura
Placenta Retida
Hemorragia Pós-Parto
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR500.1 - Biblioteca


  9 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-599425
Autor: Resende, Andréa.
Título: Dona Santinha / Owner Santinha.
Fonte: Rio de Janeiro; TV Uni BH; 2006. 1 videocassete (24 min.).
Idioma: pt.
Resumo: Conta a história de Maria dos Santos Faria, mais conhecida como Dona Santinha, parteira muito conhecida na pequena Milho Verde, região que fica há 353 km de Belo Horizonte/BH, da experiência de ter realizado 507 partos, comenta sobre os mistérios e alegrias das parteiras.
Descritores: MIDWIVES, PRACTICAL
Parto
Saúde da População Rural
-Brasil
Trabalho de Parto
Nutrição Materna
Medicina Tradicional
Placenta Retida
População Rural
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 618.2, R433d


  10 / 24 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-530224
Autor: Martins, Carolina F. N; Silveira, Filomena A; Muzitano, Afonso G; Pereira, Marcus Vinícius C; Souza, Philippe G. C.
Título: Sífilis congênita, gêmeos natimortos e retenção placentária culminando em histerectomia: relato de caso / Congenital syphilis, stillborn twins and placental retention culminating in hysterectomy: case report
Fonte: DST j. bras. doenças sex. transm;19(3/4):177-179, nov. 25, 2007.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: a sífilis congênita é uma das mais incabíveis causas de morbidez e mortalidade perinatal, o que revela uma assistência pré-natal ineficaz. A infecção intra-uterina pelo Treponema pallidum pode resultar em natimorto, morte neonatal, prematuro e/ou lesões sifilíticas que conduzem adesordens como surdez, prejuízo neurológico e deformidades ósseas. É infecção congênita que persiste em destaque, mesmo com a penicilina G benzatina reduzindo em quase 98% a transmissão materno-fetal quando a mãe é tratada adequadamente. Objetivo: neste trabalho apresenta-se o caso de uma gestação gemelar que teve como desfecho a morte intra-útero dos fetos, a retenção placentária e o choque hipovolêmico, culminando em histerectomia, ocorrido na maternidade do Hospital Escola Luiz Gioseffi Jannuzzi, em Valença, Rio de Janeiro. Relato do caso: relata-se a história de uma paciente de 33 anos, de classe socioeconômica baixa, multípara, admitida no serviço em trabalho de parto prematuro, com ambos os fetos mortos intra-útero. O parto foi transpélvico, com retenção placentária e choque hipovolêmico. Efetuado o pronto-atendimento, foi realizada a histerectomia e a estabilização do quadro. O VDRL, por razão da internação, revelou positividade, com início do tratamento. A paciente permaneceu internada oito dias. Conclusão: fica evidente que a sífilis é uma moléstia com graves conseqüências para as gestantes e seus conceptos, visto que 80% das mães infectadas sem tratamento, transmitem a doença para os fetos e um grande número destes morre antes de alcançar dois anos de idade.

Introduction: congenital syphilis is one of the most inappropriate morbidity causes and perinatal mortality, revealing ineffective prenatal care. Theintra-uterine infection for the Treponema pallidum can result in stillborn, neonatal death, premature and/or syphilitic lesions that lead to disorders as deafness, neurological damage and bone deformities. It is congenital infection that persists in prominence, although penicillin benzathine G prevents in almost 98% the maternal-fetal transmission, when the mother is treated correctly. Objective: this work presents the case of a twins` gestation that ended up with the death intra-uterus of fetuses, placental retention and shock due to loss of blood, culminating in hysterectomy, witch happened at theMaternity of Hospital School Luiz Gioseffi Jannuzzi, in Valença, Rio de Janeiro. Case report: the case of a 33 year-old patient who belonged to alow socioeconomic class, with several previous childbirths is related, she was admitted in the service in premature birth work, with both fetuses deadintra-uterus. The childbirth was transpelvic, with placental retention and shock due to loss of blood. With ready-attendance done, hysterectomy andthe stabilization of the case. VDRL, in cases of internment, revealed to be positive, in the beginning of the treatment. The patient stayed eight days in the hospital. Conclusion: it is evident that syphilis is a disease with serious consequences to pregnant women and their children, since, 80% of infectedmothers without treatment, they transmit the disease to the fetuses and several of them die before reaching two years old.
Descritores: Histerectomia
Placenta Retida
Gravidez de Gêmeos
Doenças Sexualmente Transmissíveis
Natimorto
Sífilis Congênita
-Choque
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde