Base de dados : LILACS
Pesquisa : C14.240.400 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1796 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 180 ir para página                         

  1 / 1796 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-788820
Autor: Fragata, Claudia da Silva; Moreira, Dalmo Antonio Ribeiro; Andalaft, Rogério Braga; Habib, Ricardo Garbe; Mizzaci, Carolina Christianini; Serafim, Kleber Rogério; Costa, Paulo Alexandre da; Armaganijan, Luciana Vidal; Valdigem, Bruno Pereira.
Título: Síndrome do QT longo congênito: o que sabemos até o momento? / Congenital long QT syndrome: what do we know so far?
Fonte: RELAMPA, Rev. Lat.-Am. Marcapasso Arritm;29(1):16-23, jan.-mar.2016. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Síndrome do QT longo congênito é uma síndrome arrítmica hereditária caracterizada por prolongamento do intervalo QT no eletrocardiograma de 12 derivações, torsades de pointes e maior chance de morte súbita cardíaca. A síndrome do QT longo congênito possui padrão autossômico dominante (síndrome de Romano-Ward), bem como padrão autossômico recessivo raro (síndrome de Jervell e Lange-Nielsen). Desde 1957, quando Jervell e Lange-Nielsen relataram os primeiros casos de síndrome do QT longo congênito familiarcom surdez congênita, a compreensão dos mecanismos genéticos e eletrofisiológicos dessa afecção melhorousignificativamente os métodos diagnósticos e os tratamentos. No entanto, tornou-se evidente que a síndrome do QT longo congênito nem sempre pode ser explicada pela mutação de um único gene. Esta revisão teve por objetivo resumir as características da síndrome do QT longo congênito (principalmente LQT1, LQT2 e LQT3) e descrever brevemente os mais recentes avanços no diagnóstico clínico e no tratamento da afecção...

Congenital long QT syndrome is an inherited arrhythmia syndrome characterized by a prolonged QT interval on the 12-lead electrocardiogram, torsades de pointes and a higher chance of sudden cardiac death. Congenital long QT syndrome includes an autosomal dominant pattern (Romano-Ward syndrome) as well as a rare autosomal recessive pattern (Jervell and Lange-Nielsen syndrome). Since 1957 when Jervell and Lange Nielsen reported the first familial long QT syndrome with congenital deafness, the understanding of genetic and electrophysiological mechanisms of long QT syndrome has significantly improved diagnostic methods and treatments. However, is clear that long QT syndrome cannot always be explained by a single gene mutation. This review is aimed at summarizing the characteristics of congenital long QT syndrome (mainly LQT1, LQT2 e LQT3) and briefly describe the most recent advances in long QT syndrome clinical diagnostics and treatment...
Descritores: Cardiopatias Congênitas
Morte Súbita Cardíaca/prevenção & controle
Síndrome do QT Longo/congênito
-Antagonistas de Receptores Adrenérgicos beta 1/administração & dosagem
Arritmias Cardíacas/complicações
Arritmias Cardíacas/terapia
Desfibriladores Implantáveis
Eletrocardiografia/métodos
Síncope/complicações
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  2 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-592245
Autor: Vertematti, Silvana; Echenique, Leandro Santini.
Título: Indicação e elegibilidade esportiva em crianças e adolescentes com cardiopatias congênitas e adquiridas / Sports and eligibility statement in children and adolescents with congenital heart defects acquired
Fonte: RBM rev. bras. med;68(4,n.esp), abr. 2011.
Idioma: pt.
Resumo: As atividades físicas e esportivas fazem parte do dia-a-dia de crianças e adolescentes. Nos últimos anos houveram importantes avanços no diagnóstico, tratamento e manejo das cardiopatias congênitas e adquiridas, criando uma população de crianças e adolescentes que merecem atenção quanto à orientação da prática esportiva. O objetivo deste texto e orientar sobre a fisiopatologia das cardiopatias mais prevalentes nesta faixa etária e a elegibilidade esportiva de cada uma delas.
Descritores: Cardiopatias Congênitas/diagnóstico
Cardiopatias/diagnóstico
Definição da Elegibilidade
Esportes
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  3 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-691709
Autor: Gomes, Évelim Leal de Freitas Dantas; Moran, Cristiane Aparecida; Mendes, Natália de Fátima Costa; Dias, Fernanda Dultra; Nascimento, Eloisa Sanches P.
Título: Reabilitação pulmonar em crianças / Pulmonary rehabilitation in children
Fonte: Pediatr. mod;49(8), ago. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: As doenças crônicas evoluem com imobilidade, perda da capacidade funcional e diminuição na qualidade de vida dos pacientes. A reabilitação pulmonar tem como objetivo restaurar estas alterações de forma multifatorial e multidisciplinar. Objetivo desta revisão foi mostrar o que os estudos atuais discutem sobre o assunto em diversas situações patológicas e quais as tendências futuras para a reabilitação cardiopulmonar em crianças. Foi realizada uma revisão bibliográfica entre 2000 e 2012 nas bases MedLine, Lilacs, SciELO, PubMed, PEDro com as palavras-chave reabilitação pulmonar em crianças, cardiopatias congênitas, obesidade, fibrose cística, diabetes e realidade virtual. Foram incluídos na revisão os ensaios clínicos. Assim, na base PEDro, dos 17 artigos encontrados, 6 foram incluídos; na PubMed, dos 124 encontrados, 11 foram incluídos, totalizando 17 artigos. A atividade aeróbia, assim como a melhora da capacidade cardiopulmonar esteve presente no cerne de todos os estudos avaliados. A atividade física regular, em especial aeróbia, é benéfica para várias condições patológicas em crianças que evoluem com perda da capacidade funcional e, consequentemente, da qualidade de vida. Métodos alternativos de treinamento como a utilização da realidade virtual com videogames ativos parecem promissores, porém ainda necessitam de maior investigação...
Descritores: Asma
Atividade Motora
Cardiopatias Congênitas
Criança
Fibrose Cística
Neoplasias
Obesidade
Pulmão
Reabilitação
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  4 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
ATIK, Edmar
Id: lil-602421
Autor: Atik, Edmar.
Título: Cardiopatias congênitas em pediatria / Congenital hearth diseases
Fonte: Pediatr. mod;47(4), jul.-ago. 2011.
Idioma: pt.
Resumo: O autor revisa o tema das cardiopatias congênitas em Pediatria, analisando sua importância, incidência, classificação, baseada nas alterações que caracterizam as diferentes entidades clínicas, tratamento farmacológico e indicações cirúrgicas.
Descritores: Cardiopatias Congênitas/diagnóstico
Cardiopatias Congênitas
Cardiopatias Congênitas/terapia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  5 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-562392
Autor: Pereira, Ana Augusta Maria.
Título: A criança portadora de cardiopatia congênita: algumas considerações psicológicas / The child with congenital heart disease: some psychological considerations
Fonte: Pediatr. mod;46(5), set.-out. 2010.
Idioma: pt.
Descritores: Cardiopatias Congênitas/genética
Cardiopatias Congênitas/psicologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  6 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-263093
Autor: Grajcer, Bettina; Lazzetti, Antônio Vladir.
Título: Abscesso cerebral na infância / Brain abscess in childhood
Fonte: Pediatr. mod;35(7):521-5, jul. 1999. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Relato da evoluçäo clínica de 15 crianças com diagnóstico de abscesso cerebral, internadas na enfermaria de Infectologia Pediátrica do Hospital Säo Paulo, da Universidade Federal de Säo Paulo (Unifesp).Métodos: Foi realizada uma análise retrospectiva dos prontuários de pacientes com diagnóstico de abscesso cerebral, internados na enfermaria durante o período de janeiro de 1987 a dezembro de 1998. Foram avaliados: idade, sexo, dias de internaçäo. quadro clínico, fatores predisponentes, diagnóstico e tratamento. Resultados: A idade dos pacientes variou de 2 meses a 13 anos, sendo apenas duas crianças do sexo feminino. A duraçäo da internaçäo variou de 27 a 158 dias. Entre os achados clínicos mais frequentes encontramos as manifestaçöes de aumento da pressäo intracraniana e febre. Entre os fatores predisponentes, as cardiopatias congênitas cianóticas e infecçöes do ouvido médio foram encontradas em cinco pacientes cada uma. As localizaçöes mais frequentes foram os lobos frontal e temporal, sendo encontrados abscessos múltiplos em cinco pacientes. O tratamento realizado foi a antibioticoterapia associada à denagem cirúrgica, que näo foi realizada em apenas dois pacientes. O agente etiológico mais encontrado em material de punçäo foi o Proteus. O acompanhamento foi realizado através de tomografia computadorizada de crânio e da evoluçäo clínica. Conclusöes: O abscesso cerebral deve ser investigado em pacientes com sinais neurológicos, incluindo as manifestaçöes de aumento da pressäo intracraniana ou febre, principalmente em presença de fatores predisponentes, como cardiopatias congênitas, infecçöes do ouvido médio/mastóide ou meningite pregressa.
Descritores: Proteus/isolamento & purificação
Abscesso Encefálico/cirurgia
Abscesso Encefálico/complicações
Abscesso Encefálico/etiologia
Abscesso Encefálico/tratamento farmacológico
Tomografia Computadorizada por Raios X
Cérebro/microbiologia
Antibacterianos/uso terapêutico
Cardiopatias Congênitas/complicações
-Causalidade
Estudos Retrospectivos
Febre
Otite Média
Pressão Intracraniana
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Responsável: BR11.1 - Biblioteca


  7 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-263110
Autor: Ikari, Nana Miura; Azeka, Estela; Ebaid, Munir.
Título: Elementos básicos no diagnóstico e conduta terapêutica das principais cardiopatias congênitas / Basic elements in the diagnosis and therapeutic procedure of main congenital cardiopaties
Fonte: Pediatr. mod;35(5):298-9, 302-3, 305-6, passim, maio 1999. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Tetralogia de Fallot
Atresia Pulmonar
Cardiopatias Congênitas/cirurgia
Cardiopatias Congênitas/diagnóstico
Cardiopatias Congênitas
Estenose da Valva Aórtica
Transposição dos Grandes Vasos
Responsável: BR11.1 - Biblioteca


  8 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-712735
Autor: Pedra, Carlos Augusto Cardoso.
Título: Pressões por Novos Caminhos / Pressures for New Ways
Fonte: Rev. bras. cardiol. invasiva;22(1):3-4, Jan-Mar/2014.
Idioma: pt.
Descritores: Cardiopatias Congênitas/complicações
Técnicas de Diagnóstico Cardiovascular
-Artéria Pulmonar/fisiopatologia
Cateteres
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  9 / 1796 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-954109
Autor: Jesus, Valeria Santos de; Nascimento, Aline Marques; Miranda, Rogério dos Anjos; Lima, Joel Silva; Tyll, Milene de Andrade Gouvea; Veríssimo, Adriana de Oliveira Lameira.
Título: Waiting for Cardiac Procedure in Congenital Heart Disease: Portrait of an a Hospital in the Amazonian Region / Fila de Espera para Tratamento de Pacientes com Cardiopatia Congênita: Retrato de um Centro de Referência Amazônico
Fonte: Int. j. cardiovasc. sci. (Impr.);31(4):374-382, jul.-ago. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Congenital heart disease is an important cause of morbidity and mortality in childhood, and in 50% of cases, surgery is required in the first year of life. A high deficit of surgical procedures is estimated in Northern Brazil. Objective: To analyze the waiting time for elective surgical treatment and/ or intervention in children with congenital heart disease in a Cardiology referral center, and to make considerations about heart diseases and forms of treatment in that institution. Methods: A cross-sectional study of all patients aged less than 14 years, with a diagnosis of congenital heart disease that were waiting for elective surgical or percutaneous cardiac treatment. Results: Among the 407 children with congenital heart defects, the most prevalent age group was > 2 to 6 years (34.0%). The average waiting time was 23.1 ± 18.3 months, with a median of 19. The most frequent heart disease was ventricular septal defect (28.98%), patent ductus arteriosus (18.42%) and atrial septal defect (11.05%). Most children (63.4%) were not from the metropolitan area. The percutaneous interventions represented only 27.84% of the catheterization procedures and 14,85% of all heart treatments. Approximately 60% of the pediatric surgeries occurred in children who were not previously registered due to urgency cases. Conclusion: Most of the children waiting for a cardiac procedure were not from the metropolitan area and had malformations potentially treatable by catheterization. It is necessary to increase the capacity of the single referral center in the state of Pará, as well as decentralize the high-complexity cardiological care in the metropolitan region

As cardiopatias congênitas são importantes causas de morbimortalidade infantil e, em cerca de 50% dos casos, é necessária a intervenção cirúrgica no primeiro ano de vida. Estima-se alto défice de procedimentos na Região Norte do Brasil. Objetivo: Analisar o tempo de espera para realização de tratamento eletivo cirúrgico e/ou intervencionista de crianças portadoras de cardiopatias congênitas em um centro de referência cardiológico, e fazer considerações sobre as cardiopatias e suas formas de tratamento na referida instituição. Método: Estudo analítico, de caráter transversal do período de janeiro de 2012 a outubro de 2014, de pacientes com idade igual ou inferior a 14 anos diagnosticados com cardiopatias congênitas que estavam na fila de tratamento cardíaco eletivo cirúrgico ou percutâneo. Resultados: Das 407 crianças que aguardavam por tratamento, a faixa etária mais prevalente foi a de > 2 a 6 anos (34,0%). O tempo médio de espera, em meses, foi 23,1 ± 18,3, com mediana de 19. As cardiopatias mais frequentes foram comunicação interventricular (28,98%), persistência do canal arterial (18,42%) e comunicação interatrial (11,05%). A maioria das crianças (63,4%) não pertencia à região metropolitana. As intervenções percutâneas representaram somente 27,84% do total de cateterismos e 14,85% de todos os tratamentos cardíacos. Cerca de 60% do volume de cirurgias pediátricas ocorreu em crianças sem cadastro prévio no sistema, devido ao caráter de urgência. Conclusão: Grande parte das crianças que aguardam por procedimento cardíaco é procedente de fora da região metropolitana e tem malformações potencialmente tratáveis por cateterismo. É necessário aumentar a capacidade operacional do único centro de referência público do Estado, além de descentralizar o atendimento em alta complexidade cardiológica da região metropolitana
Descritores: Criança
Listas de Espera
Cardiopatias Congênitas/cirurgia
Cardiopatias Congênitas/terapia
-Anormalidades Congênitas
Brasil
Cateterismo/métodos
Institutos de Cardiologia
Epidemiologia Descritiva
Prevalência
Estudos Transversais
Coleta de Dados
Procedimentos Cirúrgicos Eletivos/métodos
Comunicação Atrioventricular/terapia
Coração
Comunicação Interventricular/terapia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  10 / 1796 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-984517
Autor: Nascimento, Pablo Marino Corrêa; Kopiler, Daniel Arkader; Souza, Fernando Cesar de Castro e; Cola, Maria Carolina Terra; Coelho, Marina Pereira; Lopes, Gabriella de Oliveira; Tibiriçá, Eduardo.
Título: Hemodynamic, Metabolic and Ventilatory Responses to Exercise in Adults with Congenital Heart Disease
Fonte: Int. j. cardiovasc. sci. (Impr.);32(1):41-47, jan.-fev. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: Congenital heart disease in adults shares some features with heart failure (HF), including exercise intolerance, ventilatory inefficiency, inflammatory and neurohormonal activation, cardiac arrhythmias and myocardial fibrosis. Over the last years, cardiopulmonary exercise test has gained importance in the diagnostic and prognostic evaluation of congenital heart diseases, as has already occurred in HF. Objective: To describe the behavior of hemodynamic, metabolic and ventilatory parameters in response to exercise in adults with congenital heart disease. Methods: Observational cross-sectional study evaluating 31 adults with congenital acyanotic or cyanotic heart disease, treated clinically, surgically or percutaneously, referred for cardiopulmonary exercise test. A descriptive analysis of the data was performed. Results: Patients aged 35.7 ± 14.2 years were included. Oxygen consumption (VO2) was 44.86 ± 18.01% of predicted at peak exercise and 36.92 ± 12.93% of predicted maximal VO2 at anaerobic threshold. We found an oxygen uptake efficiency slope (OUES) of 1.49 ± 0.89 (61.43 ± 26.63% of predicted), oxygen pulse of 58.90 ± 22.24% and increment in systolic arterial pressure during exercise was 31.42 ± 21.60 mmHg. Conclusion: Adults with congenital heart disease had similar responses to heart failure patients during exercise - reduced aerobic capacity, ventilatory inefficiency for oxygen consumption and limited inotropic response to exercise, characterized by reduced oxygen pulse and small increase in systolic arterial pressure
Descritores: Exercício
Cardiopatias Congênitas/metabolismo
Hemodinâmica
Metabolismo
-Consumo de Oxigênio
Interpretação Estatística de Dados
Disfunção Ventricular Direita
Disfunção Ventricular Esquerda
Cianose
Teste de Esforço
Pressão Arterial
Estudo Observacional
Insuficiência Cardíaca
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt



página 1 de 180 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde