Base de dados : LILACS
Pesquisa : C14.280.484 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 520 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 52 ir para página                         

  1 / 520 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-554237
Autor: Sociedade Brasileira de Cardiologia.
Título: Sopros cardíacos, valvopatias, próteses valvares e endocardite / Heart murmurs, heart valve disease, prosthetic valve and endocarditis
Fonte: Arq. bras. cardiol;93(6,supl.3):e274-e280, dez. 2009. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Falha de Prótese
Próteses Valvulares Cardíacas
Ecocardiografia/métodos
Sopros Cardíacos/diagnóstico por imagem
Endocardite/diagnóstico por imagem
Doenças das Valvas Cardíacas/diagnóstico por imagem
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-575549
Autor: Sociedade Brasileira de Cardiologia.
Título: III Diretrizes da Sociedade Brasileira de Cardiologia sobre teste ergométrico / III Guidelines of Sociedade Brasileira de Cardiologia on the exercise test
Fonte: Arq. bras. cardiol;95(5,supl.1):1-26, 2010. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Doenças Cardiovasculares/diagnóstico
Teste de Esforço/normas
-Sociedades Médicas
Brasil
Eletrocardiografia/normas
Teste de Esforço/métodos
Oclusão Coronária/diagnóstico
Atletas
Doenças das Valvas Cardíacas/diagnóstico
Hipertensão/diagnóstico
Cardiomiopatias/diagnóstico
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1004338
Autor: González L, Roberto; Reyes M, Rodrigo; Riquelme U, Alejandra; Seguel S, Enrique; Stockins L, Aleck; Jadue T, Andrés; Alarcón C, Emilio.
Título: Accidente cerebrovascular embólico secundario a fibroelastoma papilar de válvula mitral / Embolic stroke secondary to a mitral valve fibroelastoma: case report
Fonte: Rev. méd. Chile;147(2):243-246, Feb. 2019. graf.
Idioma: es.
Resumo: Embolic stroke secondary to cardiac tumors is uncommon. However, 25-30% of cardiac tumors may cause systemic emboli. We report a 29-year-old male consulting for a sudden episode of aphasia and right hemiparesis, compatible with infarct of the left middle cerebral artery territory. Transthoracic echocardiography reported an ovoid tumor of 8 × 7 × 7 mm in relation to the sub valvular apparatus of the mitral valve. After neurologic stabilization, surgical treatment was performed. Approached by median sternotomy and in cardiopulmonary bypass, the mitral valve was explored. A macroscopic tumor consistent with a papillary fibroelastoma curled in sub valvular chordae was found. It was deployed and resected from its base, while the anterior mitral leaflet was preserved intact. Histopathological examination confirmed the intraoperative macroscopic diagnosis. The patient recovered uneventfully postoperatively and was discharged on the fifth day after surgery. He currently is in functional capacity I without cardiovascular symptoms at five years follow-up.
Descritores: Infarto da Artéria Cerebral Média/etiologia
Fibroma/complicações
Neoplasias Cardíacas/complicações
Doenças das Valvas Cardíacas/complicações
-Músculos Papilares
Ecocardiografia
Esternotomia
Fibroma/cirurgia
Fibroma/patologia
Fibroma/diagnóstico por imagem
Neoplasias Cardíacas/cirurgia
Neoplasias Cardíacas/patologia
Neoplasias Cardíacas/diagnóstico por imagem
Doenças das Valvas Cardíacas/cirurgia
Doenças das Valvas Cardíacas/diagnóstico por imagem
Valva Mitral
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  4 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-838728
Autor: Strunz, Célia M C; Marcondes-Santos, Mário; Takada, Julio Yoshio; Fragata, Fernanda S; Mansur, Antônio de Pádua.
Título: Quality of Life Score as a Predictor of Death in Dogs with Degenerative Mitral Valve Disease / Escore de Qualidade de Vida como Preditor de Mortalidade em Cães com Doença Degenerativa da Valva Mitral
Fonte: Arq. bras. cardiol;108(4):347-353, Apr. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: The knowledge of the variables predicting mortality is important in clinical practice and for therapeutic monitoring in mitral valve disease. Objectives: To determine whether a quality of life score evaluated with the Functional Evaluation of Cardiac Health questionnaire would predict mortality in dogs with degenerative mitral valve disease (DMVD). Methods: Thirty-six client-owned dogs with mitral valve disease underwent clinical, laboratory, and echocardiographic evaluations at baseline and were monitored for 6 months. Cardiovascular death was the primary outcome. Results: The 36 dogs were classified as survivors or nonsurvivors. Higher values of the following variables were obtained at baseline in the nonsurviving group (12 dogs): amino-terminal pro-B-type natriuretic peptide (NT-proBNP) levels, plasma norepinephrine, heart rate, quality of life score, diastolic left ventricular internal dimension to aortic root ratio, systolic left ventricular internal dimension to aortic root ratio, and left atrium to aortic root ratio. NT-proBNP levels and quality life score were independently associated with death in the multivariable analysis. Conclusion: The quality life score was an independent variable for cardiac death in dogs with DMVD. This result is encouraging, as this score is easy to apply and does not require any technology, only a veterinarian and an observant owner.

Resumo Fundamento: O conhecimento das variáveis preditoras de mortalidade é importante para a prática clínica e para o acompanhamento terapêutico na doença da valva mitral. Objetivos: Determinar se um escore de qualidade de vida avaliado com o Functional Evaluation of Cardiac Health poderia auxiliar na predição de mortalidade em cães com doença degenerativa da valva mitral (DDVM). Métodos: Trinta e seis cães de estimação com doença valvar mitral foram submetidos a avaliação clínica, laboratorial e ecocardiográfica no início do estudo e monitorizados durante 6 meses. A morte cardiovascular foi o desfecho primário. Resultados: Os 36 cães foram classificados como sobreviventes ou não sobreviventes. Os valores mais elevados das seguintes variáveis foram obtidos no início do estudo no grupo de não sobreviventes (12 cães): fragmento N-terminal do peptídeo natriurético tipo B (NT-proBNP), norepinefrina plasmática, frequência cardíaca, escore de qualidade de vida, razão da dimensão interna diastólica do ventrículo esquerdo e raiz aórtica, razão da dimensão interna sistólica do ventrículo esquerdo e raiz aórtica e a relação da dimensão do átrio esquerdo e a raiz aórtica. Concentrações de NT-proBNP e o escore de qualidade de vida foram independentemente associados com morte na análise multivariada. Conclusão: O escore de qualidade de vida foi uma variável independente para a morte por doença cardíaca em cães com DDVM. Este resultado é encorajador, pois este escore é de fácil aplicação e não requer o emprego de tecnologia, necessitando apenas de um veterinário e um dono observador.
Descritores: Qualidade de Vida
Doenças do Cão/mortalidade
Doenças das Valvas Cardíacas/veterinária
Valva Mitral/anormalidades
-Fragmentos de Peptídeos/sangue
Norepinefrina/sangue
Estudos Prospectivos
Inquéritos e Questionários
Peptídeo Natriurético Encefálico/sangue
Frequência Cardíaca
Doenças das Valvas Cardíacas/mortalidade
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Cães
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-887953
Autor: Cazelli, José Guilherme; Camargo, Gabriel Cordeiro; Kruczan, Dany David; Weksler, Clara; Felipe, Alexandre Rouge; Gottlieb, Ilan.
Título: Prevalence and Prediction of Obstructive Coronary Artery Disease in Patients Undergoing Primary Heart Valve Surgery / Prevalência e Predição de Doença Arterial Coronariana Obstrutiva em Pacientes Submetidos a Cirurgia Valvar Primária
Fonte: Arq. bras. cardiol;109(4):348-356, Oct. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: The prevalence of coronary artery disease (CAD) in valvular patients is similar to that of the general population, with the usual association with traditional risk factors. Nevertheless, the search for obstructive CAD is more aggressive in the preoperative period of patients with valvular heart disease, resulting in the indication of invasive coronary angiography (ICA) to almost all adult patients, because it is believed that coronary artery bypass surgery should be associated with valve replacement. Objectives: To evaluate the prevalence of obstructive CAD and factors associated with it in adult candidates for primary heart valve surgery between 2001 and 2014 at the National Institute of Cardiology (INC) and, thus, derive and validate a predictive obstructive CAD score. Methods: Cross-sectional study evaluating 2898 patients with indication for heart surgery of any etiology. Of those, 712 patients, who had valvular heart disease and underwent ICA in the 12 months prior to surgery, were included. The P value < 0.05 was adopted as statistical significance. Results: The prevalence of obstructive CAD was 20%. A predictive model of obstructive CAD was created from multivariate logistic regression, using the variables age, chest pain, family history of CAD, systemic arterial hypertension, diabetes mellitus, dyslipidemia, smoking, and male gender. The model showed excellent correlation and calibration (R² = 0.98), as well as excellent accuracy (ROC of 0.848; 95%CI: 0.817-0.879) and validation (ROC of 0.877; 95%CI: 0.830 - 0.923) in different valve populations. Conclusions: Obstructive CAD can be estimated from clinical data of adult candidates for valve repair surgery, using a simple, accurate and validated score, easy to apply in clinical practice, which may contribute to changes in the preoperative strategy of acquired heart valve surgery in patients with a lower probability of obstructive disease.

Resumo Fundamento: A prevalência de doença arterial coronariana (DAC) nos pacientes valvares é semelhante à da população geral, com associação usual aos fatores de risco tradicionais. Ainda assim, a busca por DAC obstrutiva é mais agressiva nos valvulopatas em pré-operatório, determinando a angiografia coronariana invasiva (ACI) a praticamente todos os pacientes adultos, uma vez que se acredita que a cirurgia de revascularização miocárdica deva ser associada à troca valvar. Objetivos: Avaliar a prevalência de DAC obstrutiva e identificar fatores a ela associados em adultos candidatos à cirurgia cardíaca primariamente valvar entre os anos de 2001 a 2014 no Instituto Nacional de Cardiologia (INC) e elaborar um modelo preditivo de DAC obstrutiva através de escore derivado de análise multivariada. A partir da estimativa da probabilidade pré-teste de DAC obstrutiva, espera-se melhor estratégia pré-operatória para cada paciente. Métodos: Estudo transversal avaliando 2.898 pacientes com indicação de cirurgia cardíaca por qualquer etiologia. Desses, foram estudados 712 pacientes valvopatas submetidos à ACI nos 12 meses anteriores à cirurgia. Diferenças com valor de p < 0,05 foram consideradas estatisticamente significativas. Resultados: A prevalência de DAC obstrutiva foi de 20%. Um modelo preditivo de DAC obstrutiva foi criado a partir de regressão logística multivariada, utilizando as variáveis idade, dor torácica, história familiar de DAC, hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus, dislipidemia, tabagismo e sexo masculino. O modelo demonstrou excelente correlação e calibração (R2 = 0,98), além de ótima acurácia (ROC de 0,848; IC95% 0,817 - 0,879) e validação em diferente população valvar (ROC de 0,877; IC 95%: 0,830 - 0,923). Conclusões: É possível estimar DAC obstrutiva a partir de dados clínicos com elevada acurácia, o que pode vir a permitir estabelecer estratégias pré-operatórias de acordo com a probabilidade pré-teste individual, evitando a indicação indiscriminada de procedimentos desnecessários e invasivos, principalmente nos grupos de menor probabilidade de DAC obstrutiva. (Arq Bras Cardiol. 2017; [online].ahead print, PP.0-0)
Descritores: Doença da Artéria Coronariana/etiologia
Doença da Artéria Coronariana/epidemiologia
Medição de Risco/métodos
Doenças das Valvas Cardíacas/cirurgia
Doenças das Valvas Cardíacas/complicações
-Padrões de Referência
Brasil/epidemiologia
Modelos Logísticos
Prevalência
Estudos Transversais
Análise Multivariada
Reprodutibilidade dos Testes
Estudos Retrospectivos
Fatores de Risco
Sensibilidade e Especificidade
Angiografia Coronária
Período Pré-Operatório
Doenças das Valvas Cardíacas/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888058
Autor: Lorenzo, Natalia; Mendez, Irene; Taibo, Mikel; Martinis, Gianfranco; Badia, Sara; Reyes, Guillermo; Aguilar, Rio.
Título: Mid-Term Results of Surgical Treatment of Atrial Fibrillation in Valvular Heart Disease Assesed by Speckle Tracking Echocardiography / Resultados em Médio Prazo do Tratamento da Fibrilação Atrial na Doença Valvular Cardíaca Avaliados por Ecocardiografia com Speckle Tracking
Fonte: Arq. bras. cardiol;110(4):312-320, Apr. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: Atrial fibrillation frequently affects patients with valvular heart disease. Ablation of atrial fibrillation during valvular surgery is an alternative for restoring sinus rhythm. Objectives: This study aimed to evaluate mid-term results of successful atrial fibrillation surgical ablation during valvular heart disease surgery, to explore left atrium post-ablation mechanics and to identify predictors of recurrence. Methods: Fifty-three consecutive candidates were included. Eligibility criteria for ablation included persistent atrial fibrillation <10 years and left atrium diameter < 6.0 cm. Three months after surgery, echocardiogram, 24-hour Holter monitoring and electrocardiograms were performed in all candidates who maintained sinus rhythm (44 patients). Echo-study included left atrial deformation parameters (strain and strain rate), using 2-dimensional speckle-tracking echocardiography. Simultaneously, 30 healthy individuals (controls) were analyzed with the same protocol for left atrial performance. Significance was considered with a P value of < 0.05. Results: After a mean follow up of 17 ± 2 months, 13 new post-operative cases of recurrent atrial fibrillation were identified. A total of 1,245 left atrial segments were analysed. Left atrium was severely dilated in the post-surgery group and, mechanical properties of left atrium did not recover after surgery when compared with normal values. Left atrial volume (≥ 64 mL/m2) was the only independent predictor of atrial fibrillation recurrence (p = 0.03). Conclusions: Left atrial volume was larger in patients with atrial fibrillation recurrence and emerges as the main predictor of recurrences, thereby improving the selection of candidates for this therapy; however, no differences were found regarding myocardial deformation parameters. Despite electrical maintenance of sinus rhythm, left atrium mechanics did not recover after atrial fibrillation ablation performed during valvular heart disease surgery.

Resumo Fundamento: A fibrilação atrial frequentemente afeta pacientes com doenças das valvas cardíacas. A ablação da fibrilação atrial durante a cirurgia das válvulas é uma alternativa para restaurar o ritmo sinusal. Objetivos: Este estudo teve como objetivos avaliar resultados em médio prazo da ablação cirúrgica bem sucedida da FA durante cirurgia para doença valvar, para explorar a mecânica do AE após a ablação e identificar preditores de recorrência. Métodos: Foram incluídos 53 candidatos consecutivos. Os critérios de elegibilidade para ablação foram fibrilação atrial persistente <10 anos e diâmetro do átrio esquerdo < 6 cm. Três meses após a cirurgia, foram realizados ecocardiografia, Holter por 24 horas, e eletrocardiografias em todos os candidatos que mantiveram o ritmo sinusal (44 pacientes). O estudo eco incluiu parâmetros de deformação ao átrio esquerdo (strain e taxa de strain) usando ecocardiografia bidimensional com speckle tracking. Simultaneamente, 30 indivíduos sadios (controles) foram analisados com o mesmo protocolo para o desempenho do átrio esquerdo. Um valor de P < 0,05 foi considerado significativo. Resultados: Após um período médio de acompanhamento de 17 ± 2 meses, 13 novos casos de fibrilação atrial no pós-operatório foram identificados. Um total de 1245 segmentos do átrio esquerdo foi analisado. O grupo pós-cirúrgico apresentou dilatação grave do átrio esquerdo, e as propriedades mecânicas do átrio esquerdo não se recuperaram após a cirurgia quando comparadas com valores normais. O volume do átrio esquerdo (≥ 64 mL/m2) foi o único preditor independente de recorrência de fibrilação atrial (p = 0,03). Conclusões: O volume do átrio esquerdo foi maior nos pacientes com fibrilação atrial recorrente, e desponta como o principal preditor de recorrência, melhorando, assim, a seleção de candidatos para essa terapia. No entanto, não foram encontradas diferenças em relação aos parâmetros de deformação do miocárdio. Apesar da manutenção elétrica do ritmo sinusal, a função mecânica do átrio esquerdo não se recuperou após a ablação da fibrilação atrial realizada durante a cirurgia para doença da valva cardíaca.
Descritores: Fibrilação Atrial/cirurgia
Fibrilação Atrial/diagnóstico por imagem
Criocirurgia/métodos
Doenças das Valvas Cardíacas/cirurgia
Doenças das Valvas Cardíacas/diagnóstico por imagem
-Recidiva
Fibrilação Atrial/fisiopatologia
Fatores de Tempo
Ecocardiografia/métodos
Estudos Prospectivos
Reprodutibilidade dos Testes
Fatores de Risco
Seguimentos
Função do Átrio Esquerdo/fisiologia
Resultado do Tratamento
Estatísticas não Paramétricas
Eletrocardiografia
Átrios do Coração/cirurgia
Átrios do Coração/fisiopatologia
Átrios do Coração/diagnóstico por imagem
Frequência Cardíaca/fisiologia
Doenças das Valvas Cardíacas/fisiopatologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Carvalho, Antonio Carlos de Camargo
Texto completo
Id: biblio-989329
Autor: Kiyose, Alberto Takeshi; Suzumura, Erica Aranha; Laranjeira, Lígia; Buehler, Anna Maria; Santo, José Amalth Espírito; Berwanger, Otavio; Carvalho, Antonio Carlos de Camargo; Paola, Angelo Amato de; Moises, Valdir Ambrósio; Cavalcanti, Alexandre Biasi.
Título: Comparison of Biological and Mechanical Prostheses for Heart Valve Surgery: A Systematic Review of Randomized Controlled Trials / Comparação de Próteses Biológicas e Mecânicas para Cirurgia de Válvula Cardíaca: Revisão Sistemática de Estudos Controlados Randomizados
Fonte: Arq. bras. cardiol;112(3):292-301, Mar. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: The choice of a mechanical (MP) or biological prosthesis (BP) for patients with valvular heart disease undergoing replacement is still not a consensus. Objective: We aimed to determine the clinical outcomes of MP or BP placement in those patients. Methods: We conducted a systematic review and meta-analysis of randomized controlled trials (RCTs) that compared biological prostheses and mechanical prostheses in patients with valvular heart diseases and assessed the outcomes. RCTs were searched in the MEDLINE, EMBASE, LILACS, CENTRAL, SCOPUS and Web of Science (from inception to November 2014) databases. Meta-analyses were performed using inverse variance with random effects models. The GRADE system was used to rate the quality of the evidence. A P-value lower than 0.05 was considered significant. Results: A total of four RCTs were included in the meta-analyses (1,528 patients) with follow up ranging from 2 to 20 years. Three used old generation mechanical and biological prostheses, and one used contemporary prostheses. No significant difference in mortality was found between BP and MP patients (risk ratio (RR = 1.07; 95% CI 0.99-1.15). The risk of bleeding was significantly lower in BP patients than MP patients (RR = 0.64; 95% CI 0.52-0.78); however, reoperations were significantly more frequent in BP patients (RR = 3.60; 95% CI 2.44-5.32). There were no statistically significant differences between BP and MP patients with respect to systemic arterial embolisms and infective endocarditis (RR = 0.93; 95% CI 0.66-1.31, RR = 1.21; CI95% 0.78-1.88, respectively). Results in the trials with modern and old prostheses were similar. Conclusions: The mortality rate and the risk of thromboembolic events and endocarditis were similar between BP and MP patients. The risk of bleeding was approximately one third lower for BP patients than for MP patients, while the risk of reoperations was more than three times higher for BP patients.

Resumo Fundamento: A escolha de próteses mecânicas ou biológicas para pacientes com doença de válvula cardíaca ainda não é um consenso. Objetivo: Determinar os desfechos clínicos de próteses mecânicas e biológicas nesses pacientes. Métodos: Conduzimos uma revisão sistemática e metanálise e estudos controlados randomizados (RCTs) que compararam próteses mecânicas e biológicas em pacientes com doenças de válvulas cardíaca, e avaliamos seus resultados. A busca por RCTs foi feita nas bases de dados MEDLINE, EMBASE, LILACS, CENTRAL, SCOPUS e Web of Science (do início a novembro de 2014). As metanálises foram realizadas usando variação inversa com modelos de efeitos aleatórios. Usamos o sistema GRADE para avaliar a qualidade da evidência. Um valor menor que 0,05 foi considerado significativo. Resultados: Um total de quatro RCTs foi incluído na metanálise (1528 pacientes) com acompanhamento de 2 a 20 anos. Em três estudos, foram utilizadas próteses mecânicas e biológicas mais antigas, e em um estudo próteses contemporâneas. Não foi observada diferença de mortalidade entre os pacientes que receberam próteses mecânicas e biológicas (risco relativo, RR = 1,07; IC95% 0,99-1,15). O risco de sangramento foi significativamente mais baixo nos pacientes que receberam próteses biológicas que naqueles com próteses mecânicas (RR = 0,64; IC95% 0,52-0,78). Contudo, as reoparações foram mais frequentes em pacientes com próteses biológicas (RR = 3,60; IC95% 2,44-5,32). Não houve diferenças estatisticamente significativas entre pacientes com próteses biológicas e mecânicas em relação à embolia arterial sistêmica e endocardite infecciosa (RR = 0,93; IC95% 0,66-1,31; RR = 1,21; IC95% 0,78-1,88, respectivamente). Resultados entre os estudos com próteses modernas e antigas foram similares. Conclusões: A taxa de mortalidade e o risco de eventos tromboembólicos e endocardite foram similares entre os pacientes que receberam próteses biológicas e mecânicas. O risco de sangramentos foi aproximadamente um terço menor nos pacientes com próteses biológicas que mecânicas, ao passo que o risco de reoperação foi mais que três vezes maior nos pacientes com próteses biológicas.
Descritores: Próteses Valvulares Cardíacas/normas
Doenças das Valvas Cardíacas/cirurgia
-Reoperação
Bioprótese
Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto
Resultado do Tratamento
Medicina Baseada em Evidências
Implante de Prótese de Valva Cardíaca/métodos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Metanálise
Revisão Sistemática
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1055099
Autor: Otto, Maria Estefania; Atik, Fernando Antibas; Moreira, Marcelo do Nascimento; Ribeiro, Luiz Carlos Madruga; Mello, Bianca Corrêa Rocha de; Lima, Joyce Gomes Elias; Ribeiro, Maiara Sanchez; Domingues, Ana Carolina Pereira Matos; Calzada, Reyna Pinheiro; Jreige Jr, Armindo; Schloicka, Larissa Lucas; Pibarot, Philippe.
Título: Determinants of Aortic Prosthesis Mismatch in a Brazilian Public Health System Hospital: Big Patients or Small Prosthesis? / Determinantes da Desproporção de Prótese Aórtica em Hospital de Atendimento de Saúde Pública Brasileiro: Pacientes Grandes ou Próteses Pequenas?
Fonte: Arq. bras. cardiol;114(1):12-22, Jan. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: Prosthesis-patient mismatch (PPM) is associated with worse outcomes. Objective: Determine the frequency and evaluate preoperatory variables independently associated with severe PPM in a tertiary hospital focused on Public Health Care. Methods: A total of 316 patients submitted to aortic valve replacement, who had echocardiography performed within the first 30 days after surgery, were retrospectively analyzed. The indexed effective orifice area (iEOA) of the prosthesis was used to classify the patients into three groups, according to PPM, considering body mass index (BMI): severe PPM (iEOA) < 0.65 cm2/m2), mild to moderate PPM (iEOA, 0.65 cm2/m2 - 0.85 cm2/m2) and without PPM (iEOA > 0.85 cm2/m2) for a BMI < 30 kg/m2 and severe PPM (iEOA) < 0.55 cm2/m2), mild to moderate (iEOA, 0.55 cm2/m2- 0.70 cm2/m2) and without PPM (iEOA > 0.7 cm2/m2) for a BMI > 30 kg/m2. Statistical significance was considered when p < 0.05. Results: iEOA was obtained in 176 patients. The frequency of severe and moderate PPM was 33.4% and 36.2%, respectively. Severe PPM patients were younger and had larger BMI, but smaller left ventricular outflow tract diameter (LVOTD). The independent variables used to predict severe PPM were male gender, BMI > 25 kg/m2, age < 60 years, LVOTD < 21 mm, and rheumatic etiology with an area under the ROC curve of 0.82. Conclusion: The frequency of severe PPM is high in a Brazilian population representative of the Public Health System, and it is possible to predict PPM from preoperative variables such as rheumatic valvular disease, gender, BMI, age and LVOTD.

Resumo Fundamento: A desproporção entre o tamanho da prótese aórtica-paciente (DPP) está associada a maior mortalidade. Objetivo: Determinar a frequência e avaliar variáveis ​​pré-operatórias associadas à DPP acentuada no cenário da saúde pública em hospital terciário. Métodos: 316 pacientes submetidos à troca valvar aórtica (TVA), com ecocardiograma realizado nos primeiros 30 dias após cirurgia, foram analisados retrospectivamente. A área de orifício efetivo indexado (AOEi) da prótese foi utilizada para classificar os pacientes em três grupos de acordo com a DPP, considerando o índice de massa corporal (IMC): DPP acentuada (AOEi) < 0,65 cm2/m2, DPP discreta a moderada (AOEi, 0,65 cm2/m2 - 0,85 cm2/m2) e sem DPP (iEOA > 0,85 cm2/m2) para IMC < 30 kg/m2 e DPP acentuada (AOEi) < 0,55 cm2/m2), discreta a moderada (AOEi, 0,55 cm2/m2 - 0,70 cm2/m2) e sem DPP (AOEi > 0,7 cm2/m2) para IMC > 30 kg/m2. Significância estatística foi considerada com p < 0,05. Resultados: A AOEi foi obtida em 176 pacientes. A frequência de DPP acentuada foi de 33,4% e moderada de 36,2%. Pacientes com DPP acentuada foram mais jovens e com maior IMC, mas menor diâmetro da via de saída do ventrículo esquerdo (DVSVE). As variáveis independentes que podem predizer DPP acentuada são: gênero masculino, IMC > 25 kg/m2, idade < 60 anos, DVSVE < 21 mm e etiologia reumática com área sob a curva ROC de 0,82. Conclusão: A frequência de DPP acentuada é alta em uma população brasileira submetida à TVA no Sistema Público de Saúde. Os principais determinantes de DPP acentuada são: valvopatia reumática, gênero masculino, IMC alto, idade < 60 anos e menor DVSVE.
Descritores: Próteses Valvulares Cardíacas/efeitos adversos
Implante de Prótese de Valva Cardíaca/métodos
Doenças das Valvas Cardíacas/cirurgia
-Reoperação
Ecocardiografia
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Resultado do Tratamento
Implante de Prótese de Valva Cardíaca/efeitos adversos
Hospitais Públicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 520 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1088851
Autor: Salemi, Vera Maria Cury; Melo, Marcelo Dantas Tavares de; Araujo Filho, José de Arimatéia Batista.
Título: New Paradigms in the Evaluation of Diastolic Function by Cardiac Magnetic Resonance Imaging in Aortic Valvopathy / Novos Paradigmas na Avaliação da Função Diastólica pela Ressonância Magnética Cardíaca na Valvopatia Aórtica
Fonte: Arq. bras. cardiol;114(2):293-294, Feb. 2020.
Idioma: en.
Descritores: Valva Aórtica
Doenças das Valvas Cardíacas
-Imagem por Ressonância Magnética
Diástole
Ventrículos do Coração
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Comentário
Editorial
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 520 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1020708
Autor: Escutia-Cuevas, Héctor Hugo; Merino-Rajme, José Alfredo; Alcántara-Meléndez, Marco Antonio; Espinoza-Rueda, Manuel Armando; Fernández-Ceseña, Ernesto; García-García, Juan Francisco; Morales-Portano, Julieta Danira; Muratalla-González, Roberto; Ordoñez-Salazar, Bayardo Antonio.
Título: TAVI in Intermediate-risk patients: a review in purpose of a case / TAVI en pacientes de riesgo intermedio: una revisión a propósito de un caso
Fonte: Rev. mex. cardiol;29(2):102-111, Apr.-Jun. 2018. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract: Background: Aortic stenosis is the most common valvular heart disease worldwide. The prognosis is adverse without a valve replacement. Transcatheter aortic valve implantation (TAVI) has proven to be an effective treatment in high-surgical risk patients. Recent trials have highlighted the non-inferiority of TAVI compared with open surgery in patients with intermediate surgical risk. Case report: A 76-year-old man with severe aortic stenosis and intermediate surgical risk (STS-PROM 4.8%) who underwent TAVI with no complications. Results: Hospital discharge was decided five days after the procedure and continued outpatient follow-up. After two years remains in NYHA functional class I with a normofunctional percutaneous prosthesis. Conclusion: As this clinical case shows, TAVI has proven to be an effective treatment in patients with aortic stenosis and intermediate surgical risk. This is the first experience in this type of patients reported in our country.(AU)

Resumen: Antecedentes: La estenosis aórtica es la valvulopatía más común en todo el mundo. El pronóstico es sombrío sin reemplazo valvular. La implantación valvular aórtica transcatéter (TAVI) ha demostrado ser un tratamiento eficaz en pacientes de alto riesgo quirúrgico. Ensayos muy recientes destacaron la no-inferioridad de TAVI en comparación con la cirugía abierta en pacientes con riesgo quirúrgico intermedio. Caso clínico: Se presenta un hombre de 76 años de edad con estenosis aórtica severa y riesgo quirúrgico intermedio (STS-PROM 4.8%), al que se realiza TAVI sin complicaciones. Resultados: El alta hospitalaria se decide cinco días después del procedimiento para continuar el seguimiento ambulatorio. Después de dos años, el seguimiento permanece en la clase funcional I de la NYHA con una prótesis percutánea normofuncional. Conclusión: Como muestra este caso clínico, TAVI ha demostrado ser un tratamiento eficaz en pacientes de riesgo quirúrgico intermedio. Ésta es la primera experiencia en el uso de esta tecnología en este tipo de pacientes reportada en nuestro país.(AU)
Descritores: Estenose da Valva Aórtica/cirurgia
Substituição da Valva Aórtica Transcateter/instrumentação
Doenças das Valvas Cardíacas/fisiopatologia
-Medição de Risco
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 52 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde