Base de dados : LILACS
Pesquisa : C23.550.291.671 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 34 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 34 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-983547
Autor: Cavalcanti, Jaqueline de Souza.
Título: Resistência genotípica para inibidores da integrase do HIV-1.
Fonte: São Paulo; s.n; 2016. 130 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A Integrase participa de uma das etapas fundamentais para a replicação do HIV, a inserção do DNA retrotranscrito no genoma humano.Atualmente já foram licenciados três inibidores da integrase (INIs) para o usode pacientes naïve à terapia antirretroviral ou multi-experimentados, raltegravir (RAL), elvitgeravir (EVG) e dolutegravir (DTG). Embora esses medicamentos sejam eficientes e bem tolerados, a falha terapêutica pode estar associada a seleção de mutações em pelo menos quatro vias distintas(E92Q, Q148H/R/K, N155H e menos frequente a Y143R/H/C) associadas ou não à mutações secundárias. Este estudo teve por objetivo avaliar o gene da integra-se em pacientes vivendo com HIV/AIDS. Foram incluídas 265amostras de pacientes com perfis diferentes de exposições à terapia antirretroviral (TARV): naïve de TARV (n=34), naïve para INIs (n=59), em terapia com TARV+RAL com carga viral suprimida (n=35) e em terapia com TARV+RAL com falha virológica (n=137). As amostras dos pacientes com exposição a INIs foram coletadas no período entre julho de 2009 e maio de2015...

The integrase part of one of the key steps for HIV replication, insertionof DNA retrotranscribed in the human genome. Currently they were alreadylicensed three integrase inhibitors (INIs) for the use of antiretroviral therapy naïve patients or multi-experienced, raltegravir, elvitegravir and dolutegravir. Although these drugs are effective and well tolerated, therapy failure may beassociated with selection of mutations in at least four distinct pathways(E92Q, Q148H/R/K N155H and less frequent Y143R/ F/C) or not associatedwith secondary mutations. This study aims to evaluate the integrase gene inpatients living with HIV/Aids. We included 265 samples from patients withdifferent profiles of exposure to antiretroviral therapy (ART): naïve to antiretroviral therapy (n=34), naïve to INIS (n=59), in therapy with TARV+RAL with suppressed viral load (n=35) and therapy with TARV+RAL withvirologic failure (n=137). Samples from patients exposed to INIs were collected between July 2009 and May 2015...
Descritores: HIV-1
Terapia Antirretroviral de Alta Atividade
Resistência à Doença
Integrase de HIV
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; w4, S376r


  2 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-983534
Autor: Takahashi, Juliana Possatto.
Título: Caracterização molecular e perfil de suscetibilidade de Cryptococcus e outras leveduras melanizadas de ambiente contaminado com fungicidas azólicos.
Fonte: São Paulo, SP; s.n; 2016. 126 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a São Paulo (Estado) Secretaria da Saúde. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Cepas fúngicas ambientais estão sujeitas, continuamente, à grande diversidade de ações antrópicas, como a exposição a f u n g i c i d a, o que poderia induzir à resistência adquirida a fármacos antifúngicos com estrutura química e mecanismo de ação semelhante. A resistência adquirida a fármacos azólicos(fluconazol, itraconazol, v o r i c o n a z o l, etc.) tem importante implicação clínica.O objetivo deste estudo foi isolar e caracterizar leveduras melanizadas de origem ambiental, do gênero Cryptococcus e do grupo Black Yeast Fungi (BYF),e determinar seu perfil de sensibilidade a fármacos e fungicidas azólicos...

Environmental fungal strains are subject continuously to the wide range of humanactivities, such as exposure to fungicide, which could lead to acquired resistance to antifungal drugs with similar chemical structure and mechanism of action. Theacquired resistance to azole drugs (fluconazole, itraconazole, voriconazole, etc.)has important clinical implications. The aim of this study was to isolate and characterize melanized yeast environmental origin, gender Cryptococcus and Black Yeast Fungi group (BYF), and determine its susceptibility profile to drugs and azole fungicides...
Descritores: Antifúngicos
Cryptococcus
Resistência à Doença
Suscetibilidade a Doenças
Poluição Ambiental
Leveduras
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; W4, T147c, 2016


  3 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1085337
Autor: Cavalcanti, Jaqueline de Souza.
Título: Resistência genotípica para inibidores da integrase do HIV-1 / Genotypic resistance to HIV-1 integrase inhibitors.
Fonte: São Paulo; s.n; 2016. 108 p p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A Integrase participa de uma das etapas fundamentais para a replicação do HIV, a inserção do DNA retrotranscrito no genoma humano. Atualmente já foram licenciados três inibidores da integrase (INIs) para o uso de pacientes naïve à terapia antirretroviral ou multi-experimentados, raltegravir (RAL), elvitgeravir (EVG) e dolutegravir (DTG). Embora esses medicamentos sejam eficientes e bem tolerados, a falha terapêutica pode estar associada a seleção de mutações em pelo menos quatro vias distintas(E92Q, Q148H/R/K, N155H e menos frequente a Y143R/H/C) associadas ou não à mutações secundárias. Este estudo teve por objetivo avaliar o gene da integrase em pacientes vivendo com HIV/AIDS. Foram incluídas 265 amostras de pacientes com perfis diferentes de exposições à terapia antirretroviral (TARV): naïve de TARV (n=34), naïve para INIs (n=59), em terapia com TARV+RAL com carga viral suprimida (n=35) e em terapia com TARV+RAL com falha virológica (n=137). As amostras dos pacientes com exposição a INIs foram coletadas no período entre julho de 2009 e maio de 2015. Sequências genéticas foram submetidas à websites e ferramentas de bioinformática para a análise de resistência aos antirretrovirais e determinação de subtipos virais. Nenhuma mutação principal foi observada em amostras de pacientes naïve para INIs, porém alguns polimorfismos observados parecem estar associados a certos subtipos do HIV-1. Entre os pacientes expostos as TARV+RAL, a maioria tinham poucos antirretrovirais ativos compondo a terapia. A adesão e a viremia nas semanas 12-24 após aTARV+RAL (p<0,01) apresentaram associação à supressão viral. Mutações principais para o INIs foram observadas em 62% dos pacientes em uso de TARV+RAL. Em um paciente houve a seleção da mutação F121Y, com evolução subsequente para Y143R. Entre os pacientes com falha virológica ao TARV+RAL, 35% apresentaram resistência intermediaria ou alta ao DTG,com associação das mutações G140S/A e E138A/K (p<0,001)...
Descritores: HIV-1
Integrase de HIV
Resistência à Doença
Terapia Antirretroviral de Alta Atividade
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; w4, S376r


  4 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888832
Autor: Paulo, P D; Lima, C G; Dominiquini, A B; Fadini, M A M; Mendes, S M; Marinho, C G S.
Título: Maize plants produce direct resistance elicited by Tetranychus urticae Koch (Acari: Tetranychidae) / Plantas de milho produz resistência elicitada por Tetranychus urticae Koch (Acari: Tetranychidae)
Fonte: Braz. j. biol;78(1):13-17, Feb. 2018. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Plants can be attacked by a wide variety of herbivores. Thus, developing protective mechanisms for resistance against these agents is an advantage for survival and reproduction. Over the course of evolution, many resistance mechanisms against herbivory have been developed by the plants. Induced direct and indirect resistance mechanisms can manifest in plants after herbivore attack. The two-spotted spider mite Tetranychus urticae is not a pest of maize crops (Zea mays), despite being reported infesting plants that may have resistances against this herbivore. We tested the hypothesis that maize plants would be able to induce direct resistance against T. urticae after, evaluating the effect of T. urticae infestation in maize plants on the development and reproduction of conspecifics. We tested induced direct resistance performing infestation and measuring biological parameters upon a second infestation. Maize plants, 40 days after sowing, were divided into two groups: 30 not infested by T. urticae (clean plants clean) and, 30 infested by the spider mite. Infestation of maize plants by T. urticae reduced the conspecific female adult survival. However, no change in the survival of immature or reproduction was observed. These results suggest the induction of induced direct resistances in maize by T. urticae. This is first report of direct resistance induction in Z. mays by the two-spotted spider mite T. urticae.

Resumo As plantas podem ser atacadas por uma grande diversidade de herbívoros. Sendo assim, o desenvolvimento de mecanismos de proteção para se defenderem destes agentes é um diferencial para a sobrevivência e reprodução. Ao longo da evolução, diversos mecanismos de resistência contra herbívoria foram desenvolvidos pelas plantas. Mecanismos de resistência induzida direta e indireta podem manifestar-se em plantas após o ataque de herbívoros. O ácaro-rajado Tetranychus urticae não é uma praga na cultura da cultura do milho (Zea mays), apesar de ser relatado infestando plantas, as quais podem apresentar resistências contra tal herbívoro. Testamos a hipótese de que plantas de milho seriam capazes de induzir resistências diretas à T. urticae após o ataque, avaliando o efeito da infestação de T. urticae de plantas em milho sobre seu desenvolvimento e reprodução de coespecíficos. Testamos resistência induzida direta realizando uma infestação e medindo os parâmetros biológicos em uma segunda infestação. Plantas de milho foram divididas em dois grupos: 30 plantas não por T. urticae (plantas limpas) e 30 plantas infestadas pelo ácaro-rajado. A infestação de plantas de milho por T. urticae reduziu a sobrevivência de fêmeas adultas do coespecífico. Entretanto, não foi observada alteração na sobrevivência das formas imaturas ou reprodução. Tais resultados sugerem a indução de resistências induzida diretas em milho por T. urticae. Este é primeiro relato de indução de resistência direta em Z. mays pelo ácaro-rajado T. urticae.
Descritores: Produtos Agrícolas/fisiologia
Produtos Agrícolas/parasitologia
Zea mays/parasitologia
Tetranychidae/patogenicidade
Resistência à Doença
Infestações por Ácaros
-Zea mays/fisiologia
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-943711
Autor: Silva, Danielle Cardoso da.
Título: Caracterização do perfil de resistência da linhagem de leucemia mieloide crônica K-IM, resistente ao imatinibe / [Characterization of the resistance profile of the K-IM chronic myeloid leukemia strain, resistant to imatinib].
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2017. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O advento da terapia alvo-específica com o imatinibe (IM) transformou o panorama da resposta ao tratamento, progressão e sobrevida dos pacientes de leucemia mieloide crônica (LMC). Apesar do sucesso e do desenvolvimento de inibidores de tirosina-quinase (TKIs) mais potentes, persiste a problemática da resistência ao tratamento. A relevância do estudo dos mecanismos de resistência aos TKIs atualmente reside na frequência das falhas terapêuticas não relacionadas à mutação em BCR-ABL, o principal alvo da terapia. Tendo por finalidade estudar os diversos mecanismos que cooperam para a aquisição de resistência, foi desenvolvida em nosso laboratório uma linhagem de LMC resistente ao IM. A linhagem resistente, denominada K-IM, foi selecionada pelo cultivo dalinhagem K562 em concentrações crescentes de IM, alcançando 1,0 μM do fármaco. Sem apresentar mutação no domínio quinase de BCR-ABL, ela se constitui um bom modelo para oestudo dos outros mecanismos de resistência ao IM. A linhagem apresentou aumento nos níveis deRNA mensageiro (RNAm) de BCR-ABL que não se traduziu em aumento da atividade de Bcr-Abl ou no impedimento da sua inibição pelo tratamento com IM. A linhagem K-IM se mostrou significativamente mais resistente do que a parental. Embora o tratamento com 1,0 μM de IM tenha promovido um acúmulo de células nas fases G0/G1 do ciclo celular, não foi acompanhado deindução à morte celular nem impediu o aumento do número de células em cultura. Foram avaliadas as proteínas transportadoras de efluxo por serem determinantes para a resistência à múltiplas drogas, porém a sua atividade não foi observada na linhagem K-IM...

The advent of target-specific therapy with imatinib (IM) has transformed the scenario of response to treatment, progression and survival of patients with chronic myeloid leukemia (CML). Despite the success and development of more potent tyrosine kinase inhibitors (TKIs), the problem of resistance to treatment remains. The relevance of the study of mechanisms of resistance to TKIs currently lies in the frequency of therapeutic failures unrelated to mutation in BCR-ABL, the main target of therapy. Aiming to study the various mechanisms that cooperate for the acquisition of resistance, a CML cell line resistant to IM was developed in our laboratory. The resistant cell line, called K-IM, was selected by culturing the K562 cell line at increasing concentrations of IM, reaching 1.0 μM of the drug. Without presenting mutation in the BCRABL kinase domain, it constitutes a good model for the study of the other mechanisms ofresistance to IM. The cell line showed an increase in BCR-ABL messenger RNA (mRNA) levels which did not result in increased Bcr-Abl activity or in the impairment of its inhibition by IMtreatment. The K-IM cell line was significantly more resistant to IM than the parental cell line. Although treatment with 1.0 μM of IM promoted cell accumulation in the G0/G1 phases of the cell cycle, it was not accompanied by induction of cell death nor prevented the increase in the number of cells in culture. The efflux transporter proteins were evaluated because they aredeterminant for multidrug resistance, but their activity was not observed in the K-IM cell line. Since the antiapoptotic proteins XIAP and survivin are studied as chemoresistance factors, their mRNA and protein levels were evaluated. K-IM showed similar levels to K562 of XIAP mRNA,but showed higher survivin levels in both instances, suggesting that this protein plays a role in its resistance...
Descritores: Resistência à Doença
Mesilato de Imatinib
Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva
MAP Quinase Quinase Quinases
Proteínas Proto-Oncogênicas c-bcr
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR440.1 - Biblioteca Geraldo Matos de Sá . Hospital do Câncer I
BR440.1


  6 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
AUAD, ALEXANDER MACHADO
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-996819
Autor: Pereira, Marcelo Francisco Arantes; Favare Junior, Alvaro de; Auad, Alexander Machado; Costa, Marilia Gregolin.
Título: Survival and injuries of Deois flavopicta (Stal, 1854) in pastures under seed treatment with insecticides and dry mass yield / Sobrevivência e injúrias ocasionadas por Deois flavopicta (Stal, 1854) em pastagens submetidas a tratamento de sementes com inseticidas e produtividade de massa seca
Fonte: Arq. Inst. Biol;85:e0722016, 2018. ilus, tab.
Idioma: en.
Projeto: FAPERP.
Resumo: The present study evaluated the survival and injuries of Deois flavopicta (Hemiptera: Cercopidae) in pastures of Urochloa (Syn. Brachiaria) decumbens and U. brizantha, submitted to seed treatment with fipronil (Amulet®) and thiamethoxam (Cruiser 350 FS®), and dry mass yield. The experiment, carried out at the APTA Experimental Unity, São José do Rio Preto, SP, Brazil, was designed in randomly blocks, with six treatments (factorial 2x3) and four replications. Sowing was manual, with 12.0 kg ha-1 seeds. Twenty adults were released on the plot, in a 40x40x70 cm cage, forty-nine days after sowing. The insects were sampled every two days during twelve days, without replacement of dead insects. Injuries caused by the spittlebug were evaluated by a rating scale and by productivity (dry mass yield). Data were analyzed by F-test and means compared by Tukey's test (p≤0.05). The survival of adults was higher in the U. decumbens pasture than in the U. brizantha pasture. Results show that seed treatment with thiamethoxam reduced the survival of D. flavopicta in pasture formation, but did not influence the injuries caused by insect and the dry mass yield of forage species.(AU)

Objetivou-se avaliar a sobrevivência e injúrias causadas por Deois flavopicta (Hemiptera: Cercopidae) em pastagens de Urochloa (Syn. Brachiaria) decumbens e U. brizantha, submetidas a tratamento de sementes com fipronil (Amulet®) e tiametoxam (Cruiser 350 FS®), bem como à produtividade de massa seca. A pesquisa foi desenvolvida na Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento de São José do Rio Preto/Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, sob o delineamento de blocos ao acaso, com seis tratamentos (fatorial 2x3) e quatro repetições. A semeadura foi realizada manualmente, distribuindo 12,0 kg ha-1 de sementes. Para infestação, foram liberados 20 adultos, em gaiolas de 0,40x0,40x0,70 m, aos 49 dias após a semeadura, e a contagem dos insetos nas gaiolas foi conduzida a cada dois dias, por um período de 12 dias, sem a substituição dos insetos mortos. Em avaliação visual foram atribuídas notas de injúrias causadas pela cigarrinha-das-pastagens às gramíneas. Para produtividade, foi efetuada avaliação de massa seca. Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância pelo teste F e comparação de média pelo teste de Tukey (p≤0,05). A sobrevivência de D. flavopicta foi maior em pastagem de U. decumbens do que em U. brizantha. O tratamento de sementes com tiametoxam reduziu a porcentagem de cigarrinhas sobreviventes em pastagens em formação, embora não tenha influenciado nas injúrias causadas pelo inseto-praga e na produtividade de massa seca das forrageiras.(AU)
Descritores: Controle de Pragas
Resistência à Doença/efeitos dos fármacos
Hemípteros
Inseticidas
-Doenças das Plantas
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação


  7 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-967317
Autor: Martins, Juliana Araújo Santos; Alves, Augusto Borges e; Garcez, Michel; Juliatti, Fernando Cezar.
Título: Partial resistance of soybean lines to asian rust and white mold / Resistência parcial de linhagens de soja à ferrugem asiática e mofo branco
Fonte: Biosci. j. (Online);34(5):1281-1286, sept./oct. 2018.
Idioma: en.
Resumo: Soybean Asian rust and white mold stand out to cause great problems to soybean producing regions in Brazil. The aim of this study was to evaluate the partial resistance of soybean lines to Asian rust and white mold. In order to assess the resistance of soybean to Asian rust, 19 early maturing soybean lines were used in an experiment in a greenhouse. Four severity evaluation were carried and the area under the disease progress curve was calculated. The productivity of those lines was evaluated in the field. In a second experiment, the resistance to Sclerotinia sclerotiorum was assessed under greenhouse conditions. When the plants were in the V2 stage, the inoculation was carried by cutting the main stem and inserting a ferrule containing the fungal mycelium. Seventeen soybean lines and the controls Emgopa 316 and Nidera RR 7255 were evaluated. The averages were grouped by the Scott Knott test by using the software Assistat. The lines L203 and L279 showed partial resistance to Phakopsora pachyrhizi and good productivity. The inoculation method was efficient in assessing the resistance to S. sclerotiorum. The lines L203, L268, L266, L226, L144 and L267 were resistant to the infection of S. sclerotiorum.

A Ferrugem Asiática e o Mofo-Branco da soja se destacam por causar grandes problemas em regiões produtoras de soja do Brasil. O objetivo deste trabalho foi avaliar a resistência parcial de linhagens de soja à ferrugem asiática e ao mofo branco da soja. Para avaliação da resistência à ferrugem asiática da soja foram utilizadas 19 linhagens de ciclo precoce em ensaio em casa de vegetação. Foram realizadas quatro avaliações de severidade e calculada a área abaixo da curva de progresso da doença. Avaliou-se a produtividade dessas mesmas linhagens a campo. Em um segundo ensaio, avaliou-se a resistência à S. sclerotiorum em casa de vegetação. Quando as plantas estavam em V2 realizou-se a inoculação através do corte da haste principal e inserção de ponteira contendo o micélio do fungo. Foram avaliadas 18 linhagens de soja e duas testemunhas, Emgopa 316 e Nidera RR 7255. As médias foram comparadas pelo teste de Scott Knott, através do Assistat. As linhagens L203 e L279 demonstraram resistência parcial à P. pachyrhizi e apresentaram boa produtividade. O método de inoculação mostrou-se eficiente na avaliação da resistência à S. sclerotiorum. As linhagens L203, L268, L266, L226, L144, L267 mostraram-se resistentes à infecção por S. sclerotiorum.
Descritores: Ascomicetos
Soja
Micélio
Resistência à Doença
Phakopsora pachyrhizi
Fungos
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  8 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-968900
Autor: Castro, Ana Paula Gomes de; Costa, Anne Pinheiro; Peixoto, José Ricardo; Faleiro, Fábio Gelape; Vilela, Michelle de Souza; Vendrame, Wagner.
Título: Molecular characterization of yellow passion fruit genotypes with different yield and disease resistance levels / Caracterização molecular de genótipos de maracujazeiro azedo com diferentes níveis de produtividade e resistência a doenças
Fonte: Biosci. j. (Online);34(6 Supplement 1):168-176, nov./dec. 2018.
Idioma: en.
Resumo: Brazil is the largest passion fruit producer in the world. However, the yield is still considered low, and the cultivation of unsuitable varieties is one of the factors directly influencing this trait. As a consequence, breeding studies have been developed with the purpose of obtaining genetic materials with high yield, high fruit quality, and disease resistance. The objective of this study was to characterize and quantify the genetic variability in 18 genotypes of yellow passion fruit (Passiflora edulis Sims) with different levels of yield and disease resistance, using RAPD markers. The RAPD markers were obtained from 10 decamer primers and converted into a matrix of binary data. Estimations of the genetic dissimilarities between different genotypes and cluster analysis were performed. A total of 58 markers were generated, 63.80% of which were polymorphic. The genetic distances among genotypes varied from 0.040 to 0.354 and genotypes were subdivided into at least 5 groups of similarity. The dispersion graphs showed a low clustering tendency for yield and resistance to different diseases (septoriosis, anthracnose, scab, bacterial spot, and passion fruit woodiness disease). These results demonstrate a high genetic variability among the evaluated genotypes, which is valuable information when selecting promising materials to be used per se or as parents in genetic breeding programs.

O Brasil é o maior produtor mundial de maracujá. Entretanto, a produtividade ainda é considerada baixa e o cultivo de variedades inadequadas é um dos fatores que influenciam diretamente esta característica. Como consequência, trabalhos de melhoramento genético tem sido desenvolvidos com a finalidade de obter materiais genéticos com alta produtividade, qualidade de frutos e resistência a doenças. Este trabalho objetivou caracterizar e quantificar a variabilidade genética em 18 genótipos de maracujazeiro azedo (Passiflora edulis Sims) com diferentes níveis de produtividade e resistência a doenças, utilizando marcadores moleculares RAPD. Os marcadores RAPD, obtidos por meio de 10 iniciadores decâmeros, foram convertidos em uma matriz de dados binários. Estimativas de dissimilaridades genéticas entre os diferentes genótipos e análises de agrupamento foram realizadas. Um total de 58 marcadores foram gerados, dos quais 63,80% foram polimórficos. As distâncias genéticas entre os genótipos variaram de 0,040 a 0,354 e os genótipos foram subdivididas em pelo menos 5 grupos de similaridade. Os gráficos de dispersão mostraram uma baixa tendência de agrupamento para produtividade e resistência à septoriose, antracnose, verrugose, bacteriose e virose do endurecimento dos frutos. Estes resultados demonstram uma alta variabilidade genética entre os genótipos estudados, que é uma informação valiosa para a seleção de materiais promissores para serem utilizados per se ou como parentais em programas de melhoramento genético.
Descritores: Cruzamento
Passiflora
Resistência à Doença
Melhoramento Vegetal
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  9 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-790063
Autor: Soldatelli Pagno Paim, Roberta; Lorenzini, Elisiane.
Título: Estratégias para prevenção da resistência bacteriana: contribuições para a segurança do paciente / Estrategias para prevención de resistencia bacteriana: contribuciones para la seguridad del paciente / Strategies for prevention of bacterial resistance: contributions to patient safety
Fonte: rev. cuid. (Bucaramanga. 2010);5(2):757-764, july.-dic. 2014. ilus, graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: A resistência bacteriana tem como consequências, o aumento da morbidade, mortalidade e da internação hospitalar, o prolongamento das doenças, a perda da produtividade, o aumento dos custos e maior risco de complicações. Materiais e Métodos: Trata-se de um estudo descritivo, com abordagem qualitativa, na perspectiva de uma revisão integrativa da literatura, realizada em janeiro de 2014. Resultados e Discussão: Foram selecionados oito artigos que relatavam estratégias de prevenção da resistência bacteriana em um recorte temporal de 2008 a 2014. O uso racional de antimicrobianos, a higienização adequada das mãos, a cultura de vigilância microbiológica, a educação continuada, a desinfecção de superfícies, uso de testes de suscetibilidade, o isolamento de contato, quando indicado e a manutenção de um banco de dados, são alguns dos métodos encontrados neste trabalho para prevenir a seleção de micro-organismos resistentes. Conclusões: A diminuição do lançamento de novos antimicrobianos pela indústria farmacêutica e a necessidade de novos antibióticos reforça ainda mais a importância da conscientização de toda a equipe multidisciplinar no processo de prevenção de resistência antimicrobiana.

Introducción: La resistencia bacteriana tiene como consecuencias, el aumento de morbilidad, mortalidad y de hospitalización, prolongación de enfermedades, pérdida de productividad, aumento de los costos y mayor riesgo de complicaciones. Materiales y Métodos: Este es un estudio descriptivo con un enfoque cualitativo, en la perspectiva de una revisión integradora de la literatura, realizada en enero del 2014. Resultados y Discusión: Fueron seleccionados ocho artículos que reportan estrategias de prevención de la resistencia bacteriana en un periodo de tiempo del 2008 a 2014. El uso racional de antimicrobianos, la higiene adecuada de las manos, la cultura de vigilancia microbiológica, la educación continuada, la desinfección de superficies, el uso de pruebas de susceptibilidad, aislamiento del contacto, cuando esté indicado y el mantenimiento de una base de datos, son algunos de los métodos encontrados en este trabajo para evitar la selección de microorganismos resistentes. Conclusiones: La disminución en la liberación de nuevos antimicrobianos por la industria farmacéutica y la necesidad de nuevos antibióticos refuerza la importancia de la concientización de todo el equipo multidisciplinario en el proceso de prevención de la resistencia antimicrobiana.

Introduction: Bacterial resistance has as consequences, increased morbidity, mortality and hospitalization, the prolongation of disease, loss of productivity, increased costs and greater risk of complications. Material and Methods: This is a descriptive study with a qualitative approach, from the perspective of a integrative review of literature, held in January 2014. Results and discussion: Were selected eight articles that reported bacterial resistance prevention strategies in a timeframe of 2008 to 2014. The rational use of antimicrobials, proper hand hygiene, microbiological surveillance culture, continuing education, disinfection of surfaces, use of susceptibility tests, contact isolation, when indicated and the maintenance of a database, are some of the methods found in this work to prevent the selection of resistant microorganisms. Conclusions: the decrease in the release of new antimicrobials by the pharmaceutical industry and the need for new antibiotics further strengthens the importance of the awareness of the entire multidisciplinary team in the process of prevention of antimicrobial resistance.
Descritores: Estratégias
Farmacorresistência Bacteriana
Fenômenos Fisiológicos Bacterianos/imunologia
Programa de Controle de Infecção Hospitalar
Resistência à Doença/imunologia
Saúde Pública
Segurança do Paciente
-Antibacterianos
Epidemiologia Descritiva
Literatura de Revisão como Assunto
Serviços de Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CO646.9 - UDES - Universidad de Santander


  10 / 34 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1006523
Autor: Boiça Júnior, Arlindo Leal; Copetti, Bárbara Marcasso; Rodrigues, Nara Elisa Lobato; Bottega, Daline Benites.
Título: Resistance in cowpea cultivars to Bruchidius atrolineatus (PIC) (Coleoptera: Chrysomelidae: Bruchinae) / Resistência em cultivares de feijão-caupi a Bruchidius atrolineatus (Pic) (Coleoptera: Chrysomelidae: Bruchinae)
Fonte: Arq. Inst. Biol;83:e0132015, 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to assess the resistance in cowpea cultivars to Bruchidius atrolineatus (Pic) attack. The experiment was conducted at the Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias of Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), Jaboticabal (SP). The following cultivars were used: BR17 Gurgueia, BR3 Tracuateua, BRS Novaera, Sempre Verde, BRS Milênio, and BRS Urubuquara. The non-preference test without choice evaluated the number of viable eggs, unviable and total posed by insects in grains, after 25 days of confinement. In addition, it was observed, in a daily basis, the total dry matter consumed and dry matter consumed per insect; male and female mass; male, female and total egg-adult cycle length; male and female longevity; sex ratio; number of emerged insects and percentage of emerged insects. The non-preference test with free choice evaluated the number of viable, unviable and total eggs and adult attractiveness after 24 hours and seven days of release. Sempre Verde cultivar was the least preferred for oviposition in the test without choice and showed lower number and percentage of emerged insects. BRS Milênio had the lowest total dry mass consumed and dry mass consumed per insect.(AU)

O objetivo do presente trabalho foi avaliar a resistência em cultivares de feijão-caupi ao ataque de Bruchidius atrolineatus (Pic). O experimento foi conduzido na Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), campus de Jaboticabal/SP. Seis cultivares foram utilizados: BR17 Gurgueia, BR3 Tracuateua, BRS Novaera, Sempre Verde, BRS Milênio e BRS Urubuquara. No teste de não preferência sem chance de escolha, foram feitas as avaliações do número de ovos viáveis, inviáveis e totais colocados pelos insetos nos grãos, após 25 dias de confinamento. Nas amostras foram observadas também, diariamente, a massa seca consumida e a massa seca consumida por inseto; a massa de machos e fêmeas; o período de ovo adulto de fêmeas, machos e total; a longevidade de machos e fêmeas; a razão sexual; e a porcentagem de insetos emergidos. No teste com chance de escolha foram realizadas as contagens de ovos viáveis, inviáveis e totais e avaliada a atratividade dos adultos após 24 horas e sete dias da liberação. O cultivar Sempre Verde foi o menos preferido para oviposição, em teste sem chance de escolha, e apresentou menor número e porcentagem de insetos emergidos. Já BRS Milênio teve a menor massa seca consumida total e por inseto.(AU)
Descritores: Gorgulhos
Resistência à Doença
Vigna
-Insetos
Responsável: BR1942.1 - NID - Biblioteca - Núcleo de Informação e Documentação



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde