Base de dados : LILACS
Pesquisa : C25.100.812 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7 [refinar]
Mostrando: 1 .. 7   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 7 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1016370
Autor: Vogel, Melina; León, Felipe; Torres, Rafael; Crossley, Nicolas A.
Título: Antipsicóticos de primera y segunda generación en esquizofrenia: eficacia, efectividad y efecto de la dosis utilizada / First and second generation antipsychotics in schizophrenia: efficacy, effectiveness and effect of the dose used
Fonte: ARS med. (Santiago, En línea);42(1):41-48, 2017. Tab.
Idioma: es.
Resumo: Después de varias décadas de desarrollo de los fármacos antipsicóticos, la esquizofrenia sigue siendo en gran medida una enfermedad crónica con muchos pacientes que experimentan una mala calidad de vida. En este contexto, la aparición de los llamados antipsicóticos de segunda generación fue recibida con gran entusiasmo. Los clínicos esperaban que los nuevos antipsicóticos causaran no solamente menos efectos secundarios motores que los más antiguos, tal como la clorpromazina, sino también que mejoraran los síntomas y la funcionalidad general de los pacientes. Este artículo, de carácter narrativo, revisa cómo inicialmente la evidencia de un gran número de ensayos controlados aleatorios pareció favorecer muchas de estas suposiciones. Esta visión, sin embargo, no era universal, y algunos investigadores destacaron el potencial efecto del diseño de los estudios en los resultados. Un aspecto importante dice relación con la dosis utilizada de antipsicóticos de primera generación, siendo aquellos ensayos que usaron mayores dosis los que apoyaron el uso de antipsicóticos de segunda generación. Esta controversia se resolvió después de la publicación de tres estudios a gran escala, que incluían pacientes menos seleccionados y que enfocaban los resultados a largo plazo en un entorno clínico más "típico", los cuales no encontraron diferencias significativas entre los dos tipos de antipsicóticos. Desde entonces, las discusiones sobre la elección de los antipsicóticos han girado en torno a otros factores tales como los efectos secundarios, más que en su capacidad para controlar los síntomas.(AU)

After several decades of antipsychotic medication development, schizophrenia has largely remained a chronic disease with many patients experiencing poor quality of life. In this context, the appearance of so-called second generation antipsychotics was received with great enthusiasm. Clinicians hoped that the new antipsychotics would not only cause less motor side effects than older ones such as Chlorpromazine, but also improve patients' symptoms and overall functioning. In this narrative article we review how initially the vidence of a large number of randomized controlled trials appeared to favour many of these claims. This view was not universal though, and some researchers highlighted the potential effect of some design aspects of the trials in the results. A particular concern related to the dose of first generation antipsychotic used, with trials favouring second generation frequently using higher doses. This controversy was resolved after the publication of three large studies, including less selected patients and looking at longer-term outcomes in a more "typical" clinical setting, which failed to find significant differences between the two types of antipsychotics. Since then, discussions about the choice of antipsychotic revolve more around other factors such as side-effects than their capacity to control symptom.(AU)
Descritores: Terapêutica
Antipsicóticos
-Esquizofrenia
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CL10.1 - Biblioteca Biomédica


  2 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1019255
Autor: Marson, María Elena.
Título: Herramientas farmacométricas para antichagásicos, aplicadas a estudios fármaco y toxicocinéticos en contexto pediátrico / Pharmacometric tools for antihagasics, applied to drug and toxicokinetic studies in a pediatric context
Fonte: Acta bioquím. clín. latinoam;53(2):209-215, jun. 2019. ilus, graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: La enfermedad de Chagas afecta aproximadamente a 10 millones de personas en Sudamérica y 1,5 millones en la Argentina. La transmisión congénita es la más importante en áreas urbanas. Existen dos drogas aprobadas para el tratamiento: nifurtimox (Laboratorios Bayer) y benznidazol (BNZ) (Laboratorios Roche, LAFEPE y Elea) que fueron desarrolladas hace más de 40 años y cuya farmacología y metabolismo en humanos han sido poco estudiados. La información disponible es virtualmente inexistente en niños y mujeres embarazadas. Se busca aportar estudios sistemáticos hacia una farmacoterapéutica racional en niños ya que empíricamente ha demostrado gran efectividad. Se desarrollaron métodos bioanalíticos aplicables a matrices biológicas como plasma, orina y leche materna para las drogas madres y la identificación de metabolitos en muestras de pacientes bajo terapéutica. La farmacocinética poblacional pediátrica descripta aquí para BNZ es concluyente respecto de sus diferencias con la farmacocinética en adultos. Se identificaron tres compuestos presentados como metabolitos del BNZ. La transferencia de dicho fármaco a la leche materna no supone riesgo para el lactante. Estos resultados brindan información para mejorar los protocolos de tratamiento existentes buscando una farmacoterapéutica adaptada a la edad y un uso más seguro de los fármacos en niños y eventualmente en adultos.

Chagas disease affects approximately 10 million people in South America and 1.5 million in Argentina. Congenital transmission is most important in urban areas. There are two drugs approved for treatment: nifurtimox (Bayer) and benznidazole (BNZ) (Roche, LAFEPE, Elea),developed more than 40 years ago. Their pharmacology and metabolism in humans have been seldom studied. The information available on children and pregnant women is virtually non-existent. The aim of this study is to provide systematic studies towards a rational pharmacotherapeutic sin children, which has been empirically proven to be highly effective. Bioanalytical methods were developed for plasma, urine and breast milk for parent drugs and for the identification of their metabolites in samples of patients under treatment. The pediatric population pharmacokinetics described here for BNZ is conclusive about their differences from adult pharmacokinetics. Three compounds presented as BNZ metabolites were identified. The transfer of this drug to the breast milk does not present a risk to the infant. These evidences offer information to improve the existing treatment protocols, seeking a pharmacotherapy adapted to the age and a safer use of the drugs in children and eventually in adults.

A doença de Chagas afeta aproximadamente 10 milhões de pessoas na América do Sul e 1,5 milhão na Argentina. A transmissão congênita é a mais importante em áreas urbanas. Existem dois medicamentos aprovados para o tratamento: nifurtimox (Laboratórios Bayer) e benznidazol (BNZ) (Laboratórios Roche, LAFEPE e Elea), desenvolvidas há mais de 40 anos, e sua farmacologia e seu metabolismo em humanos têm sido pouco estudados. A informação disponível é praticamente inexistente em crianças e mulheres grávidas. O objetivo é fornecer estudos sistemáticos para uma farmacoterapêutica racional em crianças visto que foram comprovadas empiricamente como sendo altamente eficazes. Métodos bioanalíticos aplicáveis a matrizes biológicas como plasma, urina e leite materno para fármacos-mãe e para a identificação de metabólitos em amostras de pacientes em tratamento terapêutico foram desenvolvidos. A farmacocinética da população pediátrica aqui descrita para BNZ é conclusiva em relação às suas diferenças com a farmacocinética de adultos. Três compostos apresentados como metabólitos do BNZ foram identificados. A transferência do referido medicamento para o leite materno não representa risco para o lactente. Essas evidências oferecem informações para melhorar os protocolos de tratamento existentes, buscando uma farmacoterapia adaptada à idade e um uso mais seguro dos medicamentos em crianças e eventualmente em adultos.
Descritores: Toxicologia
Doença de Chagas/diagnóstico
Doença de Chagas/tratamento farmacológico
-Lactação/efeitos dos fármacos
Doença de Chagas/etiologia
Doença de Chagas/etnologia
Ações Farmacológicas
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado
Responsável: AR144.1 - CIBCHACO - Centro de Información Biomedica del Chaco


  3 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-841891
Autor: Vogel, Carina; Weber, Paula D; Lang, Carla; Baldisserotto, Bernardo.
Título: Conspecific and heterospecific alarm substances induce behavioral responses in juvenile catfish Rhamdia quelen
Fonte: Neotrop. ichthyol;15(2):e160036, 2017. graf.
Idioma: en.
Resumo: The recognition of chemical information indicating the presence of a predator is very important for prey survival. In this study we tested antipredator behavioral response of juvenile silver catfish (Rhamdia quelen) against predator odor released by two different potential predators, Hoplias malabaricus and the snake Helicops infrataeniatus, and alarm cues and disturbance cues released by conspecifics and by non-predator species, Megaleporinus obtusidens and Astyanax lacustris. We used juvenile catfish that were naive to predators. The trials consisted of a 10-min prestimulus and a 10-min post-stimulus observation period. The behavioral response displayed by silver catfish exposed to alarm cues comprised a decrease in shelter use and an increase in locomotion, and also a longer latency period before feeding. Our results showed that juvenile silver catfish can perceive chemical cues released by predators, heterospecifics and conspecifics.(AU)

O reconhecimento das informações químicas indicando a presença de predadores é muito importante para a sobrevivência da presa. Neste estudo foi testada a resposta comportamental anti-predação de juvenis de jundiás (Rhamdia quelen) a substâncias liberadas por dois predadores potenciais, Hoplias malabaricus e a cobra Helicops infrataeniatus, e substâncias de alarme liberadas por conspecíficos e pelas espécies não predadoras Megaleporinus obtusidens e Astyanax lacustris. Foram usados juvenis de jundiá que não possuíam nenhum contato prévio com predadores. Os testes consistiram em observações de períodos de 10 minutos pré estímulo e 10 minutos pós estímulo. As respostas comportamentais apresentadas pelos jundiás expostos às substâncias de alarme consistiram em diminuição no uso do abrigo, aumento na locomoção e também um longo período de latência antes de ingerir o alimento. Os resultados demonstram que juvenis de jundiá percebem substâncias químicas liberadas por predadores, heterospecíficos e conspecíficos.(AU)
Descritores: Comportamento Predatório/fisiologia
Peixes-Gato/classificação
-Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: lil-740923
Autor: Rodríguez González, Julio César; Rodeiro Guerra, Idania.
Título: El sistema citocromo P450 y el metabolismo de xenobióticos / Cytochrome P450 system and xenobiotic metabolism
Fonte: Rev. cuba. farm;48(3):495-507, jul.-set. 2014. Ilus.
Idioma: es.
Resumo: Los organismos están constantemente expuestos a una gran variedad de xenobióticos. Las enzimas citocromo P450 participan en la fase I del metabolismo de xenobióticos, incluyendo los fármacos, y en funciones biosintéticas endógenas por reacciones de oxidación, reducción e hidrólisis. En el hombre se estima que pueden metabolizar hasta dos tercios de las drogas y la mayor parte de estas reacciones ocurre en el hígado. Estas enzimas se encuentran en todos los reinos biológicos. Actualmente se conocen más de 18 000 genes citocromo P450 organizados en familias y subfamilias según el porcentaje de identidad de secuencia de sus aminoácidos, y este número aumenta cada año con el hallazgo de nuevas secuencias del genoma. Ellas son una superfamilia de hemoproteínas monooxidasas del sistema oxidasa de función mixta localizadas en las membranas del retículo endoplasmático liso y mitocondrial interna. La diversidad de reacciones que cataliza y su amplia especificidad de sustrato lo destacan como uno de los catalizadores más diversos y versátiles conocidos y juega un papel crítico en la bioquímica, farmacología y toxicología. Se realizó una búsqueda por palabras clave en las bases de datos Pubmed y Medscape en los últimos diez años. También se consultaron sitios de Internet relacionados con investigaciones del citocromo P450 como bases de datos. Esta revisión es una actualización sobre aspectos generales del citocromo P450 y comprende una breve historia de la investigación del citocromo P450, su sistema de nomenclatura estándar; y describe su multiplicidad, la distribución a nivel de órgano y localización subcelular, estructura y función.

The organisms are constantly exposed to a wide array of xenobiotics. Cytochrome P450 enzymes are involved in the phase I of xenobiotic metabolism, including pharmaceuticals, and in endogenous biosynthetic functions through oxidation, reduction reactions and hydrolysis. It is estimated that cytochrome P450 can metabolize up to two-thirds of drugs present in humans and that the bulk of these reactions occur in the liver. These enzymes are found in all biological domains. More than 18 000 cytochrome P450 genes are currently known and arranged into families and subfamilies on the basis of amino acid sequence identity percentage, and this number increases each year as new genome sequences are reported. They are a superfamily of monooxidase hemoproteins in the oxidase system with mixed functions and found on the membranes of the smooth endoplasmic reticulum and in the inner mitochondrial membrane. The diversity of reactions that catalyzes and its extensive substrate specificity turn it into one of the most diverse and versatile catalysts ever known and plays a critical role in biochemistry, pharmacology and toxicology. A keyword search was performed in Pubmed and Medscape databases in the last ten years. Websites related to cytochrome P450 research as databases were also consulted. This updated review covered general aspects of cytochrome P450, a brief history of the research on this enzyme and its standard nomenclature system, and also described its multiplicity, its distribution in body organs and its sub-cellular location, structure and function.
Descritores: Xenobióticos/farmacologia
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Limites: Seres Humanos
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  5 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-837048
Autor: Reis, Juliana Mazza.
Título: Ensaio de permeabilidade em membrana artificial paralela (PAMPA): investigação das variáveis do ensaio para o estudo da permeabilidade de fármacos / Parallel artificial membrane permeability assay (PAMPA): investigation of the assay variables in drug permeability study.
Fonte: São Paulo; s.n; 2013. 157 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O acesso à permeabilidade é uma etapa crucial na definição da via de administração de um fármaco, além de ser um dos parâmetros utilizados para a avaliação e seleção de moléculas durante as fases iniciais da pesquisa por novos fármacos. Diversos modelos in vitro têm sido descritos para a realização dos estudos de permeabilidade, mas ainda é evidente a carência de padronização de seus protocolos. O modelo de Permeabilidade em Membrana Artificial Paralela (PAMPA) é rápido e simples, podendo ser facilmente incorporado à rotina de um laboratório. Não obstante, tem apresentado excelente correlação com modelos in vitro quando na avaliação da permeabilidade de fármacos transportados pela via passiva transcelular. O principal objetivo deste trabalho foi investigar a influência das principais variáveis do método de PAMPA e seu impacto na permeabilidade de fármacos. Para tanto, foram selecionados 9 fármacos com características físico-químicas distintas, em função dos seguintes critérios: lipofilicidade (logP); Área de Superfície Polar (PSA); Volume Molecular (VM); pKa; Peso Molecular (PM); Número doadores de ligação de hidrogênio (HBD) e Sistema de Classificação Biofarmacêutica (SCB). Os fármacos selecionados foram listados quanto à sua permeabilidade em jejuno humano (Peff) e em cultura de células Caco-2, além de Fração de Absorção (FA%) em humanos. Para o estudo das variáveis da técnica de PAMPA, a ferramenta de Desenho de Experimentos (DOE) foi utilizada e as seguintes condições de ensaio foram exploradas: gradiente de pH do meio do compartimento doador, presença ou ausência de ácido glicocólico no meio do compartimento receptor, variação do tempo de incubação, presença ou ausência de agitação das placas durante a incubação e variação da composição lipídica da membrana artificial. A combinação fatorial completa das condições de ensaio a serem exploradas resultou em 96 experimentos, os quais foram executados em triplicata. Os resultados obtidos apontaram que as variações do pH do meio do compartimento doador, do tempo de incubação e da composição do meio do compartimento receptor foram as condições do ensaio de PAMPA que mais impactaram a permeabilidade dos fármacos. Os resultados obtidos nos 96 experimentos do DOE foram relacionados, a partir de regressão linear, com os parâmetros fisico-químicos e dados de permeabilidade dos fármacos do estudo. O experimento de DOE que apresentou melhor correlação com os dados de permeabilidade em jejuno humano para os fármacos contemplados neste estudo teve um R2=0,858. As condições de ensaio consideradas para este experimento foram: pH 4,5 no compartimento doador, incubação de 15 horas, ausência de agitação das placas, membrana composta por fosfatidilcolina 10% (p/v) e colesterol 0,5% (p/v) e presença de ácido glicocólico 0,5% (p/v) no compartimento receptor. Dentre as propriedades físico-químicas, o PM, PSA e VM foram propriedades comuns a grupos de fármacos cuja permeabilidade foi favorecida pelas mesmas condições de ensaio de PAMPA. Os maiores valores de permeabilidade em PAMPA foram obtidos para fármacos com Peff entre 1 e 2 *10-4 cm/s, permeabilidade em células Caco-2 entre 20 e 27 *10-6 cm/s, faixa de logP entre 0 e 3 além de PM abaixo de 300 Da e PSA abaixo de 90Å2

The permeability access is a critical step when defining the route of administration of a drug, besides from being one of the parameters considered for selecting the best candidates during the initial stages of new molecules discovery. For this reason, there is a need to implement high capacity and low cost models, which have a high correlation with in vivo permeability. Several in vitro models have been described for the studies of permeability, but the lack of standardization of protocols is still evident. Parallel Artificial Membrane Permeability Assay (PAMPA) is fast and simple and can be easily incorporated into the routine of a laboratory. Nevertheless, it has shown excellent correlation with in vitro models when evaluating the permeability of drugs that are transported primarily by passive transcellular route. The aim of this project was to investigate the influence of key variables of PAMPA on the permeability of drugs. Therefore, nine drugs with different physicochemical characteristics were selected based on the following criteria: lipophilicity (logP), Polar Surface Area (PSA), Molecular Volume (MV), pKa, Molecular Weight (MW), number of Hydrogen Bond Donors (HBD) and Biopharmaceutical Classification System (BCS). In addition, the drugs were listed for their permeability in human jejunum, Caco-2 and Fraction of Absorption (FA%) in humans. Design of Experiments (DOE) was considered to plan the PAMPA experiments, and the following assay conditions were explored: pH gradient in the donor compartment, glycocholic acid presence or absence in the acceptor compartment, variations in the incubation time, presence or absence of plate agitation and variations in the lipid composition of the artificial membranes. Full factorial combination of the assay variables resulted in 96 experiments, which were performed in triplicate. The results showed that the pH of the donor compartment, the incubation time and acceptor compartment composition were the assay conditions which most impacted the PAMPA results of drugs. The 96 DOE experiments results were then correlated, by linear regression, with both the physic-chemical and permeability data of the selected drugs. The DOE experiment that showed the best correlation with the permeability in human jejunum (R2 = 0.858) for the drugs included in this study had the following test conditions: pH 4.0 in the donor compartment, incubation of 15 hours, without plate agitation, artificial membrane composed of phosphatidylcholine 10% (w/v) and cholesterol 0.5% (w/v) in dodecane and presence of glycocholic acid 0.5% (w/v) in the receptor compartment. Among the studied physicochemical properties, the molecular weight (MW), polar surface area (PSA) and molecular volume (VM) were the best drivers for determining PAMPA most suitable assay conditions. The highest PAMPA values were obtained for drugs with Peff between 1 and 2 *10-4 cm/s and Caco-2 permeability between 20 and 27 *10-6 cm/s, besides from logP between 0 and 3, MW below 300 Da and PSA below 90Å2
Descritores: Determinação/análise
Permeabilidade/efeitos dos fármacos
-Disponibilidade Biológica
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Farmacocinética
Tipo de Publ: Técnicas In Vitro
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas


  6 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-834137
Autor: Santana, Fernanda Carvalho de.
Título: Avaliação dos compostos bioativos presentes na semente de Passiflora spp. e sua influência sobre marcadores bioquímicos, oxidativos e inflamatórios de camundongos submetidos à dieta hiperlipídica / Evaluation of bioactive compounds present in Passiflora spp. seed and its influence on oxidative stress and inflammation in a high fat-fed mice.
Fonte: São Paulo; s.n; jul. 2015. 158 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O consumo de dieta hiperlipídica e consequente acúmulo de lipídios nos adipócitos é uma condição associada ao estresse oxidativo e à perpetuação de um quadro inflamatório de leve intensidade que leva ao desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis. Uma vez que alguns componentes da dieta são reconhecidos como fortalecedores do sistema antioxidante exógeno dos organismos vivos, o objetivo deste trabalho foi investigar o efeito metabólico do extrato de sementes do gênero Passiflora sobre parâmetros bioquímicos, oxidativos e inflamatórios de camundongos submetidos a uma dieta hiperlipídica. Para tanto, inicialmente realizou-se um estudo de composição química (centesimal, teores de minerais e ácidos graxos) e de otimização da extração de sementes de P. edulis Flavicarpa para obtenção de maiores teores de compostos polifenólicos com expressiva capacidade antioxidante in vitro, segundo os parâmetros de processo tempo, temperatura e concentração de etanol. Determinada a condição ideal de extração, esta foi empregada para as demais espécies em estudo P. alata BRS Mel do Cerrado e BRS Doce Mel, P. tenuifila BRS Vita e P. edulis BRS Sol do Cerrado e BRS Gigante Amarelo e P. setacea BRS Pérola do Cerrado e foi realizada o estudo de composição química. Os extratos etanólicos obtidos possuíram interessante atividade antioxidante, com destaque para a espécie P. setacea. O composto piceatanol foi o polifenol majoritário (0,41-10,28 g/ 100 g de semente em base seca) nas sementes de Passifloras analisadas, com exceção para a amostra P. setácea BRS Vita, cujo composto de íon molecular m/z 747,2 não foi identificado. As sementes ainda apresentaram alto teor de óleo, com o ácido linoleico em sua composição, e proteína. Os extratos das sementes de P. setacea BRS Pérola do Cerrado e Passiflora edulis Flavicarpa, nas concentrações de 500 e 1000 mg/Kg de ração foram utilizados para a realização do ensaio biológico. O consumo dos extratos, dependendo da dose, apresentou efeitos biológicos importantes, tais como a diminuição das concentrações séricas de colesterol, glicose, insulina e leptina a níveis aproximados ao determinado para os animais em consumo de dieta normolipídica. Adicionalmente, verificou-se a atenuação do estresse oxidativo hepático, por elevação da atividade enzimática das enzimas catalase e glutationa peroxidase e diminuição da lipoperoxidação, e do processo inflamatório, por redução da concentração tecidual das citocinas IL-6 e MCP-1. Os resultados obtidos neste estudo contribuem para o conhecimento a respeito das passifloras brasileiras e na potencial utilização das sementes, consideradas subprodutos, na contribuição da manutenção da saúde

The consumption of a high fat diet and consequent excessive lipid accumulation in adipocytes is a condition associated with oxidative stress and perpetuation of a mild inflammatory condition that leads to the development of chronic diseases. Since some dietary components are recognized as empowering exogenous antioxidant system defenses of living organisms, the aim of this study is to investigate the metabolic effects of passion fruit seeds that possess a high content of bioactive compounds and high antioxidant capacity in vitro on oxidative stress and inflammatory conditions in mice subjected to a high fat diet. For this purpose, initially were performed a chemical composition study (proximate, minerals and fatty acids content) and extraction optimization of P. edulis Flavicarpa seed for obtaining higher levels of polyphenolic compounds with expressive antioxidant capacity in vitro through process parameters such as time temperature and ethanol concentration. Once the optimum condition of extraction was determined, it was applied to others studied species P. alata BRS Mel do Cerrado e BRS Doce Mel, P. tenuifila BRS Vita e P. edulis BRS Sol do Cerrado e BRS Gigante Amarelo e P. setacea BRS Pérola do Cerrado and the chemical composition study was carried out. The obtained ethanolic extracts had high antioxidant activity, particularly the species P. setacea. The piceatannol compound was the major polyphenol (0.41 to 10.28 g / 100 g seed in dry basis) in the analyzed Passiflora, except for the sample P. setacea BRS Vita, which molecular íon m/z 747.2 was not identified. The seeds also showed high content of oil, with linoleic acid in its composition, and protein. P. setacea BRS Pérola do Cerrado and Passiflora edulis Flavicarpa seed extracts at concentrations of 500 and 1000 mg / kg of feed were used to carry out the biological assay. The consumption of the extracts, depending on the concentration, exhibited significant biological effects, such as the reduction of serum cholesterol, glucose, insulin and leptin levels to those one observed in animals with normolipidic diet consumption. Additionally, hepatic oxidative stress was attenuated by elevating enzymatic activity of catalase and glutathione peroxidase and decrease in the lipid peroxidation and inflammation by reducing the tissue concentrations of IL-6 and MCP-1 cytokines. The results obtained in this study contributes to the knowledge of the Brazilian passiflora and potential use of the seeds, considered a by-products, in health maintenance
Descritores: Dieta Hiperlipídica/estatística & dados numéricos
Inflamação/classificação
Estresse Oxidativo
Passiflora/metabolismo
Sementes/anatomia & histologia
-Fenômenos Bioquímicos/efeitos dos fármacos
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias/análise
Nutrição em Saúde Pública
Limites: Animais
Masculino
Camundongos
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T 641.1, S232a. 30100022133-F


  7 / 7 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-758950
Autor: Edwards, Griffith; Lader, Malcolm.
Título: A natureza da dependência de drogas / The nature of drug dependence.
Fonte: Porto Alegre; Artes médicas; 1994. 285 p. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Drogas Ilícitas/história
Efeitos Colaterais Metabólicos de Drogas e Substâncias
Preparações Farmacêuticas
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR59.2 - Núcleo de Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde